TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO<br />ENSINANDO E APRENDENDO COM OS TICS <br />TEMA: A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR <br />PROFESSORA: CLI...
 OBJETIVO GERAL:<br />O objetivo geral do trabalho consiste em  orientar as crianças que ao brincar se aprende a ter regra...
Os objetivos específicos são:<br /><ul><li>Constatar como as brincadeiras dirigidas interferem na socialização da criança.
Perceber como as crianças, através das brincadeiras dirigidas, se socializam, tomam consciência do outro, obedecem a regra...
Identificar a importância das crianças obterem direitos e também deveres. </li></li></ul><li> JUSTIFICATIVA:<br />	Sabe-se...
ETAPAS DAS ATIVIDADES<br />- Explicar as crianças que a aula será um pouco diferente, onde eles irão no computador, acessa...
Duração das aulas: Três períodos de 45 minutos na sala de informática, e dois em sala de aula.<br />Recursos: computador, ...
Nesses sites foram trabalhados exercícios iniciais, cruzadinhas, jogos de montar, colorir, cálculos de adição e subtração,...
 O jogo e o brinquedo, mais do que uma forma de divertimento é um meio de compreensão e relacionamento com o ambiente que ...
Ao brincar e jogar, a criança fica tão envolvida com o que está fazendo, que coloca na ação o seu sentimento e emoção, e é...
Cabe a nós professores o papel de educar o sujeito capaz de pensar a realidade e transformá-la. Sendo que o processo de ap...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação tics

426 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
426
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação tics

  1. 1. TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO<br />ENSINANDO E APRENDENDO COM OS TICS <br />TEMA: A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR <br />PROFESSORA: CLICERIES <br />CURSISTAS: CLEONICE SCHMITZ KUNTS, DENISE ROSANE MAI, LUCIANE CARLA MAI, NADIA ULSENHEIMER<br />SÃO CARLOS,SC.<br />2011<br />
  2. 2. OBJETIVO GERAL:<br />O objetivo geral do trabalho consiste em orientar as crianças que ao brincar se aprende a ter regras, limites, raciocínio lógico, interiorizar informações, além da alfabetização em si.<br />
  3. 3. Os objetivos específicos são:<br /><ul><li>Constatar como as brincadeiras dirigidas interferem na socialização da criança.
  4. 4. Perceber como as crianças, através das brincadeiras dirigidas, se socializam, tomam consciência do outro, obedecem a regras e adquirem determinado comportamento.
  5. 5. Identificar a importância das crianças obterem direitos e também deveres. </li></li></ul><li> JUSTIFICATIVA:<br /> Sabe-se que os jogos eletrônicos são ferramentas atrativas para a criança, mas que ela não pode jamais trocá-los pelos outros jogos e brincadeiras, deixando de lado o convívio, o contato com outras crianças.<br />
  6. 6. ETAPAS DAS ATIVIDADES<br />- Explicar as crianças que a aula será um pouco diferente, onde eles irão no computador, acessar a internet, pesquisar e realizar atividades norteadas pelo professor.<br /> - Após, o tempo previsto para as atividades no computador, será feita uma explanação dos conteúdos pesquisados e das atividades realizadas, na sala de aula onde os alunos retratam o que mais gostaram e o que aprenderam de novo. E a partir disso pode-se concluir e avaliar os pontos positivos e negativos e também uma auto avaliação do desempenho da aula, e da ampliação ou não dos conhecimentos dos alunos.<br />
  7. 7. Duração das aulas: Três períodos de 45 minutos na sala de informática, e dois em sala de aula.<br />Recursos: computador, internet, caderno, lápis borracha,giz e quadro.<br /> <br />Sites pesquisados: (Goglle)<br />Zuzubalandia;<br />Jogos on-line com letras português;<br />Horas: jogo de vestir;<br />Atividades educacionais.<br />
  8. 8. Nesses sites foram trabalhados exercícios iniciais, cruzadinhas, jogos de montar, colorir, cálculos de adição e subtração, raciocínio lógico, adivinhas, cores e formas, coordenação motora, agilidade, concentração, jogo da pipoca, da matemática, da velha e da memória.<br />
  9. 9. O jogo e o brinquedo, mais do que uma forma de divertimento é um meio de compreensão e relacionamento com o ambiente que prepara a criança para a competição da vida. A brincadeira favorece a auto-estima das crianças, auxiliando-as a superar progressivamente suas aquisições de forma criativa. Brincar contribui para a interiorização de determinados modelos adultos no âmbito de grupos sociais diversos.<br />Essas significações atribuídas ao brincar transformam-no num espaço singular de constituição infantil. O faz de conta dos jogos, na sua construção e suas regras, como nos jogos da sociedade, jogos tradicionais, didáticos, corporais, propiciam a ampliação do conhecimento infantil por meio da atividade lúdica.<br />
  10. 10. Ao brincar e jogar, a criança fica tão envolvida com o que está fazendo, que coloca na ação o seu sentimento e emoção, e é o elo integrador entre os aspectos motores, cognitivos, afetivos e sociais. Por isso, partimos do pressuposto de que é brincando e jogando que a criança ordena o mundo a sua volta, assimilando experiências e informações e, sobre tudo, incorporando atividades e valores.<br /> Em toda a atividade ou experiência a criança se educa, por isso ao planejar as brincadeiras o educador estará trabalhando com a capacidade de ação, a atenção, os sentimentos, o raciocínio, os movimentos e o espírito de observação...<br />
  11. 11. Cabe a nós professores o papel de educar o sujeito capaz de pensar a realidade e transformá-la. Sendo que o processo de aprendizagem possibilita a elaboração conceitual colocando os alunos ao encontro com novos conhecimentos, oferecendo-os, destacando-os em contextos diversos, bem como analisar e organizar dentro das práticas na comunidade e na dinâmica histórica.<br /> Partilhar com os alunos informações, indagações, contradições provocando novas relações e novas oportunidades.<br />Enfim, a educação escolar deve executar a democracia e a cidadania através dos conhecimentos adquiridos e produzidos, buscando uma sociedade sem discriminação, crítica, reflexiva, dinâmica, onde todos sejam autores de sua própria história.<br />
  12. 12. "VOCÊ É RESPONSÁVEL POR TUDO AQUILO QUE CATIVA. " <br />

×