PPCP07 Cap03 Parte B

878 visualizações

Publicada em

Capacidade de Produção. Elaboração do plano de produção. Just-in-time.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
878
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
103
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PPCP07 Cap03 Parte B

  1. 1. Planejamento da produção Capítulo 3, parte BAndré Jun Nishizawa
  2. 2. Sumário Capacidade de produção Elaboração do plano de produção Just-in-timeAndré Jun Nishizawa
  3. 3. Capacidade de produção O que é capacidade de produção?André Jun Nishizawa
  4. 4. Capacidade de produção O que é capacidade de produção? É o potencial produtivo que a organização dispõe.André Jun Nishizawa
  5. 5. Capacidade de produção Essa capacidade depende de 4 fatores: capacidade instalada; mão-de-obra disponível; matéria-prima; recursos financeiros.André Jun Nishizawa
  6. 6. Capacidade instalada É a quantidade de máquinas e equipamentos que a empresa possui e o potencial de produção que eles permitem alcançar; Representa a produção possível se máquinas e equipamentos estiverem disponível e funcionando.André Jun Nishizawa
  7. 7. Mão-de-obra disponível É a quantidade de pessoas com que a empresa pode contar para executar o plano; Deve-se considerar férias, licença médica e outras ausências; Também: turn over (contratação e desligamento) e tempo de contratação.André Jun Nishizawa
  8. 8. Matéria-prima disponível É o insumo ou os insumos que os fornecedores entregam à organização; A falta desses insumos pode diminuir ou até parar a produção.André Jun Nishizawa
  9. 9. Recursos financ. disponíveis É a capacidade financeira para se investir em produção, máquinas e matérias-primas.André Jun Nishizawa
  10. 10. Capacidade de produção Capacidade instalada Capacidade Mão-de-obra disponível de produção Matéria-prima disponível Recursos financeirosAndré Jun Nishizawa
  11. 11. O plano de produção 1. Previsão de vendas é a expectativa de vendas da organização 2. Capacidade de produção é o potencial produtivo da organização 3. Disponibilidade de matérias-primas é o que se encontra no mercado fornecedor 4. Recursos financeiros é o dinheiro disponível para comprar e produzirAndré Jun Nishizawa
  12. 12. O plano de produção É o que a organização pretende produzir em um determinado período de tempo.André Jun Nishizawa
  13. 13. O plano de produção Supondo que há matéria-prima e capital teríamos que lidar com previsão de vendas e capacidade de produção da organização.André Jun Nishizawa
  14. 14. O plano de produção Contudo, o plano irá depender do tipo de sistema de produção; Sob encomenda; Em lotes; Em produção contínua.André Jun Nishizawa
  15. 15. Sistemas de produção Produção sob encomenda Produção somente após encomenda Produção se inicia após contrato Após pedido, analisa-se o trabalho a ser realizadoAndré Jun Nishizawa
  16. 16. Sistemas de produção Produção em lotes O que caracteriza? Quantidade limitada de um produto a cada vezAndré Jun Nishizawa
  17. 17. Sistemas de produção Produção contínua O que caracteriza? Produção de determinado produto, sem mudanças, por um longo período de tempo. Como o produto não muda, o processo pode ser aperfeiçoado continuamente.André Jun Nishizawa
  18. 18. O plano de produção Plano de prod. Sob encomenda da encomenda Plano Plano de prod. de Em lotes dos lotes prod. Plano de prod. Prod. contínua do períodoAndré Jun Nishizawa
  19. 19. Sob encomenda Capacidade Outras PlanoEncomenda de prod. encomendas de prod. Cada produto exige um plano de produção específico; A encomenda servirá de base para a criação do plano.André Jun Nishizawa
  20. 20. Em lotes Cada lote exige um plano específico; Este plano é integrado ao plano mestre de produção; Elabora-se o plano de produção em função dos prazos de entrada e de venda.André Jun Nishizawa
  21. 21. Produção contínua Previsão Capacidade Plano de vendas de prod. de prod. Aqui, o processo está voltado para um único produto; Assim, a produção é elaborada de acordo com unidades produzidas por dia, semana ou mês.André Jun Nishizawa
  22. 22. Alguns detalhes No sistema de produção em lotes e de produção contínua, o plano de produção se dá em função da previsão de vendas.André Jun Nishizawa
  23. 23. Alguns detalhes Capacidade de prod. Plano de prod. Previsão (o que de vendas temos de Nível de produzir) estoque (o que já temos)André Jun Nishizawa
  24. 24. Dimensionamento da carga de trabalho Deve-se dimensionar a carga de trabalho que aproveite integralmente a capacidade de produção da empresa. Não deve haver sobrecarga. Mas também não deve haver ociosidade.André Jun Nishizawa
  25. 25. Dimensionamento da carga de trabalho Sobrecarga Limite máx. Carga de trabalho Limite mín. OciosidadeAndré Jun Nishizawa
  26. 26. JIT O JIT desenvolvido na Toyota tinha o propósito de reduzir desperdício, isto é, qualquer atividade que consome recursos e não agrega valor ao produto.André Jun Nishizawa
  27. 27. JITAndré Jun Nishizawa
  28. 28. JIT Segundo Martins e Laugeni (2005), os principais alicerces do JIT são: programa mestre; kanban; tempos de preparação; funcionário multifuncional; layout; qualidade; fornecedores.André Jun Nishizawa
  29. 29. JIT Programa mestre Horizonte: 1 a 3 meses; A cada mês o programa é detalhado em bases diárias para garantir a carga uniforme para máquinas e fornecedores.André Jun Nishizawa
  30. 30. JIT Kanban (“quadro de aviso”) Cartão para retirar peças em processamento e puxá-las para a próxima estação.André Jun Nishizawa
  31. 31. JIT Tempos de preparação Devem ser reduzidos ao máximo para haver estoques menores, menores lotes e ciclos mais rápidos.André Jun Nishizawa
  32. 32. JIT Funcionário multifuncional Cada operador é polivalente para efetuar manutenção; A manutenção produtiva total entende que não há estoque suficiente para cobrir problemas na produção.André Jun Nishizawa
  33. 33. JIT Layout O estoque é baixo para manter o fluxo produtivo por poucas horas e mantido no chão de fábrica (não em almoxarifados).André Jun Nishizawa
  34. 34. JIT Qualidade o JIT é projetado para expor os erros e não os encobrir.André Jun Nishizawa
  35. 35. JIT Fornecedores são integrados ao sistema JIT; são parceiros.André Jun Nishizawa
  36. 36. “Nada lhe posso dar que já não exista em você mesmo. Não posso abrir-lhe outro mundo de imagens, além daquele que há em sua própria alma. Nada lhe posso dar a não ser a oportunidade, o impulso, a chave. Eu o ajudarei a tornar visível o seu próprio mundo, e isso é tudo.” (Herman Hesse)André Jun Nishizawa
  37. 37. Semana Data Assunto 1 6/2 Apresentação 2 13/2 Sistemas de produção 3 27/2 Sistemas de produção + Apresentação 4 5/3 Planej. e Contr. de prod. + ATPS1 5 12/3 Planej. e Contr. de prod. + Apresentação 6 19/3 Planej. da Prod. + Apresentação 7 26/3 Planej. da Prod. 8 2/4 Revisão 9 9/4 Prova + ATPS 2 10 16/4 Progr. da Prod. 11 23/4 Progr. da Prod. 12 30/4 Controle da Prod. + ATPS 3 13 7/5 Controle da Prod. 14 14/5 Controle da Prod. 15 21/5 Controle de Estoques 16 28/5 Controle de Estoques + Apresentação ATPS 4 17 4/6 Controle de Estoques 18 11/6 Prova oficial 19 18/6 Revisão 20André Jun Nishizawa 25/6 Prova substitutiva

×