Zero como conceito ótimo

600 visualizações

Publicada em

Estudando um pouco mais sobre as empresas japonesas e o seu sistema de gestão, este é o terceiro termo chave, vale conhecer.

Publicada em: Indústria automotiva
2 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Olá Cícero, bom seu comentário, concordo em termos, o que estou fazendo nos últimos três anos é estudar e muito sobre a cultura japonesa para ai sim entender onde erramos quando queremos ter uma empresa lean, o aprendizado que estou tendo é algo fantástico, para resumir em poucas palavras, antes de qualquer reação nossa, devemos olhar para o nosso umbigo, muitas vezes o fracasso começa conosco mesmo, claro que muitas vezes só de pensar em mudar uma cultura já acreditamos ser uma utopia, mas muito do que temos hoje no Brasil, já existia a 20 ou 30 anos atrás, então quem sabe daqui a 20 ou 30 anos aprenderemos? Grato por comentar e pelo tempo dedicado a leitura.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Adorei o termo ' Zero como conceito ótimo'. Mas se prepare para bater de frente com uma sociedade onde desde cedo se aprende que quanto mais melhor.
    Cícero Araújo Moura
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
600
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
32
Comentários
2
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Zero como conceito ótimo

  1. 1. GESTÃO INDUSTRIAL EM UM SISTEMA LEAN - ZERO COMO CONCEITO ÓTIMO - Jose Donizetti Moraes - 01/07/2014 BETIM , MINAS GERAIS, BRASIL “ZERO COMO CONCEITO ÓTIMO”
  2. 2. GESTÃO INDUSTRIAL EM UM SISTEMA LEAN - ZERO COMO CONCEITO ÓTIMO - Existem dez termos chave que nos ajudam a entender os sistemas de manufatura japoneses. São eles: 1. Foco na engenharia de produção (estratégia); 2. Melhoramento contínuo (cultura); 3. Zero como conceito ótimo (cultura); 4. Gerenciamento do conhecimento (cultura); Jose Donizetti Moraes - 01/07/2014 BETIM , MINAS GERAIS, BRASIL 4. Gerenciamento do conhecimento (cultura); 5. Gerenciamento visual (cultura); 6. Detalhe orientado (cultura); 7. Foco na qualidade (táticas); 8. Padronização (táticas); 9. Redução do tempo de aprovisionamento (estratégia); 10. Independência de equipamentos (tática).
  3. 3. GESTÃO INDUSTRIAL EM UM SISTEMA LEAN - ZERO COMO CONCEITO ÓTIMO - Vamos entender um pouco mais sobre o terceiro termo, o “zero como conceito ótimo”. Isto se distancia de traçar objetivos que são alcançados ou quase alcançados. É um conceito absoluto e se refere a zero defeitos, zero quebras, zero estoque ou zero reclamações do cliente. Jose Donizetti Moraes - 01/07/2014 BETIM , MINAS GERAIS, BRASIL Este foco no ZERO elimina a discussão que surge quando gerentes gastam tempo e energia discutindo qual o nível de estoque ideal ou qual o equilíbrio ideal entre controles de qualidade, análises e contramedidas com reclamações do cliente e produtos defeituosos.
  4. 4. GESTÃO INDUSTRIAL EM UM SISTEMA LEAN - ZERO COMO CONCEITO ÓTIMO - O desafio de se alcançar o ZERO é, geralmente, bastante desafiador. Não é algo que se conquista da noite para o dia e é um objetivo que é alcançado baseando-se em fundações sólidas e trabalho duro. Jose Donizetti Moraes - 01/07/2014 BETIM , MINAS GERAIS, BRASIL
  5. 5. GESTÃO INDUSTRIAL EM UM SISTEMA LEAN - ZERO COMO CONCEITO ÓTIMO - FIM Jose Donizetti Moraes - 01/07/2014 BETIM , MINAS GERAIS, BRASIL FIM

×