O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

ReproduçãO Nos Animais

Livros relacionados

Gratuito durante 30 dias do Scribd

Ver tudo
  • Seja o primeiro a comentar

ReproduçãO Nos Animais

  1. 1. REPRODUÇÃO NOS ANIMAIS
  2. 2. Comportamentos reprodutores <ul><li>No período do acasalamento, o macho e a fêmea de alguns animais têm atitudes características que constituem o seu comportamento reprodutor. </li></ul><ul><li>Este comportamento varia de espécie para espécie. Em algumas espécies, os machos lutam para defender o seu território e a posse das fêmeas. </li></ul>Noutras, as cores do corpo tornam-se mais garridas para atrair a fêmea. Noutras, ainda, libertam cheiros que atraem o outro sexo. Há ainda animais cujos machos, na época do acasalamento, fazem exibições nupciais para atrair a fêmea: cantam, emitem sons, fazem gestos, dança,… Durante a exibição nupcial , a ave-lira macho abre a sua cauda colorida junto da fêmea. O grou macho executa diante da fêmea uma exibição nupcial em convite ao acasalamento
  3. 3. Durante a época da reprodução, a abetarda macho faz grandes exibições: abre a cauda, incha o peito, arqueia as asas levantando as penas e inclina a cabeça para trás, depois roda muito lentamente sobre as patas. A abetarda realiza uma espécie de dança para atrair a fêmea. Esta dança tem o nome de “banho de espuma” pois parece realmente que a ave fica coberta de espuma e muito maior. Os rituais de acasalamento ou paradas nupciais , permitem que macho e fêmea da mesma espécie se reconheçam e que a fêmea escolha o macho com as melhores características para transmitir à descendência, bem como com maior capacidade física para defender o território e as crias.
  4. 4. O que é a reprodução ? <ul><li>É o processo pelo qual os seres vivos dão origem a outros semelhantes. </li></ul>
  5. 5. TIPOS DE REPRODUÇÃO São necessários dois indivíduos (macho e fêmea) para dar origem a um novo ser semelhante. Reprodução Assexuada É apenas necessário um indivíduo para dar origem a um novo ser semelhante. Reprodução Sexuada
  6. 6. CÉLULAS SEXUAIS Células sexuais femininas: óvulos A célula que resulta da fecundação é o ovo Células sexuais masculinas: espermatozóides Fecundação : União de um óvulo com um espermatozóide
  7. 7. FECUNDAÇÃO <ul><li>Fecundação externa </li></ul>Dá-se fora do corpo da fêmea (normalmente dentro de água – como é o caso da maioria dos peixes e dos anfíbios). Fecundação interna Dá-se dentro do corpo da fêmea.
  8. 8. DISMORFISMO SEXUAL <ul><li>Conjunto de características externas que permitem distinguir o macho da fêmea. </li></ul>O macho facilmente se distingue da fêmea pelo colorido das suas penas O macho é mais robusto e a sua cabeça é maior Não se distingue o macho da fêmea DISMORFISMO ACENTUADO DISMORFISMO POUCO ACENTUADO SEM DISMORFISMO SEXUAL
  9. 9. DESENVOLVIMENTO DO NOVO SER O novo ser desenvolve-se dentro de um ovo com casca muito fina que fica dentro do corpo da mãe O novo ser desenvolve-se fora do corpo da mãe, dentro de um ovo que lhe fornece as reservas alimentares para o seu desenvolvimento O novo ser desenvolve-se no interior do corpo da mãe e à custa dos materiais (nutrientes) que esta lhe fornece OVOVIVÍPAROS OVÍPAROS VÍVIPAROS
  10. 10. DESENVOLVIMENTO APÓS O NASCIMENTO Alguns animais, ao nascer, têm já uma forma semelhante à do ser adulto. Há, contudo, outros animais que sofrem grandes transformações até atingirem a forma adulta. O novo ser nasce com um aspecto diferente dos progenitores, sofrendo transformações internas e externas até se tornar adulto. Se o novo ser nasce semelhante aos progenitores. DESENVOLVIMENTO INDIRECTO DESENVOLVIMENTO DIRECTO
  11. 11. METAMORFOSES Chamam-se metamorfoses às profundas mudanças de forma que sofrem alguns animais, desde o nascimento até ao estado adulto. Quando os indivíduos passam directamente da fase larvar à fase adulta. Exemplo: gafanhoto. Quando as transformações apresentam as fases - Larva, ninfa e adulto. Exemplo: borboleta. INCOMPLETA COMPLETA
  12. 12. METAMORFOSE DA BORBOLETA A) Ovo da borboleta B) Lagarta C) Preparando o casulo D e E) Dentro do casulo (crisálida) F,G e H) Rompendo a cutícula da crisálida I) Borboleta pronta para voar  
  13. 13. METAMORFOSE DO GAFANHOTO
  14. 14. METAMORFOSE DA RÃ

    Seja o primeiro a comentar

    Entre para ver os comentários

  • lisabete

    Oct. 6, 2009
  • NJSSB

    Jan. 31, 2010
  • n1a9n7i9

    Oct. 26, 2010
  • mjagualuza

    Nov. 8, 2010
  • dulcemanu

    Nov. 23, 2010
  • serafims

    Sep. 27, 2011
  • silvinha33

    Nov. 24, 2011
  • carlagomes72

    Dec. 1, 2011
  • anapaulalucas

    Mar. 8, 2012
  • luciahelenasoares7

    May. 13, 2012
  • willdede

    Jun. 14, 2012
  • ARTEBIGLEO25

    Sep. 9, 2012
  • LiciniaSemitela

    Oct. 9, 2012
  • RitaFarrpo

    Nov. 4, 2012
  • susanasantos71697

    Jan. 3, 2013
  • IsabelRibeiro1

    Jan. 7, 2013
  • AidaSantos1

    Sep. 6, 2013
  • mmm3

    Feb. 18, 2016
  • marianamendes53

    Apr. 21, 2016
  • josevota

    Sep. 5, 2017

Vistos

Vistos totais

92.562

No Slideshare

0

De incorporações

0

Número de incorporações

40.048

Ações

Baixados

1.988

Compartilhados

0

Comentários

0

Curtir

24

×