Ad01

266 visualizações

Publicada em

A FORMAÇÃO DE PROFESSORES COM OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
266
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ad01

  1. 1. A FORMAÇÃO DE PROFESSORES COM OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS HÉLCIO DOS SANTOS LICENCIATURA EM PEDAGOGIA UERJ 20082208202 Pólo Resende
  2. 2. A EDUCAÇÃO ON LINE E A SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO <ul><li>Atualmente, a sociedade está inserida em um contexto de acesso fácil a informação. E é justamente este o desafio para a formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais : aprender a gerenciar o processo de aprendizagem a distância, na transição para a Sociedade da Informação. </li></ul>
  3. 3. BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA <ul><li>A partir do século XVIII, o meio de comunicação mais utilizado pelo sistema de ensino a distância foi o correio impresso; </li></ul><ul><li>O telefone como meio instrucional popularizou-se nos últimos 48 anos, sobretudo nos países onde o desenvolvimento tecnológico fez do telefone um meio de comunicação relativamente barato e acessível à grande maioria da população; </li></ul><ul><li>No Brasil, há programas de TV de ensino médio, técnico profissionalizante desde o final do século XX; </li></ul><ul><li>Durante a década de 1980, aconteceram, no Brasil, várias iniciativas frustradas para a criação de uma Universidade Aberta a Distância. Nesse período, a Universidade de Brasília criou um centro para desenvolver cursos de extensão sob a modalidade à distância, o que representou um grande avanço; </li></ul><ul><li>Entretanto com o surgimento da Internet é que a educação a distância foi consolidada, pois desta forma o aluno pode se interagir com alunos e tutores quase em tempo real, utilizando chats, por exemplo. </li></ul>
  4. 4. A GLOBALIZAÇÃO E A EAD <ul><li>Anteriormente à EAD o ensino presencial possuía uma interação com os alunos na sala de aula e a escola. Contudo com o surgimento da EAD tornou-se possível a comunicação entre alunos de diversas cidades e pólos, isso permitiu uma interação mais ampla resultando em uma visão de mundo mais abrangente, quando realizada de maneira que supere a distância geográfica entre aprendizes e professor; </li></ul>
  5. 5. A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E AS TECNOLOGIAS DIGITAIS <ul><li>Atualmente há um grande incentivo digital para a formação de professores que é claramente demonstrado em educacionais de grande magnitude como a Universidade Aberta do Brasil (UAB), contudo não se pode esquecer que a educação a distância exige critérios administrativos específicos como também há desafios na formação de professores com o uso das tecnologias digitais; </li></ul>
  6. 6. DESAFIOS DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES COM O USO DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS <ul><li>Educar ou aprender em ambientes virtuais exige mais dedicação do professor e do aluno, bem como um acompanhamento cuidadoso, entretanto isto permite aos alunos um ganho grande de personalização da aprendizagem, de adaptação ao seu ritmo de vida, principalmente na fase adulta. </li></ul><ul><li>O professor deve ter em mente que na modalidade a distância, seu papel muda de transmissor do conhecimento para facilitador de produção estudantil, fornecendo meios para que o aluno crie sua própria linha de pensamento; </li></ul><ul><li>Conceituar a Educação à Distância como uma prática pedagógica que permite um equilíbrio entre as necessidades e habilidades individuais e as do grupo . </li></ul>
  7. 7. CONCLUSÃO <ul><li>A EAD juntamente com a inclusão digital ainda apresenta vários aspectos desafiantes para a formação de professores bem com a formação de alunos, porém os benefícios que podem ser alcançados se vencido tais desafios podem provocar uma mudança na sociedade da informação. </li></ul>
  8. 8. REFRÊNCIAS <ul><li>CASTRO, C.M.; GUARANYS, L.O. O ensino por correspondência: uma estratégia do desenvolvimento educacional no Brasil. Manuscrito. Rio de Janeiro, 1977. </li></ul><ul><li>LANDIM, Claudia Maria Ferreira. Educação a distância: algumas considerações. Rio de Janeiro, s/n, 1997. </li></ul><ul><li>SILVA, Marco. SANTOS, Edméia. A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais. In Paidei@ Revista Científica de Educação a Distância; </li></ul>

×