Aula a água e os assentamentos humanos

7.212 visualizações

Publicada em

Aula de Geografia 6º anos.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.212
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
210
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula a água e os assentamentos humanos

  1. 1. Prof. Gilberto Pires
  2. 2. Geo = terra ; Grafia = estudo Geografia é a ciência que estuda a terra, a interação entre os grupos humanos e destes com o meio em que vivem.
  3. 3. Espaço geográfico  È a natureza transformada pelo trabalho dos seres humanos, um conjunto constituído por diferentes paisagens. Este pode ser grande ou pequeno, movimentado ou não apresentando elementos naturais ou culturais e elementos invisíveis. O espaço é construído e reconstruído permanentemente pelo trabalho humano e pela natureza.
  4. 4. Lugar Pode-se dizer que lugar é uma porção ou parte do espaço onde vivemos em interação com uma paisagem (...), lugares com os quais criamos uma identidade, ou seja, que tem importância e significado para nós.
  5. 5.  A Terra é vista do espaço como um planeta azul por ser praticamente 70% coberta por superfícies aquosas. Além disso, veremos como as formas de uso dos recursos hídricos se transformam ao longo da história humana.
  6. 6. Ciclo das águas:
  7. 7. Apesar da abundância dos recursos hí­dricos na Terra, sua distribuição é bastante desigual pelos continentes.
  8. 8.
  9. 9. Segundo a Associação de Defesa e Orientação do Cidadão a respeito do consumo residencial de água: Cinco minutos com a torneira do banheiro meio aberta - 80 litros; 15 minutos de banho de chuveiro - 144 litros; seis segundos de válvula da descarga - 30 litros; 15 minutos com a torneira da cozinha aberta - 243 litros; lavadora de roupas de cinco quilos - 135 litros; 15 minutos com a torneira do tanque aberta - 279 litros; 30 minutos com a mangueira aberta para lavar o carro - 216 litros; 15 minutos com o esguicho aberto para lavar a calçada - 243 litros.
  10. 10. Que medidas tomar, para um consumo mais responsável e economizar o volume de água no seu dia a dia?
  11. 11. Viver sem água? 
  12. 12. A água e os assentamentos humanos:  Muitas cidades na Antiguidade surgiram ao redor de rios localizados no norte da África e na Ásia;  núcleos urbanos que surgiram às margens do Rio Nilo, como Tebas, Luxor, Mênfis e Assua;  outro exemplo são os rios Tigre e Eufrates, em cujas margens surgiram as cidades de Ur, Lagash, Nínive, Mari e Kish; na Índia, os núcleos urbanos às margens do Rio Indo e, na China, ao redor dos rios Huang-ho e Yang tsé-kiang.
  13. 13. O rio Nilo foi muito importante para a civilização que se desenvolveu no Egito antigo e ainda tem grande importância ecológica e econômica. Até atingir sua foz, no Mar Mediterrâneo, o Nilo percorre uma região desértica. Do ponto de vista ecológico, são suas águas que mantêm a vida naquela região. Sem ele não teria havido condições para o desenvolvimento da agricultura. O Nilo foi também fundamental para a comunicação entre diferentes assentamentos humanos pertencentes à civilização egípcia.
  14. 14.  O rio Nilo, nasce na África Central, sendo chamado de Nilo Branco, transforma-se em Nilo Azul no atual Sudão e depois se ramifica num gigantesco delta que se lança no Mar Mediterrâneo. Com seus seis mil e setecentos quilômetros, é conhecido como tendo o curso mais longo do mundo.Sem o Rio Nilo, o Egito seria uma vasta extensão desértica e estéril, que provavelmente jamais teria dado origem a uma civilização brilhante e avançada. As terras aráveis eram tão raras e preciosas na região que, no decorrer do tempo, foram todas exploradas e cultivadas, em prejuízo da vegetação nativa , como caniços, lótus e papiros e dos muitos hipopótamos e crocodilos que povoavam o rio. Essa estreita faixa de terra que culmina no delta era fertilizada uma vez por ano, de agosto a setembro, por grandes cheias. Isto ocorria devido à grande quantidade de chuvas que abatiam-se sobre as montanhas na Etiópia, na cabeceira do rio, e levavam consigo uma enorme massa de água e lama, que se derramava por todo o vale. Ao término da inundação, o Nilo voltava ao seu leito, abandonando uma espessa camada de terra negra, o humo, próprio para o cultivo agrícola.
  15. 15. Em áreas mais planas, os rios inundam uma extensa área ao seu redor nos períodos das cheias. Nos períodos da estiagem, o volume das águas diminui, expondo os solos de sua várzea. É o que acontece com o Rio Amazonas.
  16. 16. Parte das populações ribeirinhas amazônicas se pro­tege dos efeitos potencialmente danosos das variações sazonais do rio construindo palafitas:
  17. 17. Fontes: Caderno do aluno 2014 disponível em < https://docs.google.com/file/d/0B0pn-iEbiKlDYTc0MmNhMTItYzBhZC00Mjc0LWI3M2QtOWNhNzJjMzBhNmI4/> acessado em 27/08/2014.  Currículo Geografia, São Paulo.

×