• Nascimento: 29 de janeiro
de 1688 (Estocolmo)
• Morte: 29 de março de
1772 (Londres)
• Engenheiro de minas;
engenheiro m...
• “O mundo para onde vamos após a morte, consiste de várias esferas,
representando outros tantos graus de luminosidade e d...
• “Havia anjos e demônios, mas não eram de ordem diversa da nossa: eram
seres humanos, que tinham vivido na Terra e que ou...
• Em 11 de dezembro de 1847, a
família Fox instalou-se em
modesta casa no vilarejo de
Hydesville, Estado de New York,
dist...
• Quando engrenaram no trabalho da
mediunidade, Kate, Margaret e
Leah, ainda eram novas e
inexperientes. Faltavam-lhes
con...
• Nascido em 17 de junho de 1832
em Londres e faleceu em 4 de
abril de 1919.
• Membro da Sociedade Real; Royal Gold
Medal;...
• “... Fez sessões quase que
todas as noites em minha casa,
a fim de me permitir fotografá-
la à luz artificial...”
• “......
• “... Quero afirmar que vi Miss Cook e Miss Katie
juntas, no mesmo momento, sob a luz de uma
lâmpada de fósforo, que era ...
• Edward Iring
• D. D. Home
• Irmãos Davenport
• Irmãos Eddy e os Holmes
• Henry Slade e o Doutor Monck
• Eusapia Palladin...
• Diferença entre o Espiritismo Latino e o Anglo-Saxônico
• “Este trabalho (pesquisar fenômenos espíritas), que se limita ...
• Em 1865 aparece o primeiro jornal espírita “Psyche”.
• Na Alemanha, teve o Espiritismo uma tradição de especulação
místi...
A História do Espiritismo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A História do Espiritismo

273 visualizações

Publicada em

Como surgiu a Doutrina Espírita? Quais os fenômenos que possibilitaram a construção da Doutrina que temos hoje? Não deixe de conferir isso nesse trabalho

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
273
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A História do Espiritismo

  1. 1. • Nascimento: 29 de janeiro de 1688 (Estocolmo) • Morte: 29 de março de 1772 (Londres) • Engenheiro de minas; engenheiro militar; Grande autoridade em Física e Astronomia; Zoologista e anatomista; Financista e político; profundo estudioso da Bíblia.
  2. 2. • “O mundo para onde vamos após a morte, consiste de várias esferas, representando outros tantos graus de luminosidade e de felicidade; cada um de nós irá para aquela a que se adapta a nossa condição espiritual. Somos julgados automaticamente, por uma lei espiritual das similitudes.” • “Viu casas onde viviam famílias, templos onde praticavam o culto, auditórios onde se reuniam para fins sociais, palácios onde deviam morar os chefes.”
  3. 3. • “Havia anjos e demônios, mas não eram de ordem diversa da nossa: eram seres humanos, que tinham vivido na Terra e que ou eram almas retardatárias, como demônios, ou altamente desenvolvidas, como anjos.” • “Não havia penas eternas. Os que se achavam nos infernos podiam trabalhar para sua saída, desde que sentissem vontade. Os que se achavam no céu não tinham lugar permanente: trabalhavam por uma posição mais elevada.”
  4. 4. • Em 11 de dezembro de 1847, a família Fox instalou-se em modesta casa no vilarejo de Hydesville, Estado de New York, distante cerca de 30 km da cidade de Rochester. • A casa já era “mal-assombrada” • A noite das primeiras transcomunicações
  5. 5. • Quando engrenaram no trabalho da mediunidade, Kate, Margaret e Leah, ainda eram novas e inexperientes. Faltavam-lhes conhecimento sobre o mundo espiritual. • “Aqueles que falam do perigo da mediunidade, e, particularmente, da de efeitos físicos, deveriam apontar como exemplo as Irmãs Fox.”
  6. 6. • Nascido em 17 de junho de 1832 em Londres e faleceu em 4 de abril de 1919. • Membro da Sociedade Real; Royal Gold Medal; Davy Medal; Sir Joseph Copley Medal; nomeado cavaleiro pela rainha Vitória; Ordem do Mérito; já foi presidente de Royal Society, Chemical Society, Institution of Electrical Engineers, British Association e Society for Psychical Research.
  7. 7. • “... Fez sessões quase que todas as noites em minha casa, a fim de me permitir fotografá- la à luz artificial...” • “... Cada noite havia três ou quatro tomadas de fotografias em cinco máquinas, obtendo-se pelo menos quinze fotografias separadas em cada sessão.”
  8. 8. • “... Quero afirmar que vi Miss Cook e Miss Katie juntas, no mesmo momento, sob a luz de uma lâmpada de fósforo, que era suficiente para que visse distintamente...” • “... Nessa ocasião o rosto de Miss Cook não era visível, pois sua cabeça ficava envolta num xale grosso, mas eu, principalmente, tinha a satisfação de verificar que ela lá estava. Uma tentativa de dirigir a luz sobre a sua face descoberta, quando em transe, teve sérias consequências.”
  9. 9. • Edward Iring • D. D. Home • Irmãos Davenport • Irmãos Eddy e os Holmes • Henry Slade e o Doutor Monck • Eusapia Palladino • Grandes médiuns de 1870 a 1900: Charles Foster, Madame d’Esperance, William Eglinton, Stainton Moses
  10. 10. • Diferença entre o Espiritismo Latino e o Anglo-Saxônico • “Este trabalho (pesquisar fenômenos espíritas), que se limita às grandes correntes da história psíquica, dificilmente comportaria referências a regatos e meandros de cada região do globo. Tais manifestações seriam, invariavelmente, repetições ou variantes do que já foi descrito.”
  11. 11. • Em 1865 aparece o primeiro jornal espírita “Psyche”. • Na Alemanha, teve o Espiritismo uma tradição de especulação mística e de experiência mágica, que deveria ser considerada uma preparação para a revelação definitiva. • Paracelso, Cornelius, Agripsa, Van Helmont e Jacob Boehme se acham entre os pioneiros do espiritismo no país, sentindo o seu caminho fora da matéria, embora vago o objetivo que tivessem atingido. • A evolução do Espiritismo na Alemanha esteve sempre relacionada à da Psicologia.

×