Migrações

7.718 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.718
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
69
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
128
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Migrações

  1. 1. Agrupamento de Escolas Serra da GardunhaEscola Básica Serra da GardunhaAno Lectivo 2010 / 2011Geografia – 8º Ano<br />Mobilidade da População<br />Migrações<br />Material de apoio às aulas<br />
  2. 2. Principais fluxos migratórios<br />O número de migrantes internacionais tem vindo sempre a aumentar; uma das causas para este aumento dos movimentos migratórios é o forte crescimento demográfico.<br />O constante aumento do número de imigrantes tem levado alguns países desenvolvidos a adoptarem leis de controlo da imigração cada vez mais rígidas. Contudo, a imigração clandestina não pára de aumentar.<br /><ul><li>Principais áreas de chegada:
  3. 3. América do Norte – recebe imigrantes de todo o mundo mas principalmente da América Latina;
  4. 4. Europa Ocidental e Central – sobretudo os países da UE, recebem imigrantes principalmente de África e da Ásia e também da Europa Oriental;
  5. 5. Estados do Golfo - Península Arábica;
  6. 6. Austrália – recebe sobretudo da Ásia meridional e do Sudeste.</li></li></ul><li>Principais fluxos migratórios<br /><ul><li>Principais áreas de partida:
  7. 7. América Latina;
  8. 8. Norte de África; África Ocidental; África Central e Austral;
  9. 9. Sul e Sudeste da Ásia;
  10. 10. Europa Oriental;</li></li></ul><li>Portugal: país de origem / país de destino<br />Ver págs. 60 / 61<br /><ul><li>A emigração portuguesa iniciou-se com as descobertas marítimas.
  11. 11. Ao longo do tempo os destinos foram variando:
  12. 12. Até 1960, destacavam-se destinos como o Brasil e o Canadá para os emigrantes portugueses;
  13. 13. A partir de 1960, os portugueses passaram a preferir os países da Europa Ocidental, especialmente a França e a Alemanha.
  14. 14. Nas últimas décadas, tem aumentado aimigração em Portugal:
  15. 15. A maioria dos imigrantes vem dos PALOP (Países africanos de língua oficial portuguesa), do Brasil e da Europa Oriental.</li></li></ul><li>Causas das Migrações<br />Ver página 54.<br />
  16. 16. Migrações internas<br />Êxodo rural<br />O desenvolvimento industrial levou a que uma grande parte da população rural se dirigisse para a cidade à procura de emprego e de melhores condições de vida;<br />Causas do êxodo rural:<br />Baixos salários e reduzido poder de compra dos camponeses;<br />Os camponeses estão sujeitos a trabalhos precários e sem férias;<br />Desemprego motivado pela mecanização da agricultura;<br />Falta de boas vias de comunicação e meios de transporte;<br />Dificuldade de acesso a serviços como cuidados médicos, ensino secundário e superior, cinema, …<br />Nos países desenvolvidos, este movimento tem vindo a diminuir e começa a verificar-se o movimento contrário:<br /><ul><li>Êxodo urbano
  17. 17. A saturação das cidades e a perda de qualidade de vida (congestionamento do trânsito, poluição atmosférica, sonora,…) contribuem para a saída de alguma população para o espaço rural.
  18. 18. Movimentos pendulares
  19. 19. São possíveis devido ao desenvolvimento dos transportes;
  20. 20. Provocam congestionamentos de trânsito nas “horas de ponta” na entrada e na saída da cidade.</li></li></ul><li>Consequências das Migrações<br />Ver páginas 56 / 57.<br />

×