SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Secretaria do
Estado de
Educação -
MS
ESCOLA ESTADUAL MARECHAL RONDON
Aluno (a):
Turma: 3º A Ensino Fundamental I Data : 29/11/16
Profª Carina Valor 0 -
10
NOTA:
Avaliação de Língua Portuguesa
A Lebre e a Tartaruga
Um dia, uma lebre começou a contar vantagem dizendo que corria muito depressa, que a tartaruga era muito mole, e
enquanto ela falava, a tartaruga ria e ria da lebre. Mas a lebre ficou mesmo impressionada foi quando a tartaruga
resolveu apostar corrida com ela.
`` Deve ser só uma brincadeira!”, Pensou a lebre.
A raposa era o juiz e recebia as apostas. A corrida começou, e na mesma hora, claro, a lebre passou à frente da
tartaruga. O dia estava quente, por isso lá pelo meio do caminho a lebre teve a idéia de brincar um pouco. Depois de
brincar, resolveu tirar uma soneca à sombra fresquinha de uma árvore.
“Se por acaso a tartaruga me passar, é só correr um pouco e fico na frente de novo”, pensou a lebre.
A lebre achava que não ia perder aquela corrida de jeito nenhum, enquanto isso, lá vinha a tartaruga com seu jeitão,
arrastando os pés, sempre na mesma velocidade, sem descansar nem uma só vez, só pensando na chegada. Ora, a lebre
dormiu tanto que se esqueceu de prestar atenção na tartaruga. Quando ela acordou: Cadê a tartaruga? Bem que a lebre se
levantou e saiu zunindo, mas nem adiantava! De longe ela viu a tartaruga esperando por ela na linha de chegada.
Esopo
Responda
1- Qual é o título do texto?
2- Quem é o autor?
3- Quantos parágrafos têm no texto?
4- Quais são os personagens da história?
5- Esse texto é:
a) Piada
b) Fábula
c) Conto popular
6- Porque a lebre contou vantagem com a tartaruga?
7- Quando a lebre ficou impressionada com a tartaruga?
8- Quem era o juiz da corrida?
9- Porque a lebre perdeu a corrida?
10- Qual é a moral da história?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (15)

O sapo-apaixonado
O sapo-apaixonadoO sapo-apaixonado
O sapo-apaixonado
 
Imagem4
Imagem4Imagem4
Imagem4
 
O Sapo Apaixonado
O Sapo ApaixonadoO Sapo Apaixonado
O Sapo Apaixonado
 
Osapoapaixonado
OsapoapaixonadoOsapoapaixonado
Osapoapaixonado
 
Fábulas - Alunos do 5º ano GECPS
Fábulas - Alunos do 5º ano GECPSFábulas - Alunos do 5º ano GECPS
Fábulas - Alunos do 5º ano GECPS
 
Fábulas do 5º ano E
Fábulas do 5º ano EFábulas do 5º ano E
Fábulas do 5º ano E
 
Livro fábulas
Livro fábulasLivro fábulas
Livro fábulas
 
Livro fábulas
Livro fábulasLivro fábulas
Livro fábulas
 
Fábuals do 5º ano E
Fábuals do 5º ano EFábuals do 5º ano E
Fábuals do 5º ano E
 
CHAPEUZINHO VERMELHO
CHAPEUZINHO VERMELHOCHAPEUZINHO VERMELHO
CHAPEUZINHO VERMELHO
 
História de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar
História de uma gaivota e do gato que a ensinou a voarHistória de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar
História de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar
 
Semana da leitura
Semana da leituraSemana da leitura
Semana da leitura
 
Livro nossas fabulas 2013
Livro nossas fabulas 2013Livro nossas fabulas 2013
Livro nossas fabulas 2013
 
Mata dos Medos
Mata dos MedosMata dos Medos
Mata dos Medos
 
Arte14
Arte14Arte14
Arte14
 

Semelhante a Prova de l. portuguesa

A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaAna Teresa
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaHelena Maia
 
Recontando em português as fábulas de la fontaine
Recontando em português as fábulas de la fontaineRecontando em português as fábulas de la fontaine
Recontando em português as fábulas de la fontaineIsabel DA COSTA
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaSuzy Santana
 
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá" "O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá" inessalgado
 
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa MLURBANO
 
Leitura e interpretacao_de_textos
Leitura e interpretacao_de_textosLeitura e interpretacao_de_textos
Leitura e interpretacao_de_textosMarcos Ataide
 
Leitura e interpretação de texto
Leitura e interpretação de textoLeitura e interpretação de texto
Leitura e interpretação de textoAugusto Bertotto
 
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02mariacarmcorreia
 
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02Sonia Ramos
 

Semelhante a Prova de l. portuguesa (20)

4B
4B4B
4B
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartaruga
 
Atividades fábulas
Atividades fábulasAtividades fábulas
Atividades fábulas
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartaruga
 
Livro nossas fabulas 2013
Livro nossas fabulas 2013Livro nossas fabulas 2013
Livro nossas fabulas 2013
 
Livro eletrônico
Livro eletrônicoLivro eletrônico
Livro eletrônico
 
Aprendendo
 Aprendendo Aprendendo
Aprendendo
 
Recontando em português as fábulas de la fontaine
Recontando em português as fábulas de la fontaineRecontando em português as fábulas de la fontaine
Recontando em português as fábulas de la fontaine
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartaruga
 
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá" "O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
 
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
Trabalho do Gestar II de Língua Portuguesa
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartaruga
 
Atividades Proalfa
Atividades ProalfaAtividades Proalfa
Atividades Proalfa
 
A lebre e a tartaruga
A lebre e a tartarugaA lebre e a tartaruga
A lebre e a tartaruga
 
Fabulas de-sempre
Fabulas de-sempreFabulas de-sempre
Fabulas de-sempre
 
O sapo apaixonado
O sapo apaixonadoO sapo apaixonado
O sapo apaixonado
 
Leitura e interpretacao_de_textos
Leitura e interpretacao_de_textosLeitura e interpretacao_de_textos
Leitura e interpretacao_de_textos
 
Leitura e interpretação de texto
Leitura e interpretação de textoLeitura e interpretação de texto
Leitura e interpretação de texto
 
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
 
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
Leituraeinterpretacaodetextos 140507190836-phpapp02
 

Mais de Maria Aparecida Borges

3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx
3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx
3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docxMaria Aparecida Borges
 
Revisão 5 exercícios de leitura de gráficos (1)
Revisão 5   exercícios de leitura de gráficos (1)Revisão 5   exercícios de leitura de gráficos (1)
Revisão 5 exercícios de leitura de gráficos (1)Maria Aparecida Borges
 
Desengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranja
Desengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranjaDesengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranja
Desengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranjaMaria Aparecida Borges
 

Mais de Maria Aparecida Borges (6)

3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx
3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx
3- SISTEMA DE CRENÇAS E PRÁTICA EDUCATIVA.docx
 
Aula 3 protagonismo juvenil
Aula 3   protagonismo juvenilAula 3   protagonismo juvenil
Aula 3 protagonismo juvenil
 
Separação de silabas complexas
Separação de silabas complexas Separação de silabas complexas
Separação de silabas complexas
 
Revisão 5 exercícios de leitura de gráficos (1)
Revisão 5   exercícios de leitura de gráficos (1)Revisão 5   exercícios de leitura de gráficos (1)
Revisão 5 exercícios de leitura de gráficos (1)
 
Desengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranja
Desengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranjaDesengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranja
Desengordurante ecológico feito instantaneamente com cascas de laranja
 
1º a regi
1º a   regi1º a   regi
1º a regi
 

Último

Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoSilvaDias3
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de PartículasRecurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de PartículasCasa Ciências
 

Último (20)

Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de PartículasRecurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
 

Prova de l. portuguesa

  • 1. Secretaria do Estado de Educação - MS ESCOLA ESTADUAL MARECHAL RONDON Aluno (a): Turma: 3º A Ensino Fundamental I Data : 29/11/16 Profª Carina Valor 0 - 10 NOTA: Avaliação de Língua Portuguesa A Lebre e a Tartaruga Um dia, uma lebre começou a contar vantagem dizendo que corria muito depressa, que a tartaruga era muito mole, e enquanto ela falava, a tartaruga ria e ria da lebre. Mas a lebre ficou mesmo impressionada foi quando a tartaruga resolveu apostar corrida com ela. `` Deve ser só uma brincadeira!”, Pensou a lebre. A raposa era o juiz e recebia as apostas. A corrida começou, e na mesma hora, claro, a lebre passou à frente da tartaruga. O dia estava quente, por isso lá pelo meio do caminho a lebre teve a idéia de brincar um pouco. Depois de brincar, resolveu tirar uma soneca à sombra fresquinha de uma árvore. “Se por acaso a tartaruga me passar, é só correr um pouco e fico na frente de novo”, pensou a lebre. A lebre achava que não ia perder aquela corrida de jeito nenhum, enquanto isso, lá vinha a tartaruga com seu jeitão, arrastando os pés, sempre na mesma velocidade, sem descansar nem uma só vez, só pensando na chegada. Ora, a lebre dormiu tanto que se esqueceu de prestar atenção na tartaruga. Quando ela acordou: Cadê a tartaruga? Bem que a lebre se levantou e saiu zunindo, mas nem adiantava! De longe ela viu a tartaruga esperando por ela na linha de chegada. Esopo Responda 1- Qual é o título do texto? 2- Quem é o autor? 3- Quantos parágrafos têm no texto? 4- Quais são os personagens da história? 5- Esse texto é: a) Piada b) Fábula c) Conto popular 6- Porque a lebre contou vantagem com a tartaruga? 7- Quando a lebre ficou impressionada com a tartaruga? 8- Quem era o juiz da corrida? 9- Porque a lebre perdeu a corrida? 10- Qual é a moral da história?