A pré fotografiaEm 1490 (final do séc XV) Leonardo da Vinci deu duas  descrições fundamentais da câmara obscura em seus  c...
A pré fotografia     Em 1550 o físico milanês Girolamo Cardano sugeriu o uso de uma lentebiconvexa junto ao orifício, perm...
Câmara ObscuraEm 1620, Kepler inventou uma câmara escura portátil que viria a ser  utilizada para ajuda na execução de des...
Câmara Obscura               A pintura se vangloria da câmara obscuraThe Milkmaid - 1660. Óleo sobre tela   Young Woman wi...
Várias experiências, vários nomes   “Façamos, entretanto, um enquadramento histórico do  aparecimento da fotografia. Esta ...
O nascimento da fotografia    Um início confusoA primeira fotografia que se tem  notícia foi tirada em 1826 pelo  francês ...
Vista da janela em le Grass, Niépce (1826).Heliografia16,5 x 20cm
NiépceSuporte           |   EmulsãoMetal (estanho)         Betume da judéia                            (asfalto)Tempo de e...
Boulevard du temple, Louis Daguerre (1838).Daguerreótipo
DaguerreSuporte         |   EmulsãoMetal e cobre         PrataTempo de exposição: 30 minutos. 10 minutos posteriormenteNom...
Carruagem fotográfica, Roger Fenton, 1885prova de papel salgado a partir de negativo de vidro.
Frederick Scott ArcherSuporte           |       EmulsãoPlaca de vidro    Sais de prata e colódio                     (celu...
O proceso do colódio• Espalhar cuidadosamente o colódio com iodeto de potássio sobre o  vidro, escorrendo até formar uma s...
Abraham Lincoln, Anthony Berger(1864). Colódio úmido. Foto escaneadaapartir do negativo original de vidro.
Uma colheita da morte, Timothy H. O’sullivan, (1863). Colódio úmido.Guerra civil Americana, Gettysburg, Pensilvânia.A prim...
Henry Fox Talbot  Suporte           |          EmulsãoPapel                         Nitrato de prataTempo de exposição: 30...
The Haystack, Henry Fox Talbot (1844) Livro: The Pencil of Nature, Parte 2 (Publlicadoem 29 de Janeiro 1845).Calótipo/Talb...
“Você aperta o botão, nós fazemos             o resto”           George Eastman, 1888.
A câmera fica pequenaEm 1888 Eastman lança uma câmera portátilchamada Kodak, projetada para utilizar seu filmede rolo de p...
George  Eastman a bordo do SS    Gallia.  Frederick   Church,   (1890).Câmera Kodak     nº2
A fotografia e a pintura “A fotografia quando surgiu no séc 19 ‘ameaçou’a pintura, descobrindo coisas que a pintura nãosab...
Impressão ao nascer do sol, Claude Monet (1872). Óleo sobre tela.  Pintura que consagra o Impressionismo. Os abandonam o  ...
Impressionismo“Pode-se dizer que que a fotografia estávirtualmente presente nas telas impressionistas: aomesmo tempo ativa...
Almoço na Relva , 1863, Manet. Óleo sobre tela, 214 X 270 cm. Museu do Louvre, Paris,                                     ...
O Pictorialismo - 1890  Tendência de caráter acadêmico que visavareproduzir na fotografia modelos de pinturaclássica para ...
Roda gigante no jardim das tulheiras, Pierre Dubreuil           (1905).
Wapping, Alvin Langdon Coburn (1904).   Platinotipia (processo alternativo)
The Pines Whisper GeorgeSeeley (1904). Platinum print.
Chuvas de primavera, AlfredStieglitz (1900). Photogravure on              vellum.
“As pessoas acreditam na realidade da fotografia, mas não  na realidade das pinturas. Isso dá uma vantagem para  os fotógr...
PictorialismoO problema é que essa ânsia dereconhecimento levou muito dos adeptos dopictorialismo a simplesmente tentar im...
A intervenção no processoOs pictorialistas acreditavam que a intervenção no  processo, em todos os estágios (no negativo, ...
Filmes fotográficosPrimeira confusão: Comparar número com tamanhoNúmero do filme serve para que a Kodak possa   sistematiz...
Filmes fotográficosSegunda confusão: Nomenclatura(Cromo, slide, positivo, diapositivo, reversível.. É tudo  farinha do mes...
SlideFilme que não utiliza o negativo. A própriapelícula colocada na câmera, quandorevelada já produz uma imagem positiva,...
NegativoFilme original exposto na câmera. A luzaparece como um área escura e assombras aparecem como áreas claras.Em um ne...
Médio formatoCâmera TLR (Twin lensreflex). (lentes gêmeas).Foram inventadas devido   ao erro de paralaxe causado pelas câm...
Médio formato“Se o bom Deus quisesse que se fotografasse em 6×6, ele teria   colocado nossos olhos na barriga. É incômodo ...
Grande formato (Larget Format)Existem basicamente três tipos de câmeras de  grande formato: As câmeras de imprensa  (Press...
Press câmera
Field câmeraSão câmeras que dobram   até formarem uma maletinha. São as mais  bonitas de por serem    feitas de madeira.Pr...
View câmera São o topo da linha   em termos de   versatilidade. Constituem sistemasde trilhos complexos e   fazem todo tip...
View câmera
Robert Polidori 20x25cm
Robert Polidori 20x25cm
Robert Polidori 20x25cm
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação

420 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
420
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação

  1. 1. A pré fotografiaEm 1490 (final do séc XV) Leonardo da Vinci deu duas descrições fundamentais da câmara obscura em seus cadernos:
  2. 2. A pré fotografia Em 1550 o físico milanês Girolamo Cardano sugeriu o uso de uma lentebiconvexa junto ao orifício, permitindo uma imagem clara sem perder a nitidez. Dessa forma, nos meados do século XVI (1.500) a estrutura física rudimentar da máquina fotográfica atual já era conhecida.
  3. 3. Câmara ObscuraEm 1620, Kepler inventou uma câmara escura portátil que viria a ser utilizada para ajuda na execução de desenhos.
  4. 4. Câmara Obscura A pintura se vangloria da câmara obscuraThe Milkmaid - 1660. Óleo sobre tela Young Woman with a Water Pitcher -1664. Óleo sobre tela
  5. 5. Várias experiências, vários nomes “Façamos, entretanto, um enquadramento histórico do aparecimento da fotografia. Esta é, naturalmente, uma obra que resulta da intervenção de várias experiências e tentativas por parte de várias pessoas. Foi a junção de diversos processos, de vários conceitos, de múltiplos estudos que levaram ao aparecimento da fotografia, tal como hoje a conhecemos. Não estamos, assim, perante uma invenção que se atribua unicamente a uma só pessoa.”TAVARES, 2009 p.120
  6. 6. O nascimento da fotografia Um início confusoA primeira fotografia que se tem notícia foi tirada em 1826 pelo francês Joseph Nicéphore Niepce, chamada “vista da janela em le Grass”. Passou despercebida na época e somente em 1839 ela foi revelado ao mundo.
  7. 7. Vista da janela em le Grass, Niépce (1826).Heliografia16,5 x 20cm
  8. 8. NiépceSuporte | EmulsãoMetal (estanho) Betume da judéia (asfalto)Tempo de exposição: 8 horasPlaca únicaNome: Heliografia
  9. 9. Boulevard du temple, Louis Daguerre (1838).Daguerreótipo
  10. 10. DaguerreSuporte | EmulsãoMetal e cobre PrataTempo de exposição: 30 minutos. 10 minutos posteriormenteNome: Daguerreótipo
  11. 11. Carruagem fotográfica, Roger Fenton, 1885prova de papel salgado a partir de negativo de vidro.
  12. 12. Frederick Scott ArcherSuporte | EmulsãoPlaca de vidro Sais de prata e colódio (celulose nítrica)Tempo de exposição: 30 segundosNome: Colódio Úmido Produzia negativos bem mais nítidos e com maior gradação tonal do que os negativos de papel encerado empregados até então.
  13. 13. O proceso do colódio• Espalhar cuidadosamente o colódio com iodeto de potássio sobre o vidro, escorrendo até formar uma superfície uniforme.• No quarto escuro, com luz alaranjada, a placa era submetida a um banho de nitrato de prata.• A placa era exposta na câmara escura ainda úmida, porque a sensibilidade diminuía rapidamente à medida que o colódio secava. O tempo médio de exposição ao sol era de 30 segundos.• Antes que o éter, que se evaporava rapidamente, secasse, tornando-se impermeável, revelava-se com ácido pirogálico ou com sulfato ferroso.• A fixagem era feita com tiossulfato de sódio ou com cianeto de potássio (venenoso), e finalmente lavava-se bem o negativo.
  14. 14. Abraham Lincoln, Anthony Berger(1864). Colódio úmido. Foto escaneadaapartir do negativo original de vidro.
  15. 15. Uma colheita da morte, Timothy H. O’sullivan, (1863). Colódio úmido.Guerra civil Americana, Gettysburg, Pensilvânia.A primeira guerra a ser fotografada, o que causou grande repercussão por aqueles quenão conheciam o horror da guerra. Fotógrafos saiam em carroças munida de câmaraescura. Devido ao longo tempo de exposição, raramente as fotografias mostram cenasde conflitos.
  16. 16. Henry Fox Talbot Suporte | EmulsãoPapel Nitrato de prataTempo de exposição: 30 segundosNome: Calótipo/Talbótico A primeira fotografia que podia ser copiada de um negativo. Estas cópias eram feitas por contato.
  17. 17. The Haystack, Henry Fox Talbot (1844) Livro: The Pencil of Nature, Parte 2 (Publlicadoem 29 de Janeiro 1845).Calótipo/Talbótipo
  18. 18. “Você aperta o botão, nós fazemos o resto” George Eastman, 1888.
  19. 19. A câmera fica pequenaEm 1888 Eastman lança uma câmera portátilchamada Kodak, projetada para utilizar seu filmede rolo de papel. Após o sucesso da câmeraEastman introduziu o rolo de filme celuloide em1889, que serviu de base para o cinema.
  20. 20. George Eastman a bordo do SS Gallia. Frederick Church, (1890).Câmera Kodak nº2
  21. 21. A fotografia e a pintura “A fotografia quando surgiu no séc 19 ‘ameaçou’a pintura, descobrindo coisas que a pintura nãosabia, pois é diretamente ligada à realidade eainda assim reproduz a perspectivarenascentista.” Walter Carvalho, ABC
  22. 22. Impressão ao nascer do sol, Claude Monet (1872). Óleo sobre tela. Pintura que consagra o Impressionismo. Os abandonam o estúdio e começam a pintar ao ar livre.
  23. 23. Impressionismo“Pode-se dizer que que a fotografia estávirtualmente presente nas telas impressionistas: aomesmo tempo ativa e rejeitada. Quando, em 1863,Manet expõe seu quadro (Almoço na relva), afotografia se beneficia de uma grande popularidadeentre os Burgueses, que se precipitam comoverdadeiros narcisos, para serem retratados nosgrandes estúdios da cidade. Porém isso tevepouca motivação artística.”André Rouillé
  24. 24. Almoço na Relva , 1863, Manet. Óleo sobre tela, 214 X 270 cm. Museu do Louvre, Paris, França
  25. 25. O Pictorialismo - 1890 Tendência de caráter acadêmico que visavareproduzir na fotografia modelos de pinturaclássica para separar os fotógrafos artistas dospuramente industriais, fazendo com que afotografia se elevasse ao posto de arte. Eclodiu naFrança, na Inglaterra e nos Estados Unidos .Rejeitava o registro, o automatismo, a imitaçãoservil, a máquina, a objetividade e a cópia literal.
  26. 26. Roda gigante no jardim das tulheiras, Pierre Dubreuil (1905).
  27. 27. Wapping, Alvin Langdon Coburn (1904). Platinotipia (processo alternativo)
  28. 28. The Pines Whisper GeorgeSeeley (1904). Platinum print.
  29. 29. Chuvas de primavera, AlfredStieglitz (1900). Photogravure on vellum.
  30. 30. “As pessoas acreditam na realidade da fotografia, mas não na realidade das pinturas. Isso dá uma vantagem para os fotógrafos. O problema é que os fotógrafos também acreditam na realidade das fotografias.” Duane Michals
  31. 31. PictorialismoO problema é que essa ânsia dereconhecimento levou muito dos adeptos dopictorialismo a simplesmente tentar imitar aaparência e o acabamento de pinturas,gravuras e desenhos ao invés de tentaremexplorar os novos campos estéticosoferecidos pela fotografia, o que gerou umacrise estética-identitária da fotografia.
  32. 32. A intervenção no processoOs pictorialistas acreditavam que a intervenção no processo, em todos os estágios (no negativo, ao fazer a tomada, no positivo e no momento da impressão) abriria a fotografia para o campo das artes. A aliança máquina- mão supõe assegurar a passagem da imitação servil para a interpretação artística.O ideal pictorialista visava conferir às imagens fotográficas o prestígio de obras completas, capazes de concorrer com as artes gráficas e com a pintura no interior do sistema das belas artes.
  33. 33. Filmes fotográficosPrimeira confusão: Comparar número com tamanhoNúmero do filme serve para que a Kodak possa sistematizar a produção.Ex: 120 e 135• 120 é considerado médio formato (6×4.5, 6x7, 6x9, e 6×12cm)• 135 é considerado o normal, 35 milímetros.
  34. 34. Filmes fotográficosSegunda confusão: Nomenclatura(Cromo, slide, positivo, diapositivo, reversível.. É tudo farinha do mesmo saco)Existem dois tipos básicos de filme: Negativo e SlideO Negativo colorido é revelado em C-41O negativo PB é revelado em D-76O Slide é revelado em E-6
  35. 35. SlideFilme que não utiliza o negativo. A própriapelícula colocada na câmera, quandorevelada já produz uma imagem positiva,ou seja, visível.
  36. 36. NegativoFilme original exposto na câmera. A luzaparece como um área escura e assombras aparecem como áreas claras.Em um negativo colorido as cores sãotrocadas pelas suas cores opostas.
  37. 37. Médio formatoCâmera TLR (Twin lensreflex). (lentes gêmeas).Foram inventadas devido ao erro de paralaxe causado pelas câmeras portáteis até então existentes. A lente de cima é a que produz a imagem quevocê no visor (despolido)e a lente de baixo produza imagem que vai para o filme 120. A imagem no visor estáinvertida horizontalmente.
  38. 38. Médio formato“Se o bom Deus quisesse que se fotografasse em 6×6, ele teria colocado nossos olhos na barriga. É incômodo olhar as pessoas pelo umbigo. E depois que você se curva, só falta emendar no pai nosso.”Henri Cartier-Bresson, O olhar do século.
  39. 39. Grande formato (Larget Format)Existem basicamente três tipos de câmeras de grande formato: As câmeras de imprensa (Press), as de campo (Field) e as de trilho (View).A câmera de imprensa é a menor das três. São as únicas que dá para segurar na mão sem tripé. Tem suporte para flash, mas tem alguns ajustes limitados.
  40. 40. Press câmera
  41. 41. Field câmeraSão câmeras que dobram até formarem uma maletinha. São as mais bonitas de por serem feitas de madeira.Precisam de tripé e estão no meio da escala de portabilidade
  42. 42. View câmera São o topo da linha em termos de versatilidade. Constituem sistemasde trilhos complexos e fazem todo tipo de tamanho de foto. Na década de 90 todo estúdio que trabalhasse com fotopublicitária tinha uma dessa.
  43. 43. View câmera
  44. 44. Robert Polidori 20x25cm
  45. 45. Robert Polidori 20x25cm
  46. 46. Robert Polidori 20x25cm

×