F Á B I O S A M U E L ; F R E D E R I C O S O U S A ; J E S S I C A L A N D I M ; P A T R Í C I A C O S T A ; R U I G A M ...
“ A partir do século XIX, a ciência passou a dominar a
vida dos seres humanos: da união entre a ciência e a
técnica result...
1º - Relacionar o cientismo com os progressos da
ciência e da técnica na 2ª metade do séc. XIX
 Na primeira meta do dos s...
 Assim, o Positivismo foi influenciando e contribuiu para o
desenvolvimento das ciências experimentais:
1. Física;
2. Ciê...
2º - Construir uma tabela com os principais avanços
científicos
Cientista Área cientifica Progresso cientifico
Mendeleïev ...
Cientista Área cientifica Progresso cientifico
Pasteur Medicina Inicia-se a bacteriologia cientifica
através de estudos so...
Cientista Área cientifica Progresso cientifico
Charles Darwin e Johan
Mendel
Ciência da Vida Colocaram a hipóteses
acerca ...
3º - Explicar o investimento público na área do
ensino
 A necessidade de mão de obra qualificada
levou à valorização da e...
- Caminhos para a alfabetização -
Ensino primário obrigatório e gratuito
Professores passam a ser pagos pelo Estado
Constr...
4º - Caracterizar as novas
correntes estéticas do final do
século
1. Realismo
 Realça a realidade
 Valorização da
observ...
2. Impressionismo
 Diferente
intensidade de luz
 Cores fortes e claras
 Técnica pictórica
rápida
 Pintura ao ar livre
3. Simbolismo
Irrealista (pensamento,
sonho)
Caráter sobrenatural
Atinge um nível
pictórico e literário
4. Arte Nova
Preocupação
decorativa
Domínio da linha
ondulada
Recurso a motivos
florais e femininos
(sobre vidro ou em
...
5º - preencher uma grelha e encotrar oposição entre
o realismo e o romantismo
Romantismo Realismo
Imaginação Realidade
Sen...
6º - Realçar o papel da
Geração de 70
A «Questão Coimbrã»
foi uma polémica que
opôs o Romantismo e os
seus representantes,...
Este episódio pode ser
considerado como o
primeiro passo para a
consciência da «Geração
de 70». Esta forma uma
elite intel...
O segundo passo no
percurso da «Geração de
70» foi dado pelas
«Conferências
Democráticas do Casino».
O grupo de estudantes...
Literatura Artes
 Eça de Queirós
 Ramalho Ortigão
 Oliveira Martins
 Guerra Junqueiro
 Antonio da Silva Porto
 João ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Caminho da Cultura

1.029 visualizações

Publicada em

#história #11ºano #caminhosdacultura

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.029
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caminho da Cultura

  1. 1. F Á B I O S A M U E L ; F R E D E R I C O S O U S A ; J E S S I C A L A N D I M ; P A T R Í C I A C O S T A ; R U I G A M A Caminhos da Cultura HISTÓRIA A
  2. 2. “ A partir do século XIX, a ciência passou a dominar a vida dos seres humanos: da união entre a ciência e a técnica resultaram progressos que se refletiam no quotidiano. A nova realidade social surgiu com a industrialização e os progressos científicos levaram escritores e artistas a adotarem novas atitudes perante a literatura e as artes plásticas. A industrialização trouxe novas necessidades e exigências de construção e proporcionou novas soluções através de novos materiais, como o cimento armado, o ferro e o vidro.”
  3. 3. 1º - Relacionar o cientismo com os progressos da ciência e da técnica na 2ª metade do séc. XIX  Na primeira meta do dos século XIX impôs-se uma nova corrente filosófica, o Positivismo, sendo Augusto Comte um dos seus autores principais, segundo a filosofia positivista, o conhecimento da realidade progredia através da ciência, isto é: Racio cínio Experi ência Observação sistemática
  4. 4.  Assim, o Positivismo foi influenciando e contribuiu para o desenvolvimento das ciências experimentais: 1. Física; 2. Ciências naturais; 3. Medicina.  A ciência passou a dominara vida quotidiana, melhorando a qualidade de vida humana. O progresso, a prosperidade e o otimismo marcaram o espírito cientifico (cientismo) do séc. XIX.  A investigação laboratorial e as aplicações técnicas das novas descobertas proporcionaram grandes avanços nos diferentes domínios científicos.
  5. 5. 2º - Construir uma tabela com os principais avanços científicos Cientista Área cientifica Progresso cientifico Mendeleïev Química Elaboração da primeira tabela periódica (1869) Joule e Maxwell Física Formularam com precisão a teria cinético-molecular: “todos os corpos são formados por partículas dotadas de movimento, cuja intensidade varia pela ação de fatores externos, como, a temperatura” Casal Curie e Becquerel Física Descobertas sobre a radioatividade
  6. 6. Cientista Área cientifica Progresso cientifico Pasteur Medicina Inicia-se a bacteriologia cientifica através de estudos sobre a fermentação láctea; Inicia pesquisas sobre a vacina antirrábica Porro Medicina Aperfeiçoa a operação cesariana Koch Medicina Descobre o micróbio causador do tifo Hansen Medicina Descobre o bacilo da lepra Morton Medicina Aperfeiçoa a operação à apendicite Schleich Medicina Adota a anestesia local Yersib Medicina Isola o bacilo causador da peste Roentgen Medicina Descobre o raio X Rehn Medicina Realiza pela primeira vez uma cardiografia Bayer Medicina Regista a aspirina
  7. 7. Cientista Área cientifica Progresso cientifico Charles Darwin e Johan Mendel Ciência da Vida Colocaram a hipóteses acerca da evolução das espécies animais e vegetais
  8. 8. 3º - Explicar o investimento público na área do ensino  A necessidade de mão de obra qualificada levou à valorização da educação. A instrução publica tornou-se, assim, uma prioridade dos governos, nomeadamente o ensino primário e o ensino técnico.
  9. 9. - Caminhos para a alfabetização - Ensino primário obrigatório e gratuito Professores passam a ser pagos pelo Estado Construção de escolas publicas Escolas laicas Formação de profissões liberais Renovação de currículos e métodos pedagógicos Estruturação da via cientifica no ensino primário
  10. 10. 4º - Caracterizar as novas correntes estéticas do final do século 1. Realismo  Realça a realidade  Valorização da observação
  11. 11. 2. Impressionismo  Diferente intensidade de luz  Cores fortes e claras  Técnica pictórica rápida  Pintura ao ar livre
  12. 12. 3. Simbolismo Irrealista (pensamento, sonho) Caráter sobrenatural Atinge um nível pictórico e literário
  13. 13. 4. Arte Nova Preocupação decorativa Domínio da linha ondulada Recurso a motivos florais e femininos (sobre vidro ou em ferro)
  14. 14. 5º - preencher uma grelha e encotrar oposição entre o realismo e o romantismo Romantismo Realismo Imaginação Realidade Sentimento, emoção Inteligência, razão Verdade individual Verdade universal Mulher idealizada, anjo de pureza e perfeição Mulher mostrada com defeitos
  15. 15. 6º - Realçar o papel da Geração de 70 A «Questão Coimbrã» foi uma polémica que opôs o Romantismo e os seus representantes, entre os quais António Feliciano Castilho, que dominavam as mentalidades da época, e os jovens estudantes de Coimbra que eram liderados por Antero de Quental, e que viria a dar origem ao surgimento do Realismo em Portugal.
  16. 16. Este episódio pode ser considerado como o primeiro passo para a consciência da «Geração de 70». Esta forma uma elite intelectual jovem que abraça entusiasticamente a fé cientista no progresso, bem como a crença no papel da literatura como meio da transformação social.
  17. 17. O segundo passo no percurso da «Geração de 70» foi dado pelas «Conferências Democráticas do Casino». O grupo de estudantes que, na década de 60, se envolveu na «Questão Coimbrã», alarga-se e reúne-se em Lisboa no Cenáculo, que organizou, em 1871, as Conferências, sessões públicas destinadas a divulgar as «novas ideias» que agitavam a Europa nos campos da política, religião, filosofia, educação, literatura, arte. A atividade pública do grupo acabou por ser interrompida pelo governo, que proibiu a realização das Conferências.
  18. 18. Literatura Artes  Eça de Queirós  Ramalho Ortigão  Oliveira Martins  Guerra Junqueiro  Antonio da Silva Porto  João Marques de Oliveira  José Malhoa  José Júlio Sousa Pinto  Henrique Pousão  D. Carlos de Bragança  Aurélia de Sousa  Antonio Carneiro  Columbano Bordalo Pinheiro  João Vaz  Antonio Ramalho  Artur Loureiro  Sousa Pinto  Carlos Reis 8º - Referir os principais vultos da literatura e das artes em Portugal

×