SlideShare uma empresa Scribd logo
1
INTRODUÇÃO
Parabéns! Você tem o privilégio de estar envolvido na Grande Comissão: Fazer discípulos. Na
realidade fazer discípulos é verdadeiro “propósito” da igreja, e todo verdadeiro cristão deve estar
envolvido com essa tarefa, aliás, uma pessoa que não está fazendo discípulo não é um Cristão normal.
Sem dúvida você cresceu até a ponto de ser agora um discipulador. Alguém investiu na sua vida, e
agora é a sua vez de fazer o mesmo com outros. Não tenha medo de encarar esse novo desafio, pois à
medida que você vai acompanhando o novo seguidor de Jesus, o próprio Jesus vai te ensinando como
você deve fazer.
O propósito principal deste material é ajudar o novo convertido a entender verdades fundamentais para
a sua nova vida, assim como ajuda-lo no processo de transformação da sua lama e mudanças e
tendências e valores. Além do Espírito Santo, você também será uma grande influencia na vida desse
novo irmão.É normal as pessoas mudarem mais rápido quando elas tem um modelo a ser seguido, e
você servirá de modelo ao seu discípulo, sendo o seu discipulador.
Não se preocupe com o fato de você não ser perfeito em tudo, pois ninguém ainda é perfeito. Você não
precisa fingir que é o que não é, aliás, o Espírito Santo muitas vezes vai usar sua transparência e
honestidade para encorajar o seu discípulo a continuar seguindo a Jesus. O mais importante é você
andar na luz que você já tem, e Deus o usará. Sem dúvida esta experiência de encontrar semanalmente
com o seu discípulo vai beneficiar você também, pois à medida que você ajuda alguém a crescer na fé
você também crescerá junto.
INSTRUÇÕES IMPORTANTES AO DISCIPULADOR
I. Requisitos para ser um discipulador
Para que uma pessoa possa discipular alguém é necessário que:
1. Esteja debaixo de uma cobertura espiritual, isso significa ser membro fiel de uma célula;
2. Tenha um discipulador pessoal;
3. Tenha concluído pelo menos a primeira lição do Acompanhamento Inicial;
4. Tenha recebido o treinamento prático de como usar o Manual do Discipulador para discipular um
novo convertido através do Acompanhamento Inicial;
5. Seja designado pelo seu dirigente do grupo familiar para ser um discipulador.
6. Adquira os seguintes materiais:
 Uma Bíblia completa;
 O Manual do Discipulador;
 O Acompanhamento Inicial, que deve ser doado ao discípulo;
 O livreto Seguindo a Jesus Cristo, que também deve ser doado ao discípulo.
II. Características de um bom discipulador
1. Ama seu discípulo;
2. Encoraja seu discípulo;
3. É amigo do seu discípulo;
4. Visite seu discípulo;
5. Promova atividades para se divertirem junto;
6. Ora diariamente pelo seu discípulo;
7. Procura saber da sua vida espiritual, emocional, afetiva, familiar, seus estudos, alvos e interesses;
8. Procura ser um bom exemplo para seu discípulo;
2
9. Sabe ouvir o seu discípulo;
10. Vê seu discípulo como um indivíduo, e é sensível às suas necessidades;
11. Não é um dominador da vida do seu discípulo;
12. Motiva o seu discípulo a se tornar um líder de célula e continuar crescendo na visão da Igreja local.
IV – Como encorajar o novo convertido a começar o discipulado.
Não force o novo convertido a começar o discipulado. Motive-o, “ponha sal na sua boca”, produza
interesse, faça uma boa propaganda do material, explique os benefícios que o discipulado trará na vida
dele, e como serão gostosos e edificantes esses encontros. Dê-lhe o Acompanhamento Inicial, e peça
para ele estudar a primeira lição e responder as perguntas para o seu primeiro encontro.
COMO FAZER O CONTATO EM 24 HORAS
Depois da decisão de seguir a Jesus é quase certo que o novo convertido vai receber ataques do
inimigo através de dúvida, desânimo, crítica e desprezo de parentes e amigos, vergonha ou qualquer
outro artifício. Por isso, as próximas 24 horas após a decisão, têm sido um tempo crítico e delicado na
vida do recém convertido, e demanda uma atenção especial.
Entendendo isso, é que estamos convencidos que precisamos ser rápidos. Cada novo convertido deve
ser contactado pessoalmente, ou por telefone, imediatamente dentro de 24 horas após a sua decisão.
Esse contato como regra geral, não deve ser demorado. Tem como propósito parabenizá-lo pela
melhor decisão que já fez na sua vida, bem como marcar um encontro mais formal que chamamos de
“visita do acompanhamento inicial”.
O que falar ao novo convertido no contato 24 horas? (Via telefone):
“Prazer muito grande em conhecê-lo!... Meu nome é...”.
“Seja bem-vindo a família de Jesus!!” (Demonstrar amor genuíno).
É um privilégio poder te servir. Fui designado pela igreja para te apoiar nessa decisão tão
maravilhosa”.
“Eu queria saber quando que daria para a gente poder reunir para nos conhecermos melhor, bater
papo, e falar mais sobre Jesus?” Marque claramente o dia, o local, e a hora para o seu próximo
encontro com o novo convertido.
Convide o novo convertido para a célula
É muito importante você convidá-lo para ir com você a próxima reunião da célula, mesmo que esta
reunião seja antes do horário que você marcou para sua primeira visita do acompanhamento inicial.
Explique um pouco a cerca da célula, enfatizando como é tão boa a comunhão do grupo, etc.
Se ofereça para apanha-lo em casa
“Você gostaria que eu passasse aí na sua casa para juntos irmos à reunião da célula? Você vai gostar
muito!!!”.
3
A PRIMEIRA VISITA DO ACOMPANHAMENTO INICIAL DEPOIS DO CONTATO 24
HORAS
A primeira visita ou encontro com o novo convertido depois do contato 24 horas, nós chamamos de
“Primeira Visita do Acompanhamento Inicial”. Esta visita ou encontro deve ter sido marcada no
contato em 24 horas. Pode ser um pouco mais demorada, porém não deve se prolongar muito, e tem os
seguintes objetivos:
 Estabelecer um vínculo forte de amizade e discipulado com o novo seguidor de Jesus.
 Ensinar algumas verdades importantes para a nova vida que ele tem agora.
 Definir dia, hora e local para começares a Acompanhamento Inicial.
A. Como proceder na primeira visita do Acompanhamento Inicial
Os próximos passos são muito importantes, porém, você deve ter muito cuidado para não entrar em
muitos detalhes, prolongando demais a visita.
1. Numa atmosfera de tranqüilidade e de uma forma amigável, ouvindo mais e falando menos:
a. Parabenize o novo convertido pela sua decisão
b. Pergunte para o novo convertido como ele está em geral, e também como está a vida dele nesta
área espiritual desde quando ele fez a sua decisão.
c. Ele tem alguma pergunta? Ou alguma dúvida? (Seja muito atencioso e flexível, nunca
condenador).
d. É muito importante que o Novo Convertido sinta-se à vontade e livre para se expressar. Seja muito
amoroso com ele.
2. Fale com ele sobre a importância da intimidade com Deus, como esta intimidade poderá ser
estimulada através do seu tempo sozinho com Deus.
a. Explique acerca do tempo sozinho com Deus.
b. Explique o que é oração (conversar com Deus).
c. Explique acerca da leitura da Bíblia: Começando com 1 João depois do Evangelho João até
Apocalipse.
d. Explique que para restaurarmos a nossa intimidade com Deus, devemos confessar os nossos
pecados de acordo com 1 João 1.9.
3. Fale com o Novo Convertido sobre a importância dele não ter vergonha de falar de Jesus para os
outros, etc.
4. Fale com ele sobre a importância da célula, e, é claro, do culto de celebração.
5. Explique ao novo convertido sobre o discipulado uma um e como é muito maravilhoso este tipo de
discipulado e como lhe ajudará a crescer espiritualmente.
a. Pergunte ao novo convertido quando que poderia reunir regularmente para que você possa iniciar
o DISCIPULADO: ACOMPANHAMENTO INICIAL.
b. Não esqueça de marcar o dia e a hora para os próximos encontros.
6. Entregue ao novo convertido o livro do discípulo e explique como ele deve estudar e preencher os
espaços em branco com lápis, e que as respostas são encontradas nos textos sublinhados. Ensine
neste momento, a diferença entre capítulos e versículos e como o discípulo poderá encontrar os
textos da bíblia usando o próprio índice da Bíblia. Explique que nos seus encontros semanais você
vai corrigir as respostas que não estiverem corretas.
7. Faça uma oração por ele de benção e vitória.
8. Confirme o seu próximo encontro.
4
B. Cinco segredos para fazer uma visita bem sucedida.
1. Espírito Santo
a. Dependência e intimidade total;
b. Orar em línguas (antes da visita);
c. Orar em fé;
d. Tranqüilidade;
e. Alegria ;
f. Lembrar que a maior regra, é que não tem regra;
2. Cobertura espiritual – Submissão à liderança em todos os sentidos
3. Atitude de fé
a. Creia que o Espírito Santo está dirigindo e que tudo vai dar certo;
b. Seja confiante na unção do Espírito Santo;
c. Vai ser um sucesso;
d. Filipenses 1.6; Isaías 54.17; Romanos 15.14 (Tenha esta atitude para com você e o novo
convertido);
e. Confiança (1 João 4.4).
4. Alegria genuína
a. Sorriso sincero;
b. Ânimo contagiante;
c. Cheio de Jesus.
5. Calmo e pacífico com todos os homens (Tito 3.2)
a. Boa educação;
b. Respeitador;
c. Evite levar muitas pessoas;
d. Evite ir em horários impróprios (por exemplo: horário de refeições e descanso);
e. Não entre numa casa com uma pessoa do sexo oposto se vocês estiverem a sós;
f. Evite toda aparência do mal;
g. Visita-se duma maneira modesta, não religiosa (com uma boa aparência, bom cheiro, etc.);
h. Evite “evangeliquês” (chavões evangélicos);
i. Evite prolongar demasiadamente a visita;
j. Seja amoroso, pronto para ministrar e/ ou orar com outros da casa;
k. Ganhe a casa para Jesus com o impacto (mas gentil) da sua visita.
Coisas para levar em uma visita bem sucedida:
1. Unção do Espírito Santo;
2. Sorriso sincero, atitude humilde, amor genuíno;
3. Livro do Acompanhamento Inicial.
5
COMO PROCEDER EM CADA ENCONTRO:
1. Antes de encontrar-se com o novo convertido, sempre ore e peça a direção do Espírito Santo.
2. Seja agradável, sempre interessado em sua vida, em geral e no seu relacionamento com Deus.
3. Antes de cada lição, ore com o novo convertido.
4. Seja sensível a qualquer pergunta ou dúvida ou problema que o discípulo esteja enfrentando.
5. Pergunte se ele estudou a lição que você indicou.
6. Faça as seguintes perguntas antes de iniciarem a lição:
Qual aspecto da lição que mais chamou a sua atenção ou mais falou com você? Por quê?
Há algum ponto da lição que você não compreendeu muito bem? Qual foi? Você aprendeu alguma
coisa nova nessa lição?
7. Estude a lição dando ênfase aos pontos importantes, ajudando a aplicar as verdades aprendidas
para o dia a dia do seu discípulo, mas cuidado, não passe meia hora pregando!
8. Permita que o seu discípulo tenha o livro do discípulo e você vai acompanhando a leitura no seu
manual do discipulador.
9. Se o novo convertido souber ler bem, deixe que ele faça basicamente toda leitura, tanto no livro do
discípulo quanto na Bíblia.
10. Verifique se as respostas do discípulo estão corretas e se entendeu de fato a questão.
11. Explique sobre a próxima lição e deixe como tarefa para ele estudar e preencher para o próximo
Encontro.
12. Use a folha de discipulado que se encontra no fim deste Manual para lhe ajudar a entrar na vida do
seu discípulo. Faça uma cópia da folha, ou use um caderno para anotar as respostas e áreas que
precisam de ajuda. Use esta folha em cada encontro para dar continuidade. Por exemplo: Se seu
discípulo ainda não está tirando tempo sozinho com Deus, anote na folha o horário, tempo e local
que ele acha que vai dar para ele. Na próxima semana, pergunte se está dando certo etc. Assim
você vai poder ajudar o seu discípulo e estabelecer e cumprir alvos em todas as áreas da vida dele.
13. Ore encerrando o encontro.
6
COMO USAR ESTE MANUAL
1. As respostas são encontradas somente nos textos sublinhados.
2. Em cada encontro ajude o novo convertido a encontrar pelo menos dois textos para que ele
aprenda a manusear a Bíblia.
3. Passe por toda a lição. È bom o discípulo ver tudo outra vez e verificar se as respostas estão
corretas e corrija o que for necessário
4. Não dê logo a resposta quando o novo convertido não acertar. Leia o texto outra vez e ajude o seu
discípulo a encontrar a resposta certa.
5. Deixe claro para seu discípulo que ao concluir este livro não significa que acabou o discipulado.
6. Durante as lições você vai encontrar algumas orientações para você seguir. Familiarize-se bem
com elas antes de encontrar com seu discípulo. Não leia para ele, apenas faça o que lhe está sendo
orientado.
7. O seu sucesso como discipulador não é medido somente se você passa e ensina bem o material. É
medido principalmente pela qualidade e profundidade do relacionamento que existe entre você e seu
discípulo.
7
LIÇÃO 1
CERTEZA DE SALVAÇÃO
1. DEUS AMA E QUER ABENÇOAR A TODOS NÓS
Deus nos criou, e Ele é muito bom (Salmo 100).
Deus ama todas as pessoas do mundo (João 3.16).
Deus quer nos abençoar e nos dar uma vida feliz (Salmo 100; João 10.10).
Como Ele provou o seu amor para conosco?
_________________________________________________ (João 15.13; Rom. 5.8; Efésios 5.2)
2. TODOS PECARAM, DESOBEDECENDO A DEUS
Deus nos deu os seus mandamentos para a nossa prosperidade e sucesso (I Reis 2.3); Salmo 1.1-3).
Porém, não existe nenhuma pessoa justa que tem obedecido aos mandamentos de Deus (Romanos
3.10-12).
Existe alguém que nunca pecou, exceto Jesus? ________ (Romanos 3.23; Isaías 64.6).
3. O RESULTADO DO PECADO É SÉRIO
Qual é o resultado do pecado? ___________________ (Romanos 6.23).
Sabemos que todos vão morrer fisicamente, mas a morte espiritual é quando a pessoa é separada de
Deus eternamente no lago de fogo (Ap 20.11-15; 21.8).
Todo mundo vai herdar o reino de Deus?__________ (I Co 6.9-10).
Depois que a pessoa morrer, ela é julgada não há outra chance (Hebreus 9.27).
4. DEUS QUER PERDOAR E SALVAR A TODOS
Quem pode ter a vida eterna? _____________________________________________ (João 3.16).
Quem pode ser salvo? ___________________________________________________ (Atos 2.21).
A palavra de Deus diz que Jesus vai voltar. Porque parece que Jesus está demorando para voltar? ___
___________________________________________________________________ (II Pedro 3.9).
5. NINGUÉM PODE SER SALVO FAZENDO BOAS OBRAS
A salvação é um presente de Deus completamente gratuito, recebido pela fé, e não através dos nossos
esforços (Ef 2.8-9; Rm 6.23; Tt 3.4-7).
Ninguém será justificado ou perdoado por obedecer qualquer lei. Para ser justificado, todos precisam
ter fé em quem? ____________________________________________________(Gl 2.16).
6. SÓ JESUS PODE NOS SALVAR
Qual é único nome pelo qual podermos ser salvos? _____________________________(Atos 4.10-12).
Ninguém pode chegar ao Pai se não por Jesus. Ele mesmo disse que Ele é ______________________
_________________________________________________________________________(João 14.6).
Quem tem o Filho de Deus tem a vida eterna. Quem não tem o Filho de Deus ____________________
_____________________________________________________________________(I João 5.10-12).
8
7. PRECISAMOS NOS ARREPENDER DOS NOSSOS PECADOS PARA SERMOS
PERDOADOS
Quando João Batista começou a pregar, ele pregava sobre a importância do arrependimento (Mateus
3.2). Qual foi a primeira pregação de Jesus quando Ele começou o Seu ministério?_______________
______________________________________________________________________ (Mateus 4.17).
Jesus veio ao mundo para chamar pecadores ao _________________________________ (Lucas 5.32).
O que causa o maior júbilo no céu? ________________________________________________
_______________________________________________________________________(Lucas 15.7).
O arrependimento envolve vários passos:
Primeiro: Reconhecer o seu pecado.
Segundo: Sentir tristeza pelo seu pecado, mas uma tristeza segundo Deus, produzida pela convicção
do Espírito Santo (II Co 7.9-10).
Terceiro: Virar as costas para o pecado e decidir de todo o coração abandoná-lo.
Quarto: Fazer restituição quando for necessário (Lc 19.8)
Atenção discipulador: Explique o que é restituição:
a. Pedir perdão de pessoas ofendidas com ele
b. Devolver qualquer objeto ou dinheiro que tenha furtado (mesmo que seja aparentemente
insignificante).
8. PRECISAMOS CRER EM JESUS PARA SERMOS SALVOS
O que precisamos fazer para sermos salvos? ________________________________ (Atos 16.30-31).
Não é suficiente somente acreditar que Deus existe; até os demônios crêem em Deus e tremem (Tg
2.19). O “crer” bíblico significa uma entrega completa da sua vida ao Senhor Jesus (João 1.12).
O que Ele está preparando para aqueles que crêem nEle? ________________________ (João 14.1-3).
O que vai acontecer com quem não crer em Jesus? _________________________________________
_____________________________________________________________________ (João 3.18-36).
Crer em Jesus não é apenas acreditar nEle, mas envolve recebê-lo como seu Senhor, ou seja, Dono da
sua vida (João 1.12).
9. PRECISAMOS CONFESSAR COM NOSSA BOCA QUE JESUS CRISTO É O SENHOR.
Para ser salvo, o que você precisa confessar com a boca? ____________________________________
______________________________________________________________________ (Rm 10.9-10).
Você precisa confessar com a boca que Jesus é o Filho de Deus (1 João 4.15)
Quem tem coragem de confessar o Filho de Deus perante os homens, Ele o confessará diante do Pai.
Quem o Filho de Deus irá negar perante o Pai? ____________________________________________
______________________________________________________________________(Mt 10.32-33).
9
10. O SANGUE DE JESUS NOS PURIFICA DE TODO PECADO.
Jesus derramou o Seu sangue, para a remissão (perdão) dos nossos pecados (Mateus 26.28).
Quem é justificado dos seus pecados pelo sangue de Jesus será salvo por Ele da ira de Deus (Rm 5.9)
O que é que nos purifica de todo pecado? ______________________________________ (1 João 1.7)
11. DEUS PERDOA COMPLETAMENTE OS SEUS PECADOS, E VOCÊ NUNCA MAIS
SERÁ CONDENADO POR ELE
Jesus se lembra dos nossos pecados uma vez que somos perdoados? ______________ Hebreus 8.12,
Hebreus 10.17; Isaías 43.25; Salmo 103.11-13. O que a Bíblia fala sobre as pessoas que estão em
Cristo Jesus? _______________________________________________________________(Rm. 8.1)
12. VOCÊ PODE TER CERTEZA DA SUA SALVAÇÃO
Quem crê no nome do Filho de Deus não será julgado por Ele (João 3.18). Não esqueça que “crê em
Jesus” significa recebê-lo como dono da sua vida, e procurar obedecê-lo em tudo (Hebreus 5.8-9).
Quem crê no Filho de Deus tem a ________________________________ (João 3.36). Ele já passou
da morte para a vida (João 5.24).
Quem pode saber se já tem a vida eterna _________________________________________________
_______________________________________(I João 5.13).
Quem é que testifica conosco que somos filhos de Deus? ___________________________(Rm 8.16).
Se você pecar, uma vez salvo, você não perde a sua salvação. Jesus é o seu Advogado porque já pagou
o preço dos seus pecados (I João 2.1-2). Então, se você pecar depois de ser salvo, você perde a sua
salvação? ______ (Rm 8.31-34).
Quando você recebeu Jesus na sua vida, você se tornou o quê? ________________________________
__________________________________________(João 1.12).
Na vida natural, quando um filho é rebelde, ele deixa de ser filho do seu pai? _____ (Verdadeiramente,
ele nunca pode deixar de ser filho). Um filho rebelde, porém, deixa de ter intimidade com seu pai.
Quando nós pecamos, mesmo que não perdemos a salvação, nós prejudicamos a nossa intimidade e
comunhão com Deus (I João 1.5-6).
Como podemos restaurar a nossa comunhão com Deus? _____________________________________
________________________________________________________________________(I João 1.9).
Fomos salvos pela graça mediante a _________ (Ef 2.8). Agora permanecemos salvos da mesma
maneira, pela fé.
Da mesma maneira que recebemos a Cristo Jesus pela fé, devemos também viver (ou “andar nEle”)
crescendo espiritualmente na ____________ (Cl2.6-7)
Enquanto você perseverar tendo uma fé viva em Jesus como seu Senhor e Salvador, você sempre
permanecerá salvo (Hb 10.35-39)! Se você já O recebeu como seu Senhor e Salvador, você já tem a
________________________________________ (João 1.12, Rm 10.9-10, João 3.36; 1 João 5.12-13).
Não aceite as acusações do maligno quando ele diz que não tem a salvação (Ap 12.10-11).
Não duvide das promessas de Deus. A Palavra de Deus garante que você já tem a vida eterna (João
3.16).
10
LIÇÃO 2
O ESPÍRITO SANTO TRANSFORMA A SUA VIDA
1. QUEM É ESPÍRITO SANTO?
O Espírito Santo é o Espírito de Deus, (Mateus 28.19)
Ele é o Consolador, que sempre estará conosco dentro de nós (João 14.16-17)
Deus o Pai e o Filho fazem morada dentro de nós através do Espírito Santo (João 14.23)
2. QUEM TEM O ESPÍRITO SANTO?
Deus dá o Espírito Santo somente para quem é Seu filho (Gl 4.6-7; Rm 8.9).
Quem habita agora em seu corpo? __________________________________________ (I Cor. 6.19).
Todos que são guiados pelo Espírito de Deus são __________________________________________
______________________________________________________________________(Rm. 8.14-16).
3. O ESPÍRITO SANTO AJUDA VOCÊ A ORAR.
Todo dia você deve tirar tempo para estar sozinho com Deus, falando com Ele (Mt 6.6).
Não sabemos orar como convém. Por isso o Espírito Santo nos assiste em nossas orações. Ele
intercede por nós com gemidos inexprimíveis (Rm 8.26-27).
Devemos orar em todo tempo no _______________ (Ef 6.18).
Devemos vigiar e orar para não entrarmos em ____________
_________________________________________(Mt 26.41).
4. O ESPÍRITO SANTO AJUDA VOCÊ A ENTENDER A PALAVRA DE DEUS.
É muito importante para você tirar tempo todo dia para meditar na Palavra de Deus, para que você
possa aprender a vontade de Deus para sua vida. Quem obedece a Deus é abençoado por Ele.
Quando você deve meditar na Palavra de Deus? ___________________________________________
____________________________________________________________________________(Js 1.8).
Porque devemos guardar a Palavra de Deus em nosso coração? _______________________________
_________________________________________________________________________(Sl 119.11).
Não precisamos só de pão (comida) para viver, mas precisamos de toda palavra que sai da boca de
Deus (Mateus 4.4). O céu e a terra passarão, mas a Palavra de Deus ____________________________
_________________________________________________________________________(Lc 21.33).
A Palavra de Deus é a verdade. O que a verdade faz para nós? ________________________________
________________________________________________________________________(Jo 8.31-32).
Não devemos ser somente ouvintes da Palavra de Deus, mas também __________________ (Tg 1.22).
Muitas vezes não entendemos a Palavra de Deus. Quem foi enviado pelo Pai para nos ensinar todas as
coisas que o Filho nos ensinou? _______________________________________________ (Jo 14.26).
5. O PECADO ENTRISTECE O ESPÍRITO SANTO.
Não devemos entristecer ou apagar o Espírito Santo de Deus com pecado em nossa vida (Ef 4.30-32; I
Ts 5.19).
O pecado atrapalha nosso relacionamento com Deus (Is 59.1-2).
Deus perdoa a pessoa que confessa o seu pecado? _____________________________ (Salmo 32.1-5).
Não devemos esconder nosso pecado, mas confessá-lo para alcançar _________________ (Pv 28.13).
11
Nós confessamos nossos pecados a Deus para sermos perdoados (I João 1.9); porém muitas vezes para
sermos curados do problema é necessário confessarmos nossos pecados para nosso líder espiritual
(nosso discipulador, dirigente, ou outro líder que o dirigente concordar) para que ele possa nos ajudar
(Tg 5.14-16, Hb 13.17). Você deve ter uma atitude humilde na presença de Deus, sempre pedindo que
Ele purifique o seu coração de todo pecado (Sl 139.23-24).
6. O ESPÍRITO SANTO DÁ O PODER NECESSÁRIO PARA VENCER O PECADO.
Sem o poder do Espírito Santo, ninguém pode ser livre do poder do pecado. Nossa carne é fraca, e
fazemos coisas erradas sem querer. Ao mesmo tempo, não fazemos coisas boas, mesmo querendo (Rm
7.18-20).
A pessoa que é controlada pela carne não pode agradar a __________________ (Romanos 8.8). Uma
pessoa que é controlada pelo Espírito Santo é livre da escravidão do pecado (Rm 8.1,2,9-11).
Na vida cristã dependemos do Espírito Santo para tudo, inclusive para obter vitória contra o poder do
pecado. Não vencemos o pecado por nossas próprias forças, mas pelo _________________________
(Zc 4.6). Para na satisfazer os desejos da sua carne, você precisa andar no
______________________(Gl 5.16).Uma vida controlada pela carne resulta em muito pecado (Gl
5.19-21).Quais são os resultados de uma vida controlada pelo Espírito Santo? ___________________
_______________________________________________________________________ (Gl 5.22,23).
7. VOCÊ DEVE ESTAR CHEIO DO ESPÍRITO SANTO EM TODO MOMENTO
Não devemos estar dormindo espiritualmente. A vida é curta, e devemos aproveitar todo momento,
fazendo a vontade de Deus em nossas vidas. A vontade de Deus é que estejamos cheios do _________
____________________________________ (Ef. 5.14-18).
É fácil perceber quando alguém está cheio do Espírito Santo, porque ao invés de se preocupar, sentir
medo, reclamar, criticar, etc., ele fala e canta louvores a ___________________ e sempre dá graças a
Deus por tudo amando e servindo as pessoas (Efésios 5.18-21)
8. VOCÊ DEVE SER TESTEMUNHA DE JESUS PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO.
Nós precisamos do poder do Espírito Santo para sermos testemunhas de Jesus (At 1.8). Não devemos
fazer nada para Deus sem sermos revestidos com o poder do Espírito Santo (Lc 24.49).
Depois que os discípulos ficaram cheios do Espírito Santo, eles saíram anunciando a Palavra de Deus
com _______________________ (At 4.31).
O Apóstolo Paulo não usava sua própria sabedoria e palavras bonitas para convencer o povo. Ele
pregava pelo poder do ___________________________________(1 Co 2.4-5; I Ts 1.5).
Paulo operava sinais e prodígios (milagres) pelo poder do _________________________________
(Rm 15.18-20).
O próprio Jesus era ungido pelo Espírito Santo para evangelizar, libertar e pregar (Lc 4.18-19).
9. PRECISAMOS DOS DONS DO ESPÍRITO SANTO PARA FAZER A OBRA DE DEUS.
Devemos estar operando nos dons do Espírito Santo que Deus dá para cada um dos Seus filhos. Assim
como um corpo humano tem muitos membros para funcionar direito, Deus deu dons diferentes para
cada um de nós que somos membros do Seu Corpo, mas o Espírito é o mesmo. Todos os dons são
necessários (1 Co 12.1-11).
Todo filho de Deus tem um ou mais ministérios, e todos devem estar usando e desenvolvendo os dons
para o avanço do Reino de Deus. Quais são alguns dos dons do Espírito Santo? __________________
__________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________(I Co 12.7-10).
Toda obra deve ser feita pelo poder do Espírito Santo (Mt 7.21-23).
12
10. RECEBA AGORA O BATISMO DO ESPÍRITO SANTO
O Pai Celestial sabe dar boas dádivas aos Seus filhos. O que Ele dará para Seus Filhos se eles lhe
pedirem? ___________________________________________(Lc 11.13).
Para receber o batismo no Espírito Santo, você precisa pedir ao Pai.
Recebemos o batismo pela fé (Mc 11.24). Depois devemos aplicar a fé para ficar cheio dEle a todo
momento (Ef 5.18).
Faça a oração de Lc 11.13, crendo que você está recebendo o batismo no Espírito Santo, de acordo
com Sua promessa. Se você fez esta oração, não duvide da promessa de Lc 11.13, e creia que você já
está batizado no Espírito Santo.
Você está batizado no Espírito Santo! Você já tem o poder dentro de você para ser testemunha de
Jesus (At 1.8), através dos dons do Espírito Santo, Creia nisto! Tudo é feito pela fé, até o uso dos dons
que já foram dados livremente para você quando você recebeu o batismo no Espírito Santo.
A primeira manifestação dos dons Espírito que foi dado aos discípulos no dia de pentecostes foi
_________________________________________________________________________ (At 2.1-4).
Agora, para os dons se manifestarem na sua vida, continue liberando a sua fé: Você pode orar em
línguas (At 2.4; At 10.44-47) e praticar os dons do Espírito Santo seguindo as Suas direções.
Você está cheio do Espírito Santo: Ele é a Fonte de todos os dons. Não esqueça que agora, pelo Nome
de Jesus e pelo poder do Espírito Santo, Deus há de usar você com poder sobrenatural (Mc 16.17-18).
11. COMO COMPARTILHAR JESUS COM OS OUTROS NO PODER DO ESPÍRITO
SANTO
Agora que você está cheio do Espírito Santo, você tem o poder dEle para falar de Jesus a outros (At
1.8). É importante que:
A. Você corajosamente fale de Jesus a outros, dependendo inteiramente do Espírito Santo.
B. Você leve seus parentes, amigos, e vizinhos à sua célula e à igreja.
C. Aprenda com seu discipulador a levar pessoas a Cristo.
Leia o livro Dons Espirituais do Pastor Joerton Kennedy Batista
Espaço reservado para minhas anotações:
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
13
LIÇÃO 3
A NOVA ALIANÇA
A Bíblia é dividida em duas partes: O Antigo Testamento e o Novo Testamento.
1. O Antigo Testamento foi escrito antes de Jesus vir ao mundo, e fala sobre a Primeira Aliança que
Deus fez com Seu povo.
2. O Novo Testamento foi escrito depois que Jesus veio ao mundo, e apresenta a Nova Aliança entre
Deus e nós.
Mesmo que a Primeira Aliança incluiu muitas leis e mandamentos, a salvação do povo do Antigo
Testamento era da mesma maneira que somos salvos hoje: pela fé em Jesus. Eles olharam para frente,
esperando com fé o dia que o Salvador chegasse. Nós olhamos para trás, crendo que Jesus é o
Salvador que já pagou o preço dos nossos pecados na cruz.
O que é uma aliança? No seu uso comum, aliança significa um contrato celebrado entre duas
pessoas. É um acordo, pacto, compromisso feito segundo os termos da aliança. Você que aceitou Jesus
Cristo como seu Senhor e Salvador tem entrado numa aliança assim com Ele. Deus é fiel, e nunca
quebra os termos das Suas alianças (Hb 6.17-18). Por isso a Nova Aliança é chamada uma Aliança
Eterna (Hb 13.20).
Agora você é comprometido para com esse Deus tão fiel e tem uma
responsabilidade de manter os termos da aliança. Estes termos serão explicados
nesta lição (sobre as duas ordenanças), e na próxima lição que fala sobre a
Igreja Local. Na nova Aliança, Jesus deixou duas ordenanças que são símbolos
que representam a morte ressurreição de Jesus.
Quando participamos destas ordenanças, estamos nos lembrando com muita
gratidão de tudo que Jesus fez por nós. Anunciamos que estamos confiando
completamente em Jesus para nossa salvação, e estamos apropriando, pela fé, dos benefícios que
temos através da morte e ressurreição de Jesus.
Quais são estas duas ordenanças da Nova Aliança que simbolizam a morte e ressurreição de Jesus?
1. O BATISMO NAS ÁGUAS
Jesus deu muito valor para o batismo nas águas. Ele mesmo fez questão de ser batizado (Mt 3.13-15).
Jesus serve de modelo para nós. Ele foi batizado quando criança ou quando adulto? _______________
Jesus nos mandou fazer discípulos em todas as nações. Devemos batizar os novos discípulos em nome
de quem? _________________________________________________________________(Mt 28.19).
O batismo nas águas representa a sepultura de uma pessoa que morreu junto com Jesus
espiritualmente. Quando você recebe Jesus, você morre para a vida velha, e nasce de novo para uma
vida nova (Jo 3.3; II Co 5.17).
A velha pessoa, aquela pessoa dentro do seu corpo que gosta do pecado, morreu e foi sepultada. Então
o descer nas águas do batismo representa a _______________________ da sua velha pessoa (Rm 6.3).
O levantar das águas do batismo representa a ressurreição de uma nova pessoa uma pessoa que odeia o
pecado e quer agradar a Deus. Como Jesus ressuscitou dos mortos, também ressuscitamos para uma
nova vida junto com ________________(Rm 6.4-8).
14
O batismo nas águas representa duas coisas que acontecem espiritualmente em nossas vidas quando
recebemos Jesus.
O descer nas águas representa o ___________________________________ da nossa velha pessoa, e o
subir das águas representa a nossa ______________________com Jesus para uma vida nova (Cl 2.12).
O batismo nas águas não tem poder em si mesmo para salvar ninguém. Somos salvos pela graça
mediante a ________________ (Ef 2.8-9).
Uma vez que a pessoa já foi salva (nasceu de novo), ela está qualificada para o batismo (At 8.36-37).
O batismo é muito importante porque através dele, você pode liberar a sua fé para apropriar ainda mais
da realidade espiritual que você, juntamente com Cristo, morreu para o pecado e ressuscitou com Ele
uma nova pessoa (Rm 6.1-11).
2. A CEIA DO SENHOR
Jesus tomou sua última ceia com Seus discípulos logo antes da Sua morte na cruz (Mt 26.26-30)
Ele partiu o pão e deu para Seus discípulos, como um símbolo do seu corpo que seria sacrificado por
eles. Ele falou: “Isto é o Meu _______________________ que é dado por vós; fazei isto em
________________________de Mim” (1 Co 11.23-24).
Quando comemos o pão da Santa Ceia, estamos lembrando da morte de Jesus em nosso lugar.
Ele também tomou o cálice dizendo: "Este cálice é a nova aliança do Meu ______________Fazei isto,
todas as vezes que o beberdes, em _________________________de Mim" (1 Coríntios 11.25).
Devemos estar sempre lembrando e anunciando a morte do Senhor até que Ele venha (I Co 11.26).
Não devemos tomar a Santa Ceia indignamente (I Co 11.27). Não devemos tomar a Ceia como
brincadeira, sem pensar na morte de Jesus e sem engrandece-lo pelo grande sacrifício que Ele fez por
nós. Também é importante que você não guarde rancor e ira em seu coração contra uma outra pessoa.
Você deve ter uma consciência limpa, com um coração aberto para Deus. Peça perdão por qualquer
pecado que o Espírito Santo trouxer a sua consciência.
Você está crendo e apropriando-se daquilo que Ele fez por você? (I Pe 2.24).
Você está amando todo seguidor de Jesus Cristo, e não menosprezando nenhum irmão (I Co 11.22)?
Se suas respostas para as últimas duas perguntas foram “sim”, então agradeça a Deus pelo grande
sacrifício de Jesus, e participe da Ceia.
Se o Espírito Santo mostrar para você que o seu coração não está certo perante Ele, você deve
confessar seu pecado e receber o perdão. O que Deus fará para pessoa que confessa o seu pecado?
__________________________________________________________________________(1 Jo 1.9).
Uma vez que você se arrependeu do seu pecado, deve receber o perdão de Deus e tomar a Ceia em
gratidão por Seu perdão. Não deixe o pecado ser uma desculpa para não participar da Ceia. Arrependa-
se logo do seu pecado e tome a Ceia.
Devemos tomar a Ceia freqüentemente em memória de Jesus, e devemos obedecer Seu mandamento.
Comer o pão e beber o vinho (cálice) não salva. Somos salvos pela graça mediante a ____________
(Ef 2.8-9).
Uma vez que a pessoa foi salva (nasceu de novo), e, foi batizada ela está qualificada para receber a
Santa Ceia. A Santa ceia é muito importante porque através dela você poderá liberar a sua fé para
apropriar ainda mais de toda a sua herança que você tem através da aliança com Cristo e com o Seu
corpo, a Igreja.
15
LIÇÃO 4
A IGREJA
1. A IGREJA MUNDIAL
A Igreja mundial inclui todas as pessoas que têm seu nome inscrito no Livro da Vida. Estas pessoas
entrarão no céu (Hb 12.22-23; Ap 20.15).
É preciso ser membro da Igreja Evangélica Ebenézer para fazer parte da Igreja mundial? ________
Todas as igrejas que ensinam fielmente a Palavra de Deus são boas. Mas nenhuma igreja pode salvar a
ninguém.
Quais são as pessoas que fazem parte da Igreja Mundial? ____________________________________
___________________________________________________________________. (Apoc. 20.12-15).
2. A IGREJA MUNDIAL É O CORPO DE CRISTO
Jesus fisicamente foi embora para o Céu, mas Ele deixou o Espírito Santo aqui vivendo em nós, a
Igreja mundial; e nós somos o corpo de Cristo aqui na terra. O corpo de Cristo é um só corpo, mas tem
muitos membros - que são todas as pessoas salvas por Ele (I Co 12.12-14).
Só existe um corpo de Cristo, e ________ Espírito, _________ só esperança, há um só Senhor, ______
só fé, _______só batismo, _________ só Deus, e Pai de todos (Ef 4.1-6). Todos os salvos por Jesus
são da mesma igreja!
Cada membro do corpo de Cristo faz parte da Sua Igreja, e é importante e necessário para a boa função
do corpo (Ef 4.7-16).
3. A IGREJA LOCAL
A “Igreja Local” é um grupo de pessoas salvas por Jesus que se reúnem num local específico. Há
muitas igrejas locais ao redor do mundo. Paulo começou muitas igrejas locais (Rm 16.3-5; I Co 16.19;
Gl 1.2; I Ts 1.1).
A igreja local é muito importante por várias razões. Uma delas é porque é na Igreja Local que você
manifesta a sua aliança com Deus. Quando você nasceu de novo, você fez uma aliança com Deus onde
tudo que é dEle é seu, e tudo que é seu agora é dEle. Existem muitas promessas na Palavra de Deus
para aqueles que estão em aliança com Ele. Veja como essa aliança se manifesta dentro do contexto da
Igreja Local trazendo grandes bênçãos para você:
Primeira Benção: A Proteção de Deus
A aliança com Deus implica num compromisso com a Igreja Local - freqüentando as reuniões e
submetendo-se voluntariamente aos pastores e aos dirigentes da Célula. O verdadeiro seguidor de
Jesus vai querer obedecê-lo. A Palavra dEle diz: “_______________________________________
como é costume de alguns; antes façamos admoestações, e ____________________________ vedes
que o dia se aproxima” (Hb 10.25).
Veja como a Palavra de Deus mostra claramente que a proteção espiritual está ligada intimamente com
a nossa submissão para com nossos líderes espirituais: “Obedecei aos vossos guias, e sede
__________________________ para com eles; pois _______________________ por vossas almas,
como quem deve prestar contas, para que façam isto com alegria e não gemendo; porque isto não
______________________________________________ para vós outros” (Hb 13.17).
16
Segunda Benção: A Prosperidade de Deus
A sua aliança com Deus e Sua Igreja implica numa entrega total a Ele. Agora tudo é dEle (Lc 14.33) e
o seu coração busca em primeiro lugar o Reino dEle (Mt 6.33). No item 5 desta mesma lição, você
verá como a prosperidade de Deus está ligada intimamente com as nossas atitudes e ações quanto ao
dízimo e as ofertas no contexto da Igreja Local.
Terceira Benção: Felicidades nos Relacionamentos
A sua aliança com Deus implica em ter aliança com seus irmãos e irmãs em Cristo Jesus. Na célula,
com ajuda do líder e do discipulador, você aprenderá a andar no amor de Deus e construir
relacionamentos sadios e duradouros.
A sua aliança com Deus também implica em grandes bênçãos para a sua família (At 16.31). Você
também aprenderá a aplicar a fé e cooperar com Deus pela salvação de toda sua casa (Cl 3.18-21).
Porque o Espírito Santo mora em você agora você tem o poder de perdoar a todos. Nunca permita que
uma mágoa esteja no seu coração. Suportai-vos uns aos outros, __________________ mutuamente,
caso alguém tem motivo de queixa contra outrem. Assim como o Senhor vos perdoou, assim também
perdoai vós (Cl 3.13).
4. CÉLULAS
A melhor maneira de ter intimidade e comunhão uns com os outros na Igreja Local é através das
células. Cada um é membro do outro e precisamos ter comunhão um com o outro. A Igreja Local é
sub-dividida em Células, que se reúnem em casas particulares dos membros.
No tempo de Paulo da Bíblia, um grupo de irmãos se reuniam na casa de Áquila e Priscila (I Co
16.19). Em Jerusalém, os seguidores de Cristo se reuniam freqüentemente para ouvir a doutrina dos
apóstolos e orar, mas também comiam juntos e tinham comunhão (intimidade) entre eles (At 2.42).
A Igreja Local em Jerusalém se reunia:
A. No templo – grandes reuniões, e
B. Nas casas – pequenas reuniões (At 2.46).
Este exemplo da Igreja Local em Jerusalém é interessante. Cremos que é muito importante que todo
seguidor de Jesus seja fiel:
A. Nas celebrações de domingo, onde, a Igreja Local toda se reúne para adorar o Senhor, ouvir dEle, e
celebrar o que Ele está fazendo.
B. Nas células para sermos uma verdadeira família de Deus, estando sempre juntos (At 2.44).
Como membros do mesmo corpo, somos irmãos. Como Cristo deu a Sua vida por nós, devemos dar
nossa vida pelos ________________________(I Jo 3.16-18).
Se tiver um irmão sofrendo necessidade, o que um irmão que tem mais recursos deve fazer?
_______________________________________________________________. Não devemos amar só
com palavras, mas de fato e de ______________________________________________________.
17
5. DÍZIMOS E OFERTAS
Tudo que existe foi feito por Deus, e é dEle. Tudo que nós temos foi emprestado por Deus, e nada
pertence a nós mesmos. O que temos, foi apenas colocado em nossas mãos para administrar.
Deus mandou Seu povo separar a primeira décima parte de tudo que ganhavam (o dízimo) para
financiar o trabalho da obra de Deus (2 Cr 31. 4,5).
Para suprir as próprias necessidades, o povo podia usar os ___________ que sobrava.
O que é um dízimo? “Dízimo” quer dizer a décima parte.
Por exemplo, se você ganhar _______ reais, seu dízimo seria 1 real. O dízimo de 20 reais seria 2 reais,
e de 30 reais seria 3 reais, e assim por diante. O dízimo de 100 reais seria 10 reais.
O dízimo já pertence à obra de Deus, e não é para o nosso uso. Como é que roubamos de Deus? _____
__________________________________________________________________________(Ml.3.8-9)
Quando entregamos o dízimo para Deus, o que Ele promete dar para nós? _______________________
_______________________________________________________________________(Ml 3.10-12).
O dízimo deve ser dado numa atitude de fé, alegria e adoração (Pv 3.5-10; Ml 3.13-18).
Muitas leis do Antigo Testamento não são repetidas no Novo Testamento, mas podemos ver que Jesus
e o autor de Hebreus ainda ensinavam que o dízimo não deveria ser omitido (Mt 23.23; Lc 11.42; Hb
7.8).
A oferta é algo além do dízimo. Tiramos nossa oferta dos 90 por cento que sobrou. Não é uma quantia
certa. Podemos dar a quantia que Deus nos mostrar. Em 2 Co 8 e 9, Paulo estava pedindo uma oferta
generosa das igrejas de Macedônia para os pobres da Judéia.
Deus promete abençoar abundantemente a pessoa que dá generosamente (2 Co 9.6).
A OFERTA DEVE SER DADA COM MUITA ALEGRIA, A QUANTIA SENDO O QUE SEU
CORAÇÃO QUISER, NÃO COM TRISTEZA OU PORQUE FOI FORÇADO. DEUS AMA
QUEM DÁ COM ALEGRIA (1 Co 9.6-7).
18
LIÇÃO 5
COMPREENDENDO A VISÃO DA NOSSA IGREJA
1. O PROPÓSITO DESTA LIÇÃO
Nesta lição queremos que você compreenda melhor a visão que Deus tem nos dado como igreja local.
Já explicamos na Lição 4: a diferença entre a Igreja mundial de Jesus Cristo e a Igreja Local. Agora
vamos ver a importância da Igreja Local na nossa vida e como nós devemos estar comprometidos com
a visão da nossa igreja. Nesta lição queremos também esclarecer o que esperamos de você como um
novo membro desta família e mostrar como e onde você pode se encaixar e servir a Deus como um
membro fiel e responsável da família de Deus.
2. INTRODUÇÃO AO MODELO DO M. D. B
Nós somos uma igreja em células, baseada no modelo do M.D.B. Não se preocupe. Logo você vai
entender tudo! O nosso modelo de discipulado é um a um, e está baseado naquilo que entendemos
pelos relatos bíblicos que foi a prática usada por Jesus e pelos apóstolos no que diz respeito ao
relacionamento e formação dos seus discípulos. Cremos que apesar deles terem muitos momentos em
grupos, a grande parte do processo do discipulado foi realizado um a um.
Para esse processo de discipulado um a um, usamos a sigla M.D.B, que significa: Microcélula de
Discipulado Apostólico. É importante notar que na grande comissão a ordem de Jesus dada a todos os
cristãos não foi de ir e fazer um discípulo; pelo contrário, a palavra está no plural: discípulos. Cremos
firmemente que no nosso contexto, todo cristão deve ter pelo menos três pessoas que ele deve estar
discipulando um a um. Por isso usamos a sigla M.D.B 3. Então se alguém tem três discípulos ele tem
seu M.D.B 3. Se ele tem quatro discípulos ele tem M.D.B 4, e assim por diante.
Essa sigla nos caracteriza e nos identifica como uma igreja que acredita nos princípio do discipulado
um a um (não apenas grupos de discipulado) onde todos os membros estão não apenas sendo
discipulados, mas fazendo discípulos de pelo menos três pessoas.
3. A IGREJA LOCAL É O CORAÇÃO DO REINO DE DEUS
Sem a Igreja Local não existiria a Igreja mundial, pois a Igreja mundial é formada por cada Igreja
Local – eis o porquê da importância dispensada para esta tão preciosa e sublime família espiritual.
Se as Igrejas Locais de uma cidade forem fortes e abençoadas, o reino de Deus será forte e abençoado
naquela cidade. Mas para isso acontecer é necessário que você e eu “vistamos a camisa” da nossa
Igreja Local, procurando compreender a sua visão e mergulhar de cabeça, nos envolvendo sem
reservas, e contribuindo de forma significativa para o seu crescimento. Não nos consideramos a única
igreja certa do mundo, mas cremos que Deus tem nos dado uma visão e queremos ser fiel e levar a
sério essa visão.
4. O CHAMADO DA IGREJA LOCAL
Cremos que como Igreja Local, somos chamados para ser:
a) Um povo perseverante, porque a perseverança é uma atitude de vencedor que subjuga o diabo, o
pecado, e o mundo. Um povo que põe o Reino de Deus em primeiro lugar na sua vida, manifestando-o
19
através da demonstração do poder de Deus: curando os enfermos, expulsando os demônios, pondo em
liberdade os cativos, e declarando uma mensagem de fé, paz, perdão, e amor.
b) Uma “família” cheia de amor, com muitos membros comprometidos e responsáveis uns pelo outros.
c) Uma congregação de adoradores, que através da sua música e dos seus louvores, (juntamente com
uma vida santa e obediente) exaltam e glorificam o Rei dos reis e Senhor dos senhores: O Senhor
Jesus Cristo.
d) Um grande exército que guerreia contra o mal arrancando as vidas das mãos do diabo (o nosso
único inimigo), e trazendo-as para o Reino de Deus.
5. OS OBJETIVOS DA NOSSA IGREJA
Ser uma igreja viva para um Deus Vivo onde diariamente acontece:
SALVAÇÃO: Pessoas chegam ao conhecimento de Jesus Cristo.
CONSOLIDAÇÃO: São fáceis e rapidamente assimiladas pelo corpo.
DISCIPULADO: Entendem e amam a visão da igreja de ser e fazer discípulos.
EDIFICAÇÃO: Crescem no conhecimento da Pessoa, obra e Palavra de Jesus Cristo.
ADORAÇÃO: Louvam e glorificam a Deus com autenticidade.
SERVIÇO: Tornam-se realizadas, servindo ao Senhor, de acordo com os dons dados por Deus a cada
um e dão frutos!
INTEGRAÇÃO: As células e departamentos de serviços para o reino de Deus.
6. O LEMA DA NOSSA IGREJA
Todo mundo evangelizado e todo membro um discípulo compromissado.
7. CÉLULA É O CORAÇÃO DA IGREJA LOCAL
Somos uma igreja em células, ou seja, uma igreja baseada em grupos familiares. Isto significa que o
grupo familiar é nossa prioridade. Isto quer dizer que tudo acontece através e a partir das células. Você
poderia pensar, “Não deveria ser missões a nossa prioridade?” Mas na realidade não existe outra
maneira melhor e mais eficaz de fazer missões como Igreja Local do que através de células. Células
não são eficazes somente para alcançar a nossa “Jerusalém”. Isso acontece de forma impressionante.
Mas as células também alcançam nossa “Judéia,” “Samaria,” e o resto do mundo. Pois com a visão de
células, um enorme contingente de líderes são treinados e preparados para o ministério. E, o mais
interessante é que, não é apenas de forma teórica, mas na prática.
8. OS PEQUENOS GRUPOS TRAZEM GRANDES RESULTADOS
Você pode perguntar por que as células são tão importantes, já que se trata de algo tão pequeno? A
razão é simples. Além de ser um modelo bíblico e ter sido praticado pelos primeiros cristãos, traz
grandes resultados e benefícios para a Igreja Local. Como já estudamos na lição 4, é na célula que
vamos aprender a desenvolver comunhão com Deus e com os irmãos. É lá que vamos desenvolver
vínculos fortes de amizade e camaradagem. É lá onde seremos cuidados, pastoreados, encorajados. É
lá que vamos aprender a descobrir nossos dons e talentos e começar a servir a Deus e a igreja.
20
9. A CÉLULA É O SEU LUGAR DE TREINAMENTO
Que privilégio você tem, de fazer parte de uma célula e começar a desenvolver os dons que Deus tem
lhe dado para serem usados para a glória dEle. É na célula que você vai poder por em prática o que
você está aprendendo na Escola de Líderes. A célula é o seu laboratório ministerial. É lá que você vai
começar a descobrir quais são os seus dons e o jeito certo de fazer a obra de Deus.
10. DISCIPULADO UM A UM É O CORAÇÃO DAS NOSSAS CÉLULAS
Cada seguidor de Jesus deve obedecer o mandamento de fazer discípulos. Na célula cada pessoa deve
ter um discipulador e também deve ter pelo menos três discípulos (M.D.B. 3). Este é um dos nossos
segredos, pois acreditamos demais nesse princípio do discipulado um a um e não somente em grupos.
Sempre devemos ter alguém a quem prestamos conta da nossa vida, assim como sempre devemos estar
acompanhando a vida de alguém.
Todo crente deve ter alguém que ele está ensinando, e todo crente deve ter alguém que tem autoridade
sobre ele. Não podemos andar sozinhos. Isso é muito perigoso. Você já está sendo acompanhado!
Glória a Deus por isso! Agora você deve acompanhar outra pessoa. É assim que tudo funciona.
“Discipulado não é uma opção, é um mandamento do nosso Senhor Jesus Cristo”.
11. CRESCENDO NA VISÃO
Na nossa igreja, há toda uma estrutura montada para que você receba todo o alimento necessário para
um crescimento espiritual e emocional sadio, e também se desenvolva ministerialmente, e dê frutos.
Após a decisão a pessoa deve receber um contato dentro de 24 horas. A seguir é integrada a uma
célula. Imediatamente o líder da célula deve providenciar uma pessoa para ser seu discipulador,
através do qual receberá acompanhamento e ajuda espiritual. Os dois devem se encontrar
semanalmente para estudarem o nosso livro de Discipulado do Acompanhamento Inicial. (Este que
estamos estudando agora.) Imediatamente, o novo convertido é convidado a participar do
ENCONTRO, e logo o PÓS ENCONTRO. Estes são alguns pré-requisitos para se matricular na
Escola de Líderes, que é um curso muito importante e especial para todas as pessoas que desejam
crescer e ser um forte líder, com assuntos muito interessantes e importantes para a sua vida com Jesus.
Enquanto o novo convertido recebe o discipulado do acompanhamento inicial, ele vai também estar
participando de uma célula e congregar em um dos cultos de celebração.
Assim ele está recebendo a dieta necessária e sob medida para o seu crescimento espiritual. Mas não
pára aí! Durante a semana, no dia, ele vai colocando em prática na célula, tudo o que ele tem
aprendido na Escola de Líderes e no Discipulado um a um.
Decisão Contato 24 hs Visita inicial Célula Discipulado Evento Ponte
Encontro Pós-encontro Batismo nas águas Escola de Líderes
12. VISTA AÉREA DO MODELO DO M.D.B.
Esta visão requer compromisso e dedicação, pois para que você esteja cem por cento dentro do modelo
M.D.B, isto inclui o seguinte:
1. Ser membro fiel de uma célula;
2. Estar em vínculo de discipulado um a um;
3. Participar dos cultos de celebração, especialmente da Escola Dominical;
4. Fazer o Encontro;
5. Fazer o Pós-encontro;
21
6. Batismo nas águas;
7. Ter pelo menos três discípulos (M.D.B 3);
8. Se tornar um auxiliar na sua célula e iniciar o treinamento para ser um líder de célula. Além de
tudo isso ter o seu M.D.B. da Igreja Local, oferece muitas outras oportunidades ministeriais.
É IMPORTANTE lembrar mais uma vez a importância de você ter pelo menos seu M.D.B (Pelo
menos três pessoas que você está discipulando um a um). O alvo é que todos na igreja tenham o seu
M.D.B 3. Se você ainda não tem, você deve começar agora a correr atrás.
13. SUBINDO A ESCADA DO SUCESSO – CRESCENDO NO REINO
A nossa jornada no reino de Deus é muito semelhante a uma subida em
uma escada num prédio de vários andares. Deus sempre quer levar você a
experimentar novos níveis. Você converteu e logo começou a ser discipulado.
Depois o próximo passo é começar a fazer novos discípulos. Aí você se torna
auxiliar do seu líder na sua célula, e depois um líder de célula. Precisamos saber
quantos degraus têm, e identificar cada um enquanto estamos subindo. Nós da
Igreja da Evangélica Ebenézer temos diretrizes bem definidas para você trilhar,
e cada degrau que você precisa chegar. Seu discipulador vai conduzir você a
cada nível novo.
A sua célula vai ser o lugar onde você vai dar os primeiros passos na
escada ministerial. O jeito de iniciar é discipulando um novo convertido do seu
grupo. Mas não pare aí, Deus quer te usar muito mais!
Espaço reservado para:
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
22
23
24
25

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULASCAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
Idpb São Jose I
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Alexandre Santos
 
Manual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentesManual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentes
Pastor Paulo Francisco
 
Curso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDCurso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBD
Sergio Silva
 
A família e a igreja
A família e a igrejaA família e a igreja
A família e a igreja
Moisés Sampaio
 
É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!
É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!
É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!
José Vieira Dos Santos
 
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBDPLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
Ednaldo Santos de Jesus
 
DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo Mc 5 21-43
DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo   Mc 5 21-43DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo   Mc 5 21-43
DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo Mc 5 21-43
Paulo Dias Nogueira
 
Encontro com os pais - Catequese
Encontro com os pais - CatequeseEncontro com os pais - Catequese
Encontro com os pais - Catequese
João Carlos da Fonseca
 
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e OfertasLição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Éder Tomé
 
Liderando a célula com paixão
Liderando a célula com paixãoLiderando a célula com paixão
Liderando a célula com paixão
Fernando Balthar
 
PROFESSOR DA EBD PRECISA SABER
PROFESSOR DA EBD PRECISA SABERPROFESSOR DA EBD PRECISA SABER
PROFESSOR DA EBD PRECISA SABER
Marcio de Medeiros
 
Integracao
IntegracaoIntegracao
Família, um projeto de Deus (JIN).ppt
Família, um projeto de Deus (JIN).pptFamília, um projeto de Deus (JIN).ppt
Família, um projeto de Deus (JIN).ppt
Jeronimo Nunes
 
Manual do diacono
Manual do diaconoManual do diacono
Manual do diacono
diaconosdapituba
 
Lição 9 - A Igreja e sua Organização
Lição 9 - A Igreja e sua OrganizaçãoLição 9 - A Igreja e sua Organização
Lição 9 - A Igreja e sua Organização
Éder Tomé
 
Relatório de classe escola dominical gratis
Relatório de classe escola dominical gratisRelatório de classe escola dominical gratis
Relatório de classe escola dominical gratis
Wanderson-Kássia Custódio
 
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte IITreinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Ana Paula Baptista
 
Fruto do Espírito
Fruto do EspíritoFruto do Espírito
Fruto do Espírito
Pr. Welfany Nolasco Rodrigues
 
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi DiscipularTreinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
revolucaoaje
 

Mais procurados (20)

CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULASCAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
 
Manual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentesManual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentes
 
Curso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDCurso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBD
 
A família e a igreja
A família e a igrejaA família e a igreja
A família e a igreja
 
É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!
É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!
É MISSÃO DE TODOS BATIZADOS!
 
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBDPLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
 
DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo Mc 5 21-43
DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo   Mc 5 21-43DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo   Mc 5 21-43
DIA DOS PAIS - Seguindo o exemplo de Jairo Mc 5 21-43
 
Encontro com os pais - Catequese
Encontro com os pais - CatequeseEncontro com os pais - Catequese
Encontro com os pais - Catequese
 
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e OfertasLição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
 
Liderando a célula com paixão
Liderando a célula com paixãoLiderando a célula com paixão
Liderando a célula com paixão
 
PROFESSOR DA EBD PRECISA SABER
PROFESSOR DA EBD PRECISA SABERPROFESSOR DA EBD PRECISA SABER
PROFESSOR DA EBD PRECISA SABER
 
Integracao
IntegracaoIntegracao
Integracao
 
Família, um projeto de Deus (JIN).ppt
Família, um projeto de Deus (JIN).pptFamília, um projeto de Deus (JIN).ppt
Família, um projeto de Deus (JIN).ppt
 
Manual do diacono
Manual do diaconoManual do diacono
Manual do diacono
 
Lição 9 - A Igreja e sua Organização
Lição 9 - A Igreja e sua OrganizaçãoLição 9 - A Igreja e sua Organização
Lição 9 - A Igreja e sua Organização
 
Relatório de classe escola dominical gratis
Relatório de classe escola dominical gratisRelatório de classe escola dominical gratis
Relatório de classe escola dominical gratis
 
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte IITreinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
 
Fruto do Espírito
Fruto do EspíritoFruto do Espírito
Fruto do Espírito
 
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi DiscipularTreinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
Treinamento MDA - Eu Escolhi Discipular
 

Semelhante a Apostila-de-Discipulado.doc

Manual de Discipulador
Manual de DiscipuladorManual de Discipulador
Manual de Discipulador
Christian Lepelletier
 
14 Façam discípulos - Power point.pdf
14 Façam discípulos - Power point.pdf14 Façam discípulos - Power point.pdf
14 Façam discípulos - Power point.pdf
ThyagoSouza20
 
Curso de evangelismo pessoal pr. edmundo
Curso de evangelismo pessoal  pr. edmundoCurso de evangelismo pessoal  pr. edmundo
Curso de evangelismo pessoal pr. edmundo
Edmundo Mendes Silva
 
Quem é Esse Jesus
Quem é Esse JesusQuem é Esse Jesus
Quem é Esse Jesus
Sergio Cabral
 
Treinamento embaixadores
Treinamento embaixadoresTreinamento embaixadores
Treinamento embaixadores
Raphael Antoniolli
 
Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01
Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01
Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01
Mariano Silva
 
TLC lição 3
TLC lição 3TLC lição 3
TLC lição 3
vagner costa
 
Como dar estudos bíblicos 1
Como dar estudos bíblicos 1Como dar estudos bíblicos 1
Como dar estudos bíblicos 1
Leonardo Holanda E Silva
 
catalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdf
catalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdfcatalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdf
catalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdf
DanielProfetaCantanh
 
Nova Criatura (M.D.A.)
Nova Criatura (M.D.A.)Nova Criatura (M.D.A.)
Nova Criatura (M.D.A.)
Vladimir Rodrigues
 
Classes Biblicas
Classes BiblicasClasses Biblicas
Classes Biblicas
Clube de Lideres Online
 
Classes Biblicas
Classes BiblicasClasses Biblicas
Classes Biblicas
Clube de Lideres Online
 
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
João Paulo Gomes Rodrigues
 
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
João Paulo Gomes Rodrigues
 
As dez principais dificuldades de um novo convertido
As dez principais dificuldades de um novo convertido  As dez principais dificuldades de um novo convertido
As dez principais dificuldades de um novo convertido
Anderson Menger
 
12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf
12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf
12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf
SEDUC-PA
 
Vivendo em Pequenos Grupos
Vivendo em Pequenos GruposVivendo em Pequenos Grupos
Vivendo em Pequenos Grupos
Viva a Igreja
 
Cursobasicodeevangelismo parte03
Cursobasicodeevangelismo parte03Cursobasicodeevangelismo parte03
Cursobasicodeevangelismo parte03
Pastora Gyselle Mattos
 
DISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAIS
DISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAISDISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAIS
DISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAIS
Deonice E Orlando Sazonov
 
Rudimentos da doutrina facilitado
Rudimentos da doutrina facilitadoRudimentos da doutrina facilitado
Rudimentos da doutrina facilitado
matheusloko
 

Semelhante a Apostila-de-Discipulado.doc (20)

Manual de Discipulador
Manual de DiscipuladorManual de Discipulador
Manual de Discipulador
 
14 Façam discípulos - Power point.pdf
14 Façam discípulos - Power point.pdf14 Façam discípulos - Power point.pdf
14 Façam discípulos - Power point.pdf
 
Curso de evangelismo pessoal pr. edmundo
Curso de evangelismo pessoal  pr. edmundoCurso de evangelismo pessoal  pr. edmundo
Curso de evangelismo pessoal pr. edmundo
 
Quem é Esse Jesus
Quem é Esse JesusQuem é Esse Jesus
Quem é Esse Jesus
 
Treinamento embaixadores
Treinamento embaixadoresTreinamento embaixadores
Treinamento embaixadores
 
Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01
Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01
Asdezprincipaisdificuldadesdeumnovoconvertido 131217100427-phpapp01
 
TLC lição 3
TLC lição 3TLC lição 3
TLC lição 3
 
Como dar estudos bíblicos 1
Como dar estudos bíblicos 1Como dar estudos bíblicos 1
Como dar estudos bíblicos 1
 
catalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdf
catalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdfcatalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdf
catalogo-de-recursos-de-discipulado-no-brasil.pdf
 
Nova Criatura (M.D.A.)
Nova Criatura (M.D.A.)Nova Criatura (M.D.A.)
Nova Criatura (M.D.A.)
 
Classes Biblicas
Classes BiblicasClasses Biblicas
Classes Biblicas
 
Classes Biblicas
Classes BiblicasClasses Biblicas
Classes Biblicas
 
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
 
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
7387773 manual-de-realizacao-do-encontro
 
As dez principais dificuldades de um novo convertido
As dez principais dificuldades de um novo convertido  As dez principais dificuldades de um novo convertido
As dez principais dificuldades de um novo convertido
 
12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf
12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf
12 LIÇÕES DO DISCIPULADO - NOVA.pdf
 
Vivendo em Pequenos Grupos
Vivendo em Pequenos GruposVivendo em Pequenos Grupos
Vivendo em Pequenos Grupos
 
Cursobasicodeevangelismo parte03
Cursobasicodeevangelismo parte03Cursobasicodeevangelismo parte03
Cursobasicodeevangelismo parte03
 
DISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAIS
DISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAISDISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAIS
DISCIPULANDO LIDERES ESPIRITUAIS
 
Rudimentos da doutrina facilitado
Rudimentos da doutrina facilitadoRudimentos da doutrina facilitado
Rudimentos da doutrina facilitado
 

Mais de JooAlbertoSoaresdaSi

manual_celula_goye.pdf
manual_celula_goye.pdfmanual_celula_goye.pdf
manual_celula_goye.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Estudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdf
Estudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdfEstudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdf
Estudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
As-Abominacoes-do-Templo.pdf
As-Abominacoes-do-Templo.pdfAs-Abominacoes-do-Templo.pdf
As-Abominacoes-do-Templo.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
A-Lideranca-de-Moises.pdf
A-Lideranca-de-Moises.pdfA-Lideranca-de-Moises.pdf
A-Lideranca-de-Moises.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Quando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdf
Quando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdfQuando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdf
Quando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
A-Pessoa-do-Lider.pdf
A-Pessoa-do-Lider.pdfA-Pessoa-do-Lider.pdf
A-Pessoa-do-Lider.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Ezequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdf
Ezequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdfEzequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdf
Ezequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Contra-os-Falsos-Profetas.pdf
Contra-os-Falsos-Profetas.pdfContra-os-Falsos-Profetas.pdf
Contra-os-Falsos-Profetas.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
A Falta que Faz um Líder.pdf
 A Falta que Faz um Líder.pdf A Falta que Faz um Líder.pdf
A Falta que Faz um Líder.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
A-Lideranca-de-Josue.pdf
A-Lideranca-de-Josue.pdfA-Lideranca-de-Josue.pdf
A-Lideranca-de-Josue.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Livros_da_biblia.pdf
Livros_da_biblia.pdfLivros_da_biblia.pdf
Livros_da_biblia.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pptx
10 Resumo Discipulado  3 a 9.pptx10 Resumo Discipulado  3 a 9.pptx
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pptx
JooAlbertoSoaresdaSi
 
O Batismo nas Águas.pdf
O Batismo nas Águas.pdfO Batismo nas Águas.pdf
O Batismo nas Águas.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Estudo sobre os Batismos.pdf
Estudo sobre os Batismos.pdfEstudo sobre os Batismos.pdf
Estudo sobre os Batismos.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Curso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdf
Curso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdfCurso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdf
Curso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
ESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docx
ESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docxESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docx
ESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docx
JooAlbertoSoaresdaSi
 
escola-de-batismo-2021 (1).pdf
escola-de-batismo-2021 (1).pdfescola-de-batismo-2021 (1).pdf
escola-de-batismo-2021 (1).pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
escola-de-batismo-2021.pdf
escola-de-batismo-2021.pdfescola-de-batismo-2021.pdf
escola-de-batismo-2021.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
Discipulado-para-o-batismo-consciente.pdf
Discipulado-para-o-batismo-consciente.pdfDiscipulado-para-o-batismo-consciente.pdf
Discipulado-para-o-batismo-consciente.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pdf
10 Resumo Discipulado  3 a 9.pdf10 Resumo Discipulado  3 a 9.pdf
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pdf
JooAlbertoSoaresdaSi
 

Mais de JooAlbertoSoaresdaSi (20)

manual_celula_goye.pdf
manual_celula_goye.pdfmanual_celula_goye.pdf
manual_celula_goye.pdf
 
Estudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdf
Estudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdfEstudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdf
Estudos Bíblicos Ouvindo a Voz de Deus.pdf
 
As-Abominacoes-do-Templo.pdf
As-Abominacoes-do-Templo.pdfAs-Abominacoes-do-Templo.pdf
As-Abominacoes-do-Templo.pdf
 
A-Lideranca-de-Moises.pdf
A-Lideranca-de-Moises.pdfA-Lideranca-de-Moises.pdf
A-Lideranca-de-Moises.pdf
 
Quando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdf
Quando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdfQuando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdf
Quando-se-Vai-a-Gloria-de-Deus.pdf
 
A-Pessoa-do-Lider.pdf
A-Pessoa-do-Lider.pdfA-Pessoa-do-Lider.pdf
A-Pessoa-do-Lider.pdf
 
Ezequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdf
Ezequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdfEzequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdf
Ezequiel-o-Atalaia-de-Deus.pdf
 
Contra-os-Falsos-Profetas.pdf
Contra-os-Falsos-Profetas.pdfContra-os-Falsos-Profetas.pdf
Contra-os-Falsos-Profetas.pdf
 
A Falta que Faz um Líder.pdf
 A Falta que Faz um Líder.pdf A Falta que Faz um Líder.pdf
A Falta que Faz um Líder.pdf
 
A-Lideranca-de-Josue.pdf
A-Lideranca-de-Josue.pdfA-Lideranca-de-Josue.pdf
A-Lideranca-de-Josue.pdf
 
Livros_da_biblia.pdf
Livros_da_biblia.pdfLivros_da_biblia.pdf
Livros_da_biblia.pdf
 
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pptx
10 Resumo Discipulado  3 a 9.pptx10 Resumo Discipulado  3 a 9.pptx
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pptx
 
O Batismo nas Águas.pdf
O Batismo nas Águas.pdfO Batismo nas Águas.pdf
O Batismo nas Águas.pdf
 
Estudo sobre os Batismos.pdf
Estudo sobre os Batismos.pdfEstudo sobre os Batismos.pdf
Estudo sobre os Batismos.pdf
 
Curso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdf
Curso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdfCurso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdf
Curso-de-Batismo-e-Novos-Membros.pdf
 
ESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docx
ESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docxESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docx
ESTUDO PREPARATÓRIO AO BATISMO.docx
 
escola-de-batismo-2021 (1).pdf
escola-de-batismo-2021 (1).pdfescola-de-batismo-2021 (1).pdf
escola-de-batismo-2021 (1).pdf
 
escola-de-batismo-2021.pdf
escola-de-batismo-2021.pdfescola-de-batismo-2021.pdf
escola-de-batismo-2021.pdf
 
Discipulado-para-o-batismo-consciente.pdf
Discipulado-para-o-batismo-consciente.pdfDiscipulado-para-o-batismo-consciente.pdf
Discipulado-para-o-batismo-consciente.pdf
 
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pdf
10 Resumo Discipulado  3 a 9.pdf10 Resumo Discipulado  3 a 9.pdf
10 Resumo Discipulado 3 a 9.pdf
 

Último

9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 

Último (14)

9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 

Apostila-de-Discipulado.doc

  • 1. 1 INTRODUÇÃO Parabéns! Você tem o privilégio de estar envolvido na Grande Comissão: Fazer discípulos. Na realidade fazer discípulos é verdadeiro “propósito” da igreja, e todo verdadeiro cristão deve estar envolvido com essa tarefa, aliás, uma pessoa que não está fazendo discípulo não é um Cristão normal. Sem dúvida você cresceu até a ponto de ser agora um discipulador. Alguém investiu na sua vida, e agora é a sua vez de fazer o mesmo com outros. Não tenha medo de encarar esse novo desafio, pois à medida que você vai acompanhando o novo seguidor de Jesus, o próprio Jesus vai te ensinando como você deve fazer. O propósito principal deste material é ajudar o novo convertido a entender verdades fundamentais para a sua nova vida, assim como ajuda-lo no processo de transformação da sua lama e mudanças e tendências e valores. Além do Espírito Santo, você também será uma grande influencia na vida desse novo irmão.É normal as pessoas mudarem mais rápido quando elas tem um modelo a ser seguido, e você servirá de modelo ao seu discípulo, sendo o seu discipulador. Não se preocupe com o fato de você não ser perfeito em tudo, pois ninguém ainda é perfeito. Você não precisa fingir que é o que não é, aliás, o Espírito Santo muitas vezes vai usar sua transparência e honestidade para encorajar o seu discípulo a continuar seguindo a Jesus. O mais importante é você andar na luz que você já tem, e Deus o usará. Sem dúvida esta experiência de encontrar semanalmente com o seu discípulo vai beneficiar você também, pois à medida que você ajuda alguém a crescer na fé você também crescerá junto. INSTRUÇÕES IMPORTANTES AO DISCIPULADOR I. Requisitos para ser um discipulador Para que uma pessoa possa discipular alguém é necessário que: 1. Esteja debaixo de uma cobertura espiritual, isso significa ser membro fiel de uma célula; 2. Tenha um discipulador pessoal; 3. Tenha concluído pelo menos a primeira lição do Acompanhamento Inicial; 4. Tenha recebido o treinamento prático de como usar o Manual do Discipulador para discipular um novo convertido através do Acompanhamento Inicial; 5. Seja designado pelo seu dirigente do grupo familiar para ser um discipulador. 6. Adquira os seguintes materiais:  Uma Bíblia completa;  O Manual do Discipulador;  O Acompanhamento Inicial, que deve ser doado ao discípulo;  O livreto Seguindo a Jesus Cristo, que também deve ser doado ao discípulo. II. Características de um bom discipulador 1. Ama seu discípulo; 2. Encoraja seu discípulo; 3. É amigo do seu discípulo; 4. Visite seu discípulo; 5. Promova atividades para se divertirem junto; 6. Ora diariamente pelo seu discípulo; 7. Procura saber da sua vida espiritual, emocional, afetiva, familiar, seus estudos, alvos e interesses; 8. Procura ser um bom exemplo para seu discípulo;
  • 2. 2 9. Sabe ouvir o seu discípulo; 10. Vê seu discípulo como um indivíduo, e é sensível às suas necessidades; 11. Não é um dominador da vida do seu discípulo; 12. Motiva o seu discípulo a se tornar um líder de célula e continuar crescendo na visão da Igreja local. IV – Como encorajar o novo convertido a começar o discipulado. Não force o novo convertido a começar o discipulado. Motive-o, “ponha sal na sua boca”, produza interesse, faça uma boa propaganda do material, explique os benefícios que o discipulado trará na vida dele, e como serão gostosos e edificantes esses encontros. Dê-lhe o Acompanhamento Inicial, e peça para ele estudar a primeira lição e responder as perguntas para o seu primeiro encontro. COMO FAZER O CONTATO EM 24 HORAS Depois da decisão de seguir a Jesus é quase certo que o novo convertido vai receber ataques do inimigo através de dúvida, desânimo, crítica e desprezo de parentes e amigos, vergonha ou qualquer outro artifício. Por isso, as próximas 24 horas após a decisão, têm sido um tempo crítico e delicado na vida do recém convertido, e demanda uma atenção especial. Entendendo isso, é que estamos convencidos que precisamos ser rápidos. Cada novo convertido deve ser contactado pessoalmente, ou por telefone, imediatamente dentro de 24 horas após a sua decisão. Esse contato como regra geral, não deve ser demorado. Tem como propósito parabenizá-lo pela melhor decisão que já fez na sua vida, bem como marcar um encontro mais formal que chamamos de “visita do acompanhamento inicial”. O que falar ao novo convertido no contato 24 horas? (Via telefone): “Prazer muito grande em conhecê-lo!... Meu nome é...”. “Seja bem-vindo a família de Jesus!!” (Demonstrar amor genuíno). É um privilégio poder te servir. Fui designado pela igreja para te apoiar nessa decisão tão maravilhosa”. “Eu queria saber quando que daria para a gente poder reunir para nos conhecermos melhor, bater papo, e falar mais sobre Jesus?” Marque claramente o dia, o local, e a hora para o seu próximo encontro com o novo convertido. Convide o novo convertido para a célula É muito importante você convidá-lo para ir com você a próxima reunião da célula, mesmo que esta reunião seja antes do horário que você marcou para sua primeira visita do acompanhamento inicial. Explique um pouco a cerca da célula, enfatizando como é tão boa a comunhão do grupo, etc. Se ofereça para apanha-lo em casa “Você gostaria que eu passasse aí na sua casa para juntos irmos à reunião da célula? Você vai gostar muito!!!”.
  • 3. 3 A PRIMEIRA VISITA DO ACOMPANHAMENTO INICIAL DEPOIS DO CONTATO 24 HORAS A primeira visita ou encontro com o novo convertido depois do contato 24 horas, nós chamamos de “Primeira Visita do Acompanhamento Inicial”. Esta visita ou encontro deve ter sido marcada no contato em 24 horas. Pode ser um pouco mais demorada, porém não deve se prolongar muito, e tem os seguintes objetivos:  Estabelecer um vínculo forte de amizade e discipulado com o novo seguidor de Jesus.  Ensinar algumas verdades importantes para a nova vida que ele tem agora.  Definir dia, hora e local para começares a Acompanhamento Inicial. A. Como proceder na primeira visita do Acompanhamento Inicial Os próximos passos são muito importantes, porém, você deve ter muito cuidado para não entrar em muitos detalhes, prolongando demais a visita. 1. Numa atmosfera de tranqüilidade e de uma forma amigável, ouvindo mais e falando menos: a. Parabenize o novo convertido pela sua decisão b. Pergunte para o novo convertido como ele está em geral, e também como está a vida dele nesta área espiritual desde quando ele fez a sua decisão. c. Ele tem alguma pergunta? Ou alguma dúvida? (Seja muito atencioso e flexível, nunca condenador). d. É muito importante que o Novo Convertido sinta-se à vontade e livre para se expressar. Seja muito amoroso com ele. 2. Fale com ele sobre a importância da intimidade com Deus, como esta intimidade poderá ser estimulada através do seu tempo sozinho com Deus. a. Explique acerca do tempo sozinho com Deus. b. Explique o que é oração (conversar com Deus). c. Explique acerca da leitura da Bíblia: Começando com 1 João depois do Evangelho João até Apocalipse. d. Explique que para restaurarmos a nossa intimidade com Deus, devemos confessar os nossos pecados de acordo com 1 João 1.9. 3. Fale com o Novo Convertido sobre a importância dele não ter vergonha de falar de Jesus para os outros, etc. 4. Fale com ele sobre a importância da célula, e, é claro, do culto de celebração. 5. Explique ao novo convertido sobre o discipulado uma um e como é muito maravilhoso este tipo de discipulado e como lhe ajudará a crescer espiritualmente. a. Pergunte ao novo convertido quando que poderia reunir regularmente para que você possa iniciar o DISCIPULADO: ACOMPANHAMENTO INICIAL. b. Não esqueça de marcar o dia e a hora para os próximos encontros. 6. Entregue ao novo convertido o livro do discípulo e explique como ele deve estudar e preencher os espaços em branco com lápis, e que as respostas são encontradas nos textos sublinhados. Ensine neste momento, a diferença entre capítulos e versículos e como o discípulo poderá encontrar os textos da bíblia usando o próprio índice da Bíblia. Explique que nos seus encontros semanais você vai corrigir as respostas que não estiverem corretas. 7. Faça uma oração por ele de benção e vitória. 8. Confirme o seu próximo encontro.
  • 4. 4 B. Cinco segredos para fazer uma visita bem sucedida. 1. Espírito Santo a. Dependência e intimidade total; b. Orar em línguas (antes da visita); c. Orar em fé; d. Tranqüilidade; e. Alegria ; f. Lembrar que a maior regra, é que não tem regra; 2. Cobertura espiritual – Submissão à liderança em todos os sentidos 3. Atitude de fé a. Creia que o Espírito Santo está dirigindo e que tudo vai dar certo; b. Seja confiante na unção do Espírito Santo; c. Vai ser um sucesso; d. Filipenses 1.6; Isaías 54.17; Romanos 15.14 (Tenha esta atitude para com você e o novo convertido); e. Confiança (1 João 4.4). 4. Alegria genuína a. Sorriso sincero; b. Ânimo contagiante; c. Cheio de Jesus. 5. Calmo e pacífico com todos os homens (Tito 3.2) a. Boa educação; b. Respeitador; c. Evite levar muitas pessoas; d. Evite ir em horários impróprios (por exemplo: horário de refeições e descanso); e. Não entre numa casa com uma pessoa do sexo oposto se vocês estiverem a sós; f. Evite toda aparência do mal; g. Visita-se duma maneira modesta, não religiosa (com uma boa aparência, bom cheiro, etc.); h. Evite “evangeliquês” (chavões evangélicos); i. Evite prolongar demasiadamente a visita; j. Seja amoroso, pronto para ministrar e/ ou orar com outros da casa; k. Ganhe a casa para Jesus com o impacto (mas gentil) da sua visita. Coisas para levar em uma visita bem sucedida: 1. Unção do Espírito Santo; 2. Sorriso sincero, atitude humilde, amor genuíno; 3. Livro do Acompanhamento Inicial.
  • 5. 5 COMO PROCEDER EM CADA ENCONTRO: 1. Antes de encontrar-se com o novo convertido, sempre ore e peça a direção do Espírito Santo. 2. Seja agradável, sempre interessado em sua vida, em geral e no seu relacionamento com Deus. 3. Antes de cada lição, ore com o novo convertido. 4. Seja sensível a qualquer pergunta ou dúvida ou problema que o discípulo esteja enfrentando. 5. Pergunte se ele estudou a lição que você indicou. 6. Faça as seguintes perguntas antes de iniciarem a lição: Qual aspecto da lição que mais chamou a sua atenção ou mais falou com você? Por quê? Há algum ponto da lição que você não compreendeu muito bem? Qual foi? Você aprendeu alguma coisa nova nessa lição? 7. Estude a lição dando ênfase aos pontos importantes, ajudando a aplicar as verdades aprendidas para o dia a dia do seu discípulo, mas cuidado, não passe meia hora pregando! 8. Permita que o seu discípulo tenha o livro do discípulo e você vai acompanhando a leitura no seu manual do discipulador. 9. Se o novo convertido souber ler bem, deixe que ele faça basicamente toda leitura, tanto no livro do discípulo quanto na Bíblia. 10. Verifique se as respostas do discípulo estão corretas e se entendeu de fato a questão. 11. Explique sobre a próxima lição e deixe como tarefa para ele estudar e preencher para o próximo Encontro. 12. Use a folha de discipulado que se encontra no fim deste Manual para lhe ajudar a entrar na vida do seu discípulo. Faça uma cópia da folha, ou use um caderno para anotar as respostas e áreas que precisam de ajuda. Use esta folha em cada encontro para dar continuidade. Por exemplo: Se seu discípulo ainda não está tirando tempo sozinho com Deus, anote na folha o horário, tempo e local que ele acha que vai dar para ele. Na próxima semana, pergunte se está dando certo etc. Assim você vai poder ajudar o seu discípulo e estabelecer e cumprir alvos em todas as áreas da vida dele. 13. Ore encerrando o encontro.
  • 6. 6 COMO USAR ESTE MANUAL 1. As respostas são encontradas somente nos textos sublinhados. 2. Em cada encontro ajude o novo convertido a encontrar pelo menos dois textos para que ele aprenda a manusear a Bíblia. 3. Passe por toda a lição. È bom o discípulo ver tudo outra vez e verificar se as respostas estão corretas e corrija o que for necessário 4. Não dê logo a resposta quando o novo convertido não acertar. Leia o texto outra vez e ajude o seu discípulo a encontrar a resposta certa. 5. Deixe claro para seu discípulo que ao concluir este livro não significa que acabou o discipulado. 6. Durante as lições você vai encontrar algumas orientações para você seguir. Familiarize-se bem com elas antes de encontrar com seu discípulo. Não leia para ele, apenas faça o que lhe está sendo orientado. 7. O seu sucesso como discipulador não é medido somente se você passa e ensina bem o material. É medido principalmente pela qualidade e profundidade do relacionamento que existe entre você e seu discípulo.
  • 7. 7 LIÇÃO 1 CERTEZA DE SALVAÇÃO 1. DEUS AMA E QUER ABENÇOAR A TODOS NÓS Deus nos criou, e Ele é muito bom (Salmo 100). Deus ama todas as pessoas do mundo (João 3.16). Deus quer nos abençoar e nos dar uma vida feliz (Salmo 100; João 10.10). Como Ele provou o seu amor para conosco? _________________________________________________ (João 15.13; Rom. 5.8; Efésios 5.2) 2. TODOS PECARAM, DESOBEDECENDO A DEUS Deus nos deu os seus mandamentos para a nossa prosperidade e sucesso (I Reis 2.3); Salmo 1.1-3). Porém, não existe nenhuma pessoa justa que tem obedecido aos mandamentos de Deus (Romanos 3.10-12). Existe alguém que nunca pecou, exceto Jesus? ________ (Romanos 3.23; Isaías 64.6). 3. O RESULTADO DO PECADO É SÉRIO Qual é o resultado do pecado? ___________________ (Romanos 6.23). Sabemos que todos vão morrer fisicamente, mas a morte espiritual é quando a pessoa é separada de Deus eternamente no lago de fogo (Ap 20.11-15; 21.8). Todo mundo vai herdar o reino de Deus?__________ (I Co 6.9-10). Depois que a pessoa morrer, ela é julgada não há outra chance (Hebreus 9.27). 4. DEUS QUER PERDOAR E SALVAR A TODOS Quem pode ter a vida eterna? _____________________________________________ (João 3.16). Quem pode ser salvo? ___________________________________________________ (Atos 2.21). A palavra de Deus diz que Jesus vai voltar. Porque parece que Jesus está demorando para voltar? ___ ___________________________________________________________________ (II Pedro 3.9). 5. NINGUÉM PODE SER SALVO FAZENDO BOAS OBRAS A salvação é um presente de Deus completamente gratuito, recebido pela fé, e não através dos nossos esforços (Ef 2.8-9; Rm 6.23; Tt 3.4-7). Ninguém será justificado ou perdoado por obedecer qualquer lei. Para ser justificado, todos precisam ter fé em quem? ____________________________________________________(Gl 2.16). 6. SÓ JESUS PODE NOS SALVAR Qual é único nome pelo qual podermos ser salvos? _____________________________(Atos 4.10-12). Ninguém pode chegar ao Pai se não por Jesus. Ele mesmo disse que Ele é ______________________ _________________________________________________________________________(João 14.6). Quem tem o Filho de Deus tem a vida eterna. Quem não tem o Filho de Deus ____________________ _____________________________________________________________________(I João 5.10-12).
  • 8. 8 7. PRECISAMOS NOS ARREPENDER DOS NOSSOS PECADOS PARA SERMOS PERDOADOS Quando João Batista começou a pregar, ele pregava sobre a importância do arrependimento (Mateus 3.2). Qual foi a primeira pregação de Jesus quando Ele começou o Seu ministério?_______________ ______________________________________________________________________ (Mateus 4.17). Jesus veio ao mundo para chamar pecadores ao _________________________________ (Lucas 5.32). O que causa o maior júbilo no céu? ________________________________________________ _______________________________________________________________________(Lucas 15.7). O arrependimento envolve vários passos: Primeiro: Reconhecer o seu pecado. Segundo: Sentir tristeza pelo seu pecado, mas uma tristeza segundo Deus, produzida pela convicção do Espírito Santo (II Co 7.9-10). Terceiro: Virar as costas para o pecado e decidir de todo o coração abandoná-lo. Quarto: Fazer restituição quando for necessário (Lc 19.8) Atenção discipulador: Explique o que é restituição: a. Pedir perdão de pessoas ofendidas com ele b. Devolver qualquer objeto ou dinheiro que tenha furtado (mesmo que seja aparentemente insignificante). 8. PRECISAMOS CRER EM JESUS PARA SERMOS SALVOS O que precisamos fazer para sermos salvos? ________________________________ (Atos 16.30-31). Não é suficiente somente acreditar que Deus existe; até os demônios crêem em Deus e tremem (Tg 2.19). O “crer” bíblico significa uma entrega completa da sua vida ao Senhor Jesus (João 1.12). O que Ele está preparando para aqueles que crêem nEle? ________________________ (João 14.1-3). O que vai acontecer com quem não crer em Jesus? _________________________________________ _____________________________________________________________________ (João 3.18-36). Crer em Jesus não é apenas acreditar nEle, mas envolve recebê-lo como seu Senhor, ou seja, Dono da sua vida (João 1.12). 9. PRECISAMOS CONFESSAR COM NOSSA BOCA QUE JESUS CRISTO É O SENHOR. Para ser salvo, o que você precisa confessar com a boca? ____________________________________ ______________________________________________________________________ (Rm 10.9-10). Você precisa confessar com a boca que Jesus é o Filho de Deus (1 João 4.15) Quem tem coragem de confessar o Filho de Deus perante os homens, Ele o confessará diante do Pai. Quem o Filho de Deus irá negar perante o Pai? ____________________________________________ ______________________________________________________________________(Mt 10.32-33).
  • 9. 9 10. O SANGUE DE JESUS NOS PURIFICA DE TODO PECADO. Jesus derramou o Seu sangue, para a remissão (perdão) dos nossos pecados (Mateus 26.28). Quem é justificado dos seus pecados pelo sangue de Jesus será salvo por Ele da ira de Deus (Rm 5.9) O que é que nos purifica de todo pecado? ______________________________________ (1 João 1.7) 11. DEUS PERDOA COMPLETAMENTE OS SEUS PECADOS, E VOCÊ NUNCA MAIS SERÁ CONDENADO POR ELE Jesus se lembra dos nossos pecados uma vez que somos perdoados? ______________ Hebreus 8.12, Hebreus 10.17; Isaías 43.25; Salmo 103.11-13. O que a Bíblia fala sobre as pessoas que estão em Cristo Jesus? _______________________________________________________________(Rm. 8.1) 12. VOCÊ PODE TER CERTEZA DA SUA SALVAÇÃO Quem crê no nome do Filho de Deus não será julgado por Ele (João 3.18). Não esqueça que “crê em Jesus” significa recebê-lo como dono da sua vida, e procurar obedecê-lo em tudo (Hebreus 5.8-9). Quem crê no Filho de Deus tem a ________________________________ (João 3.36). Ele já passou da morte para a vida (João 5.24). Quem pode saber se já tem a vida eterna _________________________________________________ _______________________________________(I João 5.13). Quem é que testifica conosco que somos filhos de Deus? ___________________________(Rm 8.16). Se você pecar, uma vez salvo, você não perde a sua salvação. Jesus é o seu Advogado porque já pagou o preço dos seus pecados (I João 2.1-2). Então, se você pecar depois de ser salvo, você perde a sua salvação? ______ (Rm 8.31-34). Quando você recebeu Jesus na sua vida, você se tornou o quê? ________________________________ __________________________________________(João 1.12). Na vida natural, quando um filho é rebelde, ele deixa de ser filho do seu pai? _____ (Verdadeiramente, ele nunca pode deixar de ser filho). Um filho rebelde, porém, deixa de ter intimidade com seu pai. Quando nós pecamos, mesmo que não perdemos a salvação, nós prejudicamos a nossa intimidade e comunhão com Deus (I João 1.5-6). Como podemos restaurar a nossa comunhão com Deus? _____________________________________ ________________________________________________________________________(I João 1.9). Fomos salvos pela graça mediante a _________ (Ef 2.8). Agora permanecemos salvos da mesma maneira, pela fé. Da mesma maneira que recebemos a Cristo Jesus pela fé, devemos também viver (ou “andar nEle”) crescendo espiritualmente na ____________ (Cl2.6-7) Enquanto você perseverar tendo uma fé viva em Jesus como seu Senhor e Salvador, você sempre permanecerá salvo (Hb 10.35-39)! Se você já O recebeu como seu Senhor e Salvador, você já tem a ________________________________________ (João 1.12, Rm 10.9-10, João 3.36; 1 João 5.12-13). Não aceite as acusações do maligno quando ele diz que não tem a salvação (Ap 12.10-11). Não duvide das promessas de Deus. A Palavra de Deus garante que você já tem a vida eterna (João 3.16).
  • 10. 10 LIÇÃO 2 O ESPÍRITO SANTO TRANSFORMA A SUA VIDA 1. QUEM É ESPÍRITO SANTO? O Espírito Santo é o Espírito de Deus, (Mateus 28.19) Ele é o Consolador, que sempre estará conosco dentro de nós (João 14.16-17) Deus o Pai e o Filho fazem morada dentro de nós através do Espírito Santo (João 14.23) 2. QUEM TEM O ESPÍRITO SANTO? Deus dá o Espírito Santo somente para quem é Seu filho (Gl 4.6-7; Rm 8.9). Quem habita agora em seu corpo? __________________________________________ (I Cor. 6.19). Todos que são guiados pelo Espírito de Deus são __________________________________________ ______________________________________________________________________(Rm. 8.14-16). 3. O ESPÍRITO SANTO AJUDA VOCÊ A ORAR. Todo dia você deve tirar tempo para estar sozinho com Deus, falando com Ele (Mt 6.6). Não sabemos orar como convém. Por isso o Espírito Santo nos assiste em nossas orações. Ele intercede por nós com gemidos inexprimíveis (Rm 8.26-27). Devemos orar em todo tempo no _______________ (Ef 6.18). Devemos vigiar e orar para não entrarmos em ____________ _________________________________________(Mt 26.41). 4. O ESPÍRITO SANTO AJUDA VOCÊ A ENTENDER A PALAVRA DE DEUS. É muito importante para você tirar tempo todo dia para meditar na Palavra de Deus, para que você possa aprender a vontade de Deus para sua vida. Quem obedece a Deus é abençoado por Ele. Quando você deve meditar na Palavra de Deus? ___________________________________________ ____________________________________________________________________________(Js 1.8). Porque devemos guardar a Palavra de Deus em nosso coração? _______________________________ _________________________________________________________________________(Sl 119.11). Não precisamos só de pão (comida) para viver, mas precisamos de toda palavra que sai da boca de Deus (Mateus 4.4). O céu e a terra passarão, mas a Palavra de Deus ____________________________ _________________________________________________________________________(Lc 21.33). A Palavra de Deus é a verdade. O que a verdade faz para nós? ________________________________ ________________________________________________________________________(Jo 8.31-32). Não devemos ser somente ouvintes da Palavra de Deus, mas também __________________ (Tg 1.22). Muitas vezes não entendemos a Palavra de Deus. Quem foi enviado pelo Pai para nos ensinar todas as coisas que o Filho nos ensinou? _______________________________________________ (Jo 14.26). 5. O PECADO ENTRISTECE O ESPÍRITO SANTO. Não devemos entristecer ou apagar o Espírito Santo de Deus com pecado em nossa vida (Ef 4.30-32; I Ts 5.19). O pecado atrapalha nosso relacionamento com Deus (Is 59.1-2). Deus perdoa a pessoa que confessa o seu pecado? _____________________________ (Salmo 32.1-5). Não devemos esconder nosso pecado, mas confessá-lo para alcançar _________________ (Pv 28.13).
  • 11. 11 Nós confessamos nossos pecados a Deus para sermos perdoados (I João 1.9); porém muitas vezes para sermos curados do problema é necessário confessarmos nossos pecados para nosso líder espiritual (nosso discipulador, dirigente, ou outro líder que o dirigente concordar) para que ele possa nos ajudar (Tg 5.14-16, Hb 13.17). Você deve ter uma atitude humilde na presença de Deus, sempre pedindo que Ele purifique o seu coração de todo pecado (Sl 139.23-24). 6. O ESPÍRITO SANTO DÁ O PODER NECESSÁRIO PARA VENCER O PECADO. Sem o poder do Espírito Santo, ninguém pode ser livre do poder do pecado. Nossa carne é fraca, e fazemos coisas erradas sem querer. Ao mesmo tempo, não fazemos coisas boas, mesmo querendo (Rm 7.18-20). A pessoa que é controlada pela carne não pode agradar a __________________ (Romanos 8.8). Uma pessoa que é controlada pelo Espírito Santo é livre da escravidão do pecado (Rm 8.1,2,9-11). Na vida cristã dependemos do Espírito Santo para tudo, inclusive para obter vitória contra o poder do pecado. Não vencemos o pecado por nossas próprias forças, mas pelo _________________________ (Zc 4.6). Para na satisfazer os desejos da sua carne, você precisa andar no ______________________(Gl 5.16).Uma vida controlada pela carne resulta em muito pecado (Gl 5.19-21).Quais são os resultados de uma vida controlada pelo Espírito Santo? ___________________ _______________________________________________________________________ (Gl 5.22,23). 7. VOCÊ DEVE ESTAR CHEIO DO ESPÍRITO SANTO EM TODO MOMENTO Não devemos estar dormindo espiritualmente. A vida é curta, e devemos aproveitar todo momento, fazendo a vontade de Deus em nossas vidas. A vontade de Deus é que estejamos cheios do _________ ____________________________________ (Ef. 5.14-18). É fácil perceber quando alguém está cheio do Espírito Santo, porque ao invés de se preocupar, sentir medo, reclamar, criticar, etc., ele fala e canta louvores a ___________________ e sempre dá graças a Deus por tudo amando e servindo as pessoas (Efésios 5.18-21) 8. VOCÊ DEVE SER TESTEMUNHA DE JESUS PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO. Nós precisamos do poder do Espírito Santo para sermos testemunhas de Jesus (At 1.8). Não devemos fazer nada para Deus sem sermos revestidos com o poder do Espírito Santo (Lc 24.49). Depois que os discípulos ficaram cheios do Espírito Santo, eles saíram anunciando a Palavra de Deus com _______________________ (At 4.31). O Apóstolo Paulo não usava sua própria sabedoria e palavras bonitas para convencer o povo. Ele pregava pelo poder do ___________________________________(1 Co 2.4-5; I Ts 1.5). Paulo operava sinais e prodígios (milagres) pelo poder do _________________________________ (Rm 15.18-20). O próprio Jesus era ungido pelo Espírito Santo para evangelizar, libertar e pregar (Lc 4.18-19). 9. PRECISAMOS DOS DONS DO ESPÍRITO SANTO PARA FAZER A OBRA DE DEUS. Devemos estar operando nos dons do Espírito Santo que Deus dá para cada um dos Seus filhos. Assim como um corpo humano tem muitos membros para funcionar direito, Deus deu dons diferentes para cada um de nós que somos membros do Seu Corpo, mas o Espírito é o mesmo. Todos os dons são necessários (1 Co 12.1-11). Todo filho de Deus tem um ou mais ministérios, e todos devem estar usando e desenvolvendo os dons para o avanço do Reino de Deus. Quais são alguns dos dons do Espírito Santo? __________________ __________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________(I Co 12.7-10). Toda obra deve ser feita pelo poder do Espírito Santo (Mt 7.21-23).
  • 12. 12 10. RECEBA AGORA O BATISMO DO ESPÍRITO SANTO O Pai Celestial sabe dar boas dádivas aos Seus filhos. O que Ele dará para Seus Filhos se eles lhe pedirem? ___________________________________________(Lc 11.13). Para receber o batismo no Espírito Santo, você precisa pedir ao Pai. Recebemos o batismo pela fé (Mc 11.24). Depois devemos aplicar a fé para ficar cheio dEle a todo momento (Ef 5.18). Faça a oração de Lc 11.13, crendo que você está recebendo o batismo no Espírito Santo, de acordo com Sua promessa. Se você fez esta oração, não duvide da promessa de Lc 11.13, e creia que você já está batizado no Espírito Santo. Você está batizado no Espírito Santo! Você já tem o poder dentro de você para ser testemunha de Jesus (At 1.8), através dos dons do Espírito Santo, Creia nisto! Tudo é feito pela fé, até o uso dos dons que já foram dados livremente para você quando você recebeu o batismo no Espírito Santo. A primeira manifestação dos dons Espírito que foi dado aos discípulos no dia de pentecostes foi _________________________________________________________________________ (At 2.1-4). Agora, para os dons se manifestarem na sua vida, continue liberando a sua fé: Você pode orar em línguas (At 2.4; At 10.44-47) e praticar os dons do Espírito Santo seguindo as Suas direções. Você está cheio do Espírito Santo: Ele é a Fonte de todos os dons. Não esqueça que agora, pelo Nome de Jesus e pelo poder do Espírito Santo, Deus há de usar você com poder sobrenatural (Mc 16.17-18). 11. COMO COMPARTILHAR JESUS COM OS OUTROS NO PODER DO ESPÍRITO SANTO Agora que você está cheio do Espírito Santo, você tem o poder dEle para falar de Jesus a outros (At 1.8). É importante que: A. Você corajosamente fale de Jesus a outros, dependendo inteiramente do Espírito Santo. B. Você leve seus parentes, amigos, e vizinhos à sua célula e à igreja. C. Aprenda com seu discipulador a levar pessoas a Cristo. Leia o livro Dons Espirituais do Pastor Joerton Kennedy Batista Espaço reservado para minhas anotações: __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________
  • 13. 13 LIÇÃO 3 A NOVA ALIANÇA A Bíblia é dividida em duas partes: O Antigo Testamento e o Novo Testamento. 1. O Antigo Testamento foi escrito antes de Jesus vir ao mundo, e fala sobre a Primeira Aliança que Deus fez com Seu povo. 2. O Novo Testamento foi escrito depois que Jesus veio ao mundo, e apresenta a Nova Aliança entre Deus e nós. Mesmo que a Primeira Aliança incluiu muitas leis e mandamentos, a salvação do povo do Antigo Testamento era da mesma maneira que somos salvos hoje: pela fé em Jesus. Eles olharam para frente, esperando com fé o dia que o Salvador chegasse. Nós olhamos para trás, crendo que Jesus é o Salvador que já pagou o preço dos nossos pecados na cruz. O que é uma aliança? No seu uso comum, aliança significa um contrato celebrado entre duas pessoas. É um acordo, pacto, compromisso feito segundo os termos da aliança. Você que aceitou Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador tem entrado numa aliança assim com Ele. Deus é fiel, e nunca quebra os termos das Suas alianças (Hb 6.17-18). Por isso a Nova Aliança é chamada uma Aliança Eterna (Hb 13.20). Agora você é comprometido para com esse Deus tão fiel e tem uma responsabilidade de manter os termos da aliança. Estes termos serão explicados nesta lição (sobre as duas ordenanças), e na próxima lição que fala sobre a Igreja Local. Na nova Aliança, Jesus deixou duas ordenanças que são símbolos que representam a morte ressurreição de Jesus. Quando participamos destas ordenanças, estamos nos lembrando com muita gratidão de tudo que Jesus fez por nós. Anunciamos que estamos confiando completamente em Jesus para nossa salvação, e estamos apropriando, pela fé, dos benefícios que temos através da morte e ressurreição de Jesus. Quais são estas duas ordenanças da Nova Aliança que simbolizam a morte e ressurreição de Jesus? 1. O BATISMO NAS ÁGUAS Jesus deu muito valor para o batismo nas águas. Ele mesmo fez questão de ser batizado (Mt 3.13-15). Jesus serve de modelo para nós. Ele foi batizado quando criança ou quando adulto? _______________ Jesus nos mandou fazer discípulos em todas as nações. Devemos batizar os novos discípulos em nome de quem? _________________________________________________________________(Mt 28.19). O batismo nas águas representa a sepultura de uma pessoa que morreu junto com Jesus espiritualmente. Quando você recebe Jesus, você morre para a vida velha, e nasce de novo para uma vida nova (Jo 3.3; II Co 5.17). A velha pessoa, aquela pessoa dentro do seu corpo que gosta do pecado, morreu e foi sepultada. Então o descer nas águas do batismo representa a _______________________ da sua velha pessoa (Rm 6.3). O levantar das águas do batismo representa a ressurreição de uma nova pessoa uma pessoa que odeia o pecado e quer agradar a Deus. Como Jesus ressuscitou dos mortos, também ressuscitamos para uma nova vida junto com ________________(Rm 6.4-8).
  • 14. 14 O batismo nas águas representa duas coisas que acontecem espiritualmente em nossas vidas quando recebemos Jesus. O descer nas águas representa o ___________________________________ da nossa velha pessoa, e o subir das águas representa a nossa ______________________com Jesus para uma vida nova (Cl 2.12). O batismo nas águas não tem poder em si mesmo para salvar ninguém. Somos salvos pela graça mediante a ________________ (Ef 2.8-9). Uma vez que a pessoa já foi salva (nasceu de novo), ela está qualificada para o batismo (At 8.36-37). O batismo é muito importante porque através dele, você pode liberar a sua fé para apropriar ainda mais da realidade espiritual que você, juntamente com Cristo, morreu para o pecado e ressuscitou com Ele uma nova pessoa (Rm 6.1-11). 2. A CEIA DO SENHOR Jesus tomou sua última ceia com Seus discípulos logo antes da Sua morte na cruz (Mt 26.26-30) Ele partiu o pão e deu para Seus discípulos, como um símbolo do seu corpo que seria sacrificado por eles. Ele falou: “Isto é o Meu _______________________ que é dado por vós; fazei isto em ________________________de Mim” (1 Co 11.23-24). Quando comemos o pão da Santa Ceia, estamos lembrando da morte de Jesus em nosso lugar. Ele também tomou o cálice dizendo: "Este cálice é a nova aliança do Meu ______________Fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em _________________________de Mim" (1 Coríntios 11.25). Devemos estar sempre lembrando e anunciando a morte do Senhor até que Ele venha (I Co 11.26). Não devemos tomar a Santa Ceia indignamente (I Co 11.27). Não devemos tomar a Ceia como brincadeira, sem pensar na morte de Jesus e sem engrandece-lo pelo grande sacrifício que Ele fez por nós. Também é importante que você não guarde rancor e ira em seu coração contra uma outra pessoa. Você deve ter uma consciência limpa, com um coração aberto para Deus. Peça perdão por qualquer pecado que o Espírito Santo trouxer a sua consciência. Você está crendo e apropriando-se daquilo que Ele fez por você? (I Pe 2.24). Você está amando todo seguidor de Jesus Cristo, e não menosprezando nenhum irmão (I Co 11.22)? Se suas respostas para as últimas duas perguntas foram “sim”, então agradeça a Deus pelo grande sacrifício de Jesus, e participe da Ceia. Se o Espírito Santo mostrar para você que o seu coração não está certo perante Ele, você deve confessar seu pecado e receber o perdão. O que Deus fará para pessoa que confessa o seu pecado? __________________________________________________________________________(1 Jo 1.9). Uma vez que você se arrependeu do seu pecado, deve receber o perdão de Deus e tomar a Ceia em gratidão por Seu perdão. Não deixe o pecado ser uma desculpa para não participar da Ceia. Arrependa- se logo do seu pecado e tome a Ceia. Devemos tomar a Ceia freqüentemente em memória de Jesus, e devemos obedecer Seu mandamento. Comer o pão e beber o vinho (cálice) não salva. Somos salvos pela graça mediante a ____________ (Ef 2.8-9). Uma vez que a pessoa foi salva (nasceu de novo), e, foi batizada ela está qualificada para receber a Santa Ceia. A Santa ceia é muito importante porque através dela você poderá liberar a sua fé para apropriar ainda mais de toda a sua herança que você tem através da aliança com Cristo e com o Seu corpo, a Igreja.
  • 15. 15 LIÇÃO 4 A IGREJA 1. A IGREJA MUNDIAL A Igreja mundial inclui todas as pessoas que têm seu nome inscrito no Livro da Vida. Estas pessoas entrarão no céu (Hb 12.22-23; Ap 20.15). É preciso ser membro da Igreja Evangélica Ebenézer para fazer parte da Igreja mundial? ________ Todas as igrejas que ensinam fielmente a Palavra de Deus são boas. Mas nenhuma igreja pode salvar a ninguém. Quais são as pessoas que fazem parte da Igreja Mundial? ____________________________________ ___________________________________________________________________. (Apoc. 20.12-15). 2. A IGREJA MUNDIAL É O CORPO DE CRISTO Jesus fisicamente foi embora para o Céu, mas Ele deixou o Espírito Santo aqui vivendo em nós, a Igreja mundial; e nós somos o corpo de Cristo aqui na terra. O corpo de Cristo é um só corpo, mas tem muitos membros - que são todas as pessoas salvas por Ele (I Co 12.12-14). Só existe um corpo de Cristo, e ________ Espírito, _________ só esperança, há um só Senhor, ______ só fé, _______só batismo, _________ só Deus, e Pai de todos (Ef 4.1-6). Todos os salvos por Jesus são da mesma igreja! Cada membro do corpo de Cristo faz parte da Sua Igreja, e é importante e necessário para a boa função do corpo (Ef 4.7-16). 3. A IGREJA LOCAL A “Igreja Local” é um grupo de pessoas salvas por Jesus que se reúnem num local específico. Há muitas igrejas locais ao redor do mundo. Paulo começou muitas igrejas locais (Rm 16.3-5; I Co 16.19; Gl 1.2; I Ts 1.1). A igreja local é muito importante por várias razões. Uma delas é porque é na Igreja Local que você manifesta a sua aliança com Deus. Quando você nasceu de novo, você fez uma aliança com Deus onde tudo que é dEle é seu, e tudo que é seu agora é dEle. Existem muitas promessas na Palavra de Deus para aqueles que estão em aliança com Ele. Veja como essa aliança se manifesta dentro do contexto da Igreja Local trazendo grandes bênçãos para você: Primeira Benção: A Proteção de Deus A aliança com Deus implica num compromisso com a Igreja Local - freqüentando as reuniões e submetendo-se voluntariamente aos pastores e aos dirigentes da Célula. O verdadeiro seguidor de Jesus vai querer obedecê-lo. A Palavra dEle diz: “_______________________________________ como é costume de alguns; antes façamos admoestações, e ____________________________ vedes que o dia se aproxima” (Hb 10.25). Veja como a Palavra de Deus mostra claramente que a proteção espiritual está ligada intimamente com a nossa submissão para com nossos líderes espirituais: “Obedecei aos vossos guias, e sede __________________________ para com eles; pois _______________________ por vossas almas, como quem deve prestar contas, para que façam isto com alegria e não gemendo; porque isto não ______________________________________________ para vós outros” (Hb 13.17).
  • 16. 16 Segunda Benção: A Prosperidade de Deus A sua aliança com Deus e Sua Igreja implica numa entrega total a Ele. Agora tudo é dEle (Lc 14.33) e o seu coração busca em primeiro lugar o Reino dEle (Mt 6.33). No item 5 desta mesma lição, você verá como a prosperidade de Deus está ligada intimamente com as nossas atitudes e ações quanto ao dízimo e as ofertas no contexto da Igreja Local. Terceira Benção: Felicidades nos Relacionamentos A sua aliança com Deus implica em ter aliança com seus irmãos e irmãs em Cristo Jesus. Na célula, com ajuda do líder e do discipulador, você aprenderá a andar no amor de Deus e construir relacionamentos sadios e duradouros. A sua aliança com Deus também implica em grandes bênçãos para a sua família (At 16.31). Você também aprenderá a aplicar a fé e cooperar com Deus pela salvação de toda sua casa (Cl 3.18-21). Porque o Espírito Santo mora em você agora você tem o poder de perdoar a todos. Nunca permita que uma mágoa esteja no seu coração. Suportai-vos uns aos outros, __________________ mutuamente, caso alguém tem motivo de queixa contra outrem. Assim como o Senhor vos perdoou, assim também perdoai vós (Cl 3.13). 4. CÉLULAS A melhor maneira de ter intimidade e comunhão uns com os outros na Igreja Local é através das células. Cada um é membro do outro e precisamos ter comunhão um com o outro. A Igreja Local é sub-dividida em Células, que se reúnem em casas particulares dos membros. No tempo de Paulo da Bíblia, um grupo de irmãos se reuniam na casa de Áquila e Priscila (I Co 16.19). Em Jerusalém, os seguidores de Cristo se reuniam freqüentemente para ouvir a doutrina dos apóstolos e orar, mas também comiam juntos e tinham comunhão (intimidade) entre eles (At 2.42). A Igreja Local em Jerusalém se reunia: A. No templo – grandes reuniões, e B. Nas casas – pequenas reuniões (At 2.46). Este exemplo da Igreja Local em Jerusalém é interessante. Cremos que é muito importante que todo seguidor de Jesus seja fiel: A. Nas celebrações de domingo, onde, a Igreja Local toda se reúne para adorar o Senhor, ouvir dEle, e celebrar o que Ele está fazendo. B. Nas células para sermos uma verdadeira família de Deus, estando sempre juntos (At 2.44). Como membros do mesmo corpo, somos irmãos. Como Cristo deu a Sua vida por nós, devemos dar nossa vida pelos ________________________(I Jo 3.16-18). Se tiver um irmão sofrendo necessidade, o que um irmão que tem mais recursos deve fazer? _______________________________________________________________. Não devemos amar só com palavras, mas de fato e de ______________________________________________________.
  • 17. 17 5. DÍZIMOS E OFERTAS Tudo que existe foi feito por Deus, e é dEle. Tudo que nós temos foi emprestado por Deus, e nada pertence a nós mesmos. O que temos, foi apenas colocado em nossas mãos para administrar. Deus mandou Seu povo separar a primeira décima parte de tudo que ganhavam (o dízimo) para financiar o trabalho da obra de Deus (2 Cr 31. 4,5). Para suprir as próprias necessidades, o povo podia usar os ___________ que sobrava. O que é um dízimo? “Dízimo” quer dizer a décima parte. Por exemplo, se você ganhar _______ reais, seu dízimo seria 1 real. O dízimo de 20 reais seria 2 reais, e de 30 reais seria 3 reais, e assim por diante. O dízimo de 100 reais seria 10 reais. O dízimo já pertence à obra de Deus, e não é para o nosso uso. Como é que roubamos de Deus? _____ __________________________________________________________________________(Ml.3.8-9) Quando entregamos o dízimo para Deus, o que Ele promete dar para nós? _______________________ _______________________________________________________________________(Ml 3.10-12). O dízimo deve ser dado numa atitude de fé, alegria e adoração (Pv 3.5-10; Ml 3.13-18). Muitas leis do Antigo Testamento não são repetidas no Novo Testamento, mas podemos ver que Jesus e o autor de Hebreus ainda ensinavam que o dízimo não deveria ser omitido (Mt 23.23; Lc 11.42; Hb 7.8). A oferta é algo além do dízimo. Tiramos nossa oferta dos 90 por cento que sobrou. Não é uma quantia certa. Podemos dar a quantia que Deus nos mostrar. Em 2 Co 8 e 9, Paulo estava pedindo uma oferta generosa das igrejas de Macedônia para os pobres da Judéia. Deus promete abençoar abundantemente a pessoa que dá generosamente (2 Co 9.6). A OFERTA DEVE SER DADA COM MUITA ALEGRIA, A QUANTIA SENDO O QUE SEU CORAÇÃO QUISER, NÃO COM TRISTEZA OU PORQUE FOI FORÇADO. DEUS AMA QUEM DÁ COM ALEGRIA (1 Co 9.6-7).
  • 18. 18 LIÇÃO 5 COMPREENDENDO A VISÃO DA NOSSA IGREJA 1. O PROPÓSITO DESTA LIÇÃO Nesta lição queremos que você compreenda melhor a visão que Deus tem nos dado como igreja local. Já explicamos na Lição 4: a diferença entre a Igreja mundial de Jesus Cristo e a Igreja Local. Agora vamos ver a importância da Igreja Local na nossa vida e como nós devemos estar comprometidos com a visão da nossa igreja. Nesta lição queremos também esclarecer o que esperamos de você como um novo membro desta família e mostrar como e onde você pode se encaixar e servir a Deus como um membro fiel e responsável da família de Deus. 2. INTRODUÇÃO AO MODELO DO M. D. B Nós somos uma igreja em células, baseada no modelo do M.D.B. Não se preocupe. Logo você vai entender tudo! O nosso modelo de discipulado é um a um, e está baseado naquilo que entendemos pelos relatos bíblicos que foi a prática usada por Jesus e pelos apóstolos no que diz respeito ao relacionamento e formação dos seus discípulos. Cremos que apesar deles terem muitos momentos em grupos, a grande parte do processo do discipulado foi realizado um a um. Para esse processo de discipulado um a um, usamos a sigla M.D.B, que significa: Microcélula de Discipulado Apostólico. É importante notar que na grande comissão a ordem de Jesus dada a todos os cristãos não foi de ir e fazer um discípulo; pelo contrário, a palavra está no plural: discípulos. Cremos firmemente que no nosso contexto, todo cristão deve ter pelo menos três pessoas que ele deve estar discipulando um a um. Por isso usamos a sigla M.D.B 3. Então se alguém tem três discípulos ele tem seu M.D.B 3. Se ele tem quatro discípulos ele tem M.D.B 4, e assim por diante. Essa sigla nos caracteriza e nos identifica como uma igreja que acredita nos princípio do discipulado um a um (não apenas grupos de discipulado) onde todos os membros estão não apenas sendo discipulados, mas fazendo discípulos de pelo menos três pessoas. 3. A IGREJA LOCAL É O CORAÇÃO DO REINO DE DEUS Sem a Igreja Local não existiria a Igreja mundial, pois a Igreja mundial é formada por cada Igreja Local – eis o porquê da importância dispensada para esta tão preciosa e sublime família espiritual. Se as Igrejas Locais de uma cidade forem fortes e abençoadas, o reino de Deus será forte e abençoado naquela cidade. Mas para isso acontecer é necessário que você e eu “vistamos a camisa” da nossa Igreja Local, procurando compreender a sua visão e mergulhar de cabeça, nos envolvendo sem reservas, e contribuindo de forma significativa para o seu crescimento. Não nos consideramos a única igreja certa do mundo, mas cremos que Deus tem nos dado uma visão e queremos ser fiel e levar a sério essa visão. 4. O CHAMADO DA IGREJA LOCAL Cremos que como Igreja Local, somos chamados para ser: a) Um povo perseverante, porque a perseverança é uma atitude de vencedor que subjuga o diabo, o pecado, e o mundo. Um povo que põe o Reino de Deus em primeiro lugar na sua vida, manifestando-o
  • 19. 19 através da demonstração do poder de Deus: curando os enfermos, expulsando os demônios, pondo em liberdade os cativos, e declarando uma mensagem de fé, paz, perdão, e amor. b) Uma “família” cheia de amor, com muitos membros comprometidos e responsáveis uns pelo outros. c) Uma congregação de adoradores, que através da sua música e dos seus louvores, (juntamente com uma vida santa e obediente) exaltam e glorificam o Rei dos reis e Senhor dos senhores: O Senhor Jesus Cristo. d) Um grande exército que guerreia contra o mal arrancando as vidas das mãos do diabo (o nosso único inimigo), e trazendo-as para o Reino de Deus. 5. OS OBJETIVOS DA NOSSA IGREJA Ser uma igreja viva para um Deus Vivo onde diariamente acontece: SALVAÇÃO: Pessoas chegam ao conhecimento de Jesus Cristo. CONSOLIDAÇÃO: São fáceis e rapidamente assimiladas pelo corpo. DISCIPULADO: Entendem e amam a visão da igreja de ser e fazer discípulos. EDIFICAÇÃO: Crescem no conhecimento da Pessoa, obra e Palavra de Jesus Cristo. ADORAÇÃO: Louvam e glorificam a Deus com autenticidade. SERVIÇO: Tornam-se realizadas, servindo ao Senhor, de acordo com os dons dados por Deus a cada um e dão frutos! INTEGRAÇÃO: As células e departamentos de serviços para o reino de Deus. 6. O LEMA DA NOSSA IGREJA Todo mundo evangelizado e todo membro um discípulo compromissado. 7. CÉLULA É O CORAÇÃO DA IGREJA LOCAL Somos uma igreja em células, ou seja, uma igreja baseada em grupos familiares. Isto significa que o grupo familiar é nossa prioridade. Isto quer dizer que tudo acontece através e a partir das células. Você poderia pensar, “Não deveria ser missões a nossa prioridade?” Mas na realidade não existe outra maneira melhor e mais eficaz de fazer missões como Igreja Local do que através de células. Células não são eficazes somente para alcançar a nossa “Jerusalém”. Isso acontece de forma impressionante. Mas as células também alcançam nossa “Judéia,” “Samaria,” e o resto do mundo. Pois com a visão de células, um enorme contingente de líderes são treinados e preparados para o ministério. E, o mais interessante é que, não é apenas de forma teórica, mas na prática. 8. OS PEQUENOS GRUPOS TRAZEM GRANDES RESULTADOS Você pode perguntar por que as células são tão importantes, já que se trata de algo tão pequeno? A razão é simples. Além de ser um modelo bíblico e ter sido praticado pelos primeiros cristãos, traz grandes resultados e benefícios para a Igreja Local. Como já estudamos na lição 4, é na célula que vamos aprender a desenvolver comunhão com Deus e com os irmãos. É lá que vamos desenvolver vínculos fortes de amizade e camaradagem. É lá onde seremos cuidados, pastoreados, encorajados. É lá que vamos aprender a descobrir nossos dons e talentos e começar a servir a Deus e a igreja.
  • 20. 20 9. A CÉLULA É O SEU LUGAR DE TREINAMENTO Que privilégio você tem, de fazer parte de uma célula e começar a desenvolver os dons que Deus tem lhe dado para serem usados para a glória dEle. É na célula que você vai poder por em prática o que você está aprendendo na Escola de Líderes. A célula é o seu laboratório ministerial. É lá que você vai começar a descobrir quais são os seus dons e o jeito certo de fazer a obra de Deus. 10. DISCIPULADO UM A UM É O CORAÇÃO DAS NOSSAS CÉLULAS Cada seguidor de Jesus deve obedecer o mandamento de fazer discípulos. Na célula cada pessoa deve ter um discipulador e também deve ter pelo menos três discípulos (M.D.B. 3). Este é um dos nossos segredos, pois acreditamos demais nesse princípio do discipulado um a um e não somente em grupos. Sempre devemos ter alguém a quem prestamos conta da nossa vida, assim como sempre devemos estar acompanhando a vida de alguém. Todo crente deve ter alguém que ele está ensinando, e todo crente deve ter alguém que tem autoridade sobre ele. Não podemos andar sozinhos. Isso é muito perigoso. Você já está sendo acompanhado! Glória a Deus por isso! Agora você deve acompanhar outra pessoa. É assim que tudo funciona. “Discipulado não é uma opção, é um mandamento do nosso Senhor Jesus Cristo”. 11. CRESCENDO NA VISÃO Na nossa igreja, há toda uma estrutura montada para que você receba todo o alimento necessário para um crescimento espiritual e emocional sadio, e também se desenvolva ministerialmente, e dê frutos. Após a decisão a pessoa deve receber um contato dentro de 24 horas. A seguir é integrada a uma célula. Imediatamente o líder da célula deve providenciar uma pessoa para ser seu discipulador, através do qual receberá acompanhamento e ajuda espiritual. Os dois devem se encontrar semanalmente para estudarem o nosso livro de Discipulado do Acompanhamento Inicial. (Este que estamos estudando agora.) Imediatamente, o novo convertido é convidado a participar do ENCONTRO, e logo o PÓS ENCONTRO. Estes são alguns pré-requisitos para se matricular na Escola de Líderes, que é um curso muito importante e especial para todas as pessoas que desejam crescer e ser um forte líder, com assuntos muito interessantes e importantes para a sua vida com Jesus. Enquanto o novo convertido recebe o discipulado do acompanhamento inicial, ele vai também estar participando de uma célula e congregar em um dos cultos de celebração. Assim ele está recebendo a dieta necessária e sob medida para o seu crescimento espiritual. Mas não pára aí! Durante a semana, no dia, ele vai colocando em prática na célula, tudo o que ele tem aprendido na Escola de Líderes e no Discipulado um a um. Decisão Contato 24 hs Visita inicial Célula Discipulado Evento Ponte Encontro Pós-encontro Batismo nas águas Escola de Líderes 12. VISTA AÉREA DO MODELO DO M.D.B. Esta visão requer compromisso e dedicação, pois para que você esteja cem por cento dentro do modelo M.D.B, isto inclui o seguinte: 1. Ser membro fiel de uma célula; 2. Estar em vínculo de discipulado um a um; 3. Participar dos cultos de celebração, especialmente da Escola Dominical; 4. Fazer o Encontro; 5. Fazer o Pós-encontro;
  • 21. 21 6. Batismo nas águas; 7. Ter pelo menos três discípulos (M.D.B 3); 8. Se tornar um auxiliar na sua célula e iniciar o treinamento para ser um líder de célula. Além de tudo isso ter o seu M.D.B. da Igreja Local, oferece muitas outras oportunidades ministeriais. É IMPORTANTE lembrar mais uma vez a importância de você ter pelo menos seu M.D.B (Pelo menos três pessoas que você está discipulando um a um). O alvo é que todos na igreja tenham o seu M.D.B 3. Se você ainda não tem, você deve começar agora a correr atrás. 13. SUBINDO A ESCADA DO SUCESSO – CRESCENDO NO REINO A nossa jornada no reino de Deus é muito semelhante a uma subida em uma escada num prédio de vários andares. Deus sempre quer levar você a experimentar novos níveis. Você converteu e logo começou a ser discipulado. Depois o próximo passo é começar a fazer novos discípulos. Aí você se torna auxiliar do seu líder na sua célula, e depois um líder de célula. Precisamos saber quantos degraus têm, e identificar cada um enquanto estamos subindo. Nós da Igreja da Evangélica Ebenézer temos diretrizes bem definidas para você trilhar, e cada degrau que você precisa chegar. Seu discipulador vai conduzir você a cada nível novo. A sua célula vai ser o lugar onde você vai dar os primeiros passos na escada ministerial. O jeito de iniciar é discipulando um novo convertido do seu grupo. Mas não pare aí, Deus quer te usar muito mais! Espaço reservado para: __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________
  • 22. 22
  • 23. 23
  • 24. 24
  • 25. 25