SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
MAPA - BIO - PARASITOLOGIA CLÍNICA – 512023
ENTÃO, O QUE DEVO FAZER NESTA ATIVIDADE?
Imagine que você é o responsável técnico de um laboratório de análises clínicas.
Seu laboratório se localiza
em uma área endêmica para a Doença de Chagas e muitos pacientes com os
sintomas para a doença têm
solicitado exames para o diagnóstico da presença do parasito. Apesar das
características clínicas, muitos
resultados se apresentaram negativos.
E você foi encarregado de ministrar um curso de aprimoramento das
características da Doença de Chagas,
destacando as principais técnicas de identificação do parasito, com a finalidade
de treinar os profissionais
que realizariam as análises, quanto aos fatores determinantes dos exames.
Com base nos conhecimentos e estudos adquiridos no decorrer da Disciplina de
Parasitologia Clínica, quais
aspectos você considera relevantes para um treinamento sobre a doença de
Chagas relacionado aos exames
parasitológicos? Quais aspectos os profissionais de saúde deverão levar em
consideração na escolha do
método para o diagnóstico da doença?
Uma das atividades dos profissionais de saúde que atuam em laboratórios de
análises clínicas é a
correta identificação de agentes etiológicos para o diagnóstico clínico, sendo
que, para muitos casos,
a escolha da técnica fica a cargo do profissional. Neste aspecto, o profissional a
realizar os exames
deverá conhecer as características da patologia examinada, além das
particularidades dos exames de
diagnóstico.
DESENVOLVENDO O TRABALHO
Diante do caso exposto, responda às seguintes questões, a fim de estruturar o
texto final da
atividade:
a) DETERMINE o agente etiológico da Doença de Chagas, DESCREVENDO as
características morfológicas
de suas formas evolutivas.
b) CLASSIFIQUE e EXPLIQUE o ciclo de vida desse parasito.
c) QUAIS os aspectos clínicos e a patologia da doença de Chagas?
d) DESCREVA os principais métodos de diagnóstico da doença de Chagas
RELACIONANDO a fase de
desenvolvimento da doença.

Mais conteúdo relacionado

Mais de D&H ASSESSORIA ACADÊMICA

TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
 

Mais de D&H ASSESSORIA ACADÊMICA (20)

TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (28).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (28).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (28).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (28).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (16).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (16).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (16).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (16).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (5).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (5).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (5).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (5).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (6).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (6).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (6).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (6).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (4).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (4).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (4).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (4).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (1).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (1).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (1).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL (1).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (6).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (14).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (31) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (10) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (7).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (49) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (39) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (9) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (5).pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (24) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (21) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (17) - Copia.pdf
 
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdfTEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdf
TEMOS ESSE TRABALHO DISPONIVEL - Copia (22) - Copia.pdf
 

Último

CCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICO
CCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICOCCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICO
CCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICOTHIALYMARIASILVADACU
 
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999vanessa270433
 
Técnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamentoTécnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamentoPamelaMariaMoreiraFo
 
AULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdf
AULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdfAULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdf
AULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdfLviaParanaguNevesdeL
 
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.pptos-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.pptfernandoalvescosta3
 
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obrasosnikobus1
 
avaliação pratica. pdf
avaliação pratica.                           pdfavaliação pratica.                           pdf
avaliação pratica. pdfHELLEN CRISTINA
 
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdfDengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdfEduardoSilva185439
 
Aula sobre ANSIEDADE & Cuidados de Enfermagem
Aula sobre ANSIEDADE & Cuidados de EnfermagemAula sobre ANSIEDADE & Cuidados de Enfermagem
Aula sobre ANSIEDADE & Cuidados de EnfermagemCarlosLinsJr
 
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTALDEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTALCarlosLinsJr
 
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdfPLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdfHELLEN CRISTINA
 
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdfAromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdfanalucia839701
 
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdfA HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdfMarceloMonteiro213738
 
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteinaaula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteinajarlianezootecnista
 

Último (14)

CCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICO
CCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICOCCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICO
CCIH NO CC.pdf comissao da CCIH NO CENTR CIRURGICO
 
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
 
Técnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamentoTécnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamento
 
AULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdf
AULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdfAULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdf
AULA_11 PRINCIPAIS DOENÇAS DO ENVELHECIMENTO.pdf
 
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.pptos-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
 
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
 
avaliação pratica. pdf
avaliação pratica.                           pdfavaliação pratica.                           pdf
avaliação pratica. pdf
 
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdfDengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
 
Aula sobre ANSIEDADE & Cuidados de Enfermagem
Aula sobre ANSIEDADE & Cuidados de EnfermagemAula sobre ANSIEDADE & Cuidados de Enfermagem
Aula sobre ANSIEDADE & Cuidados de Enfermagem
 
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTALDEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
 
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdfPLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdf
 
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdfAromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
 
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdfA HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
 
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteinaaula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
 

Treinamento sobre Doença de Chagas

  • 1. MAPA - BIO - PARASITOLOGIA CLÍNICA – 512023 ENTÃO, O QUE DEVO FAZER NESTA ATIVIDADE? Imagine que você é o responsável técnico de um laboratório de análises clínicas. Seu laboratório se localiza em uma área endêmica para a Doença de Chagas e muitos pacientes com os sintomas para a doença têm solicitado exames para o diagnóstico da presença do parasito. Apesar das características clínicas, muitos resultados se apresentaram negativos. E você foi encarregado de ministrar um curso de aprimoramento das características da Doença de Chagas, destacando as principais técnicas de identificação do parasito, com a finalidade de treinar os profissionais que realizariam as análises, quanto aos fatores determinantes dos exames. Com base nos conhecimentos e estudos adquiridos no decorrer da Disciplina de Parasitologia Clínica, quais aspectos você considera relevantes para um treinamento sobre a doença de Chagas relacionado aos exames parasitológicos? Quais aspectos os profissionais de saúde deverão levar em consideração na escolha do método para o diagnóstico da doença?
  • 2. Uma das atividades dos profissionais de saúde que atuam em laboratórios de análises clínicas é a correta identificação de agentes etiológicos para o diagnóstico clínico, sendo que, para muitos casos, a escolha da técnica fica a cargo do profissional. Neste aspecto, o profissional a realizar os exames deverá conhecer as características da patologia examinada, além das particularidades dos exames de diagnóstico. DESENVOLVENDO O TRABALHO Diante do caso exposto, responda às seguintes questões, a fim de estruturar o texto final da atividade: a) DETERMINE o agente etiológico da Doença de Chagas, DESCREVENDO as características morfológicas de suas formas evolutivas. b) CLASSIFIQUE e EXPLIQUE o ciclo de vida desse parasito. c) QUAIS os aspectos clínicos e a patologia da doença de Chagas? d) DESCREVA os principais métodos de diagnóstico da doença de Chagas RELACIONANDO a fase de desenvolvimento da doença.