Fauna e flora região centro oeste

36.990 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
36.990
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
26
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
166
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fauna e flora região centro oeste

  1. 1. A Região centro oeste é composta pelos estados de Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul.
  2. 2. Características Gerais Clima: Tropical semi úmido, com frequentes chuvas de verão. Relevo: Planalto Central, Planalto Meridional,Planície do Pantanal Hidrografia: Bacia Amazônica: Em Mato Grosso, para onde se deslocam rios colossais, como o Xingu ou Tapajos; Bacia do Tocantins-Araguaia, ocupando o norte e o ponto mais a oeste de Goiás e o extremo leste de Mato Grosso; Bacia Platina, subdividida em suas bacias hidrográficas: a bacia do rio Paraná e a bacia do rio Paraguai, no
  3. 3. EcossistEmas Pantanal mato-grossense Localizado na região Centro-Oeste do Brasil, engloba parte dos estados do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul. Área que representa a terra úmida mais importante e conhecida do mundo (maior planície alagável do planeta), com grandes índices de biodiversidade animal. Sofre a influência de diversos ecossistemas, como o cerrado, a floresta Amazônica, a mata Atlântica, assim como os ciclos de seca e cheia, e de temperaturas elevadas. São 140 mil quilômetros quadrados só no Brasil. É onde vivem jacarés - cerca de 32 milhões -, 365 espécies de aves, 240 de peixes, 80 de mamíferos e 50 de répteis. Mais de 600.000 capivaras habitam a região. O pantanal é escolhido como pouso de milhões de pássaros, entre eles o tuiuiús, a ave-símbolo da região. Os cervos do pantanal, bem mais raros, também fazem parte da fauna local.
  4. 4. Flor A vegetação típica do Centro Oeste é o Cerrado, formado por a arbustos, gramíneas rasteiras e alguns trechos de matas tropicais. O aspecto pobre da vegetação do cerrado se deve ao solo arenoso e a estiagem de inverno. Os arbustos são tortos e espaçados, permitindo a circulação de animais. Seguindo a variação de umidade a cerrada muda de aspecto de uma área para outra: cerradão (mato fechado), campos sujos (vegetação rala), campos limpos (formada por vegetação rasteira, como o capim-flecha e o barba-de-bode). São árvores próprias do cerrado a lixeira, o pequi, o pau-santo, o barbatimão, o ipê, a mangabeira e o murici. São espécies que possuem raízes profundas para retirar água do lençol freático. No Centro Oeste a falta de chuva no inverno provoca o fenômeno das queimadas naturais, causadas pelo aquecimento solar e também a presença do homem tem aumentado a ocorrência de incêndios.
  5. 5. Fauna FAUNA DO PANTANAL:  O ecossistema do Pantanal é muito diversificado, abrigando uma grande quantidade de animais, que vivem em perfeito equilíbrio ecológico. Podemos encontrar, principalmente, as essas espécies: Jacarés, Capivaras, Peixes (dourado, pintado, curimbatá, pacu), aranhas, onça-pintada, macaco-prego, veado-campeiro, loboguará, cervo do pantanal, tatu, bicho-preguiça,tuiuiú e capivara tamanduá, lagartos, cágados, jabutis, cobras (jiboia e sucuri) e pássaros (tucanos, jaburus, garças, papagaios, araras, emas, gaviões). Além destes citados, que são os mais conhecidos, vivem no Pantanal muitas outras espécies de animais.
  6. 6. Animais em Risco de Extinção Cervo do Pantanal; Tuiuiú ;  Capivara Entre outros mais.
  7. 7. EcossIstEma A construção de rodovias e de cidades, como Brasília e Goiânia, são os principais impactos provocados pela ação humana, que reduziram esse ecossistema a pequenas manchas distribuídas por alguns estados brasileiros; O assoreamento do rio Taquari constitui, hoje, o principal problema do Pantanal e de Mato Grosso do Sul; A expansão desordenada e rápida da agropecuária, com a utilização de pesadas cargas de agroquímicos, a exploração de diamantes e de ouro; A remoção da vegetação nativa nos planaltos para implementação de lavouras e de pastagens sem considerar a aptidão das terras e a adoção de práticas de manejo e conservação de solo, além da destruição de habitats.
  8. 8. Atitudes de Preservação A Região Centro-Oeste concentra os três principais biomas do Brasil: Amazônia, Cerrado e Pantanal. Sua preservação é muito importante; A preservação dos recursos hídricos .Todas as grandes bacias hidrográficas nacionais nascem neste bioma: a do São Francisco, do Tocantins, a Amazônica, do Pantanal e do Rio Paraná; Controle na utilização dos agrotóxicos, que são potenciais fontes poluidoras; O Cerrado foi declarado "Sítio do Patrimônio Mundial" pela UNESCO em 13 de dezembro de 2001.
  9. 9. Conclusão Concluímos com este trabalho que a região Centro Oeste tem um dos ecossistemas mais importantes do Brasil e também do mundo já que ele é muito rico na sua fauna e flora, com muitos tipos diferentes de espécies, mas que anda sendo atingida pelo homem e suas ações, com a exploração desses recursos, o desmatamento para construção das cidades, remoção da vegetação nativa. Sabemos que algumas atitudes vêm sendo tomada, mas mesmo assim são poucas, porque o que mais precisam alem de soluções também é a conscientização de todos e existe, a fronteira agrícola, associada à ocupação desenfreada da terra pelas invasões, que tornou-se um desastre que ameaça a existência do cerrado, além das atividades pastoris, podiam ser construídas áreas de proteção ambiental na forma de parques e reservas minimizam grandes perdas ambientais. Mas o mais importante é a preservação.
  10. 10. Equipe: Sérgio R. Carolina Anderson Fabrício Anna Vitória

×