Sistema cardiovascular

2.371 visualizações

Publicada em

Anatomia do coração, um slid

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.371
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
179
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sistema cardiovascular

  1. 1. ANATOMIA DO CORAÇÃO Renato Dias
  2. 2. MEDIASTINO • Cavidade Torácica – Pulmões/pleuras/coração • Mediastino: intervalo entre as duas pleuras • Mediastino superior: acima nível do pericárdio • Anterior: – Está a frente do pericárdio e atrás do esterno • Médio: – pericárdio/coração/porções de grandes vasos • Posterior – Atrás do pericárdio
  3. 3. Coração e Pericárdio • Pericárdio: saco fibrosseroso que envolve o coração. • Pericárdio fibroso – Inferiormente funde-se com o centro tendíneo do diafragma e está intimamente relacionado aos grandes vasos do coração • Pericárdio seroso – Lâmina parietal: forra superfície interna do fibroso – Lâmina visceral: em contato com o coração
  4. 4. Pericárdio Separa o coração dos outros órgãos do mediastino. Camada externa fibrosa: pericárdio fibroso; Camada externa serosa: pericárdio seroso.
  5. 5. Coração Forma: base, ápice e faces (esternocostal, diafragmática e pulmonar). O maior eixo do coração – longitudinal – é oblíquo e forma um ângulo de aproximadamente 40 graus com o plano horizontal e também com o plano mediano do corpo.
  6. 6. Camadas do coração
  7. 7. Câmaras cardíacas
  8. 8. Válvulas cardíacas Valvas atrioventriculares: dispositivos que permitem a passagem do sangue somente do átrio para o ventrículo. Valva atrioventricular direita: tricúspide; Valva atrioventricular esquerda: mitral.
  9. 9. Vasos cardíacos Veia cava superior – cabeça, pescoço e membros superiores; Veia cava inferior – tronco e membros inferiores; Veias pulmonares; .
  10. 10. – Seio coronário – vasos que alimentam as paredes do coração
  11. 11. Vasos cardíacos Artérias pulmonares; Aorta ascendente; Artérias coronárias – fornecem sangue oxigenado para a as paredes do coração; Arco da aorta – envia artérias para as partes superiores do corpo; Aorta torácica descendente (que torna aorta abdominal).
  12. 12. Circulação Arterial
  13. 13. Septos cardíacos Horizontal: atrioventricular – divide o coração em porções superior e inferior Porção superior apresenta um septo sagital (inter-atrial) que divide nos átrios direito e esquerdo. Cada átrio possui um apêndice denominado de aurícula.
  14. 14. Septos cardíacos Porção inferior apresenta um septo sagital (interventricular) que divide nos ventrículos direito e esquerdo. Este septo possui dois orifícios: óstios atrioventriculares.
  15. 15.  Átrio direito – veias cavas superior e inferior;  Átrio esquerdo – veias pulmonares (4, sendo 2 de cada pulmão);  Ventrículo direito – tronco pulmonar (artérias pulmonares direita e esquerda);  Ventrículo esquerdo – artéria aorta;  Valvas do tronco pulmonar e aórtica: valvas semilunares.
  16. 16. Circulação sanguínea Primeira corrente sanguínea – sai do ventrículo direito através do tronco pulmonar e se dirige aos capilares pulmonares onde se processa a hematose. O sangue oxigenado resultante é levado pelas veias pulmonares e lançado no átrio esquerdo, de onde passará para o ventrículo esquerdo.
  17. 17. Circulação sanguínea Segunda corrente sanguínea – sai do ventrículo esquerdo através da artéria aorta, a qual vai se ramificando sucessivamente e chega a todos os tecidos do organismo. Após as trocas, o sangue carregado de resíduos e CO2 retorna ao coração através de numerosas veias, as quais em última instância são tributárias (ou afluentes) de dois grandes troncos venosos (veias cavas inferior e superior).
  18. 18. Sistema condutor O impulso inicia no Nó sinoartrial → ativa musculatura do Nó atrio ventricular. Os dois ramos do feixe atrioventricular + fibras de Purkinjie conduzem impulsos so Nó atriventricular até o miocárdio ventricular.
  19. 19. thevirtualheart.org
  20. 20. Sistema cardiovascular Função: envio de material nutritivo e oxigênio às células. Nutrição celular: responsável pelo crescimento e manutenção da vitalidade do organismo. Sangue: transporta material nutritivo absorvido pela digestão dos alimentos e permite a difusão do oxigênio obtido na respiração celular. Constituído por: Tubos – vasos; Fluidos – sangue e linfa; Capilares – área de trocas entre o sangue e os tecidos orgânicos.
  21. 21. Sistema cardiovascular A permeabilidade seletiva permite que material nutritivo e oxigênio passem dos capilares para os tecidos e produtos do resíduo metabólico passem dos tecidos para os capilares. Sistema sanguífero: vasos e coração; Sistema linfático: vasos linfáticos e órgãos linfoides; Órgãos hemopoiéticos: medula óssea e órgãos linfoides.
  22. 22. Tipos de circulação Coronária - leva sangue ao miocárdio; Pulmonar – do ventrículo direito para a rede capilar dos pulmões e após a hematose retorna ao átrio esquerdo. Sistêmica – do ventrículo esquerdo para a rede capilar dos tecidos e após as trocas retorna pelas veias ao átrio direito. Colateral – mecanismo de defesa.
  23. 23. Tipos de circulação Portal – interposição de uma veia entre duas redes de capilares, sem passar por órgão intermediário. Ex: circulação portal-hepática Veia porta fica localizada entre a rede de capilares do fígado e a rede capilar do intestino e tem como objetivo armazenar excessos de açúcares da digestão no fígado depois de uma refeição e liberar os açúcares armazenados no fígado como glicogênio, entre as refeições, visando manter o nível de glicose no sangue.
  24. 24. Tipos de vasos sanguíneos Artérias: Tubos elásticos pelos quais circula o sangue de forma centrífuga, cuja coloração se dá de acordo com os tecidos circunvizinhos; Elásticas ou de grande calibre; Distribuidoras ou de médio calibre; Arteríolas ou de menor calibre.
  25. 25. Tipos de vasos sanguíneos Ramos terminais – a partir da divisão do tronco, o qual deixa de existir. Ramos colaterais – a partir da divisão do tronco, o qual continua existindo. Tais ramos se formam a partir de diversos ângulos.
  26. 26. Tipos de vasos sanguíneos Posição: Superficiais – em geral oriundas de artérias musculares que se destinam à pele, de calibre reduzido e distribuição irregular. Profundas – a maioria das artérias (afinidade por ossos e repulsão pela pele). Nomenclatura: de acordo com a situação, direção, órgão irrigado ou peça anatômica adjacente. As artérias profundas são acompanhadas por uma ou duas veias, tendo esta mesmo trajeto, calibre semelhante e em geral o mesmo nome da artéria que acompanha, sendo chamadas veias satélites. Quando decorrem juntos artéria, veia e nervo, o conjunto se chama feixe vásculo- nervoso.
  27. 27. Tipos de vasos sanguíneos Veias: Tubos elásticos pelos quais circula o sangue de forma centrípeta; Fazem sequência aos capilares que transportam; As superficiais têm coloração azul- escura porque suas finas paredes deixam transparecer o sangue que nele circula; Cilíndricas quando cheias; achatadas, quando vazias. Grande, médio, pequeno calibre e vênulas.
  28. 28. Tipos de vasos sanguíneos Posição Superficiais: subcutâneas, visíveis na pele, sendo mais calibrosas nos membros e no pescoço. Drenam o sangue na circulação cutânea e servem como via de descarga auxiliar da circulação profunda.
  29. 29. Tipos de vasos sanguíneos Profundas: solitárias – que não acompanham artérias – ou satélites. Comunicantes: ligam as veias superficiais às profundas. As veias da cabeça e tronco podem ser classificadas em viscerais, quando drenam nas vísceras ou órgãos, e em parietais, quando drenam as paredes daqueles segmentos.
  30. 30. Tipos de vasos sanguíneos Características: O número de veias é maior que o de artérias; Frequente existência de duas veias satélites acompanhando uma artéria; Existência de veias superficiais, sem artérias correspondentes.
  31. 31. Tipos de vasos sanguíneos Válvulas: Pregas membranosas da camada interna da veia, não existindo nas veias do cérebro e em algumas do tronco e pescoço.

×