Teoria moderna da evolução

31.397 visualizações

Publicada em

0 comentários
23 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
31.397
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
146
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
23
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Teoria moderna da evolução

  1. 1. Teoria Moderna da Evolução
  2. 2. Neodarwinismo <ul><li>Também conhecida como Mutacionismo . </li></ul><ul><li>Aplicação do conceito de mutação: alteração hereditária ou não, do material genético da célula </li></ul><ul><li>Eliminou a hereditariedade dos caracteres adquiridos , mas manteve-se fiel à Seleção Natural. </li></ul>
  3. 3. Neodarwinismo Alterações no material genético Variações nos indivíduos de uma mesma espécie Gametas com as variações Descendentes com características variadas
  4. 4. Teoria Sintética da Evolução <ul><li>Mutacionismo </li></ul><ul><li>+ </li></ul><ul><li>Isolamento geográfico ou sexual (fator de especiação) </li></ul><ul><li>+ </li></ul><ul><li>Acaso (ocorrência acidental de mutações) </li></ul><ul><li>A unidade de evolução não é mais um indivíduo, mas uma população . </li></ul>
  5. 5. Mecanismos do processo evolutivo: <ul><li>Mutação Gênica </li></ul><ul><li>Recombinação gênica </li></ul><ul><li>Seleção Natural </li></ul><ul><li>Oscilação Genética </li></ul><ul><li>Variação de número e estrutura dos cromossomos </li></ul>
  6. 6. Mutação Gênica <ul><li>Alterações no material genético (DNA), definitivas e hereditárias. </li></ul><ul><li>São fontes primárias da variabilidade dos seres vivos. </li></ul><ul><li>Não têm qualquer relação com as necessidades do organismo. </li></ul>Lamarck Caracteres resultantes da necessidade do indivíduo Atualmente Caracteres variáveis resultantes da ocorrência de mutações.
  7. 7. Vigor do híbrido <ul><li>Os híbrido ou heterozigotos em geral apresentam melhor desempenho, quando comparados à indivíduos homozigotos ou puros. </li></ul><ul><li>Esse vigor do híbrido é conhecido como heterose (é importante para a manutenção da variabilidade genética). </li></ul>
  8. 8. Recombinação Gênica A recombinação gênica é muito importante, pois gera maior variabilidade genética (como o nome já diz, produz gametas com diferentes combinações de alelos – genes – resultando em combinações de caracteres nos descendentes)
  9. 9. Seleção Natural <ul><li>Melanismo industrial </li></ul>Depois da industrialização mariposas escuras tiveram maior vantagem (estas passaram a ser melhor camufladas) Antes da industrialização mariposas claras tinham vantagem sobre as escuras (camuflagem contra predadores)
  10. 10. Seleção Natural <ul><li>Resistência a inseticidas </li></ul><ul><li>Resistência bacteriana a antibióticos </li></ul>
  11. 11. Oscilação Genética ou Deriva Genética <ul><li>Pequeno número de indivíduos </li></ul><ul><li>As freqüências gênicas variam ao acaso, podendo excluir um determinado alelo da população. </li></ul><ul><li>Ex.albinismo na ilha dos Lencóis (Brasil) – população:400 habitantes </li></ul>
  12. 12. Casal: Aa x Aa Filhos preferencialmente: AA População grande -> não terá efeito População pequena -> pode ser excluido o alelo a
  13. 13. Especiação <ul><li>Especiação : surgimento de novas espécies a partir de um ancestral. </li></ul><ul><li>Espécie : conjunto de indivíduos capazes de cruzarem entre si e produzir descendentes férteis. </li></ul>
  14. 14. Mecanismos de especiação: <ul><li>Isolamento geográfico </li></ul>A barreira geográfica impede a reprodução. Se os fatores seletivos de um lado forem diferentes do outro, a constituição genética vai mudar ao longo do tempo, favorecendo a diferenciação de uma população para a outra.
  15. 15. <ul><li>Isolamento reprodutivo : </li></ul><ul><li>- Sazonal: populações apresentam épocas diferentes de reprodução </li></ul><ul><li>- Ecológico: Populações vivem em ambientes diferentes. </li></ul><ul><li>- Etológico: O comportamento no momento da reprodução é diferente entre as populações. </li></ul>Mecanismos de especiação:

×