Aula 2

1.408 visualizações

Publicada em

Introdução a genetica de populações

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.408
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
64
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 2

  1. 1. GENÉTICA DE POPULAÇÕES Dinâmica dos genes nas populações
  2. 2. O que é genética de populações? As diferenças genéticas comuns entre organismosÉ a ciência que da mesma espécie são estuda as diferenças chamadas polimorfismos genéticas que genéticos. O termo ocorrem divergência genética é naturalmente entre utilizado para definir essas os organismos; diferenças que se acumulam entre espécies distintas
  3. 3. Clique no ícone paraadicionar uma imagem Figura1: Diferenças genéticas em uma população de camundongos
  4. 4. Genética de populaçõesEstrutura genética de uma população natural
  5. 5. Genética de populações Estrutura genética de uma população natural definida como a população em que os indivíduos estão em cruzamento sexual e compartilhando um pool de genes
  6. 6. Porquê a variação O que é genética é importante?Genética depopulações? Como a estrutura genética muda? Freqüência genotípica Freqüência alélica
  7. 7.  As populações ditas mendelianas ou demes têm continuidade genética tanto no tempo como no espaço; noespaço, por causa do intercruzamento de seus membros e, no tempo, por causa das interconexões reprodutivas entre as gerações; uma espécie é composta de várias populações mendelianas
  8. 8. Gene, o que é afinal?  Região no DNA que controla uma característica hereditária particular, geralmente corresponde a uma única proteína ou RNA.
  9. 9. Cariótipo masculino
  10. 10. Cariótipo feminino
  11. 11.  Osgenes mantidos pelos indivíduos em uma deme são considerados, coletivamente, um conjunto de genes (em inglês: seu pool gênico); Este conjunto de genes torna-se temporariamente disperso pelos indivíduos da população, na forma de um conjunto de determinados genótipos;A composição genética da população pode ser descrita, para qualquer loco gênico, em termos das freqüências de seus alelos ou genótipos.
  12. 12. O que aconteceu em 1991 para a população aumentar tanto?Houve a entrada de mais um macho na população diversidade genéticaAumentou a sobrevivência dos filhotes e o sucesso do grupo de lobos
  13. 13. Alelo e Loco osgenes podem existir em diferentes estados ou formas alternativas chamadas alelos. Assim, alelosdiferentes codificam cadeias polipeptídicas ligeiramente diferentes.
  14. 14. AlelosFormas alternativas do mesmo gene Ex: Beta-hemoglobina tem 2 alelos: normal e falciforme Anemia falciforme: mudança/mutação em um único nucleotídeo altera molécula beta-hemoglobina
  15. 15. LocoAposição de um gene ao longo de umcromossomo é chamada loco do gene.
  16. 16.  cadacélula contém duas cópias de cada tipo de cromossomo diploidismo; caso os dois alelos de um loco sejam quimicamente idênticos (expressem um mesmo fenótipo), o organismo é dito homozigoto para este loco; seforem quimicamente diferentes, (expressem fenótipos distintos), o organismo é dito heterozigoto para este loco
  17. 17.  Cada gene pode ter muitos alelos (p.ex. tipo sanguineo), mas organismos diplóides só podem portar um gene do pai e outro da mãe, assim só há indivíduos homozigotos (AA, aa) ou heterozigotos (Aa)
  18. 18. Figura 2. Iustração do loco e alelo em um cromossomo
  19. 19. Variabilidade é mantida por: Mutação Migração Variação ambiental Seleção Natural tende a reduzir variação eliminando indivíduos menos ajustados...  Se a Seleção Natural está sempre atuando por que ainda existe variabilidade genética, se a regra é o nivelamento dos mais aptos?
  20. 20. Variabilidade GenéticaA maioria está fora do alcance da Seleção NaturalPor quê? Simplesmente porque muitas mutações não têm consequência para o ajustamento do indivíduo
  21. 21. Além disso: Toda população é suprida com novasvariações genéticas (mutação e migração) Ambientes estão em constante mudança...
  22. 22. Taxas de Mutação1 /10.000 a 1 /100.000 gametas por geração Deletérias– cerca de 2% dos indivíduos/geração Sem efeitos deletérios – 1 por genoma!! Mutação está ativamente produzindo variação!
  23. 23. Variação ambiental e vantagens parao heterozigoto  Em ambientes muito variáveis, o heterozigotos podem ter um ajustamento melhor pois alelos diferentes são favorecidos em tempos diferentes

×