Includit 2014: Estratégias e Práticas Institucionais de Educação Online Acessível: O Caso das Universidades Abertas Europeias

269 visualizações

Publicada em

Presentation on exploratory study regarding Special Educational Needs and/or Learning Disabilites on European Open Universities.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
269
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Includit 2014: Estratégias e Práticas Institucionais de Educação Online Acessível: O Caso das Universidades Abertas Europeias

  1. 1. Estratégias e Práticas Institucionais de Educação Online Acessível: O Caso das Universidades Abertas Europeias. Marina MOLEIRINHO LE@D| UNIVERSIDADE ABERTA Sofia MALHEIRO LE@D| UNIVERSIDADE ABERTA Lina MORGADO LE@D| UNIVERSIDADE ABERTA 1
  2. 2. Introdução La Web tiene una importancia en muchos aspectos de la vida: educación, empleo, gobierno, comercio, salud, entreteniemiento, participación activa en sociedad y muchos más. Es por ello que es esencial contar com una Web accesible, y en este caso específico ambientes de aprendizaje virtuales (e-Learning) accesibles, para proveer un acceso equitativo y oportunidad equilibrada a las personas con discapacidades. Hilera (2010) 2
  3. 3. Enquadramento Teórico “… essencial criar mudanças metodológicas e organizativas que respondam positivamente a alunos que apresentem dificuldades, gerando um ambiente educativo mais enriquecedor para todos os envolvidos no processo.” Ainscow, M. (1995) 3
  4. 4. Objetivos específicos 1. Conhecer as soluções/estratégias pedagógicas inclusivas desenvolvidas pelas Universidades Abertas em estudo, no âmbito do atendimento aos estudantes com NEE e/ou DA com recurso à tecnologia e ao EaD. Cordas do navio. 4
  5. 5. Objetivos específicos 2. Contribuir para a construção de soluções no atendimento aos estudantes com NEE e/ou DA no âmbito da Universidade Aberta portuguesa. Nó do navio centrado com o pôr do sol. 5
  6. 6. Questão de investigação Quais as realidades educativas a distância de um conjunto de Universidades Abertas europeias, face à resposta pedagógica oferecida aos estudantes com NEE e/ou DA? Sinal tipográfico de interrogação 6
  7. 7. Sub- Questão de investigação De que modo é que as Universidades Abertas, a nível europeu, estão a responder à especificidade dos estudantes com NEE e DA? 7
  8. 8. Opções metodológicas Estudo de caso exploratório 8
  9. 9. Resultados: State of Art das Universidades Abertas europeias NEE e/ou DA - Politica e Legislação Educativa a nível superior OUNL OUC OUUK UNED HOU UAb 9
  10. 10. 10
  11. 11. De que modo é que as Universidades Abertas, a nível europeu, estão a responder à especificidade dos estudantes com NEE e DA? 11 Linha orientadora da investigação 1º questão
  12. 12. 12 Sim Não Estudo condicionado
  13. 13. Diversidade de Conteúdos e Formatos Alternativos Universidades Abertas Conteúdos Conteúdos existentes Formatos alternativos Ferramentas UAb Textual Textual Vídeo Textual UNED Áudio; Língua gestual; Vídeo; Textual Elementos gráficos sem descrições; Áudio; Língua gestual; Vídeo; Textual A utilizar todos: Áudio; Língua gestual; Vídeo; textual Áudio; Língua gestual; Vídeo; Textual OUNL Textual Áudio; Vídeo; Textual Áudio; Vídeo; Textual Textos; Testes; GráficosOUC Áudio, Vídeo, Textual 13
  14. 14. “Se não nos ajudarmos uns aos outros , quem o fará?” (Barbara Mandrell, 1948) (Bandeira portuguesa ao vento) Photos by Marina Moleirinho 14
  15. 15. Marina Moleirinho mmoleirinho@gmail.com Lina Morgado Lina.Morgado@uab.pt Sofia Malheiro sofias@uab.pt 15

×