Apresentação Sala de Recurso

1.841 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.841
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
297
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Sala de Recurso

  1. 1. ESCOLA ESTADUAL 12 de ABRIL NOME : PROJETO ANIMALIA PROF: MARIA da LUZ ALMEIDA VANESSA CAROLINA da SILVA SALA DE RECURSO 2008
  2. 2. aratu A a O aratú é um caranguejo,são encontrados no sedimento subindo ás árvores durante a maré alta. Possuem carapaça quadrada,escura,com manchas vermelhas e amarelas. alimentam-se de vegetais, cascas de madeira, pequenos crustáceos, inclusive da própria espécie, CANIBALISMO . Essa espécie também é comestível embora pouco valor comercial.
  3. 3. boto-tucuxi Se diz que o boto preto ou tucuxi é amigável e ajuda a salvar as pessoas de afogamentos, mas o rosado é perigoso. Sendo de visão ineficiente, os botos possuem um sofisticado sistema sanar que os ajuda a navegar nas águas barrentas do Rio Amazonas. Depois dos humanos eles são os maiores predadores de peixes. B b
  4. 4. C c Os moluscos têm uma composição frágil, são animais de corpo mole, mas a maioria deles possui uma concha que protege o corpo. Nesse grupo, encontramos o caracol, o marisco e a ostra. Há também os que apresentam a concha interna e reduzida, como a lula, e os que não têm concha, como o polvo e a lesma, entre outros exemplos caramujo-marinho
  5. 5. DINOSSAURO Animal, de espécie até então desconhecida, é o maior já descoberto no país.Dino era quadrúpede, herbívoro e exibia longo pescoço e cauda comprida. D d
  6. 6. enguia Corpo: estreito e comprido, é coberto por escamas minúsculas. A fêmea é mais comprida que o macho. Possui barbatanas peitorais arredondadas. Boca: dentes pequenos, mandíbula mais proeminente que a maxila. Cor: esverdeada dorsal mente esbranquiçada no ventre. Pequenas e transparentes. Habitat: águas costeiras, estuários; água doce (rios e ribeiras). E e
  7. 7. F f formiga-cortadeira As formigas cortadeiras são assim chamadas por cortarem folhas e outras partes de diferentes vegetais a fim de garantirem a sua sobrevivência. O material cortado é introduzido em um ninho e fornecerá um substrato para o desenvolvimento de um fungo que servirá de alimento para a formiga. Desta maneira, as formigas cortadeiras são responsáveis por prejuízos de grande monta na agricultura brasileira.Espécie:saúva e quenquém.
  8. 8. G:GOLFINHO g Golfinhos, espécies de mamíferos aquáticos, de grande inteligência, a qual está representada por 32 espécies, que também inclui os botos. A maioria habita águas tropicais e temperadas, havendo algumas espécies de água doce em rios da Ásia, África e América do Sul sendo as espécies de golfinhos - de - rio.
  9. 9. H h HIPOPOTAMO O hipopótamo é um animal preguiçoso, mas quando entra em conflito pode chegar a 50 km/h. Na água o hipopótamo divide o mesmo local com todos os outros animais, mas em terra firme disputam territórios. São bastante agressivos com seres humanos é o animal que mais mata o homem. Alimentam-se de plantas, à noite, e comem cerca de 200 kg. Quando um hipopótamo boceja, ele mostra suas presas de que normalmente é um aviso de que pode atacar. A mãe cuida do filhote até um ano.
  10. 10. I i IGUANÁ De hábitos diurnos, a iguana se alimenta preferencialmente de insetos quando jovem e na fase adulta torna-se praticamente vegetariana consumindo brotos, queijo branco, alface, escarola, laranja, banana, cenouras raladas, flores de hibisco, ipê, pétalas de rosa, entre outras. A alimentação deve ser administrada duas vezes por dia. No inverno devido à baixa do metabolismo é possível o animal diminuir a quantidade de alimento ou até passar algum tempo sem comer nada. Como é um animal de grandes dimensões, o térreo deve ser amplo, alto e com excesso de troncos e galhos.
  11. 11. J j jaú JAÚ: Peixe de couro, pesando até 120 Kg. É considerado um dos maiores do rio. O jaú prefere os grandes e profundos poções, sendo mais facilmente encontrado nas cheias e médias vazantes. Recomenda-se ao pescador o uso de material pesado e iscas como a tuvira, o jejue, o minhocaçu, o muçum, cascudos, ou peixes pequenos e vivos tipo traíra, piaus e piabas. Seu tamanho máximo chega a 1,3 metros com 100 kg de peso, mas há relatos de um jaú de 180 kg.
  12. 12. K k krill j É o nome coletivo dado a um conjunto de espécies de animais invertebrados semelhantes ao camarão.Estes pequenos crustáceos são importantes organismos,especialmente porque servem de alimento á Baleias,Jamantas,Tubarões-Baleias,entres outros.
  13. 13. L: l: LEMINGUE lemingue    No seu habitat natural, o lemingue fica em atividade noite e dia, cavando tocas e ninhos com suas garras fortes. Nesses ninhos nascem várias crias por ano, de 3 a 9 filhotes cada uma. Animais velhos e filhotes alimentam-se de capim, musgo, raízes e liquens. Eles não costumam armazenar alimento para o inverno. Nessa época os lemingues alimentam-se de brotos de arbustos.
  14. 14. M: m: Mico-leão-dourado :( Leontopithecus rosalia ) é um primata encontrado originariamente na Mata Atlântica , no sudeste brasileiro . Encontra-se em perigo de extinção. Sua alimentação é muito variada, neste caso comem frutas , insetos , ovos , pequenas aves e lagartos (em cativeiro as aves e lagartos são substituídos por carne ).
  15. 15. N:Naja n: Naja é um género de cobras da família Elapidae natural do Sul da Ásia e da África . São conhecidas pelos nomes populares de cobra-capelo ou cobra-de-capelo . São animais peçonhentos, agressivos e bastante perigosos. Algumas espécies têm a capacidade de elevar grande parte do corpo e/ou de cuspir o veneno para se defender de predadores a distâncias de até dois metros. Outras espécies, como por exemplo a Naja tripudians , dilatam o pescoço quando o animal enraivece.Elas apenas acompanham o movimentos da flauta, pois as cobras escutam muito mal.
  16. 16. O o: Onça- Parda NOME CIENTIFICO: PUMA CONCOLOR NOME POPULAR: Suçuarana,Onça-Parda,Onça-vermelha,Puma,Leão-Baio,Leão-da-montanha,Cougar,Jaguar e Pantera-da-floresta. HÁBITAT: Floresta,Caatinga,Mata-Atlântica,Pantanal,campos e montanhas.É um animal em extinção!
  17. 17. P:PIRANHA p: É um peixe que tem a mordida de um bulldog, seus dentes cortam as linhas e as redes dos pescadores.Elas também são carnívoras. piranha
  18. 18. Q: Quati q Mamífero aparentado do guaxinim , possuindo entretanto um nariz mais comprido, e um corpo mais alongado. Com patas que lembram remotamente as dos ursos, muito úteis para escaladas em árvores. A coloração, em geral, é cinzento-amarelada, porém muito variável, havendo indivíduos quase pretos e outros bastante avermelhados, focinho e pés pretos, cauda com 55 cm, com sete a oito anéis pretos. Mede de corpo 70 cm. Vive em bandos de oito a dez, é praticamente onívoro , e se adapta bem ao cativeiro. São animais diurnos
  19. 19. R r Alimenta-se de insetos , vermes e outros pequenos animais, sendo quase sempre carnívora , que captura com a língua, inserida na frente da boca. Emite sons variados que servem para diferentes propósitos como atração da fêmea e delimitação da territorialidade com outros machos. Algumas poucas espécies possuem glândulas parótides produtoras de veneno , que no entanto são uma proteção passiva, já que não possuem mecanismos de inoculação e só têm efeito quando em contato com mucosas . rã
  20. 20. S: SABIA s Os sabias quase não cantam e podem ser vistos agrupados, especialmente no chão a comerem frutos e insetos. Consomem quase todas as frutas de pomares com preferência para o mamão e abacate e de árvores silvestres abundantes em nosso País. Apreciam também pimenta, amora, mariana e alguns legumes. Seu canto é longo e melodioso assemelhado ao som de uma flauta e dependendo do local pode-se escutá-lo a mais de um quilômetro de distância. Alguns repetem o canto e chegam a passar até dois minutos emitindo-o, sem parar.
  21. 21. T t T: TUBARÃO-MARTELO t Tubarão Martelo: nome comum de pelo menos dez espécies aparentadas que vivem em mares tropicais e temperados,mas apenas três espécies são perigosas ao homem.Duas grandes extensões planas e laterais da cabeça, dão-lhes uma força hidrodinâmica ascensorial que lhes permite girar com mais rapidez que os outros tubarões. É um cruel predador, ele come peixes,pequenos tubarões,lulas, polvos e pratica canibalismo .
  22. 22. U:URUBU-BRANCO u Os urubus alimentam-se, principalmente, de carne de animais mortos. Porém, quando não encontram carniça (carne de animal morto),costumam caçar pequenos roedores sapos e lagartos. As fêmeas costumam construir os ninhos no chão ou em arbustos secos e espinhosos Costumam voar alto, em círculos, para procurar o alimento. Para tanto, utilizam as correntes de ar quente. Não possuem si ringe (órgão vocal das aves), logo não podem cantar. Portanto, ao invés de cantar eles crocitam . Como alimentam-se de carne em estado de putrefação, são extrema mento importantes para o equilíbrio ecológico, pois evitam a disseminação de doenças É uma ave de hábitos diurnos
  23. 23. V: VEADO-PANTANEIRO v Os Veados-pantaneiros comem : folhas novas, verdes, flores e frutos. Onde moram : só o cervo do pantanal vive em áreas alagadas, os outros passam boa parte do tempo, mas precisam das matas de galeria para se alimentar. Quantas espécies no cerrado : quatro cervo do pantanal, campeiro, catingueiro e mateiro. Características : pesam até 180 quilos, se estressa com facilidade durante caçadas, disputam as fêmeas com duelos de chifres
  24. 24. X :XEXEU x Distribuição: Mato Grosso do Sul, Goiás e Bahia. Postura:   2 a 3 ovos. Habitat: Árvores baixas do cerrado, na orla da mata de galeria. Fêmeas e jovens : Os jovens são de cor de fuligem em vez de negra. As fêmeas são bem menores que os machos. Comportamento   e  reprodução:  Reproduzem em colônias, deve ser tentada em viveiros arborizados
  25. 25. Z:ZEBRA z As zebras são mamíferos , membros da mesma família dos cavalos , os eqüídeos, nativos da África central e do sul. A pelagem deste animal consiste num conjunto de listras contrastantes de cor, alternadamente, marrom-escura e branca, dispostas na vertical, excetuado nas patas, onde se encontram na horizontal.
  26. 26. http://pt.wikipedia.org/wiki/Zebra http://www.passarosbrasil.hpg.ig.com.br/xexeu.htm http://www.google.com.br http://pt.wikipedia.org

×