SEMINÁRIO SOBRE REECARNAÇÃO - MÓDULO II

1.266 visualizações

Publicada em

Palestra Espírita elaborada por Jortge Luiz - Fortaleza - Ceará - Brasil.
jorge.grauca@gmail.com

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.266
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
598
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

SEMINÁRIO SOBRE REECARNAÇÃO - MÓDULO II

  1. 1. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA(do grego Parádeigma) literalmente modelo, é arepresentação de um padrão a ser seguido. (...) umconhecimento que origina o estudo de um campocientífico; uma realização científica com métodos evalores que são concebidos como modelo; umareferência inicial como base de modelo para estudos epesquisas.” (http://pt.wikipedia.org/wiki/Paradigma)“ponto fundamental e considerado incontestável deuma doutrina religiosa ou filosófica.(...) Opiniãodada como certa, inatingível e imposta comoverdade indiscutível.” (Dicionário EnciclopédicoIlustrado Larousse)
  2. 2. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“(...) caráter do que é evidente; manifesto. Indício,traço, sinal.”“o que indica a provável existência de algo; sinal,vestígio, indicação.”“Demonstrar a verdade, a realidade, a autenticidadede uma coisa com razões, fatos, testemunhos,documentos, etc.”(Dicionário Enciclopédico Ilustrado Larousse)
  3. 3. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICAMECANICISMO (Programa Genéticos)VITALISMO (Fatores Vitais)ORGANICISMO (Campos Morfogenéticos)“A teoria dos campos morfogenéticos propõe aexistência de um campo, ou estrutura espacial, que éresponsável pelo desenvolvimento da forma. Ora, se ocampo morfogenético está ai, e se existe uma formaprévia que ele modela no organismo emdesenvolvimento, então deve existir uma equivalênciacausal. Tem-se alguma coisa já dotada de umaadequada complexidade de forma apta a modelar oorganismo em desenvolvimento.”(Rupert Sheldrake in Diálogos com Cientistas e Sábiosde Renée Weber)
  4. 4. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA(Rupert Sheldrake)
  5. 5. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“(...) sob influência do princípio vito-material do gérmen,o perispírito, que possui certas propriedades da matéria,se une, molécula a molécula, ao corpo em formação,donde pode dizer-se que o Espírito, por intermédio deseu perispírito, se enraíza, de certa maneira, nessegérmen, como uma planta na terra. Quando o gérmenchega ao pleno desenvolvimento, completa é a união;nasce o ser para a vida exterior. “DOUTRINA ESPÍRITA(KARDEC, Allan in A Gênese – Cap. XI – item 18)“Nem o DNA nem qualquer outro tipo de molécula,por si só, é capaz de explicar a vida.” (JR. Iandoli,Décio, in Reencarnação como Lei Biológica, apud LynMargulis, in O Que é Vida?)
  6. 6. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“(...) Conseqüentemente, nosso DNA é hoje 98,4% idênticoao das outras espécies de chimpanzés, o comum e opigmeu.(...) Na verdade, dizer que diferimos em 1,6% dosoutros chimpanzés é exagerar a singularidade humana, poisnossos atributos únicos dependem de diferença de DNA bemmenores que 1,6%. Lembre-se que 90% do nosso DNA ésucata não codificante. Lembre-se também que a maiorparte das diferenças de DNA codificante entre humanos echimpanzés influencia pouco ou nada nossocomportamento. Assim sendo, apenas a minúscula fração de0,16% do nosso DNA poderia explicar por que estamosdiscutindo a evolução da linguagem (...), em vez deforragear sem fala pela selva, como outros chimpanzés.”(MURPHY, Michael P. e O’NEILL, Luke A. J. O Que é Vida? 50Anos Depois)
  7. 7. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICACRIACIONISMOLAMARCKISMODARWINISMONEODARWINISMOORIGEM PLANEJADA DA VIDADOUTRINA ESPÍRITA“(...) Deus, o criador, o pai de todas as coisas. Essas trêscoisas (Deus, espírito e matéria) são o princípio de tudo oque existe, a trindade universal. Mas ao elemento material énecessário ajuntar o fluido universal, que exerce o papelintermediário entre o espírito e a matéria propriamentedita, demasiado grosseira para que o espírito possa exerceralguma ação sobre ela.(...)”“O Livro dos Espíritos”, questão 27)
  8. 8. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“A alma tem muitas existênciascorpóreas?- Sim, todos nós temos muitasexistências. Os que dizem ocontrário querem manter-vos naignorância em que eles mesmosse encontram; esse é o seudesejo.”( “O Livro dos Espíritos”, questão 166-b)
  9. 9. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICAPREPARAÇÃO PARA A REENCARNAÇÃO8% nada sentiram;11% resistiram e estavam mais ou menostemerosas;55% mostraram pelos menos algumahesitação;23% prepararam-se ativamente;3% foram muito apressadas e contra osconselhos.(TENDAN, Hans in Panorama Sobre a Reencarnação– Vol.1, apud WAMBACH, Helen in Life Before Life)
  10. 10. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICAOBJETIVOS DA REENCARNAÇÃO27% vieram ajudar outras pessoas e a elaspróprias a crescer espiritualmente;26% vieram adquirir nova experiência comosuplemento ou correção;18% vieram se tornar mais sociáveis;18% vieram solucionar relacionamentospessoais cármicos;12% vieram por razões variadas.(TENDAN, Hans in Panorama Sobre a Reencarnação– Vol. 1, apud WAMBACH, Helen in Life Before Life)
  11. 11. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICAESCOLHA DO SEXO“(...) Ainda faz diferença se você nascecomo homem ou como uma mulher.De acordo com Wambach, 76% daspessoas escolheram o sexo. As outras24% não tiveram escolha ou não seimportaram com isso.”(TENDAN, Hans in Panorama Sobre a Reencarnação– Vol. 1, apud WAMBACH, Helen in Life Before Life)
  12. 12. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICAESCOLHA DOS PAIS“(...). As pessoas que planejam sua vidatambém escolhem seus pais. Aquelas queexperienciam sua encarnação como algo quelhes acontece, da mesma forma não sabem porque ou como obtiveram seus pais. (...) Assim,as pessoas podem ser escolhidas combastante antecedência como futuro pais oumães; isso estará usualmente de acordo comas ligações anteriores.”(TENDAM, Hans in Panorama Sobre a Reencarnação– Vol. 1)
  13. 13. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICAMARCAS DE NASCENÇA E MALFORMAÇÕESCONGÊNITAS;“REENCARNAÇÃO GENÉTICA”“a mente é independente do corpo físico,sendo a extensão a ser completamenteseparada dele, que sobrevive à morte e àassociação com o mesmo (em algummomento posterior, ela torna a se associar aum novo corpo físico).”(JR. Iandoli, Décio in Reencarnação como Lei Biológica, apudSTEVENSON, Ian in Where Reincarnation in BiologyIntersect))
  14. 14. (Hans Tendam)“Curiosamente, contudo, seutrabalho (“O Livro dosEspíritos”) é o único livrosobre reencarnação, antes de1911, que se ajustasurpreendentemente aomoderno material empírico deregressão.”
  15. 15. (Dr. Ian Stevenson)“Por que” – pergunta ele (Dr. IanStevenson), pela terceira vez,desde o início da noite – “oscientistas em geral se recusam aaceitar as provas que já temos dareencarnação?” (Tom Shroder)
  16. 16. “MAHA RAM” “O TAILANDÊS” “O DEDÃO”“A CRIANÇA INDIANA
  17. 17. “Perguntei-lhe o que estava tentando alcançar, eleme respondeu:-A Paz no mundo.Fez um prolongado silêncio e acrescentou:- Estou falando sério. Se eliminássemos o medo damorte, o mundo conseguiria um equilíbrio maior.Não haveria motivos para a guerra.(...).”“Acredito que, exceto a matemática, nada pode sertotalmente provado em ciência. Entretanto, para alguns doscasos que conhecemos no momento, a melhor explicaçãoque conseguimos é a reencarnação. (...) Acho que umapessoa racional pode vir a acreditar na reencarnação combase em evidências.”(SHRODER, Tom in Almas Antigas)
  18. 18. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“(...) a mônada, a sobrevivente à morte do corpomaterial, forma um continuum com as encarnaçõesfísicas, pois transporta, por meio de seus corpossutis mental e vital, parte da identidade individual;não o melodrama, não o conteúdo do ego, mas ocaráter, as tendências do pensamento mental e daemoção vital, o repertório (mentalmente) aprendidode contextos, bem como fobias, a aversão pordeterminados contextos – em outras palavras, tantoos bons como os maus padrões de hábitos quechamamos de carma.”(GOSWAMI, Amit in A Física da Alma)
  19. 19. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“A nova ciência dareencarnação é umdesdobramento de um novoparadigma da ciência, dentrodo primado da consciênciaque tem se desenvolvido háalgum tempo.”(GOSWAMI, Amit in A Física da Alma)
  20. 20. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA(Dr. Amit Goswami)
  21. 21. REENCARNAÇÃO COMO LEI BIOLÓGICA“Poderíamos apresentar duascategorias principais de mudançasdecorrentes da aceitação dareencarnação como lei biológica:modificações conceituais eestruturais das ciências da vida emudanças filosóficas e morais.”(JR. Iandoli, Décio in Reencarnação como LeiBiológica)
  22. 22. “A reencarnaçãoserá, dentro embreve, reconhecidacomo mais uma leibiológica; talvez amais importante detodas elas.”Hernani G. Andrade
  23. 23. ”É mais fácildesintegrar umátomo do queumpreconceito.”(Albert Einstein)
  24. 24. BIBLIOGRAFIAGOSWAMI, Amit. A Física da Alma.JR. Iandoli, Décio.A Reencarnação como Lei Biológica.TENDAN, Hans. Panorama Sobre a Reencarnação. 2 volumes.WAMBACH, Helen. Recordando Vidas Passadas.WEBER, Renée. Diálogos com Cientistas e Sábios.SHRODER, Tom. Almas Antigas.ROCHAS de, Albert. As Vidas Sucessivas.PROPHET, Clare Elizabeth. Reencarnação O Elo Perdido doCristianismo.CHAVES Reis, José. Reencarnação Segundo a Bíblia e a Ciência.ANDRADE, Jayme. O Espiritismo e as Igrejas Reformadas.SILVA Celestino, Severino. Analisando as Traduções Bíblicas.ANDRADE G. Hernani. Você e a Reencarnação.

×