Serviços de Energiapara Países em Desenvolvimento           poor people are energisable                         Seminário ...
Agenda            I                           • O negócio de energia            Sobre a EDP    • A Fundação EDP           ...
Projecto Kakuma   Um investimento social da EDPcomo resposta a um pedido de donativo por parte do ACNUR      O ACNUR solic...
Existiam cerca de 50 mil refugiados em Kakuma em Fevereiro de 2009.No final de 2010 a população quase que duplicou.       ...
A oferta da EDP vai de encontro às necessidades básicas dahumanidade e à utilização produtiva da energia            NÍVEL ...
A maioria dos beneficiários-finais pagam o serviço que lhes éprestado, através de um modelo fee-for-service               ...
A experiência da EDP foi importante em Kakumamas foi critica a associação a Parceiros Locais        Parceiros Locais      ...
A capacitação local é crítica para a adopção e sustentabilidadede longo-prazo das soluções fornecidas                     ...
O valor acrescentado da oferta evidencia-se em 5 grandes pilares,destinado às famílias e instituições em regiões off-grid ...
Impactos do projecto-piloto Kakuma 2010                                Social               Refugiados do campo e hosts (>...
Concluído o projecto-piloto em Kakuma,pretendemos contribuir para a universalização do acesso à energia...3 MM pessoas    ...
… começando por procurarClientes institucionais, Fundos e Parceiros globais                            Remuneração de     ...
Electricidaads - Projecto kakuma
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Electricidaads - Projecto kakuma

356 visualizações

Publicada em

Electricidaads

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
356
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Electricidaads - Projecto kakuma

  1. 1. Serviços de Energiapara Países em Desenvolvimento poor people are energisable Seminário Electricidaads Lisboa, 22 de Janeiro de 2011
  2. 2. Agenda I • O negócio de energia Sobre a EDP • A Fundação EDP II Projecto- piloto no • Parceria com ACNUR e compromisso com a CGI Campo de • Soluções sustentáveis de energia e ambiente Refugiados de Kakuma III Oportunidade • Em curso Negócio para o DesenvolvimentoConteúdos para escalar 1
  3. 3. Projecto Kakuma Um investimento social da EDPcomo resposta a um pedido de donativo por parte do ACNUR O ACNUR solicita um donativo para programa de saúde e nutrição … A EDP propõe soluções de energia e ambiente sustentáveis (1.º passo para quebrar ciclo de pobreza dos refugiados) • 2009 FEV: Assessment ao Campo de Refugiados de Kakuma • 2009 JUN: Definição de modelo de abordagem e soluções • 2009 SET: Compromisso EDP na Clinton Global Initiative Nomeação de Field Manager para Kakuma • 2010 OUT: Conclusão do projecto-piloto 2
  4. 4. Existiam cerca de 50 mil refugiados em Kakuma em Fevereiro de 2009.No final de 2010 a população quase que duplicou. • 51% sudaneses e 36% somalis (em crescendo); População de • 13% da Etiópia, Ruanda, Burundi, Congo, Uganda, refugiados Eritreia e Namibia. • 6 pré-escolas, 12 primárias e 2 secundárias; Escolas • + 10 000 estudantes ; • + 2000 adultos em programas de alfabetização. • 2 hospitais e 1 clinica; Hospitais • Para refugiados e hosts. Abastecimento • 8 furos artesianos de água • 52 000 m3 por mês 24 lts. / dia x refugiado. Outros edifícios • Armazens, escritórios, residências 3
  5. 5. A oferta da EDP vai de encontro às necessidades básicas dahumanidade e à utilização produtiva da energia NÍVEL 3 Necessidades das sociedades modernas Capacitação e Energia Solar PV para Energia Solar Energia solar Empreendedorismo Irrigação agro-florestal para Cozinhar para Purificar água de água NÍVEL 2 Energia para gerar novas actividades económicas Energia Solar PV Energia Solar PV e LED Iluminação LED Iluminação LED e CFL para edifícios para iluminação para estudantes indoor e outdoor pública e familiar NÍVEL 1 Necessidades básicas da humanidade 4 Fonte: International Energy Agency
  6. 6. A maioria dos beneficiários-finais pagam o serviço que lhes éprestado, através de um modelo fee-for-service • Serviço de instalação • Desenha arquitectura • Serviço de pós-venda • Define programa • Pagam o serviço Constroi Parcerioa • Proprietários das • que lhes é Vende soluções e soluções • fornecido • Presta serviços a consultoria beneficiários-finais • Captura financiamento • Mede impactos Prestação de serviços Venda de soluções e Service consultoria Solutions Beneficiários- Provider finais Micro- Provider (Cliente institucional finança e/ou Parceiro local) Pagamentos (EDP) KAKUMA = 1,3 M€ Pagamentos directos ou via Financiamento micro-finança /subsidiação 5
  7. 7. A experiência da EDP foi importante em Kakumamas foi critica a associação a Parceiros Locais Parceiros Locais • Conhecem o mercado local; • Potenciam a sustentabilidade; • Aumentam a eficácia e eficiência do projecto. Salesians Don Bosco LWF NCCK Metalo- Electricidade Carpintaria Água Escolas Agro-florestal Restauração mecânica 6
  8. 8. A capacitação local é crítica para a adopção e sustentabilidadede longo-prazo das soluções fornecidas Tecnologias Capacitação fiáveis de Parceiros Locais Formação de utilizadores Stakeholder Âmbito da capacitação Parceiro Técnico Local Instalar, manter e assistência técnica Utilizadores finais Formação sobre a utilização das Adopção e sustentabilidade soluções das soluções Services Provider Organização e gestão das soluções 7
  9. 9. O valor acrescentado da oferta evidencia-se em 5 grandes pilares,destinado às famílias e instituições em regiões off-grid COMODIDADE Principais benefícios Serviços integrados, incluindo apoio nos •Disponibiliza energia renovável sustentada, a processos de preços competitivos, financiamento reduzindo consumos de combustíveis e emissões de CO2 COMPETITIVIDADE •Permite transferir parte do PROXIMIDADE Preços inferiores aos tempo gasto na Gestão de projecto gastos de energia aquisição de recursos efectuada dos beneficiários energéticos (lenha e localmente Soluções outros combustíveis) para EDP actividades produtivas pela EDP •Melhora a segurança de pessoas e bens, em particular mulheres e crianças •Elimina a exposição ao DINAMIZAÇÃO DA SUSTENTABILIDADE fumo (iluminação e ECONOMIA LOCAL Capacitação de cozinha), melhorando as Utilização de Parceiros e condições de saúde e aumentando a recursos locais, formação de produtividade à noite quando possível utilizadores •Permite maior conforto individual e familiar 8
  10. 10. Impactos do projecto-piloto Kakuma 2010 Social Refugiados do campo e hosts (> 70 mil) - 11 edifícios institucionais - famílias de 4500 estudantes em 15 escolas - 300 famílias com irrigação agro-florestal - 31 postes de iluminação pública - 100 refugiados capacitados Economico Ambiental Poupança de CO2 evitado gasóleo ~ 640 ton./ano ~ 50 mil litros/ano (edifícios, (solar PV e lampiões solares e iluminação iluminação pública) eficiente em 11 edifícios)NOTA: Investimento 100% EDP no valor de 1,3M€
  11. 11. Concluído o projecto-piloto em Kakuma,pretendemos contribuir para a universalização do acesso à energia...3 MM pessoas 1,5 MM pessoasutilizam lenha vivem sempara cozinhar acesso a electricidade 33% 31% 30% 28% 26% 23% A ONU estima necessários investimentos de $40b/ano, para assegurar o acesso universal à energia eléctrica até 2030.Fonte: IEA & AGECC – International Energy Agency & Advisory Group on Energy and Climate Change Hystra & Ashoka analysis, The Next 4 Billion, 38 country average household energy spending 10
  12. 12. … começando por procurarClientes institucionais, Fundos e Parceiros globais Remuneração de Clientes institucionais Maximizar Donativos da impactos base de clientes Fundos Sociais sociais e EDP Internacionais económicos (causa refugiados) Ajuda Pública ao Desenvolvimento 11

×