O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Sons & Vínculos

3.123 visualizações

Publicada em

Sons & Vínculos são dinâmicas musicais usadas em T&D Corporativo.

Publicada em: Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

Sons & Vínculos

  1. 1. SONS E VÍNCULOS PARA AMBIENTES CORPORATIVOS JOSÉ RENATO GIMENES
  2. 2. FORTALECIMENTO DE EQUIPE EM BUSCA DA ALTA PERFORMANCE FOCO EM RESULTADOS
  3. 3. O projeto de trabalhar com música vem do fato de que a música nos transforma interiormente. A música, através de seus elementos rítmicos, melódicos e harmônicos, consegue penetrar nos sentimentos mais profundos em busca de vislumbrar percepções essencialmente mais sutis e refinadas. As Dinâmicas Musicais, utilizadas durante o trabalho de T&D, estão focadas para criar não somente analogias com o mundo corporativo, mas para construir um clímax onde a alegria é fundamental, contagiante, estimulante e facilitadora para a aprendizagem dos conteúdos. As estratégias musicais são organizadas de acordo com o perfil do grupo a ser trabalhado, levando em conta as expectativas da empresa contratante e os procedimentos e objetivos pedagógicos do consultor.            As ações musicais estão orientadas para o contato musical, utilizando os recursos do cantar, do tocar, do ouvir e do dançar. Isso dá a ela um grande poder de atuação sobre o corpo, o emocional e a mente e também sobre a consciência e o inconsciente. A integração entre essas ações e os objetivos do Treinamento sempre estão vinculadas, tendo foco em resultados concretos.            O Cantar em Coral proporciona uma integração ímpar.             O Tocar em Percussões se traduz no “timming”do grupo.             O Ouvir nos leva a considerações esclarecedoras sobre Comunicação, compreensão e feedback, através da técnica de Audição Abrangente .            O Dançar solta as energias, alivia as tensões, alegra e mostra caminhos interessantes quando incorporado às analogias do mundo corporativo. A Orquestra de garrafas é a tradução perfeita do conceito de sinergia.                   
  4. 4. Feedback dos conteúdos A criação musical para verificação de aprendizagem dos conteúdos.
  5. 5. CONSTRUINDO, SENSIBILIZANDO E REALIZANDO “ Um trabalho focado na música e embasado num desenvolvimento estético saudável, irá, sem dúvida, aumentar a força da vida, aumentar o poder da dinâmica da vida, soltar todos os nossos instintos para saborear a vida e vivê-la em sua plenitude.” ( Ensinando Música Musicalmente – Keith Swanwick ).
  6. 6. As Dinâmicas Musicais foram concebidas para complementar propostas de treinamento e desenvolvimento empresarial utilizando a música como ferramenta. Tendo como proposta o fazer musical focado no trabalho em equipe e crescimento pessoal, as Dinâmicas Musicais utilizam vários recursos que a música oferece e que são acessíveis a todos, além de permitirem perceber a música como um fator para minimizar o estresse, estimular o pensamento criativo, a alegria e a felicidade interior. Possibilita, a partir das vivências musicais, a reflexão sobre o ser humano. A satisfação de alcançar uma meta, que a princípio parece impossível, nos mostra que somos capazes de ir além quando somos estimulado e corretamente orientado.
  7. 7. Num coral aprenda a fazer parte do todo. A ordem é soltar a voz, deixar de lado a timidez e deleitar-se com a força da união das vozes de um coral. Ao fim de um bom resultado, as mesmas vozes que cantam comemoram. A atividade é boa para fazer amigos a aprender a trabalhar em grupo. Desperta para a sensibilidade, traz compromisso e desenvolve a musicalidade.. (Revista Vida Simples – março de 2007 – edição 51 – MENTE ABERTA – idéias para você ser mais feliz ). Coral – uma só voz
  8. 8. FANFARRA DE SUCATAS
  9. 9. A comunicação musical em equipe exige de cada um: percepção, saber ouvir, acompanhar o ritmo, respeitar o espaço (a vez do outro), manter a auto-motivação e criar estímulos positivos para a motivação do outro. Perceber as partes e coordenar o todo para alcançar uma meta. Estas experiências mostram que um trabalho em equipe necessita de alguns princípios básicos necessários para alcançar resultados: definir objetivos; disponibilizar as informações para todos; estabelecer como, onde, quando e quem faz o quê; atuar de forma planejada; orientar, ensinar e treinar. São realizados exercícios de auto-percepção e expressão corporal, que partem de uma ação individual na busca de resultados em equipe, propiciando a integração do grupo como uma orquestra e desenvolvendo o papel do líder na disseminação das metas, na organização do esforço coletivo e no reconhecimento dos méritos da equipe, para manter um clima motivacional positivo.
  10. 10. CORAL DOS REPRESENTANTES COMERCIAIS CORAL CÊNICO ENSAIANDO A COMPOSIÇÃO AUTORAL “ Quando as pessoas participam de uma situação musical, elas medeiam o conflito, e sua presença direta dá poder a uma forma pessoal; então elas têm a possibilidade de se relacionar com ela e encontram o poder como uma realidade que não é dominadora e devastadora, mas reforçadora e construtiva”. ( Ensinando Música Musicalmente – Keith Swanwick ).
  11. 11. Ouvir, cantar, tocar e entender os caminhos dos compositores, mostra-nos como podemos saborear profundamente o fazer musical e consequentemente melhorar o aumento da concentração; a prontidão para executar ordens que venham da mente; a reação imediata ante um estímulo; a dissociação, coordenação e retenção de movimentos; o auto- conhecimento e domínio das resistências e possibilidades corporais e a busca do mundo interior para ampliar a comunicação consigo mesmo.
  12. 12. RELAXANDO E SENSIBILIZANDO CRIANDO VÍNCULOS A música pode ajudar, pois: Dá início ao movimento - nos leva da tristeza à alegria, do desânimo à esperança, das sombras ao sol, do negativo ao positivo, do tormento à paz; Funciona como catalisador; Modifica nosso estado mental, orientando-nos para afirmações positivas; Ajuda-nos a estabelecer um senso de participação, de experiência partilhada com os outros; Estimula nosso estado fisiológico a passar da apatia para a ação; Provoca imagens positivas; Induz a um estado de relaxamento; Altera a química corporal; Serve de refúgio da ansiedade ou de condições estressantes Distrai a atenção dos medos, das tensões e outras preocupações. ( O Tao da Música – John M. Ortiz – Utilizando a música para melhorar sua vida )
  13. 13. ORQUESTRA DE PERCUSSÃO – SONS E VÍNCULOS Fazer música simplesmente traz alegria e cria uma ligação positiva entre os participantes. E tal relacionamento costuma ser decisivo para o sucesso do evento.
  14. 14. Prefeituras Municipais de: Araçatuba, Birigui, Lins, Buritama, Lourdes, Penápolis, Brejo Alegre, Turiuba, Agudos, Salto Grande, Indaial, Rio das Ostras, Sto A. Aracanguá. Já foram realizadas Dinâmicas Musicais nas seguintes empresas :
  15. 15. JOSÉ RENATO GIMENES DAS NEVES Pedagogo e Músico, licenciado em Educação Musical e Educação Artística. Pós graduando em RH e Psicologia Organizacional Há 10 anos atua em T&D como dinamizador e facilitador nas realizações das Dinâmicas Musicais e de grupo. Desenvolve um processo de utilização da música como ferramenta para integrar equipes. ZRG SONS&VÍNCULOS Tel: 18 36242168 E-mail: [email_address] www.zrgproducoesculturais.com.br

×