Desenvolvimento do conceito<br /> de embalagens da<br />empresaTomateDoce<br />
Índice<br />A empresa<br />Tipos de Produto<br />Objetivo do Projeto<br />Análise<br />Tipos de embalagens<br />Materiais<...
A Empresa<br />A Tomate Doce é uma empresa que trabalha com produtos alimentícios artesanais.<br />Características do Prod...
 Produto artesanal.</li></ul>Público-Alvo:<br />- Judeus que consomem este produto, mas principalmente consumidores em ger...
A Empresa    |   Tipos de Produto<br />Massas<br />Molhos<br />Salgados<br />PetitGateau<br />Brownie<br />
Objetivos do Projeto<br /><ul><li>Análise da marca da empresa e embalagem atual
 Estudo da linguagem gráfica da concorrência;
Levantamento dos conceitos para as embalagens;
Aplicação dos conceitos nas embalagens.</li></li></ul><li>Análise<br />
Análise Marca Tomate Doce<br />Aspectos positivos<br />Moldura ao redor da marca:<br />Transmite segurança e credibilidade...
Análise Marca Tomate Doce<br />Aspectos negativos<br />Letras assimétricas:<br />Demonstram certa desorganização<br />Uso ...
Análise Embalagem Atual de Massas<br />Nome Kosher pouco valorizado.<br />Etiquetas coladas em lugares diferentes, dificul...
Análise Produtos Concorrentes      |    segmento massa resfriada    |    tipos de embalagem<br />Artesanal<br />Industrial...
Análise Produtos Concorrentes      |    segmento massa resfriada    |   materiais<br />Artesanal<br />embalagem cartonada ...
Análise Produtos Concorrentes      |    segmento massa resfriada    |   layout<br />Artesanal<br />Asembalagens artesanais...
Análise Produtos Concorrentes      |    segmento massa resfriada    |   layout<br />Artesanal<br />As marcas, em sua maior...
Análise Produtos Concorrentes      |    segmento massa resfriada    |   pontos positivos e negativos<br />Embalagem Papel<...
Fácil produção e montagem;
O acabamento possui plastificação para diminuir o contato com o produto.
Fácil acondicionamento do produto;
É o mais barato.
Produto fica muito protegido;
Destaca-se no ponto de venda.
Precisa ter adesivos separados para distinguir os tipos e as informações nutricionais.
Aspecto amador para o produto;
Colocação dos adesivos é dificultada pela superfície não ficar homogênea.
Precisa de máquina para lacrar o plástico.</li></li></ul><li>Tipos de embalagens<br />Massas<br />Molhos<br />Salgados<br ...
Como criar uma identidade, tendo 5 tipos de embalagem?<br /><ul><li> Elementos de Harmonização:</li></ul>Layout<br />Refer...
Conceito para o<br />Desenvolvimento da<br />Linha de Massas<br />
Proposta do Selo<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentacao Tomate Doce - Conceito

2.120 visualizações

Publicada em

Conept Presentation

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.120
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
524
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao Tomate Doce - Conceito

  1. 1.
  2. 2. Desenvolvimento do conceito<br /> de embalagens da<br />empresaTomateDoce<br />
  3. 3. Índice<br />A empresa<br />Tipos de Produto<br />Objetivo do Projeto<br />Análise<br />Tipos de embalagens<br />Materiais<br />Identidade<br />Conceitos<br />
  4. 4. A Empresa<br />A Tomate Doce é uma empresa que trabalha com produtos alimentícios artesanais.<br />Características do Produto:<br /><ul><li>Tem como diferencial o método de produção judaico, denominado Kosher;
  5. 5. Produto artesanal.</li></ul>Público-Alvo:<br />- Judeus que consomem este produto, mas principalmente consumidores em geral, que consomem produtos Kosher.<br />
  6. 6. A Empresa | Tipos de Produto<br />Massas<br />Molhos<br />Salgados<br />PetitGateau<br />Brownie<br />
  7. 7. Objetivos do Projeto<br /><ul><li>Análise da marca da empresa e embalagem atual
  8. 8. Estudo da linguagem gráfica da concorrência;
  9. 9. Levantamento dos conceitos para as embalagens;
  10. 10. Aplicação dos conceitos nas embalagens.</li></li></ul><li>Análise<br />
  11. 11. Análise Marca Tomate Doce<br />Aspectos positivos<br />Moldura ao redor da marca:<br />Transmite segurança e credibilidade<br />Símbolo Tomate:<br />Item muito associado a coisas saudáveis<br />Cor Vermelha:<br />Cor viva e provocante, que nos dá a sensação de vibração<br />Fonte sem serifa:<br />Demonstra seriedade<br />Cor Verde:<br />Natureza, cor da naturalidade<br />
  12. 12. Análise Marca Tomate Doce<br />Aspectos negativos<br />Letras assimétricas:<br />Demonstram certa desorganização<br />Uso de Gradiente:<br />O uso de graduação de cor pode dificultar a impressão, por conta da granulação<br />Fonte pequena<br /> e sem peso visual:<br />Pode ocasionar perda de leitura quando reduzida para aplicações em pequenos materiais <br />
  13. 13. Análise Embalagem Atual de Massas<br />Nome Kosher pouco valorizado.<br />Etiquetas coladas em lugares diferentes, dificultando a leitura.<br />Embalagem plástica colocada de modo improvisado.<br />Adesivo sem lugar fixo, o que possibilita o desalinhamento<br />Falta de informações <br />nutricionais.<br />Nenhum elemento gráfico que caracterize a empresa ou o produto.<br />
  14. 14. Análise Produtos Concorrentes | segmento massa resfriada | tipos de embalagem<br />Artesanal<br />Industrial<br />
  15. 15. Análise Produtos Concorrentes | segmento massa resfriada | materiais<br />Artesanal<br />embalagem cartonada <br />vazada(papel)<br />embalagem com bandeja de isopor<br />Industrial<br />embalagem com bandeja plástica<br />
  16. 16. Análise Produtos Concorrentes | segmento massa resfriada | layout<br />Artesanal<br />Asembalagens artesanais tem layout com aspecto improvisado, com exceção da embalagem 1.<br />Industrial<br />Asembalagens industrializadas são poluídas visualmente, com exceção da embalagem 5.<br />
  17. 17. Análise Produtos Concorrentes | segmento massa resfriada | layout<br />Artesanal<br />As marcas, em sua maioria, são posicionadas no topo da embalagem.<br />Industrial<br />
  18. 18. Análise Produtos Concorrentes | segmento massa resfriada | pontos positivos e negativos<br />Embalagem Papel<br />Bandeja Isopor<br />Bandeja Plástica<br />Sugestão de escolha<br /><ul><li>Possibilidade de ter uma janela de visualização do produto;
  19. 19. Fácil produção e montagem;
  20. 20. O acabamento possui plastificação para diminuir o contato com o produto.
  21. 21. Fácil acondicionamento do produto;
  22. 22. É o mais barato.
  23. 23. Produto fica muito protegido;
  24. 24. Destaca-se no ponto de venda.
  25. 25. Precisa ter adesivos separados para distinguir os tipos e as informações nutricionais.
  26. 26. Aspecto amador para o produto;
  27. 27. Colocação dos adesivos é dificultada pela superfície não ficar homogênea.
  28. 28. Precisa de máquina para lacrar o plástico.</li></li></ul><li>Tipos de embalagens<br />Massas<br />Molhos<br />Salgados<br />PetitGateau<br />Brownie<br />ou<br />ou<br />
  29. 29. Como criar uma identidade, tendo 5 tipos de embalagem?<br /><ul><li> Elementos de Harmonização:</li></ul>Layout<br />Referências corporativas<br />Fonte<br />abcdefg123<br /><ul><li> Elemento de Distinção:</li></ul>Selo Kosher<br />
  30. 30. Conceito para o<br />Desenvolvimento da<br />Linha de Massas<br />
  31. 31. Proposta do Selo<br />
  32. 32. Conceito1<br />Ingredientes<br />
  33. 33. Linha de Massas | Proposta 1.a<br />Espaço em branco para destacar o produto<br />Layout simétrico que facilita a visualização<br />Forma retangular para a “janela”, aumentando<br />a visualização<br />Valorização da matéria-prima in natura<br />
  34. 34. Linha de Massas | Proposta 1.b<br />Espaço em branco para destacar o produto<br />Layout assimétrico mostrando inovação<br />Forma retangular para a “janela”, aumentando<br />a visualização<br />Valorização da matéria-prima in natura<br />
  35. 35. Linha de Massas | Proposta 1.c<br />Área toda preenchida, que destaca o produto<br />no P.D.V.<br />Layout simétrico que facilita a visualização<br />Forma retangular para a “janela”, aumentando<br />a visualização<br />Valorização da matéria-prima in natura<br />
  36. 36. Conceito2<br />Artesanal<br />
  37. 37. Linha de Massas | Proposta 2.a<br />Área toda preenchida, que destaca o produto<br />no P.D.V.<br />Layout simétrico que facilita a visualização<br />Forma oval para a “janela”, seguindo a identidade<br />da marca<br />Elementos gráficos que indicam a liberdade dos<br />movimentos das mãos<br />
  38. 38. Linha de Massas | Proposta 2.a<br />Área toda preenchida, que destaca o produto<br />no P.D.V.<br />Layout simétrico que facilita a visualização<br />Forma oval para a “janela”, seguindo a identidade<br />da marca<br />Elementos gráficos que indicam a liberdade dos<br />movimentos das mãos<br />
  39. 39. Conceito3<br />Tradição<br />
  40. 40. Linha de Massas | Proposta 3.a<br />Área toda preenchida, que destaca o produto<br />no P.D.V.<br />Layout simétrico que facilita a visualização<br />Forma tradicional para a “janela”, demonstrando<br />respeito aos valores<br />Cores que remetem às cores de ingredientes e<br />à identidade da marca<br />
  41. 41. Linha de Massas | Proposta 3.b<br />Área toda preenchida, que destaca o produto<br />no P.D.V.<br />Layout simétrico que facilita a visualização<br />Forma tradicional para a “janela”, demonstrando<br />respeito aos valores<br />Cores que remetem às cores de ingredientes e<br />à identidade da marca<br />
  42. 42. Overview Propostas<br />1.a<br />1.b<br />1.c<br />2.a<br />2.b<br />3.a<br />3.b<br />
  43. 43. Concepção, criação e desenvolvimento do projeto:<br />Vicente Carvalho – Consultor em Projetos CRIED<br />

×