Cultura
do
Tomate
Ariana Francielle Pereira da Silva
Sirlaine Macena Ramos
Cultura
do
Tomate
Cultura
do
Cultura
do
Tomate
...
Introdução Culturado Tomate
Originária dos Andes;
Segunda olerícola mais produzida no Brasil;
Pertence à família Solanacea...
Introdução Culturado Tomate
• Originário do Perú - Equador estendeu-se posteriormente à América
Central e Meridional e foi...
Descrição da planta Culturado Tomate
• Porte arbustivo, anual, rasteira, semiereta ou ereta;
• Raiz: Pivotante, 50 cm de p...
Valores Nutricionais Culturado Tomate
Água= 93 a 97%
Matéria seca 5 a 7%
Sólidos solúveis (º Brix) 3,5 a 6,0%
Fibras 0,5 a...
Características Morfológicas Culturado Tomate
• Possui um sistema radicular amplo, constituído por uma raiz
principal, que...
Hábitos de Crescimento Culturado Tomate
DETERMINADOS INDETERMINADOS
• No início do crescimento o porte do caule é ereto, m...
Hábitos de Crescimento Culturado Tomate
DETERMINADOS INDETERMINADOS
• O crescimento do caule
principal, depois de ter
prod...
Fases da Cultura Culturado Tomate
Principais fases da cultura do tomate:
■ Germinação;
■ Desenvolvimento vegetativo;
■ Flo...
Fatores limitante Culturado Tomate
Principais fatores que limitam a produtividade da
cultura do tomate:
■ Temperatura;
■ H...
Clima favorável Culturado Tomate
Tropical de altitude, Subtropical e Temperado;
O tomateiro precisa de variação de tempera...
Época de Plantio Culturado Tomate
A Campo:
Período seco: Março a maio;
Em estufa:
Período chuvoso: mas pode produzir duran...
Cultivares Culturado Tomate
São reunidas em 5 grupos:
Santa Cruz;
Cereja;
Italiano;
Agroindustrial.
Salada;
• 1. Grupo Santa Cruz
• Rei Umberto x Redondo Japonês;
• Consumo in natura;
• Plantas altas e crescimento indeterminado;
•...
Cultivares Culturado Tomate
• 3. Grupo Saladinha
• Frutos de tamanho menores;
• Frutos de formato globular achatado, pluri...
Cultivares Culturado Tomate
• 5. Grupo Cereja
• Tomatinho-selvagem;
• Frutos com 10 a 30g, biloculares, cor vermelha;
• Cr...
Solo Culturado Tomate
Preferencial: areno argiloso;
Profundo;
Bem drenado;
Bom teor de Ca, Mg e M.O;
pH entre 5,5 e 6,5.
Solo Culturado Tomate
PREPARO DA ÀREA
• Para que se obtenha uma boa qualidade da cultura a ser plantada, e
necessário leva...
Plantio Culturado Tomate
Análise de solo e laudo de recomendação;
Aração e gradagem (15-20cm);
Fazer leras com covas de 20...
Espaçamento Culturado Tomate
• O espaçamento mais comum, nos atuais sistemas de produção, é
de 1,0 m entrelinhas e 0,70 m ...
Produção de Mudas Culturado Tomate
Produção de muda: em bandejas de isopor ou em
copos descartável;
Molhar diariamente as ...
• Deve-se fazer o plantio com mudas produzidas no viveiro de forma
orgânica. Essas formações podem ser feitas em:
• Normal...
Produção de Mudas Culturado Tomate
• A medida que serve para hortaliças em geral, e de
10 cm de comprimento cada copinho;
...
Produção de Mudas Culturado Tomate
• Pode ser feita por mudas em sementeiras, ou canteiros semeando-se com
espaçamento de ...
Tratos Culturais Culturado Tomate
• O sucesso da cultura depende da forma como são efetuadas as operações
culturais ao lon...
Tratos culturais Culturado Tomate
Tutoragem
• A cultura deve ser tutorada, enrolando a planta a um fio preso entre o seu p...
Tratos Culturais Culturado Tomate
Transplantação
• Durante a transplantação é necessário ter em atenção
o estado de desenv...
Tratos culturais Culturado Tomate
Capinas: Manter o cuidado para não ferir as raízes;
Pulverização com herbicidas: Utiliza...
Tratos culturais Culturado Tomate
Poda:
• o sistema de poda reduz-se à eliminação dos rebentos das axilas
(ladrões). Convé...
Tratos culturais Culturado Tomate
Eliminação de algumas folhas;
A desfolha não deve ser muito severa,
pois a planta se “al...
Tratos culturais Culturado Tomate
Utiliza-se esse método quando as cultivares são de crescimento indeterminado;
Após ating...
Amontoa
• É uma pratica utilizada cerca de 15 a 20 dias após o transplantio, nela e
feita o chegamento de terra ao pé da p...
Tratos culturais Culturado Tomate
• É a prática necessária para desbastar frutos malformados, pequenos,
doentes ou praguej...
Tratos culturais Culturado Tomate
Capação
• Consiste na retirada do ponteiro de crescimento, evitando, assim,
seu prolonga...
Tratos culturais Culturado Tomate
Eliminação de alguns frutos ainda jovens;
■ Manter o equilíbrio da quantidade de frutos;...
• - Leves e frequentes;
• - 20% de frutos maduros: paralisação;
• - 20mm (condições frescas) e 70mm (condições quentes e s...
• As doenças podem ser:
BACTERIANA
FÚNGICAS
NEMATÓIDES
VIROSES
Pragas e Doenças Culturado Tomate
- CANCRO BACTERIANO: Clavibacter michiganensis subsp michiganensis
- MANCHA BACTERIANA: Xanthomonas spp
- PINTA BACTERIANA...
-TOMBAMENTO DE MUDAS: Pythium spp, Rhizoctonia solani, Phytophthora
- REQUEIMA: Phytophthora infestans.
- PINTA DE ALTERNÁ...
- MURCHA DE ESCLERÓCIO: Sclerotium rolfsii.
- RIZOCTONIOSE: Rhizoctonia solani.
- PODRIDÃO DE ESCLEROTÍNEA: Sclerotinia sc...
• SUPERBROTAMENTO – Transmitido pela cigarrinha;
• VIRA CABEÇA – Transmitido por trips
– Gênero Topovirus – 70 famílias de...
• TOPO AMARELO (TYTV) – Transmitido pelo pulgão Mysus persicae (forma
persistente);
• MOSAICO DO VÍRUS Y – VÍRUS Y DA BATA...
• Meloidogyne incognita:
• Meloidogyne javanica
• Meloidogyne hapla
NEMATÓIDES
Doenças Culturado Tomate
Doenças Culturado Tomate
Murcha-Fusariana:
Doença de solo cujo agente é o fungo Fusarium
oxysporum f. sp. Lycopersici .
Si...
Doenças Culturado Tomate
Murcha-Bacteriana:
O agente é Ralstonia solanacearum;
Sintoma:
Causa a murcha irreversível da pla...
Doenças Culturado Tomate
Vira-Cabeça (Trospovirose):
Virose causada por um complexo de vírus,
os tospovírus;
Sintoma:
Os f...
Doenças Culturado Tomate
Controle:
Evitar que tripes virulíferos se alimentem sobre a planta;
Produzir mudas dentro de est...
• TRIPS: Trips tabaci, Frankliniella schulsei
• PULGÕES: Misus persicae, Macrosiphum euforbiae
• ÁCAROS: Tethranychus urti...
Pragas Culturado Tomate
Brocas-dos-Frutos:
São larvas que penetra nos
frutos ainda pequenos e abrem
galerias no seu interi...
Pragas Culturado Tomate
Pulgões:
Sugam seiva e também são
vetores de viroses;
Controle:
Evitar o contato do inseto virulíf...
Pragas Culturado Tomate
Mosca-Branca:
Sugam seiva e transmitem a “geminivirose”;
Controle:
Produção de muda em estufas pro...
TRAÇA – ATAQUE NO
PONTEIRO
LARVA
ESCREMENTOS
DANOS NOS FRUTOS
BROCA PEQUENA
SAIDA DA LARVA
BROCA PEQUENA
DANO INTERNO
Colheita Culturado Tomate
• A cor do tomate é o critério mais utilizado para a determinação da data de
colheita. Uma vez a...
• O tomate é colhido à mão. Deve-se colher de forma escalonada e
geralmente no estado verde ou rosa, em função do mercado ...
Transporte Culturado Tomate
• Durante o tempo de espera para expedição, o tomate deve estar
reservado em lugar protegido d...
Período de Conservação Culturado Tomate
• Sendo um produto muito sensível ao manuseamento, o tomate
permite diferentes per...
Produção do Tomate Culturado Tomate
Colheita Culturado Tomate
Culturado Tomate
Culturado Tomate
OBRIGADA,
ATÈ A PRÒXIMA!
Culturado Tomate
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cultivo do tomate orgânico (Olericultura)

8.767 visualizações

Publicada em

trabalho sobre o cultivo de tomate orgânico, dotado para a disciplina de olericultura.

Publicada em: Educação
1 comentário
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • MANENVASE TEMOS UM PROJETO ONDE NÃO USAMOS QUALQUER TIPO DE MOTORES E SERVIRA PARA EMBALAR PRODUTOS TANTO LIQUIDO COMO EM PÓ,E QUE PODERA SER USADO ATÉ EM QUANTIDADES MAIORES. DE 10 ML. ATÉ 50 LITROS OU 50 QUILOS OU MAIS. SENDO QUE PASSAMOS O PROJETO COM EXPLICAÇÕES DETALHADAS QUE VAI SEREM FEITAS PESSOALMENTE. PODEMOS FAZER PARCERIAS COM INDÚSTRIAS DE SELAGEM EM EMBALAGENS LEMBRANDO QUE O PROCESSO ESTA DANDO ENTRADA COM REGISTRO NO I.N.P.I SE HOUVER INTERESSE ENTREM EM CONTATO PELO E-MAIL ABAIXO DESCRITO pilli.decio@gmail.com
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.767
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
902
Comentários
1
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cultivo do tomate orgânico (Olericultura)

  1. 1. Cultura do Tomate Ariana Francielle Pereira da Silva Sirlaine Macena Ramos Cultura do Tomate Cultura do Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura do Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura dodo Tomate Cultura Tomate Cultura Tomate Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura do Tomate Cultura Tomate Cultura
  2. 2. Introdução Culturado Tomate Originária dos Andes; Segunda olerícola mais produzida no Brasil; Pertence à família Solanaceae. Cultura exigente no manejo e condições ambientais.
  3. 3. Introdução Culturado Tomate • Originário do Perú - Equador estendeu-se posteriormente à América Central e Meridional e foi introduzido na Europa no século XVI. O seu nome deriva dos termos astecas “tomalt“, “xitomate “ e “ xitotomate “. Inicialmente era usado como planta ornamental mas em meados do século XVIII já era cultivado para fins alimentares, principalmente em Itália Consumida em todo o mundo; • Rico em: vitaminas (A, B e C), minerais, aminoácidos essenciais, ferro e fósforo, açucares e fibras; • Tomate amarelo é rico em vitamina A; • Tomate vermelho é rico em licopeno; • Brasil é um dos maiores produtores = 70t/ha (média); • Consumo in natura ou industrializado
  4. 4. Descrição da planta Culturado Tomate • Porte arbustivo, anual, rasteira, semiereta ou ereta; • Raiz: Pivotante, 50 cm de profundidade; • Caule: ereto a prostrado, 2 – 4 m de altura; • Folhas: alternadas, compostas, 15-50 cm comp. e 10-30 cm de larg.; • Flores: hermafroditas, inflorescência tipo racimo, autógamas; • Fruto: baga carnosa, 2 – 12 lóculos, exocarpo – mesocarpo – endocarpo; • Sementes: reniformes, pequenas, tricômas, coloração marrom-clara (50-200 sem./fruto).
  5. 5. Valores Nutricionais Culturado Tomate Água= 93 a 97% Matéria seca 5 a 7% Sólidos solúveis (º Brix) 3,5 a 6,0% Fibras 0,5 a 0,6% Calorias 18 a 20 Proteínas 0,68 a 1,1 g Cálcio 6 a 34 mg Fósforo 17,3 a 43 mg Enxofre 6,7 a 10,2 mg Magnésio 7 a 8 mg Sódio 1 a 2 mg Vitamina A (βcaroteno) 900 a 1271 UI Vitamina B1 (Tiamiona) 0,05 a 0,08 mg Vitamina B2 (Riboflavina) 0,03 a 0,05 mg Vitamina C 18 a 40 mg
  6. 6. Características Morfológicas Culturado Tomate • Possui um sistema radicular amplo, constituído por uma raiz principal, que pode alcançar os 50-60 cm de profundidade, e por uma grande quantidade de ramificações secundárias, reforçadas pela presença de um grande número de raízes “adventícias” que surgem na base dos caules. • O caule do tomateiro é anguloso, coberto em toda a sua superfície de pelos perfeitamente visíveis que, devido à sua natureza glandular, libertam uma substância líquida responsável pelo aroma característico da planta.
  7. 7. Hábitos de Crescimento Culturado Tomate DETERMINADOS INDETERMINADOS • No início do crescimento o porte do caule é ereto, mas à medida que a planta cresce, o seu peso fá-lo tender para um porte prostrado, tornando necessário proceder à sua tutoragem. O desenvolvimento do caule depende da variedade de tomate, existindo dois tipos fundamentais:
  8. 8. Hábitos de Crescimento Culturado Tomate DETERMINADOS INDETERMINADOS • O crescimento do caule principal, depois de ter produzido lateralmente várias inflorescências, para em consequência da formação de uma inflorescência terminal; • Têm a particularidade de possuir sempre no seu ápice um meristema, que produz um crescimento continuado do caule principal, originando inflorescências apenas na posição lateral.
  9. 9. Fases da Cultura Culturado Tomate Principais fases da cultura do tomate: ■ Germinação; ■ Desenvolvimento vegetativo; ■ Floração; ■ Vingamento; ■ Crescimento do fruto.
  10. 10. Fatores limitante Culturado Tomate Principais fatores que limitam a produtividade da cultura do tomate: ■ Temperatura; ■ Humidade relativa (HR); ■ Quantidade de água fornecida; ■ Radiação; ■ Nutrição.
  11. 11. Clima favorável Culturado Tomate Tropical de altitude, Subtropical e Temperado; O tomateiro precisa de variação de temperatura de 21-28 ºC no dia e 15-20 ºC à noite; Acima de 35 ºC há prejuízo na frutificação; Temperaturas baixas retardam germinação e desenvolvimento; A planta requer em torno de 1.000 mm/ano.
  12. 12. Época de Plantio Culturado Tomate A Campo: Período seco: Março a maio; Em estufa: Período chuvoso: mas pode produzir durante todo o ano; Oferece maior desafio, com a umidade e temperatura elevada; Maior exigência em pulverizações e tratos culturais. Menor incidência de doenças e plantas invasoras;
  13. 13. Cultivares Culturado Tomate São reunidas em 5 grupos: Santa Cruz; Cereja; Italiano; Agroindustrial. Salada;
  14. 14. • 1. Grupo Santa Cruz • Rei Umberto x Redondo Japonês; • Consumo in natura; • Plantas altas e crescimento indeterminado; • Frutos oblongos, bi ou triloculares; • Frutos com 80 a 220g; • Saladas e molhos. • 2. Grupo Salada • Tomate-caqui, tomate-maçã ou tomatão; • Frutos pluriloculares, formato globular achatado; • Frutos com 250 a 500g; • Coloração vermelho ou rosado; • Crescimento indeterminado ou determinado; • Saladas e lanches. Cultivares Culturado Tomate
  15. 15. Cultivares Culturado Tomate • 3. Grupo Saladinha • Frutos de tamanho menores; • Frutos de formato globular achatado, pluriloculares, cor vermelho intensa, 150 a 250g; • Crescimento determinado ou indeterminado; • Saladas. • 4. Grupo Italiano • Mais recente cultivar; • Frutos biloculares, alongados e pontiagudos; • Polpa espessa, vermelha intensa, firme e saborosa; • Crescimento determinado ou indeterminado; • Molhos e saladas.
  16. 16. Cultivares Culturado Tomate • 5. Grupo Cereja • Tomatinho-selvagem; • Frutos com 10 a 30g, biloculares, cor vermelha; • Crescimento indeterminado; • Aperitivos, saladas, etc.
  17. 17. Solo Culturado Tomate Preferencial: areno argiloso; Profundo; Bem drenado; Bom teor de Ca, Mg e M.O; pH entre 5,5 e 6,5.
  18. 18. Solo Culturado Tomate PREPARO DA ÀREA • Para que se obtenha uma boa qualidade da cultura a ser plantada, e necessário levar em conta varias considerações uma delas e o preparo da área que se baseia em: Manejo inicial Preparo do Solo Conservação do solo Correção do solo
  19. 19. Plantio Culturado Tomate Análise de solo e laudo de recomendação; Aração e gradagem (15-20cm); Fazer leras com covas de 20 x 20 cm; Adicionar 1kg de esterco e adubação de NPK de acordo com o laudo por cova.
  20. 20. Espaçamento Culturado Tomate • O espaçamento mais comum, nos atuais sistemas de produção, é de 1,0 m entrelinhas e 0,70 m entreplantas, podendo variar de 1,0 a 1,20 entrelinhas e 0,70 a 0,80 m entreplantas, com duas hastes ou 2 plantas/covas.
  21. 21. Produção de Mudas Culturado Tomate Produção de muda: em bandejas de isopor ou em copos descartável; Molhar diariamente as mudas nessa fase inicial; Manter as mudas protegidas contra o ataque de pragas e doenças.
  22. 22. • Deve-se fazer o plantio com mudas produzidas no viveiro de forma orgânica. Essas formações podem ser feitas em: • Normalmente são usadas bandejas de isopor; • Ambiente protegido; • Gastam-se 50 a 100g de sementes para a formação de mudas suficientes para o plantio de um hectares; Formação em Bandejas Produção de Mudas Culturado Tomate
  23. 23. Produção de Mudas Culturado Tomate • A medida que serve para hortaliças em geral, e de 10 cm de comprimento cada copinho; • As mudas podem ser transplantadas no próprio copinho, pois as raízes perfurarão o papel facilmente; • Elimina-se os riscos de contaminação; • Podemos fazer o transplante a qualquer hora; • A única desvantagem e o preparo para confecciona-las Formação em copinhos de papel
  24. 24. Produção de Mudas Culturado Tomate • Pode ser feita por mudas em sementeiras, ou canteiros semeando-se com espaçamento de 10 cm entrelinhas e profundidade de 1,5 cm. • Para além de ter que se garantir a qualidade da semente, devem ser usadas placas de germinação desinfetadas e substratos isentos de pragas e doenças. É o local onde sementes são colocadas para germinar. Formação em Sementeira
  25. 25. Tratos Culturais Culturado Tomate • O sucesso da cultura depende da forma como são efetuadas as operações culturais ao longo do desenvolvimento do tomate. • A fertilização é uma das operações mais importantes na condução da cultura pois quando executada corretamente contribui para um aumento da produção, quer em quantidade quer em qualidade. • Deve-se igualmente ter em atenção a variedade, o teor de nutrientes do solo e as extrações de nutrientes pela planta. Para tal, é importante análise do solo para que sejam feitas as correções necessárias e um plano de adubações correto. Fertilização
  26. 26. Tratos culturais Culturado Tomate Tutoragem • A cultura deve ser tutorada, enrolando a planta a um fio preso entre o seu pé e um arame que corre ao longo da linha de cultura, a cerca de 1,80 m de altura. • Os principais tipos de condução e Tutoramento são: o Cordão o Estacas Simples o Estacas Cruzadas o Espaldeira (cerca)
  27. 27. Tratos Culturais Culturado Tomate Transplantação • Durante a transplantação é necessário ter em atenção o estado de desenvolvimento das plantas e o seu estado vegetativo de forma a minimizar o “stress” resultante desta operação. • No caso de não se proceder de imediato à transplantação, e quando é necessário o transporte para longas distâncias, são necessários cuidados ao nível da temperatura, humidade e ventilação. • Os efeitos da crise de transplantação são minimizados se se efetuar logo uma rega; • A plantação deve ser feita quando a temperatura ambiente está próxima da temperatura ótima de desenvolvimento.
  28. 28. Tratos culturais Culturado Tomate Capinas: Manter o cuidado para não ferir as raízes; Pulverização com herbicidas: Utilizado em culturas rasteiras; Já existe herbicidas para o uso em tomaticultura. Controle de Plantas invasoras
  29. 29. Tratos culturais Culturado Tomate Poda: • o sistema de poda reduz-se à eliminação dos rebentos das axilas (ladrões). Convém que esta operação seja feita quando o rebento está num estado bastante jovem para que o corte não deixe feridas grandes que poderão ser porta de entrada de doenças. Poda
  30. 30. Tratos culturais Culturado Tomate Eliminação de algumas folhas; A desfolha não deve ser muito severa, pois a planta se “alimenta” pelas folhas. Vantagens: ■ Melhora o arejamento; ■ Iluminação; ■ Polinização; Desfolha
  31. 31. Tratos culturais Culturado Tomate Utiliza-se esse método quando as cultivares são de crescimento indeterminado; Após atingirem a altura desejada faz-se um corte no caule eliminando o rebento terminal: ■ Reduzir o ciclo da cultura; Vantagens: ■ Obter frutos mais precoces; ■ Maior qualidade. Desponta
  32. 32. Amontoa • É uma pratica utilizada cerca de 15 a 20 dias após o transplantio, nela e feita o chegamento de terra ao pé da planta, formando leiras, deve ser realizada logo após a adubação, os seus objetivos são: • Proteger as raízes; • Melhorar sua fixação e adaptar o solo para as irrigações por infiltração; Tratos culturais Culturado Tomate
  33. 33. Tratos culturais Culturado Tomate • É a prática necessária para desbastar frutos malformados, pequenos, doentes ou praguejados, principalmente no tomate do tipo salada. E aconselhado fazer o raleio quando já tiver ocorrido a efetiva frutificação. • Para alguns cultivares, poderá ser feito o raleio de frutinhos, para permitir maior tamanho final. Essa deve ser uma decisão local, de acordo com o cultivar e as características do comercio, que podem exigir tomates grandes ou médios. Raleio
  34. 34. Tratos culturais Culturado Tomate Capação • Consiste na retirada do ponteiro de crescimento, evitando, assim, seu prolongamento. • Ela favorece ao aumento do tamanho dos frutos, como ocorre nos cultivares, deve ser realizada acima da 5° penca, quando a planta já atingiu o ultimo arame.
  35. 35. Tratos culturais Culturado Tomate Eliminação de alguns frutos ainda jovens; ■ Manter o equilíbrio da quantidade de frutos; Vantagens: ■ Melhorar o calibre. Monda dos Frutos
  36. 36. • - Leves e frequentes; • - 20% de frutos maduros: paralisação; • - 20mm (condições frescas) e 70mm (condições quentes e secas); • - Superfície, aspersão ou gotejamento. Tratos culturais Culturado Tomate Irrigação
  37. 37. • As doenças podem ser: BACTERIANA FÚNGICAS NEMATÓIDES VIROSES Pragas e Doenças Culturado Tomate
  38. 38. - CANCRO BACTERIANO: Clavibacter michiganensis subsp michiganensis - MANCHA BACTERIANA: Xanthomonas spp - PINTA BACTERIANA: Pseudomonas syringae pv. Syringae - MURCHA BACTERIANA: Ralstonia solanacearum - TALO OCO: Erwinia corotovora subsp corotovora / Erwinia chrysanthemi - NECROSE DA MEDULA: Pseudomonas corrugata. BACTERIANAS: Doenças Culturado Tomate
  39. 39. -TOMBAMENTO DE MUDAS: Pythium spp, Rhizoctonia solani, Phytophthora - REQUEIMA: Phytophthora infestans. - PINTA DE ALTERNÁRIA: Alternaria solani. - SEPTORIOSE: Septoria lycopersici - MANCHA DE ESTENFÍLIO: Stemphylium solani, S. lycopersici - MURCHA DE FUSARIUM: Fusarium oxysporum f.sp. Lycopersici. - MURCHA DE VERTICILIUM: Verticillium dahliae, V. alboatrum FÚNGICAS Doenças Culturado Tomate
  40. 40. - MURCHA DE ESCLERÓCIO: Sclerotium rolfsii. - RIZOCTONIOSE: Rhizoctonia solani. - PODRIDÃO DE ESCLEROTÍNEA: Sclerotinia sclerotiorum. - MANCHA DE CLADOSPÓRIO: Fulvia fulva = Cladosporium fulvum - OÍDIO: Erysiphe cicloracearum, Leveillula taurica. - BOLOR CINZENTO: Botrytis cinerea - MANCHA ALVO: Corynespora cassiicola - PODRIDÃO OLHO-DE-VEADO: Phythophtora spp FÚNGICAS Doenças Culturado Tomate
  41. 41. • SUPERBROTAMENTO – Transmitido pela cigarrinha; • VIRA CABEÇA – Transmitido por trips – Gênero Topovirus – 70 famílias de plantas hospedeiras • TSWV – Tomato spotted wilt virus • TCSV – Tomato chlorotic spot virus • GRSV – Groundnut ringspot virus • MOSAICO: – Vírus do Mosaico do Tomateiro (ToMV) – Transmitido via sementes; – Vírus do Mosaico do Fumo (TMV) – Transmitido através do manuseio (desbrota, desponta, amarrio...) VIROSES Doenças Culturado Tomate
  42. 42. • TOPO AMARELO (TYTV) – Transmitido pelo pulgão Mysus persicae (forma persistente); • MOSAICO DO VÍRUS Y – VÍRUS Y DA BATATA (PVY) – Transmitido por pulgões (forma não persistente); • MOSAICO DOURADO – Complexo de vírus (Geminivírus) – Transmitidos pela mosca branca. VIROSES Doenças Culturado Tomate
  43. 43. • Meloidogyne incognita: • Meloidogyne javanica • Meloidogyne hapla NEMATÓIDES Doenças Culturado Tomate
  44. 44. Doenças Culturado Tomate Murcha-Fusariana: Doença de solo cujo agente é o fungo Fusarium oxysporum f. sp. Lycopersici . Sintoma: Amarelecimento geral da planta, iniciando pelas folhas inferiores; Murcha generalizada e as folhas secam; Controle: Utilização de sementes sadias; Prevenção de danos nas raízes; Elevação do pH do solo.
  45. 45. Doenças Culturado Tomate Murcha-Bacteriana: O agente é Ralstonia solanacearum; Sintoma: Causa a murcha irreversível da planta, sem amarelecimento das folhas; Controle: Utilização de sementes sadias; Evitar o excesso de água no solo.
  46. 46. Doenças Culturado Tomate Vira-Cabeça (Trospovirose): Virose causada por um complexo de vírus, os tospovírus; Sintoma: Os folíolos do ápice tornam-se arroxeados ou bronzeados; Podem ocorrer lesões necróticas nos folíolos; As folhas do topo curva-se; Há nanismo em planta jovens; Em frutos maduros ocorrem manchas aneladas amareladas.
  47. 47. Doenças Culturado Tomate Controle: Evitar que tripes virulíferos se alimentem sobre a planta; Produzir mudas dentro de estufas fechadas; Pulverizar inseticidas contra tripes; Não plantar próximo a tomateiro adulto; Utilizar cultivares resistentes.
  48. 48. • TRIPS: Trips tabaci, Frankliniella schulsei • PULGÕES: Misus persicae, Macrosiphum euforbiae • ÁCAROS: Tethranychus urticae, Aculops licopersici • VAQUINHAS: Diabrotica speciosa, Epicauta atomaria • PERCEVEJOS: Phithia picta, Corythaica cyathicollis e outros • LAGARTA ROSCA: Agrotis ipsilon • TRAÇA DO TOMATEIRO: Tuta absoluta • TRAÇA DA BATATINHA: Phothorimaea operculella • BROCA PEQUENA DO FRUTO: Neoleucinodes elegantalis • BROCA GRANDE DO FRUTO: Heliothis zea • MOSCA OU LARVA MINADORA: Liriomysa spp • MOSCA BRANCA: Bemisia tabaci, B. argentifolia Pragas Culturado Tomate
  49. 49. Pragas Culturado Tomate Brocas-dos-Frutos: São larvas que penetra nos frutos ainda pequenos e abrem galerias no seu interior; Controle: Rotação de cultura; Eliminação de tomatais afetados; Escolher época de plantio propício; Efetuar pulverizações com inseticidas; Aplicar inseticidas granulados sistêmicos.
  50. 50. Pragas Culturado Tomate Pulgões: Sugam seiva e também são vetores de viroses; Controle: Evitar o contato do inseto virulífero com a planta; Produção de muda em estufas providas de tela fina; Aplicação de inseticidas granulados sistêmicos; Pulverização com aficidas específicos.
  51. 51. Pragas Culturado Tomate Mosca-Branca: Sugam seiva e transmitem a “geminivirose”; Controle: Produção de muda em estufas providas de tela fina; Aplicação de inseticidas granulados sistêmicos; Pulverização com inseticidas específicos.
  52. 52. TRAÇA – ATAQUE NO PONTEIRO LARVA ESCREMENTOS
  53. 53. DANOS NOS FRUTOS
  54. 54. BROCA PEQUENA SAIDA DA LARVA
  55. 55. BROCA PEQUENA DANO INTERNO
  56. 56. Colheita Culturado Tomate • A cor do tomate é o critério mais utilizado para a determinação da data de colheita. Uma vez adquirida a maturação fisiológica, e dependendo dos requisitos do mercado, o tomate pode ser colhido com três tons conhecidos como: o - Verde - coloração verde esbranquiçada; o - Pintado - ponta rosa; o - Vermelho - coloração intensamente vermelha. • Quando colhidos ainda imaturos, a evolução da maturação não é normal e o seu valor comercial é inferior. Contudo, o tomate colhido ainda verde mas maturo, amadurece normalmente. Critérios de Definição da Data de Colheita
  57. 57. • O tomate é colhido à mão. Deve-se colher de forma escalonada e geralmente no estado verde ou rosa, em função do mercado a que se destina. Técnicas de Colheita Colheita Culturado Tomate
  58. 58. Transporte Culturado Tomate • Durante o tempo de espera para expedição, o tomate deve estar reservado em lugar protegido da exposição solar direta, assim como os veículos que vão ser usados no transporte. Estes deverão estar igualmente limpos e isentos de produtos que possam contaminar o tomate.
  59. 59. Período de Conservação Culturado Tomate • Sendo um produto muito sensível ao manuseamento, o tomate permite diferentes períodos de conservação consoante o seu estado de maturação e variedade. Na Tabela estão indicados os períodos de conservação médios para os três estados de maturação do tomate.
  60. 60. Produção do Tomate Culturado Tomate
  61. 61. Colheita Culturado Tomate
  62. 62. Culturado Tomate
  63. 63. Culturado Tomate
  64. 64. OBRIGADA, ATÈ A PRÒXIMA! Culturado Tomate

×