Islamismo

242 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
242
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Islamismo

  1. 1. História Colégio Santo Antonio Objetivo Islamismo Prof.ª Me. Luciana Carvalho professora lu.historia@gmail.com
  2. 2.  Judaísmo, Cristianismo e Islamismo: monoteísmo e livros sagrados  Muçulmano (muslim = submisso)  Alcorão (recitação)
  3. 3. A Arábia Pré-Islâmica (até 622) - Árabes do deserto (Beduínos): eram nômades - transporte de mercadorias em camelos e pastores. - Árabes da Cidade (Urbanos): eram sedentários - dedicavam-se ao comércio e agricultura. - Crença Religiosa: Politeístas (acreditavam em vários deuses).
  4. 4. MOHAMMED (570 – 632)  Comerciante, marido de Kadidja  A revelação do Anjo Gabriel: “Só Alá é Deus e só Maomé é o seu profeta”  O Alcorão  Pregações em Meca  Atritos com os comerciantes em Meca (perseguido pela tribo dos coraixitas)  622: Hégira (migração): fuga de Meca para Yatreb (atual Medina: “cidade do Profeta”)  630: Conquista de Meca  632: morte de Mohammed
  5. 5. ASPECTOS DOUTRINAIS  Islã (submissão), muçulmano (aquele que é obediente)  Alcorão (“aquilo que é lido” ou “recitado”): Revelação  114 capítulos (suras) e 6236 versículos (ayas)  Sunna: aquilo que o Profeta disse e fez  Monoteísmo (Alá = Deus), vida após a morte, anjos, demônios, juízo final, paraíso, inferno e profetas. Negação do pecado original.  Elementos Bíblicos: Adão, Noé, Abraão, Ismael, Isaac, Jacó, José, Jô, Moisés, Arão, Davi, Salomão, Elias, Jonas, João Batista, Jesus, Maria
  6. 6. Os pilares do Islã  1. Orar 5x ao dia voltado para Meca  2. Fazer caridade, dar esmolas  3. Jejuar no mês do Ramadã  4. Peregrinação a Meca pelo menos uma vez na vida  5. Jihad
  7. 7. Aspectos gerais  Xiitas (fundamentalistas: aceitam somente o Corão e que somente os descendentes de Maomé podem governar o Islã) , Sunitas (a partir da Sunna reconhecem líderes escolhidos pela população)  Religião e Estado  O papel da mulher  Casamento e divórcio  A Jihad: “guerra santa” (externa e interna)
  8. 8. Hijab Chador Burka
  9. 9. EXPANSÃO DO ISLÃ  Os Califas (“sucessor e representante”)  Abu Bekr – 1º califa ao invés de Ali (primo e genro de Mohammed)  Califado de Omar – sunitas (661 – 750): mudança da capital para Damasco: conquista de toda a Península Arábica e Invasão da Península Ibérica (711)  732: Batalha de Poitiers: o franco Carlos Martel contém o avanço árabe na Europa  Califado Abássida - xiitas (750 – 1258) – Capital em Bagdá  Domínio na Península Ibérica até a expulsão de Granada (1492)  O Império Turco Otomano (1453-1919)
  10. 10. Divisão do Islã: Xiitas x Sunitas
  11. 11.  Xiitas não aceitaram a passagem do poder para o Califado dos Omíadas, após o assassinato de Ali (último califa da família do profeta) em 661. Atualmente: dois polos de influência no mundo islâmico: Arábia Saudita (sunita) e Irã (xiita). “Vemos diversos grupos fundamentalistas, como o sunita Al Qaeda, que acusa os xiitas de infiéis. Mas de onde vem a Al Qaeda? Da Arábia Saudita, que enxerga o Irã como a principal ameaça”
  12. 12. CONSEQUÊNCIAS DA EXPANSÃO  Domínio da Península Ibérica  Bloqueio do Mediterrâneo  Decadência do comércio e ruralização (contribuiu para o surgimento do feudalismo)  Filosofia, matemática, alquimia (álcool e ácido sulfúrico), agricultura (arroz, cana-de-açúcar, laranja, limão, algodão, alface, amora, café, etc.) e técnicas náuticas
  13. 13. O ISLÃ HOJE  1,3 bilhão de seguidores  O problema do fundamentalismo: comum à várias religiões
  14. 14. A cultura árabe  Matemática: algarismos indo-arábicos, zero, trigonometria, álgebra  Filosofia: Averróis, Avicena  Arte figurativa (proibição de retratar pessoas ou animais)  Literatura (As mil e uma noites)  Arquitetura (arco ogival)  Alquimia (álcool e ácido sulfúrico)  Agricultura (arroz, cana de açúcar, limão, laranja, amora, algodão, alface, café)  Culinária (quibe, esfiha, tabule...)  Idioma: influência no português (almofada, alquimia...)  Cerâmica e tapeçaria, Caligrafia (arabescos), Vidraria, Teatro e Música
  15. 15.  1- Maomé conseguiu unir as tribos em torno da religião muçulmana, que estimulava a Jihad (Guerra Santa) que pregava a expansão e a prática do butim (saques de guerra). A expansão ocorreu para regiões que enfrentavam problemas internos (persas e bizantinos) ou com problemas de fragmentação como o antigo Império Romano.
  16. 16.  2- A expansão muçulmana fechou o Mar Mediterrâneo colaborando para o desaparecimento do comercio na Europa e para a descentralização característica do Feudalismo

×