SlideShare uma empresa Scribd logo
Nome: Marco Eugénio Gomes Araújo. Data: 7/09/09 REDES E TECNOLOGIAS (DR4) Competências: Relacionar a rede das evoluções tecnológicas com as redes sociais. Critério de Evidência (Sociedade): Actuar na sociedade da informação, identificando novas oportunidades de participação, bem como mecanismos de desigualdade, resultante da (dês)articulações entre redes tecnológicas e redes sociais. A Internet surgiu na década de 60, resultante de pesquisas militares efectuadas durante a Guerra Fria. Tanto os EUA como a US compreendiam a importância, eficácia e necessidade de meios de comunicação. Assim sendo, foi criado um método de troca de informação entre computadores, tendo dado início ao maior fenómeno mediático do séc. XX. O único meio de comunicação que em apenas 4 anos atingiu 50 milhões de pessoas. Existem vários instrumentos de comunicação de massas, entre eles a televisão, rádio e internet. Identifique as diferenças entre este novo instrumento (internet) e os instrumentos anteriores (rádio e televisão). São várias as diferenças entre internet e televisão/rádio, uma delas é a opção de escolha dos utilizadores, no que diz respeito à internet na podemos gerir a nossa programação, as horas a que podemos aceder aos programas seleccionados, deixar de ser um simples receptor e passar a ser o emissor, tornando-nos por vezes em jornalistas ou simplesmente em utilizadores passivos.    Nos outros meios de comunicação como televisão e rádio umas das diferenças é termos que nos cingirmos à programação existente e aos sues horários, grelha de programação.  Os utilizadores são simples receptores passivos por que pouco ou nada podem alterar a grelha de programação.  A internet é uma forma privilegiada de partilha de informação acessível a toda a gente. Sites de redes sociais, blogs e sites de órgãos de comunicação social são exemplos  de formas de partilha de informação. Identifique um exemplo de cada entidade e relacione com o objectivo da sua existência. H5, MSN, são o exemplo de várias redes sociais onde podemos criar a nossa própria rede de amigos, comunicar e trocar informação.  blogs e sites de informação -  nos blogs são o exemplo do poder a internet, onde os utilizadores podem criar um site onde podem por informação, troca de documentos, relacionar-se e comentar determinados assuntos, pesquisar em determinados assuntos, participar em debates, cria pontos de interesse mutuo, um simplesmente procurar informação, viajar sem sair do lugar, entre outras. São vários os serviços disponíveis online, tais como consultas ao banco, bilheteiras, bolsa de valores, salas de chat, etc. Este meio permite por um lado o acesso mais rápido à informação e por outro economizar (por exemplo ler jornais online). 3.1. Que serviços usa da internet, e quais os benefícios que trouxe à sua vida. Como utilizador compulsivo deste meio são vário o serviço que utilizo no meu dia - dia tais como, pesquisa, publicidade, informação, compras online, bilheteiras, viagens, banco, correspondência, jogos online e lazer.   São tantos os benefícios, mas vou ressalvar alguns, economia, autonomia, neste momento não me vejo sem utilizar estes serviços, no meu trabalho profissional passa muito por este meio de comunicação, grande parte de publicidade, agenda, marcação de serviços fazem parte do meu mundo profissional. Mesmo na minha económica, eu próprio giro a minha conta bancária, como aplicações financeiras, pagamentos, depósitos entre outros. Também na minha capacidade de criar musica passa muito por compor temas grava-los e disponibilizalos online para que outros utilizadores possam dar a sua opinião. Explore de que forma as relações sociais ficaram alteradas com o aparecimento da internet. Como a sociedade tecnológica evolui também as redes sócias evoluíram e como? Antigamente as redes sociais eram predominantes nas relações interpessoais o pelo contacto directo, convivíamos com os que nos radiam avia uma aproximação mais presente. Com o aparecimento das novas redes sócias muito mudou na nossa sociedade agora através das novas tecnologias podemos facilmente criar uma rede social virtual estando em contacto com várias pessoas em todo mundo tanto em vídeo e áudio com as vídeos conferências podendo estabelecer comunicação com um grande grupo de amigos.
Sociedade Dr4 Stc  Marco
Sociedade Dr4 Stc  Marco

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ng1 Equipamentos E Sistemas TéCnicos
Ng1   Equipamentos E Sistemas TéCnicosNg1   Equipamentos E Sistemas TéCnicos
Ng1 Equipamentos E Sistemas TéCnicos
cris80
 
TIC no mundo do Trabalho
TIC no mundo do TrabalhoTIC no mundo do Trabalho
TIC no mundo do Trabalho
José Denizar Oliveira Júnior
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
joaokota
 
Efeitos positivos e negativos da informática na sociedade
Efeitos positivos e negativos da informática na sociedadeEfeitos positivos e negativos da informática na sociedade
Efeitos positivos e negativos da informática na sociedade
Lucas Campos
 
Mercados de concorrência perfeita
Mercados de concorrência perfeitaMercados de concorrência perfeita
Mercados de concorrência perfeita
turmainformaticadegestao
 
Ng 2 dr1
Ng 2 dr1Ng 2 dr1
Ng 2 dr1
cattonia
 
O Portefoio no Curso Efa (Ns)
O Portefoio no Curso Efa (Ns)O Portefoio no Curso Efa (Ns)
O Portefoio no Curso Efa (Ns)
João Lima
 
1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização
Paulacapinha1962
 
Guia ferramentas de Marketing Digital
Guia ferramentas de Marketing DigitalGuia ferramentas de Marketing Digital
Guia ferramentas de Marketing Digital
Resultados Digitais
 
Rvcc
RvccRvcc
Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2
José Guimarães
 
O avanço da tecnologia
O avanço da tecnologiaO avanço da tecnologia
O avanço da tecnologia
Andre Amaral
 
Marketing Digital para Empreendedores por Odo Reginatto
Marketing Digital para Empreendedores por Odo ReginattoMarketing Digital para Empreendedores por Odo Reginatto
Marketing Digital para Empreendedores por Odo Reginatto
Odolir Reginatto dos Santos
 
As Tics no mercado de trabalho
As Tics no mercado de trabalhoAs Tics no mercado de trabalho
As Tics no mercado de trabalho
novageracao
 
comunidade ética global
comunidade ética globalcomunidade ética global
comunidade ética global
danikj
 
Ng7 2
Ng7   2Ng7   2
STC NG5 DR4 Paulo
STC NG5 DR4 PauloSTC NG5 DR4 Paulo
STC NG5 DR4 Paulo
Alberto Casaca
 
Manuel Mata - Mobilidade Locais e Globais
Manuel Mata - Mobilidade Locais e GlobaisManuel Mata - Mobilidade Locais e Globais
Manuel Mata - Mobilidade Locais e Globais
Diabinho Mata
 
Organização mundial do comércio
Organização mundial do comércioOrganização mundial do comércio
Organização mundial do comércio
Tamiris Damasceno
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
umburaconaparede
 

Mais procurados (20)

Ng1 Equipamentos E Sistemas TéCnicos
Ng1   Equipamentos E Sistemas TéCnicosNg1   Equipamentos E Sistemas TéCnicos
Ng1 Equipamentos E Sistemas TéCnicos
 
TIC no mundo do Trabalho
TIC no mundo do TrabalhoTIC no mundo do Trabalho
TIC no mundo do Trabalho
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
 
Efeitos positivos e negativos da informática na sociedade
Efeitos positivos e negativos da informática na sociedadeEfeitos positivos e negativos da informática na sociedade
Efeitos positivos e negativos da informática na sociedade
 
Mercados de concorrência perfeita
Mercados de concorrência perfeitaMercados de concorrência perfeita
Mercados de concorrência perfeita
 
Ng 2 dr1
Ng 2 dr1Ng 2 dr1
Ng 2 dr1
 
O Portefoio no Curso Efa (Ns)
O Portefoio no Curso Efa (Ns)O Portefoio no Curso Efa (Ns)
O Portefoio no Curso Efa (Ns)
 
1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização
 
Guia ferramentas de Marketing Digital
Guia ferramentas de Marketing DigitalGuia ferramentas de Marketing Digital
Guia ferramentas de Marketing Digital
 
Rvcc
RvccRvcc
Rvcc
 
Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2
 
O avanço da tecnologia
O avanço da tecnologiaO avanço da tecnologia
O avanço da tecnologia
 
Marketing Digital para Empreendedores por Odo Reginatto
Marketing Digital para Empreendedores por Odo ReginattoMarketing Digital para Empreendedores por Odo Reginatto
Marketing Digital para Empreendedores por Odo Reginatto
 
As Tics no mercado de trabalho
As Tics no mercado de trabalhoAs Tics no mercado de trabalho
As Tics no mercado de trabalho
 
comunidade ética global
comunidade ética globalcomunidade ética global
comunidade ética global
 
Ng7 2
Ng7   2Ng7   2
Ng7 2
 
STC NG5 DR4 Paulo
STC NG5 DR4 PauloSTC NG5 DR4 Paulo
STC NG5 DR4 Paulo
 
Manuel Mata - Mobilidade Locais e Globais
Manuel Mata - Mobilidade Locais e GlobaisManuel Mata - Mobilidade Locais e Globais
Manuel Mata - Mobilidade Locais e Globais
 
Organização mundial do comércio
Organização mundial do comércioOrganização mundial do comércio
Organização mundial do comércio
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
 

Destaque

Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.
IsabelSatierf
 
STC NG5 DR4 Filipa
STC NG5 DR4 FilipaSTC NG5 DR4 Filipa
STC NG5 DR4 Filipa
Alberto Casaca
 
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãONg5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
cris80
 
STC NG5 DR4 Andreia
STC NG5 DR4 AndreiaSTC NG5 DR4 Andreia
STC NG5 DR4 Andreia
Alberto Casaca
 
Tecnologia Dr4 Stc Marco
Tecnologia Dr4 Stc MarcoTecnologia Dr4 Stc Marco
Tecnologia Dr4 Stc Marco
mega
 
Tecnologia Dr4 Stc Marco1
Tecnologia Dr4 Stc Marco1Tecnologia Dr4 Stc Marco1
Tecnologia Dr4 Stc Marco1
guest564c19
 
Reflexão sobre o filme "rede social"
Reflexão sobre o filme "rede social"Reflexão sobre o filme "rede social"
Reflexão sobre o filme "rede social"
Susana Cardoso
 
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãONg5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
guest7f481
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
Sizes & Patterns
 
STC5
STC5STC5
Tecnologia Dr4-marco
Tecnologia Dr4-marcoTecnologia Dr4-marco
Tecnologia Dr4-marco
mega
 
Segurança na internet power point
Segurança na internet power pointSegurança na internet power point
Segurança na internet power point
turma4N
 
Sociedade Dr4-STC-marco
Sociedade Dr4-STC-marcoSociedade Dr4-STC-marco
Sociedade Dr4-STC-marco
mega
 
Refexao St Ctic Dr4
Refexao St Ctic Dr4Refexao St Ctic Dr4
Refexao St Ctic Dr4
guest564c19
 
STC NG5 DR4 Natércia
STC NG5 DR4 NatérciaSTC NG5 DR4 Natércia
STC NG5 DR4 Natércia
Alberto Casaca
 
Refexaotic Dr3
Refexaotic Dr3Refexaotic Dr3
Refexaotic Dr3
guest564c19
 
STC NG5 DR2 Zulmira
STC NG5 DR2 ZulmiraSTC NG5 DR2 Zulmira
STC NG5 DR2 Zulmira
Alberto Casaca
 
Tecnologia da informação e da comunicação
Tecnologia da informação e da comunicaçãoTecnologia da informação e da comunicação
Tecnologia da informação e da comunicação
Livson Lima
 
Folheto - Perigos da Internet
Folheto - Perigos da InternetFolheto - Perigos da Internet
Folheto - Perigos da Internet
BE ESGN
 
Folheto Internet Segura PDF
Folheto Internet Segura PDFFolheto Internet Segura PDF
Folheto Internet Segura PDF
Gabriel Pereira
 

Destaque (20)

Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.
 
STC NG5 DR4 Filipa
STC NG5 DR4 FilipaSTC NG5 DR4 Filipa
STC NG5 DR4 Filipa
 
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãONg5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
 
STC NG5 DR4 Andreia
STC NG5 DR4 AndreiaSTC NG5 DR4 Andreia
STC NG5 DR4 Andreia
 
Tecnologia Dr4 Stc Marco
Tecnologia Dr4 Stc MarcoTecnologia Dr4 Stc Marco
Tecnologia Dr4 Stc Marco
 
Tecnologia Dr4 Stc Marco1
Tecnologia Dr4 Stc Marco1Tecnologia Dr4 Stc Marco1
Tecnologia Dr4 Stc Marco1
 
Reflexão sobre o filme "rede social"
Reflexão sobre o filme "rede social"Reflexão sobre o filme "rede social"
Reflexão sobre o filme "rede social"
 
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãONg5   Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
Ng5 Tecnologias De InformaçãO E ComunicaçãO
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
 
STC5
STC5STC5
STC5
 
Tecnologia Dr4-marco
Tecnologia Dr4-marcoTecnologia Dr4-marco
Tecnologia Dr4-marco
 
Segurança na internet power point
Segurança na internet power pointSegurança na internet power point
Segurança na internet power point
 
Sociedade Dr4-STC-marco
Sociedade Dr4-STC-marcoSociedade Dr4-STC-marco
Sociedade Dr4-STC-marco
 
Refexao St Ctic Dr4
Refexao St Ctic Dr4Refexao St Ctic Dr4
Refexao St Ctic Dr4
 
STC NG5 DR4 Natércia
STC NG5 DR4 NatérciaSTC NG5 DR4 Natércia
STC NG5 DR4 Natércia
 
Refexaotic Dr3
Refexaotic Dr3Refexaotic Dr3
Refexaotic Dr3
 
STC NG5 DR2 Zulmira
STC NG5 DR2 ZulmiraSTC NG5 DR2 Zulmira
STC NG5 DR2 Zulmira
 
Tecnologia da informação e da comunicação
Tecnologia da informação e da comunicaçãoTecnologia da informação e da comunicação
Tecnologia da informação e da comunicação
 
Folheto - Perigos da Internet
Folheto - Perigos da InternetFolheto - Perigos da Internet
Folheto - Perigos da Internet
 
Folheto Internet Segura PDF
Folheto Internet Segura PDFFolheto Internet Segura PDF
Folheto Internet Segura PDF
 

Semelhante a Sociedade Dr4 Stc Marco

Sociedade Dr4
Sociedade Dr4Sociedade Dr4
Sociedade Dr4
mega
 
Sociedade Dr4
Sociedade Dr4Sociedade Dr4
Sociedade Dr4
mega
 
Projeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves Considerações
Projeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves ConsideraçõesProjeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves Considerações
Projeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves Considerações
Vívian Freitas
 
A Democratização da Informação na Internet
A Democratização da Informação na InternetA Democratização da Informação na Internet
A Democratização da Informação na Internet
Fernando Bombassaro
 
Novos Horizontes da Comunicação - Semana Estácio
Novos Horizontes da Comunicação - Semana EstácioNovos Horizontes da Comunicação - Semana Estácio
Novos Horizontes da Comunicação - Semana Estácio
Camila Leite
 
Novos Horizontes Profissionais em Comunicação Social
Novos Horizontes Profissionais em Comunicação SocialNovos Horizontes Profissionais em Comunicação Social
Novos Horizontes Profissionais em Comunicação Social
NosdaComunicacao
 
Desvendando as Redes Sociais
Desvendando as Redes SociaisDesvendando as Redes Sociais
Desvendando as Redes Sociais
Ibrahim Cesar
 
Apropriacoes tecnologias final
Apropriacoes tecnologias finalApropriacoes tecnologias final
Apropriacoes tecnologias final
hernani dimantas
 
Midia social
Midia socialMidia social
Midia social
carla1568
 
Média Social
Média SocialMédia Social
Média Social
marade
 
Artigo abrapcorp
Artigo abrapcorpArtigo abrapcorp
Artigo abrapcorp
Laís Bueno
 
Literacia mediatica - internet 1
Literacia mediatica -  internet 1Literacia mediatica -  internet 1
Literacia mediatica - internet 1
Rui Ventura
 
Prova cibercultura 1 anab
Prova cibercultura 1 anabProva cibercultura 1 anab
Prova cibercultura 1 anab
eduecibercultura
 
MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...
MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...
MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...
Marcus Pessoa
 
Medindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TA
Medindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TAMedindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TA
Medindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TA
Erika Heidi
 
Comunicação interativa
Comunicação interativaComunicação interativa
Comunicação interativa
Carlos Rogerio Pereira Pereira
 
Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01
Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01
Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01
Camila Leite
 
Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...
Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...
Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...
Marcelo Veloso
 
Midias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresas
Midias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresasMidias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresas
Midias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresas
Felipe Castro
 
Web, mídia social e administração pública
Web, mídia social e administração públicaWeb, mídia social e administração pública
Web, mídia social e administração pública
Gerson Penha
 

Semelhante a Sociedade Dr4 Stc Marco (20)

Sociedade Dr4
Sociedade Dr4Sociedade Dr4
Sociedade Dr4
 
Sociedade Dr4
Sociedade Dr4Sociedade Dr4
Sociedade Dr4
 
Projeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves Considerações
Projeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves ConsideraçõesProjeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves Considerações
Projeto de Monografia - Marketing Digital e Direito Online: Breves Considerações
 
A Democratização da Informação na Internet
A Democratização da Informação na InternetA Democratização da Informação na Internet
A Democratização da Informação na Internet
 
Novos Horizontes da Comunicação - Semana Estácio
Novos Horizontes da Comunicação - Semana EstácioNovos Horizontes da Comunicação - Semana Estácio
Novos Horizontes da Comunicação - Semana Estácio
 
Novos Horizontes Profissionais em Comunicação Social
Novos Horizontes Profissionais em Comunicação SocialNovos Horizontes Profissionais em Comunicação Social
Novos Horizontes Profissionais em Comunicação Social
 
Desvendando as Redes Sociais
Desvendando as Redes SociaisDesvendando as Redes Sociais
Desvendando as Redes Sociais
 
Apropriacoes tecnologias final
Apropriacoes tecnologias finalApropriacoes tecnologias final
Apropriacoes tecnologias final
 
Midia social
Midia socialMidia social
Midia social
 
Média Social
Média SocialMédia Social
Média Social
 
Artigo abrapcorp
Artigo abrapcorpArtigo abrapcorp
Artigo abrapcorp
 
Literacia mediatica - internet 1
Literacia mediatica -  internet 1Literacia mediatica -  internet 1
Literacia mediatica - internet 1
 
Prova cibercultura 1 anab
Prova cibercultura 1 anabProva cibercultura 1 anab
Prova cibercultura 1 anab
 
MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...
MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...
MARKETING DIGITAL E AS REDES SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE AS FERRAMENTAS E ESTRAT...
 
Medindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TA
Medindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TAMedindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TA
Medindo influência nas mídias sociais: estudo de caso do Índice TA
 
Comunicação interativa
Comunicação interativaComunicação interativa
Comunicação interativa
 
Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01
Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01
Novoshorizontes Estcio13 05 090915201615 Phpapp01
 
Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...
Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...
Artigo CONSAD 2014 - Mídias Sociais Como Recurso Para o Governo Eletrônico: O...
 
Midias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresas
Midias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresasMidias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresas
Midias Sociais como canal de comunicação em pequenas empresas
 
Web, mídia social e administração pública
Web, mídia social e administração públicaWeb, mídia social e administração pública
Web, mídia social e administração pública
 

Mais de mega

Reflexão 2011 Marco
Reflexão 2011 MarcoReflexão 2011 Marco
Reflexão 2011 Marco
mega
 
Deasafio contame uma história
Deasafio contame uma históriaDeasafio contame uma história
Deasafio contame uma história
mega
 
Reflexão
ReflexãoReflexão
Reflexão
mega
 
Reflexão 13 Meses
Reflexão 13 MesesReflexão 13 Meses
Reflexão 13 Meses
mega
 
Logótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anosLogótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anos
mega
 
Logótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anosLogótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anos
mega
 
M 37 Anima Tu
M 37 Anima TuM 37 Anima Tu
M 37 Anima Tu
mega
 
Kuduro M27 – Corpo e simbolismo Marco
Kuduro M27 – Corpo e simbolismo MarcoKuduro M27 – Corpo e simbolismo Marco
Kuduro M27 – Corpo e simbolismo Marco
mega
 
ReflexãO Marco AraúJo
ReflexãO Marco AraúJoReflexãO Marco AraúJo
ReflexãO Marco AraúJo
mega
 
marco Oficio Natal Solidario
marco Oficio Natal Solidariomarco Oficio Natal Solidario
marco Oficio Natal Solidario
mega
 
M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]
M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]
M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]
mega
 
M 17 Texto De Teatro Natal SolidáRio
M 17 Texto De Teatro Natal SolidáRioM 17 Texto De Teatro Natal SolidáRio
M 17 Texto De Teatro Natal SolidáRio
mega
 
M 9 Escravidao Marco
M 9 Escravidao MarcoM 9 Escravidao Marco
M 9 Escravidao Marco
mega
 
Ng5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 MarcoNg5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 Marco
mega
 
Cartaz As..Mudanca CLC Dr4Marco
Cartaz As..Mudanca CLC Dr4MarcoCartaz As..Mudanca CLC Dr4Marco
Cartaz As..Mudanca CLC Dr4Marco
mega
 
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJoMudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
mega
 
Decalogo M 32
Decalogo M 32Decalogo M 32
Decalogo M 32
mega
 
Ritmos & Blues
Ritmos & BluesRitmos & Blues
Ritmos & Blues
mega
 
Origem Blues
Origem BluesOrigem Blues
Origem Blues
mega
 
ReflexãO Tic ingles marco
ReflexãO Tic ingles marcoReflexãO Tic ingles marco
ReflexãO Tic ingles marco
mega
 

Mais de mega (20)

Reflexão 2011 Marco
Reflexão 2011 MarcoReflexão 2011 Marco
Reflexão 2011 Marco
 
Deasafio contame uma história
Deasafio contame uma históriaDeasafio contame uma história
Deasafio contame uma história
 
Reflexão
ReflexãoReflexão
Reflexão
 
Reflexão 13 Meses
Reflexão 13 MesesReflexão 13 Meses
Reflexão 13 Meses
 
Logótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anosLogótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anos
 
Logótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anosLogótipo escolhas 10 anos
Logótipo escolhas 10 anos
 
M 37 Anima Tu
M 37 Anima TuM 37 Anima Tu
M 37 Anima Tu
 
Kuduro M27 – Corpo e simbolismo Marco
Kuduro M27 – Corpo e simbolismo MarcoKuduro M27 – Corpo e simbolismo Marco
Kuduro M27 – Corpo e simbolismo Marco
 
ReflexãO Marco AraúJo
ReflexãO Marco AraúJoReflexãO Marco AraúJo
ReflexãO Marco AraúJo
 
marco Oficio Natal Solidario
marco Oficio Natal Solidariomarco Oficio Natal Solidario
marco Oficio Natal Solidario
 
M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]
M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]
M17 Marco Projecto Natal Solidario[1]
 
M 17 Texto De Teatro Natal SolidáRio
M 17 Texto De Teatro Natal SolidáRioM 17 Texto De Teatro Natal SolidáRio
M 17 Texto De Teatro Natal SolidáRio
 
M 9 Escravidao Marco
M 9 Escravidao MarcoM 9 Escravidao Marco
M 9 Escravidao Marco
 
Ng5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 MarcoNg5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 Marco
 
Cartaz As..Mudanca CLC Dr4Marco
Cartaz As..Mudanca CLC Dr4MarcoCartaz As..Mudanca CLC Dr4Marco
Cartaz As..Mudanca CLC Dr4Marco
 
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJoMudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
 
Decalogo M 32
Decalogo M 32Decalogo M 32
Decalogo M 32
 
Ritmos & Blues
Ritmos & BluesRitmos & Blues
Ritmos & Blues
 
Origem Blues
Origem BluesOrigem Blues
Origem Blues
 
ReflexãO Tic ingles marco
ReflexãO Tic ingles marcoReflexãO Tic ingles marco
ReflexãO Tic ingles marco
 

Último

TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
Momento da Informática
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
Momento da Informática
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
TomasSousa7
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
joaovmp3
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Momento da Informática
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 

Último (6)

TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
 

Sociedade Dr4 Stc Marco

  • 1. Nome: Marco Eugénio Gomes Araújo. Data: 7/09/09 REDES E TECNOLOGIAS (DR4) Competências: Relacionar a rede das evoluções tecnológicas com as redes sociais. Critério de Evidência (Sociedade): Actuar na sociedade da informação, identificando novas oportunidades de participação, bem como mecanismos de desigualdade, resultante da (dês)articulações entre redes tecnológicas e redes sociais. A Internet surgiu na década de 60, resultante de pesquisas militares efectuadas durante a Guerra Fria. Tanto os EUA como a US compreendiam a importância, eficácia e necessidade de meios de comunicação. Assim sendo, foi criado um método de troca de informação entre computadores, tendo dado início ao maior fenómeno mediático do séc. XX. O único meio de comunicação que em apenas 4 anos atingiu 50 milhões de pessoas. Existem vários instrumentos de comunicação de massas, entre eles a televisão, rádio e internet. Identifique as diferenças entre este novo instrumento (internet) e os instrumentos anteriores (rádio e televisão). São várias as diferenças entre internet e televisão/rádio, uma delas é a opção de escolha dos utilizadores, no que diz respeito à internet na podemos gerir a nossa programação, as horas a que podemos aceder aos programas seleccionados, deixar de ser um simples receptor e passar a ser o emissor, tornando-nos por vezes em jornalistas ou simplesmente em utilizadores passivos. Nos outros meios de comunicação como televisão e rádio umas das diferenças é termos que nos cingirmos à programação existente e aos sues horários, grelha de programação. Os utilizadores são simples receptores passivos por que pouco ou nada podem alterar a grelha de programação. A internet é uma forma privilegiada de partilha de informação acessível a toda a gente. Sites de redes sociais, blogs e sites de órgãos de comunicação social são exemplos de formas de partilha de informação. Identifique um exemplo de cada entidade e relacione com o objectivo da sua existência. H5, MSN, são o exemplo de várias redes sociais onde podemos criar a nossa própria rede de amigos, comunicar e trocar informação. blogs e sites de informação - nos blogs são o exemplo do poder a internet, onde os utilizadores podem criar um site onde podem por informação, troca de documentos, relacionar-se e comentar determinados assuntos, pesquisar em determinados assuntos, participar em debates, cria pontos de interesse mutuo, um simplesmente procurar informação, viajar sem sair do lugar, entre outras. São vários os serviços disponíveis online, tais como consultas ao banco, bilheteiras, bolsa de valores, salas de chat, etc. Este meio permite por um lado o acesso mais rápido à informação e por outro economizar (por exemplo ler jornais online). 3.1. Que serviços usa da internet, e quais os benefícios que trouxe à sua vida. Como utilizador compulsivo deste meio são vário o serviço que utilizo no meu dia - dia tais como, pesquisa, publicidade, informação, compras online, bilheteiras, viagens, banco, correspondência, jogos online e lazer. São tantos os benefícios, mas vou ressalvar alguns, economia, autonomia, neste momento não me vejo sem utilizar estes serviços, no meu trabalho profissional passa muito por este meio de comunicação, grande parte de publicidade, agenda, marcação de serviços fazem parte do meu mundo profissional. Mesmo na minha económica, eu próprio giro a minha conta bancária, como aplicações financeiras, pagamentos, depósitos entre outros. Também na minha capacidade de criar musica passa muito por compor temas grava-los e disponibilizalos online para que outros utilizadores possam dar a sua opinião. Explore de que forma as relações sociais ficaram alteradas com o aparecimento da internet. Como a sociedade tecnológica evolui também as redes sócias evoluíram e como? Antigamente as redes sociais eram predominantes nas relações interpessoais o pelo contacto directo, convivíamos com os que nos radiam avia uma aproximação mais presente. Com o aparecimento das novas redes sócias muito mudou na nossa sociedade agora através das novas tecnologias podemos facilmente criar uma rede social virtual estando em contacto com várias pessoas em todo mundo tanto em vídeo e áudio com as vídeos conferências podendo estabelecer comunicação com um grande grupo de amigos.