SlideShare uma empresa Scribd logo
VERDADE PRÁTICA
A missão do evangelista é falar de Cristo a todos, em
todo lugar e tempo, por todos os meios possíveis.
"Mas tu sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a
obra de um evangelista, cumpre o teu ministério."
(2 Tm 4.5)
LEITURA BÍBLICA
Atos 8.26-40
26 - E o anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: Levanta-te e vai para a banda do Sul, ao caminho que desce de
Jerusalém para Gaza, que está deserto.
27 - E levantou-se e foi. E eis que um homem etíope, eunuco, mordomo-mor de Candace, rainha dos etíopes, o
qual era superintendente de todos os seus tesouros e tinha ido a Jerusalém para adoração,
28 - regressava e, assentado no seu carro, lia o profeta Isaías.
29 - E disse o Espírito a Filipe: Chega-te e ajunta-te a esse carro.
30 - E, correndo Filipe, ouviu que lia o profeta Isaías e disse: Entendes tu o que lês?
31 - E ele disse: Como poderei entender, se alguém me não ensinar? E rogou a Filipe que subisse e com ele se
assentasse.
32 - E o lugar da Escritura que lia era este: Foi levado como a ovelha para o matadouro; e, como está mudo o
cordeiro diante do que o tosquia, assim não abriu a sua boca.
33- Na sua humilhação, foi tirado o seu julgamento; e quem contará a sua geração? Porque a sua vida é tirada da
terra.
34- E, respondendo o eunuco a Filipe, disse: Rogo-te, de quem diz isto o profeta? De si mesmo ou de algum
outro?
35 - Então, Filipe, abrindo a boca e começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus.
36- E, indo eles caminhando, chegaram ao pé de alguma água, e disse o eunuco: Eis aqui água; que impede que
eu seja batizado?
37- E disse Filipe: É lícito, se crês de todo o coração. E, respondendo ele, disse: Creio que Jesus Cristo é o Filho
de Deus.
38 - E mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e o batizou.
39- E, quando saíram da água, o Espírito do Senhor arrebatou a Filipe, e não o viu mais o eunuco; e, jubiloso,
continuou o seu caminho.
40- E Filipe se achou em Azoto e, indo passando, anunciava o evangelho em todas as cidades, até que chegou a
Cesareia.
INTRODUÇÃO
INTRODUÇÃO
• Todo crente tem como tarefa suprema evangelizar e
ganhar pessoas para Cristo.
• Dom espiritual/cargo ministerial de evangelista (Ef 4.11)?
• O evangelista não pode ser um ganhador de almas
eventual, mas uma pessoa preparada e com objetivos
bem definidos.
• Não basta evangelizar, é preciso cuidar dos novos
convertidos.
PONTO CENTRAL
Evangelista é um dom
ministerial.
IEAD: repensar??
I - EVANGELISTA,
GANHADOR DE
ALMAS
“Se a nossa principal missão é ganhar almas, é inadmissível
uma igreja desprovida de evangelistas.
Sem esse ministério, a igreja definha e perde a sua mais
preciosa razão de ser. ”
Lições Bíblicas Adultos - CPAD
1. Definição
• A palavra evangelista, originária do termo grego
euaggelistes, define o obreiro vocacionado.
• Objetivo: proclamar as Boas-Novas de Salvação (Ef 4.11;
At 8.6).
AP – Por mais que exista a formalização do cargo
ministerial de evangelista, evangelizar é uma tarefa de
toda pessoa transformada pelo Evangelho.
2. O evangelista no Antigo Testamento
• A palavra hebraica que designa o portador de Boas-
Novas é basar, que, entre outras coisas, significa
mensageiro e pregador (Is 40.9; 52.7).
• Em hebraico, a palavra evangelho é besorah, que
também significa “boas notícias”.
• Existia na monarquia pessoas com a função de levar as
boas novas.
• Exemplo de texto do AT
, no sentido espiritual:
Quão formosos são, sobre os montes, os pés do que anuncia as
boas novas, que faz ouvir a paz, do que anuncia o bem, que faz
ouvir a salvação, do que diz a Sião: O teu Deus reina! Isaías 52:7
3. O evangelista em o Novo Testamento
• Na Igreja Primitiva, o primeiro discípulo de Cristo a
receber o título de evangelista foi o diácono Filipe (At
21.8).
• Todavia, conforme podemos observar por todo o livro de
Atos, a igreja, como um todo, agia e reagia
evangelisticamente.
• Dispersão: por onde passavam, anunciavam as Boas-
Novas do Reino (At 8.4).
AP – Não espere a perseguição e adversidades para
evangelizar!
4. O evangelista na era da Igreja Cristã
• A História da Igreja Cristã mostra que os reavivamentos
(Wesley, fundadores da IEAD, entre outros) eram
seguidos da ação evangelísticas das pessoas impactadas
pelo avivamento/reavivamento.
• E hoje, os ditos “reavivamentos” em nossas igrejas tem
tido o mesmo resultado?
AP – Quais resultados evangelísticos a pregação da Palavra
tem causado na sua vida?
APLICAÇÃO PRÁTICA
Todas as pessoas que se dizem salvas e transformadas pelo
Evangelho deve ter em sua vida o desejo de evangelizar e
compartilhar a bênção recebida!
II - ATRIBUTOS DE UM
EVANGELISTA
“Do obreiro chamado ao ministério evangelístico,
requerem-se os seguintes atributos: amor às almas,
conhecimento da Palavra de Deus, espiritualidade plena e
disponibilidade.”
Lições Bíblicas Adultos - CPAD
1. Amor às almas
• Paulo tinha um amor tão grande pelas almas que, por
estas, chegava a sentir dores intensas de parto, como se
estivesse a dar filhos à luz (Gl 4.19).
• Por essa razão, afirmou que não poderia deixar de
anunciar o Evangelho (1 Co 9.16).
• O evangelista nada é, e nada fará sem o amor às almas
perdidas.
AP – Você tem amado as “almas perdidas”?
2. Conhecimento da Palavra de Deus
• Filipe estava preparado e aproveitava as oportunidades
para falar de Jesus: "Então, Filipe, abrindo a boca e
começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus" (At
8.35).
• Bons resultados na evangelização exige do evangelista
habilidade para manejar a Bíblia (2 Tm 2.15).
• O cristão deve estar preparado com mansidão e temor
para apresentar a razão de sua esperança (1 Pe 3.15).
AP – Qual a sua dedicação na preparação do conhecimento
da Palavra de Deus?
3. Espiritualidade plena
• Os dons espirituais e a liberdade ao Espírito Santo é
fundamental para o exercício da evangelização (At 1.8;
6.2-4).
• A espiritualidade de quem evangeliza influenciará na
operação de sinais (At 8.6,7).
AP – Como está sua vida espiritual, sua intimidade com o
Espírito Santo ?
4. Disponibilidade
• O evangelista Filipe estava sempre disponível a cumprir
com excelência o seu ministério.
• Em Atos 8, encontramo-lo em quatro lugares diferentes:
Samaria, Gaza, Azoto e Cesareia.
• Disponível e atento às necessidades espirituais de sua
família – exemplo das 04 filhas(At 21.8,9).
AP – Qual a sua disponibilidade para a evangelização?
APLICAÇÃO PRÁTICA
O evangelista deve ter amor às almas, conhecimento
bíblico, vida espiritual exemplar e disponibilidade para a
evangelização!
III - O TRABALHO DE
UM EVANGELISTA
“O trabalho básico de um evangelista consiste na
proclamação do Evangelho, na apologia da fé cristã e na
integração plena do novo convertido.”
Lições Bíblicas Adultos - CPAD
1. Proclamação do Evangelho
• O trabalho prioritário e intransferível do Evangelista é
evangelizar sempre que possível. Usar o bom senso!
• O evangelista deve ser fiel ao seu chamado/sua função(2
Tm 4.5).
AP – A proclamação do evangelho deve ser uma
prioridade!
2. Apologia da fé cristã
• Paulo foi um grande exemplo de um evangelista e
defensor da fé: “sabendo que fui posto para defesa do
evangelho”(Fp 1. 16b).
• O verdadeiro evangelista deve estar sempre preparado
para defender a fé cristã, tanto no conhecimento (1 Pe
3.15) como no exemplo (Mt 5.16; Lc 4.15,31; 11.1-4; Jo
13.1; Tg 1.22).
AP – Você está preparado para defender sua fé cristã?
3. Integração do novo convertido
• Muitas igrejas tem ignorado a integração do novo
convertido. Faz
manifestações de
o apelo e
decisões
se contenta em as
por Cristo, mas não
acompanha o desenvolvimento do novo convertido.
• A igreja deve funcionar como um hospital, no mínimo
nas áreas da “obstetrícia” (nascimento), “pediatria”
(acompanhamento do desenvolvimento da criança) e
“geriatria” (acompanhamento do envelhecimento).
• A assembleia de Deus é denominada por alguns como
ótima obstetra e péssima pediatra.
AP – Como você e sua igreja tem cuidado do novo
convertido?
APLICAÇÃO PRÁTICA
A igreja não deve se preocupar somente com a
evangelização e a defesa dos fundamentos da fé cristã,
mas também cuidar do novo convertido, investindo no
discipulado (Mt 28.19-20)!
CONSIDERAÇÕES
FINAIS
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Nesta lição nós aprendemos que:
1. Respeitando as peculiaridades , tanto no AT como no NT,
ocorrem referências à função do evangelista
(proclamador de “boas novas”).
2. Os principais atributos do evangelista são: amor às
almas, conhecimento bíblico, vida espiritual exemplar e
disponibilidade para a evangelização.
3. Os membros da igreja além de pregar o evangelho e
defender os fundamentos da fé cristã, também deve
discipular e integrar o novo convertido.
SUBSÍDIOS
BIBLIOGRÁFICOS
"Evangelistas
No Novo Testamento, evangelistas eram homens de Deus, capacitados e
comissionados por Deus para anunciar o evangelho, as boas-novas de
salvação aos perdidos e ajudar a estabelecer uma nova obra numa
localidade. A proclamação do evangelho reúne em si a oferta e o poder
da salvação (Rm 1.16).
Filipe, o 'evangelista' (At 21.8), claramente retrata a obra deste
ministério, segundo o padrão do Novo Testamento. Filipe pregou o
evangelho de Cristo (At 8.4,5,35). Muitos foram salvos e batizados em
água. Sinais, milagres, curas e libertação de espíritos malignos
acompanhavam as suas pregações. Os novos convertidos recebiam a
plenitude do Espírito Santo.
O evangelista é essencial no propósito de Deus para a igreja. A igreja
que deixar de apoiar e promover o ministério de evangelista cessará de
ganhar convertidos segundo o desejo de Deus. Tornar-se-á uma igreja
estática e indiferente à obra missionária. A igreja que reconhece o dom
espiritual de evangelista e tem amor intenso pelos perdidos, proclamará
a mensagem da salvação com poder convincente e redentor" (Bíblia de
Estudo Pentecostal. Rio de Janeiro: CPAD, p. 1815).
"Evangelista
Aquele que é chamado para pregar o Evangelho em muitos lugares. Palavra derivada
do verbo euangelizo. Evangelizar significa trazer boas-novas a alguém,
especificamente anunciar informações a respeito da salvação cristã (1 Co 15.1-4). A
palavra é encontrada três vezes no Novo Testamento. Os evangelistas estão
relacionados junto com os apóstolos, profetas, pastores e doutores, como aqueles
que são chamados para compartilhar a construção da igreja. Filipe foi chamado de 'o
evangelista' (At 21.8). Embora fosse um dos sete escolhidos para aliviar os apóstolos
da tarefa de distribuir alimentos (At 6.5), ele foi especialmente notado por sua
atividade evangelizadora. De Jerusalém, ele foi até Samaria e pregou com grande
sucesso. Dali, foi enviado para evangelizar um oficial da corte etíope, que estava
viajando para casa depois de visitar Jerusalém. Então pregou o Evangelho desde
Azoto até Cesareia, onde tinha sua casa (At 8.40).
Timóteo, o jovem ministro, foi exortado a realizar o trabalho de um evangelista
como um acompanhamento de sua supervisão pastoral. Está claro que, embora os
apóstolos e outros compartilhassem o trabalho de evangelização, havia homens que
Deus chamava especialmente para essa tarefa.
Nos anos posteriores, os escritores dos quatro Evangelhos foram chamados de
evangelistas porque registraram, de forma persuasiva, os fundamentos do Evangelho
de Cristo" (Dicionário Bíblico Wycliffe. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2009, pp.
725,726).
A respeito da missão do evangelista, responda:
1. Defina o evangelista.
R) A palavra evangelista, originária do termo grego euaggelistes, define o obreiro
vocacionado por Deus através do Espírito Santo, e confiado à Igreja por Cristo,
visando à proclamação extraordinária das Boas-Novas de Salvação.
2. Segundo a lição, qual o maior evangelista da Igreja Primitiva?
R) Filipe.
3. Em Atos 8, quais os lugares evangelizados por Filipe?
R) Em Atos capítulo 8, encontramo-lo em quatro lugares diferentes: Samaria, Gaza,
Azoto e Cesareia.
4. Quais os atributos de um evangelista?
R) Amor às almas, conhecimento da Palavra de Deus, espiritualidade plena e
disponibilidade.
5. Quais as funções de um evangelista?
r) Proclamação do Evangelho, apologia da fé cristã e integração do novo convertido.
REFERÊNCIAS
GILBERTO, Antônio. Prática do Evangelismo Pessoal. Rio de Janeiro:
CPAD, 1983
HORTON, Stanley M. Teologia Sistemática: Uma Perspectiva
Pentecostal. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 1996.
LIÇÕES BÍBLICAS ADULTOS. O desafio da evangelização: obedecendo o
ide de Jesus de levar as Boas-Novas a toda criatura. Comentarista
Claudionor de Andrade. 3º Trim., Edição Professor, Rio de Janeiro,
2016.
PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. Rio de Janeiro: CPAD,
2000.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a SLAID PAG 58 EVANGELISTA MISSIONARIO.pptx

Curso de Capacitação para Evangelista
Curso de Capacitação para EvangelistaCurso de Capacitação para Evangelista
Curso de Capacitação para Evangelista
Sergio Silva
 
2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista
2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista
2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista
Natalino das Neves Neves
 
Homilética - lição - 02
Homilética - lição - 02Homilética - lição - 02
Homilética - lição - 02
Ev Nelson Fernandes
 
O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014
O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014 O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014
O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014
Pr. Andre Luiz
 
O ministério de Evangelista
O ministério de EvangelistaO ministério de Evangelista
O ministério de Evangelista
Ailton da Silva
 
Lição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almas
Lição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almasLição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almas
Lição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almas
Ailton da Silva
 
Lição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptx
Lição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptxLição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptx
Lição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptx
Celso Napoleon
 
LIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃO
LIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃOLIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃO
LIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃO
Andrew Guimarães
 
Lições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaru
Lições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaruLições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaru
Lições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaru
Arthur Luna
 
E.b.d adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01
E.b.d   adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01E.b.d   adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01
E.b.d adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01
Joel Silva
 
2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx
2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx
2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx
Joel Silva
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
Joel Silva
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
JoelSilva477650
 
24
2424
Lição 1 - O que é Evangelização
Lição 1 - O que é EvangelizaçãoLição 1 - O que é Evangelização
Lição 1 - O que é Evangelização
I.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
Lição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptx
Lição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptxLição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptx
Lição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptx
Celso Napoleon
 
Resumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptx
Resumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptxResumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptx
Resumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptx
ssuser4629fb
 
Boletim cbg n°_22_1_junho_2014
Boletim cbg n°_22_1_junho_2014Boletim cbg n°_22_1_junho_2014
Boletim cbg n°_22_1_junho_2014
Silas Roberto Nogueira
 
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Robson Santana
 
O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014
O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014
O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014
Pr. Andre Luiz
 

Semelhante a SLAID PAG 58 EVANGELISTA MISSIONARIO.pptx (20)

Curso de Capacitação para Evangelista
Curso de Capacitação para EvangelistaCurso de Capacitação para Evangelista
Curso de Capacitação para Evangelista
 
2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista
2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista
2014 2 tri lição 8 - O ministério de Evangelista
 
Homilética - lição - 02
Homilética - lição - 02Homilética - lição - 02
Homilética - lição - 02
 
O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014
O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014 O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014
O Ministério de Evangelista Lição 8 2°Trimestre de 2014
 
O ministério de Evangelista
O ministério de EvangelistaO ministério de Evangelista
O ministério de Evangelista
 
Lição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almas
Lição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almasLição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almas
Lição 4 - o trabalho e atributos do ganhador de almas
 
Lição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptx
Lição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptxLição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptx
Lição 11: O Avivamento e a Missão da Igreja.pptx
 
LIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃO
LIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃOLIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃO
LIÇÃO 1 - O QUE É EVANGELIZAÇÃO
 
Lições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaru
Lições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaruLições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaru
Lições bíblicas do 2° 2014 lição de 5 à 8 estudo da ebd caruaru
 
E.b.d adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01
E.b.d   adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01E.b.d   adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01
E.b.d adultos 3ºtrimestre 2016 lição 01
 
2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx
2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx
2016 3º trimestre adultos lição 01.pptx
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
 
24
2424
24
 
Lição 1 - O que é Evangelização
Lição 1 - O que é EvangelizaçãoLição 1 - O que é Evangelização
Lição 1 - O que é Evangelização
 
Lição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptx
Lição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptxLição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptx
Lição 6 – Orando, Contribuindo e Fazendo Missões.pptx
 
Resumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptx
Resumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptxResumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptx
Resumo do 3 Trimestre de 2016 - Promissao.pptx
 
Boletim cbg n°_22_1_junho_2014
Boletim cbg n°_22_1_junho_2014Boletim cbg n°_22_1_junho_2014
Boletim cbg n°_22_1_junho_2014
 
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
 
O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014
O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014
O ministério de apóstolo Lição 6 2º-2014
 

Mais de HenriqueLuciano2

STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendoSTARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
HenriqueLuciano2
 
ARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOS
ARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOSARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOS
ARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOS
HenriqueLuciano2
 
Missões em pespesctiva teologica pentencostal
Missões em pespesctiva teologica pentencostalMissões em pespesctiva teologica pentencostal
Missões em pespesctiva teologica pentencostal
HenriqueLuciano2
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
HenriqueLuciano2
 
Atividade0000000000000000000000000000000
Atividade0000000000000000000000000000000Atividade0000000000000000000000000000000
Atividade0000000000000000000000000000000
HenriqueLuciano2
 
002 – Saudosa Lembrança.ppt
002 – Saudosa Lembrança.ppt002 – Saudosa Lembrança.ppt
002 – Saudosa Lembrança.ppt
HenriqueLuciano2
 
TEONTOLIGIA DE DEUS.pdf
TEONTOLIGIA DE DEUS.pdfTEONTOLIGIA DE DEUS.pdf
TEONTOLIGIA DE DEUS.pdf
HenriqueLuciano2
 
nomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdf
nomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdfnomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdf
nomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdf
HenriqueLuciano2
 

Mais de HenriqueLuciano2 (8)

STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendoSTARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
 
ARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOS
ARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOSARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOS
ARTE AFRICANA AFROBRASILEIRA E SEUS ASPECTOS
 
Missões em pespesctiva teologica pentencostal
Missões em pespesctiva teologica pentencostalMissões em pespesctiva teologica pentencostal
Missões em pespesctiva teologica pentencostal
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Atividade0000000000000000000000000000000
Atividade0000000000000000000000000000000Atividade0000000000000000000000000000000
Atividade0000000000000000000000000000000
 
002 – Saudosa Lembrança.ppt
002 – Saudosa Lembrança.ppt002 – Saudosa Lembrança.ppt
002 – Saudosa Lembrança.ppt
 
TEONTOLIGIA DE DEUS.pdf
TEONTOLIGIA DE DEUS.pdfTEONTOLIGIA DE DEUS.pdf
TEONTOLIGIA DE DEUS.pdf
 
nomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdf
nomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdfnomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdf
nomeseatributosdedeus-130916124739-phpapp01.pdf
 

Último

UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
MarcoAurlioResende
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdfEXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
eltinhorg
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdfPROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
MiriamCamily
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Militao Ricardo
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdfA justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
MarcoAurlioResende
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
dataprovider
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
MarcoAurlioResende
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 

Último (20)

UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdfEXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdfPROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
PROVA DE ARTE PARA IMPRESSÃO - CORRETA gabarito .pdf
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdfA justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 

SLAID PAG 58 EVANGELISTA MISSIONARIO.pptx

  • 1.
  • 2. VERDADE PRÁTICA A missão do evangelista é falar de Cristo a todos, em todo lugar e tempo, por todos os meios possíveis. "Mas tu sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério." (2 Tm 4.5)
  • 4. 26 - E o anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: Levanta-te e vai para a banda do Sul, ao caminho que desce de Jerusalém para Gaza, que está deserto. 27 - E levantou-se e foi. E eis que um homem etíope, eunuco, mordomo-mor de Candace, rainha dos etíopes, o qual era superintendente de todos os seus tesouros e tinha ido a Jerusalém para adoração, 28 - regressava e, assentado no seu carro, lia o profeta Isaías. 29 - E disse o Espírito a Filipe: Chega-te e ajunta-te a esse carro. 30 - E, correndo Filipe, ouviu que lia o profeta Isaías e disse: Entendes tu o que lês? 31 - E ele disse: Como poderei entender, se alguém me não ensinar? E rogou a Filipe que subisse e com ele se assentasse. 32 - E o lugar da Escritura que lia era este: Foi levado como a ovelha para o matadouro; e, como está mudo o cordeiro diante do que o tosquia, assim não abriu a sua boca. 33- Na sua humilhação, foi tirado o seu julgamento; e quem contará a sua geração? Porque a sua vida é tirada da terra. 34- E, respondendo o eunuco a Filipe, disse: Rogo-te, de quem diz isto o profeta? De si mesmo ou de algum outro? 35 - Então, Filipe, abrindo a boca e começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus. 36- E, indo eles caminhando, chegaram ao pé de alguma água, e disse o eunuco: Eis aqui água; que impede que eu seja batizado? 37- E disse Filipe: É lícito, se crês de todo o coração. E, respondendo ele, disse: Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus. 38 - E mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e o batizou. 39- E, quando saíram da água, o Espírito do Senhor arrebatou a Filipe, e não o viu mais o eunuco; e, jubiloso, continuou o seu caminho. 40- E Filipe se achou em Azoto e, indo passando, anunciava o evangelho em todas as cidades, até que chegou a Cesareia.
  • 6. INTRODUÇÃO • Todo crente tem como tarefa suprema evangelizar e ganhar pessoas para Cristo. • Dom espiritual/cargo ministerial de evangelista (Ef 4.11)? • O evangelista não pode ser um ganhador de almas eventual, mas uma pessoa preparada e com objetivos bem definidos. • Não basta evangelizar, é preciso cuidar dos novos convertidos.
  • 7. PONTO CENTRAL Evangelista é um dom ministerial. IEAD: repensar??
  • 9. “Se a nossa principal missão é ganhar almas, é inadmissível uma igreja desprovida de evangelistas. Sem esse ministério, a igreja definha e perde a sua mais preciosa razão de ser. ” Lições Bíblicas Adultos - CPAD
  • 10. 1. Definição • A palavra evangelista, originária do termo grego euaggelistes, define o obreiro vocacionado. • Objetivo: proclamar as Boas-Novas de Salvação (Ef 4.11; At 8.6). AP – Por mais que exista a formalização do cargo ministerial de evangelista, evangelizar é uma tarefa de toda pessoa transformada pelo Evangelho.
  • 11. 2. O evangelista no Antigo Testamento • A palavra hebraica que designa o portador de Boas- Novas é basar, que, entre outras coisas, significa mensageiro e pregador (Is 40.9; 52.7). • Em hebraico, a palavra evangelho é besorah, que também significa “boas notícias”. • Existia na monarquia pessoas com a função de levar as boas novas. • Exemplo de texto do AT , no sentido espiritual: Quão formosos são, sobre os montes, os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, do que anuncia o bem, que faz ouvir a salvação, do que diz a Sião: O teu Deus reina! Isaías 52:7
  • 12. 3. O evangelista em o Novo Testamento • Na Igreja Primitiva, o primeiro discípulo de Cristo a receber o título de evangelista foi o diácono Filipe (At 21.8). • Todavia, conforme podemos observar por todo o livro de Atos, a igreja, como um todo, agia e reagia evangelisticamente. • Dispersão: por onde passavam, anunciavam as Boas- Novas do Reino (At 8.4). AP – Não espere a perseguição e adversidades para evangelizar!
  • 13. 4. O evangelista na era da Igreja Cristã • A História da Igreja Cristã mostra que os reavivamentos (Wesley, fundadores da IEAD, entre outros) eram seguidos da ação evangelísticas das pessoas impactadas pelo avivamento/reavivamento. • E hoje, os ditos “reavivamentos” em nossas igrejas tem tido o mesmo resultado? AP – Quais resultados evangelísticos a pregação da Palavra tem causado na sua vida?
  • 14. APLICAÇÃO PRÁTICA Todas as pessoas que se dizem salvas e transformadas pelo Evangelho deve ter em sua vida o desejo de evangelizar e compartilhar a bênção recebida!
  • 15. II - ATRIBUTOS DE UM EVANGELISTA
  • 16. “Do obreiro chamado ao ministério evangelístico, requerem-se os seguintes atributos: amor às almas, conhecimento da Palavra de Deus, espiritualidade plena e disponibilidade.” Lições Bíblicas Adultos - CPAD
  • 17. 1. Amor às almas • Paulo tinha um amor tão grande pelas almas que, por estas, chegava a sentir dores intensas de parto, como se estivesse a dar filhos à luz (Gl 4.19). • Por essa razão, afirmou que não poderia deixar de anunciar o Evangelho (1 Co 9.16). • O evangelista nada é, e nada fará sem o amor às almas perdidas. AP – Você tem amado as “almas perdidas”?
  • 18. 2. Conhecimento da Palavra de Deus • Filipe estava preparado e aproveitava as oportunidades para falar de Jesus: "Então, Filipe, abrindo a boca e começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus" (At 8.35). • Bons resultados na evangelização exige do evangelista habilidade para manejar a Bíblia (2 Tm 2.15). • O cristão deve estar preparado com mansidão e temor para apresentar a razão de sua esperança (1 Pe 3.15). AP – Qual a sua dedicação na preparação do conhecimento da Palavra de Deus?
  • 19. 3. Espiritualidade plena • Os dons espirituais e a liberdade ao Espírito Santo é fundamental para o exercício da evangelização (At 1.8; 6.2-4). • A espiritualidade de quem evangeliza influenciará na operação de sinais (At 8.6,7). AP – Como está sua vida espiritual, sua intimidade com o Espírito Santo ?
  • 20. 4. Disponibilidade • O evangelista Filipe estava sempre disponível a cumprir com excelência o seu ministério. • Em Atos 8, encontramo-lo em quatro lugares diferentes: Samaria, Gaza, Azoto e Cesareia. • Disponível e atento às necessidades espirituais de sua família – exemplo das 04 filhas(At 21.8,9). AP – Qual a sua disponibilidade para a evangelização?
  • 21. APLICAÇÃO PRÁTICA O evangelista deve ter amor às almas, conhecimento bíblico, vida espiritual exemplar e disponibilidade para a evangelização!
  • 22.
  • 23. III - O TRABALHO DE UM EVANGELISTA
  • 24. “O trabalho básico de um evangelista consiste na proclamação do Evangelho, na apologia da fé cristã e na integração plena do novo convertido.” Lições Bíblicas Adultos - CPAD
  • 25. 1. Proclamação do Evangelho • O trabalho prioritário e intransferível do Evangelista é evangelizar sempre que possível. Usar o bom senso! • O evangelista deve ser fiel ao seu chamado/sua função(2 Tm 4.5). AP – A proclamação do evangelho deve ser uma prioridade!
  • 26. 2. Apologia da fé cristã • Paulo foi um grande exemplo de um evangelista e defensor da fé: “sabendo que fui posto para defesa do evangelho”(Fp 1. 16b). • O verdadeiro evangelista deve estar sempre preparado para defender a fé cristã, tanto no conhecimento (1 Pe 3.15) como no exemplo (Mt 5.16; Lc 4.15,31; 11.1-4; Jo 13.1; Tg 1.22). AP – Você está preparado para defender sua fé cristã?
  • 27. 3. Integração do novo convertido • Muitas igrejas tem ignorado a integração do novo convertido. Faz manifestações de o apelo e decisões se contenta em as por Cristo, mas não acompanha o desenvolvimento do novo convertido. • A igreja deve funcionar como um hospital, no mínimo nas áreas da “obstetrícia” (nascimento), “pediatria” (acompanhamento do desenvolvimento da criança) e “geriatria” (acompanhamento do envelhecimento). • A assembleia de Deus é denominada por alguns como ótima obstetra e péssima pediatra. AP – Como você e sua igreja tem cuidado do novo convertido?
  • 28. APLICAÇÃO PRÁTICA A igreja não deve se preocupar somente com a evangelização e a defesa dos fundamentos da fé cristã, mas também cuidar do novo convertido, investindo no discipulado (Mt 28.19-20)!
  • 30. CONSIDERAÇÕES FINAIS Nesta lição nós aprendemos que: 1. Respeitando as peculiaridades , tanto no AT como no NT, ocorrem referências à função do evangelista (proclamador de “boas novas”). 2. Os principais atributos do evangelista são: amor às almas, conhecimento bíblico, vida espiritual exemplar e disponibilidade para a evangelização. 3. Os membros da igreja além de pregar o evangelho e defender os fundamentos da fé cristã, também deve discipular e integrar o novo convertido.
  • 32. "Evangelistas No Novo Testamento, evangelistas eram homens de Deus, capacitados e comissionados por Deus para anunciar o evangelho, as boas-novas de salvação aos perdidos e ajudar a estabelecer uma nova obra numa localidade. A proclamação do evangelho reúne em si a oferta e o poder da salvação (Rm 1.16). Filipe, o 'evangelista' (At 21.8), claramente retrata a obra deste ministério, segundo o padrão do Novo Testamento. Filipe pregou o evangelho de Cristo (At 8.4,5,35). Muitos foram salvos e batizados em água. Sinais, milagres, curas e libertação de espíritos malignos acompanhavam as suas pregações. Os novos convertidos recebiam a plenitude do Espírito Santo. O evangelista é essencial no propósito de Deus para a igreja. A igreja que deixar de apoiar e promover o ministério de evangelista cessará de ganhar convertidos segundo o desejo de Deus. Tornar-se-á uma igreja estática e indiferente à obra missionária. A igreja que reconhece o dom espiritual de evangelista e tem amor intenso pelos perdidos, proclamará a mensagem da salvação com poder convincente e redentor" (Bíblia de Estudo Pentecostal. Rio de Janeiro: CPAD, p. 1815).
  • 33. "Evangelista Aquele que é chamado para pregar o Evangelho em muitos lugares. Palavra derivada do verbo euangelizo. Evangelizar significa trazer boas-novas a alguém, especificamente anunciar informações a respeito da salvação cristã (1 Co 15.1-4). A palavra é encontrada três vezes no Novo Testamento. Os evangelistas estão relacionados junto com os apóstolos, profetas, pastores e doutores, como aqueles que são chamados para compartilhar a construção da igreja. Filipe foi chamado de 'o evangelista' (At 21.8). Embora fosse um dos sete escolhidos para aliviar os apóstolos da tarefa de distribuir alimentos (At 6.5), ele foi especialmente notado por sua atividade evangelizadora. De Jerusalém, ele foi até Samaria e pregou com grande sucesso. Dali, foi enviado para evangelizar um oficial da corte etíope, que estava viajando para casa depois de visitar Jerusalém. Então pregou o Evangelho desde Azoto até Cesareia, onde tinha sua casa (At 8.40). Timóteo, o jovem ministro, foi exortado a realizar o trabalho de um evangelista como um acompanhamento de sua supervisão pastoral. Está claro que, embora os apóstolos e outros compartilhassem o trabalho de evangelização, havia homens que Deus chamava especialmente para essa tarefa. Nos anos posteriores, os escritores dos quatro Evangelhos foram chamados de evangelistas porque registraram, de forma persuasiva, os fundamentos do Evangelho de Cristo" (Dicionário Bíblico Wycliffe. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2009, pp. 725,726).
  • 34. A respeito da missão do evangelista, responda: 1. Defina o evangelista. R) A palavra evangelista, originária do termo grego euaggelistes, define o obreiro vocacionado por Deus através do Espírito Santo, e confiado à Igreja por Cristo, visando à proclamação extraordinária das Boas-Novas de Salvação. 2. Segundo a lição, qual o maior evangelista da Igreja Primitiva? R) Filipe. 3. Em Atos 8, quais os lugares evangelizados por Filipe? R) Em Atos capítulo 8, encontramo-lo em quatro lugares diferentes: Samaria, Gaza, Azoto e Cesareia. 4. Quais os atributos de um evangelista? R) Amor às almas, conhecimento da Palavra de Deus, espiritualidade plena e disponibilidade. 5. Quais as funções de um evangelista? r) Proclamação do Evangelho, apologia da fé cristã e integração do novo convertido.
  • 35. REFERÊNCIAS GILBERTO, Antônio. Prática do Evangelismo Pessoal. Rio de Janeiro: CPAD, 1983 HORTON, Stanley M. Teologia Sistemática: Uma Perspectiva Pentecostal. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 1996. LIÇÕES BÍBLICAS ADULTOS. O desafio da evangelização: obedecendo o ide de Jesus de levar as Boas-Novas a toda criatura. Comentarista Claudionor de Andrade. 3º Trim., Edição Professor, Rio de Janeiro, 2016. PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. Rio de Janeiro: CPAD, 2000.