SlideShare uma empresa Scribd logo
Rotura Paisagística
 A rutura paisagística consiste nos
desequilíbrios atingidos no máximo, em
determinado local, na relação entre o
homem e o meio ambiente onde aquele
se insere, provocando agressão à
paisagem.
 É quando se projeta, planeia e gere sem
preservar os espaços livres urbanos ou
não, de forma a criar um desequilíbrio
da paisagem
Temos como exemplo práticos
 A simbiose urbanística na área de
Belém, onde o (CCB), centro cultural de
Belém, aparece num contexto de
vanguarda implantado numa área
dominada até à sua construção pelo
centenário mosteiro dos Jerónimos no
seu estilo Manuelino.
COMPARAMOS
Centro Cultural de Belém Mosteiro dos Jerónimos
Centro Cultural de Belém
CONSTRUIDO EM 1988 – 1993
NUM CONTEXTO VANGUARDA
MOSTEIRO DOS
JERÓNIMOS
CONSTRUIDO SEC. XV
NUM ESTILO MANUELINO
 Também temos que considerar todos os
edifícios e demais construções na
envolvência deste espaço com
inúmeras características de construção
quer no tempo, estilo e significado.
 A marina de Belém, espaço moderno
onde se pode ver iates e veleiros de
grande gabarito, vocacionada para dar
apoio às embarcações de recreio e
turismo.
 O museu da Marinha com todo o seu
espólio da arte e ciência no que respeita
ao Mar.
 O museu dos coches.
 O jardim com a fonte luminosa.
 A perpetuada Praça do Império com a
sua estátua altaneira do vice-rei da
Índia, Afonso de Albuquerque.
 Etc.
POLÉMICA
 A polémica da sua construção foi o facto
de estar implementado no mesmo lugar
que a Torre de Belém e o Padrão dos
Descobrimentos é este o simbolismo
ligado à zona em questão, Belém.
 Diziam os entendidos que o impacto
paisagístico era extremamente
agressivo, que a arquitetura destoava
da arquitetura da zona envolvente, pois
a construção que envolve área
circundante ao CCB apresenta estilos
diferentes, épocas também
diversificadas.
DESTAQUES
JARDIM DO IMPÉRIO PRAÇA DO IMPÉRIO
WEBGRAFIA
 http://lisboahojeeontem.blogspot.pt/
 INTERNET - Pesquisas
Trabalho de CLC6
Prof: Mª João Martins
Trabalho de grupo:
Carlos José
Carlos Sequeira
Ana Alexandrino
Maria da Luz Parreira
Ricardo Rodrigues

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6
Sizes & Patterns
 
Glossário CLC_6
Glossário CLC_6Glossário CLC_6
Glossário CLC_6
joaquimsousaferreira
 
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdfCP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
arodatos81
 
Clc 6 10_12
Clc 6 10_12Clc 6 10_12
Clc 6 10_12
SILVIA G. FERNANDES
 
Reflexão - CP4
Reflexão - CP4Reflexão - CP4
Reflexão - CP4
Sizes & Patterns
 
Stc6 dr21
Stc6 dr21Stc6 dr21
Stc6 dr21
Pelo Siro
 
Ng1 dr1 (cp)
Ng1 dr1 (cp)Ng1 dr1 (cp)
Ng1 dr1 (cp)
cattonia
 
Construção e Arquitectura
Construção e ArquitecturaConstrução e Arquitectura
Construção e Arquitectura
scb.carlos
 
Culturas De Urbanismo E Mobilidade Luis Costa
Culturas De Urbanismo E Mobilidade Luis CostaCulturas De Urbanismo E Mobilidade Luis Costa
Culturas De Urbanismo E Mobilidade Luis Costa
Luís Costa
 
Urbanismo e mobilidade
Urbanismo e mobilidadeUrbanismo e mobilidade
Urbanismo e mobilidade
efaturmag2011
 
Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2
José Guimarães
 
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisS.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
I.Braz Slideshares
 
1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização
Paulacapinha1962
 
Proposta de trabalho ficha nº2
Proposta de trabalho ficha nº2Proposta de trabalho ficha nº2
Proposta de trabalho ficha nº2
turmab
 
Ruralidade e 2
Ruralidade e  2Ruralidade e  2
Ruralidade e 2
AuroraMartinho
 
As TIC e o seu impacto
As TIC e o seu impactoAs TIC e o seu impacto
As TIC e o seu impacto
Joana Filipa Rodrigues
 
Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
Sizes & Patterns
 
Funções urbanas (2)
Funções urbanas (2)Funções urbanas (2)
Funções urbanas (2)
Fátima Cunha Lopes
 
CLC 6
CLC 6CLC 6
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
Sizes & Patterns
 

Mais procurados (20)

Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6
 
Glossário CLC_6
Glossário CLC_6Glossário CLC_6
Glossário CLC_6
 
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdfCP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
 
Clc 6 10_12
Clc 6 10_12Clc 6 10_12
Clc 6 10_12
 
Reflexão - CP4
Reflexão - CP4Reflexão - CP4
Reflexão - CP4
 
Stc6 dr21
Stc6 dr21Stc6 dr21
Stc6 dr21
 
Ng1 dr1 (cp)
Ng1 dr1 (cp)Ng1 dr1 (cp)
Ng1 dr1 (cp)
 
Construção e Arquitectura
Construção e ArquitecturaConstrução e Arquitectura
Construção e Arquitectura
 
Culturas De Urbanismo E Mobilidade Luis Costa
Culturas De Urbanismo E Mobilidade Luis CostaCulturas De Urbanismo E Mobilidade Luis Costa
Culturas De Urbanismo E Mobilidade Luis Costa
 
Urbanismo e mobilidade
Urbanismo e mobilidadeUrbanismo e mobilidade
Urbanismo e mobilidade
 
Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2Utilização das tic no âmbito profissional2
Utilização das tic no âmbito profissional2
 
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisS.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
 
1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização1289687806 cp5 _dr4_globalização
1289687806 cp5 _dr4_globalização
 
Proposta de trabalho ficha nº2
Proposta de trabalho ficha nº2Proposta de trabalho ficha nº2
Proposta de trabalho ficha nº2
 
Ruralidade e 2
Ruralidade e  2Ruralidade e  2
Ruralidade e 2
 
As TIC e o seu impacto
As TIC e o seu impactoAs TIC e o seu impacto
As TIC e o seu impacto
 
Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
 
Funções urbanas (2)
Funções urbanas (2)Funções urbanas (2)
Funções urbanas (2)
 
CLC 6
CLC 6CLC 6
CLC 6
 
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
 

Semelhante a Rotura paisagística - Edificação

Filipe Lopes BeléM
Filipe Lopes BeléMFilipe Lopes BeléM
Filipe Lopes BeléM
Filipe Lopes
 
Preservando a história para as futuras gerações
Preservando a história para as futuras geraçõesPreservando a história para as futuras gerações
Preservando a história para as futuras gerações
Teresa Cristina de Andrade Bock
 
Glossário
GlossárioGlossário
Glossário
turmab
 
Cp4
Cp4Cp4
20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...
20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...
20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...
FaustinoGonalves
 
pre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismo
pre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismopre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismo
pre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismo
Lidia Bandelli Soria
 
Locais historicos do_patrimonio_cultural
Locais historicos  do_patrimonio_culturalLocais historicos  do_patrimonio_cultural
Locais historicos do_patrimonio_cultural
Avatar Cuamba
 
Patrimonios culturais
Patrimonios culturaisPatrimonios culturais
Patrimonios culturais
AlanWillianLeonioSil
 
3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG* 3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG*
CARLA RAISSA
 
Parecer iphan após estudos do .gov.CE
Parecer iphan após estudos do .gov.CEParecer iphan após estudos do .gov.CE
Parecer iphan após estudos do .gov.CE
Peixuxa Acquario
 
Case MMM
Case MMMCase MMM
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no AlgarveMuseu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
José Mesquita
 
Hemisferic, Valencia
Hemisferic, ValenciaHemisferic, Valencia
Hemisferic, Valencia
Thiago Fernandes
 
PRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SP
PRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SPPRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SP
PRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SP
Juliana Carvalho
 
4 portugal global maio2012_michel toussaint
4 portugal global maio2012_michel toussaint4 portugal global maio2012_michel toussaint
4 portugal global maio2012_michel toussaint
miguelpmelo
 
Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...
Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...
Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...
CamilaGarciaAguilera
 
Pps p-delz@-fortaleza-ce
Pps p-delz@-fortaleza-cePps p-delz@-fortaleza-ce
Pps p-delz@-fortaleza-ce
Ariana Martins
 
Centro cultural jean marie tjibaou_UNIP Bacelar
Centro cultural jean marie tjibaou_UNIP BacelarCentro cultural jean marie tjibaou_UNIP Bacelar
Centro cultural jean marie tjibaou_UNIP Bacelar
Tata Noronha da Silva
 
Cartas patrimoniais veneza
Cartas patrimoniais venezaCartas patrimoniais veneza
Cartas patrimoniais veneza
Stephanie Ribeiro
 
Museu Da áGua Das Caldas Da Rainha
Museu Da áGua Das Caldas Da RainhaMuseu Da áGua Das Caldas Da Rainha
Museu Da áGua Das Caldas Da Rainha
caldaswelcome
 

Semelhante a Rotura paisagística - Edificação (20)

Filipe Lopes BeléM
Filipe Lopes BeléMFilipe Lopes BeléM
Filipe Lopes BeléM
 
Preservando a história para as futuras gerações
Preservando a história para as futuras geraçõesPreservando a história para as futuras gerações
Preservando a história para as futuras gerações
 
Glossário
GlossárioGlossário
Glossário
 
Cp4
Cp4Cp4
Cp4
 
20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...
20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...
20231124-Faustino_Goncalves_e_Machalo_Barnabé_Nkhoma-_DIAGNÓSTICO_DA_SITUAÇÃO...
 
pre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismo
pre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismopre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismo
pre historia e antiguidade na arquitetura e hurbanismo
 
Locais historicos do_patrimonio_cultural
Locais historicos  do_patrimonio_culturalLocais historicos  do_patrimonio_cultural
Locais historicos do_patrimonio_cultural
 
Patrimonios culturais
Patrimonios culturaisPatrimonios culturais
Patrimonios culturais
 
3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG* 3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG*
 
Parecer iphan após estudos do .gov.CE
Parecer iphan após estudos do .gov.CEParecer iphan após estudos do .gov.CE
Parecer iphan após estudos do .gov.CE
 
Case MMM
Case MMMCase MMM
Case MMM
 
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no AlgarveMuseu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
 
Hemisferic, Valencia
Hemisferic, ValenciaHemisferic, Valencia
Hemisferic, Valencia
 
PRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SP
PRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SPPRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SP
PRAÇA DAS ARTES | Centro - S.Paulo, SP
 
4 portugal global maio2012_michel toussaint
4 portugal global maio2012_michel toussaint4 portugal global maio2012_michel toussaint
4 portugal global maio2012_michel toussaint
 
Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...
Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...
Aula 1- Introdução à Importância da Conservação, Reabilitação e Restauro na A...
 
Pps p-delz@-fortaleza-ce
Pps p-delz@-fortaleza-cePps p-delz@-fortaleza-ce
Pps p-delz@-fortaleza-ce
 
Centro cultural jean marie tjibaou_UNIP Bacelar
Centro cultural jean marie tjibaou_UNIP BacelarCentro cultural jean marie tjibaou_UNIP Bacelar
Centro cultural jean marie tjibaou_UNIP Bacelar
 
Cartas patrimoniais veneza
Cartas patrimoniais venezaCartas patrimoniais veneza
Cartas patrimoniais veneza
 
Museu Da áGua Das Caldas Da Rainha
Museu Da áGua Das Caldas Da RainhaMuseu Da áGua Das Caldas Da Rainha
Museu Da áGua Das Caldas Da Rainha
 

Mais de Cristiano Esperto Lage

Sistema de faturação 2013
Sistema de faturação 2013Sistema de faturação 2013
Sistema de faturação 2013
Cristiano Esperto Lage
 
Conseguir mais espaço na dropbox1
Conseguir mais espaço na dropbox1Conseguir mais espaço na dropbox1
Conseguir mais espaço na dropbox1
Cristiano Esperto Lage
 
Módulos do curso Introdução à Informática - Cristiano Lage
Módulos do curso Introdução à Informática - Cristiano LageMódulos do curso Introdução à Informática - Cristiano Lage
Módulos do curso Introdução à Informática - Cristiano Lage
Cristiano Esperto Lage
 
Proposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano Lage
Proposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano LageProposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano Lage
Proposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano Lage
Cristiano Esperto Lage
 
Sessão final - PIP - Cristiano Lage
Sessão final  - PIP - Cristiano LageSessão final  - PIP - Cristiano Lage
Sessão final - PIP - Cristiano Lage
Cristiano Esperto Lage
 
Joe Berardo - Emigração
Joe Berardo - EmigraçãoJoe Berardo - Emigração
Joe Berardo - Emigração
Cristiano Esperto Lage
 
Impacto visual - Educação
Impacto visual - EducaçãoImpacto visual - Educação
Impacto visual - Educação
Cristiano Esperto Lage
 
Modelo osi
Modelo osiModelo osi
Conclusão energias 15 04-2013
Conclusão energias 15 04-2013Conclusão energias 15 04-2013
Conclusão energias 15 04-2013
Cristiano Esperto Lage
 

Mais de Cristiano Esperto Lage (9)

Sistema de faturação 2013
Sistema de faturação 2013Sistema de faturação 2013
Sistema de faturação 2013
 
Conseguir mais espaço na dropbox1
Conseguir mais espaço na dropbox1Conseguir mais espaço na dropbox1
Conseguir mais espaço na dropbox1
 
Módulos do curso Introdução à Informática - Cristiano Lage
Módulos do curso Introdução à Informática - Cristiano LageMódulos do curso Introdução à Informática - Cristiano Lage
Módulos do curso Introdução à Informática - Cristiano Lage
 
Proposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano Lage
Proposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano LageProposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano Lage
Proposta de intervenção pedagógica - PIP - Cristiano Lage
 
Sessão final - PIP - Cristiano Lage
Sessão final  - PIP - Cristiano LageSessão final  - PIP - Cristiano Lage
Sessão final - PIP - Cristiano Lage
 
Joe Berardo - Emigração
Joe Berardo - EmigraçãoJoe Berardo - Emigração
Joe Berardo - Emigração
 
Impacto visual - Educação
Impacto visual - EducaçãoImpacto visual - Educação
Impacto visual - Educação
 
Modelo osi
Modelo osiModelo osi
Modelo osi
 
Conclusão energias 15 04-2013
Conclusão energias 15 04-2013Conclusão energias 15 04-2013
Conclusão energias 15 04-2013
 

Último

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
Suzy De Abreu Santana
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptxQUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
AntonioVieira539017
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
NatySousa3
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
Giovana Gomes da Silva
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 

Último (20)

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptxQUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 

Rotura paisagística - Edificação

  • 1.
  • 2. Rotura Paisagística  A rutura paisagística consiste nos desequilíbrios atingidos no máximo, em determinado local, na relação entre o homem e o meio ambiente onde aquele se insere, provocando agressão à paisagem.  É quando se projeta, planeia e gere sem preservar os espaços livres urbanos ou não, de forma a criar um desequilíbrio da paisagem
  • 3.
  • 4. Temos como exemplo práticos  A simbiose urbanística na área de Belém, onde o (CCB), centro cultural de Belém, aparece num contexto de vanguarda implantado numa área dominada até à sua construção pelo centenário mosteiro dos Jerónimos no seu estilo Manuelino.
  • 5.
  • 6. COMPARAMOS Centro Cultural de Belém Mosteiro dos Jerónimos
  • 7. Centro Cultural de Belém CONSTRUIDO EM 1988 – 1993 NUM CONTEXTO VANGUARDA
  • 8. MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS CONSTRUIDO SEC. XV NUM ESTILO MANUELINO
  • 9.  Também temos que considerar todos os edifícios e demais construções na envolvência deste espaço com inúmeras características de construção quer no tempo, estilo e significado.
  • 10.  A marina de Belém, espaço moderno onde se pode ver iates e veleiros de grande gabarito, vocacionada para dar apoio às embarcações de recreio e turismo.
  • 11.
  • 12.  O museu da Marinha com todo o seu espólio da arte e ciência no que respeita ao Mar.
  • 13.
  • 14.  O museu dos coches.  O jardim com a fonte luminosa.  A perpetuada Praça do Império com a sua estátua altaneira do vice-rei da Índia, Afonso de Albuquerque.  Etc.
  • 15. POLÉMICA  A polémica da sua construção foi o facto de estar implementado no mesmo lugar que a Torre de Belém e o Padrão dos Descobrimentos é este o simbolismo ligado à zona em questão, Belém.
  • 16.  Diziam os entendidos que o impacto paisagístico era extremamente agressivo, que a arquitetura destoava da arquitetura da zona envolvente, pois a construção que envolve área circundante ao CCB apresenta estilos diferentes, épocas também diversificadas.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 24. JARDIM DO IMPÉRIO PRAÇA DO IMPÉRIO
  • 25.
  • 26.
  • 28. Trabalho de CLC6 Prof: Mª João Martins Trabalho de grupo: Carlos José Carlos Sequeira Ana Alexandrino Maria da Luz Parreira Ricardo Rodrigues

Notas do Editor

  1. O projeto do CCB não se prendeu só com a presidência da comunidade Europeia, também contempla, três salas equipados para diversos tipos de espetáculos, desde cinema, opera, bailado, teatro, e qualquer tipo de género musical. Quatro galerias de exposições de arte, artes plásticas, design, arquitetura e fotografia.
  2. Imponente Mosteiro dos Jerónimos ou Mosteiro de Santa Maria de Belém, um dos símbolos ligados aos descobrimentos Portugueses e datado do seculo XVI. Também um dos grandes símbolos da expansão portuguesa pelo mundo neste seculo.
  3. Entre outros exemplos……
  4. Na época em que foi construído causou muita polémica.
  5. Diziam os entendidos que o impacto paisagístico era extremamente agressivo, que a arquitetura destoava da arquitetura da zona envolvente, pois a construção que envolve área circundante ao CCB apresenta estilos diferentes, épocas também diversificadas.
  6. Imponente Mosteiro dos Jerónimos ou Mosteiro de Santa Maria de Belém, um dos símbolos ligados aos descobrimentos Portugueses e datado do seculo XVI. Também um dos grandes símbolos da expansão portuguesa pelo mundo neste seculo.
  7. E seu imponente Jardim do Imperio que possui uma área de 3,3 há foi construído em 1940, em memória da Grande Expansão do Mundo, antes era uma praia conhecida por praia do Restelo. Agora os portugueses estão em expansão por outras razões que não estão ligadas à descoberta, mas sim sobrevivência. Também o Padrão dos Descobrimentos foi erguido na mesma época, 1940 e pelos mesmos motivos do Jardim do Imperio, por ocasião e em homenagem à Grande Expansão pelo Mundo dos Portugueses.
  8. Planetário Calouste Gulbenkian, situado ao lado do Mosteiro dos Jerónimos, foi construído entre 1963 e 1965, com objetivo de apresentar ciência viva, onde é recriado o céu noturno e revela certos mistérios do cosmos, representações dos sistema solar e movimento das estrelas.
  9. No Jardim da Torre de Belém tem inserido um dos grandes símbolos Nacionais de Expansão, em representação da primeira travessia Aérea do Atlântico Sul, a ligação foi feita entre Lisboa e o Rio de Janeiro no Brasil, começou a 30 de Março de 1922 em Lisboa e terminou a 17 de Junho. Esta viagem feita de hidroavião de nome “Fairey3” representado na imagem, o maior feito na historia da aviação do inicio do seculo.