SlideShare uma empresa Scribd logo
II Seminário Internacional sobre Revitalização de Rios Recuperação Ambiental de Bacias Hidrográficas: A Experiência de Belo Horizonte Prefeitura de Belo Horizonte Belo Horizonte, maio/2010
Município de Belo Horizonte Brasil Minas Gerais LOCALIZAÇÃO DO MUNICÍPIO DE BELO HORIZONTE
ASPECTOS GERAIS DA CIDADE DE BELO HORIZONTE  ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
HIDROGRAFIA E RELEVO  Arrudas Isidoro Velhas Onça Elevação 1505 metros 672 metros
REALIDADE DO SANEAMENTO EM BELO HORIZONTE ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
DIAGNÓSTICO DO SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DE BELO HORIZONTE PMS 2008/2011  Onça Arrudas Isidoro Velhas
DIRETRIZES PARA A GESTÃO DO SANEAMENTO  DE BELO HORIZONTE ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
PLANO DIRETOR  DE DRENAGEM MUNICIPAL
PLANO DIRETOR DE DRENAGEM MUNICIPAL - PDDU  Artigo 27 - indicativo para a elaboração de um Plano para a drenagem Plano Diretor Municipal - Lei nº 7.165/1996 Necessidade de se instituir um instrumento de planejamento da drenagem
PLANO DIRETOR DE DRENAGEM MUNICIPAL - PDDU  Fatores que motivaram a sua elaboração: ,[object Object],[object Object],[object Object]
PLANO DIRETOR DE DRENAGEM MUNICIPAL - PDDU  Diretrizes adotadas: ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Prinicipais ações: - caracterização e diagnóstico das bacias hidrográficas;  - cadastro de macro e microdrenagem; - avaliação estrutural de todos os canais;  - implantação de SIG para a drenagem urbana. CONCLUÍDA EM 2001 1ª FASE DO PDDU
Principais ações: 2ª FASE DO PDDU  ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
PROGRAMA DRENURBS
OBJETIVO GERAL M elhoria da qualidade  de vida da população de Belo Horizonte por meio da  valorização do meio ambiente  urbano.  PROGRAMA DRENURBS PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO AMBIENTAL DE BELO HORIZONTE
HIDROGRAFIA URBANA - DEGRADAÇÃO DOS CÓRREGOS
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],PROGRAMA DRENURBS
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],PROGRAMA DRENURBS
Poluição por esgotos Ocupação das margens Erosão do solo QUESTÕES A SEREM ENFRENTADAS Resíduos sólidos Inundações
EIXOS DE EXECUÇÃO DO  PROGRAMA DRENURBS ,[object Object],[object Object],[object Object]
Áreas de Intervenção – 05 sub-bacias 1ª Etapa
OBRAS DO PROGRAMA
SUB-BACIA DO  CÓRREGO 1º DE MAIO
SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Valor do empreendimento: R$ 5,8 milhões
OBRAS CONCLUÍDAS 1º de Maio Vista parcial do Parque Área de influência: 0,48 km² População beneficiada: 2.983 habitantes
Vista parcial do córrego a montante OBRAS CONCLUÍDAS 1º de Maio
Bacia de detenção e pista de caminhada OBRAS CONCLUÍDAS 1º de Maio
SUB-BACIA DO  CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE
SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Valor do empreendimento: R$ 23,0 milhões
OBRAS CONCLUÍDAS  Nossa Sra. da Piedade Vista parcial do lago Área de influência: 0,73 km² População beneficiada: 6.713 habitantes
Pista de skate OBRAS CONCLUÍDAS  Nossa Sra. da Piedade
Vista parcial do lago OBRAS CONCLUÍDAS  Nossa Sra. da Piedade
SUB-BACIA DO  CÓRREGO BALEARES
SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Situação antes do início das obras
SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Valor do empreendimento: R$ 7,8 milhões
OBRAS CONCLUÍDAS Baleares Córrego tratado Área de influência: 0,43 km² População beneficiada: 3.741 habitantes
Vista parcial do Parque  OBRAS CONCLUÍDAS Baleares
Vista parcial córrego tratado OBRAS CONCLUÍDAS Baleares
BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO
[object Object],[object Object],[object Object],BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Área de influência: 11,92 km² População beneficiada: 34.210 habitantes
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Escopo das obras BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO
BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Situação antes do início das obras
BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Situação antes do início das obras
BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Situação antes do início das obras
Conjunto Habitacional R2 BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
Conjunto Habitacional R4 BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
Conjunto Habitacional R5 BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
BACIA DE CONTENÇÃO DE CHEIAS BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento Vista da ombreira esquerda da barragem com vertedouro de emergência
Evolução da Escavação da Ombreira Esquerda. Ombreira Esquerda – Barragem B1 Área de escavação
Proteção dos taludes e encostas BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
Execução do vertedouro de operação BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
CAMPO DE FUTEBOL Execução da Sede do Campo de Futebol Execução de contenções na área do campo de futebol CONTENÇÕES (Muro de arrimo) SEDE Vestiários:2 Área de Lazer com churrasqueira BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento CAMPO Dimensões :60 X 40m
BACIA DO CÓRREGO  ENGENHO NOGUEIRA
BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Área de influência: 6,0 km² População beneficiada: 19.428 habitantes
BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Escopo das obras: ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Situação antes do início das obras
BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Situação antes do início das obras
BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Situação antes do início das obras
BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento Vista geral da bacia de detenção
Execução de proteção dos taludes da barragem BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
Vista do vertedouro de emergência BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
Vista Rua Meier com Passa Quatro COMPLEXO DA RUA PASSA QUATRO Rua Passa Quatro - Galeria no interior de quarteirão  R. Passa Quatro - Rede de drenagem Ø1000 mm BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
Execução de Praça de Convivência VILA SUMARÉ Alameda Real – PV Esgoto  Ø 400 mm e caixa passagem BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento Pista de skate
Vista do Túnel TÚNEL BALA SOB ANEL RODOVIÁRIO Assentamento de cambotas pré-moldadas de concreto BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
PROGRAMA DRENURBS Dados gerais
GESTÃO SÓCIO AMBIENTAL
Aspersão de água Preservação da vegetação Proteção de nascente ,[object Object]
PLANO DE DESAPROPRIAÇÃO, INDENIZAÇÃO E RELOCALIZAÇÃO DE FAMÍLIAS E NEGÓCIOS - PDR Reunião Inicial com a comunidade da Vila Sumaré (11/02/08) Selagem dos domicílios afetados no bairro Caiçara (abril/08) Cadastro socioeconômico das famílias afetadas na Vila Sumaré  (fevereiro/08)
PLANO DE MOBILIZAÇÃO E COMUNICAÇÃO SOCIAL Vistoria de final de obras com a Comissão Comunitária DRENURBS  Reunião p/ formação da Comissão Comunitária DRENURBS Reivindicação da Comissão aos engenheiros no escritório de obras sobre o espelho d’água
Elaboração Participativa do Plano Local de Educação Ambiental  Sub-bacia Nossa Sra. da Piedade Sub-bacia 1º de Maio PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL
Índice de Qualidade das Águas do Córrego Baleares PLANO DE MONITORAMENTO DA  QUALIDADE DAS ÁGUAS Campanha Set/03 Abr/05 Mar/06 Jul/07 Mai/08 IQA 27,1  (ruim) 20,5 (ruim) 15,2  (muito ruim) 20,5 (ruim) 57,7  (bom) Bom Ruim Muito Ruim Médio
SISTEMA DE MONITORAMENTO HIDROLÓGICO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES
SISTEMA DE MONITORAMENTO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],PRINCIPAIS OBJETIVOS: VALOR DO INVESTIMENTO: R$ 4,8 milhões
LOCALIZAÇÃO DAS ESTAÇÕES PLUVIOMÉTRICAS A IMPLANTAR
LOCALIZAÇÃO DAS ESTAÇÕES FLUVIOMÉTRICAS A IMPLANTAR
LOCALIZAÇÃO DE TODAS AS ESTAÇÕES A IMPLANTAR E EXISTENTES
EQUIPAMENTOS: SISTEMA DE MONITORAMENTO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES Exemplo de uma estação telemétrica de fluviometria instalada
Ações desenvolvidas: ,[object Object],SISTEMA DE MONITORAMENTO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES
Cartas de inundações Elaboradas para cada uma das 9 regionais Ex: Regional Barreiro
- Fornecimento e instalação dos equipamentos;  - Calibração e início de operação das estações; - Implantação do CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências); - Treinamento da equipe da PBH; - Manutenção do Sistema. Próximas etapas: SISTEMA DE MONITORAMENTO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES
NÚCLEOS DE ALERTA DE CHUVAS - NAC O que são os Núcleos de Alerta de Chuvas – NAC? Os  NAC  são grupos comunitários que moram ou trabalham nas áreas inundáveis e que atuarão como  agentes  no  alerta   para os outros moradores. Contribuir para proteger vidas Contribuir para minimizar os danos causados para a população  situada nas áreas inundáveis da cidade. Principal função:
Informações:  +55 31 3277-8168  [email_address] http://www.pbh.gov.br OBRIGADO PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE SMURBE - Secretaria Municipal de Políticas Urbanas NEPE-SAN - Núcleo de Execução de Projetos Especiais de Saneamento UEP - Unidade de Execução do Programa DRENURBS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

manual de operacion y mantenimiento
manual de operacion y mantenimientomanual de operacion y mantenimiento
manual de operacion y mantenimiento
KaTyuska Tito Ore
 
Curso gestion de cuencas peru ii
Curso gestion de cuencas peru iiCurso gestion de cuencas peru ii
Curso gestion de cuencas peru ii
Kevin Davila
 
E I A Relleno Sanitario
E I A  Relleno  SanitarioE I A  Relleno  Sanitario
E I A Relleno Sanitario
Maria Morales
 
Qualidade da Água
Qualidade da ÁguaQualidade da Água
Qualidade da Água
Oscar Luiz Neto
 
Exposición lagunas de estabilizion
Exposición lagunas de estabilizionExposición lagunas de estabilizion
Exposición lagunas de estabilizion
Martín Cejudo Rabago
 
PARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptx
PARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptxPARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptx
PARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptx
JonathanDurandVilca
 
Expo recursos hidricos
Expo recursos hidricosExpo recursos hidricos
Expo recursos hidricos
Paul Ferreira
 
Empresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as Empresas
Empresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as EmpresasEmpresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as Empresas
Empresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as Empresas
Empresa Verde Consultoria em Sustentabilidade Empresarial
 
Guía para la operación y mantenimiento de tanques sépticos
Guía para la operación y mantenimiento de tanques sépticosGuía para la operación y mantenimiento de tanques sépticos
Guía para la operación y mantenimiento de tanques sépticos
CODISSAC
 
Musyawarah desa
Musyawarah desaMusyawarah desa
Musyawarah desa
Pemdes Seboro Sadang
 
Kebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukiman
Kebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukimanKebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukiman
Kebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukiman
Joy Irman
 
SANIMAS. Sanitasi oleh Masyarakat
SANIMAS. Sanitasi oleh MasyarakatSANIMAS. Sanitasi oleh Masyarakat
SANIMAS. Sanitasi oleh Masyarakat
Oswar Mungkasa
 
Saneamiento
SaneamientoSaneamiento
Saneamiento
Antonio Napa
 
Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)
Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)
Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)
Joy Irman
 
Nocoes hidrologia
Nocoes hidrologiaNocoes hidrologia
Nocoes hidrologia
Luciana Costa
 
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
petambiental
 
Aula 8 código florestal
Aula 8 código florestalAula 8 código florestal
Aula 8 código florestal
Giovanna Ortiz
 
pilar stbm simpel.ppt
pilar stbm simpel.pptpilar stbm simpel.ppt
pilar stbm simpel.ppt
AntomariFamily
 
Projeto de arborização para rosa rocha
Projeto de arborização para rosa rochaProjeto de arborização para rosa rocha
Projeto de arborização para rosa rocha
reinaldosantosI
 
MEMORIA DESCRIPTIVA.pdf
MEMORIA DESCRIPTIVA.pdfMEMORIA DESCRIPTIVA.pdf
MEMORIA DESCRIPTIVA.pdf
deyvisMarcelo1
 

Mais procurados (20)

manual de operacion y mantenimiento
manual de operacion y mantenimientomanual de operacion y mantenimiento
manual de operacion y mantenimiento
 
Curso gestion de cuencas peru ii
Curso gestion de cuencas peru iiCurso gestion de cuencas peru ii
Curso gestion de cuencas peru ii
 
E I A Relleno Sanitario
E I A  Relleno  SanitarioE I A  Relleno  Sanitario
E I A Relleno Sanitario
 
Qualidade da Água
Qualidade da ÁguaQualidade da Água
Qualidade da Água
 
Exposición lagunas de estabilizion
Exposición lagunas de estabilizionExposición lagunas de estabilizion
Exposición lagunas de estabilizion
 
PARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptx
PARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptxPARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptx
PARTICIPACION CIUDADANA PARA EL MANEJO DE RESIDUOS SÓLIDOS-PPT-CALLALLI.pptx
 
Expo recursos hidricos
Expo recursos hidricosExpo recursos hidricos
Expo recursos hidricos
 
Empresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as Empresas
Empresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as EmpresasEmpresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as Empresas
Empresa Verde - Palestra Sustentabilidade na prática para as Empresas
 
Guía para la operación y mantenimiento de tanques sépticos
Guía para la operación y mantenimiento de tanques sépticosGuía para la operación y mantenimiento de tanques sépticos
Guía para la operación y mantenimiento de tanques sépticos
 
Musyawarah desa
Musyawarah desaMusyawarah desa
Musyawarah desa
 
Kebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukiman
Kebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukimanKebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukiman
Kebijakan dan strategi pengembangan sistem pengelolaan air limbah permukiman
 
SANIMAS. Sanitasi oleh Masyarakat
SANIMAS. Sanitasi oleh MasyarakatSANIMAS. Sanitasi oleh Masyarakat
SANIMAS. Sanitasi oleh Masyarakat
 
Saneamiento
SaneamientoSaneamiento
Saneamiento
 
Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)
Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)
Tujuan, Pendekatan, dan Prinsip SANIMAS (Sanitasi Berbasis Masyarakat)
 
Nocoes hidrologia
Nocoes hidrologiaNocoes hidrologia
Nocoes hidrologia
 
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
 
Aula 8 código florestal
Aula 8 código florestalAula 8 código florestal
Aula 8 código florestal
 
pilar stbm simpel.ppt
pilar stbm simpel.pptpilar stbm simpel.ppt
pilar stbm simpel.ppt
 
Projeto de arborização para rosa rocha
Projeto de arborização para rosa rochaProjeto de arborização para rosa rocha
Projeto de arborização para rosa rocha
 
MEMORIA DESCRIPTIVA.pdf
MEMORIA DESCRIPTIVA.pdfMEMORIA DESCRIPTIVA.pdf
MEMORIA DESCRIPTIVA.pdf
 

Semelhante a Programa drenurbs prefeiturabh-ricardoaroeira

Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
CBH Rio das Velhas
 
Palestra Crea 17.09.08 Eduardo Ribeiro
Palestra Crea   17.09.08   Eduardo RibeiroPalestra Crea   17.09.08   Eduardo Ribeiro
Palestra Crea 17.09.08 Eduardo Ribeiro
coldplay
 
Aula 2 - Alejandra Devecchi
Aula 2  - Alejandra DevecchiAula 2  - Alejandra Devecchi
Aula 2 - Alejandra Devecchi
Habitação e Cidade
 
Programa anicuns, Goiânia
Programa anicuns, GoiâniaPrograma anicuns, Goiânia
Programa anicuns, Goiânia
Rodrigo Cuetiki Ribeiro
 
recursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografiarecursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografia
Nilton Goulart
 
Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)
Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)
Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)
Katia Figueira
 
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Doce - CBH-Doce
 
Aula 5 - Márcia Nascimento
Aula 5 - Márcia NascimentoAula 5 - Márcia Nascimento
Aula 5 - Márcia Nascimento
Habitação e Cidade
 
Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...
Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...
Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...
CBH Rio das Velhas
 
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbaciasMinicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
equipeagroplus
 
Projeto bacia Rio Bicudo
Projeto bacia Rio Bicudo Projeto bacia Rio Bicudo
Projeto bacia Rio Bicudo
CBH Rio das Velhas
 
Plano de monitoramento da qualidade da água satélite íris i
Plano de monitoramento da qualidade da água   satélite íris iPlano de monitoramento da qualidade da água   satélite íris i
Plano de monitoramento da qualidade da água satélite íris i
Laura Magalhães
 
Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte
Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte
Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte
Diário do Comércio - MG
 
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
CBH Rio das Velhas
 
Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...
Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...
Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...
Rio Info
 
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
samaerne
 
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
claudinor
 
Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08
Camila Bittar
 
Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08
Camila Bittar
 
Drenagem na rmsp apresentação parcial dez 2014
Drenagem na rmsp  apresentação parcial dez 2014Drenagem na rmsp  apresentação parcial dez 2014
Drenagem na rmsp apresentação parcial dez 2014
De Janks
 

Semelhante a Programa drenurbs prefeiturabh-ricardoaroeira (20)

Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
 
Palestra Crea 17.09.08 Eduardo Ribeiro
Palestra Crea   17.09.08   Eduardo RibeiroPalestra Crea   17.09.08   Eduardo Ribeiro
Palestra Crea 17.09.08 Eduardo Ribeiro
 
Aula 2 - Alejandra Devecchi
Aula 2  - Alejandra DevecchiAula 2  - Alejandra Devecchi
Aula 2 - Alejandra Devecchi
 
Programa anicuns, Goiânia
Programa anicuns, GoiâniaPrograma anicuns, Goiânia
Programa anicuns, Goiânia
 
recursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografiarecursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografia
 
Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)
Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)
Programa drenar e as enchentes em são bernardo do campo (1)
 
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
 
Aula 5 - Márcia Nascimento
Aula 5 - Márcia NascimentoAula 5 - Márcia Nascimento
Aula 5 - Márcia Nascimento
 
Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...
Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...
Seminário Saneamento Básico, Saúde e Meio Ambiente - Plano Municipal de Sanea...
 
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbaciasMinicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
 
Projeto bacia Rio Bicudo
Projeto bacia Rio Bicudo Projeto bacia Rio Bicudo
Projeto bacia Rio Bicudo
 
Plano de monitoramento da qualidade da água satélite íris i
Plano de monitoramento da qualidade da água   satélite íris iPlano de monitoramento da qualidade da água   satélite íris i
Plano de monitoramento da qualidade da água satélite íris i
 
Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte
Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte
Resultados do Projeto SWITCH em Belo Horizonte
 
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
 
Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...
Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...
Rio Info 2010 - Seminário das Cidades Digitais às Cidades Inteligentes - Port...
 
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
 
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
 
Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slides oficina de prognóstico ambiental 06.08
 
Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08
Apresentação de slies oficina de prognóstico ambiental 06.08
 
Drenagem na rmsp apresentação parcial dez 2014
Drenagem na rmsp  apresentação parcial dez 2014Drenagem na rmsp  apresentação parcial dez 2014
Drenagem na rmsp apresentação parcial dez 2014
 

Mais de Expresso das Idéias Produções

Tim randle dam removal in the united states
Tim randle   dam removal in the united statesTim randle   dam removal in the united states
Tim randle dam removal in the united states
Expresso das Idéias Produções
 
Tim randle dam removal in the united states
Tim randle   dam removal in the united statesTim randle   dam removal in the united states
Tim randle dam removal in the united states
Expresso das Idéias Produções
 
Revitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacional
Revitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacionalRevitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacional
Revitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacional
Expresso das Idéias Produções
 
Rio danubio europa-wolfgangstaltzer
Rio danubio europa-wolfgangstaltzerRio danubio europa-wolfgangstaltzer
Rio danubio europa-wolfgangstaltzer
Expresso das Idéias Produções
 
Rio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnoh
Rio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnohRio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnoh
Rio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnoh
Expresso das Idéias Produções
 
Projeto manuelzao riodasvelhas-polignano
Projeto manuelzao riodasvelhas-polignanoProjeto manuelzao riodasvelhas-polignano
Projeto manuelzao riodasvelhas-polignano
Expresso das Idéias Produções
 
Rio reno patrickweiingertner-1
Rio reno patrickweiingertner-1 Rio reno patrickweiingertner-1
Rio reno patrickweiingertner-1
Expresso das Idéias Produções
 
Rio reno patrickweiingertner-2
Rio reno patrickweiingertner-2Rio reno patrickweiingertner-2
Rio reno patrickweiingertner-2
Expresso das Idéias Produções
 

Mais de Expresso das Idéias Produções (8)

Tim randle dam removal in the united states
Tim randle   dam removal in the united statesTim randle   dam removal in the united states
Tim randle dam removal in the united states
 
Tim randle dam removal in the united states
Tim randle   dam removal in the united statesTim randle   dam removal in the united states
Tim randle dam removal in the united states
 
Revitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacional
Revitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacionalRevitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacional
Revitalização riosãofrancisco joseluizsouza-minsiteriointegracaonacional
 
Rio danubio europa-wolfgangstaltzer
Rio danubio europa-wolfgangstaltzerRio danubio europa-wolfgangstaltzer
Rio danubio europa-wolfgangstaltzer
 
Rio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnoh
Rio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnohRio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnoh
Rio cheoggyeecheon coreiadosul-soohongnoh
 
Projeto manuelzao riodasvelhas-polignano
Projeto manuelzao riodasvelhas-polignanoProjeto manuelzao riodasvelhas-polignano
Projeto manuelzao riodasvelhas-polignano
 
Rio reno patrickweiingertner-1
Rio reno patrickweiingertner-1 Rio reno patrickweiingertner-1
Rio reno patrickweiingertner-1
 
Rio reno patrickweiingertner-2
Rio reno patrickweiingertner-2Rio reno patrickweiingertner-2
Rio reno patrickweiingertner-2
 

Programa drenurbs prefeiturabh-ricardoaroeira

  • 1. II Seminário Internacional sobre Revitalização de Rios Recuperação Ambiental de Bacias Hidrográficas: A Experiência de Belo Horizonte Prefeitura de Belo Horizonte Belo Horizonte, maio/2010
  • 2. Município de Belo Horizonte Brasil Minas Gerais LOCALIZAÇÃO DO MUNICÍPIO DE BELO HORIZONTE
  • 3.
  • 4. HIDROGRAFIA E RELEVO Arrudas Isidoro Velhas Onça Elevação 1505 metros 672 metros
  • 5.
  • 6. DIAGNÓSTICO DO SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DE BELO HORIZONTE PMS 2008/2011 Onça Arrudas Isidoro Velhas
  • 7.
  • 8. PLANO DIRETOR DE DRENAGEM MUNICIPAL
  • 9. PLANO DIRETOR DE DRENAGEM MUNICIPAL - PDDU Artigo 27 - indicativo para a elaboração de um Plano para a drenagem Plano Diretor Municipal - Lei nº 7.165/1996 Necessidade de se instituir um instrumento de planejamento da drenagem
  • 10.
  • 11.
  • 12. Prinicipais ações: - caracterização e diagnóstico das bacias hidrográficas; - cadastro de macro e microdrenagem; - avaliação estrutural de todos os canais; - implantação de SIG para a drenagem urbana. CONCLUÍDA EM 2001 1ª FASE DO PDDU
  • 13.
  • 15. OBJETIVO GERAL M elhoria da qualidade de vida da população de Belo Horizonte por meio da valorização do meio ambiente urbano. PROGRAMA DRENURBS PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO AMBIENTAL DE BELO HORIZONTE
  • 16. HIDROGRAFIA URBANA - DEGRADAÇÃO DOS CÓRREGOS
  • 17.
  • 18.
  • 19. Poluição por esgotos Ocupação das margens Erosão do solo QUESTÕES A SEREM ENFRENTADAS Resíduos sólidos Inundações
  • 20.
  • 21. Áreas de Intervenção – 05 sub-bacias 1ª Etapa
  • 23. SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º DE MAIO
  • 24. SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Situação antes do início das obras
  • 25. SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Situação antes do início das obras
  • 26. SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Situação antes do início das obras
  • 27. SUB-BACIA DO CÓRREGO 1º de MAIO Valor do empreendimento: R$ 5,8 milhões
  • 28. OBRAS CONCLUÍDAS 1º de Maio Vista parcial do Parque Área de influência: 0,48 km² População beneficiada: 2.983 habitantes
  • 29. Vista parcial do córrego a montante OBRAS CONCLUÍDAS 1º de Maio
  • 30. Bacia de detenção e pista de caminhada OBRAS CONCLUÍDAS 1º de Maio
  • 31. SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE
  • 32. SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Situação antes do início das obras
  • 33. SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Situação antes do início das obras
  • 34. SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Situação antes do início das obras
  • 35. SUB-BACIA DO CÓRREGO N. SRA. DA PIEDADE Valor do empreendimento: R$ 23,0 milhões
  • 36. OBRAS CONCLUÍDAS Nossa Sra. da Piedade Vista parcial do lago Área de influência: 0,73 km² População beneficiada: 6.713 habitantes
  • 37. Pista de skate OBRAS CONCLUÍDAS Nossa Sra. da Piedade
  • 38. Vista parcial do lago OBRAS CONCLUÍDAS Nossa Sra. da Piedade
  • 39. SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES
  • 40. SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Situação antes do início das obras
  • 41. SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Situação antes do início das obras
  • 42. SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Situação antes do início das obras
  • 43. SUB-BACIA DO CÓRREGO BALEARES Valor do empreendimento: R$ 7,8 milhões
  • 44. OBRAS CONCLUÍDAS Baleares Córrego tratado Área de influência: 0,43 km² População beneficiada: 3.741 habitantes
  • 45. Vista parcial do Parque OBRAS CONCLUÍDAS Baleares
  • 46. Vista parcial córrego tratado OBRAS CONCLUÍDAS Baleares
  • 47. BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO
  • 48.
  • 49.
  • 50. BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Situação antes do início das obras
  • 51. BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Situação antes do início das obras
  • 52. BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Situação antes do início das obras
  • 53. Conjunto Habitacional R2 BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
  • 54. Conjunto Habitacional R4 BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
  • 55. Conjunto Habitacional R5 BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
  • 56. BACIA DE CONTENÇÃO DE CHEIAS BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento Vista da ombreira esquerda da barragem com vertedouro de emergência
  • 57. Evolução da Escavação da Ombreira Esquerda. Ombreira Esquerda – Barragem B1 Área de escavação
  • 58. Proteção dos taludes e encostas BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
  • 59. Execução do vertedouro de operação BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento
  • 60. CAMPO DE FUTEBOL Execução da Sede do Campo de Futebol Execução de contenções na área do campo de futebol CONTENÇÕES (Muro de arrimo) SEDE Vestiários:2 Área de Lazer com churrasqueira BACIA DO CÓRREGO BONSUCESSO Obra em andamento CAMPO Dimensões :60 X 40m
  • 61. BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA
  • 62.
  • 63.
  • 64. BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Situação antes do início das obras
  • 65. BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Situação antes do início das obras
  • 66. BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Situação antes do início das obras
  • 67. BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento Vista geral da bacia de detenção
  • 68. Execução de proteção dos taludes da barragem BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
  • 69. Vista do vertedouro de emergência BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
  • 70. Vista Rua Meier com Passa Quatro COMPLEXO DA RUA PASSA QUATRO Rua Passa Quatro - Galeria no interior de quarteirão R. Passa Quatro - Rede de drenagem Ø1000 mm BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
  • 71. Execução de Praça de Convivência VILA SUMARÉ Alameda Real – PV Esgoto Ø 400 mm e caixa passagem BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento Pista de skate
  • 72. Vista do Túnel TÚNEL BALA SOB ANEL RODOVIÁRIO Assentamento de cambotas pré-moldadas de concreto BACIA DO CÓRREGO ENGENHO NOGUEIRA Obra em andamento
  • 75.
  • 76. PLANO DE DESAPROPRIAÇÃO, INDENIZAÇÃO E RELOCALIZAÇÃO DE FAMÍLIAS E NEGÓCIOS - PDR Reunião Inicial com a comunidade da Vila Sumaré (11/02/08) Selagem dos domicílios afetados no bairro Caiçara (abril/08) Cadastro socioeconômico das famílias afetadas na Vila Sumaré (fevereiro/08)
  • 77. PLANO DE MOBILIZAÇÃO E COMUNICAÇÃO SOCIAL Vistoria de final de obras com a Comissão Comunitária DRENURBS Reunião p/ formação da Comissão Comunitária DRENURBS Reivindicação da Comissão aos engenheiros no escritório de obras sobre o espelho d’água
  • 78. Elaboração Participativa do Plano Local de Educação Ambiental Sub-bacia Nossa Sra. da Piedade Sub-bacia 1º de Maio PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL
  • 79. Índice de Qualidade das Águas do Córrego Baleares PLANO DE MONITORAMENTO DA QUALIDADE DAS ÁGUAS Campanha Set/03 Abr/05 Mar/06 Jul/07 Mai/08 IQA 27,1 (ruim) 20,5 (ruim) 15,2 (muito ruim) 20,5 (ruim) 57,7 (bom) Bom Ruim Muito Ruim Médio
  • 80. SISTEMA DE MONITORAMENTO HIDROLÓGICO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES
  • 81.
  • 82. LOCALIZAÇÃO DAS ESTAÇÕES PLUVIOMÉTRICAS A IMPLANTAR
  • 83. LOCALIZAÇÃO DAS ESTAÇÕES FLUVIOMÉTRICAS A IMPLANTAR
  • 84. LOCALIZAÇÃO DE TODAS AS ESTAÇÕES A IMPLANTAR E EXISTENTES
  • 85. EQUIPAMENTOS: SISTEMA DE MONITORAMENTO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES Exemplo de uma estação telemétrica de fluviometria instalada
  • 86.
  • 87. Cartas de inundações Elaboradas para cada uma das 9 regionais Ex: Regional Barreiro
  • 88. - Fornecimento e instalação dos equipamentos; - Calibração e início de operação das estações; - Implantação do CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências); - Treinamento da equipe da PBH; - Manutenção do Sistema. Próximas etapas: SISTEMA DE MONITORAMENTO E ALERTA CONTRA INUNDAÇÕES
  • 89. NÚCLEOS DE ALERTA DE CHUVAS - NAC O que são os Núcleos de Alerta de Chuvas – NAC? Os NAC são grupos comunitários que moram ou trabalham nas áreas inundáveis e que atuarão como agentes no alerta para os outros moradores. Contribuir para proteger vidas Contribuir para minimizar os danos causados para a população situada nas áreas inundáveis da cidade. Principal função:
  • 90. Informações: +55 31 3277-8168 [email_address] http://www.pbh.gov.br OBRIGADO PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE SMURBE - Secretaria Municipal de Políticas Urbanas NEPE-SAN - Núcleo de Execução de Projetos Especiais de Saneamento UEP - Unidade de Execução do Programa DRENURBS