SlideShare uma empresa Scribd logo
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Por :Vitória Kedy Cornetta
Profa: Ana Carolina Peixoto Medeiros
Situação atual ------------------ Situação ideal
Situação possível
PLANEJAMENTO
• O que o planejamento não é
- Um plano
- Tarefa dos “Planejadores”
- Não existe A Teoria ou O Método
- Uma mera declaração de intenções
PLANEJAMENTO
• O que o planejamento deve ser
- Um instrumento de gestão que promova o
desenvolvimento institucional
- Uma atitude permanente da organização
e do administrador
- Um processo aglutinador dos atores
envolvidos nos resultados
O QUE É PLANEJAR
• Processo contínuo de tomada de decisões
• Conhecimento de seu efeito futuro
• Organização sistemática do esforço para
efetivá-las
• Medir os resultados face às expectativas
• Através de sistema organizado de
retroalimentação
Peter DRUCKER
OBJETIVOS DO PLANEJAMENTO
• Facilitar a tomada de decisões
• Distribuir com racionalidade os recursos
• Ampliar a margem de eficiência e eficácia
• Estimar necessidades futuras (tendências)
• Garantir eqüidade na oferta de serviços
• Contribuir com a melhoria da situação de saúde
da população
• Atender as reais necessidades da população
APLICABILIDADE DO
PLANEJAMENTO
- O planejamento como prática social transformadora
• Determinação de novas relações sociais
alternativas à lógica do mercado
- O planejamento como instrumento de ação
governamental
• Produção de políticas
- O planejamento como instrumento do processo de
gestão das organizações
• Otimizar os meios de produção no
processo de trabalho
ETAPAS DO PLANEJAMENTO
• Programação
- definição de prioridades
• Critérios políticos
• Critérios técnicos
• Critérios administrativos
- elementos da programação
• Objetivos
• Estratégias
• Atividades
• Metas
• Recursos
• Indicadores
ETAPAS DO PLANEJAMENTO
• Execução
- Orientar
- Dirigir
- Coordenar
- Controlar
ETAPAS DO PLANEJAMENTO
• Avaliação
- Estrutura
• Recursos
• Distribuição
• Utilização
- Processo
• Tecnologia
• Funcionamento
• Qualidade
- Resultados
• Indicadores
• índice de satisfação
MÉTODO DE ALTADIR
OU
ÁRVORE DE OBJETIVOS
Ajuda a definir os objetivos de um projeto e fornece um
meio de ordená-los em uma estrutura hierárquica
Passos para sua execução
1. Brainstorm
2. Seleção dos problemas
3. Ordenação por ordem de prioridade dos problemas
(árvore dos problemas)
4. Descrição dos problemas
NÍVEIS DE PLANEJAMENTO
• Nível estratégico
• Nível tático
• Nível operacional
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
• Técnica administrativa que, através da análise
do ambiente de uma organização, cria a
consciência das suas oportunidades e
ameaças dos seus pontos fortes e fracos para
o cumprimento de sua missão e, através desta
consciência, estabelece o propósito de direção
que a organização deverá seguir para
aproveitar oportunidades e evitar riscos
PLANEJAMENTO TÁTICO
• Planejamento de curto prazo,
predominantemente quantitativo, abrangendo
decisões administrativas e operações e visando
à eficiência da organização.
• É no planejamento tático que são explicitados
os objetivos e estratégias, ex. da Produção,
Marketing Pessoal, Finanças, etc.
PLANEJAMENTO OPERACIONAL
• Pode ser considerada como uma formalização,
principalmente através de documentos escritos,
das metodologias desenvolvidas e
implementações estabelecidas.
Vivemos um mundo de mudanças:
O mundo está
mudando....
Globalização
Avanço da
Tecnologia
Novo conceito
de cidadania
Diversidade
O mundo do
trabalho está
mudando....
Companhias
estão crescendo
Geração Y
O trabalhador
do
conhecimento
As
organizações
estão
mudando....
Resignificada
Reconstruída
Transformada
Aprendizado
contínuo
1980 1990 2010
Tradicional Estratégico
• Operacional
• Quantitativo
• Policiamento
• Curto Prazo
• Administrativo
Função
• Foco interno
• Reativo
• Atividade
• Estratégico
• Qualitativo
• Parceria
• Longo prazo
• Consultivo
• Negócio
• Foco externo
• Preventivo
• Solução
Fases do planejamento
tudo o que influencia nos
negócios a organização não pode
alterar
papel que a organização
desempenha – utilidade,
é a razão de ser da empresa
aspectos concretos que a
organização deverá alcançar para
seguir a estratégia estabelecida
valores definidos dos objetivos
ao longo do tempo
Missão:
Ambiente:
Objetivos:
Metas:
OBJETIVOS
COMPARTILHADOS
MISSÃO
(Quem somos nós)
NEGÓCIOS DA
EMPRESA
ANÁLISE
EXTERNA
(OPORTUNIDADE
E AMEAÇAS)
ANÁLISE DA
SITUAÇÃO
(ONDE ESTAMOS
HOJE?)
ANÁLISE
INTERNA
(FORÇAS E
FRAQUEZAS)
VISÃO DO
FUTURO
(O QUE
QUEREM SER)
METAS,
OBJETIVOS,
ESTRATÉGIAS,
TÁTICAS
(COMO ALCANÇA-LOS)
Porque o Planejamento
Estratégico é Importante:
• Envolve diversas instâncias de poder e funcionários
num desejo de alcançar metas em comum.
• As informações mais importantes relacionadas ao
desempenho da companhia são compartilhadas por
todos de forma transparente.
• Lideres e liderados são co-responsáveis pelos planos
e ações que levarão a empresa ao futuro para planejar
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Agir no presente para construção do futuro
O QUE
PORQUE
QUANDO
QUEM
ONDE
COMO
ARQUITETURA
ORGANIZACIONAL
ORGANIZAÇÃO
NORMATIVA
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Estruturas
Pesadas
SOLUÇÕES
SIMPLES
Há planejamento?
As pessoas estão treinadas?
Os objetivos a serem alcançados foram discutidos,
são consistentes?
Os métodos utilizados são adequados?
A gerência é participativa?
MODELO DE GESTÃO ESTRATÉGICA
flea
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
“ SABER AONDE SE VAI ”
“SABER COM QUEM SE VAI”
Fonte: Peters, T. HSM Management . Entrevista. 2005, Nº48: Jan-Fev, p.116 – 122.
O importante é saber quem são as pessoas que estão
com você, compartilham sua paixão e determinação, com
flexibilidade mental para se adaptar sempre que necessário.
ESTRATÉGIA
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Estratégia Direção
Com estratégias
Ações sem
alinhamento
Sem estratégias
Ações com
alinhamento
O que é Estratégia?
MISSÃO
• Razão de ser da empresa
• Deve ser clara e conhecida por
todos os seus colaboradores
Cuidar da Saúde da Mulher e todos aqueles
que ela cuida e ama, a partir da Nutrição,
atendendo as suas necessidades nas mais
diversas fases e momentos, alimentando,
educando e contribuindo para o alcance de
uma qualidade de vida cada vez melhor.
MISSÃO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
VISÃO
MISSÃO
• O que a Instituição quer ser
• Onde quer chegar (Sonho)
• É sempre desafiadora
VISÃO
É o quadro claro que define o
futuro, tendo o poder de motivar e
inspirar
Ser referência internacional em
Saúde da Mulher
VISÃO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
VISÃO
VALORES
MISSÃO
• Pilares (Moral) que sustentam
as ações da Instituição
VALORES
Aquilo que fundamenta nossa
conduta
Ética
Qualidade
Transparência
Respeito
Comprometimento
União
Responsabilidade
VALORES
VISÃO
PLANEJAMENTO
ESTRATÉGICO
VALORES
MISSÃO
• Caminho a ser seguido pela Instituição
• Conjuntura econômica
• Variáveis políticas,
legais e sociais,
• Variáveis tecnológicas
culturais e geográficas
ANÁLISE
AMBIENTE EXTERNO AMBIENTE INTERNO
• Sistema de liderança
• Clientes e sociedade
• Gestão de processos
• Gestão de pessoas
OPORTUNIDADES
AMEAÇAS
FORÇAS
FRAQUEZAS
ALCANÇAR A VISÃO ESTRATÉGICA
STRENGTHENS
WEAKNESSES
OPPORTUNITIES
THREATENS
FORÇAS
OPORTUNIDADES
FRAQUEZAS
AMEAÇAS
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
ANÁLISE
Ambiente Externo Ameaças
• Mercado Nacional e Internacional;
• Concorrentes;
• Fornecedores;
• Política salarial defasada em relação ao mercado;
• Competitividade do Mercado;
• Evolução Tecnológica;
• Falta de autonomia na gestão de recursos humanos;
• Dificuldade de Mão de Obra.
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Ambiente Externo Oportunidades
• Novas tecnologias
• Participar em Eventos Científicos;
• Abertura do mercado estrangeiro;
• Desenvolver projetos científicos junto aos órgãos financiadores;
• Produtos substitutivos;
• Desenvolver novos produtos a partir das necessidades do mercado;
• Oferecer cursos de capacitação e desenvolvimento à sociedade.
ANÁLISE
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Ambiente Interno Pontos Fracos
• Idade média alta dos funcionários;
• Custos elevados;
• Necessidade de modernização da apresentação dos produtos;
• Necessidade de informatização e automação da produção e controle de
qualidade;
• Ampliação do sistema informatizado;
• Auto índice de absenteísmo;
• Dificuldade de Comunicação;
ANÁLISE
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Ambiente Interno Pontos Fortes
• Criatividade da equipe;
• Comprometimento da Equipe de colaboradores;
• Desenvolvimento de Produtos em parceria com a sociedade;
• Marca reconhecida;
• Capacitação e habilidades;
• Reconhecimento no mercado.
ANÁLISE
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
DIRETRIZES
ORIENTAÇÕES QUE A INSTITUIÇÃO DEVE
SEGUIR PARA PODER TRANSFORMAR AS
AMEAÇAS EM FATORES DE OPORTUNIDADES.
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Objetivo Estratégico
Conjunto de resultados desejados
quantitativos e ou qualitativos que a
empresa precisa alcançar .
Funcionalmente os objetivos precisam
ser transformados em metas, que são
fragmentos de um objetivo
METAS
SÃO DESAFIOS QUANTIFICADOS E
FIXADOS NO TEMPO.
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
WHAT O que fazer
WHY Por que fazer
WHERE Onde fazer
WHEN Quando fazer
WHO Com quem fazer
HOW Como fazer
HOW MUCH Quanto custa fazer
Elaboração da Ficha Técnica : Desdobramento do Plano de Ação
•Utilizar método 5W2H;
•Preencher a ficha padrão conforme modelo;
•Monitorar por meio de cronograma de reuniões.
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
INDICADOR
“COMO VOCÊ SABE SE ESTÁ
FAZENDO UM BOM
TRABALHO”.
( Deming )
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
 VIABILIZA O MONITORAMENTO DAS
ATIVIDADES NA BUSCA DA MELHORIA
CONTÍNUA DA QUALIDADE.
 PERMITE O ESTABELECIMENTO DE PADRÕES,
POSSIBILITANDO COMPARAÇÕES COM
REFERÊNCIAS.
INDICADORES - UTILIZAÇÃO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
INDICADORES DE
DESEMPENHO
Relação matemática que
mede, numericamente
RESULTADOS
PROCESSOS
Comparar com metas numéricas
pré-estabelecidas.
Alguns Indicadores
Reclamações de clientes
Relacionamento
Vendas
Geração de Caixa
Fidelidade
Satisfação
Alguns Indicadores Internos
Produtividade
Desperdício
Eficiência Operacional
Qualidade de Planejamento
Participação
Área física
Equipamentos
Insumos
Recursos Humanos
ESTRUTURA
PROCESSO
RESULTADO
O que se espera alcançar
Impacto ocasionado
Avaliação dos indicadores
Atividades desenvolvidas
Monitoramento por
indicadores
DIAGNÓSTICO SITUACIONAL
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Trabalho
em
Equipe
Tomada de decisão
Informação
Conhecimento
Vivência
Várias cabeças sempre pensam melhor do que uma.
Quando isto não acontece é porque elas não estão
trabalhando em equipe.
Trabalho em Equipe
E Fazer Tudo Com ...

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Planejamento Estratégico 2017.ppt

Gestão de Pessoas_Slides.pdf
Gestão de Pessoas_Slides.pdfGestão de Pessoas_Slides.pdf
Gestão de Pessoas_Slides.pdfCassiaMarques13
 
Aula 05 planejamento e estrategia
Aula 05   planejamento e estrategiaAula 05   planejamento e estrategia
Aula 05 planejamento e estrategiaKatia Gomide
 
Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)
Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)
Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)André Bernard
 
Pensamento estratégico e geração de vantagem competitiva
Pensamento estratégico e geração de vantagem competitivaPensamento estratégico e geração de vantagem competitiva
Pensamento estratégico e geração de vantagem competitivaBruno Oliveira
 
Ascensão e queda do planejamento estratégico
Ascensão e queda do planejamento estratégicoAscensão e queda do planejamento estratégico
Ascensão e queda do planejamento estratégicoVALDIR CONCEICAO
 
Gestao do Conhecimento - Praticas de Gestao
Gestao do Conhecimento - Praticas de GestaoGestao do Conhecimento - Praticas de Gestao
Gestao do Conhecimento - Praticas de GestaoKenneth Corrêa
 
GestãO Do Conhecimento Palestra
GestãO Do Conhecimento   PalestraGestãO Do Conhecimento   Palestra
GestãO Do Conhecimento Palestraguest131b4b
 
GestãO Do Conhecimento Palestra
GestãO Do Conhecimento   PalestraGestãO Do Conhecimento   Palestra
GestãO Do Conhecimento Palestraguest131b4b
 
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico DígitroSeminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico DígitroAndrei Cavalheiro
 
Karen Lowhany - Planejamento de Marketing
Karen Lowhany  - Planejamento de Marketing Karen Lowhany  - Planejamento de Marketing
Karen Lowhany - Planejamento de Marketing Karen Costa
 
Engenharia Organizacional
Engenharia OrganizacionalEngenharia Organizacional
Engenharia OrganizacionalLeonardo Pinto
 
Palestra Adriana Torres
Palestra Adriana TorresPalestra Adriana Torres
Palestra Adriana Torresquintadigital
 

Semelhante a Planejamento Estratégico 2017.ppt (20)

Gestão de Pessoas_Slides.pdf
Gestão de Pessoas_Slides.pdfGestão de Pessoas_Slides.pdf
Gestão de Pessoas_Slides.pdf
 
Planejamento Estratégico
Planejamento EstratégicoPlanejamento Estratégico
Planejamento Estratégico
 
Aula 05 planejamento e estrategia
Aula 05   planejamento e estrategiaAula 05   planejamento e estrategia
Aula 05 planejamento e estrategia
 
Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)
Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)
Programa de Gestão do Conhecimento Organizacional (Workshop)
 
Gestão estratégica do conhecimento
Gestão estratégica do conhecimentoGestão estratégica do conhecimento
Gestão estratégica do conhecimento
 
Governança de TI - Aula04 - Planejamento Estratégico, Governança de TI e alin...
Governança de TI - Aula04 - Planejamento Estratégico, Governança de TI e alin...Governança de TI - Aula04 - Planejamento Estratégico, Governança de TI e alin...
Governança de TI - Aula04 - Planejamento Estratégico, Governança de TI e alin...
 
3m organiz --
3m organiz --3m organiz --
3m organiz --
 
Fgbsc
FgbscFgbsc
Fgbsc
 
Pensamento estratégico e geração de vantagem competitiva
Pensamento estratégico e geração de vantagem competitivaPensamento estratégico e geração de vantagem competitiva
Pensamento estratégico e geração de vantagem competitiva
 
Ascensão e queda do planejamento estratégico
Ascensão e queda do planejamento estratégicoAscensão e queda do planejamento estratégico
Ascensão e queda do planejamento estratégico
 
Rumos ebook 02_estrategias
Rumos ebook 02_estrategiasRumos ebook 02_estrategias
Rumos ebook 02_estrategias
 
Gestao do Conhecimento - Praticas de Gestao
Gestao do Conhecimento - Praticas de GestaoGestao do Conhecimento - Praticas de Gestao
Gestao do Conhecimento - Praticas de Gestao
 
GestãO Do Conhecimento Palestra
GestãO Do Conhecimento   PalestraGestãO Do Conhecimento   Palestra
GestãO Do Conhecimento Palestra
 
GestãO Do Conhecimento Palestra
GestãO Do Conhecimento   PalestraGestãO Do Conhecimento   Palestra
GestãO Do Conhecimento Palestra
 
Estratégia alvaro borges
Estratégia   alvaro borgesEstratégia   alvaro borges
Estratégia alvaro borges
 
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico DígitroSeminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
 
Karen Lowhany - Planejamento de Marketing
Karen Lowhany  - Planejamento de Marketing Karen Lowhany  - Planejamento de Marketing
Karen Lowhany - Planejamento de Marketing
 
Engenharia Organizacional
Engenharia OrganizacionalEngenharia Organizacional
Engenharia Organizacional
 
Estratégia para a competitivdade
Estratégia para a competitivdadeEstratégia para a competitivdade
Estratégia para a competitivdade
 
Palestra Adriana Torres
Palestra Adriana TorresPalestra Adriana Torres
Palestra Adriana Torres
 

Último

7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdfEMERSON EDUARDO RODRIGUES
 
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto EconomicoGLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto EconomicoGil Giardelli
 
Opções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdfOpções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdfReinerModro
 
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptxProfissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptxvaniapatriciapimente
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfddddddddddddddddddddddddddddddRenandantas16
 

Último (6)

7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
 
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto EconomicoGLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
 
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdfCRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
 
Opções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdfOpções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdf
 
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptxProfissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
 

Planejamento Estratégico 2017.ppt

  • 1. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Por :Vitória Kedy Cornetta Profa: Ana Carolina Peixoto Medeiros
  • 2.
  • 3. Situação atual ------------------ Situação ideal Situação possível
  • 4. PLANEJAMENTO • O que o planejamento não é - Um plano - Tarefa dos “Planejadores” - Não existe A Teoria ou O Método - Uma mera declaração de intenções
  • 5. PLANEJAMENTO • O que o planejamento deve ser - Um instrumento de gestão que promova o desenvolvimento institucional - Uma atitude permanente da organização e do administrador - Um processo aglutinador dos atores envolvidos nos resultados
  • 6. O QUE É PLANEJAR • Processo contínuo de tomada de decisões • Conhecimento de seu efeito futuro • Organização sistemática do esforço para efetivá-las • Medir os resultados face às expectativas • Através de sistema organizado de retroalimentação Peter DRUCKER
  • 7. OBJETIVOS DO PLANEJAMENTO • Facilitar a tomada de decisões • Distribuir com racionalidade os recursos • Ampliar a margem de eficiência e eficácia • Estimar necessidades futuras (tendências) • Garantir eqüidade na oferta de serviços • Contribuir com a melhoria da situação de saúde da população • Atender as reais necessidades da população
  • 8. APLICABILIDADE DO PLANEJAMENTO - O planejamento como prática social transformadora • Determinação de novas relações sociais alternativas à lógica do mercado - O planejamento como instrumento de ação governamental • Produção de políticas - O planejamento como instrumento do processo de gestão das organizações • Otimizar os meios de produção no processo de trabalho
  • 9. ETAPAS DO PLANEJAMENTO • Programação - definição de prioridades • Critérios políticos • Critérios técnicos • Critérios administrativos - elementos da programação • Objetivos • Estratégias • Atividades • Metas • Recursos • Indicadores
  • 10. ETAPAS DO PLANEJAMENTO • Execução - Orientar - Dirigir - Coordenar - Controlar
  • 11. ETAPAS DO PLANEJAMENTO • Avaliação - Estrutura • Recursos • Distribuição • Utilização - Processo • Tecnologia • Funcionamento • Qualidade - Resultados • Indicadores • índice de satisfação
  • 12. MÉTODO DE ALTADIR OU ÁRVORE DE OBJETIVOS Ajuda a definir os objetivos de um projeto e fornece um meio de ordená-los em uma estrutura hierárquica Passos para sua execução 1. Brainstorm 2. Seleção dos problemas 3. Ordenação por ordem de prioridade dos problemas (árvore dos problemas) 4. Descrição dos problemas
  • 13. NÍVEIS DE PLANEJAMENTO • Nível estratégico • Nível tático • Nível operacional
  • 14. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO • Técnica administrativa que, através da análise do ambiente de uma organização, cria a consciência das suas oportunidades e ameaças dos seus pontos fortes e fracos para o cumprimento de sua missão e, através desta consciência, estabelece o propósito de direção que a organização deverá seguir para aproveitar oportunidades e evitar riscos
  • 15. PLANEJAMENTO TÁTICO • Planejamento de curto prazo, predominantemente quantitativo, abrangendo decisões administrativas e operações e visando à eficiência da organização. • É no planejamento tático que são explicitados os objetivos e estratégias, ex. da Produção, Marketing Pessoal, Finanças, etc.
  • 16. PLANEJAMENTO OPERACIONAL • Pode ser considerada como uma formalização, principalmente através de documentos escritos, das metodologias desenvolvidas e implementações estabelecidas.
  • 17. Vivemos um mundo de mudanças: O mundo está mudando.... Globalização Avanço da Tecnologia Novo conceito de cidadania Diversidade O mundo do trabalho está mudando.... Companhias estão crescendo Geração Y O trabalhador do conhecimento As organizações estão mudando.... Resignificada Reconstruída Transformada Aprendizado contínuo
  • 18. 1980 1990 2010 Tradicional Estratégico • Operacional • Quantitativo • Policiamento • Curto Prazo • Administrativo Função • Foco interno • Reativo • Atividade • Estratégico • Qualitativo • Parceria • Longo prazo • Consultivo • Negócio • Foco externo • Preventivo • Solução Fases do planejamento
  • 19. tudo o que influencia nos negócios a organização não pode alterar papel que a organização desempenha – utilidade, é a razão de ser da empresa aspectos concretos que a organização deverá alcançar para seguir a estratégia estabelecida valores definidos dos objetivos ao longo do tempo Missão: Ambiente: Objetivos: Metas:
  • 20. OBJETIVOS COMPARTILHADOS MISSÃO (Quem somos nós) NEGÓCIOS DA EMPRESA ANÁLISE EXTERNA (OPORTUNIDADE E AMEAÇAS) ANÁLISE DA SITUAÇÃO (ONDE ESTAMOS HOJE?) ANÁLISE INTERNA (FORÇAS E FRAQUEZAS) VISÃO DO FUTURO (O QUE QUEREM SER) METAS, OBJETIVOS, ESTRATÉGIAS, TÁTICAS (COMO ALCANÇA-LOS)
  • 21. Porque o Planejamento Estratégico é Importante: • Envolve diversas instâncias de poder e funcionários num desejo de alcançar metas em comum. • As informações mais importantes relacionadas ao desempenho da companhia são compartilhadas por todos de forma transparente. • Lideres e liderados são co-responsáveis pelos planos e ações que levarão a empresa ao futuro para planejar
  • 23. Agir no presente para construção do futuro
  • 25. Estruturas Pesadas SOLUÇÕES SIMPLES Há planejamento? As pessoas estão treinadas? Os objetivos a serem alcançados foram discutidos, são consistentes? Os métodos utilizados são adequados? A gerência é participativa? MODELO DE GESTÃO ESTRATÉGICA flea PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 26. “ SABER AONDE SE VAI ” “SABER COM QUEM SE VAI” Fonte: Peters, T. HSM Management . Entrevista. 2005, Nº48: Jan-Fev, p.116 – 122. O importante é saber quem são as pessoas que estão com você, compartilham sua paixão e determinação, com flexibilidade mental para se adaptar sempre que necessário. ESTRATÉGIA PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 27. Estratégia Direção Com estratégias Ações sem alinhamento Sem estratégias Ações com alinhamento O que é Estratégia?
  • 28.
  • 29. MISSÃO • Razão de ser da empresa • Deve ser clara e conhecida por todos os seus colaboradores
  • 30. Cuidar da Saúde da Mulher e todos aqueles que ela cuida e ama, a partir da Nutrição, atendendo as suas necessidades nas mais diversas fases e momentos, alimentando, educando e contribuindo para o alcance de uma qualidade de vida cada vez melhor. MISSÃO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 31. VISÃO MISSÃO • O que a Instituição quer ser • Onde quer chegar (Sonho) • É sempre desafiadora
  • 32. VISÃO É o quadro claro que define o futuro, tendo o poder de motivar e inspirar
  • 33. Ser referência internacional em Saúde da Mulher VISÃO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 34. VISÃO VALORES MISSÃO • Pilares (Moral) que sustentam as ações da Instituição
  • 38. • Conjuntura econômica • Variáveis políticas, legais e sociais, • Variáveis tecnológicas culturais e geográficas ANÁLISE AMBIENTE EXTERNO AMBIENTE INTERNO • Sistema de liderança • Clientes e sociedade • Gestão de processos • Gestão de pessoas OPORTUNIDADES AMEAÇAS FORÇAS FRAQUEZAS ALCANÇAR A VISÃO ESTRATÉGICA STRENGTHENS WEAKNESSES OPPORTUNITIES THREATENS FORÇAS OPORTUNIDADES FRAQUEZAS AMEAÇAS PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 39. ANÁLISE Ambiente Externo Ameaças • Mercado Nacional e Internacional; • Concorrentes; • Fornecedores; • Política salarial defasada em relação ao mercado; • Competitividade do Mercado; • Evolução Tecnológica; • Falta de autonomia na gestão de recursos humanos; • Dificuldade de Mão de Obra. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 40. Ambiente Externo Oportunidades • Novas tecnologias • Participar em Eventos Científicos; • Abertura do mercado estrangeiro; • Desenvolver projetos científicos junto aos órgãos financiadores; • Produtos substitutivos; • Desenvolver novos produtos a partir das necessidades do mercado; • Oferecer cursos de capacitação e desenvolvimento à sociedade. ANÁLISE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 41. Ambiente Interno Pontos Fracos • Idade média alta dos funcionários; • Custos elevados; • Necessidade de modernização da apresentação dos produtos; • Necessidade de informatização e automação da produção e controle de qualidade; • Ampliação do sistema informatizado; • Auto índice de absenteísmo; • Dificuldade de Comunicação; ANÁLISE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 42. Ambiente Interno Pontos Fortes • Criatividade da equipe; • Comprometimento da Equipe de colaboradores; • Desenvolvimento de Produtos em parceria com a sociedade; • Marca reconhecida; • Capacitação e habilidades; • Reconhecimento no mercado. ANÁLISE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 43. DIRETRIZES ORIENTAÇÕES QUE A INSTITUIÇÃO DEVE SEGUIR PARA PODER TRANSFORMAR AS AMEAÇAS EM FATORES DE OPORTUNIDADES. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 44. Objetivo Estratégico Conjunto de resultados desejados quantitativos e ou qualitativos que a empresa precisa alcançar . Funcionalmente os objetivos precisam ser transformados em metas, que são fragmentos de um objetivo
  • 45. METAS SÃO DESAFIOS QUANTIFICADOS E FIXADOS NO TEMPO. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 46. WHAT O que fazer WHY Por que fazer WHERE Onde fazer WHEN Quando fazer WHO Com quem fazer HOW Como fazer HOW MUCH Quanto custa fazer Elaboração da Ficha Técnica : Desdobramento do Plano de Ação •Utilizar método 5W2H; •Preencher a ficha padrão conforme modelo; •Monitorar por meio de cronograma de reuniões. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 47.
  • 48. INDICADOR “COMO VOCÊ SABE SE ESTÁ FAZENDO UM BOM TRABALHO”. ( Deming ) PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 49.  VIABILIZA O MONITORAMENTO DAS ATIVIDADES NA BUSCA DA MELHORIA CONTÍNUA DA QUALIDADE.  PERMITE O ESTABELECIMENTO DE PADRÕES, POSSIBILITANDO COMPARAÇÕES COM REFERÊNCIAS. INDICADORES - UTILIZAÇÃO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 50. INDICADORES DE DESEMPENHO Relação matemática que mede, numericamente RESULTADOS PROCESSOS Comparar com metas numéricas pré-estabelecidas.
  • 51. Alguns Indicadores Reclamações de clientes Relacionamento Vendas Geração de Caixa Fidelidade Satisfação
  • 52. Alguns Indicadores Internos Produtividade Desperdício Eficiência Operacional Qualidade de Planejamento Participação
  • 53. Área física Equipamentos Insumos Recursos Humanos ESTRUTURA PROCESSO RESULTADO O que se espera alcançar Impacto ocasionado Avaliação dos indicadores Atividades desenvolvidas Monitoramento por indicadores DIAGNÓSTICO SITUACIONAL PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
  • 56. Várias cabeças sempre pensam melhor do que uma. Quando isto não acontece é porque elas não estão trabalhando em equipe. Trabalho em Equipe
  • 57.
  • 58. E Fazer Tudo Com ...