SlideShare uma empresa Scribd logo
1
NORMA BRASILEIRA DE CONTABILIDADE, NBC PP 02, DE 21 DE OUTUBRO DE 2016
Aprova a NBC PP 02 que dispõe sobre o
exame de qualificação técnica para perito
contábil.
O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições
legais e regimentais e com fundamento no disposto na alínea “f” do Art. 6º do Decreto-Lei n.º
9.295/1946, alterado pela Lei n.º 12.249/2010, faz saber que foi aprovada em seu Plenário a
seguinte Norma Brasileira de Contabilidade (NBC):
NBC PP 02 – EXAME DE QUALIFICAÇÃO TÉCNICA PARA PERITO CONTÁBIL
Sumário Item
Conceituação e objetivos 1 – 3
Administração 4 – 7
Estrutura, controle e aplicação 8
Forma e conteúdo das provas 9 – 12
Aprovação e periodicidade 13 – 14
Certidão de aprovação 15
Recursos 16
Impedimentos: preparação de candidatos e participação 17 – 19
Divulgação 20
Banco de questões 21
Disposições finais 22
Vigência
Conceituação e objetivos
1. O Exame de Qualificação Técnica (EQT) para perito contábil tem por objetivo aferir o nível
de conhecimento e a competência técnico-profissional necessários ao contador que pretende
atuar na atividade de perícia contábil.
2. O EQT para perito contábil será implementado pela aplicação de prova escrita, conforme
definido nesta norma.
3. A aprovação na prova de Qualificação Técnica para perito contábil assegura ao contador o
registro no Cadastro Nacional de Peritos Contábeis (CNPC) do Conselho Federal de
Contabilidade (CFC).
Administração
2
4. O EQT para perito contábil é administrado pela Comissão Administradora de Exame (CAE)
formada por membros que sejam contadores, com experiência em Perícia Contábil, indicados
pelo CFC.
5. Os membros da CAE, entre eles o coordenador, são nomeados pelo presidente do CFC, pelo
período de 2 (dois) anos, podendo ser reconduzidos.
6. A CAE deve se reunir, no mínimo, duas vezes ao ano, em data, hora e local definidos pelo seu
coordenador, sujeita à autorização do presidente do CFC.
7. São atribuições da CAE:
(a) estabelecer as condições, o formato e o conteúdo do EQT que será realizado;
(b) dirimir dúvidas a respeito do EQT para perito contábil e resolver situações não previstas
nesta norma, submetendo-as à Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional;
(c) zelar pela confidencialidade do Exame, pelos seus resultados e por outras informações
relacionadas;
(d) emitir relatório após a conclusão de cada Exame, a ser encaminhado para a Vice-
Presidência de Desenvolvimento Profissional, contendo, no mínimo: relação dos
inscritos, relação dos aprovados e notas obtidas por cada participante; e
(e) decidir, em primeira instância administrativa, sobre os recursos apresentados pelos
candidatos ao EQT.
Estrutura, controle e aplicação
8. Cabe à Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional, em conjunto com a CAE:
(a) elaborar o edital, administrar e coordenar a aplicação do Exame (EQT) em todas as suas
etapas;
(b) emitir e publicar, no Diário Oficial da União, relatório contendo o nome e o registro no
CRC dos candidatos aprovados no EQT para perito contábil, até 75 (setenta e cinco) dias
após a sua realização; e
(c) encaminhar ao plenário os assuntos que dependam da sua deliberação e/ou aprovação.
Forma e conteúdo das provas
9. A prova será escrita, contemplando questões para respostas objetivas e questões para
respostas dissertativas.
10. A prova será aplicada nas Unidades da Federação em que existirem inscritos, em locais a
serem divulgados pelo CFC e pelos Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs).
11. Na prova de Qualificação Técnica Geral para perito contábil, são exigidos conhecimentos do
contador nas seguintes áreas:
(a) Legislação Profissional;
(b) Ética Profissional;
(c) Normas Brasileiras de Contabilidade, Técnicas e Profissionais, editadas pelo Conselho
Federal de Contabilidade, inerentes à perícia;
(d) Legislação Processual Civil aplicada à perícia; e
3
(e) Língua Portuguesa e Redação;
(f) Direito Constitucional, Civil e Processual Civil afetos à legislação profissional, à prova
pericial e ao perito.
12. O CFC, por intermédio da Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional, deve
providenciar a divulgação em seu portal na internet dos conteúdos programáticos que serão
exigidos na prova, com a antecedência mínima de 60 (sessenta) dias em relação à data da
aplicação da prova.
Aprovação e periodicidade
13. O candidato será aprovado se obtiver, no mínimo, 60% (sessenta por cento) dos pontos das
questões objetivas e 60% (sessenta por cento) dos pontos das questões dissertativas previstos
na prova.
14. A prova deve ser aplicada, pelo menos, uma vez por ano, em data e hora fixadas no edital.
Certidão de aprovação
15. O CFC disponibilizará, em seu portal na internet, a Certidão de Aprovação no Exame aos
candidatos aprovados, a partir da data de publicação do resultado final no Diário Oficial da
União, que terá validade de um ano.
Recursos
16. O candidato inscrito no Exame pode interpor recurso sobre o teor das provas e/ou sobre o
resultado final publicado pelo CFC, sem efeito suspensivo, dentro dos prazos e instâncias
definidos em edital.
Impedimentos: preparação de candidatos e participação
17. O CFC e os CRCs, seus conselheiros efetivos e suplentes, seus funcionários, seus delegados,
seus representantes, os integrantes de suas Comissões e de Grupos de Trabalho de Perícia e os
integrantes da CAE não podem oferecer ou apoiar, a qualquer título, cursos preparatórios para
os candidatos ao EQT para perito contábil ou deles participar, a qualquer título ou função,
exceto na condição de aluno.
18. Os membros efetivos da CAE não podem se submeter ao EQT para perito contábil de que trata
esta norma, no período em que estiverem nessa condição.
19. O descumprimento do disposto no item anterior caracteriza infração de natureza ética,
sujeitando-se o infrator às penalidades previstas no Código de Ética Profissional do Contador.
Divulgação
20. O CFC desenvolverá campanha no sentido de esclarecer e divulgar o EQT para perito contábil,
com a colaboração dos CRCs nas suas jurisdições.
Banco de questões
21. A CAE pode solicitar, por intermédio da Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional, a
entidades de renomado conhecimento técnico, sugestões de questões para a composição do
4
banco de questões a ser utilizado para a elaboração das provas para o EQT para perito
contábil.
Disposições finais
22. O CFC adotará as providências necessárias ao atendimento do disposto na presente norma,
competindo ao seu Plenário interpretá-la quando se fizer necessário.
Vigência
Esta norma entra em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 1º de
janeiro de 2017.
Brasília, 21 de outubro de 2016.
Contador José Martonio Alves Coelho
Presidente
Ata CFC n.º 1.023.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Livro cartilha pericia_contabil
Livro cartilha pericia_contabilLivro cartilha pericia_contabil
Livro cartilha pericia_contabil
Monalliza88
 
Livro pericia
Livro periciaLivro pericia
Livro pericia
Jefté Holanda
 
Pericia contábil modulo - 1
Pericia contábil   modulo - 1Pericia contábil   modulo - 1
Pericia contábil modulo - 1
Junior Tusta
 
Perícia Judicial Contábil
Perícia Judicial ContábilPerícia Judicial Contábil
Perícia Judicial Contábil
Caroline Knoth
 
2021 - Impugnação de honorários periciais
2021 - Impugnação de honorários periciais2021 - Impugnação de honorários periciais
2021 - Impugnação de honorários periciais
Consultor JRSantana
 
Ed 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_final
Ed 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_finalEd 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_final
Ed 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_final
ag2013
 
Laudo pericial modelo
Laudo pericial modeloLaudo pericial modelo
Laudo pericial modelo
Paulo H Bueno
 
Tce rn servidor_2015
Tce rn servidor_2015Tce rn servidor_2015
Tce rn servidor_2015
Fillipe Rodrigues
 
Edital do Concurso da PGE-PE
Edital do Concurso da PGE-PEEdital do Concurso da PGE-PE
Edital do Concurso da PGE-PE
blogdoelvis
 
Qualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de Direito
Qualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de DireitoQualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de Direito
Qualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de Direito
Marta Chaves
 
Edital concurso Cade
Edital concurso CadeEdital concurso Cade
Edital concurso Cade
Concurso Virtual
 
edital tre CE
edital tre CEedital tre CE
edital tre CE
Giuliano Rolim
 
Laudo insalubridade pref santana livramento
Laudo insalubridade pref santana livramentoLaudo insalubridade pref santana livramento
Laudo insalubridade pref santana livramento
Paulo H Bueno
 
Simulados OAB
Simulados OABSimulados OAB
Simulados OAB
Ricardo Torques
 
Edital 2004 tce pe_final
Edital 2004 tce pe_finalEdital 2004 tce pe_final
Edital 2004 tce pe_final
Cristiano Felix da Costa
 
Aula 23.08
Aula 23.08Aula 23.08
Aula 23.08
ANDERSON RIBEIRO
 
Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015
Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015
Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015
SindPFA - Sindicato Nacional dos Peritos Federais Agrários
 
Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015
Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015
Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015
SindPFA - Sindicato Nacional dos Peritos Federais Agrários
 
Edital concurso TRE-PA 2013
Edital concurso TRE-PA 2013Edital concurso TRE-PA 2013
Edital concurso TRE-PA 2013
Concurso Virtual
 
Edital Camara dos Deputados 2014
Edital Camara dos Deputados 2014Edital Camara dos Deputados 2014
Edital Camara dos Deputados 2014
Concurso Virtual
 

Mais procurados (20)

Livro cartilha pericia_contabil
Livro cartilha pericia_contabilLivro cartilha pericia_contabil
Livro cartilha pericia_contabil
 
Livro pericia
Livro periciaLivro pericia
Livro pericia
 
Pericia contábil modulo - 1
Pericia contábil   modulo - 1Pericia contábil   modulo - 1
Pericia contábil modulo - 1
 
Perícia Judicial Contábil
Perícia Judicial ContábilPerícia Judicial Contábil
Perícia Judicial Contábil
 
2021 - Impugnação de honorários periciais
2021 - Impugnação de honorários periciais2021 - Impugnação de honorários periciais
2021 - Impugnação de honorários periciais
 
Ed 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_final
Ed 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_finalEd 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_final
Ed 1 2008_trt_1_a_regiao_abt_final
 
Laudo pericial modelo
Laudo pericial modeloLaudo pericial modelo
Laudo pericial modelo
 
Tce rn servidor_2015
Tce rn servidor_2015Tce rn servidor_2015
Tce rn servidor_2015
 
Edital do Concurso da PGE-PE
Edital do Concurso da PGE-PEEdital do Concurso da PGE-PE
Edital do Concurso da PGE-PE
 
Qualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de Direito
Qualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de DireitoQualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de Direito
Qualifica CFC 2017.2 Estácio - Noções de Direito
 
Edital concurso Cade
Edital concurso CadeEdital concurso Cade
Edital concurso Cade
 
edital tre CE
edital tre CEedital tre CE
edital tre CE
 
Laudo insalubridade pref santana livramento
Laudo insalubridade pref santana livramentoLaudo insalubridade pref santana livramento
Laudo insalubridade pref santana livramento
 
Simulados OAB
Simulados OABSimulados OAB
Simulados OAB
 
Edital 2004 tce pe_final
Edital 2004 tce pe_finalEdital 2004 tce pe_final
Edital 2004 tce pe_final
 
Aula 23.08
Aula 23.08Aula 23.08
Aula 23.08
 
Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015
Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015
Petição Incra Processo 2004.34.00.047090-0 - 22/1/2015
 
Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015
Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015
Petição SindPFA Processo 2004.34.00.047090-0 - 29/4/2015
 
Edital concurso TRE-PA 2013
Edital concurso TRE-PA 2013Edital concurso TRE-PA 2013
Edital concurso TRE-PA 2013
 
Edital Camara dos Deputados 2014
Edital Camara dos Deputados 2014Edital Camara dos Deputados 2014
Edital Camara dos Deputados 2014
 

Semelhante a Nbcpp02 - Perícia Contábil

NBC TSP 02
NBC TSP 02NBC TSP 02
NBC TSP 02
CRC-PI
 
RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011
RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011
RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011
Claudio Parra
 
MINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBAN
MINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBANMINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBAN
MINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBAN
Giana Araujo
 
Edital Assembleia Legislativa MS
Edital Assembleia Legislativa MSEdital Assembleia Legislativa MS
Edital Assembleia Legislativa MS
Estratégia Concursos
 
Crefono 9
Crefono 9Crefono 9
Regulamento para Eleicao do Director
Regulamento para Eleicao do DirectorRegulamento para Eleicao do Director
Regulamento para Eleicao do Director
nuno.jose.duarte
 
1 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_1
1 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_11 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_1
1 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_1
Jornal Tudorondonia
 
Concurso Público CRF/SP
Concurso Público CRF/SPConcurso Público CRF/SP
Concurso Público CRF/SP
Luciano T. Lima
 
Concurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TI
Concurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TIConcurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TI
Concurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TI
Marcelo Gaspar BLACK BELT, CISA, CGEIT
 
Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013
Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013
Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013
ConcursosPrevistos
 
Cro ac edital
Cro ac editalCro ac edital
Cro ac edital
Jornal Tudorondonia
 
Cress ro
Cress roCress ro
Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)
Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)
Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)
Jornal Tudorondonia
 
Livro principios normas_v1
Livro principios normas_v1Livro principios normas_v1
Livro principios normas_v1
Tarcísio Picaglia
 
Concurso cgu 2012 edital-de-abertura
Concurso cgu 2012   edital-de-aberturaConcurso cgu 2012   edital-de-abertura
Concurso cgu 2012 edital-de-abertura
adson232
 
Edital concurso conselho federal de administração
Edital concurso conselho federal de administraçãoEdital concurso conselho federal de administração
Edital concurso conselho federal de administração
Portal NE10
 
Edital mp pb
Edital mp pbEdital mp pb
Edital mp pb
Concurso Virtual
 
Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado
Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado
Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado
Marcelo Gaspar BLACK BELT, CISA, CGEIT
 
Nbc tsp01 pág 505
Nbc tsp01 pág 505Nbc tsp01 pág 505
Nbc tsp01 pág 505
CRC-PI
 
Edital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DF
Edital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DFEdital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DF
Edital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DF
João Lopes Junior
 

Semelhante a Nbcpp02 - Perícia Contábil (20)

NBC TSP 02
NBC TSP 02NBC TSP 02
NBC TSP 02
 
RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011
RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011
RESOLUÇÃO CFC N.º 1.373/2011
 
MINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBAN
MINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBANMINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBAN
MINUTA REGIMENTO INTERNO DO CBAN
 
Edital Assembleia Legislativa MS
Edital Assembleia Legislativa MSEdital Assembleia Legislativa MS
Edital Assembleia Legislativa MS
 
Crefono 9
Crefono 9Crefono 9
Crefono 9
 
Regulamento para Eleicao do Director
Regulamento para Eleicao do DirectorRegulamento para Eleicao do Director
Regulamento para Eleicao do Director
 
1 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_1
1 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_11 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_1
1 crmv ro-concurso_publico_2021_edital_1
 
Concurso Público CRF/SP
Concurso Público CRF/SPConcurso Público CRF/SP
Concurso Público CRF/SP
 
Concurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TI
Concurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TIConcurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TI
Concurso no Conselho Federal de Administração com vagas de TI
 
Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013
Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013
Concurso conselho regional de contabilidade do amapá 2013
 
Cro ac edital
Cro ac editalCro ac edital
Cro ac edital
 
Cress ro
Cress roCress ro
Cress ro
 
Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)
Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)
Cress ro concurso-publico_2019_edital_1 (1)
 
Livro principios normas_v1
Livro principios normas_v1Livro principios normas_v1
Livro principios normas_v1
 
Concurso cgu 2012 edital-de-abertura
Concurso cgu 2012   edital-de-aberturaConcurso cgu 2012   edital-de-abertura
Concurso cgu 2012 edital-de-abertura
 
Edital concurso conselho federal de administração
Edital concurso conselho federal de administraçãoEdital concurso conselho federal de administração
Edital concurso conselho federal de administração
 
Edital mp pb
Edital mp pbEdital mp pb
Edital mp pb
 
Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado
Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado
Mppbd115 edital de_abertura_final_publicado
 
Nbc tsp01 pág 505
Nbc tsp01 pág 505Nbc tsp01 pág 505
Nbc tsp01 pág 505
 
Edital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DF
Edital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DFEdital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DF
Edital Final técnico legislativo da câmara legislativa do DF
 

Mais de Souza Neto

Projeto de Pesquisa - TCC I
Projeto de Pesquisa  - TCC IProjeto de Pesquisa  - TCC I
Projeto de Pesquisa - TCC I
Souza Neto
 
Manual TCC UVA 2019 - TCC 1
Manual TCC UVA 2019 - TCC 1Manual TCC UVA 2019 - TCC 1
Manual TCC UVA 2019 - TCC 1
Souza Neto
 
Cronograma da disciplina - TCC
Cronograma da disciplina - TCCCronograma da disciplina - TCC
Cronograma da disciplina - TCC
Souza Neto
 
Aula 2 - TCC
Aula 2 - TCCAula 2 - TCC
Aula 2 - TCC
Souza Neto
 
Aula 1 - TCC
Aula 1 -  TCCAula 1 -  TCC
Aula 1 - TCC
Souza Neto
 
Atividade 1 - Societária
Atividade 1 - Societária Atividade 1 - Societária
Atividade 1 - Societária
Souza Neto
 
Cpc00
Cpc00Cpc00
Cpc00
Souza Neto
 
Cpc 10
Cpc 10Cpc 10
Cpc 10
Souza Neto
 
Cpc 08
Cpc 08Cpc 08
Cpc 08
Souza Neto
 
Exemplo 1 - Societária
Exemplo 1 - Societária Exemplo 1 - Societária
Exemplo 1 - Societária
Souza Neto
 
Aula 1 - Contabilidade Societária
Aula 1 - Contabilidade Societária Aula 1 - Contabilidade Societária
Aula 1 - Contabilidade Societária
Souza Neto
 
Aula 1 - Introdução à Economia
Aula 1 - Introdução à Economia Aula 1 - Introdução à Economia
Aula 1 - Introdução à Economia
Souza Neto
 

Mais de Souza Neto (12)

Projeto de Pesquisa - TCC I
Projeto de Pesquisa  - TCC IProjeto de Pesquisa  - TCC I
Projeto de Pesquisa - TCC I
 
Manual TCC UVA 2019 - TCC 1
Manual TCC UVA 2019 - TCC 1Manual TCC UVA 2019 - TCC 1
Manual TCC UVA 2019 - TCC 1
 
Cronograma da disciplina - TCC
Cronograma da disciplina - TCCCronograma da disciplina - TCC
Cronograma da disciplina - TCC
 
Aula 2 - TCC
Aula 2 - TCCAula 2 - TCC
Aula 2 - TCC
 
Aula 1 - TCC
Aula 1 -  TCCAula 1 -  TCC
Aula 1 - TCC
 
Atividade 1 - Societária
Atividade 1 - Societária Atividade 1 - Societária
Atividade 1 - Societária
 
Cpc00
Cpc00Cpc00
Cpc00
 
Cpc 10
Cpc 10Cpc 10
Cpc 10
 
Cpc 08
Cpc 08Cpc 08
Cpc 08
 
Exemplo 1 - Societária
Exemplo 1 - Societária Exemplo 1 - Societária
Exemplo 1 - Societária
 
Aula 1 - Contabilidade Societária
Aula 1 - Contabilidade Societária Aula 1 - Contabilidade Societária
Aula 1 - Contabilidade Societária
 
Aula 1 - Introdução à Economia
Aula 1 - Introdução à Economia Aula 1 - Introdução à Economia
Aula 1 - Introdução à Economia
 

Último

formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 

Nbcpp02 - Perícia Contábil

  • 1. 1 NORMA BRASILEIRA DE CONTABILIDADE, NBC PP 02, DE 21 DE OUTUBRO DE 2016 Aprova a NBC PP 02 que dispõe sobre o exame de qualificação técnica para perito contábil. O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais e com fundamento no disposto na alínea “f” do Art. 6º do Decreto-Lei n.º 9.295/1946, alterado pela Lei n.º 12.249/2010, faz saber que foi aprovada em seu Plenário a seguinte Norma Brasileira de Contabilidade (NBC): NBC PP 02 – EXAME DE QUALIFICAÇÃO TÉCNICA PARA PERITO CONTÁBIL Sumário Item Conceituação e objetivos 1 – 3 Administração 4 – 7 Estrutura, controle e aplicação 8 Forma e conteúdo das provas 9 – 12 Aprovação e periodicidade 13 – 14 Certidão de aprovação 15 Recursos 16 Impedimentos: preparação de candidatos e participação 17 – 19 Divulgação 20 Banco de questões 21 Disposições finais 22 Vigência Conceituação e objetivos 1. O Exame de Qualificação Técnica (EQT) para perito contábil tem por objetivo aferir o nível de conhecimento e a competência técnico-profissional necessários ao contador que pretende atuar na atividade de perícia contábil. 2. O EQT para perito contábil será implementado pela aplicação de prova escrita, conforme definido nesta norma. 3. A aprovação na prova de Qualificação Técnica para perito contábil assegura ao contador o registro no Cadastro Nacional de Peritos Contábeis (CNPC) do Conselho Federal de Contabilidade (CFC). Administração
  • 2. 2 4. O EQT para perito contábil é administrado pela Comissão Administradora de Exame (CAE) formada por membros que sejam contadores, com experiência em Perícia Contábil, indicados pelo CFC. 5. Os membros da CAE, entre eles o coordenador, são nomeados pelo presidente do CFC, pelo período de 2 (dois) anos, podendo ser reconduzidos. 6. A CAE deve se reunir, no mínimo, duas vezes ao ano, em data, hora e local definidos pelo seu coordenador, sujeita à autorização do presidente do CFC. 7. São atribuições da CAE: (a) estabelecer as condições, o formato e o conteúdo do EQT que será realizado; (b) dirimir dúvidas a respeito do EQT para perito contábil e resolver situações não previstas nesta norma, submetendo-as à Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional; (c) zelar pela confidencialidade do Exame, pelos seus resultados e por outras informações relacionadas; (d) emitir relatório após a conclusão de cada Exame, a ser encaminhado para a Vice- Presidência de Desenvolvimento Profissional, contendo, no mínimo: relação dos inscritos, relação dos aprovados e notas obtidas por cada participante; e (e) decidir, em primeira instância administrativa, sobre os recursos apresentados pelos candidatos ao EQT. Estrutura, controle e aplicação 8. Cabe à Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional, em conjunto com a CAE: (a) elaborar o edital, administrar e coordenar a aplicação do Exame (EQT) em todas as suas etapas; (b) emitir e publicar, no Diário Oficial da União, relatório contendo o nome e o registro no CRC dos candidatos aprovados no EQT para perito contábil, até 75 (setenta e cinco) dias após a sua realização; e (c) encaminhar ao plenário os assuntos que dependam da sua deliberação e/ou aprovação. Forma e conteúdo das provas 9. A prova será escrita, contemplando questões para respostas objetivas e questões para respostas dissertativas. 10. A prova será aplicada nas Unidades da Federação em que existirem inscritos, em locais a serem divulgados pelo CFC e pelos Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs). 11. Na prova de Qualificação Técnica Geral para perito contábil, são exigidos conhecimentos do contador nas seguintes áreas: (a) Legislação Profissional; (b) Ética Profissional; (c) Normas Brasileiras de Contabilidade, Técnicas e Profissionais, editadas pelo Conselho Federal de Contabilidade, inerentes à perícia; (d) Legislação Processual Civil aplicada à perícia; e
  • 3. 3 (e) Língua Portuguesa e Redação; (f) Direito Constitucional, Civil e Processual Civil afetos à legislação profissional, à prova pericial e ao perito. 12. O CFC, por intermédio da Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional, deve providenciar a divulgação em seu portal na internet dos conteúdos programáticos que serão exigidos na prova, com a antecedência mínima de 60 (sessenta) dias em relação à data da aplicação da prova. Aprovação e periodicidade 13. O candidato será aprovado se obtiver, no mínimo, 60% (sessenta por cento) dos pontos das questões objetivas e 60% (sessenta por cento) dos pontos das questões dissertativas previstos na prova. 14. A prova deve ser aplicada, pelo menos, uma vez por ano, em data e hora fixadas no edital. Certidão de aprovação 15. O CFC disponibilizará, em seu portal na internet, a Certidão de Aprovação no Exame aos candidatos aprovados, a partir da data de publicação do resultado final no Diário Oficial da União, que terá validade de um ano. Recursos 16. O candidato inscrito no Exame pode interpor recurso sobre o teor das provas e/ou sobre o resultado final publicado pelo CFC, sem efeito suspensivo, dentro dos prazos e instâncias definidos em edital. Impedimentos: preparação de candidatos e participação 17. O CFC e os CRCs, seus conselheiros efetivos e suplentes, seus funcionários, seus delegados, seus representantes, os integrantes de suas Comissões e de Grupos de Trabalho de Perícia e os integrantes da CAE não podem oferecer ou apoiar, a qualquer título, cursos preparatórios para os candidatos ao EQT para perito contábil ou deles participar, a qualquer título ou função, exceto na condição de aluno. 18. Os membros efetivos da CAE não podem se submeter ao EQT para perito contábil de que trata esta norma, no período em que estiverem nessa condição. 19. O descumprimento do disposto no item anterior caracteriza infração de natureza ética, sujeitando-se o infrator às penalidades previstas no Código de Ética Profissional do Contador. Divulgação 20. O CFC desenvolverá campanha no sentido de esclarecer e divulgar o EQT para perito contábil, com a colaboração dos CRCs nas suas jurisdições. Banco de questões 21. A CAE pode solicitar, por intermédio da Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional, a entidades de renomado conhecimento técnico, sugestões de questões para a composição do
  • 4. 4 banco de questões a ser utilizado para a elaboração das provas para o EQT para perito contábil. Disposições finais 22. O CFC adotará as providências necessárias ao atendimento do disposto na presente norma, competindo ao seu Plenário interpretá-la quando se fizer necessário. Vigência Esta norma entra em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 1º de janeiro de 2017. Brasília, 21 de outubro de 2016. Contador José Martonio Alves Coelho Presidente Ata CFC n.º 1.023.