SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
TEXTODO DIA
“ Porque há um só Deus e um só mediador entre
Deus e os homens, Jesus Cristo homem” (1 Tm 2.5 ).
SÍNTESE
Jesus Cristo é o Filho de Deus, que foi enviado
ao mundo para salvar a humanidade de seus
pecados. Ele foi morto, ressuscitou e um dia
voltará para buscar a sua igreja.
COMPREENDER como se deu a
concepção de Jesus e seu nascimento
virginal.
RECONHECER a importância da obra
salvífica de Jesus.
CONHECER e refutar algumas heresias a
respeito da natureza de Jesus.
OBJETIVOS DA LIÇÃO:
I – A CONCEPÇÃO DO FILHO DE DEUS E SEU
NASCIMENTO VIRGINAL (Is 7.14; Mt 1.18-22)
Isaías profetizou 700 anos antes de Cristo: “Portanto, o mesmo Senhor vos dará
um sinal: eis que uma virgem conceberá e dará à luz um filho, e será o seu nome
Emanuel.” Is 7.14
Mateus 1.18.22 e Lucas 1 e 2 confirmam o cumprimento da profecia:
 Maria era virgem (Lc 1.26,27);
 Maria indagou, pois sabia que não era este o meio natural (Lc 1.34);
O anjo informa que a concepção era milagrosa (Lc 1.35,37; Mt 1.18);
 Maria entendeu a explicação que era isso milagre (Lc 1.38);
 José desejou deixar Maria, pois sabia que a gravidez não poderia ser de forma
diferente da natural, até que foi isntruído divinamente acerca do milagre (Mt 1.19-
21, 24);
 Após o nascimento de Jesus, José e Maria tiveram uma vida de casados e tiveram
mais filhos (Mt 12,46,47; 13.55,56).
1. O nascimento de
Jesus
Jesus era de fato Deus? O que Ele dizia de si? O que os escritores bíblicos
registraram (sabendo que eram judeus, devotos a Yahweh e que
dificilmente aceitariam a ideia de alguém afirmar ser Deus)?
2. Jesus Cristo é Deus.
 Jesus afirmou ser maior que o templo (Mt 12.6);
 Jesus afirmou se Senhor do sábado (Mt 12.8); só quem instituiu o
sábado pode dele ser Senhor.
 Jesus afirma conhecer a história de Israel há muito e que noutras
ocasiões já quis ajuntá-los (Mt 23.37);
 Jesus perdoou pecados (Mc 2.5, 10) e só Deus perdoa pecados;
 Jesus diz que é Juiz e capaz de negar a entrada nos céus ao homem (Mt
7.21-23);
 Jesus declarou que suas palavras eram base sólida para o homem
edificar (Mt 7.24-27);
 Jesus usou a mesma expressão que Deus, EU SOU, para dizer que Ele
[Cristo] existe antes de Abraão (Jo 8.58);
 Jesusa conhecia seu futuro de morte de cruz (Mc 10.33,34).
Muitas outras referências dão conta da divindade de Jesus..
II – A OBRA SALVÍFICA DE JESUS CRISTO (1 Jo
1.41; 10.10; Lc 19.10)
Jesus fez inúmeros milagres e demonstrou ter poder:
sobre a os peixes do mar (Lc 5.4-6);
sobre as doenças (Lc 7.11-16; 8.49-56)
sobre a morte (Mc 5.35-43;
sobre os demônios (Mc 5.1-13);
sobre a natureza (Mc 4.35-41);
sobre as leis naturais (Mc 6.46-52)
“Todos os milagres realizados por
Jesus tinham como objetivo
levar o povo a crer e ser salvo.”
1. Jesus fez obras prodigiosas
O próprio Jesus disse durante seu ministério que morreria e ressuscitaria
(Mc 10.33,34); João disse que Ele era o cordeiro de Deus que tira o pecado
do mundo (Jo 1.29), ou seja, seria imolado pelo mundo.
2. Jesus morreu e ressuscitou por
nossos pecados.
Porque Cristo, quando nós ainda éramos fracos, morreu
a seu tempo pelos ímpios. Rm 5.6
Mas Deus prova o seu amor para conosco pelo fato de
Cristo ter morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.
(v.8)
“Porque, se nós, quando inimigos, fomos reconciliados
com Deus mediante a morte o seu Filho, mito mais,
estando já reconciliados seremos salvos pela sua vida;”
(v.11)
Testificaram a ressurreição de JESUS:
Maria Madalena (Jo 20.10-18);
Maria Madalena e outra Maria (Mt 28.1-10);
Pedro (1Co 15.5) e João (Jo 20.1-10);
Dois discípulos (Lc 24.13-35);
Dez apóstolos (Lc 24.36-49; Jo 20.19-23);
Onze apóstolos (Jo 20.24-31);
Todos os apóstolos (Mt 28.16-20; Mc 16.14-18);
Quinhentos irmãos (1Co 15.6);
Tiago (1Co 15.7);
Todos os apóstolos (At 1.4-8).
O que levou os
discípulos de
Jesus a uma
transformação
tão repentina? O
que poderia ter
acontecido a eles
que os levassem a
doar a vida pela
causa de Cristo?
Somente a
ressurreição de
Jesus e Sua
aparição!
Podemos afirmar que só Jesus salva?
Não seria deselegante da nossa parte dizer que só nós estamos certos
acerca da salvação e do caminho para encontrar a Deus?
Não podemos concordar com a afirmação que todos os caminhos levam
a Deus?
3. Só Jesus Cristo salva
Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida. Ninguém vem ao
Pai senão por mim” Jo 14.6
“Porque há um só Deus e um só Mediador entre Deus e o ser humano,
Cristo Jesus, homem.” I Tm 2.5
Devemos concordar que só Jesus salva; só Ele reconcilia, pelo Seu
sangure, o homem com Deus. Embora alguns julguem que o cristianismo
erra ao ser excluvisista, pela Palavra de Deus afirmarmos que HÁ SÓ UM
CAMINHO para Deus, para céu, consequentemente, também afirmarmos
que todos os outros NÃO LEVAM a Deus.
III – HERESIAS A RESPEITO DA NATUREZA DE
JESUS CRISTO
1. Jesus se casou e teve filhos
Não há qualquer base sólida para afirmar que
Jesus tenha casado e tido filhos.
Tal possibilidade não foi exposta por nenhum dos
Evangelhos; nem pelas epístolas paulinas ou
qualquer outro livro da Bíblia. Ainda, os pais da
igreja também não registraram tal circunstância.
Sendo assim, não há evidência alguma de que
Jesus tenha se casado e tido filhos.
Já defendemos que JESUS afirmava ser Deus e demonstrou que o era.
Portanto, não há como não reconhecer que as Escrituras apresentam-
no como DEUS, muito mais quem mestre moral.
A seguir, veja as predições sobrenaturais acerca de Jesus e seu
cumprimento, o que cala qualquer contestador sobre Sua natureza
divina.
2. Jesus não foi apenas um grande
mestre moral?
1- Nascido de mulher (Gn 3.15; c.f Gl 4.4);
2- Nascido de uma virgem ( Is 7.14; Mt 1.21);
3- da descendência de Abraão (Gn 12.1-3; cf. Mt. 1.1
e Gl. 3.16);
4- da tribo de Judá ( Gn 49.10; cf. Lc. 3.23,24);
5- da casa de Davi ( 2 Sm 7.12 ss; cf. Mt. 1.1);
6- nascido em Belém (Mq 5.2; cf. Mt 2.1 e Lc 2);
7- ungido pelo Espírito (Is 11.2; cf Mt 3.16,17);
8- precedido por mensageiro (Is 40.3 e Ml 3.1; cf.
Mt. 3.1,2);
9- realizador de milagres (Is 35.5,6; cf. Mt9.35);
10- purificador do templo ( Ml 3.1-3; cf. Mt 21.12);
11- rejeitado pelos judeus ( Sl 118.22; cf. I Pe 2.7);
PREDIÇÕES SOBRENATURAIS ACERCA DE CRISTO
a) A rejeição pelo seu povo (Is 53.3; cf Jo 1.10.11);
b) O silêncio diante dos acusadores (Is 53.7; cf. Mt 7.12-19);
c) O escárnio por parte de pessoas (Sl 22);
d) A perfuração das suas mãos e pés (Sl 22.16; cf Lc 23.33);
e) A crucificação junto com pecadores (Is 53.12; cf. Mc
15.27,28);
f) A oração pelos seus perseguidores (Is 53.12; cf Lc 23.24);
g) A perfuração na lateral de seu abdômen (Zc 12.10; cf Jo
19.34)
h) O sepultamento em túmulo de um rico (Is 53.9; cf Mt
227.57);
i) O lançamento de sorte sobre suas vestes (Sl 22.18; cf Lc
23.24 e Jo 19.23,24);
j) Ressuscitado dentre os mortos (Sl 2.7; 16.10; cf. At
2.31 e Mc 16.6)
k) Ascenderia aos céus (Sl 69.18; cf. At 1.9);
l) Sentaria á direita de Deus (Sl 110.1; cf Hb 1.3);
PREDIÇÕES SOBRE SUA MORTE HUMILHANTE
Já no primeiro século da igreja, os cristãos lidavam com a heresia que
colocava em questão a humanidade de Jesus:
“Amados, não deis crédito a qualquer espírito; antes, provai os espíritos
se procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo
mundo fora.
Nisto reconheceis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que
Jesus Cristo veio em carne é de Deus; e todo espírito que não confessa a
Jesus não procede de Deus; pelo contrário, este é o espírito do anticristo,
a respeito do qual tendes ouvido que vem e, presentemente, já está no
mundo.” 1 Jo 4.1-3
3. Jesus foi mesmo um homem?
O docetismo, por exemplo, afirmava que o sofrimento e morte de Jesus foram
aparentes. Tal pensamento é contrário à Bíblia e deve ser repudiado com força.
Jesus Cristo como homem:
 Jesus Cristo homem (1 Tm 2.5);
teve uma profissão secular: era carpinteiro (Mt
13.55);
 pagou o tributo exigido por Roma (Mt 17.24-27);
 foi batizado por João Batista (Mt 3.13-17);
 sentiu sono e dormiu (Mt 8.23-26);
 comeu e bebeu (Mc 2.16);
 foi agredido fisicamente (Mc 14.65);
 foi crucificado (Mc 15.25).
A Bíblia afirma que Jesus veio em carne e padeceu
até a morte e morte de Cruz.
Autor Quando foi
escrito
Cópia mais
antiga
Intervalo de
tempo
Nº de cópias
Platão
(tetralogia)
427- 347 a.C. 900 d.C. 1200 anos 7
César 100-44 a.C 900 d.C 1000 anos 10
Sófocles 496- 406 a.C. 1000 d.C. 1400 anos 193
Demóstenes 383-322 a.C. 1100 d.C. 1300 anos 200 (todos a
partir de uma
cópia)
Aristóteles 384-322 a.C. 1100 d.C. 1400 anos 49 (de cada obra)
Homero (Hilíada) 900 a.C. 400 a.C. 500 anos 643
Novo Testamento 40-100 d.C 125 d.C. 25 anos = ou- 24.000
A CONFIABILIDADE DO NOVO TESTAMENTO:
O NOVO TESTAMENTO E OUTRAS LITERATURAS
(extraído de “Respostas Convincentes - o melhor de Josh McDoweel)
O que deve
fazer o jovem
cristão diante
do atual
mundo que
levanta
acusações
contra a
pessoa de
Jesus Cristo?
A Bíblia
precisa de
defensores?
Devo orar,
consagrar-me,
ler a Bíblia...
algo mais?
“Antes, santificai ao SENHOR Deus em vossos corações; e estai sempre
preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos
pedira razãoda esperançaquehá emvós,”1 Pe3.15
“Amados, procurando eu escrever-vos com toda a diligência acerca da
salvação comum, tive por necessidade escrever-vos, e exortar-vos a
batalharpelafé queumavezfoidadaaossantos.”Jd 3
DICAS DE LEITURA:
HORADA REVISÃO
1) Jesus foi gerado no ventre de Maria, porém foi concebido por quem?
2) Jesus tinha consciência de sua natureza divina?
3) O que comprovam os milgares de Jesus?
4) Quais eram os propósitos dos milagres?
5) Você crê na divindade e humanidade de Jesus?
Conclusão
Jesus Cristo disse que era o Filho de Deus e
demonstrou sua natureza com sabedoria e poder.
Ele entregou sua vida na cruz por nossos
pecados, mas não foi retido pela morte, como os
demais mortais. Ele ressuscitou e está assentado
à destra de Deus, e um dia virá nos buscar para
que vivamos com Ele na eternidade.
Escola Bíblica Dominical da Assembleia de
Deus Central em Araguari-MG
Acesse: www.adca.org.br
www.joaopaulo-mendes.blogspost.com
Lição 02 Eu Creio em Deus Filho- jovens - CPAD 2015

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do SalvadorÉder Tomé
 
Alianças e Dispensações - NEP.ppt
Alianças e Dispensações - NEP.pptAlianças e Dispensações - NEP.ppt
Alianças e Dispensações - NEP.pptCarlosAzevedo109
 
Livreto: Na contramão do verdadeiro Evangelho
Livreto: Na contramão do verdadeiro EvangelhoLivreto: Na contramão do verdadeiro Evangelho
Livreto: Na contramão do verdadeiro EvangelhoDaniela Sipert
 
Alianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptx
Alianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptxAlianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptx
Alianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptxCarlosAzevedo109
 
Lição 5 - Evidências Externas da Veracidade da Bíblia
Lição 5 - Evidências Externas da Veracidade da BíbliaLição 5 - Evidências Externas da Veracidade da Bíblia
Lição 5 - Evidências Externas da Veracidade da BíbliaÉder Tomé
 
Alianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptx
Alianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptxAlianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptx
Alianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptxCarlosAzevedo109
 
Lição 3 - O Ministério de Jesus
Lição 3 - O Ministério de JesusLição 3 - O Ministério de Jesus
Lição 3 - O Ministério de JesusÉder Tomé
 
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do SalvadorI.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
Lição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de Jesus
Lição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de JesusLição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de Jesus
Lição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de JesusÉder Tomé
 
Lição 4 - O que Cristo Fez por Nós
Lição 4 - O que Cristo Fez por NósLição 4 - O que Cristo Fez por Nós
Lição 4 - O que Cristo Fez por NósÉder Tomé
 
O oficio sacerdotal de cristo
O oficio sacerdotal de cristoO oficio sacerdotal de cristo
O oficio sacerdotal de cristodimas campos
 
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoLição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoErberson Pinheiro
 
Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.
Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.
Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.Éder Tomé
 
A necessidade do novo nascimento
A necessidade do novo nascimentoA necessidade do novo nascimento
A necessidade do novo nascimentoHamilton Souza
 
A Necessidade do Novo Nascimento.
A Necessidade do Novo Nascimento.A Necessidade do Novo Nascimento.
A Necessidade do Novo Nascimento.Márcio Martins
 
Lição 6 - Deus, o autor de missões
Lição 6 - Deus, o autor de missõesLição 6 - Deus, o autor de missões
Lição 6 - Deus, o autor de missõesErberson Pinheiro
 
Aconselhamento Cristão.pptx
Aconselhamento Cristão.pptxAconselhamento Cristão.pptx
Aconselhamento Cristão.pptxCarlosAzevedo109
 

Mais procurados (20)

Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
 
Alianças e Dispensações - NEP.ppt
Alianças e Dispensações - NEP.pptAlianças e Dispensações - NEP.ppt
Alianças e Dispensações - NEP.ppt
 
Livreto: Na contramão do verdadeiro Evangelho
Livreto: Na contramão do verdadeiro EvangelhoLivreto: Na contramão do verdadeiro Evangelho
Livreto: Na contramão do verdadeiro Evangelho
 
A NATUREZA HUMANA DE CRISTO
A NATUREZA HUMANA DE CRISTOA NATUREZA HUMANA DE CRISTO
A NATUREZA HUMANA DE CRISTO
 
Alianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptx
Alianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptxAlianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptx
Alianças e Dispensações - Ourilândia - Atual.pptx
 
Lição 5 - Evidências Externas da Veracidade da Bíblia
Lição 5 - Evidências Externas da Veracidade da BíbliaLição 5 - Evidências Externas da Veracidade da Bíblia
Lição 5 - Evidências Externas da Veracidade da Bíblia
 
03 A Condicao Humana De Jesus
03 A Condicao Humana De Jesus03 A Condicao Humana De Jesus
03 A Condicao Humana De Jesus
 
Alianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptx
Alianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptxAlianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptx
Alianças e Dispensações - 1.ª aula (2).pptx
 
Lição 3 - O Ministério de Jesus
Lição 3 - O Ministério de JesusLição 3 - O Ministério de Jesus
Lição 3 - O Ministério de Jesus
 
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
 
Lição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de Jesus
Lição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de JesusLição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de Jesus
Lição 12 - O testemunho dos evangelhos sobre a existência de Jesus
 
Lição 4 - O que Cristo Fez por Nós
Lição 4 - O que Cristo Fez por NósLição 4 - O que Cristo Fez por Nós
Lição 4 - O que Cristo Fez por Nós
 
O oficio sacerdotal de cristo
O oficio sacerdotal de cristoO oficio sacerdotal de cristo
O oficio sacerdotal de cristo
 
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoLição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
 
Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.
Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.
Lição 3 - Usando as lentes da fé e dos propósitos de Deus.
 
A necessidade do novo nascimento
A necessidade do novo nascimentoA necessidade do novo nascimento
A necessidade do novo nascimento
 
A Necessidade do Novo Nascimento.
A Necessidade do Novo Nascimento.A Necessidade do Novo Nascimento.
A Necessidade do Novo Nascimento.
 
Lição 6 - Deus, o autor de missões
Lição 6 - Deus, o autor de missõesLição 6 - Deus, o autor de missões
Lição 6 - Deus, o autor de missões
 
Lição 2 Hebreus
Lição 2   HebreusLição 2   Hebreus
Lição 2 Hebreus
 
Aconselhamento Cristão.pptx
Aconselhamento Cristão.pptxAconselhamento Cristão.pptx
Aconselhamento Cristão.pptx
 

Destaque

Lição 08 Educação Cristã, Responsabilidade dos Pais
Lição 08   Educação Cristã, Responsabilidade dos PaisLição 08   Educação Cristã, Responsabilidade dos Pais
Lição 08 Educação Cristã, Responsabilidade dos PaisJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 10 A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
Lição 10   A Necessidade e a Urgência do Culto DomésticoLição 10   A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
Lição 10 A Necessidade e a Urgência do Culto DomésticoJoão Paulo Silva Mendes
 
O que posso fazer pela minha família?
O que posso fazer pela minha família?O que posso fazer pela minha família?
O que posso fazer pela minha família?profmoralebicc
 
Maria de magdala slide
Maria de magdala   slideMaria de magdala   slide
Maria de magdala slidebonattinho
 
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola DominicalEU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominicalyosseph2013
 
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaCulto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaIgreja Adventista do Sétimo Dia
 
A casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoarA casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoarAnita Oyaizu
 
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.pptHerbert de Carvalho
 
As Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do CaminhoAs Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do Caminhoguestb30c415
 
Slides palestra família
Slides palestra famíliaSlides palestra família
Slides palestra famíliaClarice-Borges
 

Destaque (19)

Lição 08 Educação Cristã, Responsabilidade dos Pais
Lição 08   Educação Cristã, Responsabilidade dos PaisLição 08   Educação Cristã, Responsabilidade dos Pais
Lição 08 Educação Cristã, Responsabilidade dos Pais
 
Lição 10 A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
Lição 10   A Necessidade e a Urgência do Culto DomésticoLição 10   A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
Lição 10 A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
 
O que posso fazer pela minha família?
O que posso fazer pela minha família?O que posso fazer pela minha família?
O que posso fazer pela minha família?
 
Familia e escola
Familia e escolaFamilia e escola
Familia e escola
 
Papel da família
Papel da famíliaPapel da família
Papel da família
 
Aula M1 (24/03/2011) - Deus e Jesus
Aula M1 (24/03/2011) - Deus e JesusAula M1 (24/03/2011) - Deus e Jesus
Aula M1 (24/03/2011) - Deus e Jesus
 
Maria de magdala slide
Maria de magdala   slideMaria de magdala   slide
Maria de magdala slide
 
JESUS É DEUS
JESUS É DEUSJESUS É DEUS
JESUS É DEUS
 
Eis que tudo se fez novo !
Eis que tudo  se fez novo !Eis que tudo  se fez novo !
Eis que tudo se fez novo !
 
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola DominicalEU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
 
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaCulto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
 
A casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoarA casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoar
 
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
 
JESUS FILHO DE DEUS
JESUS FILHO DE DEUSJESUS FILHO DE DEUS
JESUS FILHO DE DEUS
 
As Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do CaminhoAs Mulheres Da Casa Do Caminho
As Mulheres Da Casa Do Caminho
 
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIAA casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
 
Slides palestra família
Slides palestra famíliaSlides palestra família
Slides palestra família
 
Powerpoint grupo de louvor
Powerpoint grupo de louvorPowerpoint grupo de louvor
Powerpoint grupo de louvor
 
LIÇÃO 11 - VIVENDO DE FORMA MODERADA
LIÇÃO 11 - VIVENDO DE FORMA MODERADALIÇÃO 11 - VIVENDO DE FORMA MODERADA
LIÇÃO 11 - VIVENDO DE FORMA MODERADA
 

Semelhante a Lição 02 Eu Creio em Deus Filho- jovens - CPAD 2015

Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostasAirton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostasINOVAR CLUB
 
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2PIB Penha - SP
 
BÍBLIA KING JAMES
BÍBLIA KING JAMESBÍBLIA KING JAMES
BÍBLIA KING JAMESChevaliers
 
A Salvação e o Advento do Salvador.
A Salvação e o Advento do Salvador.A Salvação e o Advento do Salvador.
A Salvação e o Advento do Salvador.Márcio Martins
 
@Lição 05 cristo
@Lição 05   cristo@Lição 05   cristo
@Lição 05 cristoajcm3110
 
Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017
Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017
Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017Marcio de Medeiros
 
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráterLIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráterNatalino das Neves Neves
 
A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015
A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015
A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015Pr. Andre Luiz
 
Discipulado lição 3 - jesus cristo
Discipulado   lição 3 - jesus cristoDiscipulado   lição 3 - jesus cristo
Discipulado lição 3 - jesus cristoAlexandro Oliveira
 
45 apocalipse
45 apocalipse45 apocalipse
45 apocalipsePIB Penha
 
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptxCRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptxTiago Silva
 
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptxCRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptxTiago Silva
 
44 1, 2 e 3 joão
44  1, 2 e 3 joão44  1, 2 e 3 joão
44 1, 2 e 3 joãoPIB Penha
 
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editadoLição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editadoPr Neto
 

Semelhante a Lição 02 Eu Creio em Deus Filho- jovens - CPAD 2015 (20)

Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostasAirton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
 
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
 
BÍBLIA KING JAMES
BÍBLIA KING JAMESBÍBLIA KING JAMES
BÍBLIA KING JAMES
 
A Salvação e o Advento do Salvador.
A Salvação e o Advento do Salvador.A Salvação e o Advento do Salvador.
A Salvação e o Advento do Salvador.
 
@Lição 05 cristo
@Lição 05   cristo@Lição 05   cristo
@Lição 05 cristo
 
A obra da salvacao aula final
A obra da salvacao aula finalA obra da salvacao aula final
A obra da salvacao aula final
 
Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017
Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017
Lição 07 a necessidade do novo nasc.-13-08-2017
 
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráterLIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
 
A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015
A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015
A Ressurreição de Jesus - Lição 13 - 2º Trimestre de 2015
 
Discipulado lição 3 - jesus cristo
Discipulado   lição 3 - jesus cristoDiscipulado   lição 3 - jesus cristo
Discipulado lição 3 - jesus cristo
 
Lição 01
Lição 01Lição 01
Lição 01
 
45 apocalipse
45 apocalipse45 apocalipse
45 apocalipse
 
004 joao
004 joao004 joao
004 joao
 
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptxCRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
 
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptxCRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
CRISTOLOGIA_ DOUTRINA DE CRISTO (1).pptx
 
Jesus cristo
Jesus cristoJesus cristo
Jesus cristo
 
001 mateus
001 mateus001 mateus
001 mateus
 
Matheur
MatheurMatheur
Matheur
 
44 1, 2 e 3 joão
44  1, 2 e 3 joão44  1, 2 e 3 joão
44 1, 2 e 3 joão
 
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editadoLição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
 

Mais de João Paulo Silva Mendes

Lição 06 A abrangência universal da salvação
Lição 06   A abrangência universal da salvaçãoLição 06   A abrangência universal da salvação
Lição 06 A abrangência universal da salvaçãoJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 06 Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPAD
Lição 06  Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPADLição 06  Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPAD
Lição 06 Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPADJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 01 Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015
Lição 01  Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015Lição 01  Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015
Lição 01 Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015João Paulo Silva Mendes
 
Lição 12 Lança o Teu Pão Sobre as Águas
Lição 12  Lança o Teu Pão Sobre as ÁguasLição 12  Lança o Teu Pão Sobre as Águas
Lição 12 Lança o Teu Pão Sobre as ÁguasJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 12 A Reciprocidade do Amor Cristão
Lição 12   A Reciprocidade do Amor CristãoLição 12   A Reciprocidade do Amor Cristão
Lição 12 A Reciprocidade do Amor CristãoJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 05 As Virtudes dos Salvos em Cristo
Lição 05  As Virtudes dos Salvos em CristoLição 05  As Virtudes dos Salvos em Cristo
Lição 05 As Virtudes dos Salvos em CristoJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013João Paulo Silva Mendes
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professoresJoão Paulo Silva Mendes
 
Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013
Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013
Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013João Paulo Silva Mendes
 
Lição 05 Um Homem de Deus em Depressão.
Lição 05  Um Homem de Deus em Depressão.Lição 05  Um Homem de Deus em Depressão.
Lição 05 Um Homem de Deus em Depressão.João Paulo Silva Mendes
 

Mais de João Paulo Silva Mendes (15)

Lição 06 A abrangência universal da salvação
Lição 06   A abrangência universal da salvaçãoLição 06   A abrangência universal da salvação
Lição 06 A abrangência universal da salvação
 
Lição 06 Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPAD
Lição 06  Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPADLição 06  Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPAD
Lição 06 Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPAD
 
Lição 01 Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015
Lição 01  Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015Lição 01  Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015
Lição 01 Eu Creio em Deus Pai - jovens - CPAD 2015
 
Lição 13 Tema a Deus em Todo Tempo
Lição 13  Tema a Deus em Todo TempoLição 13  Tema a Deus em Todo Tempo
Lição 13 Tema a Deus em Todo Tempo
 
Lição 12 Lança o Teu Pão Sobre as Águas
Lição 12  Lança o Teu Pão Sobre as ÁguasLição 12  Lança o Teu Pão Sobre as Águas
Lição 12 Lança o Teu Pão Sobre as Águas
 
Lição 1 O Valor dos Bons Conselhos
Lição 1   O Valor dos Bons ConselhosLição 1   O Valor dos Bons Conselhos
Lição 1 O Valor dos Bons Conselhos
 
Lição 12 A Reciprocidade do Amor Cristão
Lição 12   A Reciprocidade do Amor CristãoLição 12   A Reciprocidade do Amor Cristão
Lição 12 A Reciprocidade do Amor Cristão
 
Lição 05 As Virtudes dos Salvos em Cristo
Lição 05  As Virtudes dos Salvos em CristoLição 05  As Virtudes dos Salvos em Cristo
Lição 05 As Virtudes dos Salvos em Cristo
 
Lição 01: Paulo e a Igreja em Filipos
Lição 01:  Paulo e a Igreja em FiliposLição 01:  Paulo e a Igreja em Filipos
Lição 01: Paulo e a Igreja em Filipos
 
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
 
Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013
Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013
Lição 02 O casamento bíblico- 2º Trimestre de 2.013
 
Lição 05 Um Homem de Deus em Depressão.
Lição 05  Um Homem de Deus em Depressão.Lição 05  Um Homem de Deus em Depressão.
Lição 05 Um Homem de Deus em Depressão.
 
Lição 04 Elias e os Profetas de Baal
Lição 04 Elias e os Profetas  de BaalLição 04 Elias e os Profetas  de Baal
Lição 04 Elias e os Profetas de Baal
 
Lição 03 a longa seca sobre israel
Lição 03  a longa seca sobre israelLição 03  a longa seca sobre israel
Lição 03 a longa seca sobre israel
 

Último

Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoNilson Almeida
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaRicardo Azevedo
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfStelaWilbert
 
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdfpdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdfnestorsouza36
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxViniciusPetersen1
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............MilyFonceca
 

Último (8)

Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
 
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdfpdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
 

Lição 02 Eu Creio em Deus Filho- jovens - CPAD 2015

  • 1.
  • 2. TEXTODO DIA “ Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem” (1 Tm 2.5 ).
  • 3. SÍNTESE Jesus Cristo é o Filho de Deus, que foi enviado ao mundo para salvar a humanidade de seus pecados. Ele foi morto, ressuscitou e um dia voltará para buscar a sua igreja.
  • 4. COMPREENDER como se deu a concepção de Jesus e seu nascimento virginal. RECONHECER a importância da obra salvífica de Jesus. CONHECER e refutar algumas heresias a respeito da natureza de Jesus. OBJETIVOS DA LIÇÃO:
  • 5.
  • 6. I – A CONCEPÇÃO DO FILHO DE DEUS E SEU NASCIMENTO VIRGINAL (Is 7.14; Mt 1.18-22) Isaías profetizou 700 anos antes de Cristo: “Portanto, o mesmo Senhor vos dará um sinal: eis que uma virgem conceberá e dará à luz um filho, e será o seu nome Emanuel.” Is 7.14 Mateus 1.18.22 e Lucas 1 e 2 confirmam o cumprimento da profecia:  Maria era virgem (Lc 1.26,27);  Maria indagou, pois sabia que não era este o meio natural (Lc 1.34); O anjo informa que a concepção era milagrosa (Lc 1.35,37; Mt 1.18);  Maria entendeu a explicação que era isso milagre (Lc 1.38);  José desejou deixar Maria, pois sabia que a gravidez não poderia ser de forma diferente da natural, até que foi isntruído divinamente acerca do milagre (Mt 1.19- 21, 24);  Após o nascimento de Jesus, José e Maria tiveram uma vida de casados e tiveram mais filhos (Mt 12,46,47; 13.55,56). 1. O nascimento de Jesus
  • 7. Jesus era de fato Deus? O que Ele dizia de si? O que os escritores bíblicos registraram (sabendo que eram judeus, devotos a Yahweh e que dificilmente aceitariam a ideia de alguém afirmar ser Deus)? 2. Jesus Cristo é Deus.  Jesus afirmou ser maior que o templo (Mt 12.6);  Jesus afirmou se Senhor do sábado (Mt 12.8); só quem instituiu o sábado pode dele ser Senhor.  Jesus afirma conhecer a história de Israel há muito e que noutras ocasiões já quis ajuntá-los (Mt 23.37);  Jesus perdoou pecados (Mc 2.5, 10) e só Deus perdoa pecados;  Jesus diz que é Juiz e capaz de negar a entrada nos céus ao homem (Mt 7.21-23);  Jesus declarou que suas palavras eram base sólida para o homem edificar (Mt 7.24-27);  Jesus usou a mesma expressão que Deus, EU SOU, para dizer que Ele [Cristo] existe antes de Abraão (Jo 8.58);  Jesusa conhecia seu futuro de morte de cruz (Mc 10.33,34). Muitas outras referências dão conta da divindade de Jesus..
  • 8. II – A OBRA SALVÍFICA DE JESUS CRISTO (1 Jo 1.41; 10.10; Lc 19.10) Jesus fez inúmeros milagres e demonstrou ter poder: sobre a os peixes do mar (Lc 5.4-6); sobre as doenças (Lc 7.11-16; 8.49-56) sobre a morte (Mc 5.35-43; sobre os demônios (Mc 5.1-13); sobre a natureza (Mc 4.35-41); sobre as leis naturais (Mc 6.46-52) “Todos os milagres realizados por Jesus tinham como objetivo levar o povo a crer e ser salvo.” 1. Jesus fez obras prodigiosas
  • 9. O próprio Jesus disse durante seu ministério que morreria e ressuscitaria (Mc 10.33,34); João disse que Ele era o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo (Jo 1.29), ou seja, seria imolado pelo mundo. 2. Jesus morreu e ressuscitou por nossos pecados. Porque Cristo, quando nós ainda éramos fracos, morreu a seu tempo pelos ímpios. Rm 5.6 Mas Deus prova o seu amor para conosco pelo fato de Cristo ter morrido por nós, sendo nós ainda pecadores. (v.8) “Porque, se nós, quando inimigos, fomos reconciliados com Deus mediante a morte o seu Filho, mito mais, estando já reconciliados seremos salvos pela sua vida;” (v.11)
  • 10. Testificaram a ressurreição de JESUS: Maria Madalena (Jo 20.10-18); Maria Madalena e outra Maria (Mt 28.1-10); Pedro (1Co 15.5) e João (Jo 20.1-10); Dois discípulos (Lc 24.13-35); Dez apóstolos (Lc 24.36-49; Jo 20.19-23); Onze apóstolos (Jo 20.24-31); Todos os apóstolos (Mt 28.16-20; Mc 16.14-18); Quinhentos irmãos (1Co 15.6); Tiago (1Co 15.7); Todos os apóstolos (At 1.4-8). O que levou os discípulos de Jesus a uma transformação tão repentina? O que poderia ter acontecido a eles que os levassem a doar a vida pela causa de Cristo? Somente a ressurreição de Jesus e Sua aparição!
  • 11. Podemos afirmar que só Jesus salva? Não seria deselegante da nossa parte dizer que só nós estamos certos acerca da salvação e do caminho para encontrar a Deus? Não podemos concordar com a afirmação que todos os caminhos levam a Deus? 3. Só Jesus Cristo salva Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim” Jo 14.6 “Porque há um só Deus e um só Mediador entre Deus e o ser humano, Cristo Jesus, homem.” I Tm 2.5 Devemos concordar que só Jesus salva; só Ele reconcilia, pelo Seu sangure, o homem com Deus. Embora alguns julguem que o cristianismo erra ao ser excluvisista, pela Palavra de Deus afirmarmos que HÁ SÓ UM CAMINHO para Deus, para céu, consequentemente, também afirmarmos que todos os outros NÃO LEVAM a Deus.
  • 12. III – HERESIAS A RESPEITO DA NATUREZA DE JESUS CRISTO 1. Jesus se casou e teve filhos Não há qualquer base sólida para afirmar que Jesus tenha casado e tido filhos. Tal possibilidade não foi exposta por nenhum dos Evangelhos; nem pelas epístolas paulinas ou qualquer outro livro da Bíblia. Ainda, os pais da igreja também não registraram tal circunstância. Sendo assim, não há evidência alguma de que Jesus tenha se casado e tido filhos.
  • 13. Já defendemos que JESUS afirmava ser Deus e demonstrou que o era. Portanto, não há como não reconhecer que as Escrituras apresentam- no como DEUS, muito mais quem mestre moral. A seguir, veja as predições sobrenaturais acerca de Jesus e seu cumprimento, o que cala qualquer contestador sobre Sua natureza divina. 2. Jesus não foi apenas um grande mestre moral?
  • 14. 1- Nascido de mulher (Gn 3.15; c.f Gl 4.4); 2- Nascido de uma virgem ( Is 7.14; Mt 1.21); 3- da descendência de Abraão (Gn 12.1-3; cf. Mt. 1.1 e Gl. 3.16); 4- da tribo de Judá ( Gn 49.10; cf. Lc. 3.23,24); 5- da casa de Davi ( 2 Sm 7.12 ss; cf. Mt. 1.1); 6- nascido em Belém (Mq 5.2; cf. Mt 2.1 e Lc 2); 7- ungido pelo Espírito (Is 11.2; cf Mt 3.16,17); 8- precedido por mensageiro (Is 40.3 e Ml 3.1; cf. Mt. 3.1,2); 9- realizador de milagres (Is 35.5,6; cf. Mt9.35); 10- purificador do templo ( Ml 3.1-3; cf. Mt 21.12); 11- rejeitado pelos judeus ( Sl 118.22; cf. I Pe 2.7); PREDIÇÕES SOBRENATURAIS ACERCA DE CRISTO
  • 15. a) A rejeição pelo seu povo (Is 53.3; cf Jo 1.10.11); b) O silêncio diante dos acusadores (Is 53.7; cf. Mt 7.12-19); c) O escárnio por parte de pessoas (Sl 22); d) A perfuração das suas mãos e pés (Sl 22.16; cf Lc 23.33); e) A crucificação junto com pecadores (Is 53.12; cf. Mc 15.27,28); f) A oração pelos seus perseguidores (Is 53.12; cf Lc 23.24); g) A perfuração na lateral de seu abdômen (Zc 12.10; cf Jo 19.34) h) O sepultamento em túmulo de um rico (Is 53.9; cf Mt 227.57); i) O lançamento de sorte sobre suas vestes (Sl 22.18; cf Lc 23.24 e Jo 19.23,24); j) Ressuscitado dentre os mortos (Sl 2.7; 16.10; cf. At 2.31 e Mc 16.6) k) Ascenderia aos céus (Sl 69.18; cf. At 1.9); l) Sentaria á direita de Deus (Sl 110.1; cf Hb 1.3); PREDIÇÕES SOBRE SUA MORTE HUMILHANTE
  • 16. Já no primeiro século da igreja, os cristãos lidavam com a heresia que colocava em questão a humanidade de Jesus: “Amados, não deis crédito a qualquer espírito; antes, provai os espíritos se procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo fora. Nisto reconheceis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus; e todo espírito que não confessa a Jesus não procede de Deus; pelo contrário, este é o espírito do anticristo, a respeito do qual tendes ouvido que vem e, presentemente, já está no mundo.” 1 Jo 4.1-3 3. Jesus foi mesmo um homem? O docetismo, por exemplo, afirmava que o sofrimento e morte de Jesus foram aparentes. Tal pensamento é contrário à Bíblia e deve ser repudiado com força.
  • 17. Jesus Cristo como homem:  Jesus Cristo homem (1 Tm 2.5); teve uma profissão secular: era carpinteiro (Mt 13.55);  pagou o tributo exigido por Roma (Mt 17.24-27);  foi batizado por João Batista (Mt 3.13-17);  sentiu sono e dormiu (Mt 8.23-26);  comeu e bebeu (Mc 2.16);  foi agredido fisicamente (Mc 14.65);  foi crucificado (Mc 15.25). A Bíblia afirma que Jesus veio em carne e padeceu até a morte e morte de Cruz.
  • 18. Autor Quando foi escrito Cópia mais antiga Intervalo de tempo Nº de cópias Platão (tetralogia) 427- 347 a.C. 900 d.C. 1200 anos 7 César 100-44 a.C 900 d.C 1000 anos 10 Sófocles 496- 406 a.C. 1000 d.C. 1400 anos 193 Demóstenes 383-322 a.C. 1100 d.C. 1300 anos 200 (todos a partir de uma cópia) Aristóteles 384-322 a.C. 1100 d.C. 1400 anos 49 (de cada obra) Homero (Hilíada) 900 a.C. 400 a.C. 500 anos 643 Novo Testamento 40-100 d.C 125 d.C. 25 anos = ou- 24.000 A CONFIABILIDADE DO NOVO TESTAMENTO: O NOVO TESTAMENTO E OUTRAS LITERATURAS (extraído de “Respostas Convincentes - o melhor de Josh McDoweel)
  • 19. O que deve fazer o jovem cristão diante do atual mundo que levanta acusações contra a pessoa de Jesus Cristo? A Bíblia precisa de defensores? Devo orar, consagrar-me, ler a Bíblia... algo mais?
  • 20. “Antes, santificai ao SENHOR Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedira razãoda esperançaquehá emvós,”1 Pe3.15 “Amados, procurando eu escrever-vos com toda a diligência acerca da salvação comum, tive por necessidade escrever-vos, e exortar-vos a batalharpelafé queumavezfoidadaaossantos.”Jd 3
  • 22. HORADA REVISÃO 1) Jesus foi gerado no ventre de Maria, porém foi concebido por quem? 2) Jesus tinha consciência de sua natureza divina? 3) O que comprovam os milgares de Jesus? 4) Quais eram os propósitos dos milagres? 5) Você crê na divindade e humanidade de Jesus?
  • 23. Conclusão Jesus Cristo disse que era o Filho de Deus e demonstrou sua natureza com sabedoria e poder. Ele entregou sua vida na cruz por nossos pecados, mas não foi retido pela morte, como os demais mortais. Ele ressuscitou e está assentado à destra de Deus, e um dia virá nos buscar para que vivamos com Ele na eternidade.
  • 24. Escola Bíblica Dominical da Assembleia de Deus Central em Araguari-MG Acesse: www.adca.org.br www.joaopaulo-mendes.blogspost.com