SlideShare uma empresa Scribd logo
Maturidade organizacional:
Por que isso é essencial na sua
transformação digital
Hello!
Eu sou Anderson Silveira
2
Eu sou Reginanne Martins
Paraense, com mais de 20 anos de
experiência em TI. Nos últimos anos,
tenho me dedicado intensamente em
conhecer e experimentar modelos de
gestão, que consigam ajudar
organizações a atingirem resultados
extraordinários envolvendo o trabalho
de conhecimento. Meu dia a dia é
incentivar e conduzir melhorias
organizacionais em serviços que
alavanquem resultados de negócio, de
modo a construir uma cultura de
melhoria contínua através do uso de
metodologias ágeis, Lean e Kanban.
Mineira, Filha de cearense, 26 anos,
Kanban Coach com 4+ anos de
experiência em suportar times
estratégicos e operacionais, escalando
a navegação das estruturas
organizacionais junto a agilidade,
através da inovação de produtos e
serviços, visando melhorias contínuas
do discovery ao delivery, orientado a
dados. Focada em cultura ágil,
adaptação e transformação digital em
vertentes financeiras, logística e
tecnologia da informação.
O problema
A problemática surge no momento em que uma
organização precisa aprimorar seus processos de trabalho
de suas diversas áreas para se manter competitiva no
mercado, desta forma, compreender o momento atual de
forma holística e buscar uma forma efetiva de evolução
torna-se indispensável. Estamos falando em tornar a
melhoria contínua como um ponto central de nossa
governança de transformação.
4
Mas vamos lá, antes focarmos em nosso cliente,
precisamos compreender como está organizada nossa
estrutura de trabalho, visando eficiência operacional.
5
6
Contexto
Como gerenciar a
evolução de uma rede de
dezenas de serviços?
7
As pessoas estão sobrecarregadas.
O resultado do negócio depende totalmente das habilidades
de indivíduos específicos.
Maior transparência, mas a qualidade é inconsistente.
O resultado do negócio é instável, mas neste momento, passamos
a trabalhar em um formato de time.
Foco na expectativa do cliente.
Melhor qualidade de serviço e entrega, mas depende de um
supervisor ou gestor do serviço/produto ofertado.
Cliente feliz e expectativas atendidas.
Processo consistente, serviço confiável e entrega
previsível, mas a intimidade e a motivação do cliente em
nos escolher ainda é desconhecida
R3M
Modelo de Maturidade Organizacional
Riachuelo & Midway
Baseado no Kanban Maturity Model o R3M é
organizado em 4 níveis e cada nível possui
características específicas que nos ajudam a entender
qual o próximo passo para melhorar.
8
Mais que uma ferramenta de avaliação de maturidade, o KMM
deveria ser um modelo que promove a melhoria contínua.
F4P do serviço do time Agilidade
Como aplicar a um
modelo de melhoria
contínua?
10
Observar
O primeiro passo é identificar o problema ou ameaça e
obter uma compreensão geral do ambiente interno e
externo. No mundo corporativo, isso pode ser
equiparado à coleta de dados, onde são coletadas todas
as informações sobre o estado organizacional atual, os
concorrentes e o mercado.
Decidir
A fase de decisão faz sugestões para um plano
de ação ou resposta, levando em
consideração todos os resultados potenciais.
Orientar
A fase de orientação envolve refletir sobre o que foi
encontrado durante as observações e considerar o que
deve ser feito em seguida. Requer um nível significativo
de consciência situacional e compreensão para tomar
uma decisão consciente.
Agir
A ação diz respeito à execução da decisão
e das mudanças relacionadas que
precisam ser feitas em resposta à decisão
11
1.
Coleta
Base de conhecimento para
suportar os critérios de análise
de cada nível do KMM
14
Quais os
comportamentos
observados em cada
nível?
Quanto aplicar
práticas relevantes
para acionar esses
comportamentos?
Quais as
expectativas de
impacto em cada
nível?
Barreiras impedem o
nosso progresso?
Como criamos a
consciência nas
pessoas?
15
Entendimento
profundo de
cada nível de
maturidade
Comportamentos
observados no contexto
Porque eles
ocorrem?
Agile
Coaches
Problemática
Estressores ajudam a
impulsionar a
evolução
Barreiras impedem a
evolução
Pergunta que
caracteriza a
problemática
Prática Geral ou Valor
Cultural envolvido
16
Falta de cooperação das
pessoas em prol do
trabalho
Baixa confiança
Existe pouca interação entre
os membros dos times, pela
cobrança individual de
tarefas e baixo alinhamento
de objetivos a serem
alcançados pelo grupo.
• Criar uma Visualização do fluxo
de trabalho e seus itens.
• Introduzir feedback loop para
alinhamento de objetivos do time e
compartilhamento de
impedimentos.
• Auto-imagem solitária ou
individualista
Os colaboradores de um
mesmo time tem o costume
de pedir ajuda ou a opinião
dos demais membros do
time?
Colaboração
Exemplo de problemática de
maturidade 1
Não existe um
alinhamento de causa
Individualismo de
cobrança
Melhorar colaborativamente
Baseia-se na premissa de que desenvolver uma
compreensão completa e correta da situação real,
requer uma coleta colaborativa de observações e
insights de pessoas em diferentes posições no
processo e na organização.
Coleta
ETAPAS DA COLETA
1. Identificar as pessoas que estão envolvidas no processo de entrega de serviço
ou criação de Produto.
18
19
Board de Coleta
20
Pessoas que
irão participar
Coleta
ETAPAS DA COLETA
1. Identificar as pessoas que estão envolvidas no processo de entrega de serviço
ou criação de Produto.
2. O Agile Coach organiza e facilita a dinâmica de coleta e os critérios de análise com
fácil entendimento, levando em consideração o contexto de trabalho em que as
pessoas envolvidas estão inseridas.
21
22
Selecionamos uma
pergunta por vez, para
que uma discussão
seja aberta.
1
Coleta
ETAPAS DA COLETA
1. Identificar as pessoas que estão envolvidas no processo de entrega de serviço
ou criação de Produto.
2. O Agile Coach organiza e facilita a dinâmica de coleta e os critérios de análise com
fácil entendimento, levando em consideração o contexto de trabalho em que as
pessoas envolvidas estão inseridas.
3. Colaborativamente, é realizado coletar informações e evidências, com as
pessoas envolvidas, a partir dos critérios de análise com uso do modelo KMM,
visando aumentar a consciência e o engajamento sobre os pontos de atenção.
23
24
Cada membro deve
informar,arrastando
seu avatar, qual a
frequência em que a
situação analisada
ocorre.
2
25
Neste ponto, membros
participantes podem inserir
cards de informações
adicionais sobre a situação
analisada para que um
histórico seja gerado e
acompanhado posteriormente.
3
Mediante análise de qual
frequência foi mais apontada,
incluímos a situação
analisada e suas anotações
adicionais na em sua
respectiva raia.
4
2.
Consolidação
Consolidação
ETAPAS
1. Reunir as informações de coleta de forma objetiva e clara sobre a maturidade e pontos de
melhoria.
2. O Agile Coach realiza o alinhamento junto aos líderes apresentando o nível de maturidade
do processo, quais gaps identificados e possíveis melhorias a partir do consolidado de
informações do modelo KMM.
27
Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022
3.
Priorização
Force Field Analysis (Kurt Lewin)
34
Improvement Mapping (Manoel Pimentel)
35
Priorização
ETAPAS
1. O Agile Coach, juntamente com a liderança, seleciona as principais melhorias que
precisam ser trabalhadas, que mais impactam a geração de valor pelos grupos de
trabalho acompanhados.
2. É realizado o detalhamento das melhorias juntamente com os envolvidos no
contexto de trabalho a criação de planos de ação, com o objetivo de criar foco e
engajamento na atuação em conjunto.
36
37
O preenchimento do Improvement
Mapping neste momento pode
levar em consideração as
sugestões de planos de ação
geradas ao final da consolidação e
avaliação.
38
1
39
2
40
3
41
4
42
Cria os planos de
ações juntamente
com os envolvidos
4.
Acompanhamento
44
Kaizen Board Preliminar
45
Kaizen Board Definitivo
Acompanhamento
ETAPAS
1. É realizado o registro das melhorias, a fim de gerar rastreabilidade,
transparência e visibilidade do fluxo de melhoria para todos os envolvidos.
2. São realizados ciclos de verificação, de tempos em tempos, das melhorias com
todos os envolvidos no planos de ação. Sugestão: 15 dias, a depender do contexto
acompanhado.
3. Métricas relacionadas às melhorias são apresentadas, por diferentes
perspectivas, para fomentar a importância da utilização de indicadores de sucesso
ou atenção, permitindo assim uma visão sistêmica do fluxo de melhorias da
TECH.
46
47
Precisávamos de uma direção integrada
Governança da Maturidade Organizacional
Governança da Maturidade Organizacional
Governança da Maturidade Organizacional
Governança da Maturidade Organizacional
Governança da Maturidade Organizacional
Governança da Maturidade Organizacional
Governança da Maturidade Organizacional
Conclusão
1. Visão holística sobre melhorias em direção a eficiência de fluxo;
2. Direcionamento acionável sobre como atuar em pontos de dor;
3. Engajamento da liderança;
4. Agile Coach atuando sobre os sistemas de trabalho (On The System);
5. Alinhamento de expectativa de impacto em relação a maturidade atual;
6. Tangibilizar informações para direcionar planos táticos de atuação
55
Referências
56
57
Obrigado!
Dúvidas?
◦ /andersonsilveira
◦ /regianne-martins

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

SGRio 2023 Transformando a Liderança Tradicional
SGRio 2023 Transformando a Liderança TradicionalSGRio 2023 Transformando a Liderança Tradicional
SGRio 2023 Transformando a Liderança Tradicional
Andressa Chiara
 
Jira
JiraJira
Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...
Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...
Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...
Fábio Micheletti
 
Manutenção ágil: Um design de processo orientado a eficácia
Manutenção ágil:  Um design de processo orientado a eficáciaManutenção ágil:  Um design de processo orientado a eficácia
Manutenção ágil: Um design de processo orientado a eficácia
Anderson Silveira
 
Flaps Model Thinking - Um voo rumo a Business Agility
Flaps Model Thinking - Um voo rumo a Business AgilityFlaps Model Thinking - Um voo rumo a Business Agility
Flaps Model Thinking - Um voo rumo a Business Agility
AndyBarbosa2
 
KANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇAS
KANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇASKANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇAS
KANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇAS
Rodrigo Oliveira, Msc, PMP
 
Metricas ageis
Metricas ageisMetricas ageis
Flight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicação
Flight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicaçãoFlight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicação
Flight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicação
Natalia Manha
 
TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...
TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...
TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...
Andressa Chiara
 
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Rodrigo Yoshima
 
Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites
Kanban Avançado - Além de Visualizações e LimitesKanban Avançado - Além de Visualizações e Limites
Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites
Rodrigo Yoshima
 
Alinhando Discovery com Delivery usando Upstream Kanban
Alinhando Discovery com Delivery usando Upstream KanbanAlinhando Discovery com Delivery usando Upstream Kanban
Alinhando Discovery com Delivery usando Upstream Kanban
Taller Negócio Digitais
 
Fit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certo
Fit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certoFit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certo
Fit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certo
TOT - Team of Thought
 
Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...
Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...
Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...
Agile Montréal
 
[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo
[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo
[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo
Product Camp Brasil
 
An Executive Insider's Guide to Enterprise Agile Transformation
An Executive Insider's Guide to Enterprise Agile TransformationAn Executive Insider's Guide to Enterprise Agile Transformation
An Executive Insider's Guide to Enterprise Agile Transformation
Scott Richardson
 
The Agile Coaching DNA - Overview
The Agile Coaching DNA -  OverviewThe Agile Coaching DNA -  Overview
The Agile Coaching DNA - Overview
Manoel Pimentel Medeiros
 
Descomplicando o framework Fit For Purpose
Descomplicando o framework Fit For PurposeDescomplicando o framework Fit For Purpose
Descomplicando o framework Fit For Purpose
João Grabosque
 
O Dilema da Priorizacao.pptx
O Dilema da Priorizacao.pptxO Dilema da Priorizacao.pptx
O Dilema da Priorizacao.pptx
Mariana Zaparolli Martins
 
Treinamento Ágil / Scrum
Treinamento Ágil / ScrumTreinamento Ágil / Scrum
Treinamento Ágil / Scrum
Alessandro Rodrigues, CSM, SFC
 

Mais procurados (20)

SGRio 2023 Transformando a Liderança Tradicional
SGRio 2023 Transformando a Liderança TradicionalSGRio 2023 Transformando a Liderança Tradicional
SGRio 2023 Transformando a Liderança Tradicional
 
Jira
JiraJira
Jira
 
Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...
Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...
Kanban Brazil 2021 - Como o KMM está apoiando a Transformação Digital na Riac...
 
Manutenção ágil: Um design de processo orientado a eficácia
Manutenção ágil:  Um design de processo orientado a eficáciaManutenção ágil:  Um design de processo orientado a eficácia
Manutenção ágil: Um design de processo orientado a eficácia
 
Flaps Model Thinking - Um voo rumo a Business Agility
Flaps Model Thinking - Um voo rumo a Business AgilityFlaps Model Thinking - Um voo rumo a Business Agility
Flaps Model Thinking - Um voo rumo a Business Agility
 
KANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇAS
KANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇASKANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇAS
KANBAN E OS SEGREDOS DA GESTÃO DE SERVIÇOS E MUDANÇAS
 
Metricas ageis
Metricas ageisMetricas ageis
Metricas ageis
 
Flight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicação
Flight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicaçãoFlight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicação
Flight Levels - Desafios e aprendizados de 3 anos de aplicação
 
TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...
TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...
TDC Innovation 2022 Mgmt30 Transformando os dinossauros_ uma história sobre ...
 
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
 
Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites
Kanban Avançado - Além de Visualizações e LimitesKanban Avançado - Além de Visualizações e Limites
Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites
 
Alinhando Discovery com Delivery usando Upstream Kanban
Alinhando Discovery com Delivery usando Upstream KanbanAlinhando Discovery com Delivery usando Upstream Kanban
Alinhando Discovery com Delivery usando Upstream Kanban
 
Fit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certo
Fit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certoFit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certo
Fit for Purpose - Como liderar organizações em busca do produto certo
 
Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...
Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...
Understand in practice how to prioritize portfolios, projects and products wi...
 
[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo
[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo
[Product Camp 2020] - Níveis de Maturidade em Prod Ops - Thiago Belluf - Favo
 
An Executive Insider's Guide to Enterprise Agile Transformation
An Executive Insider's Guide to Enterprise Agile TransformationAn Executive Insider's Guide to Enterprise Agile Transformation
An Executive Insider's Guide to Enterprise Agile Transformation
 
The Agile Coaching DNA - Overview
The Agile Coaching DNA -  OverviewThe Agile Coaching DNA -  Overview
The Agile Coaching DNA - Overview
 
Descomplicando o framework Fit For Purpose
Descomplicando o framework Fit For PurposeDescomplicando o framework Fit For Purpose
Descomplicando o framework Fit For Purpose
 
O Dilema da Priorizacao.pptx
O Dilema da Priorizacao.pptxO Dilema da Priorizacao.pptx
O Dilema da Priorizacao.pptx
 
Treinamento Ágil / Scrum
Treinamento Ágil / ScrumTreinamento Ágil / Scrum
Treinamento Ágil / Scrum
 

Semelhante a Kanban Brazil 2022

Cadernos de Compromissos Liderança
Cadernos de Compromissos LiderançaCadernos de Compromissos Liderança
Cadernos de Compromissos Liderança
Adeildo Caboclo
 
Forum de Boas Práticas
Forum de Boas PráticasForum de Boas Práticas
Forum de Boas Práticas
Adeildo Caboclo
 
Rumos ebook 01_lideranca
Rumos ebook 01_liderancaRumos ebook 01_lideranca
Rumos ebook 01_lideranca
Wladmir Vargas Campestrini
 
Processo A+
Processo A+Processo A+
O Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria Contínua
O Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria ContínuaO Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria Contínua
O Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria Contínua
Gerisval Pessoa
 
Os Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas Organizações
Os Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas OrganizaçõesOs Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas Organizações
Os Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas Organizações
Gerisval Pessoa
 
RH Ágil
RH ÁgilRH Ágil
RH Ágil
UNIMEP
 
Aula Avaliação do Treinamento
Aula Avaliação do TreinamentoAula Avaliação do Treinamento
Aula Avaliação do Treinamento
ANHANGUERA EDUCACIONAL
 
Prêmios da qualidade
Prêmios da qualidadePrêmios da qualidade
Prêmios da qualidade
Tajra Assessoria Educacional Ltda
 
PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES
PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES
PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES
Beatriz Benezra Dehtear, MBA
 
Ferramentas de Gestão
Ferramentas de GestãoFerramentas de Gestão
Ferramentas de Gestão
Adeildo Caboclo
 
2016 academia de varejo
2016 academia de varejo2016 academia de varejo
2016 academia de varejo
Sandra Marques
 
Evolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento Organizacional
Evolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento OrganizacionalEvolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento Organizacional
Evolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento Organizacional
Evolução Inteligente Treinamento Organizacional & Coaching Executivo
 
TFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMO
TFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMOTFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMO
TFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMO
Rodrigo Thahira, PfMP, PMP, PRINCE2, PMO-CC
 
Cadernos de Excelencia - Resultados
Cadernos de Excelencia - ResultadosCadernos de Excelencia - Resultados
Cadernos de Excelencia - Resultados
Adeildo Caboclo
 
Projeto Teste PDF
Projeto Teste PDFProjeto Teste PDF
Projeto Teste PDF
Marco Coghi
 
ACMP BRASIL Institucional
ACMP BRASIL InstitucionalACMP BRASIL Institucional
DISC
DISCDISC
Apresentação diagnóstico stratec
Apresentação diagnóstico   stratecApresentação diagnóstico   stratec
Apresentação diagnóstico stratec
Priscila Nogueira
 
Qualidade total oficial
Qualidade total oficialQualidade total oficial
Qualidade total oficial
Rodrigo Paulino
 

Semelhante a Kanban Brazil 2022 (20)

Cadernos de Compromissos Liderança
Cadernos de Compromissos LiderançaCadernos de Compromissos Liderança
Cadernos de Compromissos Liderança
 
Forum de Boas Práticas
Forum de Boas PráticasForum de Boas Práticas
Forum de Boas Práticas
 
Rumos ebook 01_lideranca
Rumos ebook 01_liderancaRumos ebook 01_lideranca
Rumos ebook 01_lideranca
 
Processo A+
Processo A+Processo A+
Processo A+
 
O Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria Contínua
O Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria ContínuaO Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria Contínua
O Segredo para o Sucesso das Equipes de Mehoria Contínua
 
Os Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas Organizações
Os Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas OrganizaçõesOs Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas Organizações
Os Segredos para o Sucesso das Equipes de Melhoria Contínua nas Organizações
 
RH Ágil
RH ÁgilRH Ágil
RH Ágil
 
Aula Avaliação do Treinamento
Aula Avaliação do TreinamentoAula Avaliação do Treinamento
Aula Avaliação do Treinamento
 
Prêmios da qualidade
Prêmios da qualidadePrêmios da qualidade
Prêmios da qualidade
 
PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES
PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES
PESQUISA SOBRE USO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO NAS ORGANIZAÇÕES
 
Ferramentas de Gestão
Ferramentas de GestãoFerramentas de Gestão
Ferramentas de Gestão
 
2016 academia de varejo
2016 academia de varejo2016 academia de varejo
2016 academia de varejo
 
Evolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento Organizacional
Evolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento OrganizacionalEvolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento Organizacional
Evolução Inteligente Coaching Executivo & Treinamento Organizacional
 
TFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMO
TFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMOTFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMO
TFC - Desenvolvimento de Competências Organizacionais através de um PMO
 
Cadernos de Excelencia - Resultados
Cadernos de Excelencia - ResultadosCadernos de Excelencia - Resultados
Cadernos de Excelencia - Resultados
 
Projeto Teste PDF
Projeto Teste PDFProjeto Teste PDF
Projeto Teste PDF
 
ACMP BRASIL Institucional
ACMP BRASIL InstitucionalACMP BRASIL Institucional
ACMP BRASIL Institucional
 
DISC
DISCDISC
DISC
 
Apresentação diagnóstico stratec
Apresentação diagnóstico   stratecApresentação diagnóstico   stratec
Apresentação diagnóstico stratec
 
Qualidade total oficial
Qualidade total oficialQualidade total oficial
Qualidade total oficial
 

Mais de Anderson Silveira

Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...
Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...
Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...
Anderson Silveira
 
Gestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxo
Gestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxoGestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxo
Gestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxo
Anderson Silveira
 
XP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anos
XP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anosXP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anos
XP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anos
Anderson Silveira
 
Gestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxo
Gestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxoGestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxo
Gestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxo
Anderson Silveira
 
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Anderson Silveira
 
Produtividade com Eclipse IDE
Produtividade com Eclipse IDEProdutividade com Eclipse IDE
Produtividade com Eclipse IDE
Anderson Silveira
 
Palestra agile brazil
Palestra agile brazilPalestra agile brazil
Palestra agile brazil
Anderson Silveira
 

Mais de Anderson Silveira (7)

Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...
Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...
Conquistando a excelência em um serviço a partir de um design orientado a efi...
 
Gestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxo
Gestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxoGestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxo
Gestão ágil: gerar valor partir otimização de fluxo
 
XP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anos
XP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anosXP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anos
XP como aliado para conter a complexidade de um monolito de mais de 15 anos
 
Gestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxo
Gestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxoGestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxo
Gestão Ágil: Gerar valor a partir da otimização de fluxo
 
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
 
Produtividade com Eclipse IDE
Produtividade com Eclipse IDEProdutividade com Eclipse IDE
Produtividade com Eclipse IDE
 
Palestra agile brazil
Palestra agile brazilPalestra agile brazil
Palestra agile brazil
 

Último

ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebuliçãoExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão
 
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptxSegurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Divina Vitorino
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
barbosajucy47
 
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoudFerramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ismael Ash
 
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWSSubindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Ismael Ash
 
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
Faga1939
 
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docxse38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
ronaldos10
 

Último (7)

ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebuliçãoExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
 
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptxSegurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
 
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoudFerramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
 
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWSSubindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
 
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
 
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docxse38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
 

Kanban Brazil 2022

  • 1. Maturidade organizacional: Por que isso é essencial na sua transformação digital
  • 2. Hello! Eu sou Anderson Silveira 2 Eu sou Reginanne Martins Paraense, com mais de 20 anos de experiência em TI. Nos últimos anos, tenho me dedicado intensamente em conhecer e experimentar modelos de gestão, que consigam ajudar organizações a atingirem resultados extraordinários envolvendo o trabalho de conhecimento. Meu dia a dia é incentivar e conduzir melhorias organizacionais em serviços que alavanquem resultados de negócio, de modo a construir uma cultura de melhoria contínua através do uso de metodologias ágeis, Lean e Kanban. Mineira, Filha de cearense, 26 anos, Kanban Coach com 4+ anos de experiência em suportar times estratégicos e operacionais, escalando a navegação das estruturas organizacionais junto a agilidade, através da inovação de produtos e serviços, visando melhorias contínuas do discovery ao delivery, orientado a dados. Focada em cultura ágil, adaptação e transformação digital em vertentes financeiras, logística e tecnologia da informação.
  • 4. A problemática surge no momento em que uma organização precisa aprimorar seus processos de trabalho de suas diversas áreas para se manter competitiva no mercado, desta forma, compreender o momento atual de forma holística e buscar uma forma efetiva de evolução torna-se indispensável. Estamos falando em tornar a melhoria contínua como um ponto central de nossa governança de transformação. 4
  • 5. Mas vamos lá, antes focarmos em nosso cliente, precisamos compreender como está organizada nossa estrutura de trabalho, visando eficiência operacional. 5
  • 6. 6 Contexto Como gerenciar a evolução de uma rede de dezenas de serviços?
  • 7. 7 As pessoas estão sobrecarregadas. O resultado do negócio depende totalmente das habilidades de indivíduos específicos. Maior transparência, mas a qualidade é inconsistente. O resultado do negócio é instável, mas neste momento, passamos a trabalhar em um formato de time. Foco na expectativa do cliente. Melhor qualidade de serviço e entrega, mas depende de um supervisor ou gestor do serviço/produto ofertado. Cliente feliz e expectativas atendidas. Processo consistente, serviço confiável e entrega previsível, mas a intimidade e a motivação do cliente em nos escolher ainda é desconhecida R3M Modelo de Maturidade Organizacional Riachuelo & Midway Baseado no Kanban Maturity Model o R3M é organizado em 4 níveis e cada nível possui características específicas que nos ajudam a entender qual o próximo passo para melhorar.
  • 8. 8 Mais que uma ferramenta de avaliação de maturidade, o KMM deveria ser um modelo que promove a melhoria contínua. F4P do serviço do time Agilidade
  • 9. Como aplicar a um modelo de melhoria contínua?
  • 10. 10 Observar O primeiro passo é identificar o problema ou ameaça e obter uma compreensão geral do ambiente interno e externo. No mundo corporativo, isso pode ser equiparado à coleta de dados, onde são coletadas todas as informações sobre o estado organizacional atual, os concorrentes e o mercado. Decidir A fase de decisão faz sugestões para um plano de ação ou resposta, levando em consideração todos os resultados potenciais. Orientar A fase de orientação envolve refletir sobre o que foi encontrado durante as observações e considerar o que deve ser feito em seguida. Requer um nível significativo de consciência situacional e compreensão para tomar uma decisão consciente. Agir A ação diz respeito à execução da decisão e das mudanças relacionadas que precisam ser feitas em resposta à decisão
  • 11. 11
  • 13. Base de conhecimento para suportar os critérios de análise de cada nível do KMM
  • 14. 14 Quais os comportamentos observados em cada nível? Quanto aplicar práticas relevantes para acionar esses comportamentos? Quais as expectativas de impacto em cada nível? Barreiras impedem o nosso progresso? Como criamos a consciência nas pessoas?
  • 15. 15 Entendimento profundo de cada nível de maturidade Comportamentos observados no contexto Porque eles ocorrem? Agile Coaches Problemática Estressores ajudam a impulsionar a evolução Barreiras impedem a evolução Pergunta que caracteriza a problemática Prática Geral ou Valor Cultural envolvido
  • 16. 16 Falta de cooperação das pessoas em prol do trabalho Baixa confiança Existe pouca interação entre os membros dos times, pela cobrança individual de tarefas e baixo alinhamento de objetivos a serem alcançados pelo grupo. • Criar uma Visualização do fluxo de trabalho e seus itens. • Introduzir feedback loop para alinhamento de objetivos do time e compartilhamento de impedimentos. • Auto-imagem solitária ou individualista Os colaboradores de um mesmo time tem o costume de pedir ajuda ou a opinião dos demais membros do time? Colaboração Exemplo de problemática de maturidade 1 Não existe um alinhamento de causa Individualismo de cobrança
  • 17. Melhorar colaborativamente Baseia-se na premissa de que desenvolver uma compreensão completa e correta da situação real, requer uma coleta colaborativa de observações e insights de pessoas em diferentes posições no processo e na organização.
  • 18. Coleta ETAPAS DA COLETA 1. Identificar as pessoas que estão envolvidas no processo de entrega de serviço ou criação de Produto. 18
  • 21. Coleta ETAPAS DA COLETA 1. Identificar as pessoas que estão envolvidas no processo de entrega de serviço ou criação de Produto. 2. O Agile Coach organiza e facilita a dinâmica de coleta e os critérios de análise com fácil entendimento, levando em consideração o contexto de trabalho em que as pessoas envolvidas estão inseridas. 21
  • 22. 22 Selecionamos uma pergunta por vez, para que uma discussão seja aberta. 1
  • 23. Coleta ETAPAS DA COLETA 1. Identificar as pessoas que estão envolvidas no processo de entrega de serviço ou criação de Produto. 2. O Agile Coach organiza e facilita a dinâmica de coleta e os critérios de análise com fácil entendimento, levando em consideração o contexto de trabalho em que as pessoas envolvidas estão inseridas. 3. Colaborativamente, é realizado coletar informações e evidências, com as pessoas envolvidas, a partir dos critérios de análise com uso do modelo KMM, visando aumentar a consciência e o engajamento sobre os pontos de atenção. 23
  • 24. 24 Cada membro deve informar,arrastando seu avatar, qual a frequência em que a situação analisada ocorre. 2
  • 25. 25 Neste ponto, membros participantes podem inserir cards de informações adicionais sobre a situação analisada para que um histórico seja gerado e acompanhado posteriormente. 3 Mediante análise de qual frequência foi mais apontada, incluímos a situação analisada e suas anotações adicionais na em sua respectiva raia. 4
  • 27. Consolidação ETAPAS 1. Reunir as informações de coleta de forma objetiva e clara sobre a maturidade e pontos de melhoria. 2. O Agile Coach realiza o alinhamento junto aos líderes apresentando o nível de maturidade do processo, quais gaps identificados e possíveis melhorias a partir do consolidado de informações do modelo KMM. 27
  • 34. Force Field Analysis (Kurt Lewin) 34
  • 36. Priorização ETAPAS 1. O Agile Coach, juntamente com a liderança, seleciona as principais melhorias que precisam ser trabalhadas, que mais impactam a geração de valor pelos grupos de trabalho acompanhados. 2. É realizado o detalhamento das melhorias juntamente com os envolvidos no contexto de trabalho a criação de planos de ação, com o objetivo de criar foco e engajamento na atuação em conjunto. 36
  • 37. 37 O preenchimento do Improvement Mapping neste momento pode levar em consideração as sugestões de planos de ação geradas ao final da consolidação e avaliação.
  • 38. 38 1
  • 39. 39 2
  • 40. 40 3
  • 41. 41 4
  • 42. 42 Cria os planos de ações juntamente com os envolvidos
  • 46. Acompanhamento ETAPAS 1. É realizado o registro das melhorias, a fim de gerar rastreabilidade, transparência e visibilidade do fluxo de melhoria para todos os envolvidos. 2. São realizados ciclos de verificação, de tempos em tempos, das melhorias com todos os envolvidos no planos de ação. Sugestão: 15 dias, a depender do contexto acompanhado. 3. Métricas relacionadas às melhorias são apresentadas, por diferentes perspectivas, para fomentar a importância da utilização de indicadores de sucesso ou atenção, permitindo assim uma visão sistêmica do fluxo de melhorias da TECH. 46
  • 47. 47 Precisávamos de uma direção integrada
  • 48. Governança da Maturidade Organizacional
  • 49. Governança da Maturidade Organizacional
  • 50. Governança da Maturidade Organizacional
  • 51. Governança da Maturidade Organizacional
  • 52. Governança da Maturidade Organizacional
  • 53. Governança da Maturidade Organizacional
  • 54. Governança da Maturidade Organizacional
  • 55. Conclusão 1. Visão holística sobre melhorias em direção a eficiência de fluxo; 2. Direcionamento acionável sobre como atuar em pontos de dor; 3. Engajamento da liderança; 4. Agile Coach atuando sobre os sistemas de trabalho (On The System); 5. Alinhamento de expectativa de impacto em relação a maturidade atual; 6. Tangibilizar informações para direcionar planos táticos de atuação 55