SlideShare uma empresa Scribd logo
Rio Grande do Sul ,[object Object]
Primeiros habitantes ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Era cristã até 1500 ,[object Object],[object Object]
Missões Jesuíticas ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
Tropeiros da integração ,[object Object],[object Object]
Século XVIII – ocupação militar ,[object Object],[object Object],[object Object]
Capitania do Rio Grande de São Pedro do Sul em 1809
Charqueadas ,[object Object]
Colonização alemã Entre 1824 e 1830 entraram no Rio Grande do Sul 5350 alemães. Por problemas políticos e depois por causa da Revolução Farroupilha a imigração ficou interrompida entre 1830 e 1844. Reiniciada a imigração, entre 1844 e 1850 chegaram mais dez mil imigrantes, e entre 1860 e 1889 outros dez mil. Entre 1890 e 1914 chegaram mais 17 mil alemães.
Colonização italiana ,[object Object]
Revolução Farroupilha
Guerra do Paraguai ,[object Object]
Revolução Federalista 1893-1895 ,[object Object],[object Object],[object Object]
Julio de Castilhos e Borges de Medeiros Júlio Prates de Castilhos (Cruz Alta, 29 de junho de 1860 — Porto Alegre, 24 de outubro de 1903) foi um jornalista e político brasileiro, eleito Patriarca do Rio Grande do Sul pelos seus conterrâneos. Foi presidente do Rio Grande do Sul por duas vezes e principal autor da Constituição Estadual de 1891. Disseminou o ideário positivista no Brasil. Antônio Augusto Borges de Medeiros (Caçapava do Sul, 19 de novembro de 1863 — Porto Alegre, 25 de abril de 1961) foi um advogado e político brasileiro, tendo sido presidente do estado do Rio Grande do Sul por 25 anos, durante o período conhecido como República Velha.
Revolução de 1923 A Revolução de 1923 foi o movimento armado ocorrido durante onze meses daquele ano no estado do Rio Grande do Sul, Brasil, em que lutaram, de um lado, os partidários de Borges de Medeiros (borgistas) e, de outro, os aliados de Joaquim Francisco de Assis Brasil (assisistas). Em verdade, o ódio entre as facções era mais antigo. Vinha desde a Revolução Federalista de 1893, que teve como marca a degola, dilacerando vidas e trazendo desgraça e tristeza para muitas famílias. Essa Revolução deixou sentimentos de vingança e violência em muitos corações, que teve quase continuidade na Revolução de 1923. Em dezembro de 1923, pacificou-se a revolução no Pacto de Pedras Altas, no famoso castelo, residência de Assis Brasil.
Revolução de 1930 A Revolução de 1930 foi o movimento armado, liderado pelos estados de Minas Gerais, Paraíba e Rio Grande do Sul, que culminou com o golpe de Estado, o Golpe de 1930, que depôs o presidente da república Washington Luís em 24 de outubro de 1930, impediu a posse do presidente eleito Júlio Prestes e pôs fim à República Velha.
Legalidade Em 25 de agosto de 1961, Jânio Quadros renuncia ao cargo de Presidente, enquanto João Goulart, vice-presidente, está em visita à China. O Brasil vive momentos de instabilidade nunca vista. Os militares, que temem ver no Brasil um governo de esquerda impedem o vice-presidente de assumir o cargo como mandava a lei. Leonel Brizola, então governador do Rio Grande do Sul, inicia um movimento de resistência, pregando a legalidade, ou seja, a posse de Jango. Brizola fala ao povo pela rádio e inicia o movimento denominado a Rede da Legalidade. Transmitidos a partir de um estúdio montado no porão do palácio, os programas da legalidade alcançavam ouvintes, até mesmo em outros estados.
 
 
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesaA colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesa
Edenilson Morais
 
América Latina
América LatinaAmérica Latina
América Latina
FURG
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
Aulas de História
 
Escravidão indígena
Escravidão indígenaEscravidão indígena
Escravidão indígena
Nara Oliveira
 
Brasil territorio e_sociedade
Brasil territorio e_sociedadeBrasil territorio e_sociedade
Brasil territorio e_sociedade
O Geógrafo - Geociências
 
Conjuração Mineira e Baiana
Conjuração Mineira e BaianaConjuração Mineira e Baiana
Conjuração Mineira e Baiana
Aulas de História
 
Os meios de orientação - 6º Ano (2016)
Os meios de orientação - 6º Ano (2016)Os meios de orientação - 6º Ano (2016)
Os meios de orientação - 6º Ano (2016)
Nefer19
 
Colonização da América
Colonização da AméricaColonização da América
Colonização da América
Claudenilson da Silva
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
Elaine Bogo Pavani
 
Entradas e bandeiras imagens tmp
Entradas e bandeiras imagens tmpEntradas e bandeiras imagens tmp
Entradas e bandeiras imagens tmp
Péricles Penuel
 
Ciclos economicos brasil
Ciclos economicos brasilCiclos economicos brasil
Ciclos economicos brasil
Thiago Tavares
 
Brasil expansão territorial
Brasil expansão territorialBrasil expansão territorial
AMÉRICA LATINA
AMÉRICA LATINAAMÉRICA LATINA
AMÉRICA LATINA
Conceição Fontolan
 
a guerra do paraguai
a guerra do paraguaia guerra do paraguai
a guerra do paraguai
letosgirl
 
Revisão 6º ano ASSUNTO : Roma Antiga
Revisão 6º ano ASSUNTO : Roma AntigaRevisão 6º ano ASSUNTO : Roma Antiga
Revisão 6º ano ASSUNTO : Roma Antiga
Janaína Bindá
 
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução Federalista - Prof. Altair AguilarRevolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Estados unidos
Estados unidosEstados unidos
Estados unidos
Luiz Carvalheira Junior
 
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
Nefer19
 
Povoamento do América
Povoamento do AméricaPovoamento do América
Povoamento do América
Patrícia Costa Grigório
 
A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)
A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)
A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)
Nefer19
 

Mais procurados (20)

A colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesaA colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesa
 
América Latina
América LatinaAmérica Latina
América Latina
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
 
Escravidão indígena
Escravidão indígenaEscravidão indígena
Escravidão indígena
 
Brasil territorio e_sociedade
Brasil territorio e_sociedadeBrasil territorio e_sociedade
Brasil territorio e_sociedade
 
Conjuração Mineira e Baiana
Conjuração Mineira e BaianaConjuração Mineira e Baiana
Conjuração Mineira e Baiana
 
Os meios de orientação - 6º Ano (2016)
Os meios de orientação - 6º Ano (2016)Os meios de orientação - 6º Ano (2016)
Os meios de orientação - 6º Ano (2016)
 
Colonização da América
Colonização da AméricaColonização da América
Colonização da América
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
 
Entradas e bandeiras imagens tmp
Entradas e bandeiras imagens tmpEntradas e bandeiras imagens tmp
Entradas e bandeiras imagens tmp
 
Ciclos economicos brasil
Ciclos economicos brasilCiclos economicos brasil
Ciclos economicos brasil
 
Brasil expansão territorial
Brasil expansão territorialBrasil expansão territorial
Brasil expansão territorial
 
AMÉRICA LATINA
AMÉRICA LATINAAMÉRICA LATINA
AMÉRICA LATINA
 
a guerra do paraguai
a guerra do paraguaia guerra do paraguai
a guerra do paraguai
 
Revisão 6º ano ASSUNTO : Roma Antiga
Revisão 6º ano ASSUNTO : Roma AntigaRevisão 6º ano ASSUNTO : Roma Antiga
Revisão 6º ano ASSUNTO : Roma Antiga
 
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução Federalista - Prof. Altair AguilarRevolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
 
Estados unidos
Estados unidosEstados unidos
Estados unidos
 
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
 
Povoamento do América
Povoamento do AméricaPovoamento do América
Povoamento do América
 
A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)
A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)
A chegada do ser humano na América - 6º Ano (2017)
 

Semelhante a História do Rio Grande do Sul

História-do-Rio-Grande-do-Sul.pdf
História-do-Rio-Grande-do-Sul.pdfHistória-do-Rio-Grande-do-Sul.pdf
História-do-Rio-Grande-do-Sul.pdf
jeessica medeiros
 
Rio grandedo sul]
Rio grandedo sul]Rio grandedo sul]
Rio grandedo sul]
♥Andréia♥ andreia
 
A literatura gaucha
A literatura gauchaA literatura gaucha
A literatura gaucha
Valkiria Marks
 
Guerra do paraguai
Guerra do paraguaiGuerra do paraguai
Guerra do paraguai
Anderson_cp2
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Secretaria de educação do estado e do municipio.
 
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdfrepblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
Lídia Pereira Silva Souza
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Secretaria de educação do estado e do municipio.
 
Brasil Conflitos
Brasil ConflitosBrasil Conflitos
Brasil Conflitos
Josy Cipriano
 
Guerra do Paraguai e a Crise do Império.pptx
Guerra do Paraguai e a Crise do Império.pptxGuerra do Paraguai e a Crise do Império.pptx
Guerra do Paraguai e a Crise do Império.pptx
israellucassilvamati
 
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptxSegundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
valeria908734
 
Segundo reinado e a república
Segundo reinado e a repúblicaSegundo reinado e a república
Segundo reinado e a república
ChicoBraun
 
Trabalho História - Farrapos.pdf
Trabalho História - Farrapos.pdfTrabalho História - Farrapos.pdf
Trabalho História - Farrapos.pdf
Black4057
 
Segundo reinado e a república
Segundo reinado e a repúblicaSegundo reinado e a república
Segundo reinado e a república
Francisco Neto
 
República oligárquica
República oligárquicaRepública oligárquica
República oligárquica
Valeria Kosicki
 
Brasil império
Brasil  impérioBrasil  império
Brasil império
Lucimara Foloni
 
Revoltas República Velha
Revoltas República VelhaRevoltas República Velha
Revoltas República Velha
Rose Vital
 
República velha 4
República velha 4República velha 4
República velha 4
harlissoncarvalho
 
OcupaçãO De Mato Grosso
OcupaçãO De Mato GrossoOcupaçãO De Mato Grosso
OcupaçãO De Mato Grosso
Paticx
 
Conflitos sociais na rep. velha rurais
Conflitos sociais na rep. velha   ruraisConflitos sociais na rep. velha   rurais
Conflitos sociais na rep. velha rurais
historiando
 
Revolução farroupilha
Revolução farroupilhaRevolução farroupilha
Revolução farroupilha
mateus_95
 

Semelhante a História do Rio Grande do Sul (20)

História-do-Rio-Grande-do-Sul.pdf
História-do-Rio-Grande-do-Sul.pdfHistória-do-Rio-Grande-do-Sul.pdf
História-do-Rio-Grande-do-Sul.pdf
 
Rio grandedo sul]
Rio grandedo sul]Rio grandedo sul]
Rio grandedo sul]
 
A literatura gaucha
A literatura gauchaA literatura gaucha
A literatura gaucha
 
Guerra do paraguai
Guerra do paraguaiGuerra do paraguai
Guerra do paraguai
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
 
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdfrepblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
 
Brasil Conflitos
Brasil ConflitosBrasil Conflitos
Brasil Conflitos
 
Guerra do Paraguai e a Crise do Império.pptx
Guerra do Paraguai e a Crise do Império.pptxGuerra do Paraguai e a Crise do Império.pptx
Guerra do Paraguai e a Crise do Império.pptx
 
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptxSegundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
 
Segundo reinado e a república
Segundo reinado e a repúblicaSegundo reinado e a república
Segundo reinado e a república
 
Trabalho História - Farrapos.pdf
Trabalho História - Farrapos.pdfTrabalho História - Farrapos.pdf
Trabalho História - Farrapos.pdf
 
Segundo reinado e a república
Segundo reinado e a repúblicaSegundo reinado e a república
Segundo reinado e a república
 
República oligárquica
República oligárquicaRepública oligárquica
República oligárquica
 
Brasil império
Brasil  impérioBrasil  império
Brasil império
 
Revoltas República Velha
Revoltas República VelhaRevoltas República Velha
Revoltas República Velha
 
República velha 4
República velha 4República velha 4
República velha 4
 
OcupaçãO De Mato Grosso
OcupaçãO De Mato GrossoOcupaçãO De Mato Grosso
OcupaçãO De Mato Grosso
 
Conflitos sociais na rep. velha rurais
Conflitos sociais na rep. velha   ruraisConflitos sociais na rep. velha   rurais
Conflitos sociais na rep. velha rurais
 
Revolução farroupilha
Revolução farroupilhaRevolução farroupilha
Revolução farroupilha
 

Mais de Carlos Glufke

Egito fenicios persas e hebreus
Egito fenicios persas e hebreusEgito fenicios persas e hebreus
Egito fenicios persas e hebreus
Carlos Glufke
 
Modo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografiasModo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografias
Carlos Glufke
 
Modo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografiasModo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografias
Carlos Glufke
 
História Geral
História GeralHistória Geral
História Geral
Carlos Glufke
 
Enem - CULTURA - por Cadu
Enem - CULTURA - por CaduEnem - CULTURA - por Cadu
Enem - CULTURA - por Cadu
Carlos Glufke
 
Brasil colonia
Brasil coloniaBrasil colonia
Brasil colonia
Carlos Glufke
 
Semestral século xix até nom
Semestral século xix até nomSemestral século xix até nom
Semestral século xix até nom
Carlos Glufke
 
A revolução russa
A revolução russaA revolução russa
A revolução russa
Carlos Glufke
 
Pre colombianos ate euro XIX
Pre colombianos ate euro XIXPre colombianos ate euro XIX
Pre colombianos ate euro XIX
Carlos Glufke
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
Carlos Glufke
 
Década de 20
Década de 20Década de 20
Década de 20
Carlos Glufke
 
Antiguidade ocidental completo
Antiguidade ocidental completoAntiguidade ocidental completo
Antiguidade ocidental completo
Carlos Glufke
 
Imperialismo – ásia
Imperialismo – ásiaImperialismo – ásia
Imperialismo – ásia
Carlos Glufke
 
Anos 60 – anos rebeldes e algo mais
Anos 60 – anos rebeldes e algo maisAnos 60 – anos rebeldes e algo mais
Anos 60 – anos rebeldes e algo mais
Carlos Glufke
 
Brasil República
Brasil RepúblicaBrasil República
Brasil República
Carlos Glufke
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordem
Carlos Glufke
 
Aulas finais ps II
Aulas finais ps IIAulas finais ps II
Aulas finais ps II
Carlos Glufke
 
Idade moderna 2 site
Idade moderna 2 siteIdade moderna 2 site
Idade moderna 2 site
Carlos Glufke
 
Historia de santa catarina 2
Historia de santa catarina 2Historia de santa catarina 2
Historia de santa catarina 2
Carlos Glufke
 
Historia de santa catarina
Historia de santa catarinaHistoria de santa catarina
Historia de santa catarina
Carlos Glufke
 

Mais de Carlos Glufke (20)

Egito fenicios persas e hebreus
Egito fenicios persas e hebreusEgito fenicios persas e hebreus
Egito fenicios persas e hebreus
 
Modo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografiasModo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografias
 
Modo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografiasModo de produção asiático em outras geografias
Modo de produção asiático em outras geografias
 
História Geral
História GeralHistória Geral
História Geral
 
Enem - CULTURA - por Cadu
Enem - CULTURA - por CaduEnem - CULTURA - por Cadu
Enem - CULTURA - por Cadu
 
Brasil colonia
Brasil coloniaBrasil colonia
Brasil colonia
 
Semestral século xix até nom
Semestral século xix até nomSemestral século xix até nom
Semestral século xix até nom
 
A revolução russa
A revolução russaA revolução russa
A revolução russa
 
Pre colombianos ate euro XIX
Pre colombianos ate euro XIXPre colombianos ate euro XIX
Pre colombianos ate euro XIX
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
Década de 20
Década de 20Década de 20
Década de 20
 
Antiguidade ocidental completo
Antiguidade ocidental completoAntiguidade ocidental completo
Antiguidade ocidental completo
 
Imperialismo – ásia
Imperialismo – ásiaImperialismo – ásia
Imperialismo – ásia
 
Anos 60 – anos rebeldes e algo mais
Anos 60 – anos rebeldes e algo maisAnos 60 – anos rebeldes e algo mais
Anos 60 – anos rebeldes e algo mais
 
Brasil República
Brasil RepúblicaBrasil República
Brasil República
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordem
 
Aulas finais ps II
Aulas finais ps IIAulas finais ps II
Aulas finais ps II
 
Idade moderna 2 site
Idade moderna 2 siteIdade moderna 2 site
Idade moderna 2 site
 
Historia de santa catarina 2
Historia de santa catarina 2Historia de santa catarina 2
Historia de santa catarina 2
 
Historia de santa catarina
Historia de santa catarinaHistoria de santa catarina
Historia de santa catarina
 

História do Rio Grande do Sul

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.  
  • 6.
  • 7.
  • 8. Capitania do Rio Grande de São Pedro do Sul em 1809
  • 9.
  • 10. Colonização alemã Entre 1824 e 1830 entraram no Rio Grande do Sul 5350 alemães. Por problemas políticos e depois por causa da Revolução Farroupilha a imigração ficou interrompida entre 1830 e 1844. Reiniciada a imigração, entre 1844 e 1850 chegaram mais dez mil imigrantes, e entre 1860 e 1889 outros dez mil. Entre 1890 e 1914 chegaram mais 17 mil alemães.
  • 11.
  • 13.
  • 14.
  • 15. Julio de Castilhos e Borges de Medeiros Júlio Prates de Castilhos (Cruz Alta, 29 de junho de 1860 — Porto Alegre, 24 de outubro de 1903) foi um jornalista e político brasileiro, eleito Patriarca do Rio Grande do Sul pelos seus conterrâneos. Foi presidente do Rio Grande do Sul por duas vezes e principal autor da Constituição Estadual de 1891. Disseminou o ideário positivista no Brasil. Antônio Augusto Borges de Medeiros (Caçapava do Sul, 19 de novembro de 1863 — Porto Alegre, 25 de abril de 1961) foi um advogado e político brasileiro, tendo sido presidente do estado do Rio Grande do Sul por 25 anos, durante o período conhecido como República Velha.
  • 16. Revolução de 1923 A Revolução de 1923 foi o movimento armado ocorrido durante onze meses daquele ano no estado do Rio Grande do Sul, Brasil, em que lutaram, de um lado, os partidários de Borges de Medeiros (borgistas) e, de outro, os aliados de Joaquim Francisco de Assis Brasil (assisistas). Em verdade, o ódio entre as facções era mais antigo. Vinha desde a Revolução Federalista de 1893, que teve como marca a degola, dilacerando vidas e trazendo desgraça e tristeza para muitas famílias. Essa Revolução deixou sentimentos de vingança e violência em muitos corações, que teve quase continuidade na Revolução de 1923. Em dezembro de 1923, pacificou-se a revolução no Pacto de Pedras Altas, no famoso castelo, residência de Assis Brasil.
  • 17. Revolução de 1930 A Revolução de 1930 foi o movimento armado, liderado pelos estados de Minas Gerais, Paraíba e Rio Grande do Sul, que culminou com o golpe de Estado, o Golpe de 1930, que depôs o presidente da república Washington Luís em 24 de outubro de 1930, impediu a posse do presidente eleito Júlio Prestes e pôs fim à República Velha.
  • 18. Legalidade Em 25 de agosto de 1961, Jânio Quadros renuncia ao cargo de Presidente, enquanto João Goulart, vice-presidente, está em visita à China. O Brasil vive momentos de instabilidade nunca vista. Os militares, que temem ver no Brasil um governo de esquerda impedem o vice-presidente de assumir o cargo como mandava a lei. Leonel Brizola, então governador do Rio Grande do Sul, inicia um movimento de resistência, pregando a legalidade, ou seja, a posse de Jango. Brizola fala ao povo pela rádio e inicia o movimento denominado a Rede da Legalidade. Transmitidos a partir de um estúdio montado no porão do palácio, os programas da legalidade alcançavam ouvintes, até mesmo em outros estados.
  • 19.  
  • 20.  
  • 21.