SlideShare uma empresa Scribd logo
Geomorfologia
Estrutura interna da Terra
 
 
 
 
 
FALHA TECTÔNICA
CHOQUES DE PLACAS
ATIVIDADE SÍSMICA
SEPARAÇÃO DE PLACAS
 
 
PLACAS E CONTINENTES
FORMAÇÕES DO RELEVO O termo bacia sedimentar é usado para se referir a uma área geográfica que exibe uma depressão decorrente da subsidência do terreno, formando uma grande bacia que recebe os sedimentos provenientes das áreas altas que a circundam, os quais vão se acumulando e a medida que vão sendo soterrados, são submetidos a um aumento de pressão e temperatura, iniciando o processo de litificação, formando uma sucessão de estratos de rochas sedimentares.
 
AGENTES ESCULPIDORES DO RELEVO As rochas que estão aflorando na crosta terrestre, sejam de que tipo for, sofrem constantemente desagregação e decomposição, seguidas de transporte dos fragmentos assim produzidos. Esses fragmentos, chamados sedimentos, são depositados em outros locais, onde, com a passar de muito tempo, poderão dar origem a novas rochas, do tipo sedimentar.  O intemperismo e a erosão são as fases iniciais desse grande processo geológico.
I N T E M P E R I S M O  Dá-se o nome de intemperismo (também chamado de meteorização) ao conjunto de alterações físicas (desagregação) e químicas (decomposição) que as rochas sofrem quando ficam expostas na superfície da Terra. É um processo importante porque é o início de um processo maior que continua com a erosão e a deposição do material por ele formado, com a posterior diagênese, que leva à formação das rochas sedimentares.
Fatores que controlam o intemperismo  Clima Relevo   Rocha-mãe   Tempo   Fauna e flora
Tipos de intemperismo: Intemperismo físico :Consiste basicamente na desagregação da rocha, com separação dos grãos minerais que a compõem e fragmentação da massa rochosa original.  Intemperismo químico: O principal agente do intemperismo química é a água, que, absorvendo o CO2 da atmosfera, adquire características ácidas. Intemperismo biológico : bem menos importante que os dois tipos anteriores e se dá através da ação de bactérias, que decompõem materiais orgânicos.
E R O S Ã O  Erosão é o conjunto de processos que promovem a retirada e transporte do material produzido pelo intemperismo, ocasionando o desgaste do relevo. Seus principais agentes são a água, o vento e o gelo.  O material transportado recebe o nome de sedimento e vai dar origem aos depósitos sedimentares que, através da diagênese, transformam-se em rochas sedimentares. Chama-se de diagênese um conjunto de transformações que, em resumo, consistem em compactação e cimentação dos sedimentos, dando-lhes a consistência de uma rocha.
Erosão pluvial É aquela provocada pela água das chuvas. Como foi dito, a água é um dos principais agentes erosivos. Sua ação é lenta, mas pode ser acelerada quando ela encontra o solo desprovido de vegetação, como nas áreas desmatadas.
Erosão fluvial   É aquela causada por rios, perenes ou temporários. É semelhante à erosão pluvial, mas em escala maior e em regime permanente ou pelo menos mais prolongado que a erosão pluvial
Erosão marinha (abrasão)  :Seu trabalho é reforçado pela presença de areia e silte em suspensão.
Erosão eólica   É aquela decorrente da ação do vento. Ocorre em regiões áridas e secas, onde existe areia solta, capaz de ser transportada pelo vento, que a joga contra as rochas, desgastando-as e dando origem, muitas vezes, a formas bizarras
Ação antrópica O QUE ACONTECEU?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Estruturas geológicas
Estruturas geológicasEstruturas geológicas
Estruturas geológicas
João José Ferreira Tojal
 
Oceanos e mares
Oceanos e maresOceanos e mares
Oceanos e mares
Henrique Pontes
 
Intemperismo
IntemperismoIntemperismo
Intemperismo
ceama
 
Climas do brasil
Climas do brasilClimas do brasil
Climas do brasil
Alexia 14
 
Ciclo da água
Ciclo da águaCiclo da água
Ciclo da água
Adeilton051402
 
Estrutura geológica do brasil
Estrutura geológica do brasilEstrutura geológica do brasil
Estrutura geológica do brasil
Alexandre Sampaio
 
II - DERIVA CONTINENTAL
II - DERIVA CONTINENTALII - DERIVA CONTINENTAL
II - DERIVA CONTINENTAL
sandranascimento
 
Tectonica Placas
Tectonica PlacasTectonica Placas
Tectonica Placas
Sérgio Luiz
 
Dinâmica da terra
Dinâmica da terraDinâmica da terra
Dinâmica da terra
Raquel Avila
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
Simone Peixoto
 
Processo de Erosão
Processo de ErosãoProcesso de Erosão
Processo de Erosão
Rodrigo Attique
 
Geologia terremoto
Geologia  terremotoGeologia  terremoto
Geologia terremoto
Fellipe França
 
Erosões
ErosõesErosões
Origem e formação do solo
Origem e formação do soloOrigem e formação do solo
Origem e formação do solo
Fabíola Mello
 
Classificação do Relevo Brasileiro
Classificação do Relevo BrasileiroClassificação do Relevo Brasileiro
Classificação do Relevo Brasileiro
Rodrigo Pavesi
 
Agentes modeladores do relevo externos
Agentes modeladores do relevo externosAgentes modeladores do relevo externos
Agentes modeladores do relevo externos
Fernanda Lopes
 
Dinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevoDinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevo
João José Ferreira Tojal
 
Estrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizado
Estrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizadoEstrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizado
Estrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizado
Jones Godinho
 
Tipos de Rochas
Tipos de RochasTipos de Rochas
Tipos de Rochas
Márcia Dutra
 
Ciclo da agua
Ciclo da aguaCiclo da agua
Ciclo da agua
Pelo Siro
 

Mais procurados (20)

Estruturas geológicas
Estruturas geológicasEstruturas geológicas
Estruturas geológicas
 
Oceanos e mares
Oceanos e maresOceanos e mares
Oceanos e mares
 
Intemperismo
IntemperismoIntemperismo
Intemperismo
 
Climas do brasil
Climas do brasilClimas do brasil
Climas do brasil
 
Ciclo da água
Ciclo da águaCiclo da água
Ciclo da água
 
Estrutura geológica do brasil
Estrutura geológica do brasilEstrutura geológica do brasil
Estrutura geológica do brasil
 
II - DERIVA CONTINENTAL
II - DERIVA CONTINENTALII - DERIVA CONTINENTAL
II - DERIVA CONTINENTAL
 
Tectonica Placas
Tectonica PlacasTectonica Placas
Tectonica Placas
 
Dinâmica da terra
Dinâmica da terraDinâmica da terra
Dinâmica da terra
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
 
Processo de Erosão
Processo de ErosãoProcesso de Erosão
Processo de Erosão
 
Geologia terremoto
Geologia  terremotoGeologia  terremoto
Geologia terremoto
 
Erosões
ErosõesErosões
Erosões
 
Origem e formação do solo
Origem e formação do soloOrigem e formação do solo
Origem e formação do solo
 
Classificação do Relevo Brasileiro
Classificação do Relevo BrasileiroClassificação do Relevo Brasileiro
Classificação do Relevo Brasileiro
 
Agentes modeladores do relevo externos
Agentes modeladores do relevo externosAgentes modeladores do relevo externos
Agentes modeladores do relevo externos
 
Dinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevoDinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevo
 
Estrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizado
Estrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizadoEstrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizado
Estrutura geológica e formas de relevo terrestre - atualizado
 
Tipos de Rochas
Tipos de RochasTipos de Rochas
Tipos de Rochas
 
Ciclo da agua
Ciclo da aguaCiclo da agua
Ciclo da agua
 

Destaque

Agropecuaria12
Agropecuaria12Agropecuaria12
Agropecuaria12
Ademir Aquino
 
Estrutura Forma Relevo
Estrutura Forma RelevoEstrutura Forma Relevo
Estrutura Forma Relevo
antoniogeo
 
Formação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevoFormação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevo
Prof. Francesco Torres
 
Formação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevoFormação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevo
Prof. Francesco Torres
 
Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12
Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12
Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12
Yago Matos
 
Solos e clima
Solos e climaSolos e clima
Intemperismo apresentação
Intemperismo apresentaçãoIntemperismo apresentação
Intemperismo apresentação
Luis Aurelio Sanches
 
O solo: formação e tipos
O solo: formação e tiposO solo: formação e tipos
O solo: formação e tipos
Regina Oliveira
 
Slide: Relevo brasileiro, Geografia.
Slide: Relevo brasileiro, Geografia.Slide: Relevo brasileiro, Geografia.
Slide: Relevo brasileiro, Geografia.
agendab
 

Destaque (9)

Agropecuaria12
Agropecuaria12Agropecuaria12
Agropecuaria12
 
Estrutura Forma Relevo
Estrutura Forma RelevoEstrutura Forma Relevo
Estrutura Forma Relevo
 
Formação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevoFormação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevo
 
Formação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevoFormação e modelagem do relevo
Formação e modelagem do relevo
 
Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12
Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12
Intemperismo e Erosão e Movimento de Massa - Capítulos 7 e 12
 
Solos e clima
Solos e climaSolos e clima
Solos e clima
 
Intemperismo apresentação
Intemperismo apresentaçãoIntemperismo apresentação
Intemperismo apresentação
 
O solo: formação e tipos
O solo: formação e tiposO solo: formação e tipos
O solo: formação e tipos
 
Slide: Relevo brasileiro, Geografia.
Slide: Relevo brasileiro, Geografia.Slide: Relevo brasileiro, Geografia.
Slide: Relevo brasileiro, Geografia.
 

Semelhante a Formação do relevo, erosão e intemperismo

Ficha informativa cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicas
Ficha informativa   cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicasFicha informativa   cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicas
Ficha informativa cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicas
Pelo Siro
 
Texto Intemperismo e Erosão
Texto Intemperismo e ErosãoTexto Intemperismo e Erosão
Texto Intemperismo e Erosão
CADUCOCFRENTE2
 
Processose produtosdasedimentacao
Processose produtosdasedimentacaoProcessose produtosdasedimentacao
Processose produtosdasedimentacao
Petroleoecologia
 
Agentes formadores do relevo
Agentes formadores do relevoAgentes formadores do relevo
Agentes formadores do relevo
Fernando M. Knapik
 
Ciclo das rochas ciências
Ciclo das rochas   ciênciasCiclo das rochas   ciências
Ciclo das rochas ciências
Gonçalo Matos
 
formação do relevo terrestre
 formação do relevo terrestre  formação do relevo terrestre
formação do relevo terrestre
AnaClaudiaHonorio
 
Dinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevoDinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevo
João José Ferreira Tojal
 
Intemperismo e erosão
Intemperismo e erosãoIntemperismo e erosão
Intemperismo e erosão
Sabrina Medeiros
 
EROSÃO.ppt
EROSÃO.pptEROSÃO.ppt
EROSÃO.ppt
NicolasTotti
 
Solos aula 1
Solos   aula 1Solos   aula 1
Solos aula 1
Maria Lucia Rosa
 
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluiçãoCiências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
elonvila
 
6ºano aula (cap. 5)
6ºano aula (cap. 5)6ºano aula (cap. 5)
6ºano aula (cap. 5)
Alexandre Alves
 
Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...
Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...
Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...
ErotildeDamascenoSal
 
Litosfera
LitosferaLitosfera
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
Sthefanny Pina
 
Intemperismo químico
Intemperismo químicoIntemperismo químico
Intemperismo químico
jessica zambonato
 
Intemperismo
IntemperismoIntemperismo
Intemperismo
Luciana Reis
 
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º AnoResumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Vitor Perfeito
 
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
SthefannyPina18
 
Relevo
RelevoRelevo
Relevo
turmac11
 

Semelhante a Formação do relevo, erosão e intemperismo (20)

Ficha informativa cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicas
Ficha informativa   cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicasFicha informativa   cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicas
Ficha informativa cn-7º-ano-dinamica-externa-da-terra-paisagens-geologicas
 
Texto Intemperismo e Erosão
Texto Intemperismo e ErosãoTexto Intemperismo e Erosão
Texto Intemperismo e Erosão
 
Processose produtosdasedimentacao
Processose produtosdasedimentacaoProcessose produtosdasedimentacao
Processose produtosdasedimentacao
 
Agentes formadores do relevo
Agentes formadores do relevoAgentes formadores do relevo
Agentes formadores do relevo
 
Ciclo das rochas ciências
Ciclo das rochas   ciênciasCiclo das rochas   ciências
Ciclo das rochas ciências
 
formação do relevo terrestre
 formação do relevo terrestre  formação do relevo terrestre
formação do relevo terrestre
 
Dinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevoDinâmica interna e externa do relevo
Dinâmica interna e externa do relevo
 
Intemperismo e erosão
Intemperismo e erosãoIntemperismo e erosão
Intemperismo e erosão
 
EROSÃO.ppt
EROSÃO.pptEROSÃO.ppt
EROSÃO.ppt
 
Solos aula 1
Solos   aula 1Solos   aula 1
Solos aula 1
 
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluiçãoCiências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
Ciências do Ambiente - Cap 4 - Meio terrestre: características e poluição
 
6ºano aula (cap. 5)
6ºano aula (cap. 5)6ºano aula (cap. 5)
6ºano aula (cap. 5)
 
Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...
Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...
Agentes Externos do Relevo, apresentação elaborada para o 1º Ano do Ensino Mé...
 
Litosfera
LitosferaLitosfera
Litosfera
 
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
 
Intemperismo químico
Intemperismo químicoIntemperismo químico
Intemperismo químico
 
Intemperismo
IntemperismoIntemperismo
Intemperismo
 
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º AnoResumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
Resumos Biologia Geologia (GEOLOGIA) 10º Ano
 
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
 
Relevo
RelevoRelevo
Relevo
 

Mais de Ione Rocha

Revisao de geografia
Revisao de geografiaRevisao de geografia
Revisao de geografia
Ione Rocha
 
Dicas de estudo
Dicas de estudoDicas de estudo
Dicas de estudo
Ione Rocha
 
Atmosfera e clima
Atmosfera e climaAtmosfera e clima
Atmosfera e clima
Ione Rocha
 
A atmosfera terrestre
A atmosfera terrestreA atmosfera terrestre
A atmosfera terrestre
Ione Rocha
 
Populacao, desenvolvimento economico e meio ambiente
Populacao, desenvolvimento economico e meio ambientePopulacao, desenvolvimento economico e meio ambiente
Populacao, desenvolvimento economico e meio ambiente
Ione Rocha
 
Dinamica ecossistemica
Dinamica ecossistemicaDinamica ecossistemica
Dinamica ecossistemica
Ione Rocha
 
Ciclos biogeoquimicos
Ciclos biogeoquimicosCiclos biogeoquimicos
Ciclos biogeoquimicos
Ione Rocha
 
Biosfera
Biosfera Biosfera
Biosfera
Ione Rocha
 
A biosfera
A biosferaA biosfera
A biosfera
Ione Rocha
 
Solos
SolosSolos
Solos
Ione Rocha
 
Globalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimento
Globalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimentoGlobalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimento
Globalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimento
Ione Rocha
 
Revisão ii geografia
Revisão ii   geografiaRevisão ii   geografia
Revisão ii geografia
Ione Rocha
 
Estrutura, forma e classificação do relevo
Estrutura, forma e classificação do relevoEstrutura, forma e classificação do relevo
Estrutura, forma e classificação do relevo
Ione Rocha
 
Estrutura geológica da terra e do brasil
Estrutura geológica da terra e do brasilEstrutura geológica da terra e do brasil
Estrutura geológica da terra e do brasil
Ione Rocha
 
Climatologia - sistema climático
Climatologia  -  sistema climáticoClimatologia  -  sistema climático
Climatologia - sistema climático
Ione Rocha
 
A formação do mundo capitalista
A formação do mundo capitalistaA formação do mundo capitalista
A formação do mundo capitalista
Ione Rocha
 
A inserção do brasil na economia mundo
A inserção do brasil na economia mundo A inserção do brasil na economia mundo
A inserção do brasil na economia mundo
Ione Rocha
 
Introdução à climatologia
Introdução à climatologiaIntrodução à climatologia
Introdução à climatologia
Ione Rocha
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
Ione Rocha
 
A primavera árabe
A primavera árabeA primavera árabe
A primavera árabe
Ione Rocha
 

Mais de Ione Rocha (20)

Revisao de geografia
Revisao de geografiaRevisao de geografia
Revisao de geografia
 
Dicas de estudo
Dicas de estudoDicas de estudo
Dicas de estudo
 
Atmosfera e clima
Atmosfera e climaAtmosfera e clima
Atmosfera e clima
 
A atmosfera terrestre
A atmosfera terrestreA atmosfera terrestre
A atmosfera terrestre
 
Populacao, desenvolvimento economico e meio ambiente
Populacao, desenvolvimento economico e meio ambientePopulacao, desenvolvimento economico e meio ambiente
Populacao, desenvolvimento economico e meio ambiente
 
Dinamica ecossistemica
Dinamica ecossistemicaDinamica ecossistemica
Dinamica ecossistemica
 
Ciclos biogeoquimicos
Ciclos biogeoquimicosCiclos biogeoquimicos
Ciclos biogeoquimicos
 
Biosfera
Biosfera Biosfera
Biosfera
 
A biosfera
A biosferaA biosfera
A biosfera
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
Globalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimento
Globalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimentoGlobalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimento
Globalização, ambiente e sustentabilidade do desenvolvimento
 
Revisão ii geografia
Revisão ii   geografiaRevisão ii   geografia
Revisão ii geografia
 
Estrutura, forma e classificação do relevo
Estrutura, forma e classificação do relevoEstrutura, forma e classificação do relevo
Estrutura, forma e classificação do relevo
 
Estrutura geológica da terra e do brasil
Estrutura geológica da terra e do brasilEstrutura geológica da terra e do brasil
Estrutura geológica da terra e do brasil
 
Climatologia - sistema climático
Climatologia  -  sistema climáticoClimatologia  -  sistema climático
Climatologia - sistema climático
 
A formação do mundo capitalista
A formação do mundo capitalistaA formação do mundo capitalista
A formação do mundo capitalista
 
A inserção do brasil na economia mundo
A inserção do brasil na economia mundo A inserção do brasil na economia mundo
A inserção do brasil na economia mundo
 
Introdução à climatologia
Introdução à climatologiaIntrodução à climatologia
Introdução à climatologia
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
A primavera árabe
A primavera árabeA primavera árabe
A primavera árabe
 

Formação do relevo, erosão e intemperismo

  • 3.  
  • 4.  
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 12.  
  • 13.  
  • 15. FORMAÇÕES DO RELEVO O termo bacia sedimentar é usado para se referir a uma área geográfica que exibe uma depressão decorrente da subsidência do terreno, formando uma grande bacia que recebe os sedimentos provenientes das áreas altas que a circundam, os quais vão se acumulando e a medida que vão sendo soterrados, são submetidos a um aumento de pressão e temperatura, iniciando o processo de litificação, formando uma sucessão de estratos de rochas sedimentares.
  • 16.  
  • 17. AGENTES ESCULPIDORES DO RELEVO As rochas que estão aflorando na crosta terrestre, sejam de que tipo for, sofrem constantemente desagregação e decomposição, seguidas de transporte dos fragmentos assim produzidos. Esses fragmentos, chamados sedimentos, são depositados em outros locais, onde, com a passar de muito tempo, poderão dar origem a novas rochas, do tipo sedimentar. O intemperismo e a erosão são as fases iniciais desse grande processo geológico.
  • 18. I N T E M P E R I S M O Dá-se o nome de intemperismo (também chamado de meteorização) ao conjunto de alterações físicas (desagregação) e químicas (decomposição) que as rochas sofrem quando ficam expostas na superfície da Terra. É um processo importante porque é o início de um processo maior que continua com a erosão e a deposição do material por ele formado, com a posterior diagênese, que leva à formação das rochas sedimentares.
  • 19. Fatores que controlam o intemperismo Clima Relevo Rocha-mãe Tempo Fauna e flora
  • 20. Tipos de intemperismo: Intemperismo físico :Consiste basicamente na desagregação da rocha, com separação dos grãos minerais que a compõem e fragmentação da massa rochosa original. Intemperismo químico: O principal agente do intemperismo química é a água, que, absorvendo o CO2 da atmosfera, adquire características ácidas. Intemperismo biológico : bem menos importante que os dois tipos anteriores e se dá através da ação de bactérias, que decompõem materiais orgânicos.
  • 21. E R O S Ã O Erosão é o conjunto de processos que promovem a retirada e transporte do material produzido pelo intemperismo, ocasionando o desgaste do relevo. Seus principais agentes são a água, o vento e o gelo. O material transportado recebe o nome de sedimento e vai dar origem aos depósitos sedimentares que, através da diagênese, transformam-se em rochas sedimentares. Chama-se de diagênese um conjunto de transformações que, em resumo, consistem em compactação e cimentação dos sedimentos, dando-lhes a consistência de uma rocha.
  • 22. Erosão pluvial É aquela provocada pela água das chuvas. Como foi dito, a água é um dos principais agentes erosivos. Sua ação é lenta, mas pode ser acelerada quando ela encontra o solo desprovido de vegetação, como nas áreas desmatadas.
  • 23. Erosão fluvial É aquela causada por rios, perenes ou temporários. É semelhante à erosão pluvial, mas em escala maior e em regime permanente ou pelo menos mais prolongado que a erosão pluvial
  • 24. Erosão marinha (abrasão) :Seu trabalho é reforçado pela presença de areia e silte em suspensão.
  • 25. Erosão eólica É aquela decorrente da ação do vento. Ocorre em regiões áridas e secas, onde existe areia solta, capaz de ser transportada pelo vento, que a joga contra as rochas, desgastando-as e dando origem, muitas vezes, a formas bizarras
  • 26. Ação antrópica O QUE ACONTECEU?