SlideShare uma empresa Scribd logo
Focos de tensão:
       Europa                João f. tojal




FACEBOOK
facebook.com/groups/geocontexto

BLOG
geocontexto.blogspot.com
Rivalidades étnicas, religiosas, territoriais e
econômica eclodiram quando o foco de tensão
entre EUA e URSS se findou juntamente à Guerra
Fria.

Fragmentação do bloco soviético provocou conflitos
que perduram até os dias de hoje
Península Balcânica
                      Croatas
                      Sérvios
                      Montenegrinos
                      Macedônios
                      Eslovenos
                      Muçulmanos
                      Albaneses
Até a 1º Guerra Mundial
                          Império Austro-húngaro
 BALCÃS                   Império Turco-otomano
Pan-eslavino (pós 1918)
                          Montenegro
União de povos eslavos    Kosovo
Pós I Guerra Mundial      Voivodina
                          Macedonia
Impérios dissolvidos      Bósnia-Herzegovina
                          Sérvia
                          Croacia
                          Eslovênia




                          IUGOSLÁVIA (união
                           dos povos eslavos do
                                   sul)
FRAGMENTAÇÃO DA IUGOSLÁVIA
Alemanha Nazista invade a Iugoslávia (socialista)
Marechal croata Josip Broz Tito lidera civis e militares
Fim da II Guerra Mundial até 1980 Tito Mantêm a
unidade entre as repúblicas que compunham a
Iugoslávia

1980 Tito morre e enfraquece a coesão do país

Lutas separatistas
DESAGREGAÇÃO (1991 – 2008)
1990
Pluripartidarismo
Sérvia – Slobodam Milosevic (favorável a unidade territorial)
Eslovênia, Croácia – Elegem presidentes não socialistas
Macedônia, Bósnia-Herzegovina alcançam a independência
em 1991
Sérvia não aceita a independência
Guerra civil




  Caráter nacionalista
  Etnorreligioso
  Massacres
  Limpeza Étnica
Guerra da Bósnia (1992 – 1995)
1991 Independência da Bósnia (Bósnia-Herzegovina)
Sérvia invade a Bósnia, cerca Sarajevo  A Sérvia precisava
                                        da Bósnia, para ter
Reconhecida pela UE e EUA                acesso ao porto
                                            Dubrovinik
Questionada por Sérvios                   (Mediterrâneo)




        O parlamento bósnio em chamas após ser
         bombardeado pela artilharia sérvia em
                     maio de 1992.
Limpeza étnica (genocídio e transferência massiva de
populações) promovida pela Sérvia

Bósnia pede intervenção militar, recebe ajuda humanitária

1993 Croácia entra em guerra reivindicando o território Bósnio
da Herzegovina, depois se volta contra a Sérvia
Acordo de Dayton (1995)
O acordo foi assinado em 21 de novembro de 1995, depois
de três semanas de negociações entre os líderes da Bósnia,
da Croácia e da Sérvia, com intermediação do governo
americano, na época sob o presidente Bill Clinton.




  Então secretário norte-americano de
   Estado, Christopher,ao lado do ex-
   presidente bósnio Izetbegovic e do
      presidente croata, Tudjman
Guerra de Kosovo
90% Albaneses
Separatismo cresceu em 1998 e evoluiu para um conflito
armado em 1999
Massacre de albaneses Kosovares continua após o cessar-
fogo de Milosevic
Bombardeio da OTAN (1999)


                        1º Operação Militar, provocou a rendição da
                                        Iugoslávia
Sérvia e Montenegro,
Kosovo e Voivodina
permanecem na Federação
Iugoslávia
2003 Renomeada como
Sérvia e Montenegro
2006 plebiscito em
Montenegro aprova
separação (sem conflito)
dessas repúblicas
Independência do
Kosovo

17/7/2008 – Independência
em relações a Sérvia

Sérvia não aceita perder
sua província

Suíça, Albânia, Eslovênia e EUA
apoiam a independência de
Kosovo
Federação Russa
Reúne cerca de 130 povos, presencia, atualmente, a
ascensão do sentimento nacionalista dos povos não-russos, o
que traz riscos de desagregação ao seu território
Cáucaso
Cáucaso: região de grande diversidade étnica, teve duas influências
religiosas fundamentais: a cristã ortodoxa e a islâmica. Os conflitos atuais
dessa região estão ligados a nacionalismos (motivos políticos) e às
diferenças religiosas.
Uma das maiores diversidades etnolinguísticas do mundo, com
cerca de 100 etnias para aproximadamente 21 milhões de
habitantes
Chechênia
1 milhão de muçulmanos sunitas (área um pouco maior que Sergipe)
Rota de importantes oleodutos e gasodutos
Celeiro agrícola
“russificação”, Stalin
Pós Guerra Fria, independência da Geórgia, Armênia e Azerbaijão, Rússia
não aceita a independência da Chechênia (conflito que matou cerca de
100 mil pessoas)
1996 assinado acordo de paz
1999 centenas de civis moscovitas foram mortos em
atentados a Moscou
Governo Putin culpa muçulmanos chechenos e ataca a
região (campanha militar, limpeza étnica), rumores apontam
que atentados em moscou foram cometidos pelo serviço
secreto Russo
Atentado ao teatro Dubrovka (2002)
Gás narcotizante, 50 rebeldes mortos e 129 reféns
Escola de Beslan (Ossétia do Sul, 2004)
Chechenos exigiam a saída das tropas russas
1200 reféns houve 339 mortes, grande parte crianças
Inicio do século XX
Luta pela independência da Irlanda (1922), Sinn Féin (político) e IRA
(Exercito Republicano Irlandês)
Maioria protestante (norte da ilha) permanece com o Reino Unido
(Anos 1960) Minoria católica tinham pouca participação política,
baixos salários, piores empregos...




Homens do IRA no começo da década e 1920
• Protestante aprova a união
        58%            com o Reino Unido

                     • Católica lutam pelo fim da
        42%            dominação inglesa e união
                       com Irlanda

 Supremacia protestante se deu por meio da opressão e
  descriminação, confisco de terras e privação de direitos
  políticos
 Católicos revoltados se reuniram em guerrilhas
 Manifestações políticas por melhores condições
 Sofreram retaliação da maioria protestante, esse fato
  desencadeou a reação do IRA, que empregava atos
  terroristas e táticas de guerrilha
1972, tropas inglesas reprimiram uma manifestação pacífica
de católicos, prendendo diversas pessoas e matando mais de
dezenas de jovens
Domingo sangrento (Bloody Sunday)
Reino Unido / Irlanda (2002)
cor 105 min

Direção Paul Greengrass

O dia é 30 de janeiro de 1972. Na
cidade de Derry, na Irlanda do Norte, os
cidadãos saem em passeata pelos
direitos humanos. Sem motivo aparente,
soldados britânicos atiram e matam 13
pessoas desarmadas e, a princípio, sem
qualquer conexão com o IRA, o grupo
que luta pela libertação da Irlanda do
Norte. Esse episódio é conhecido como
Domingo Sangrento e marca o começo
do conflito que transformou-se em
guerra civil, com muitos atos de
violência e terrorismo. O filme
acompanha, em estilo seco e realista, a
vida de quatro homens envolvidos em
ambos os lados do conflito.
28 de julho de 2005, depois de décadas de conflitos o IRA
anuncia o fim da luta armada
Com a decisão o grupo pôs fim à violência que deixou mais
de 3000 mortos no Reino Unido
Região Basca
Povo com origem e língua desconhecidas (euskara), a mais antiga e sem
ligação com nenhuma outra
Guerra civil espanhola (1936-1939), o ditador Francisco Franco oprimiu as
minorias presentes em território espanhol
Bombardeio à cidade de Guernica, na região basca




PABLO PICASSO - Crítica as ações do governo franquista contra a
população na Espanha
Buscando resgatar sua cultura, foi criado na região basca um
grupo separatista armado, o Euskadi Ta Askatasuna – ETA
(Pátria Basca e Liberdade)

Os atentados do ETA já mataram mais de 850 pessoas
Reinvindicações do partido político basco
(Herri Batasuna)
   Formação de um Estado Basco
   Incorporação da província de Navarra
   Reconhecimento internacional
   Retirada da polícia espanhola
   Anistia aos presos políticos bascos

2006 líderes do ETA anunciaram
o fim da atuação terrorista do movimento

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O mundo bipolar
O mundo bipolarO mundo bipolar
O mundo bipolar
Vitor Pereira Rodrigues
 
Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.
Camila Brito
 
Geografia - Os principais focos de tensão mundial
Geografia - Os principais focos de tensão mundialGeografia - Os principais focos de tensão mundial
Geografia - Os principais focos de tensão mundial
Carson Souza
 
Questão Palestina
Questão PalestinaQuestão Palestina
Questão Palestina
Portal do Vestibulando
 
Demografia
DemografiaDemografia
O mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra friaO mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra fria
Isabel Aguiar
 
A divisão norte sul
A divisão norte sulA divisão norte sul
A divisão norte sul
Professor
 
GlobalizaçãO
GlobalizaçãOGlobalizaçãO
GlobalizaçãO
Glauber Moraes
 
Guerra ao Terror
Guerra ao TerrorGuerra ao Terror
Guerra ao Terror
eiprofessor
 
Aula Geopolitica
Aula GeopoliticaAula Geopolitica
Aula Geopolitica
Italo Alan
 
Movimentos separatistas no mundo contemporâneo
Movimentos separatistas no mundo contemporâneoMovimentos separatistas no mundo contemporâneo
Movimentos separatistas no mundo contemporâneo
Elton Zanoni
 
Irã x Iraque
Irã x IraqueIrã x Iraque
Irã x Iraque
Isabela Almeida
 
Aula 2 terrorismo
Aula 2   terrorismoAula 2   terrorismo
Aula 2 terrorismo
Isabela Espíndola
 
Pirâmide etária
Pirâmide etáriaPirâmide etária
Pirâmide etária
Vitor Pereira Rodrigues
 
Geopolítica dos conflitos AFRICA
Geopolítica dos conflitos AFRICAGeopolítica dos conflitos AFRICA
Geopolítica dos conflitos AFRICA
Professora Verônica Santos
 
População mundial
População mundialPopulação mundial
População mundial
Uilson Pereira da Silva
 
As Ordens Mundiais
As Ordens MundiaisAs Ordens Mundiais
As Ordens Mundiais
Professora Verônica Santos
 
8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano
8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano
8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano
Cléber Figueiredo Beda de Ávila
 
Nova Ordem Mundial
Nova Ordem MundialNova Ordem Mundial
Nova Ordem Mundial
Carminha
 
Cap4 eua potencia mundial-economia
Cap4 eua potencia mundial-economiaCap4 eua potencia mundial-economia
Cap4 eua potencia mundial-economia
Fernanda Lopes
 

Mais procurados (20)

O mundo bipolar
O mundo bipolarO mundo bipolar
O mundo bipolar
 
Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.
 
Geografia - Os principais focos de tensão mundial
Geografia - Os principais focos de tensão mundialGeografia - Os principais focos de tensão mundial
Geografia - Os principais focos de tensão mundial
 
Questão Palestina
Questão PalestinaQuestão Palestina
Questão Palestina
 
Demografia
DemografiaDemografia
Demografia
 
O mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra friaO mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra fria
 
A divisão norte sul
A divisão norte sulA divisão norte sul
A divisão norte sul
 
GlobalizaçãO
GlobalizaçãOGlobalizaçãO
GlobalizaçãO
 
Guerra ao Terror
Guerra ao TerrorGuerra ao Terror
Guerra ao Terror
 
Aula Geopolitica
Aula GeopoliticaAula Geopolitica
Aula Geopolitica
 
Movimentos separatistas no mundo contemporâneo
Movimentos separatistas no mundo contemporâneoMovimentos separatistas no mundo contemporâneo
Movimentos separatistas no mundo contemporâneo
 
Irã x Iraque
Irã x IraqueIrã x Iraque
Irã x Iraque
 
Aula 2 terrorismo
Aula 2   terrorismoAula 2   terrorismo
Aula 2 terrorismo
 
Pirâmide etária
Pirâmide etáriaPirâmide etária
Pirâmide etária
 
Geopolítica dos conflitos AFRICA
Geopolítica dos conflitos AFRICAGeopolítica dos conflitos AFRICA
Geopolítica dos conflitos AFRICA
 
População mundial
População mundialPopulação mundial
População mundial
 
As Ordens Mundiais
As Ordens MundiaisAs Ordens Mundiais
As Ordens Mundiais
 
8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano
8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano
8º Ano - Módulo 04 - Continente Americano
 
Nova Ordem Mundial
Nova Ordem MundialNova Ordem Mundial
Nova Ordem Mundial
 
Cap4 eua potencia mundial-economia
Cap4 eua potencia mundial-economiaCap4 eua potencia mundial-economia
Cap4 eua potencia mundial-economia
 

Destaque

Iugoslavia Conflitos Blog Geografia
Iugoslavia   Conflitos   Blog GeografiaIugoslavia   Conflitos   Blog Geografia
Iugoslavia Conflitos Blog Geografia
Loucos por Geografia
 
Fim da Iugoslávia
Fim da IugosláviaFim da Iugoslávia
Fim da Iugoslávia
Valéria Shoujofan
 
Bosnia E Kosovo
Bosnia E KosovoBosnia E Kosovo
Bosnia E Kosovo
Wladmir Coelho
 
BalcãS2 Muito Bom
BalcãS2 Muito BomBalcãS2 Muito Bom
BalcãS2 Muito Bom
MÁRIO CÉSAR SOUZA
 
Focos de tensão
Focos de tensãoFocos de tensão
Focos de tensão
Léo Miranda
 
Oriente Medio
Oriente MedioOriente Medio
Conflitos no mundo geografia
Conflitos no mundo   geografiaConflitos no mundo   geografia
Conflitos no mundo geografia
turmac12
 
CONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPACONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPA
Raimund M Souza
 
China Parte 2
China  Parte 2China  Parte 2
China Parte 2
ceama
 
Governo Wenceslau Braz - 1914-1918
Governo Wenceslau Braz - 1914-1918Governo Wenceslau Braz - 1914-1918
Governo Wenceslau Braz - 1914-1918
Guilherme Drumond
 
Asia - aspectos naturais
Asia - aspectos naturaisAsia - aspectos naturais
Asia - aspectos naturais
João José Ferreira Tojal
 
Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.
Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.
Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.
ElvisJohnR
 
Capítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomia
Capítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomiaCapítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomia
Capítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomia
Guilherme Drumond
 
Clima e tempo
Clima e tempoClima e tempo
Clima e tempo
Guilherme Drumond
 
Mercantilismo - Mapa conceitual
Mercantilismo - Mapa conceitualMercantilismo - Mapa conceitual
Mercantilismo - Mapa conceitual
Guilherme Drumond
 
Florestas pluviais
Florestas pluviaisFlorestas pluviais
Florestas pluviais
Guilherme Drumond
 
Climatologia - Atmosfera e sua dinamica
Climatologia - Atmosfera e sua dinamicaClimatologia - Atmosfera e sua dinamica
Climatologia - Atmosfera e sua dinamica
João José Ferreira Tojal
 
Estilo românico e gótico
Estilo românico e góticoEstilo românico e gótico
Estilo românico e gótico
Guilherme Drumond
 
Conflitos na irlanda do norte
Conflitos na irlanda do norteConflitos na irlanda do norte
Conflitos na irlanda do norte
Fernando Fagundes
 
Massas de Ar e Climas do Brasil
Massas de Ar e Climas do BrasilMassas de Ar e Climas do Brasil
Massas de Ar e Climas do Brasil
João José Ferreira Tojal
 

Destaque (20)

Iugoslavia Conflitos Blog Geografia
Iugoslavia   Conflitos   Blog GeografiaIugoslavia   Conflitos   Blog Geografia
Iugoslavia Conflitos Blog Geografia
 
Fim da Iugoslávia
Fim da IugosláviaFim da Iugoslávia
Fim da Iugoslávia
 
Bosnia E Kosovo
Bosnia E KosovoBosnia E Kosovo
Bosnia E Kosovo
 
BalcãS2 Muito Bom
BalcãS2 Muito BomBalcãS2 Muito Bom
BalcãS2 Muito Bom
 
Focos de tensão
Focos de tensãoFocos de tensão
Focos de tensão
 
Oriente Medio
Oriente MedioOriente Medio
Oriente Medio
 
Conflitos no mundo geografia
Conflitos no mundo   geografiaConflitos no mundo   geografia
Conflitos no mundo geografia
 
CONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPACONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPA
 
China Parte 2
China  Parte 2China  Parte 2
China Parte 2
 
Governo Wenceslau Braz - 1914-1918
Governo Wenceslau Braz - 1914-1918Governo Wenceslau Braz - 1914-1918
Governo Wenceslau Braz - 1914-1918
 
Asia - aspectos naturais
Asia - aspectos naturaisAsia - aspectos naturais
Asia - aspectos naturais
 
Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.
Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.
Intolerância religiosa: Palestina; Tailândia, Tibete, Nigéria.
 
Capítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomia
Capítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomiaCapítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomia
Capítulo 1 - aula 1 - Geossistemas e astronomia
 
Clima e tempo
Clima e tempoClima e tempo
Clima e tempo
 
Mercantilismo - Mapa conceitual
Mercantilismo - Mapa conceitualMercantilismo - Mapa conceitual
Mercantilismo - Mapa conceitual
 
Florestas pluviais
Florestas pluviaisFlorestas pluviais
Florestas pluviais
 
Climatologia - Atmosfera e sua dinamica
Climatologia - Atmosfera e sua dinamicaClimatologia - Atmosfera e sua dinamica
Climatologia - Atmosfera e sua dinamica
 
Estilo românico e gótico
Estilo românico e góticoEstilo românico e gótico
Estilo românico e gótico
 
Conflitos na irlanda do norte
Conflitos na irlanda do norteConflitos na irlanda do norte
Conflitos na irlanda do norte
 
Massas de Ar e Climas do Brasil
Massas de Ar e Climas do BrasilMassas de Ar e Climas do Brasil
Massas de Ar e Climas do Brasil
 

Semelhante a Focos de tensão

Yasmim
YasmimYasmim
Yasmim
Lauro Silva
 
Cópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptx
Cópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptxCópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptx
Cópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptx
RicardoStavrakakis1
 
Conflitos nos balcãs
Conflitos nos balcãsConflitos nos balcãs
Conflitos nos balcãs
Wesley Germano Otávio
 
tensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptx
tensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptxtensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptx
tensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptx
gia0123
 
Conflitos Separatistas
Conflitos SeparatistasConflitos Separatistas
Conflitos Separatistas
Paticx
 
Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)
Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)
Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)
Marcos Mamute
 
Iugoslávia
IugosláviaIugoslávia
Apresentação1 geopolitica
Apresentação1 geopoliticaApresentação1 geopolitica
Apresentação1 geopolitica
je1981
 
IugosláVia Ii - Jw
IugosláVia Ii - JwIugosláVia Ii - Jw
IugosláVia Ii - Jw
Clayton Oliveira
 
Fragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da IugoslaviaFragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da Iugoslavia
Deto - Geografia
 
A guerra da iugoslávia
A guerra da iugosláviaA guerra da iugoslávia
A guerra da iugoslávia
Nelia Salles Nantes
 
Geopolítica dos conflitos EUROPA
Geopolítica dos conflitos EUROPAGeopolítica dos conflitos EUROPA
Geopolítica dos conflitos EUROPA
Professora Verônica Santos
 
BalcãS Geopolitik
BalcãS GeopolitikBalcãS Geopolitik
BalcãS Geopolitik
MÁRIO CÉSAR SOUZA
 
Dissolução da Iugoslávia
Dissolução da IugosláviaDissolução da Iugoslávia
Dissolução da Iugoslávia
João Oliveira
 
Europa 1
Europa 1Europa 1
Europa 1
Débora Sales
 
Os conflitos da iugoslavia
Os conflitos da iugoslaviaOs conflitos da iugoslavia
Os conflitos da iugoslavia
GuilhermePassos25
 
Exercício de fixação
Exercício de fixaçãoExercício de fixação
Exercício de fixação
Marcia Roberto
 
Idade contempor%e2nea iugusl%e1via
Idade contempor%e2nea   iugusl%e1viaIdade contempor%e2nea   iugusl%e1via
Idade contempor%e2nea iugusl%e1via
je1981
 
CONFLITOS NOS BALCÃS
CONFLITOS NOS BALCÃSCONFLITOS NOS BALCÃS
CONFLITOS NOS BALCÃS
Wesley Germano Otávio
 
Europa Sociedade CSFX
Europa Sociedade CSFXEuropa Sociedade CSFX
Europa Sociedade CSFX
Fabiane Ferreira
 

Semelhante a Focos de tensão (20)

Yasmim
YasmimYasmim
Yasmim
 
Cópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptx
Cópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptxCópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptx
Cópia de Conflitos étnico-nacionalista completo 260324 (1).pptx
 
Conflitos nos balcãs
Conflitos nos balcãsConflitos nos balcãs
Conflitos nos balcãs
 
tensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptx
tensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptxtensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptx
tensoes-etnicas-na-europa-template-1.pptx
 
Conflitos Separatistas
Conflitos SeparatistasConflitos Separatistas
Conflitos Separatistas
 
Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)
Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)
Guerra nos Bálcãs (Iugoslávia)
 
Iugoslávia
IugosláviaIugoslávia
Iugoslávia
 
Apresentação1 geopolitica
Apresentação1 geopoliticaApresentação1 geopolitica
Apresentação1 geopolitica
 
IugosláVia Ii - Jw
IugosláVia Ii - JwIugosláVia Ii - Jw
IugosláVia Ii - Jw
 
Fragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da IugoslaviaFragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da Iugoslavia
 
A guerra da iugoslávia
A guerra da iugosláviaA guerra da iugoslávia
A guerra da iugoslávia
 
Geopolítica dos conflitos EUROPA
Geopolítica dos conflitos EUROPAGeopolítica dos conflitos EUROPA
Geopolítica dos conflitos EUROPA
 
BalcãS Geopolitik
BalcãS GeopolitikBalcãS Geopolitik
BalcãS Geopolitik
 
Dissolução da Iugoslávia
Dissolução da IugosláviaDissolução da Iugoslávia
Dissolução da Iugoslávia
 
Europa 1
Europa 1Europa 1
Europa 1
 
Os conflitos da iugoslavia
Os conflitos da iugoslaviaOs conflitos da iugoslavia
Os conflitos da iugoslavia
 
Exercício de fixação
Exercício de fixaçãoExercício de fixação
Exercício de fixação
 
Idade contempor%e2nea iugusl%e1via
Idade contempor%e2nea   iugusl%e1viaIdade contempor%e2nea   iugusl%e1via
Idade contempor%e2nea iugusl%e1via
 
CONFLITOS NOS BALCÃS
CONFLITOS NOS BALCÃSCONFLITOS NOS BALCÃS
CONFLITOS NOS BALCÃS
 
Europa Sociedade CSFX
Europa Sociedade CSFXEuropa Sociedade CSFX
Europa Sociedade CSFX
 

Mais de João José Ferreira Tojal

China e Índia - os dois gigantes asiáticos
China e Índia -  os dois gigantes asiáticosChina e Índia -  os dois gigantes asiáticos
China e Índia - os dois gigantes asiáticos
João José Ferreira Tojal
 
Africa Subsaariana
Africa SubsaarianaAfrica Subsaariana
Africa Subsaariana
João José Ferreira Tojal
 
Industria
IndustriaIndustria
Energia
EnergiaEnergia
Agricultura
AgriculturaAgricultura
Transportes
TransportesTransportes
Teorias demograficas geo
Teorias demograficas geoTeorias demograficas geo
Teorias demograficas geo
João José Ferreira Tojal
 
Formação e desmembramento da urss
Formação e desmembramento da urssFormação e desmembramento da urss
Formação e desmembramento da urss
João José Ferreira Tojal
 
Europa - localização e aspectos naturais I
Europa - localização e aspectos naturais IEuropa - localização e aspectos naturais I
Europa - localização e aspectos naturais I
João José Ferreira Tojal
 
Africa - um continente pobre e cobiçado
Africa - um continente pobre e cobiçadoAfrica - um continente pobre e cobiçado
Africa - um continente pobre e cobiçado
João José Ferreira Tojal
 
Recursos minerais do brasil - I
Recursos minerais do brasil - IRecursos minerais do brasil - I
Recursos minerais do brasil - I
João José Ferreira Tojal
 
Coberturas vegetais do planeta e do brasil
Coberturas vegetais do planeta e do brasilCoberturas vegetais do planeta e do brasil
Coberturas vegetais do planeta e do brasil
João José Ferreira Tojal
 
Globalização e blocos econômicos
Globalização e blocos econômicosGlobalização e blocos econômicos
Globalização e blocos econômicos
João José Ferreira Tojal
 
Estrutura geológica
Estrutura geológicaEstrutura geológica
Estrutura geológica
João José Ferreira Tojal
 
Relevo do brasil
Relevo do brasilRelevo do brasil
Relevo do brasil
João José Ferreira Tojal
 
Os meios de orientação e os fusos horários
Os meios de orientação e os fusos horáriosOs meios de orientação e os fusos horários
Os meios de orientação e os fusos horários
João José Ferreira Tojal
 
Minerais, rochas e solos
Minerais, rochas e solosMinerais, rochas e solos
Minerais, rochas e solos
João José Ferreira Tojal
 
Ciência geográfica e conceitos da geografia
Ciência geográfica e conceitos da geografiaCiência geográfica e conceitos da geografia
Ciência geográfica e conceitos da geografia
João José Ferreira Tojal
 
Geopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais IGeopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais I
João José Ferreira Tojal
 
Urbanização e problemas urbanos
Urbanização e problemas urbanosUrbanização e problemas urbanos
Urbanização e problemas urbanos
João José Ferreira Tojal
 

Mais de João José Ferreira Tojal (20)

China e Índia - os dois gigantes asiáticos
China e Índia -  os dois gigantes asiáticosChina e Índia -  os dois gigantes asiáticos
China e Índia - os dois gigantes asiáticos
 
Africa Subsaariana
Africa SubsaarianaAfrica Subsaariana
Africa Subsaariana
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
 
Agricultura
AgriculturaAgricultura
Agricultura
 
Transportes
TransportesTransportes
Transportes
 
Teorias demograficas geo
Teorias demograficas geoTeorias demograficas geo
Teorias demograficas geo
 
Formação e desmembramento da urss
Formação e desmembramento da urssFormação e desmembramento da urss
Formação e desmembramento da urss
 
Europa - localização e aspectos naturais I
Europa - localização e aspectos naturais IEuropa - localização e aspectos naturais I
Europa - localização e aspectos naturais I
 
Africa - um continente pobre e cobiçado
Africa - um continente pobre e cobiçadoAfrica - um continente pobre e cobiçado
Africa - um continente pobre e cobiçado
 
Recursos minerais do brasil - I
Recursos minerais do brasil - IRecursos minerais do brasil - I
Recursos minerais do brasil - I
 
Coberturas vegetais do planeta e do brasil
Coberturas vegetais do planeta e do brasilCoberturas vegetais do planeta e do brasil
Coberturas vegetais do planeta e do brasil
 
Globalização e blocos econômicos
Globalização e blocos econômicosGlobalização e blocos econômicos
Globalização e blocos econômicos
 
Estrutura geológica
Estrutura geológicaEstrutura geológica
Estrutura geológica
 
Relevo do brasil
Relevo do brasilRelevo do brasil
Relevo do brasil
 
Os meios de orientação e os fusos horários
Os meios de orientação e os fusos horáriosOs meios de orientação e os fusos horários
Os meios de orientação e os fusos horários
 
Minerais, rochas e solos
Minerais, rochas e solosMinerais, rochas e solos
Minerais, rochas e solos
 
Ciência geográfica e conceitos da geografia
Ciência geográfica e conceitos da geografiaCiência geográfica e conceitos da geografia
Ciência geográfica e conceitos da geografia
 
Geopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais IGeopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais I
 
Urbanização e problemas urbanos
Urbanização e problemas urbanosUrbanização e problemas urbanos
Urbanização e problemas urbanos
 

Focos de tensão

  • 1. Focos de tensão: Europa João f. tojal FACEBOOK facebook.com/groups/geocontexto BLOG geocontexto.blogspot.com
  • 2.
  • 3. Rivalidades étnicas, religiosas, territoriais e econômica eclodiram quando o foco de tensão entre EUA e URSS se findou juntamente à Guerra Fria. Fragmentação do bloco soviético provocou conflitos que perduram até os dias de hoje
  • 4. Península Balcânica Croatas Sérvios Montenegrinos Macedônios Eslovenos Muçulmanos Albaneses
  • 5. Até a 1º Guerra Mundial Império Austro-húngaro BALCÃS Império Turco-otomano
  • 6. Pan-eslavino (pós 1918) Montenegro União de povos eslavos Kosovo Pós I Guerra Mundial Voivodina Macedonia Impérios dissolvidos Bósnia-Herzegovina Sérvia Croacia Eslovênia IUGOSLÁVIA (união dos povos eslavos do sul)
  • 7.
  • 8. FRAGMENTAÇÃO DA IUGOSLÁVIA Alemanha Nazista invade a Iugoslávia (socialista) Marechal croata Josip Broz Tito lidera civis e militares
  • 9. Fim da II Guerra Mundial até 1980 Tito Mantêm a unidade entre as repúblicas que compunham a Iugoslávia 1980 Tito morre e enfraquece a coesão do país Lutas separatistas
  • 10. DESAGREGAÇÃO (1991 – 2008) 1990 Pluripartidarismo Sérvia – Slobodam Milosevic (favorável a unidade territorial) Eslovênia, Croácia – Elegem presidentes não socialistas Macedônia, Bósnia-Herzegovina alcançam a independência em 1991
  • 11. Sérvia não aceita a independência Guerra civil Caráter nacionalista Etnorreligioso Massacres Limpeza Étnica
  • 12. Guerra da Bósnia (1992 – 1995) 1991 Independência da Bósnia (Bósnia-Herzegovina) Sérvia invade a Bósnia, cerca Sarajevo A Sérvia precisava da Bósnia, para ter Reconhecida pela UE e EUA acesso ao porto Dubrovinik Questionada por Sérvios (Mediterrâneo) O parlamento bósnio em chamas após ser bombardeado pela artilharia sérvia em maio de 1992.
  • 13. Limpeza étnica (genocídio e transferência massiva de populações) promovida pela Sérvia Bósnia pede intervenção militar, recebe ajuda humanitária 1993 Croácia entra em guerra reivindicando o território Bósnio da Herzegovina, depois se volta contra a Sérvia
  • 14.
  • 15. Acordo de Dayton (1995) O acordo foi assinado em 21 de novembro de 1995, depois de três semanas de negociações entre os líderes da Bósnia, da Croácia e da Sérvia, com intermediação do governo americano, na época sob o presidente Bill Clinton. Então secretário norte-americano de Estado, Christopher,ao lado do ex- presidente bósnio Izetbegovic e do presidente croata, Tudjman
  • 16. Guerra de Kosovo 90% Albaneses Separatismo cresceu em 1998 e evoluiu para um conflito armado em 1999 Massacre de albaneses Kosovares continua após o cessar- fogo de Milosevic Bombardeio da OTAN (1999) 1º Operação Militar, provocou a rendição da Iugoslávia
  • 17. Sérvia e Montenegro, Kosovo e Voivodina permanecem na Federação Iugoslávia 2003 Renomeada como Sérvia e Montenegro 2006 plebiscito em Montenegro aprova separação (sem conflito) dessas repúblicas
  • 18. Independência do Kosovo 17/7/2008 – Independência em relações a Sérvia Sérvia não aceita perder sua província Suíça, Albânia, Eslovênia e EUA apoiam a independência de Kosovo
  • 19.
  • 20.
  • 21. Federação Russa Reúne cerca de 130 povos, presencia, atualmente, a ascensão do sentimento nacionalista dos povos não-russos, o que traz riscos de desagregação ao seu território
  • 22. Cáucaso Cáucaso: região de grande diversidade étnica, teve duas influências religiosas fundamentais: a cristã ortodoxa e a islâmica. Os conflitos atuais dessa região estão ligados a nacionalismos (motivos políticos) e às diferenças religiosas. Uma das maiores diversidades etnolinguísticas do mundo, com cerca de 100 etnias para aproximadamente 21 milhões de habitantes
  • 23. Chechênia 1 milhão de muçulmanos sunitas (área um pouco maior que Sergipe) Rota de importantes oleodutos e gasodutos Celeiro agrícola “russificação”, Stalin Pós Guerra Fria, independência da Geórgia, Armênia e Azerbaijão, Rússia não aceita a independência da Chechênia (conflito que matou cerca de 100 mil pessoas)
  • 24.
  • 25. 1996 assinado acordo de paz 1999 centenas de civis moscovitas foram mortos em atentados a Moscou Governo Putin culpa muçulmanos chechenos e ataca a região (campanha militar, limpeza étnica), rumores apontam que atentados em moscou foram cometidos pelo serviço secreto Russo
  • 26. Atentado ao teatro Dubrovka (2002) Gás narcotizante, 50 rebeldes mortos e 129 reféns Escola de Beslan (Ossétia do Sul, 2004) Chechenos exigiam a saída das tropas russas 1200 reféns houve 339 mortes, grande parte crianças
  • 27.
  • 28. Inicio do século XX Luta pela independência da Irlanda (1922), Sinn Féin (político) e IRA (Exercito Republicano Irlandês) Maioria protestante (norte da ilha) permanece com o Reino Unido (Anos 1960) Minoria católica tinham pouca participação política, baixos salários, piores empregos... Homens do IRA no começo da década e 1920
  • 29. • Protestante aprova a união 58% com o Reino Unido • Católica lutam pelo fim da 42% dominação inglesa e união com Irlanda  Supremacia protestante se deu por meio da opressão e descriminação, confisco de terras e privação de direitos políticos  Católicos revoltados se reuniram em guerrilhas  Manifestações políticas por melhores condições  Sofreram retaliação da maioria protestante, esse fato desencadeou a reação do IRA, que empregava atos terroristas e táticas de guerrilha
  • 30. 1972, tropas inglesas reprimiram uma manifestação pacífica de católicos, prendendo diversas pessoas e matando mais de dezenas de jovens Domingo sangrento (Bloody Sunday)
  • 31. Reino Unido / Irlanda (2002) cor 105 min Direção Paul Greengrass O dia é 30 de janeiro de 1972. Na cidade de Derry, na Irlanda do Norte, os cidadãos saem em passeata pelos direitos humanos. Sem motivo aparente, soldados britânicos atiram e matam 13 pessoas desarmadas e, a princípio, sem qualquer conexão com o IRA, o grupo que luta pela libertação da Irlanda do Norte. Esse episódio é conhecido como Domingo Sangrento e marca o começo do conflito que transformou-se em guerra civil, com muitos atos de violência e terrorismo. O filme acompanha, em estilo seco e realista, a vida de quatro homens envolvidos em ambos os lados do conflito.
  • 32. 28 de julho de 2005, depois de décadas de conflitos o IRA anuncia o fim da luta armada Com a decisão o grupo pôs fim à violência que deixou mais de 3000 mortos no Reino Unido
  • 33. Região Basca Povo com origem e língua desconhecidas (euskara), a mais antiga e sem ligação com nenhuma outra Guerra civil espanhola (1936-1939), o ditador Francisco Franco oprimiu as minorias presentes em território espanhol
  • 34. Bombardeio à cidade de Guernica, na região basca PABLO PICASSO - Crítica as ações do governo franquista contra a população na Espanha
  • 35. Buscando resgatar sua cultura, foi criado na região basca um grupo separatista armado, o Euskadi Ta Askatasuna – ETA (Pátria Basca e Liberdade) Os atentados do ETA já mataram mais de 850 pessoas
  • 36. Reinvindicações do partido político basco (Herri Batasuna)  Formação de um Estado Basco  Incorporação da província de Navarra  Reconhecimento internacional  Retirada da polícia espanhola  Anistia aos presos políticos bascos 2006 líderes do ETA anunciaram o fim da atuação terrorista do movimento