SlideShare uma empresa Scribd logo
Pr. Eid Marques
Há uma série de
comentários tendenciosos e
distorcidos circulando as redes
sociais, em nossos dias,
atacando a prática dos dízimos.
Acusam os pastores que
ensinam essa doutrina de infiéis
e aproveitadores. Acusam as
igrejas que recebem os dízimos
de explorar o povo.
Outros, jeitosamente,
tentam descaracterizar o
dízimo, afirmando que essa
prática não tem amparo no
Novo Testamento. Tentam
limitar o dízimo apenas ao Velho
Testamento, afirmando que ele
é da lei e não vigente no tempo
da graça.
Não quero aqui apoiar os
muitos desvios de igrejas que,
erram, ao criarem mecanismos
místicos e inescrupulosos para
arrecadar dinheiro, vendendo
água purificadora, rosa ungida,
toalha suada e até tijolo
espiritual.
Essas práticas são pagãs e
nada tem a ver com ensino
bíblico da mordomia dos bens.
O fato, porém, de existir desvio
de uns, não significa que
devemos deixar de ensinar tudo
quanto a Bíblia fala sobre
dízimos e ofertas. Destaco,
aqui, alguns pontos para nossa
reflexão.
1. A Prática do Dízimo
Antecede à Lei
Aqueles que se recusam
ser dizimistas pelo fato de o
dízimo ser apenas da lei estão
equivocados. O dízimo é um
princípio espiritual presente
entre o povo de Deus desde os
tempos mais remotos.
Abraão pagou o dízimo a
Malquizedeque,
Gênesis 14
18
Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e
vinho; era sacerdote do Deus Altíssimo;
19
abençoou ele a Abrão e disse: Bendito seja
Abrão pelo Deus Altíssimo, que possui os
céus e a terra;
20
e bendito seja o Deus Altíssimo, que
entregou os teus adversários nas tuas mãos.
E de tudo lhe deu Abrão o dízimo.
e Jacó prometeu pagar o dízimo
ao Senhor, muito antes da lei
ser instituída.
Gênesis 28
20
Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for
comigo, e me guardar nesta jornada que
empreendo, e me der pão para comer e roupa que
me vista,
21
de maneira que eu volte em paz para a casa de
meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus;
22
e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de
Deus; e, de tudo quanto me concederes,
certamente eu te darei o dízimo.
2. A Prática do Dízimo Foi
Sancionada na Lei
O princípio que governava o
povo de Deus antes da lei, foi
ratificado na lei. Agora, há um
preceito claro e uma ordem
específica para se trazer todos
os dízimos ao Senhor.
Levítico27
32
No tocante às dízimas do gado e do
rebanho, de tudo o que passar debaixo do
bordão do pastor, o dízimo será santo ao
SENHOR.
Não entregar o dízimo é
transgredir a lei, e a
transgressão da lei constitui-se
em pecado.
I João 3
4
Todo aquele que pratica o pecado também
transgride a lei, porque o pecado é a
transgressão da lei.
3. A Prática do Dízimo Está
Presente em Toda a Bíblia
A fidelidade na mordomia
dos bens, a entrega fiel dos
dízimos e das ofertas, é um
ensino claro em toda a Bíblia.
Está presente no Pentateuco,
os livros da lei; está presente
nos livros históricos, poéticos e
proféticos.
Históricos:
Neemias 13
11
Então, contendi com os magistrados e disse:
Por que se desamparou a Casa de Deus?
Ajuntei os levitas e os cantores e os restituí a
seus postos.
12
Então, todo o Judá trouxe os dízimos dos
cereais, do vinho e do azeite aos depósitos.
Poéticos:
Provérbios 3
9
Honra ao SENHOR com os teus bens e com
as primícias de toda a tua renda;
10
e se encherão fartamente os teus celeiros, e
transbordarão de vinho os teus lagares.
Proféticos:
Malaquias 3
9
Com maldição sois amaldiçoados, porque a
mim me roubais, vós, a nação toda.
10
Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro,
para que haja mantimento na minha casa; e
provai-me nisto, diz o SENHOR dos
Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do
céu e não derramar sobre vós bênção sem
medida.
Também está explicitamente
ratificado nos evangelhos,
Mateus 23
23
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas,
porque dais o dízimo da hortelã, do endro e
do cominho e tendes negligenciado os
preceitos mais importantes da Lei: a justiça,
a misericórdia e a fé; devíeis, porém, fazer
estas coisas, sem omitir aquelas!
e nas epístolas.
Hebreus 7
8
Aliás, aqui são homens mortais os que
recebem dízimos, porém ali, aquele de quem
se testifica que vive.
Não podemos subestimar o
dízimo, não observá-lo é um
roubo a Deus. Não podemos
subtraí-lo, pois a Escritura é
clara em dizer que devemos
trazer “todos os dízimos”. Não
podemos administrá-lo, pois a
ordem: “Trazei todos os dízimos
à casa do tesouro”.
4. A Prática do Dízimo é Citada por
Jesus no Novo Testamento
Os fariseus superestimavam
o dízimo, fazendo de sua
prática, uma espécie de
amuleto. Eram rigorosos em sua
observância, mas negligenciam
os preceitos mais importantes
da lei: a justiça, a misericórdia e
a fé.
Jesus, deixa claro que
devemos observar atentamente
a prática dessas virtudes da fé
cristã, sem omitir a entrega dos
dízimos.
Mateus 23
23
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas,
porque dais o dízimo da hortelã, do endro e
do cominho e tendes negligenciado os
preceitos mais importantes da Lei: a justiça,
a misericórdia e a fé; devíeis, porém, fazer
estas coisas, sem omitir aquelas!
Ora, aqueles que usam o
argumento de que o dízimo é da
lei, e por estarmos debaixo da
graça, estamos isentos de
observá-lo; da mesma forma,
estariam também isentos da
justiça, da misericórdia e da fé,
porque essas virtudes, também,
são da lei.
Reter os dízimos é um
pecado de desobediência,
infidelidade e incredulidade.
Que Deus nos ajude a
sermos fiéis ao Deus
fiel pela observação e
prática de sua
Palavra.
Pr. Eid Marques

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
Ednilson do Valle
 
Estudo 16 oração e jejum
Estudo 16   oração e jejumEstudo 16   oração e jejum
Estudo 16 oração e jejum
Jaed Gomes
 
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e OfertasLição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Éder Tomé
 
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeDiscipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
Christian Lepelletier
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
guestc5d870
 
O líder de célula
O líder de célula O líder de célula
O líder de célula
Anderson Menger
 
Lição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTAS
Lição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTASLição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTAS
Lição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTAS
Hamilton Souza
 
Treinamento Diáconos IASD
Treinamento Diáconos IASDTreinamento Diáconos IASD
Treinamento Diáconos IASD
Gilson Barbosa
 
Amor
AmorAmor
Face a face com Deus
Face a face com DeusFace a face com Deus
Face a face com Deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM
DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM
DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM
LUIZ GUSTAVO Souza Paula
 
PRINCÍPIO DA LEALDADE
PRINCÍPIO DA LEALDADEPRINCÍPIO DA LEALDADE
PRINCÍPIO DA LEALDADE
Idpb São Jose I
 
50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I
Itamar Freire
 
O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
Márcio Martins
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
BispoAlberto
 
Primeira apostila dos jovens - PDF
Primeira apostila dos jovens - PDFPrimeira apostila dos jovens - PDF
Primeira apostila dos jovens - PDF
Lucas Martins
 
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deusComo ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Pr. Welfany Nolasco Rodrigues
 
manual-do-encontro com Deus
manual-do-encontro com Deusmanual-do-encontro com Deus
manual-do-encontro com Deus
Sergio Godoi
 
Curso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDCurso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBD
Sergio Silva
 

Mais procurados (20)

CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
 
Estudo 16 oração e jejum
Estudo 16   oração e jejumEstudo 16   oração e jejum
Estudo 16 oração e jejum
 
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e OfertasLição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
Lição 7 - A Mordomia dos Dízimos e Ofertas
 
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeDiscipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
 
O líder de célula
O líder de célula O líder de célula
O líder de célula
 
Lição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTAS
Lição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTASLição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTAS
Lição 7: A MORDOMIA DOS DÍZIMOS E OFERTAS
 
Treinamento Diáconos IASD
Treinamento Diáconos IASDTreinamento Diáconos IASD
Treinamento Diáconos IASD
 
Amor
AmorAmor
Amor
 
Face a face com Deus
Face a face com DeusFace a face com Deus
Face a face com Deus
 
DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM
DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM
DIACONATO MINISTÉRIO HEBROM
 
PRINCÍPIO DA LEALDADE
PRINCÍPIO DA LEALDADEPRINCÍPIO DA LEALDADE
PRINCÍPIO DA LEALDADE
 
50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I
 
O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
 
Primeira apostila dos jovens - PDF
Primeira apostila dos jovens - PDFPrimeira apostila dos jovens - PDF
Primeira apostila dos jovens - PDF
 
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deusComo ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
 
manual-do-encontro com Deus
manual-do-encontro com Deusmanual-do-encontro com Deus
manual-do-encontro com Deus
 
Curso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBDCurso de capacitação de professores da EBD
Curso de capacitação de professores da EBD
 

Destaque

Dez razões porque sou dizimista
Dez razões porque sou dizimistaDez razões porque sou dizimista
Dez razões porque sou dizimista
edivan silva pereira silva
 
Formação sobre Dízimo
Formação sobre DízimoFormação sobre Dízimo
Formação sobre Dízimo
mbsilva1971
 
Dízimos, Ofertas e Primícias
Dízimos, Ofertas e PrimíciasDízimos, Ofertas e Primícias
Dízimos, Ofertas e Primícias
Karyn Martins
 
Dimensões do Dízimo
Dimensões do DízimoDimensões do Dízimo
Dimensões do Dízimo
Antonio Castro
 
O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2
O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2
O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2
miguelrmn
 
10 qualidades da oferta perfeita jeff
10 qualidades da oferta perfeita  jeff10 qualidades da oferta perfeita  jeff
10 qualidades da oferta perfeita jeff
Ronaldo Loureiro
 
Honrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primíciasHonrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primícias
Luciano Pedroza
 
O poder das primicias
O poder das primiciasO poder das primicias
O poder das primicias
Sobre Uma Nova Direção
 
Dízimo e ofertas mordomia cristã (culto de doutrina)
Dízimo e ofertas   mordomia cristã (culto de doutrina)Dízimo e ofertas   mordomia cristã (culto de doutrina)
Dízimo e ofertas mordomia cristã (culto de doutrina)
jonasfreitasdejesus
 
Estudo da Semana - A benção de ser um dizimista fiel
Estudo da Semana - A benção de ser um dizimista fielEstudo da Semana - A benção de ser um dizimista fiel
Estudo da Semana - A benção de ser um dizimista fiel
Unção Do Crescimento
 
Primicias
PrimiciasPrimicias
Primicias
PrAdeilson
 
2 Dízimos e Ofertas
2 Dízimos e Ofertas 2 Dízimos e Ofertas
2 Dízimos e Ofertas
Márcio Pereira
 
Dízimos e Ofertas
Dízimos e OfertasDízimos e Ofertas
Dízimos e Ofertas
Igreja Bíblica da Confissão
 
Dízimos e ofertas
Dízimos e ofertasDízimos e ofertas
Dízimos e ofertas
Joselito Machado
 
22 dízimos e ofertas
22   dízimos e ofertas22   dízimos e ofertas
22 dízimos e ofertas
Carlos Roberto de Lima
 
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Albérico Henrique
 
Conage dizimo andre
Conage dizimo andreConage dizimo andre
Conage dizimo andre
conage2013
 
2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes
2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes
2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes
Natalino das Neves Neves
 
O discípulo e o dízimo
O discípulo e o dízimoO discípulo e o dízimo
O discípulo e o dízimo
pralucianaevangelista
 
O dízimo como expressão de generosidade
O dízimo como expressão de generosidadeO dízimo como expressão de generosidade
O dízimo como expressão de generosidade
Elder Moraes
 

Destaque (20)

Dez razões porque sou dizimista
Dez razões porque sou dizimistaDez razões porque sou dizimista
Dez razões porque sou dizimista
 
Formação sobre Dízimo
Formação sobre DízimoFormação sobre Dízimo
Formação sobre Dízimo
 
Dízimos, Ofertas e Primícias
Dízimos, Ofertas e PrimíciasDízimos, Ofertas e Primícias
Dízimos, Ofertas e Primícias
 
Dimensões do Dízimo
Dimensões do DízimoDimensões do Dízimo
Dimensões do Dízimo
 
O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2
O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2
O que voce precisa compreender para entregar o seu dízimo com alegria 2
 
10 qualidades da oferta perfeita jeff
10 qualidades da oferta perfeita  jeff10 qualidades da oferta perfeita  jeff
10 qualidades da oferta perfeita jeff
 
Honrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primíciasHonrando ao senhor com as primícias
Honrando ao senhor com as primícias
 
O poder das primicias
O poder das primiciasO poder das primicias
O poder das primicias
 
Dízimo e ofertas mordomia cristã (culto de doutrina)
Dízimo e ofertas   mordomia cristã (culto de doutrina)Dízimo e ofertas   mordomia cristã (culto de doutrina)
Dízimo e ofertas mordomia cristã (culto de doutrina)
 
Estudo da Semana - A benção de ser um dizimista fiel
Estudo da Semana - A benção de ser um dizimista fielEstudo da Semana - A benção de ser um dizimista fiel
Estudo da Semana - A benção de ser um dizimista fiel
 
Primicias
PrimiciasPrimicias
Primicias
 
2 Dízimos e Ofertas
2 Dízimos e Ofertas 2 Dízimos e Ofertas
2 Dízimos e Ofertas
 
Dízimos e Ofertas
Dízimos e OfertasDízimos e Ofertas
Dízimos e Ofertas
 
Dízimos e ofertas
Dízimos e ofertasDízimos e ofertas
Dízimos e ofertas
 
22 dízimos e ofertas
22   dízimos e ofertas22   dízimos e ofertas
22 dízimos e ofertas
 
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
 
Conage dizimo andre
Conage dizimo andreConage dizimo andre
Conage dizimo andre
 
2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes
2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes
2014 1 TRI LIÇÃO 12 - Consagração dos sacerdotes
 
O discípulo e o dízimo
O discípulo e o dízimoO discípulo e o dízimo
O discípulo e o dízimo
 
O dízimo como expressão de generosidade
O dízimo como expressão de generosidadeO dízimo como expressão de generosidade
O dízimo como expressão de generosidade
 

Semelhante a Dízimo

Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Quenia Damata
 
O dízimo no novo testamento
O dízimo no novo testamentoO dízimo no novo testamento
O dízimo no novo testamento
joaquim2010_2011
 
Dízimos presos ao passado
Dízimos   presos ao passadoDízimos   presos ao passado
Dízimos presos ao passado
Amauri Rodrigues Ferreira
 
Dizimo CERTO xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...
Dizimo CERTO  xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...Dizimo CERTO  xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...
Dizimo CERTO xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...
lindalva da cruz
 
OS PRODUTOS DE DEUS
OS PRODUTOS DE DEUSOS PRODUTOS DE DEUS
OS PRODUTOS DE DEUS
Janio Clever
 
Leituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano BLeituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano B
José Lima
 
Slide licao 1 3 t - 2019 - cpad
Slide licao 1   3 t - 2019 - cpadSlide licao 1   3 t - 2019 - cpad
Slide licao 1 3 t - 2019 - cpad
Vilma Longuini
 
Lição 1 - O que é Mordomia Cristã
Lição 1 - O que é Mordomia Cristã Lição 1 - O que é Mordomia Cristã
Lição 1 - O que é Mordomia Cristã
Éder Tomé
 
Autores diversos o dizimo nos dias atuais
Autores diversos   o dizimo nos dias atuaisAutores diversos   o dizimo nos dias atuais
Autores diversos o dizimo nos dias atuais
leniogravacoes
 
Lição 02 a verdade absoluta e a vida organizada
Lição 02   a verdade absoluta e a vida organizadaLição 02   a verdade absoluta e a vida organizada
Lição 02 a verdade absoluta e a vida organizada
Igreja Presbiteriana Emanuel
 
2021 2º trimestre jovens lição 12
2021 2º trimestre jovens lição 122021 2º trimestre jovens lição 12
2021 2º trimestre jovens lição 12
Joel Silva
 
Ensino sobre Dízimos e Ofertas.pdf
Ensino sobre Dízimos e Ofertas.pdfEnsino sobre Dízimos e Ofertas.pdf
Ensino sobre Dízimos e Ofertas.pdf
JhennaRibeiro
 
Aula dominical dízimos
Aula dominical dízimosAula dominical dízimos
Aula dominical dízimos
Jorge Aymar Costa
 
Aula dominical dízimos
Aula dominical dízimosAula dominical dízimos
Aula dominical dízimos
Jorge Aymar Costa
 
Reflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdf
Reflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdfReflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdf
Reflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdf
Pedro Siena
 
O DIZINO E A OFERTA.pdf
O DIZINO E A OFERTA.pdfO DIZINO E A OFERTA.pdf
O DIZINO E A OFERTA.pdf
JoacirRodrigues3
 
Quinta semana
Quinta semanaQuinta semana
Quinta semana
Félix Júnior
 
Devolvendo com alegria
Devolvendo com alegriaDevolvendo com alegria
Devolvendo com alegria
Instituto Teológico Gamaliel
 
Lbj lição 6 O sustento da igreja
Lbj lição 6   O sustento da igrejaLbj lição 6   O sustento da igreja
Lbj lição 6 O sustento da igreja
boasnovassena
 
“Cristo vive em mim”
“Cristo vive em mim”“Cristo vive em mim”
“Cristo vive em mim”
JUERP
 

Semelhante a Dízimo (20)

Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
 
O dízimo no novo testamento
O dízimo no novo testamentoO dízimo no novo testamento
O dízimo no novo testamento
 
Dízimos presos ao passado
Dízimos   presos ao passadoDízimos   presos ao passado
Dízimos presos ao passado
 
Dizimo CERTO xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...
Dizimo CERTO  xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...Dizimo CERTO  xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...
Dizimo CERTO xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx...
 
OS PRODUTOS DE DEUS
OS PRODUTOS DE DEUSOS PRODUTOS DE DEUS
OS PRODUTOS DE DEUS
 
Leituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano BLeituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 22° Domingo do Tempo Comum - Ano B
 
Slide licao 1 3 t - 2019 - cpad
Slide licao 1   3 t - 2019 - cpadSlide licao 1   3 t - 2019 - cpad
Slide licao 1 3 t - 2019 - cpad
 
Lição 1 - O que é Mordomia Cristã
Lição 1 - O que é Mordomia Cristã Lição 1 - O que é Mordomia Cristã
Lição 1 - O que é Mordomia Cristã
 
Autores diversos o dizimo nos dias atuais
Autores diversos   o dizimo nos dias atuaisAutores diversos   o dizimo nos dias atuais
Autores diversos o dizimo nos dias atuais
 
Lição 02 a verdade absoluta e a vida organizada
Lição 02   a verdade absoluta e a vida organizadaLição 02   a verdade absoluta e a vida organizada
Lição 02 a verdade absoluta e a vida organizada
 
2021 2º trimestre jovens lição 12
2021 2º trimestre jovens lição 122021 2º trimestre jovens lição 12
2021 2º trimestre jovens lição 12
 
Ensino sobre Dízimos e Ofertas.pdf
Ensino sobre Dízimos e Ofertas.pdfEnsino sobre Dízimos e Ofertas.pdf
Ensino sobre Dízimos e Ofertas.pdf
 
Aula dominical dízimos
Aula dominical dízimosAula dominical dízimos
Aula dominical dízimos
 
Aula dominical dízimos
Aula dominical dízimosAula dominical dízimos
Aula dominical dízimos
 
Reflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdf
Reflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdfReflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdf
Reflexoes Cristas Cristianismo e Cultura (Encontro 2 de 8).pdf
 
O DIZINO E A OFERTA.pdf
O DIZINO E A OFERTA.pdfO DIZINO E A OFERTA.pdf
O DIZINO E A OFERTA.pdf
 
Quinta semana
Quinta semanaQuinta semana
Quinta semana
 
Devolvendo com alegria
Devolvendo com alegriaDevolvendo com alegria
Devolvendo com alegria
 
Lbj lição 6 O sustento da igreja
Lbj lição 6   O sustento da igrejaLbj lição 6   O sustento da igreja
Lbj lição 6 O sustento da igreja
 
“Cristo vive em mim”
“Cristo vive em mim”“Cristo vive em mim”
“Cristo vive em mim”
 

Mais de Eid Marques

JUNTOS para que UM seja conhecido
JUNTOS para que UM seja conhecidoJUNTOS para que UM seja conhecido
JUNTOS para que UM seja conhecido
Eid Marques
 
Por Que Vivermos JUNTOS?
Por Que Vivermos JUNTOS?Por Que Vivermos JUNTOS?
Por Que Vivermos JUNTOS?
Eid Marques
 
Ele é a Luz do Mundo
Ele é a Luz do MundoEle é a Luz do Mundo
Ele é a Luz do Mundo
Eid Marques
 
O Amor de Deus
O Amor de DeusO Amor de Deus
O Amor de Deus
Eid Marques
 
O que eu posso fazer por missões
O que eu posso fazer por missõesO que eu posso fazer por missões
O que eu posso fazer por missões
Eid Marques
 
Efésios - Lição 01
Efésios - Lição 01Efésios - Lição 01
Efésios - Lição 01
Eid Marques
 
Estudo de Efésios - Introdução
Estudo de Efésios - IntroduçãoEstudo de Efésios - Introdução
Estudo de Efésios - Introdução
Eid Marques
 
Aos pés de Cristo
Aos pés de CristoAos pés de Cristo
Aos pés de Cristo
Eid Marques
 
ÉFeso - A Cidade
ÉFeso - A CidadeÉFeso - A Cidade
ÉFeso - A Cidade
Eid Marques
 
Quem é você na igreja
Quem é você na igrejaQuem é você na igreja
Quem é você na igreja
Eid Marques
 
Mãe Modelo
Mãe ModeloMãe Modelo
Mãe Modelo
Eid Marques
 
É Tempo de Avansar
É Tempo de AvansarÉ Tempo de Avansar
É Tempo de Avansar
Eid Marques
 
Babilônia
BabilôniaBabilônia
Babilônia
Eid Marques
 
O que você ainda está esperando
O que você ainda está esperandoO que você ainda está esperando
O que você ainda está esperando
Eid Marques
 
A Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaA Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na Família
Eid Marques
 
Princípios Para Edificar Uma Família Saudável
Princípios Para Edificar Uma Família SaudávelPrincípios Para Edificar Uma Família Saudável
Princípios Para Edificar Uma Família Saudável
Eid Marques
 
Família, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa IdéiaFamília, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa Idéia
Eid Marques
 
Você é uma pessoa alegre
Você é uma pessoa alegreVocê é uma pessoa alegre
Você é uma pessoa alegre
Eid Marques
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos ser
Eid Marques
 
Série igreja - Nossa Missão.ppt
Série igreja - Nossa Missão.pptSérie igreja - Nossa Missão.ppt
Série igreja - Nossa Missão.ppt
Eid Marques
 

Mais de Eid Marques (20)

JUNTOS para que UM seja conhecido
JUNTOS para que UM seja conhecidoJUNTOS para que UM seja conhecido
JUNTOS para que UM seja conhecido
 
Por Que Vivermos JUNTOS?
Por Que Vivermos JUNTOS?Por Que Vivermos JUNTOS?
Por Que Vivermos JUNTOS?
 
Ele é a Luz do Mundo
Ele é a Luz do MundoEle é a Luz do Mundo
Ele é a Luz do Mundo
 
O Amor de Deus
O Amor de DeusO Amor de Deus
O Amor de Deus
 
O que eu posso fazer por missões
O que eu posso fazer por missõesO que eu posso fazer por missões
O que eu posso fazer por missões
 
Efésios - Lição 01
Efésios - Lição 01Efésios - Lição 01
Efésios - Lição 01
 
Estudo de Efésios - Introdução
Estudo de Efésios - IntroduçãoEstudo de Efésios - Introdução
Estudo de Efésios - Introdução
 
Aos pés de Cristo
Aos pés de CristoAos pés de Cristo
Aos pés de Cristo
 
ÉFeso - A Cidade
ÉFeso - A CidadeÉFeso - A Cidade
ÉFeso - A Cidade
 
Quem é você na igreja
Quem é você na igrejaQuem é você na igreja
Quem é você na igreja
 
Mãe Modelo
Mãe ModeloMãe Modelo
Mãe Modelo
 
É Tempo de Avansar
É Tempo de AvansarÉ Tempo de Avansar
É Tempo de Avansar
 
Babilônia
BabilôniaBabilônia
Babilônia
 
O que você ainda está esperando
O que você ainda está esperandoO que você ainda está esperando
O que você ainda está esperando
 
A Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaA Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na Família
 
Princípios Para Edificar Uma Família Saudável
Princípios Para Edificar Uma Família SaudávelPrincípios Para Edificar Uma Família Saudável
Princípios Para Edificar Uma Família Saudável
 
Família, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa IdéiaFamília, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa Idéia
 
Você é uma pessoa alegre
Você é uma pessoa alegreVocê é uma pessoa alegre
Você é uma pessoa alegre
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos ser
 
Série igreja - Nossa Missão.ppt
Série igreja - Nossa Missão.pptSérie igreja - Nossa Missão.ppt
Série igreja - Nossa Missão.ppt
 

Dízimo

  • 2. Há uma série de comentários tendenciosos e distorcidos circulando as redes sociais, em nossos dias, atacando a prática dos dízimos. Acusam os pastores que ensinam essa doutrina de infiéis e aproveitadores. Acusam as igrejas que recebem os dízimos de explorar o povo.
  • 3. Outros, jeitosamente, tentam descaracterizar o dízimo, afirmando que essa prática não tem amparo no Novo Testamento. Tentam limitar o dízimo apenas ao Velho Testamento, afirmando que ele é da lei e não vigente no tempo da graça.
  • 4. Não quero aqui apoiar os muitos desvios de igrejas que, erram, ao criarem mecanismos místicos e inescrupulosos para arrecadar dinheiro, vendendo água purificadora, rosa ungida, toalha suada e até tijolo espiritual.
  • 5. Essas práticas são pagãs e nada tem a ver com ensino bíblico da mordomia dos bens. O fato, porém, de existir desvio de uns, não significa que devemos deixar de ensinar tudo quanto a Bíblia fala sobre dízimos e ofertas. Destaco, aqui, alguns pontos para nossa reflexão.
  • 6. 1. A Prática do Dízimo Antecede à Lei Aqueles que se recusam ser dizimistas pelo fato de o dízimo ser apenas da lei estão equivocados. O dízimo é um princípio espiritual presente entre o povo de Deus desde os tempos mais remotos.
  • 7. Abraão pagou o dízimo a Malquizedeque, Gênesis 14 18 Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e vinho; era sacerdote do Deus Altíssimo; 19 abençoou ele a Abrão e disse: Bendito seja Abrão pelo Deus Altíssimo, que possui os céus e a terra; 20 e bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus adversários nas tuas mãos. E de tudo lhe deu Abrão o dízimo.
  • 8. e Jacó prometeu pagar o dízimo ao Senhor, muito antes da lei ser instituída. Gênesis 28 20 Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista, 21 de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus; 22 e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo.
  • 9. 2. A Prática do Dízimo Foi Sancionada na Lei O princípio que governava o povo de Deus antes da lei, foi ratificado na lei. Agora, há um preceito claro e uma ordem específica para se trazer todos os dízimos ao Senhor.
  • 10. Levítico27 32 No tocante às dízimas do gado e do rebanho, de tudo o que passar debaixo do bordão do pastor, o dízimo será santo ao SENHOR.
  • 11. Não entregar o dízimo é transgredir a lei, e a transgressão da lei constitui-se em pecado. I João 3 4 Todo aquele que pratica o pecado também transgride a lei, porque o pecado é a transgressão da lei.
  • 12. 3. A Prática do Dízimo Está Presente em Toda a Bíblia A fidelidade na mordomia dos bens, a entrega fiel dos dízimos e das ofertas, é um ensino claro em toda a Bíblia. Está presente no Pentateuco, os livros da lei; está presente nos livros históricos, poéticos e proféticos.
  • 13. Históricos: Neemias 13 11 Então, contendi com os magistrados e disse: Por que se desamparou a Casa de Deus? Ajuntei os levitas e os cantores e os restituí a seus postos. 12 Então, todo o Judá trouxe os dízimos dos cereais, do vinho e do azeite aos depósitos.
  • 14. Poéticos: Provérbios 3 9 Honra ao SENHOR com os teus bens e com as primícias de toda a tua renda; 10 e se encherão fartamente os teus celeiros, e transbordarão de vinho os teus lagares.
  • 15. Proféticos: Malaquias 3 9 Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, vós, a nação toda. 10 Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida.
  • 16. Também está explicitamente ratificado nos evangelhos, Mateus 23 23 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho e tendes negligenciado os preceitos mais importantes da Lei: a justiça, a misericórdia e a fé; devíeis, porém, fazer estas coisas, sem omitir aquelas!
  • 17. e nas epístolas. Hebreus 7 8 Aliás, aqui são homens mortais os que recebem dízimos, porém ali, aquele de quem se testifica que vive.
  • 18. Não podemos subestimar o dízimo, não observá-lo é um roubo a Deus. Não podemos subtraí-lo, pois a Escritura é clara em dizer que devemos trazer “todos os dízimos”. Não podemos administrá-lo, pois a ordem: “Trazei todos os dízimos à casa do tesouro”.
  • 19. 4. A Prática do Dízimo é Citada por Jesus no Novo Testamento Os fariseus superestimavam o dízimo, fazendo de sua prática, uma espécie de amuleto. Eram rigorosos em sua observância, mas negligenciam os preceitos mais importantes da lei: a justiça, a misericórdia e a fé.
  • 20. Jesus, deixa claro que devemos observar atentamente a prática dessas virtudes da fé cristã, sem omitir a entrega dos dízimos. Mateus 23 23 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho e tendes negligenciado os preceitos mais importantes da Lei: a justiça, a misericórdia e a fé; devíeis, porém, fazer estas coisas, sem omitir aquelas!
  • 21. Ora, aqueles que usam o argumento de que o dízimo é da lei, e por estarmos debaixo da graça, estamos isentos de observá-lo; da mesma forma, estariam também isentos da justiça, da misericórdia e da fé, porque essas virtudes, também, são da lei.
  • 22. Reter os dízimos é um pecado de desobediência, infidelidade e incredulidade. Que Deus nos ajude a sermos fiéis ao Deus fiel pela observação e prática de sua Palavra. Pr. Eid Marques