SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 20
Baixar para ler offline
DISCIPLINA DE METODOLOGIA DO
TRABALHO CIENTÍFICO
DISCIPLINA DE METODOLOGIA DO
TRABALHO CIENTÍFICO
TCC – Trabalho de Conclusão de
Curso
“ REVISÃO DE LITERATURA ”
Prof. Dr. Marcelo Sousa Gomes
2
NORMAS PARA A REALIZAÇÃO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE
CURSO
“ Disciplina de metodologia do trabalho científico “
TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO
“ REVISÃO DE LITERATURA ”
REVISÃO DE LITERATURA
( Obrigatório - CFO Conselho Federal de Odontologia )
Título 3 cápitulo 1 - Art. 170. A instituição responsável pelo curso emitirá certificado de
especialização a que farão jus os alunos que tiverem frequência de pelo menos 75% (setenta e cinco
por cento) da carga horária prevista, aproveitamento aferido em processo formal de avaliação
equivalente a no mínimo 70% (setenta por cento) e aprovação da monografia.
SEQUÊNCIA DE CONSTRUÇÃO DIDÁTICA DO TRABALHO DE MONOGRAFIA
Para facilitar a realização do TCC, foi desenvolvido um protocolo a ser seguido pelos alunos de
nossos cursos de especialização. Entendemos a importância do aluno ser preparado para realizar
uma avaliação criteriosa da literatura devido a quantidade de informações que temos, e que é
necessário filtrar estas informações em nosso cotidiano clínico.
1 - INÍCIO E DETERMINAÇÃO DO “ ASSUNTO ”.
Determinar o assunto.
O assunto do trabalho será determinado em conjunto pela coordenação do curso e aluno.
O coordenador do curso irá orientar o aluno dentro da linha de pesquisa da escola ou de maneira
particular dentro de sua linha de pesquisa. O aluno poderá mostrar interesse por um determinado
assunto que poderá ser colocado em discussão.
3
2 - DETERMINAÇÃO DO “TEMA”.
- O tema do trabalho é escolhido dentro do assunto determinado. O tema deverá dirigir o
trabalho (PROPOSIÇÃO E DISCUSSÃO).
O tema deverá ser escolhido com base na importância de aplicação clínica (Biomateriais,
Biopatologia, Mecânicas Ortodônticas e Ortopédicas , Biologia cellular , Diagnóstico , etc…).
3 - PROPOSTA “ PROPOSIÇÃO”.
- A proposta do trabalho deve se ser uma frase objetiva. A frase irá compreender o objetivo do
trabalho, as bases de dados consultadas e o interva lo de ano (datas) dos artigos.
DESENVOLVIMENTO:
Obs.; O trabalho deverá seguir a formatação da ABNT 2011 ( espaçamento ).
A letra em todo o trabalho será ARIAL 12, com excessão da CAPA e CONTRA CAPA que será em
ARIAL 14.
O texto da capa será em 10 ARIAL com espaçamento simples (DIZERES DESCRITIVOS DO
TRABALHO E ESCOLA ), bem como os dizeres das figuras, gráficos e tabelas.
4 - LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICO
- Após a determinação do tema deverá ser feito um levantamento bibliográfico em bases de
pesquisas científicas (revistas, periódicos, etc..). Após a leitura do “Abstract / resumo” dos artigos
levantados, os artigos escolhidos deverão ser apresentados ao seu orientador, onde o mesmo irá
guiar a escolha dos “mais indicados ao trabalho” obedecendo - importância do tema e sua relação
com o trabalho / datas – mais recentes / importância da revista QUALIS (Qualis é o conjunto de
procedimentos utilizados pela Capes para estratificação da qualidade da produção intelectual dos
programas de pós-graduação ).
5 - Revisão de literatura
4
- A revisão de literatura irá conduzir todo o trabalho, servindo de fonte de busca para todas as
sub partes. Todos os meios de divulgação científica são válidos, porém só serão aceitos “artigos
científicos publicados em revistas científicas indexadas”. Os artigos deverão ser apreciados pelo
aluno dentro da proposta inicial.
(a coordenação irá orientar a quantidade de artigos que deverão ser usados e prováveis diversidade
de países de publicação).
O preparo da escrita dos parágrafos deve ser feita levando em conta uma leitura criteriosa do artigo.
Cada “ artigo” deverá ser apresentado em forma de “parágrafo”, ou seja a quantidade de artigos
usados deve ser igual a quantidade de parágrafos apresentados.
No paragrafo é necessário ter todos os iténs de uma leitura crítica de um artigo, de forma resumida e
objetiva. Escrever de uma maneira “resumida” e PARTICULAR A CADA ALUNO não podendo utilizar
meios de cópias do conteúdo na íntegra – que sera entendido como PLÁGIO.
QUANDO SE ESCREVE UM TRABALHO A INTENÇÃO É COMPREENDER A IDÉIA DO AUTOR E
DISSERTAR SOBRE ELA EMPREGANDO AS PRÓPRIAS PALAVRAS, NÃO COPIAR
LITERALMENTE. ALGUNS TRECHOS PODEM SER COPIADOS LITERALMENTE, MAS
EXISTEM REGRAS PARA ISSO (VER NORMAS ABNT).
“Violar direito autoral: Pena – detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa”.
Proposta do trabalho ( PROPOSIÇÃO )
Como foi feito ( METODOLOGIA )
Quais os resultados obtidos ( RESULTADOS)
O que foi discutido ( DISCUSSÃO)
O que foi concluído ( CONCLUSÃO )
Está sequência pode ser usada para a construção de um paragrafo que dará subsidio para a
introdução e discussão. Lembre que os parágrafos serão a fonte literária de todo o trabalho, onde
deve possuir “ volume e consistência ” necessária a um bom trabalho.
- Cada parágrafo deve conter a citação (autor/autores) com data de sua publicação.
5
CITAÇÕES – EXEMPLO :
- Início de parágrafo:
Gomes (2013) disse....
Gomes e Gomes (2013) disseram ....
Gomes, Gomes e Gomes (2013) disseram...
Gomes et al. (2013) disseram...
- Final de parágrafo:
(GOMES, 2013).
(GOMES e GOMES, 2013 ).
(GOMES, GOMES e GOMES, 2013).
(GOMES et al., 2013).
(na DISCUSSÃO onde é citado mais de um autor no parágrafo será separado os – autores/trabalhos
– com ;- ponto e vírgula ).
A revisão de literatura poderá ser feita por TÓPICOS ou CRONOLÓGICA. Em nossas orientações a
ordem de apresentação será sempre em ordem cronológica, mesmo que seja dividido em tópicos. A
distribuição do assunto em TÓPICOS apresentado em ordem cronológica, deixa a leitura mais clara
e fácil. Em caso da não utilização de tópico os parágrafos deverão obedecer uma ordem cronológica,
onde poderá não ter ligação um parágrafo com o próximo. As citações de figuras, gráficos e tabelas
deverão ser inseridas no “ mesmo paragráfo ” do artigo.
Exemplo de como inserir , descrever e formatar figuras em seu trabalho:
6
6 - DISCUSSÃO.
- A discussão do trabalho é o ponto PRIMORDIAL, ou seja a alma do trabalho.
Como definição a discussão é um debate de idéias, sendo assim os parágrafos deverão ter no
mínimo 2 (dois) autores/ trabalhos. Os autores/trabalhos podem ser usados mais de uma vez, porém
TODOS OS AUTORES DEVEM SER CITADOS NA DISCUSSÃO.
A discussão também deverá obedecer uma sequência lógica dentro do tema, e se for usar tópicos a
discussão tem que ficar dentro do tópico.
7 - REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
Referência é conjunto padronizado de elementos descritivos, retirados de um documento, que
permite a sua identificação individual. (NBR 6023, 2002, p. 2).
Após a finalização da “REVISÃO DE LITERATURA” se faz necessário conferir todas as referências
usadas. As referências deverão ser dispostas de acordo com uma ordem alfabética (ABNT NBR
14724).
Todos os trabalhos referenciados deverão estar presentes na REVISÃO DE LITERATURA e
DISCUSSÃO.
Nota: "Constitui uma lista ordenada dos documentos efetivamente citados no texto. Não devem ser
referenciados documentos que não são citados no texto. Caso haja conveniência de referenciar
material bibliográfico não citado, deve-se fazer uma lista própria após a lista de referências sob o
título: Bibliografia recomendada." (NBR 10719, 1989, p. 13). As referências devem ser digitadas,
usando espaço simples entre as linhas e espaço duplo para separá-las. As referências são
alinhadas somente à margem esquerda.
Exemplo:
REFERÊNCIAS
GOMES, MS ; GOMES, MSG. Exemplo para ser utilizado nas referências. Am J Orthod Dentofacial
Orthop. 2008;133(5):721-8.
Obs.: Colocar todos os autores, não devem ser omitido autores.
7
8 - CONCLUSÃO
- A conclusão deve ser objetiva, usando as idéias discutidas ( pelos autores ).
Na discussão começamos a construir o TÍTULO de nosso trabalho, onde necessariamente a nossa
CONCLUSÃO deverá responder o TÍTULO.
Parte final do texto, na qual se apresentam conclusões correspondentes aos objetivos e hipóteses.
Em outras palavras, a conclusão é a síntese dos resultados da monografia. Tem por finalidade
recapitular sinteticamente os resultados da pesquisa elaborada.
Na conclusão, o autor deve apresentar os resultados mais importantes e sua contribuição ao tema,
aos objetivos e à hipótese apresentada. É opcional apresentar os desdobramentos relativos à
importância, síntese, projeção, repercussão, encaminhamento e outros.
Obs.: O texto é escrito no tempo verbal presente. A parte de citação de trabalhos que já ocorreram
é escrito no tempo passado, sugestões na discussão para metodologias e trabalhos que possam
explicitar melhor o assunto é descrito no futuro.
Evite termos em “ outras línguas”, porém devem ser descritas em ítalico.
Na escrita deve ser levado em consideração o sujeito e a frase, como exemplo:
- De acordo com Pizzoni; Ravnholt e Melsen (1998), a movimentação ortodôntica pode ser
considerada como a rotação dos dentes em um fio, como pérolas sobre um cordão, sendo a força
fornecida por molas ou elásticos.
- Pizzoni; Ravnholt e Melsen (1998) descrevem que a movimentação ortodôntica pode ser
considerada como a rotação dos dentes em um fio, como pérolas sobre um cordão, sendo a força
fornecida por molas ou elásticos.
Em casos de marcas comerciais elas devem ser descritas: Nome commercial e com registro de
patente , e dentro de parenteses ( empresa distribuidora – cidade – estado – pais )
No trabalho o sistema usado com sistema teste foi Speed® (Strite Industries, Cambridge, Ontario,
Canada).
8
9 - INTRODUÇÃO
- A introdução do trabalho é feita após termos uma leitura ampla dos artigos relacionados ao
tema ( revisão de literatura – já pronta e revisada ), discussão e conclusão a nossa “ proposta –
proposição ”.
A introdução deve ser feita dentro de uma sequência, onde poderemos utilizar até 2 folhas e meia.
Usamos parágrafos, com um autor/trabalho ou mais, sempre com CITAÇÕES.
Abaixo uma forma básica de organização desta parte importante do trabalho.
- Parágrafo “CHAVE” onde deve ser exposto a idéia principal do trabalho.
- Parágrafo onde deve ser exposto a importância e relevância do tema.
- Parágrafo onde poderá ser abordado os fatores em discussão.
Estes parágrafo pode ser estendido para mais parágrafos, em caso de tópicos.
- Parágrafo/os onde afunilará as idéias mais coerentes e aplicáveis da discussão.
- Parágrafo/os finais onde chegaria a conclusão levantada.
10 - RESUMO
- O resumo é a apresentação do trabalho no seu todo. O resumo segue a introdução, nos
trabalhos de monografias, onde pode ser usado a mesma sequência de maneira que os parágrafos
usados na introdução agora se tornarão “ FRASES ” .
O resumo é feito em um só parágrafo. Ao final é referenciado as palavras – chaves usadas para as
buscas nas bases de dados. O parágrafo deve conter 150 a 200 palavras.
11 - ABSTRACT
- O resumo na língua inglesa.
O trabalho ao final é enviado a 3 (três) revisões - português / formatação / inglês. Mesmo colegas
experientes se faz necessário está revisão profissional, devido ao cuidado final do trabalho. Sendo
assim, não se apresenta um “abstract” sem que tenha sido revisado.
9
12 - LISTA DE ILUSTRAÇÕES ( LISTA DE FIGURAS ) / GRÁFICOS
Elaborada de acordo com a ordem apresentada no texto, com cada item designado por seu nome
específico, travessão, título e respectivo número da folha ou página. Quando necessário,
recomenda-se a elaboração de lista própria para cada tipo de ilustração (desenhos, esquemas,
fluxogramas, fotografias, gráficos, mapas, organogramas, plantas, quadros, retratos e outras).
As figuras são importantes a ilustração do trabalho. Aconselho sempre a usar figuras importantes
das metodologias dos trabalhos mais usados na DISCUSSÃO. As figuras ilustrativas devem ser
usadas e citadas próximo ao parágrafo do artigo citado. Para que seja usado uma lista de figuras é
necessário ter mais de 5 ( cinco ) figuras.
Modelo de ilustrações (ABNT NBR 14724/2011)
ANEXOS. Os anexos são inseridos ao final do trabalho após as REFERÊNCIAS
BIBLIOGRÁFICAS.
13 - LISTA DE ABREVIATURAS / SÍMBOLOS
- Uma lista de abreviaturas pode ser feita quando usadas nos textos. As abreviaturas irão
compor uma lista por ordem alfabética. Obedecer os espaçamento e as letras maiúsculas.
10
Exemplo :
14 – SUMÁRIO
O sumário deve ser localizado:
a) Como último elemento pré-textual;
b) Quando houver mais de um volume, deve ser incluído o sumário de toda a obra em todos os
volumes, de forma que se tenha conhecimento do conteúdo, independente do volume consultado.
Em publicações periódicas, o sumário:
a) deve ser colocado na mesma posição em todos os fascículos, em todos os volumes; b) pode estar
no anverso da folha de rosto, concluído no verso, se necessário; c) pode estar na primeira capa,
concluído, se necessário, na quarta capa; d) pode estar na quarta capa, concluído, se necessário, na
terceira capa ou no miolo.
Regras gerais de apresentação
A palavra sumário deve ser centralizada e com a mesma tipologia da fonte utilizada para as seções
primárias.
A subordinação dos itens do sumário deve ser destacada pela apresentação tipográfica utilizada no
texto.
11
Os elementos pré-textuais não devem constar no sumário.
A ordem dos elementos do sumário deve ser conforme
Os indicativos das seções que compõem o sumário, se houver, devem ser alinhados à esquerda,
conforme a NBR 6024.
Os títulos, e os subtítulos, se houver, sucedem os indicativos das seções. Recomenda-se que sejam
alinhados pela margem do título do indicativo mais extenso.
O(s) nome(s) do(s) autor(es), se houver, sucede(m) os títulos e os subtítulos. A paginação deve ser
apresentada sob uma das formas abaixo:
Se houver um único sumário, podem ser colocadas traduções dos títulos após os títulos originais,
separados por barra oblíqua ou travessão.
Se o documento for apresentado em mais de um idioma, para o mesmo texto, recomenda-se um
sumário separado para cada idioma, inclusive a palavra sumário, em páginas distintas.
12
15 - TÍTULO DO TRABALHO
- O título do trabalho é a última etapa do trabalho, onde após todo o estudo pode se intitular o
trabalho. O título deve ser objetivo e estar ligado a proposição e principalmente encontrando sua
resposta (questionamento) na conclusão.
16 – CAPA / LOMBADA E FOLHA DE ROSTO / FOLHA DE APROVAÇÃO.
Capa
• Logomarca da escola na parte superior da capa ( particular a cada escolar)
• Nome do aluno em letras maíusculas centrado – negrito.
• Título da monografia no meio da capa, em letras maísculas, tamanho 14 e em negrito.
• Espaçamento duplo.
• Local e ano de apresentação.
Contra - capa
• Logomarca da escola na parte superior da capa ( particular a cada escolar)
• Título da monografia no meio da capa, em letras maísculas, tamanho 14 e em negrito.
• Nome do aluno abaixo do título e a direita
• Monografia apresentada ao Curso de Especialização em Ortodontia ( Nome da escola
completo ) , como requisito parcial para obtenção do título de especialista em Ortodontia
(canto direito da folha). Este texto é digitado em Arial 10, espaço simples.
• Nome do orientador , com titulação (canto direito da folha)
Local e ano de apresentação.
13
Folha de aprovação
• Logomarca da escola na parte superior da capa ( particular a cada escolar)
• Título da monografia no parte superior da capa e em letras maiúsculas, tamanho 14 ( em todo
o RESTANTE SERÁ 12 ) e em negrito.
• Nome do aluno abaixo do título e a direita.
• Monografia apresentada ao Curso de Especialização em Ortodontia ( Nome da escola
completo ) , como requisito parcial para obtenção do título de especialista em Ortodontia
(canto direito da folha)
14
Formato
Os textos devem ser digitados ou datilografados em cor preta, podendo utilizar outras cores somente
para as ilustrações. Se impresso, utilizar papel branco ou reciclado, no formato A4 (21 cm 29,7 cm).
Os elementos pré-textuais devem iniciar no anverso da folha, com exceção dos dados internacionais
de catalogação na publicação (Ficha catalográfica) que devem vir no verso da folha de rosto.
Recomenda-se que os elementos textuais e pós-textuais sejam digitados ou datilografados no
anverso e verso das folhas. O projeto gráfico é de responsabilidade do autor do trabalho.
Recomenda-se, quando digitado, a fonte tamanho 12 para todo o trabalho, inclusive capa,
excetuando se citações com mais de três linhas, notas de rodapé, paginação, dados internacionais
de catalogação na publicação legendas e fontes das ilustrações e das tabelas, que devem ser em
tamanho menor e uniforme. No caso de citações de mais de três linhas, deve-se observar também
15
um recuo de 4 cm da margem esquerda.
Margem
As margens devem ser: para o anverso, esquerda e superior de 3 cm e direita e inferior de 2 cm;
para o verso, direita e superior de 3 cm e esquerda e inferior de 2 cm.
Espacejamento
Todo o texto deve ser digitado ou datilografado com espaço 1,5, excetuando- se as citações de mais
de três linhas, notas de rodapé, referências, legendas das ilustrações e das tabelas, ficha
catalográfica, natureza do trabalho, objetivo, nome da instituição a que é submetida e área de
concentração, que devem ser digitados em espaço simples. As referências, ao final do trabalho,
devem ser separadas entre si por um espaço simples em branco..
Os títulos das seções devem começar na parte superior da folha e ser separados do texto que os
sucede por dois espaços 1,5, entrelinhas. Da mesma forma, os títulos das subseções devem ser
separados do texto que os precede e que os sucede por dois espaços 1,5.
Na folha de rosto e na folha de aprovação, a natureza do trabalho, o objetivo, o nome da instituição a
que é submetido e a área de concentração devem ser alinhados do meio da folha para a margem
direita.
16
SEQUÊNCIA DAS PARTES DO TRABALHO DE MONOGRAFIA
ABNT (14724)
1- Capa(capa azul petróleo) / Lombada
2- Contra capa
3- Folha de avaliação ( Digitar os nomes com titulação dos professores da mesa avaliadora )
4- Agradecimento, epígrafe
5- Resumo( norma ABNT, nbr 6028)
Palavra-chave: 3 palavras ( consultar normas de bus6- Abstract
7- Lista de figuras
8- Lista de gráficos
9- Lista de abreviaturas
10-Sumário
11-Introdução
12-Proposição
13-Desenvolvimento
- Referências bibliográficas (40 artigos )
- Discussão
14-Conclusão
15- Referencias bibliográficas
16- Anexos e apêndices
* Em negrito os iténs obrigatórios na apresentação do trabalho ( sumário ).
17
SEQUÊNCIA DE CONSULTA AO ORIENTADOR:
Primeiro contato:
- Determinar assunto e tema
- Levantamento bibliográfico
( 40 artigos - dos quais 50% literatura internacional com artigos de no máximo 5 anos de
publicação . Deve conter 30% dos artigos do ano da entrega do TCC ) – Discutir com a
coordenação.
Segundo contato:
- Entrega da revisão de literatura / discussão .
Todos os 40 artigos devem estar contidos na REVISÃO E NA DISCUSSÃO – obrigatório.
Responder as perguntas para construir os paragráfos:
- Qual foi a proposição do trabalho
- Como foi feito - metodologia
- Quais foram os resultados
- O que discutiu
- O que concluiu
Terceiro contato:
Fechar as referências – dentro das normas.
Conclusão.
Quarto contato:
Introdução e resumo do trabalho.
Sexto contato:
Abstract – título do trabalho.
18
APÓS A ENTREGA FINAL O ALUNO DEVERÁ PREPARAR A MONOGRAFIA PARA SER
ENTREGUE EM FORMA DE ARTIGO CIENTÍFICO .
DISPOSIÇÃO TÉCNICA DAS APRESENTAÇÕES E NORMAS DA COORDENAÇÃO
1 – É obrigatório a entrega das 3 cópias do trabalho em espiral na data determinada pelo
coordenador do curso. Não será prorrogado em nenhuma hipótese.
obs.: O aluno que não entregar o trabalho final escrito encadernado em aspiral, devidamente de
acordo com seu orientador, dentro do prazo determinado pela coordenação do curso, o mesmo será
automaticamente REPROVADO.
Obs.: Em casos especiais:
Com a devida liberação do coordenador e o consentimento do orientador do trabalho e do
presidente da mesa de avaliação o aluno poderá realizar a apresentação oral em caracter especial,
sendo que o trabalho escrito deverá ser entregue na secretaria da escola para que os professores no
prazo de 60 dias devolva ao orientador para que o mesmo e o aluno tomem as devidas providências
de correção.
2 - O aluno deverá estar presente durante a chamada (com traje social e jaleco da escola de
origem - identificado com nome) , com os meios técnicos de apresentação preparados com tempo
de espera máximo de 5 minutos. No ato da chamada o aluno que não estiver presente será
REPROVADO, e o mesmo terá que entrar com uma solicitacão por escrito assinado pelo seu
orientador para que a coordenação aprecie a possibilidade de ser apresentado até o dia máximo de
17/08/2012.
3 – Após a sala estar fechada, não poderá mais sair e entrar ninguém salve problemas de ordem
maior. Será solicitado silêncio absoluto para a apresentação.
4 – Após a apresentação o presidente da mesa passará a palavra aos demais colegas para que
sejam feitas as intervenções ( 5 a 10 minutos máximo a cada professor )
5 – O aluno irá se ausentar por 1 minuto e a banca irá avaliar a APROVAÇÃO/REPROVAÇÃO (
com prazo para correção de no máximo 90 dias ).
19
DISPOSIÇÃO TÉCNICA PARA A ENTREGA DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO E
FINALIZAÇÃO DO CURSO
O aluno após autorizado por escrito ( pelo seu orientador ) irá entregar na secretaria da escola
dentro do prazo estipulado pela mesa / escola:
1 - 3 cópias do trabalho encadernado em capa dura ( conforme norma da escola ).
2 - 1 Cd contendo
- 1 cópia do trabalho no formato Word ( já corrigido )
- 1 cópia da apresentação em Power point ( já corrido )
- Todos os seminários apresentados durante o curso.
- O aluno deverá entregar preparado para seminário – Power point seus casos clínicos realizados
durante o curso. Também deverá ser preparado e entregue os seminários teóricos apresentados.
Obs.: todos os alunos deverão ter estes seminários para entrega, caso o contrário não terão notas
de clínica e seminários para ser aprovado.
Obs.: Em caso de ser obrigatório, como complemento a aprovação do aluno a apresentação de sua
monografia vinculada a um artigo científico, o aluno e seu orientador terá o prazo de 60 dias após a
entrega do trabalho (final) para entrega do trabalho para envio a revista (escolhida pela coordenação
do curso).
3 – Será determinado pela coordenação do cursos uma clínica extra para que os alunos concluentes
possam passar as pastas aos professores responsáveis ,e alunos novos, na oportunidade com os
pacientes presentes.
4 - Os alunos que irão permanecer nos atendimentos, deverão fazer um relatório com seu orientador
de clínica, com as devidas explicações sobre os casos clínicos em andamento:
- Tempo de tratamento, mecânica empregada, resultados obtidos e esperados, previsão de
finalização, etc....
5 - O aluno só será APROVADO se obtiver nota maior que 7,0 ( sete ) em todos os requisitos, e ser
APROVADO no seu TCC – monografia.
20
Após a entrega dos trabalhos na secretaria, o revisor coordenador dos TCCs irá fazer nova avaliação
dos CDs e TCCs entregue. A coordenação estará no direito de fazer correções e o aluno deverá, se
tiver erros, de fazer as correções.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula como elaborar um artigo científico
Aula   como elaborar um artigo científicoAula   como elaborar um artigo científico
Aula como elaborar um artigo científicoLudmila Moura
 
Modelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorioModelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorioCamila Neitzke
 
Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento verdades, mentiras e p...
Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento   verdades, mentiras e p...Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento   verdades, mentiras e p...
Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento verdades, mentiras e p...Angela Albarello Tolfo
 
Como fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoComo fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoLxa Alx
 
Normas abnt apresentação - referências
Normas abnt   apresentação - referênciasNormas abnt   apresentação - referências
Normas abnt apresentação - referênciasDiogo Maxwell
 
Carta de intenção
Carta de intençãoCarta de intenção
Carta de intençãomaxtematica
 
Aula 04 metodologia de um tcc
Aula 04   metodologia de um tccAula 04   metodologia de um tcc
Aula 04 metodologia de um tccHidematuda
 
19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologiaJoao Balbi
 
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De PesquisaComo Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisamauricio aquino
 
Slides artigo-de-opiniao
Slides artigo-de-opiniaoSlides artigo-de-opiniao
Slides artigo-de-opiniaoElieidw
 
Pesquisa Bibliografica
Pesquisa BibliograficaPesquisa Bibliografica
Pesquisa BibliograficaLeticia Strehl
 
Modelo de TCC faculdade Anhanguera
Modelo de TCC faculdade AnhangueraModelo de TCC faculdade Anhanguera
Modelo de TCC faculdade AnhangueraRogerio Sena
 
Como citar o google em referência bibliográfica
Como citar o google em referência bibliográficaComo citar o google em referência bibliográfica
Como citar o google em referência bibliográficaIsabel Silva
 
Aula de Redação nº 01
Aula de Redação nº 01Aula de Redação nº 01
Aula de Redação nº 01João Mendonça
 

Mais procurados (20)

Aula como elaborar um artigo científico
Aula   como elaborar um artigo científicoAula   como elaborar um artigo científico
Aula como elaborar um artigo científico
 
Normas da abnt
Normas da abntNormas da abnt
Normas da abnt
 
Modelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorioModelo padrao relatorio
Modelo padrao relatorio
 
Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento verdades, mentiras e p...
Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento   verdades, mentiras e p...Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento   verdades, mentiras e p...
Resenha crítica sobre o livro a arte do planejamento verdades, mentiras e p...
 
Como fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoComo fazer um fichamento
Como fazer um fichamento
 
Projeto de tcc
Projeto de tccProjeto de tcc
Projeto de tcc
 
Normas abnt apresentação - referências
Normas abnt   apresentação - referênciasNormas abnt   apresentação - referências
Normas abnt apresentação - referências
 
Carta de intenção
Carta de intençãoCarta de intenção
Carta de intenção
 
Aula 04 metodologia de um tcc
Aula 04   metodologia de um tccAula 04   metodologia de um tcc
Aula 04 metodologia de um tcc
 
19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia
 
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De PesquisaComo Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
 
Slides artigo-de-opiniao
Slides artigo-de-opiniaoSlides artigo-de-opiniao
Slides artigo-de-opiniao
 
Modelo de artigo cientifico
Modelo de artigo cientificoModelo de artigo cientifico
Modelo de artigo cientifico
 
Pesquisa Bibliografica
Pesquisa BibliograficaPesquisa Bibliografica
Pesquisa Bibliografica
 
Modelo de TCC faculdade Anhanguera
Modelo de TCC faculdade AnhangueraModelo de TCC faculdade Anhanguera
Modelo de TCC faculdade Anhanguera
 
Modelo de artigo de recensao critica
Modelo de artigo de recensao criticaModelo de artigo de recensao critica
Modelo de artigo de recensao critica
 
Como citar o google em referência bibliográfica
Como citar o google em referência bibliográficaComo citar o google em referência bibliográfica
Como citar o google em referência bibliográfica
 
Apresentação TCC
Apresentação TCCApresentação TCC
Apresentação TCC
 
Normas Para O Resumo Simples
Normas Para O Resumo SimplesNormas Para O Resumo Simples
Normas Para O Resumo Simples
 
Aula de Redação nº 01
Aula de Redação nº 01Aula de Redação nº 01
Aula de Redação nº 01
 

Semelhante a Disciplina de metodologia do trabalho científico

2a Aula - 10.08.2022 - A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt
2a Aula - 10.08.2022 -  A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt2a Aula - 10.08.2022 -  A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt
2a Aula - 10.08.2022 - A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).pptJohannaBrown18
 
Normas Técnicas para TCC - 2012
Normas Técnicas para TCC - 2012Normas Técnicas para TCC - 2012
Normas Técnicas para TCC - 2012IFCE - Tianguá
 
822 elaborando um_artigo_cientifico
822 elaborando um_artigo_cientifico822 elaborando um_artigo_cientifico
822 elaborando um_artigo_cientificoMaura Rodrigues
 
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientificoóTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientificoGerdian Teixeira
 
Elaboracao de artigo cientifico2006
Elaboracao de artigo cientifico2006Elaboracao de artigo cientifico2006
Elaboracao de artigo cientifico2006Jose Rudy
 
Normas Artigo Design
Normas Artigo DesignNormas Artigo Design
Normas Artigo Designmartha
 
Como Apresentar Um Trabalho 2
Como Apresentar Um Trabalho  2Como Apresentar Um Trabalho  2
Como Apresentar Um Trabalho 2BE/CRE
 
Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)Fernanda Câmara
 
FORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil 20231.pptx
FORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil  20231.pptxFORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil  20231.pptx
FORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil 20231.pptxSuilanMoreiraFerreir
 
Roteiro projeto de pesquisa
Roteiro projeto de pesquisaRoteiro projeto de pesquisa
Roteiro projeto de pesquisaJuCi Rufato
 
Guião projeto investigação
Guião projeto investigaçãoGuião projeto investigação
Guião projeto investigaçãoÉlio Geadas
 
Guião projeto investigação
Guião projeto investigaçãoGuião projeto investigação
Guião projeto investigaçãoÉlio Geadas
 

Semelhante a Disciplina de metodologia do trabalho científico (20)

Modelo de artigo
Modelo de artigo Modelo de artigo
Modelo de artigo
 
2a Aula - 10.08.2022 - A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt
2a Aula - 10.08.2022 -  A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt2a Aula - 10.08.2022 -  A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt
2a Aula - 10.08.2022 - A PRODUÇÃO DE ARTIGOS CIENTIFICOS (1).ppt
 
33701166 modelo-tcc-artigo
33701166 modelo-tcc-artigo33701166 modelo-tcc-artigo
33701166 modelo-tcc-artigo
 
Normas Técnicas para TCC - 2012
Normas Técnicas para TCC - 2012Normas Técnicas para TCC - 2012
Normas Técnicas para TCC - 2012
 
Elaborando um artigo cientifico
Elaborando um artigo cientificoElaborando um artigo cientifico
Elaborando um artigo cientifico
 
822 elaborando um_artigo_cientifico
822 elaborando um_artigo_cientifico822 elaborando um_artigo_cientifico
822 elaborando um_artigo_cientifico
 
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientificoóTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
 
Elaboracao de artigo cientifico2006
Elaboracao de artigo cientifico2006Elaboracao de artigo cientifico2006
Elaboracao de artigo cientifico2006
 
Normas Artigo Design
Normas Artigo DesignNormas Artigo Design
Normas Artigo Design
 
Modelo artigo
Modelo artigoModelo artigo
Modelo artigo
 
Como Apresentar Um Trabalho 2
Como Apresentar Um Trabalho  2Como Apresentar Um Trabalho  2
Como Apresentar Um Trabalho 2
 
Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)Artigo cientifico (como fazer)
Artigo cientifico (como fazer)
 
dicas_para_leitura_textos.ppt
dicas_para_leitura_textos.pptdicas_para_leitura_textos.ppt
dicas_para_leitura_textos.ppt
 
artigo estrutura.pptx
artigo estrutura.pptxartigo estrutura.pptx
artigo estrutura.pptx
 
FORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil 20231.pptx
FORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil  20231.pptxFORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil  20231.pptx
FORMATAÇÃO Norma ABNT Brasil 20231.pptx
 
Roteiro projeto de pesquisa
Roteiro projeto de pesquisaRoteiro projeto de pesquisa
Roteiro projeto de pesquisa
 
Guião projeto investigação
Guião projeto investigaçãoGuião projeto investigação
Guião projeto investigação
 
Guião projeto investigação
Guião projeto investigaçãoGuião projeto investigação
Guião projeto investigação
 
Normas da abnt
Normas da abntNormas da abnt
Normas da abnt
 
Artigos cientificos
Artigos cientificosArtigos cientificos
Artigos cientificos
 

Mais de Marcelo Gomes

Patologias das glândulas salivares 2
Patologias das glândulas salivares  2Patologias das glândulas salivares  2
Patologias das glândulas salivares 2Marcelo Gomes
 
3 fórmulas e formas farmacêuticas ( pdf )
3  fórmulas e formas farmacêuticas  ( pdf )3  fórmulas e formas farmacêuticas  ( pdf )
3 fórmulas e formas farmacêuticas ( pdf )Marcelo Gomes
 
2 introdução a farmacologia aplicada ( pdf )
2  introdução a farmacologia aplicada  ( pdf )   2  introdução a farmacologia aplicada  ( pdf )
2 introdução a farmacologia aplicada ( pdf ) Marcelo Gomes
 
Odontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo Gomes
Odontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo GomesOdontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo Gomes
Odontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo GomesMarcelo Gomes
 
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2Marcelo Gomes
 
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1 Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1 Marcelo Gomes
 

Mais de Marcelo Gomes (6)

Patologias das glândulas salivares 2
Patologias das glândulas salivares  2Patologias das glândulas salivares  2
Patologias das glândulas salivares 2
 
3 fórmulas e formas farmacêuticas ( pdf )
3  fórmulas e formas farmacêuticas  ( pdf )3  fórmulas e formas farmacêuticas  ( pdf )
3 fórmulas e formas farmacêuticas ( pdf )
 
2 introdução a farmacologia aplicada ( pdf )
2  introdução a farmacologia aplicada  ( pdf )   2  introdução a farmacologia aplicada  ( pdf )
2 introdução a farmacologia aplicada ( pdf )
 
Odontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo Gomes
Odontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo GomesOdontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo Gomes
Odontologia UNIEURO - Disciplina de cirurgia Prof. Marcelo Gomes
 
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE 2
 
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1 Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1
Apostila ( Ortodontia Otimizada ) TYPODONT STRAIGHT WIRE - 1
 

Último

Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfCsarBaltazar1
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfCarolineNunes80
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguaKelly Mendes
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasBibliotecaViatodos
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptorlando dias da silva
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoVALMIRARIBEIRO1
 

Último (20)

Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 

Disciplina de metodologia do trabalho científico

  • 1. DISCIPLINA DE METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO DISCIPLINA DE METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO TCC – Trabalho de Conclusão de Curso “ REVISÃO DE LITERATURA ” Prof. Dr. Marcelo Sousa Gomes
  • 2. 2 NORMAS PARA A REALIZAÇÃO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO “ Disciplina de metodologia do trabalho científico “ TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO “ REVISÃO DE LITERATURA ” REVISÃO DE LITERATURA ( Obrigatório - CFO Conselho Federal de Odontologia ) Título 3 cápitulo 1 - Art. 170. A instituição responsável pelo curso emitirá certificado de especialização a que farão jus os alunos que tiverem frequência de pelo menos 75% (setenta e cinco por cento) da carga horária prevista, aproveitamento aferido em processo formal de avaliação equivalente a no mínimo 70% (setenta por cento) e aprovação da monografia. SEQUÊNCIA DE CONSTRUÇÃO DIDÁTICA DO TRABALHO DE MONOGRAFIA Para facilitar a realização do TCC, foi desenvolvido um protocolo a ser seguido pelos alunos de nossos cursos de especialização. Entendemos a importância do aluno ser preparado para realizar uma avaliação criteriosa da literatura devido a quantidade de informações que temos, e que é necessário filtrar estas informações em nosso cotidiano clínico. 1 - INÍCIO E DETERMINAÇÃO DO “ ASSUNTO ”. Determinar o assunto. O assunto do trabalho será determinado em conjunto pela coordenação do curso e aluno. O coordenador do curso irá orientar o aluno dentro da linha de pesquisa da escola ou de maneira particular dentro de sua linha de pesquisa. O aluno poderá mostrar interesse por um determinado assunto que poderá ser colocado em discussão.
  • 3. 3 2 - DETERMINAÇÃO DO “TEMA”. - O tema do trabalho é escolhido dentro do assunto determinado. O tema deverá dirigir o trabalho (PROPOSIÇÃO E DISCUSSÃO). O tema deverá ser escolhido com base na importância de aplicação clínica (Biomateriais, Biopatologia, Mecânicas Ortodônticas e Ortopédicas , Biologia cellular , Diagnóstico , etc…). 3 - PROPOSTA “ PROPOSIÇÃO”. - A proposta do trabalho deve se ser uma frase objetiva. A frase irá compreender o objetivo do trabalho, as bases de dados consultadas e o interva lo de ano (datas) dos artigos. DESENVOLVIMENTO: Obs.; O trabalho deverá seguir a formatação da ABNT 2011 ( espaçamento ). A letra em todo o trabalho será ARIAL 12, com excessão da CAPA e CONTRA CAPA que será em ARIAL 14. O texto da capa será em 10 ARIAL com espaçamento simples (DIZERES DESCRITIVOS DO TRABALHO E ESCOLA ), bem como os dizeres das figuras, gráficos e tabelas. 4 - LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICO - Após a determinação do tema deverá ser feito um levantamento bibliográfico em bases de pesquisas científicas (revistas, periódicos, etc..). Após a leitura do “Abstract / resumo” dos artigos levantados, os artigos escolhidos deverão ser apresentados ao seu orientador, onde o mesmo irá guiar a escolha dos “mais indicados ao trabalho” obedecendo - importância do tema e sua relação com o trabalho / datas – mais recentes / importância da revista QUALIS (Qualis é o conjunto de procedimentos utilizados pela Capes para estratificação da qualidade da produção intelectual dos programas de pós-graduação ). 5 - Revisão de literatura
  • 4. 4 - A revisão de literatura irá conduzir todo o trabalho, servindo de fonte de busca para todas as sub partes. Todos os meios de divulgação científica são válidos, porém só serão aceitos “artigos científicos publicados em revistas científicas indexadas”. Os artigos deverão ser apreciados pelo aluno dentro da proposta inicial. (a coordenação irá orientar a quantidade de artigos que deverão ser usados e prováveis diversidade de países de publicação). O preparo da escrita dos parágrafos deve ser feita levando em conta uma leitura criteriosa do artigo. Cada “ artigo” deverá ser apresentado em forma de “parágrafo”, ou seja a quantidade de artigos usados deve ser igual a quantidade de parágrafos apresentados. No paragrafo é necessário ter todos os iténs de uma leitura crítica de um artigo, de forma resumida e objetiva. Escrever de uma maneira “resumida” e PARTICULAR A CADA ALUNO não podendo utilizar meios de cópias do conteúdo na íntegra – que sera entendido como PLÁGIO. QUANDO SE ESCREVE UM TRABALHO A INTENÇÃO É COMPREENDER A IDÉIA DO AUTOR E DISSERTAR SOBRE ELA EMPREGANDO AS PRÓPRIAS PALAVRAS, NÃO COPIAR LITERALMENTE. ALGUNS TRECHOS PODEM SER COPIADOS LITERALMENTE, MAS EXISTEM REGRAS PARA ISSO (VER NORMAS ABNT). “Violar direito autoral: Pena – detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa”. Proposta do trabalho ( PROPOSIÇÃO ) Como foi feito ( METODOLOGIA ) Quais os resultados obtidos ( RESULTADOS) O que foi discutido ( DISCUSSÃO) O que foi concluído ( CONCLUSÃO ) Está sequência pode ser usada para a construção de um paragrafo que dará subsidio para a introdução e discussão. Lembre que os parágrafos serão a fonte literária de todo o trabalho, onde deve possuir “ volume e consistência ” necessária a um bom trabalho. - Cada parágrafo deve conter a citação (autor/autores) com data de sua publicação.
  • 5. 5 CITAÇÕES – EXEMPLO : - Início de parágrafo: Gomes (2013) disse.... Gomes e Gomes (2013) disseram .... Gomes, Gomes e Gomes (2013) disseram... Gomes et al. (2013) disseram... - Final de parágrafo: (GOMES, 2013). (GOMES e GOMES, 2013 ). (GOMES, GOMES e GOMES, 2013). (GOMES et al., 2013). (na DISCUSSÃO onde é citado mais de um autor no parágrafo será separado os – autores/trabalhos – com ;- ponto e vírgula ). A revisão de literatura poderá ser feita por TÓPICOS ou CRONOLÓGICA. Em nossas orientações a ordem de apresentação será sempre em ordem cronológica, mesmo que seja dividido em tópicos. A distribuição do assunto em TÓPICOS apresentado em ordem cronológica, deixa a leitura mais clara e fácil. Em caso da não utilização de tópico os parágrafos deverão obedecer uma ordem cronológica, onde poderá não ter ligação um parágrafo com o próximo. As citações de figuras, gráficos e tabelas deverão ser inseridas no “ mesmo paragráfo ” do artigo. Exemplo de como inserir , descrever e formatar figuras em seu trabalho:
  • 6. 6 6 - DISCUSSÃO. - A discussão do trabalho é o ponto PRIMORDIAL, ou seja a alma do trabalho. Como definição a discussão é um debate de idéias, sendo assim os parágrafos deverão ter no mínimo 2 (dois) autores/ trabalhos. Os autores/trabalhos podem ser usados mais de uma vez, porém TODOS OS AUTORES DEVEM SER CITADOS NA DISCUSSÃO. A discussão também deverá obedecer uma sequência lógica dentro do tema, e se for usar tópicos a discussão tem que ficar dentro do tópico. 7 - REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Referência é conjunto padronizado de elementos descritivos, retirados de um documento, que permite a sua identificação individual. (NBR 6023, 2002, p. 2). Após a finalização da “REVISÃO DE LITERATURA” se faz necessário conferir todas as referências usadas. As referências deverão ser dispostas de acordo com uma ordem alfabética (ABNT NBR 14724). Todos os trabalhos referenciados deverão estar presentes na REVISÃO DE LITERATURA e DISCUSSÃO. Nota: "Constitui uma lista ordenada dos documentos efetivamente citados no texto. Não devem ser referenciados documentos que não são citados no texto. Caso haja conveniência de referenciar material bibliográfico não citado, deve-se fazer uma lista própria após a lista de referências sob o título: Bibliografia recomendada." (NBR 10719, 1989, p. 13). As referências devem ser digitadas, usando espaço simples entre as linhas e espaço duplo para separá-las. As referências são alinhadas somente à margem esquerda. Exemplo: REFERÊNCIAS GOMES, MS ; GOMES, MSG. Exemplo para ser utilizado nas referências. Am J Orthod Dentofacial Orthop. 2008;133(5):721-8. Obs.: Colocar todos os autores, não devem ser omitido autores.
  • 7. 7 8 - CONCLUSÃO - A conclusão deve ser objetiva, usando as idéias discutidas ( pelos autores ). Na discussão começamos a construir o TÍTULO de nosso trabalho, onde necessariamente a nossa CONCLUSÃO deverá responder o TÍTULO. Parte final do texto, na qual se apresentam conclusões correspondentes aos objetivos e hipóteses. Em outras palavras, a conclusão é a síntese dos resultados da monografia. Tem por finalidade recapitular sinteticamente os resultados da pesquisa elaborada. Na conclusão, o autor deve apresentar os resultados mais importantes e sua contribuição ao tema, aos objetivos e à hipótese apresentada. É opcional apresentar os desdobramentos relativos à importância, síntese, projeção, repercussão, encaminhamento e outros. Obs.: O texto é escrito no tempo verbal presente. A parte de citação de trabalhos que já ocorreram é escrito no tempo passado, sugestões na discussão para metodologias e trabalhos que possam explicitar melhor o assunto é descrito no futuro. Evite termos em “ outras línguas”, porém devem ser descritas em ítalico. Na escrita deve ser levado em consideração o sujeito e a frase, como exemplo: - De acordo com Pizzoni; Ravnholt e Melsen (1998), a movimentação ortodôntica pode ser considerada como a rotação dos dentes em um fio, como pérolas sobre um cordão, sendo a força fornecida por molas ou elásticos. - Pizzoni; Ravnholt e Melsen (1998) descrevem que a movimentação ortodôntica pode ser considerada como a rotação dos dentes em um fio, como pérolas sobre um cordão, sendo a força fornecida por molas ou elásticos. Em casos de marcas comerciais elas devem ser descritas: Nome commercial e com registro de patente , e dentro de parenteses ( empresa distribuidora – cidade – estado – pais ) No trabalho o sistema usado com sistema teste foi Speed® (Strite Industries, Cambridge, Ontario, Canada).
  • 8. 8 9 - INTRODUÇÃO - A introdução do trabalho é feita após termos uma leitura ampla dos artigos relacionados ao tema ( revisão de literatura – já pronta e revisada ), discussão e conclusão a nossa “ proposta – proposição ”. A introdução deve ser feita dentro de uma sequência, onde poderemos utilizar até 2 folhas e meia. Usamos parágrafos, com um autor/trabalho ou mais, sempre com CITAÇÕES. Abaixo uma forma básica de organização desta parte importante do trabalho. - Parágrafo “CHAVE” onde deve ser exposto a idéia principal do trabalho. - Parágrafo onde deve ser exposto a importância e relevância do tema. - Parágrafo onde poderá ser abordado os fatores em discussão. Estes parágrafo pode ser estendido para mais parágrafos, em caso de tópicos. - Parágrafo/os onde afunilará as idéias mais coerentes e aplicáveis da discussão. - Parágrafo/os finais onde chegaria a conclusão levantada. 10 - RESUMO - O resumo é a apresentação do trabalho no seu todo. O resumo segue a introdução, nos trabalhos de monografias, onde pode ser usado a mesma sequência de maneira que os parágrafos usados na introdução agora se tornarão “ FRASES ” . O resumo é feito em um só parágrafo. Ao final é referenciado as palavras – chaves usadas para as buscas nas bases de dados. O parágrafo deve conter 150 a 200 palavras. 11 - ABSTRACT - O resumo na língua inglesa. O trabalho ao final é enviado a 3 (três) revisões - português / formatação / inglês. Mesmo colegas experientes se faz necessário está revisão profissional, devido ao cuidado final do trabalho. Sendo assim, não se apresenta um “abstract” sem que tenha sido revisado.
  • 9. 9 12 - LISTA DE ILUSTRAÇÕES ( LISTA DE FIGURAS ) / GRÁFICOS Elaborada de acordo com a ordem apresentada no texto, com cada item designado por seu nome específico, travessão, título e respectivo número da folha ou página. Quando necessário, recomenda-se a elaboração de lista própria para cada tipo de ilustração (desenhos, esquemas, fluxogramas, fotografias, gráficos, mapas, organogramas, plantas, quadros, retratos e outras). As figuras são importantes a ilustração do trabalho. Aconselho sempre a usar figuras importantes das metodologias dos trabalhos mais usados na DISCUSSÃO. As figuras ilustrativas devem ser usadas e citadas próximo ao parágrafo do artigo citado. Para que seja usado uma lista de figuras é necessário ter mais de 5 ( cinco ) figuras. Modelo de ilustrações (ABNT NBR 14724/2011) ANEXOS. Os anexos são inseridos ao final do trabalho após as REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS. 13 - LISTA DE ABREVIATURAS / SÍMBOLOS - Uma lista de abreviaturas pode ser feita quando usadas nos textos. As abreviaturas irão compor uma lista por ordem alfabética. Obedecer os espaçamento e as letras maiúsculas.
  • 10. 10 Exemplo : 14 – SUMÁRIO O sumário deve ser localizado: a) Como último elemento pré-textual; b) Quando houver mais de um volume, deve ser incluído o sumário de toda a obra em todos os volumes, de forma que se tenha conhecimento do conteúdo, independente do volume consultado. Em publicações periódicas, o sumário: a) deve ser colocado na mesma posição em todos os fascículos, em todos os volumes; b) pode estar no anverso da folha de rosto, concluído no verso, se necessário; c) pode estar na primeira capa, concluído, se necessário, na quarta capa; d) pode estar na quarta capa, concluído, se necessário, na terceira capa ou no miolo. Regras gerais de apresentação A palavra sumário deve ser centralizada e com a mesma tipologia da fonte utilizada para as seções primárias. A subordinação dos itens do sumário deve ser destacada pela apresentação tipográfica utilizada no texto.
  • 11. 11 Os elementos pré-textuais não devem constar no sumário. A ordem dos elementos do sumário deve ser conforme Os indicativos das seções que compõem o sumário, se houver, devem ser alinhados à esquerda, conforme a NBR 6024. Os títulos, e os subtítulos, se houver, sucedem os indicativos das seções. Recomenda-se que sejam alinhados pela margem do título do indicativo mais extenso. O(s) nome(s) do(s) autor(es), se houver, sucede(m) os títulos e os subtítulos. A paginação deve ser apresentada sob uma das formas abaixo: Se houver um único sumário, podem ser colocadas traduções dos títulos após os títulos originais, separados por barra oblíqua ou travessão. Se o documento for apresentado em mais de um idioma, para o mesmo texto, recomenda-se um sumário separado para cada idioma, inclusive a palavra sumário, em páginas distintas.
  • 12. 12 15 - TÍTULO DO TRABALHO - O título do trabalho é a última etapa do trabalho, onde após todo o estudo pode se intitular o trabalho. O título deve ser objetivo e estar ligado a proposição e principalmente encontrando sua resposta (questionamento) na conclusão. 16 – CAPA / LOMBADA E FOLHA DE ROSTO / FOLHA DE APROVAÇÃO. Capa • Logomarca da escola na parte superior da capa ( particular a cada escolar) • Nome do aluno em letras maíusculas centrado – negrito. • Título da monografia no meio da capa, em letras maísculas, tamanho 14 e em negrito. • Espaçamento duplo. • Local e ano de apresentação. Contra - capa • Logomarca da escola na parte superior da capa ( particular a cada escolar) • Título da monografia no meio da capa, em letras maísculas, tamanho 14 e em negrito. • Nome do aluno abaixo do título e a direita • Monografia apresentada ao Curso de Especialização em Ortodontia ( Nome da escola completo ) , como requisito parcial para obtenção do título de especialista em Ortodontia (canto direito da folha). Este texto é digitado em Arial 10, espaço simples. • Nome do orientador , com titulação (canto direito da folha) Local e ano de apresentação.
  • 13. 13 Folha de aprovação • Logomarca da escola na parte superior da capa ( particular a cada escolar) • Título da monografia no parte superior da capa e em letras maiúsculas, tamanho 14 ( em todo o RESTANTE SERÁ 12 ) e em negrito. • Nome do aluno abaixo do título e a direita. • Monografia apresentada ao Curso de Especialização em Ortodontia ( Nome da escola completo ) , como requisito parcial para obtenção do título de especialista em Ortodontia (canto direito da folha)
  • 14. 14 Formato Os textos devem ser digitados ou datilografados em cor preta, podendo utilizar outras cores somente para as ilustrações. Se impresso, utilizar papel branco ou reciclado, no formato A4 (21 cm 29,7 cm). Os elementos pré-textuais devem iniciar no anverso da folha, com exceção dos dados internacionais de catalogação na publicação (Ficha catalográfica) que devem vir no verso da folha de rosto. Recomenda-se que os elementos textuais e pós-textuais sejam digitados ou datilografados no anverso e verso das folhas. O projeto gráfico é de responsabilidade do autor do trabalho. Recomenda-se, quando digitado, a fonte tamanho 12 para todo o trabalho, inclusive capa, excetuando se citações com mais de três linhas, notas de rodapé, paginação, dados internacionais de catalogação na publicação legendas e fontes das ilustrações e das tabelas, que devem ser em tamanho menor e uniforme. No caso de citações de mais de três linhas, deve-se observar também
  • 15. 15 um recuo de 4 cm da margem esquerda. Margem As margens devem ser: para o anverso, esquerda e superior de 3 cm e direita e inferior de 2 cm; para o verso, direita e superior de 3 cm e esquerda e inferior de 2 cm. Espacejamento Todo o texto deve ser digitado ou datilografado com espaço 1,5, excetuando- se as citações de mais de três linhas, notas de rodapé, referências, legendas das ilustrações e das tabelas, ficha catalográfica, natureza do trabalho, objetivo, nome da instituição a que é submetida e área de concentração, que devem ser digitados em espaço simples. As referências, ao final do trabalho, devem ser separadas entre si por um espaço simples em branco.. Os títulos das seções devem começar na parte superior da folha e ser separados do texto que os sucede por dois espaços 1,5, entrelinhas. Da mesma forma, os títulos das subseções devem ser separados do texto que os precede e que os sucede por dois espaços 1,5. Na folha de rosto e na folha de aprovação, a natureza do trabalho, o objetivo, o nome da instituição a que é submetido e a área de concentração devem ser alinhados do meio da folha para a margem direita.
  • 16. 16 SEQUÊNCIA DAS PARTES DO TRABALHO DE MONOGRAFIA ABNT (14724) 1- Capa(capa azul petróleo) / Lombada 2- Contra capa 3- Folha de avaliação ( Digitar os nomes com titulação dos professores da mesa avaliadora ) 4- Agradecimento, epígrafe 5- Resumo( norma ABNT, nbr 6028) Palavra-chave: 3 palavras ( consultar normas de bus6- Abstract 7- Lista de figuras 8- Lista de gráficos 9- Lista de abreviaturas 10-Sumário 11-Introdução 12-Proposição 13-Desenvolvimento - Referências bibliográficas (40 artigos ) - Discussão 14-Conclusão 15- Referencias bibliográficas 16- Anexos e apêndices * Em negrito os iténs obrigatórios na apresentação do trabalho ( sumário ).
  • 17. 17 SEQUÊNCIA DE CONSULTA AO ORIENTADOR: Primeiro contato: - Determinar assunto e tema - Levantamento bibliográfico ( 40 artigos - dos quais 50% literatura internacional com artigos de no máximo 5 anos de publicação . Deve conter 30% dos artigos do ano da entrega do TCC ) – Discutir com a coordenação. Segundo contato: - Entrega da revisão de literatura / discussão . Todos os 40 artigos devem estar contidos na REVISÃO E NA DISCUSSÃO – obrigatório. Responder as perguntas para construir os paragráfos: - Qual foi a proposição do trabalho - Como foi feito - metodologia - Quais foram os resultados - O que discutiu - O que concluiu Terceiro contato: Fechar as referências – dentro das normas. Conclusão. Quarto contato: Introdução e resumo do trabalho. Sexto contato: Abstract – título do trabalho.
  • 18. 18 APÓS A ENTREGA FINAL O ALUNO DEVERÁ PREPARAR A MONOGRAFIA PARA SER ENTREGUE EM FORMA DE ARTIGO CIENTÍFICO . DISPOSIÇÃO TÉCNICA DAS APRESENTAÇÕES E NORMAS DA COORDENAÇÃO 1 – É obrigatório a entrega das 3 cópias do trabalho em espiral na data determinada pelo coordenador do curso. Não será prorrogado em nenhuma hipótese. obs.: O aluno que não entregar o trabalho final escrito encadernado em aspiral, devidamente de acordo com seu orientador, dentro do prazo determinado pela coordenação do curso, o mesmo será automaticamente REPROVADO. Obs.: Em casos especiais: Com a devida liberação do coordenador e o consentimento do orientador do trabalho e do presidente da mesa de avaliação o aluno poderá realizar a apresentação oral em caracter especial, sendo que o trabalho escrito deverá ser entregue na secretaria da escola para que os professores no prazo de 60 dias devolva ao orientador para que o mesmo e o aluno tomem as devidas providências de correção. 2 - O aluno deverá estar presente durante a chamada (com traje social e jaleco da escola de origem - identificado com nome) , com os meios técnicos de apresentação preparados com tempo de espera máximo de 5 minutos. No ato da chamada o aluno que não estiver presente será REPROVADO, e o mesmo terá que entrar com uma solicitacão por escrito assinado pelo seu orientador para que a coordenação aprecie a possibilidade de ser apresentado até o dia máximo de 17/08/2012. 3 – Após a sala estar fechada, não poderá mais sair e entrar ninguém salve problemas de ordem maior. Será solicitado silêncio absoluto para a apresentação. 4 – Após a apresentação o presidente da mesa passará a palavra aos demais colegas para que sejam feitas as intervenções ( 5 a 10 minutos máximo a cada professor ) 5 – O aluno irá se ausentar por 1 minuto e a banca irá avaliar a APROVAÇÃO/REPROVAÇÃO ( com prazo para correção de no máximo 90 dias ).
  • 19. 19 DISPOSIÇÃO TÉCNICA PARA A ENTREGA DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO E FINALIZAÇÃO DO CURSO O aluno após autorizado por escrito ( pelo seu orientador ) irá entregar na secretaria da escola dentro do prazo estipulado pela mesa / escola: 1 - 3 cópias do trabalho encadernado em capa dura ( conforme norma da escola ). 2 - 1 Cd contendo - 1 cópia do trabalho no formato Word ( já corrigido ) - 1 cópia da apresentação em Power point ( já corrido ) - Todos os seminários apresentados durante o curso. - O aluno deverá entregar preparado para seminário – Power point seus casos clínicos realizados durante o curso. Também deverá ser preparado e entregue os seminários teóricos apresentados. Obs.: todos os alunos deverão ter estes seminários para entrega, caso o contrário não terão notas de clínica e seminários para ser aprovado. Obs.: Em caso de ser obrigatório, como complemento a aprovação do aluno a apresentação de sua monografia vinculada a um artigo científico, o aluno e seu orientador terá o prazo de 60 dias após a entrega do trabalho (final) para entrega do trabalho para envio a revista (escolhida pela coordenação do curso). 3 – Será determinado pela coordenação do cursos uma clínica extra para que os alunos concluentes possam passar as pastas aos professores responsáveis ,e alunos novos, na oportunidade com os pacientes presentes. 4 - Os alunos que irão permanecer nos atendimentos, deverão fazer um relatório com seu orientador de clínica, com as devidas explicações sobre os casos clínicos em andamento: - Tempo de tratamento, mecânica empregada, resultados obtidos e esperados, previsão de finalização, etc.... 5 - O aluno só será APROVADO se obtiver nota maior que 7,0 ( sete ) em todos os requisitos, e ser APROVADO no seu TCC – monografia.
  • 20. 20 Após a entrega dos trabalhos na secretaria, o revisor coordenador dos TCCs irá fazer nova avaliação dos CDs e TCCs entregue. A coordenação estará no direito de fazer correções e o aluno deverá, se tiver erros, de fazer as correções.