SlideShare uma empresa Scribd logo
GAZETA DE PIRACICABA
20 GENTE PIRACICABA, DOMINGO, 1º DE JUNHO DE 2014
Com que roupa eu vou?
Site: www.commandcoaching.com.br / Email: renatapassos@commandcoaching.com.br
Resumos de segunda-feira, 2/6
MALHAÇÃO
Globo, 17h50
Anita tenta convencer Antônio a libertar Sofia. Ben encontra Ani-
ta e Sofia e liga para Ronaldo. O investigador Moura avisa a Ben
que a polícia já está a caminho. Ben consegue alcançar Antônio e
enfrenta o irmão. Clara avisa a todos no ensaio do musical que
Anita e Sofia foram sequestradas. Ben inventa uma história sobre
o pai de Antônio e o menino fica em choque. A polícia chega ao
local do cativeiro.
MEU PEDACINHO DE CHÃO
Globo, 18h30
Zelão elogia a capacidade intelectual de Serelepe para Rodapé. Gi-
na diz à mãe que não votará em Ferdinando.O prefeito das Antas
pede ao Padre Santo que avise a Juliana sobre o atraso no paga-
mento de seu salário. Juliana comenta com Renato sobre a dificul-
dade que ele terá de manter o posto de saúde. Juliana fala para
Gina que terá de dar aula em outro lugar caso a prefeitura das An-
tas não tenha recursos para pagar seu salário. Renato fica descon-
certado quando uma senhora oferece uma galinha como forma
de pagamento de sua consulta médica.
GERAÇÃO BRASIL
Globo, 19h30
Jonas explica aos participantes
as regras da próxima etapa da dis-
puta. Pamela avisa a Megan que
vai procurar mais informações
sobre Davi. Alex e Maria pensam
em sua vingança contra Brian. Ja-
ck chega na Califórnia eé recebi-
do por Brian e Dorothy. Jonas le-
va Verônica para acompanhar a
prova com ele. Maria e outras ex-
namoradas de Brian o difamam
na TV, e Evangelina o defende.
Pamela pede para Rita não con-
tar para Herval (foto) que ela este-
ve na Plugar. Alice pede para Ma-
tias voltar para a faculdade. Jack encerra o contrato de Maria, que
fica ainda mais furiosa com Brian. Cai um temporal e Verônica fica
presa no mesmo local que Jonas. Um drone observa os dois.
CHIQUITITAS
SBT, 20h30
Açucena é anunciada vencedora do concurso literário durante a
premiação. Açucena na verdade é Mili disfarçada. Na casa de Ca-
rol, Bruno (Bruno Autran) explica como era sua relação com Letí-
cia, diz que namoraram, masque se separaram e ele foi para o exte-
rior. Bruno diz que só agora que voltou ao Brasil (9 anos depois)
seus pais lhe deram uma carta que Letícia havia escrito. A carta re-
vela que ela estava grávida dele. Carol entende que ele é o pai de
Dani. Bruno fica feliz ao saber que é pai de uma menina e pede
ajuda para Carol. Mili sobe ao palco vestida como Açucena para
receber o prêmio. JP, que está na plateia, não percebe que se trata
de Mili. No Café Boutique, Tobias prepara uma surpresa para Ma-
ria Cecília. Com a ajuda de algumas pessoas, o rapaz aparece para
cantar, se declarar e pedir Maria Cecília em casamento. Ela aceita.
EM FAMÍLIA
Globo, 21h05
Virgílio fica chateado ao ver que
Helena não se desfez de sua cai-
xa de lembranças e decide sair
de casa. Felipe se desculpa com
Silvia por ter dito, na frente de
Clara, que ela estava interessada
em Cadu. Bárbara recebe flores
de Lucas, deixando André inco-
modado. Chica conta para Luiza
que Virgílio abandonou Helena.
Dulce conhece Pedro Paulo, no-
vo professor da faculdade. Luiza
visita Virgílio no hotel. Marina
prepara um jantar para Clara (fo-
to). Embriagado, Felipe atende
uma criança e dá um diagnóstico errado. Jairo perde Bia no shop-
ping, deixando Juliana nervosa. O paciente de Felipe dá entrada
no hospital em estado crítico.
VITÓRIA
Record, 22h15
Em Curaçao, Artur e Clarice tomam café da manhã apreciando a
bela vista. O rapaz questiona a mãe sobre os planos de acabar
com Gregório. Clarice discorda, mas Artur está disposto a tudo pa-
ra alcançar seu objetivo. No Brasil, Gregório, dono do haras Alta-
cyr Ferreira, demonstra preocupação quanto à dívida no banco
em conversa com o empregado Bernardo, mas é interrompido pe-
los galopes da égua Vitória. Diana, filha de Gregório, monta a
égua contra a vontade do pai, que briga com ela. A família está jan-
tando quando recebe a notícia de que a cocheira está pegando fo-
go. Diana desconfia de que o incêndio foi criminoso e aponta o
dono do haras Arminho, Artur, como o autor. Diana encontra Ar-
tur e se surpreende ao ver que ele é cadeirante, mas volta a acusá-
lo pelo incêndio. Os dois selam a paz e começam um romance No
haras Arminho, Artur consegue ter seu encontro com Gregório e
revela toda a dor e mágoa guardada por anos.
RENATA PASSOS
S
ua roupa pode dizer
mais sobre você do que
qualquer avaliação de
perfil será capaz!
Viajamos por alguns dias e
tive o grande privilégio de co-
nhecer outras culturas.
Se fosse escrever sobre nos-
sas percepções, acredito que
teria assunto até o final do
ano, mas farei o possível,
dentro de minhas limitações,
dividir esta grande viagem
com vocês!
Em Londres, assim que che-
gamos, pegamos o metrô pa-
ra irmos até o apartamento
que havíamos alugado.
O metrô não é tão novo e
bonito como as novas linhas
do nosso em São Paulo, mas
chega a todos os pontos turís-
ticos e em qualquer lugar da
cidade.
Na plataforma um aviso de
quantos minutos você ficará
esperando, um, dois, três mi-
nutos... Passado o tempo
mencionado, ele chega com
o que conhecemos como
pontualidade "britânica". Is-
so é real, funciona.
Existem poucos atenden-
tes, guichê pequeno e você
mesmo compra seus bilhe-
tes.
Dentro do metrô alguns
adolescentes conversavam
animados, pareciam ter aca-
bado de sair da escola.
Suas roupas? Terninho, gra-
vata (inclusive para meni-
nas), meia e sapatos. Outros
com uniforme de educação
física com shorts que chega-
vam aos joelhos.
Faz parte da cultura e do cli-
ma se vestirem assim. Um
traje que revelava a reverên-
cia com que a escola é trata-
da lá!
Minhas filhas também fica-
ram encantadas e acharam
muito elegantes, mas disse-
ram que não gostariam de
usar sapatos e terninho, nem
no frio (lá estava calor).
A escola lá é reverenciada,
respeitada. Você não pode ir
de qualquer jeito, de shorts
curto e chinelos de borracha.
Penso que reverência, as-
sim como respeito à hierar-
quia, a liderança e a ordem
(processos), são aprendidas
através de costumes e de ati-
tudes que parecem peque-
nas e simples, mas que, ao
longo dos anos, fazem TODA
a diferença.
Em todas as culturas as rou-
pas revelam muito mais do
que moda, mais costumes,
hábitos e crenças de um po-
vo. São formas de comunicar
o que não precisa ser dito,
mas visto.
Mostram como você vê e va-
loriza o lugar onde está. Nin-
guém vai com roupa de praia
a um casamento dentro de
uma igreja, não é?
E aqui em nossa cidade?
Você já observou alguns
profissionais que deixam par-
tes do corpo à mostra nos
seus locais de trabalho?
E nas nossas escolas?
Escolas, empresas, igrejas
são espaços coletivos onde
podemos e devemos demons-
trar reverência e respeito.
Que tal deixarmos os deco-
tes, as camisetas customiza-
das, os shorts e as blusas que
deixam a barriga a mostra pa-
ra outros lugares?
Liderança é poder fazer e
usar o que quer e mesmo as-
sim, respeitar o lugar, o mo-
mento certo, a hora certa de
usar nossa liberdade!
É antes de escolher a rou-
pa, pensar no propósito do
local que você irá e aceitar
que você - se quer liderar -
não é o ator principal ou "do-
no".
Quando pensamos mais na
causa do que em nós mes-
mos, começamos a caminha-
da da liderança.
Simples assim, só isso e
mais nada!
Momento CoachingNOVELAS
Os resumos dos capítulos são fornecidos pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em fun-
ção da edição das novelas.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Líder: quem é o seu mentor?
Líder: quem é o seu mentor?Líder: quem é o seu mentor?
Líder: quem é o seu mentor?command-coaching
 
Qual o jogo que você vem jogando com você?
Qual o jogo que você vem jogando com você?Qual o jogo que você vem jogando com você?
Qual o jogo que você vem jogando com você?command-coaching
 
Festa de confraternização da empresa
Festa de confraternização da empresaFesta de confraternização da empresa
Festa de confraternização da empresacommand-coaching
 
Será que dá para simplificar?
Será que dá para simplificar?Será que dá para simplificar?
Será que dá para simplificar?command-coaching
 
Você está pronto para mais uma primavera?
Você está pronto para mais uma primavera?Você está pronto para mais uma primavera?
Você está pronto para mais uma primavera?command-coaching
 
Cartilha de Enfrentamento da Violência Doméstica
Cartilha de Enfrentamento da Violência DomésticaCartilha de Enfrentamento da Violência Doméstica
Cartilha de Enfrentamento da Violência DomésticaEliane Xavier
 
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...command-coaching
 
Você sabe o que é presente de verdade?
Você sabe o que é presente de verdade?Você sabe o que é presente de verdade?
Você sabe o que é presente de verdade?command-coaching
 
Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?
Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?
Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?command-coaching
 
O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?
O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?
O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?command-coaching
 
Que tipo de filho você é?
Que tipo de filho você é?Que tipo de filho você é?
Que tipo de filho você é?command-coaching
 
Agatha christie (mary westmacott) a ausência
Agatha christie (mary westmacott)   a ausênciaAgatha christie (mary westmacott)   a ausência
Agatha christie (mary westmacott) a ausênciaJp Prof
 
Formatura
FormaturaFormatura
Formaturalalagsg
 

Mais procurados (18)

Onde você está?
Onde você está?Onde você está?
Onde você está?
 
Líder: quem é o seu mentor?
Líder: quem é o seu mentor?Líder: quem é o seu mentor?
Líder: quem é o seu mentor?
 
Qual o jogo que você vem jogando com você?
Qual o jogo que você vem jogando com você?Qual o jogo que você vem jogando com você?
Qual o jogo que você vem jogando com você?
 
Você tem o suficiente?
Você tem o suficiente?Você tem o suficiente?
Você tem o suficiente?
 
Festa de confraternização da empresa
Festa de confraternização da empresaFesta de confraternização da empresa
Festa de confraternização da empresa
 
Será que dá para simplificar?
Será que dá para simplificar?Será que dá para simplificar?
Será que dá para simplificar?
 
Você está pronto para mais uma primavera?
Você está pronto para mais uma primavera?Você está pronto para mais uma primavera?
Você está pronto para mais uma primavera?
 
Diários Carrie Capítulo 1
Diários Carrie Capítulo 1Diários Carrie Capítulo 1
Diários Carrie Capítulo 1
 
Cartilha de Enfrentamento da Violência Doméstica
Cartilha de Enfrentamento da Violência DomésticaCartilha de Enfrentamento da Violência Doméstica
Cartilha de Enfrentamento da Violência Doméstica
 
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
 
VOCÊ SABE DELEGAR?
VOCÊ SABE DELEGAR?VOCÊ SABE DELEGAR?
VOCÊ SABE DELEGAR?
 
Você sabe o que é presente de verdade?
Você sabe o que é presente de verdade?Você sabe o que é presente de verdade?
Você sabe o que é presente de verdade?
 
Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?
Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?
Prêmios e bônus de final de ano. Onde está o seu valor?
 
O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?
O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?
O que as crianças podem nos ensinar sobre trabalho?
 
Que tipo de filho você é?
Que tipo de filho você é?Que tipo de filho você é?
Que tipo de filho você é?
 
A chamada
A chamadaA chamada
A chamada
 
Agatha christie (mary westmacott) a ausência
Agatha christie (mary westmacott)   a ausênciaAgatha christie (mary westmacott)   a ausência
Agatha christie (mary westmacott) a ausência
 
Formatura
FormaturaFormatura
Formatura
 

Destaque

Concorrente: Marcação ou Perseguição?
Concorrente: Marcação ou Perseguição?Concorrente: Marcação ou Perseguição?
Concorrente: Marcação ou Perseguição?command-coaching
 
Onde está a sua segurança?
Onde está a sua segurança?Onde está a sua segurança?
Onde está a sua segurança?command-coaching
 
Qual é sua linha de chegada?
Qual é sua linha de chegada?Qual é sua linha de chegada?
Qual é sua linha de chegada?command-coaching
 
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...command-coaching
 
Proyecto investigacion y elementos
Proyecto investigacion y  elementosProyecto investigacion y  elementos
Proyecto investigacion y elementosEuler Ruiz
 
Emm classifique os adjetivos
Emm   classifique os adjetivosEmm   classifique os adjetivos
Emm classifique os adjetivosEdite Mendes
 
PROJECTO EFA
PROJECTO EFAPROJECTO EFA
PROJECTO EFAinnog
 
Roupas (adaptado)
Roupas (adaptado)Roupas (adaptado)
Roupas (adaptado)ameliamardm
 
Planeamento da sessão vamos lá separar
Planeamento da sessão   vamos lá separarPlaneamento da sessão   vamos lá separar
Planeamento da sessão vamos lá separarjoanai
 

Destaque (15)

Concorrente: Marcação ou Perseguição?
Concorrente: Marcação ou Perseguição?Concorrente: Marcação ou Perseguição?
Concorrente: Marcação ou Perseguição?
 
Você sabe delegar?
Você sabe delegar?Você sabe delegar?
Você sabe delegar?
 
Onde está a sua segurança?
Onde está a sua segurança?Onde está a sua segurança?
Onde está a sua segurança?
 
Qual é sua linha de chegada?
Qual é sua linha de chegada?Qual é sua linha de chegada?
Qual é sua linha de chegada?
 
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
De que ROSA é o seu outubro, novembro, dezembro...
 
Proyecto investigacion y elementos
Proyecto investigacion y  elementosProyecto investigacion y  elementos
Proyecto investigacion y elementos
 
Emm classifique os adjetivos
Emm   classifique os adjetivosEmm   classifique os adjetivos
Emm classifique os adjetivos
 
COMUNICACIÓN CRESCER PARA SER CAMINHO PARA A AUTONOMIA
COMUNICACIÓN CRESCER PARA SER CAMINHO PARA A AUTONOMIA COMUNICACIÓN CRESCER PARA SER CAMINHO PARA A AUTONOMIA
COMUNICACIÓN CRESCER PARA SER CAMINHO PARA A AUTONOMIA
 
Aprender com autonomia3
Aprender com autonomia3Aprender com autonomia3
Aprender com autonomia3
 
Sustentabilidade
SustentabilidadeSustentabilidade
Sustentabilidade
 
Roupa
RoupaRoupa
Roupa
 
Vestuario masculino 2
Vestuario masculino 2Vestuario masculino 2
Vestuario masculino 2
 
PROJECTO EFA
PROJECTO EFAPROJECTO EFA
PROJECTO EFA
 
Roupas (adaptado)
Roupas (adaptado)Roupas (adaptado)
Roupas (adaptado)
 
Planeamento da sessão vamos lá separar
Planeamento da sessão   vamos lá separarPlaneamento da sessão   vamos lá separar
Planeamento da sessão vamos lá separar
 

Semelhante a Com que roupa eu vou?

RECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATO
RECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATORECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATO
RECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATOcommand-coaching
 
Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?
Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?
Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?command-coaching
 
Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?
Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?
Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?command-coaching
 
Capitulo 1 não se jogue
Capitulo 1   não se jogueCapitulo 1   não se jogue
Capitulo 1 não se jogueStephanye Gomes
 
Pagina 16
Pagina 16Pagina 16
Pagina 16josy145
 
Maneiras de Ser - Capítulo 91
Maneiras de Ser - Capítulo 91Maneiras de Ser - Capítulo 91
Maneiras de Ser - Capítulo 91dnatv
 
Memórias de Eliane
Memórias de ElianeMemórias de Eliane
Memórias de Elianekatiaacd
 

Semelhante a Com que roupa eu vou? (13)

UCI Março
UCI MarçoUCI Março
UCI Março
 
RECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATO
RECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATORECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATO
RECLAMAÇÃO DESPROPORCIONAL AO FATO
 
Onde você está?
Onde você está?Onde você está?
Onde você está?
 
Onde você está?
Onde você está?Onde você está?
Onde você está?
 
Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?
Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?
Você acredita em Milagres? Sabe quem é Eike Batista?
 
VOCÊ SABE DELEGAR?
VOCÊ SABE DELEGAR?VOCÊ SABE DELEGAR?
VOCÊ SABE DELEGAR?
 
UCI Fevereiro
UCI FevereiroUCI Fevereiro
UCI Fevereiro
 
DeClara 24 junho 2019
DeClara 24 junho 2019DeClara 24 junho 2019
DeClara 24 junho 2019
 
Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?
Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?
Passo para frente ou para trás, o que te faz feliz no trabalho?
 
Capitulo 1 não se jogue
Capitulo 1   não se jogueCapitulo 1   não se jogue
Capitulo 1 não se jogue
 
Pagina 16
Pagina 16Pagina 16
Pagina 16
 
Maneiras de Ser - Capítulo 91
Maneiras de Ser - Capítulo 91Maneiras de Ser - Capítulo 91
Maneiras de Ser - Capítulo 91
 
Memórias de Eliane
Memórias de ElianeMemórias de Eliane
Memórias de Eliane
 

Último

AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfssuserbb4ac2
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaIlda Bicacro
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroBrenda Fritz
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Mary Alvarenga
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfssuser06ee57
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptxlucioalmeida2702
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assisbrunocali007
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfPastor Robson Colaço
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfLeandroTelesRocha2
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfmaria794949
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimentoApresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimentoPedroFerreira53928
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxSolangeWaltre
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....LuizHenriquedeAlmeid6
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 

Último (20)

AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimentoApresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 

Com que roupa eu vou?

  • 1. GAZETA DE PIRACICABA 20 GENTE PIRACICABA, DOMINGO, 1º DE JUNHO DE 2014 Com que roupa eu vou? Site: www.commandcoaching.com.br / Email: renatapassos@commandcoaching.com.br Resumos de segunda-feira, 2/6 MALHAÇÃO Globo, 17h50 Anita tenta convencer Antônio a libertar Sofia. Ben encontra Ani- ta e Sofia e liga para Ronaldo. O investigador Moura avisa a Ben que a polícia já está a caminho. Ben consegue alcançar Antônio e enfrenta o irmão. Clara avisa a todos no ensaio do musical que Anita e Sofia foram sequestradas. Ben inventa uma história sobre o pai de Antônio e o menino fica em choque. A polícia chega ao local do cativeiro. MEU PEDACINHO DE CHÃO Globo, 18h30 Zelão elogia a capacidade intelectual de Serelepe para Rodapé. Gi- na diz à mãe que não votará em Ferdinando.O prefeito das Antas pede ao Padre Santo que avise a Juliana sobre o atraso no paga- mento de seu salário. Juliana comenta com Renato sobre a dificul- dade que ele terá de manter o posto de saúde. Juliana fala para Gina que terá de dar aula em outro lugar caso a prefeitura das An- tas não tenha recursos para pagar seu salário. Renato fica descon- certado quando uma senhora oferece uma galinha como forma de pagamento de sua consulta médica. GERAÇÃO BRASIL Globo, 19h30 Jonas explica aos participantes as regras da próxima etapa da dis- puta. Pamela avisa a Megan que vai procurar mais informações sobre Davi. Alex e Maria pensam em sua vingança contra Brian. Ja- ck chega na Califórnia eé recebi- do por Brian e Dorothy. Jonas le- va Verônica para acompanhar a prova com ele. Maria e outras ex- namoradas de Brian o difamam na TV, e Evangelina o defende. Pamela pede para Rita não con- tar para Herval (foto) que ela este- ve na Plugar. Alice pede para Ma- tias voltar para a faculdade. Jack encerra o contrato de Maria, que fica ainda mais furiosa com Brian. Cai um temporal e Verônica fica presa no mesmo local que Jonas. Um drone observa os dois. CHIQUITITAS SBT, 20h30 Açucena é anunciada vencedora do concurso literário durante a premiação. Açucena na verdade é Mili disfarçada. Na casa de Ca- rol, Bruno (Bruno Autran) explica como era sua relação com Letí- cia, diz que namoraram, masque se separaram e ele foi para o exte- rior. Bruno diz que só agora que voltou ao Brasil (9 anos depois) seus pais lhe deram uma carta que Letícia havia escrito. A carta re- vela que ela estava grávida dele. Carol entende que ele é o pai de Dani. Bruno fica feliz ao saber que é pai de uma menina e pede ajuda para Carol. Mili sobe ao palco vestida como Açucena para receber o prêmio. JP, que está na plateia, não percebe que se trata de Mili. No Café Boutique, Tobias prepara uma surpresa para Ma- ria Cecília. Com a ajuda de algumas pessoas, o rapaz aparece para cantar, se declarar e pedir Maria Cecília em casamento. Ela aceita. EM FAMÍLIA Globo, 21h05 Virgílio fica chateado ao ver que Helena não se desfez de sua cai- xa de lembranças e decide sair de casa. Felipe se desculpa com Silvia por ter dito, na frente de Clara, que ela estava interessada em Cadu. Bárbara recebe flores de Lucas, deixando André inco- modado. Chica conta para Luiza que Virgílio abandonou Helena. Dulce conhece Pedro Paulo, no- vo professor da faculdade. Luiza visita Virgílio no hotel. Marina prepara um jantar para Clara (fo- to). Embriagado, Felipe atende uma criança e dá um diagnóstico errado. Jairo perde Bia no shop- ping, deixando Juliana nervosa. O paciente de Felipe dá entrada no hospital em estado crítico. VITÓRIA Record, 22h15 Em Curaçao, Artur e Clarice tomam café da manhã apreciando a bela vista. O rapaz questiona a mãe sobre os planos de acabar com Gregório. Clarice discorda, mas Artur está disposto a tudo pa- ra alcançar seu objetivo. No Brasil, Gregório, dono do haras Alta- cyr Ferreira, demonstra preocupação quanto à dívida no banco em conversa com o empregado Bernardo, mas é interrompido pe- los galopes da égua Vitória. Diana, filha de Gregório, monta a égua contra a vontade do pai, que briga com ela. A família está jan- tando quando recebe a notícia de que a cocheira está pegando fo- go. Diana desconfia de que o incêndio foi criminoso e aponta o dono do haras Arminho, Artur, como o autor. Diana encontra Ar- tur e se surpreende ao ver que ele é cadeirante, mas volta a acusá- lo pelo incêndio. Os dois selam a paz e começam um romance No haras Arminho, Artur consegue ter seu encontro com Gregório e revela toda a dor e mágoa guardada por anos. RENATA PASSOS S ua roupa pode dizer mais sobre você do que qualquer avaliação de perfil será capaz! Viajamos por alguns dias e tive o grande privilégio de co- nhecer outras culturas. Se fosse escrever sobre nos- sas percepções, acredito que teria assunto até o final do ano, mas farei o possível, dentro de minhas limitações, dividir esta grande viagem com vocês! Em Londres, assim que che- gamos, pegamos o metrô pa- ra irmos até o apartamento que havíamos alugado. O metrô não é tão novo e bonito como as novas linhas do nosso em São Paulo, mas chega a todos os pontos turís- ticos e em qualquer lugar da cidade. Na plataforma um aviso de quantos minutos você ficará esperando, um, dois, três mi- nutos... Passado o tempo mencionado, ele chega com o que conhecemos como pontualidade "britânica". Is- so é real, funciona. Existem poucos atenden- tes, guichê pequeno e você mesmo compra seus bilhe- tes. Dentro do metrô alguns adolescentes conversavam animados, pareciam ter aca- bado de sair da escola. Suas roupas? Terninho, gra- vata (inclusive para meni- nas), meia e sapatos. Outros com uniforme de educação física com shorts que chega- vam aos joelhos. Faz parte da cultura e do cli- ma se vestirem assim. Um traje que revelava a reverên- cia com que a escola é trata- da lá! Minhas filhas também fica- ram encantadas e acharam muito elegantes, mas disse- ram que não gostariam de usar sapatos e terninho, nem no frio (lá estava calor). A escola lá é reverenciada, respeitada. Você não pode ir de qualquer jeito, de shorts curto e chinelos de borracha. Penso que reverência, as- sim como respeito à hierar- quia, a liderança e a ordem (processos), são aprendidas através de costumes e de ati- tudes que parecem peque- nas e simples, mas que, ao longo dos anos, fazem TODA a diferença. Em todas as culturas as rou- pas revelam muito mais do que moda, mais costumes, hábitos e crenças de um po- vo. São formas de comunicar o que não precisa ser dito, mas visto. Mostram como você vê e va- loriza o lugar onde está. Nin- guém vai com roupa de praia a um casamento dentro de uma igreja, não é? E aqui em nossa cidade? Você já observou alguns profissionais que deixam par- tes do corpo à mostra nos seus locais de trabalho? E nas nossas escolas? Escolas, empresas, igrejas são espaços coletivos onde podemos e devemos demons- trar reverência e respeito. Que tal deixarmos os deco- tes, as camisetas customiza- das, os shorts e as blusas que deixam a barriga a mostra pa- ra outros lugares? Liderança é poder fazer e usar o que quer e mesmo as- sim, respeitar o lugar, o mo- mento certo, a hora certa de usar nossa liberdade! É antes de escolher a rou- pa, pensar no propósito do local que você irá e aceitar que você - se quer liderar - não é o ator principal ou "do- no". Quando pensamos mais na causa do que em nós mes- mos, começamos a caminha- da da liderança. Simples assim, só isso e mais nada! Momento CoachingNOVELAS Os resumos dos capítulos são fornecidos pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em fun- ção da edição das novelas.