SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
A Banda Desenhada, BD ou Histórias aos Quadradinhos é uma
arte que conjuga texto e imagens com o objectivo de narrar histórias
dos mais variados géneros e estilos. São, em geral, publicadas no
formato de revistas, livros ou em tiras publicadas em jornais e
revistas.
Como se faz uma banda desenhada
Em 1º lugar é necessário haver uma história para contar
Precisas de um guião escrito
Precisas de conhecer a estrutura básica da banda desenhada
• O tipo de planos e ângulos de visão
• Códigos de comunicação
• E muita imaginação…
• Linguagem da Banda Desenhada
Guião
É a história escrita, com
todos os elementos que a
integram: personagens e
suas características,
diálogos e sequências de
imagens.

Tira
É um conjunto de vinhetas dispostas
na horizontal e ocupando toda a
largura da folha.

Vinheta
É o espaço onde se
desenrola uma cena.
Tem geralmente a
forma de um
rectângulo ou de um
quadrado e as suas
dimensões podem ser
muito variadas. A
ordem de leitura das
vinhetas é sempre, da
esquerda para a
direita e de cima para
baixo.

Prancha
É a folha completa de várias tiras.
• O texto
O Balão
Pode ter formas variadas e contem os textos correspondentes aos
diálogos ou pensamentos das personagens, apontando a personagem
emissora.
Balão de
fala em
voz baixa

Balão de ruído

Balão de
fala normal

Balão de
pensamento

Balão de
fala em voz
alta
• Códigos de comunicação
Metáfora

Signo cinético

Sinal gráfico, que substitui
palavras, expressando
estados de alma da
personagem.

Traço ou linha que
representa o
movimento das
personagens ou
objectos.

Onomatopeia
Representação
de ruídos ou sons
por palavras
convencionais.

Legenda
Representa as falas do narrador.
As personagens
necessitam de ter uma
expressividade muito
especial para acompanhar
as situações e os textos.
A expressão dos rostos e a
posição do corpo são
essenciais.

As expressões
fundamentais de um
personagem são de:
alegria, tristeza,
aborrecimento, medo,
malícia, espanto…

Os elementos gráficos essenciais
são: a forma da cara, as orelhas, o nariz,
os olhos, as sobrancelhas e a boca.
• Planos e ângulos de visão
Os planos enquadram as personagens e os objectos na vinheta
referem-se à distância, dando a sensação de afastamento ou
aproximação.
Plano geral
descreve o ambiente onde se
desenrola a história

Plano de
conjunto
enquadra a
personagem no
cenário

Plano médio
Enquadra a
personagem
no quadro
• Planos e ângulos de visão
Plano
aproximado
Plano americano
As personagens
aparecem cortadas
pelos joelhos

As personagens
aparecem
cortadas pela
cintura

Plano de
pormenor
Coloca
personagens em
grande evidência,
com grande
aproximação

Primeiro plano
As personagens
aparecem
cortadas pelos
ombros
• Planos e ângulos de visão
Os ângulos dão-nos a posição em relação ao observador,
situando a imagem acima, abaixo ou ao nível dos olhos deste.
Picado
A cena é vista de cima para
baixo.

Contrapicado
A cena é vista de
baixo para cima.
• Estilos gráficos
Realista

Linear

Os traços do desenho
procuram uma
semelhança com o
real, uma figuração
de carácter
fotográfico, uma
aproximação à
realidade

Os contornos das
figuras são bem
recortados e a
espessura da linha é
regular e constante

Expressionista
As figuras e os
espaços podem ser
sujeitos a todas as
espécies de
deformações
visuais, exageros,
na expressão das
linhas, das
manchas e das
cores

Gestual
Ao contornos das figuras
apresentam uma linha
com espessura variável,
de acordo com as
manchas provocadas pelo
pincel, expressão
espontânea e rápida
PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA
Asterix, no Brasil ou Astérix, em Portugal (em francês: Astérix), é
uma série de histórias em quadrinhos criada na França por
Albert Uderzo e René Goscinny no ano de 1959. Após o falecimento
de Goscinny, Uderzo prosseguiu o trabalho – apesar de ter afirmado
que não quer que ninguém continue a série após a sua morte.[1

Albert Uderzo
PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA

Joaquín Salvador Lavado (17 de julho de
1932 (os registros constam como tendo
nascido
em
agosto),
em
província de Mendoza, Argentina), mais
conhecido como Quino, é um humorista
gráfico e criador de história em quadrinhos
argentino.
Mafalda
Personagem da banda desenhada (BD)
criada pelo argentino Quino, Mafalda surgiu
regularmente a 29 de setembro de 1964, nas
páginas do semanário Primera Plana. Um
pouco antes tinham sido publicadas três tiras
no suplemento humorístico da revista
Leoplán.
PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA

Elzie Crisler Segar.

Popeye é um personagem clássico dos
quadrinhos, criado por E. C. Segar[1] em 1929, e
adaptado para desenhos animados em 1933
pelos irmãos Dave e Max Fleischer.
É um marinheiro carismático que está sempre
tentando proteger sua namorada, Olívia Palito
(em inglês Olive Oyl, e pronuncia-se: "Ólev Oiu"),
das garras de seu eterno inimigo, Brutus (em
inglês Bluto).
Quando come espinafre, Popeye fica muito mais
forte e confiante, podendo vencer qualquer
desafio.
PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA
Lucky Luke – Morris
Maurice de Bévère (1 de dezembro de 1923 — 16 de julho de 2001),
conhecido como Morris, foi um ilustrador de banda desenhada (
português europeu)
ou história em quadrinhos (português brasileiro) belga, criador de
Lucky Luke. O seu pseudónimo refere-se à pronúncia do seu primeiro
nome.
Nascido na Bélgica
Lucky Luke - O cowboy que dispara mais rápido do que a própria
sombra, enfrenta em todas as suas aventuras o crime e a injustiça.
Irmãos Dalton - Inimigos recorrentes de Luky Luke, complectamente
broncos (em ordem crescente em altura e estupidez), Joe, Jack,
William e Averell. São primos dos verdadeiros irmãos Dalton, que
apareceram também numa história.
Jolly Jumper - “O cavalo mais esperto do mundo”. O cavalo de
Lucky Luke, .
Rantanplan - “O cão mais estúpido do universo”. Um cão que
acompanha muitas vezes, Luky Luke e Jolly Jumper
PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA
Tintim
Georges Prosper Remi (Etterbeek,
22 de maio
1907
—
Woluwe-Saint-Lambert, 3 de março 1983
), conhecido pelo nome Hergé, foi um
escritor, artista, e desenhista de
banda desenhada
ou
história em quadrinhos belga francófono.
Tornou-se famoso como criador do
consagrado e mundialmente conhecido
personagem e herói Tintim, em As
Aventuras de Tintim, que ele escreveu e
ilustrou a partir de 1929 até à sua morte
em 1983.
Último tango em Berlim?
CARTOON

Um cartoon é um desenho humorístico /
satírico, acompanhado ou não de legenda, de
carácter extremamente crítico retratando de
uma forma bastante sintetizada algo que
envolve o dia-a-dia de uma sociedade.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)
Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)
Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)
jpsales
 
Redigir: Aula 4 - Morfologia 1
Redigir: Aula 4 - Morfologia 1Redigir: Aula 4 - Morfologia 1
Redigir: Aula 4 - Morfologia 1
yasminabdalla
 
5 tipos de mapas
5 tipos de mapas5 tipos de mapas
5 tipos de mapas
Mayjö .
 
06 localizacao absoluta
06 localizacao absoluta06 localizacao absoluta
06 localizacao absoluta
Escola
 
Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho
Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho
Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho
Valeria Nunes
 
ApresentaçãO B D1
ApresentaçãO  B D1ApresentaçãO  B D1
ApresentaçãO B D1
maryefe
 

Mais procurados (20)

Separadores
SeparadoresSeparadores
Separadores
 
Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)
Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)
Histórias em quadrinhos (conteúdo mais completo)
 
Categorias Da Narrativa
Categorias Da NarrativaCategorias Da Narrativa
Categorias Da Narrativa
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 
Redigir: Aula 4 - Morfologia 1
Redigir: Aula 4 - Morfologia 1Redigir: Aula 4 - Morfologia 1
Redigir: Aula 4 - Morfologia 1
 
Genero resenha
Genero resenhaGenero resenha
Genero resenha
 
Projeto geografia digital
Projeto geografia digitalProjeto geografia digital
Projeto geografia digital
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
 
5 tipos de mapas
5 tipos de mapas5 tipos de mapas
5 tipos de mapas
 
06 localizacao absoluta
06 localizacao absoluta06 localizacao absoluta
06 localizacao absoluta
 
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdfNOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
 
Gênero textual editorial
Gênero textual editorialGênero textual editorial
Gênero textual editorial
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 
Oficina-de-Escrita_Leya
Oficina-de-Escrita_LeyaOficina-de-Escrita_Leya
Oficina-de-Escrita_Leya
 
Guião: Como fazer uma apresentação oral
Guião: Como fazer uma apresentação oralGuião: Como fazer uma apresentação oral
Guião: Como fazer uma apresentação oral
 
Ppt tipos texto[1]
Ppt tipos texto[1]Ppt tipos texto[1]
Ppt tipos texto[1]
 
Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho
Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho
Caricatura x Charge x Cartum x História em Quadrinho
 
ApresentaçãO B D1
ApresentaçãO  B D1ApresentaçãO  B D1
ApresentaçãO B D1
 
ARTE | SEMANA 35 | 1ª Série | VANGUARDAS EUROPEIAS
ARTE | SEMANA 35 | 1ª Série | VANGUARDAS EUROPEIASARTE | SEMANA 35 | 1ª Série | VANGUARDAS EUROPEIAS
ARTE | SEMANA 35 | 1ª Série | VANGUARDAS EUROPEIAS
 
Classificacao dos nomes
Classificacao dos nomesClassificacao dos nomes
Classificacao dos nomes
 

Destaque (7)

BANDA DESENHADA
BANDA DESENHADABANDA DESENHADA
BANDA DESENHADA
 
Como fazer banda desenhada Diogo Carvalho
Como fazer banda desenhada  Diogo CarvalhoComo fazer banda desenhada  Diogo Carvalho
Como fazer banda desenhada Diogo Carvalho
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 
Astérix na hispânia
Astérix na hispâniaAstérix na hispânia
Astérix na hispânia
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 

Semelhante a Banda desenhada 2

evi56_banda_desenhada.pptx
evi56_banda_desenhada.pptxevi56_banda_desenhada.pptx
evi56_banda_desenhada.pptx
Ana Barbedo
 
Oficina de História em Quadrinhos
Oficina de História em QuadrinhosOficina de História em Quadrinhos
Oficina de História em Quadrinhos
Terc Cre
 
Educação para os média
Educação para os médiaEducação para os média
Educação para os média
bolonas
 
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartumGêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Maria das Dores Justo
 
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartumGêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Maria das Dores Justo
 

Semelhante a Banda desenhada 2 (20)

Banda desenhada para gente júnior
Banda desenhada para gente júniorBanda desenhada para gente júnior
Banda desenhada para gente júnior
 
evi56_banda_desenhada.pptx
evi56_banda_desenhada.pptxevi56_banda_desenhada.pptx
evi56_banda_desenhada.pptx
 
bd.ppt
bd.pptbd.ppt
bd.ppt
 
Bd -gramatica_da_bd
Bd  -gramatica_da_bdBd  -gramatica_da_bd
Bd -gramatica_da_bd
 
Histórias em quadrinhos na sala de aula
Histórias em quadrinhos na sala de aulaHistórias em quadrinhos na sala de aula
Histórias em quadrinhos na sala de aula
 
Bd2
Bd2Bd2
Bd2
 
Oficina de História em Quadrinhos
Oficina de História em QuadrinhosOficina de História em Quadrinhos
Oficina de História em Quadrinhos
 
Ppt apto para slide share lingua portuguesa- semana de 3 a 7 de agosto
Ppt apto para slide share  lingua portuguesa- semana de 3 a 7 de agostoPpt apto para slide share  lingua portuguesa- semana de 3 a 7 de agosto
Ppt apto para slide share lingua portuguesa- semana de 3 a 7 de agosto
 
H qs
H qsH qs
H qs
 
Educação para os média
Educação para os médiaEducação para os média
Educação para os média
 
Educação para os média
Educação para os médiaEducação para os média
Educação para os média
 
GÊNERO TEXTUAL - TIRINHAS - Charges - Cartum
GÊNERO TEXTUAL - TIRINHAS - Charges - CartumGÊNERO TEXTUAL - TIRINHAS - Charges - Cartum
GÊNERO TEXTUAL - TIRINHAS - Charges - Cartum
 
Aula HQ 7º ano.pptx
Aula HQ 7º ano.pptxAula HQ 7º ano.pptx
Aula HQ 7º ano.pptx
 
Hq na educação e tic 2014
Hq na educação e tic 2014Hq na educação e tic 2014
Hq na educação e tic 2014
 
Hq final
Hq finalHq final
Hq final
 
Oficina HQ
Oficina HQOficina HQ
Oficina HQ
 
A ORIGEM DAS HQ.pptx
A  ORIGEM DAS HQ.pptxA  ORIGEM DAS HQ.pptx
A ORIGEM DAS HQ.pptx
 
Mangá
MangáMangá
Mangá
 
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartumGêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
 
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartumGêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
 

Mais de Paulo Fonseca Pauloprofpt

Mais de Paulo Fonseca Pauloprofpt (20)

A notícia
A notíciaA notícia
A notícia
 
Síntese Cavaleiro da Dinamarca 3
Síntese Cavaleiro da Dinamarca 3Síntese Cavaleiro da Dinamarca 3
Síntese Cavaleiro da Dinamarca 3
 
Síntese Cavaleiro da Dinamarca 2
Síntese Cavaleiro da Dinamarca 2Síntese Cavaleiro da Dinamarca 2
Síntese Cavaleiro da Dinamarca 2
 
Síntese Cavaleiro da Dinamarca
Síntese Cavaleiro da DinamarcaSíntese Cavaleiro da Dinamarca
Síntese Cavaleiro da Dinamarca
 
Síntese cav da dinamarca
Síntese cav da dinamarcaSíntese cav da dinamarca
Síntese cav da dinamarca
 
O Cavaleiro Dinamarca síntese
O Cavaleiro Dinamarca sínteseO Cavaleiro Dinamarca síntese
O Cavaleiro Dinamarca síntese
 
O Cavaleiro da Dinamarca - Síntese
O Cavaleiro da Dinamarca - SínteseO Cavaleiro da Dinamarca - Síntese
O Cavaleiro da Dinamarca - Síntese
 
Apresentação c. dinamarca
Apresentação c. dinamarcaApresentação c. dinamarca
Apresentação c. dinamarca
 
Apresentação c. dinamarca
Apresentação c. dinamarcaApresentação c. dinamarca
Apresentação c. dinamarca
 
F informativa texto_opinião
F informativa texto_opiniãoF informativa texto_opinião
F informativa texto_opinião
 
Sinais pontuação auxiliares_escrita
Sinais pontuação auxiliares_escritaSinais pontuação auxiliares_escrita
Sinais pontuação auxiliares_escrita
 
F informativa texto_opinião
F informativa texto_opiniãoF informativa texto_opinião
F informativa texto_opinião
 
2 pontuação
2 pontuação2 pontuação
2 pontuação
 
F informativa texto_opinião
F informativa texto_opiniãoF informativa texto_opinião
F informativa texto_opinião
 
Preposições exercícos práticos
Preposições exercícos práticosPreposições exercícos práticos
Preposições exercícos práticos
 
A carta
A cartaA carta
A carta
 
Banda desenhada
Banda desenhadaBanda desenhada
Banda desenhada
 
Adjetivo
AdjetivoAdjetivo
Adjetivo
 
Texto publicitário
Texto publicitárioTexto publicitário
Texto publicitário
 
Notícias alunos
Notícias alunosNotícias alunos
Notícias alunos
 

Banda desenhada 2

  • 1.
  • 2. A Banda Desenhada, BD ou Histórias aos Quadradinhos é uma arte que conjuga texto e imagens com o objectivo de narrar histórias dos mais variados géneros e estilos. São, em geral, publicadas no formato de revistas, livros ou em tiras publicadas em jornais e revistas.
  • 3. Como se faz uma banda desenhada Em 1º lugar é necessário haver uma história para contar Precisas de um guião escrito Precisas de conhecer a estrutura básica da banda desenhada • O tipo de planos e ângulos de visão • Códigos de comunicação • E muita imaginação…
  • 4. • Linguagem da Banda Desenhada Guião É a história escrita, com todos os elementos que a integram: personagens e suas características, diálogos e sequências de imagens. Tira É um conjunto de vinhetas dispostas na horizontal e ocupando toda a largura da folha. Vinheta É o espaço onde se desenrola uma cena. Tem geralmente a forma de um rectângulo ou de um quadrado e as suas dimensões podem ser muito variadas. A ordem de leitura das vinhetas é sempre, da esquerda para a direita e de cima para baixo. Prancha É a folha completa de várias tiras.
  • 5. • O texto O Balão Pode ter formas variadas e contem os textos correspondentes aos diálogos ou pensamentos das personagens, apontando a personagem emissora. Balão de fala em voz baixa Balão de ruído Balão de fala normal Balão de pensamento Balão de fala em voz alta
  • 6. • Códigos de comunicação Metáfora Signo cinético Sinal gráfico, que substitui palavras, expressando estados de alma da personagem. Traço ou linha que representa o movimento das personagens ou objectos. Onomatopeia Representação de ruídos ou sons por palavras convencionais. Legenda Representa as falas do narrador.
  • 7. As personagens necessitam de ter uma expressividade muito especial para acompanhar as situações e os textos. A expressão dos rostos e a posição do corpo são essenciais. As expressões fundamentais de um personagem são de: alegria, tristeza, aborrecimento, medo, malícia, espanto… Os elementos gráficos essenciais são: a forma da cara, as orelhas, o nariz, os olhos, as sobrancelhas e a boca.
  • 8. • Planos e ângulos de visão Os planos enquadram as personagens e os objectos na vinheta referem-se à distância, dando a sensação de afastamento ou aproximação. Plano geral descreve o ambiente onde se desenrola a história Plano de conjunto enquadra a personagem no cenário Plano médio Enquadra a personagem no quadro
  • 9. • Planos e ângulos de visão Plano aproximado Plano americano As personagens aparecem cortadas pelos joelhos As personagens aparecem cortadas pela cintura Plano de pormenor Coloca personagens em grande evidência, com grande aproximação Primeiro plano As personagens aparecem cortadas pelos ombros
  • 10. • Planos e ângulos de visão Os ângulos dão-nos a posição em relação ao observador, situando a imagem acima, abaixo ou ao nível dos olhos deste. Picado A cena é vista de cima para baixo. Contrapicado A cena é vista de baixo para cima.
  • 11. • Estilos gráficos Realista Linear Os traços do desenho procuram uma semelhança com o real, uma figuração de carácter fotográfico, uma aproximação à realidade Os contornos das figuras são bem recortados e a espessura da linha é regular e constante Expressionista As figuras e os espaços podem ser sujeitos a todas as espécies de deformações visuais, exageros, na expressão das linhas, das manchas e das cores Gestual Ao contornos das figuras apresentam uma linha com espessura variável, de acordo com as manchas provocadas pelo pincel, expressão espontânea e rápida
  • 12. PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA Asterix, no Brasil ou Astérix, em Portugal (em francês: Astérix), é uma série de histórias em quadrinhos criada na França por Albert Uderzo e René Goscinny no ano de 1959. Após o falecimento de Goscinny, Uderzo prosseguiu o trabalho – apesar de ter afirmado que não quer que ninguém continue a série após a sua morte.[1 Albert Uderzo
  • 13. PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA Joaquín Salvador Lavado (17 de julho de 1932 (os registros constam como tendo nascido em agosto), em província de Mendoza, Argentina), mais conhecido como Quino, é um humorista gráfico e criador de história em quadrinhos argentino. Mafalda Personagem da banda desenhada (BD) criada pelo argentino Quino, Mafalda surgiu regularmente a 29 de setembro de 1964, nas páginas do semanário Primera Plana. Um pouco antes tinham sido publicadas três tiras no suplemento humorístico da revista Leoplán.
  • 14. PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA Elzie Crisler Segar. Popeye é um personagem clássico dos quadrinhos, criado por E. C. Segar[1] em 1929, e adaptado para desenhos animados em 1933 pelos irmãos Dave e Max Fleischer. É um marinheiro carismático que está sempre tentando proteger sua namorada, Olívia Palito (em inglês Olive Oyl, e pronuncia-se: "Ólev Oiu"), das garras de seu eterno inimigo, Brutus (em inglês Bluto). Quando come espinafre, Popeye fica muito mais forte e confiante, podendo vencer qualquer desafio.
  • 15. PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA Lucky Luke – Morris Maurice de Bévère (1 de dezembro de 1923 — 16 de julho de 2001), conhecido como Morris, foi um ilustrador de banda desenhada ( português europeu) ou história em quadrinhos (português brasileiro) belga, criador de Lucky Luke. O seu pseudónimo refere-se à pronúncia do seu primeiro nome. Nascido na Bélgica Lucky Luke - O cowboy que dispara mais rápido do que a própria sombra, enfrenta em todas as suas aventuras o crime e a injustiça. Irmãos Dalton - Inimigos recorrentes de Luky Luke, complectamente broncos (em ordem crescente em altura e estupidez), Joe, Jack, William e Averell. São primos dos verdadeiros irmãos Dalton, que apareceram também numa história. Jolly Jumper - “O cavalo mais esperto do mundo”. O cavalo de Lucky Luke, . Rantanplan - “O cão mais estúpido do universo”. Um cão que acompanha muitas vezes, Luky Luke e Jolly Jumper
  • 16. PRINCIPAIS AUTORES DE BANDA DESENHADA Tintim Georges Prosper Remi (Etterbeek, 22 de maio 1907 — Woluwe-Saint-Lambert, 3 de março 1983 ), conhecido pelo nome Hergé, foi um escritor, artista, e desenhista de banda desenhada ou história em quadrinhos belga francófono. Tornou-se famoso como criador do consagrado e mundialmente conhecido personagem e herói Tintim, em As Aventuras de Tintim, que ele escreveu e ilustrou a partir de 1929 até à sua morte em 1983.
  • 17. Último tango em Berlim?
  • 18. CARTOON Um cartoon é um desenho humorístico / satírico, acompanhado ou não de legenda, de carácter extremamente crítico retratando de uma forma bastante sintetizada algo que envolve o dia-a-dia de uma sociedade.