SlideShare uma empresa Scribd logo
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
Curso: Enfermagem Semestre: 5º flex / 6º reg
Disciplinas:  Bioética e Legislação em Enfermagem
 Sistematização da Assistência de Enfermagem
 Estratégia da Saúde da Família
 Enfermagem na Saúde da Mulher
Professores  Dayane A. Scaramal;
 Franciely Midori Bueno de Freitas;
 Angélica da Mata Rossi
Competências:  Conhecer as questões éticas relacionadas à profissão de
enfermagem, para atuar de forma coerente aos princípios
bioéticos da profissão.
 Conhecer e realizar o processo ensino-aprendizagem junto
aos diversos grupos e faixas etárias com a qual atuará na vida
profissional.
 Conhecer e desenvolver temas relacionados à Educação em
Saúde, bem como, promover estilos de vida saudáveis,
conciliando as necessidades tanto dos seus
clientes/pacientes quanto às de sua comunidade, atuando
como agente de transformação social.
 Conhecer e intervir no processo de saúde-doença,
responsabilizando-se pela qualidade da assistência/cuidado
de enfermagem em seus diferentes níveis de atenção à
saúde, com ações de promoção, prevenção, proteção e
reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da
assistência.
 Conhecer as Políticas que regem a Estratégia Saúde da
Família (ESF), bem como sua estrutura organizacional e seus
processos de trabalho, estabelecendo novas relações com o
contexto social, reconhecendo a estrutura e as formas de
organização social, suas transformações e expressões.
 Conhecer a evolução histórica da Sistematização da
Assistência de Enfermagem (SAE), suas teorias e as fases do
processo de Enfermagem.
 Conhecer e contextualizar a mulher na contemporaneidade,
a partir da integração de diversas áreas do conhecimento,
desenvolvendo o sentido ético, da cidadania e da qualidade
de vida relativos às áreas de atuação profissional bem como
a realização da assistência de enfermagem nos diferentes
graus de complexidade.
Habilidades: Ao concluir as etapas propostas neste desafio, você terá
desenvolvido as seguintes competências e habilidades:
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
 Possibilitar o desenvolvimento de trabalhos em grupo,
promovendo a capacidade de adaptação, comunicação e
integração do espírito de equipe.
 Fornecer sólida formação humanística e visão global que
habilite o acadêmico a compreender os meios social, político,
cultural e econômico.
 Promover formação teórico-prática possibilitando a vivência
concreta nas organizações, estimulando uma postura
investigativa e de análise crítico-reflexiva.
 Formar profissionais com visão integral, capacidade de
adaptação e flexibilidade, que atuem de forma
interdisciplinar.
 Capacitar para que os indivíduos possam tomar decisões
complexas com ética e responsabilidade.
 Permitir que os indivíduos consigam ampliar sua visão de
forma competitiva, promovendo melhorias nas
organizações.
Objetivos da
Aprendizagem:
A produção textual é um procedimento metodológico de ensino
aprendizagem que tem por objetivos:
• Favorecer a aprendizagem.
• Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo
aprendizado eficiente e eficaz.
• Promover o estudo dirigido a distância.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o
autoaprendizado.
• Oferecer diferentes ambientes de aprendizagem.
• Auxiliar no desenvolvimento das competências
requeridas pelo Catálogo Nacional de Cursos Superiores
do Ministério da Educação.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução
de problemas práticos relativos à profissão.
• Direcionar o estudante para a busca do raciocínio crítico
e a emancipação intelectual.
Prezados alunos,
Sejam bem-vindos a este semestre!
A proposta de Produção Textual Interdisciplinar em Grupo (PTG) terá como temática
“Assistência de enfermagem à saúde da mulher na atenção básica”. Escolhemos esta temática para
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
possibilitar a aprendizagem interdisciplinar dos conteúdos desenvolvidos nas disciplinas deste
semestre.
Neste trabalho vocês desenvolverão um texto argumentativo que deve contemplar as
indagações do roteiro de conteúdos sobre a situação geradora de aprendizagem (SGA) proposta.
Para tanto, a seguir apresentamos as orientações:
ORIENTAÇÕES DA PRODUÇÃO TEXTUAL
1. Formação dos grupos
Todos os integrantes devem pertencer à mesma turma e curso.
2. Leitura e interpretação da SGA
Todos os integrantes do grupo deverão ler atentamente a SGA descrita abaixo. A SGA é uma
situação-problema hipotética criada com base na vivência real do profissional de enfermagem.
Utilizem seus conhecimentos teóricos a partir das disciplinas desse semestre para interpretar a SGA.
Em grupo, destaquem os pontos importantes para, posteriormente, produzir o texto.
Situação Geradora de Aprendizagem (SGA)
Você, enfermeiro (a) recém-formado(a), acaba de ser contrato (a) para trabalhar em uma Unidade
Saúde da Família (USF) em um bairro periférico da sua cidade e será responsável pelo atendimento
da população junto a sua equipe Saúde da Família (eSF). Uma das características importantes à serem
destacadas na sua área de abrangência é a presença elevada de adolescentes grávidas e um alto
índice de usuários diagnosticados com Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). Um dos seus
primeiros desafios junto à comunidade está relacionado ao caso de uma paciente jovem M. G. S, de
18 anos, que acabou de iniciar sua primeira consulta pré-natal. Ela mantém um relacionamento
estável há um ano e meio, trabalha como diarista, possui ensino fundamental incompleto, seu
companheiro está desempregado há quatro meses, renda familiar de um salário-mínimo e residência
em área de risco. As informações obstétricas que você coletou foram: G2 P0 C0 A1, aborto
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
espontâneo com IG 8 semanas, de causa desconhecida, ocorrido há três meses. Gestação atual não
planejada, DUM 29/05/2021, IG: 9 semanas, nega comorbidades ou antecedentes familiares de
patologias, uso de medicamentos contínuos e vícios. Após realizar a testagem rápida para HIV foi
constatado resultado reagente. A partir disso, você abordou a usuária quanto ao resultado do teste
rápido, expondo a necessidade de tratamento do HIV (usuária e parceiro), assim como a relevância
em realizar exames complementares para outras ISTs, além de abordar sobre medidas de prevenção.
Após compreender sobre a relevância da situação, M. G. S, te confidenciou que seu marido não é seu
único parceiro sexual e solicita sua ajuda para divulgar o resultado a ele.
ROTEIRO DE CONTEÚDOS
Após a leitura da situação-problema o desafio está lançado.
Respondam os desafios propostos articulando-os em um relatório final.
Para isso, busque soluções para os problemas apresentados, mas, lembre-se de que TODOS os
desafios propostos devem ser respondidos fazendo articulações com a SGA. Logo, é fundamental
apresentar poder argumentativo e boa fundamentação das justificativas.
DESAFIO 1:
A Política Nacional de Humanização apresenta o acolhimento, como uma de suas diretrizes,
pontuando-o como uma postura prática nas ações de atenção e gestão das unidades de saúde, o que
favorece a construção de uma relação de confiança e compromisso dos usuários com as equipes e os
serviços.
Considerando que o acolhimento deve estar presente nas práticas em saúde, incluindo na atenção
básica, faça uma análise e explique sobre o acolhimento na atenção à gestante.
DESAFIO 2:
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
O acompanhamento pré-natal visa assegurar o desenvolvimento da gestação, permitindo o parto de
um recém-nascido saudável, sem impacto para a saúde materna, inclusive abordando aspectos
psicossociais e as atividades educativas e preventivas. Os profissionais médico e enfermeiro, atuantes
na atenção básica são responsáveis por realizar o pré-natal de baixo risco, seguindo protocolos
estabelecidos para a abordagem gestacional, como um roteiro para a solicitação de exames no pré-
natal, de acordo com a idade gestacional. Entre esses exames, a solicitação do teste para HIV, deve
ser oferecido na primeira consulta de pré-natal e no terceiro trimestre gestacional, porque as
intervenções podem reduzir a transmissão materno-fetal.
Considerando a situação-problema, responda as seguintes questões:
1. Qual a conduta do profissional de enfermagem que atua na atenção básica em relação a
gestante que apresenta resultado positivo para HIV?
2. As taxas de transmissão vertical do HIV, sem qualquer intervenção durante a gestação,
situam-se entre 25% e 30%. Deste percentual, 25% referem-se à transmissão intraútero e 75%
à transmissão intraparto. Estudos mostraram que o uso de terapêutica antirretroviral, quando
associada à cesárea eletiva, pode diminuir as taxas de transmissão vertical do HIV para níveis
em torno de 2%. Dito isso, quais os fatores de risco para a transmissão vertical do HIV?
DESAFIO 3:
Refletir sobre os princípios bioéticos configura-se ponto de partida obrigatório quando diante de
dilemas de ordem moral na relação profissional-paciente. É com base no princípio da autonomia que
decorre a exigência do termo de consentimento livre e esclarecido (TCLE). Segundo este princípio, o
enfermeiro deve respeitar a vontade dos pacientes, desde que estes estejam bem informados, para
a sua tomada de decisão e plenamente capazes do ponto de vista psicológico. O princípio da
beneficência requer do profissional o uso de toda a sua competência para o bem do paciente,
minimizando os possíveis riscos e, como preconiza o princípio da não-maleficência, sem acarretar
dano intencional. E, para completar, o quarto princípio bioético, o da justiça, requer imparcialidade
na distribuição dos benefícios e serviços de saúde, pois os iguais devem ser tratados igualmente.
Dentro desta ótica, é inaceitável a discriminação de pacientes por razões de ordem social, racial,
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
religiosa ou de qualquer outra natureza, incluindo infecção pelo HIV. Com base nessas informações,
quando a paciente pede ajuda para divulgar o resultado positivo para HIV ao seu marido, qual deve
ser sua conduta enquanto enfermeiro (a)? Reflita sobre a postura ética diante desta situação, levando
em consideração que o foco é o tratamento dos envolvidos e o cuidado referente à gestação.
DESAFIO 4:
Segundo os dados levantados nessa situação-problema, é necessário a realização da Sistematização
da Assistência de Enfermagem para a paciente M. G. S. Dessa forma, implemente um Plano de
Cuidados para essa gestante, levando em consideração as etapas do Processo de Enfermagem e quais
condutas você enquanto enfermeiro (a) deverá ter no cuidado à gestante com HIV. A partir dos
potenciais achados em seu exame físico e anamnese, cite três diagnósticos da NANDA-I e sugira pelo
menos uma intervenção para cada um desses diagnósticos.
SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIAS
ALBUQUERQUE, L. M.; CUBAS, M. R. CIPESCANDO EM CURITIBA: Construção e Implementação da
Nomenclatura de Diagnósticos e Intervenções de Enfermagem na Rede Básica de Saúde. Curitiba,
2005. Disponível em:
https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4390414/mod_resource/content/1/2005%20-
%20livro%20-%20CIPESCANDO%20EM%20CURITIBA.pdf. Acesso em: 20 jul 2020.
BRASIL. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEN nº564/2017. Aprova o novo Código de
ética dos profissionais de enfermagem. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/wp-
content/uploads/2017/12/ANEXORESOLU%C3%87%C3%83O-COFEN-N%C2%BA-564-
2017.pdf Acesso em: 20 jul. 2020.
BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica.
Atenção ao pré-natal de baixo risco [recurso eletrônico] / Ministério da Saúde. Secretaria de
Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. – 1. ed. rev. – Brasília: Editora do Ministério da
Saúde, 2013. Disponível em:
https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cadernos_atencao_basica_32_prenatal.pdf. Acesso
em: 16 jul. 2021.
_________. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Doenças de
Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Protocolo Clínico e Diretrizes
Terapêuticas para Atenção Integral às Pessoas com Infecções Sexualmente Transmissíveis
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
(IST)/Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Doenças de
Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. – Brasília: Ministério da Saúde, 2019.
_________. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância,
Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais.
PROTOCOLO CLÍNICO E DIRETRIZES TERAPÊUTICAS PARA PREVENÇÃO DA TRANSMISSÃO
VERTICAL DE HIV, SÍFILIS E HEPATITES VIRAIS / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em
Saúde, Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente
Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. – Brasília: Ministério da Saúde, 2018.
_________. Ministério da Saúde. Política Nacional de atenção básica. Brasília: Ministério da Saúde,
2012. Disponível em: http://189.28.128.100/dab/docs/publicacoes/geral/pnab.pdf.Acesso em: 21
jul. 2020.
CLASSIFICAÇÃO INTERNACIONAL PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM (CIPE). Porto Alegre: Artmed,
2018.
NORTH AMERICAN NURSING DIAGNOSIS ASSOCIATION - NANDA International. Diagnósticos de
enfermagem da NANDA: definições e classificação 2018- 2020. Porto Alegre: Artmed; 2018.
PINTO, S. N. Estratégia da Saúde da Família. Londrina: Editora e Distribuidora Educacional S.A.,
2016.
NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL
A Produção Textual interdisciplinar em Grupo (PTG) deverá ser postada no ambiente virtual. Para
isso:
- Este trabalho deve ser realizado com participação de 2 a 7 integrantes em cada grupo. Atentem que
todos os integrantes devem pertencer à mesma turma e curso. Ao formar o grupo, um aluno (líder)
deverá ficar responsável para cadastrar os demais integrantes no Ambiente Virtual de Aprendizagem,
somente após cadastrar o grupo, o trabalho deverá ser enviado, ou seja, apenas um aluno cadastra
o grupo e envia o trabalho com o nome de todos os integrantes. Por isso, a capa do trabalho deverá
conter os nomes de todos os alunos do grupo;
- Ao definir quem serão os participantes do grupo, informe seu tutor de sala. Isto é importante para
ele acompanhar e saber quem são os grupos que já estão formados.
- Lembre-se que é sua responsabilidade acompanhar o cadastro do grupo pelo aluno responsável
(líder), bem como, acompanhar a inserção da atividade;
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
- Quando o aluno responsável pelo cadastro do grupo e pelo cadastro de atividade não realiza os
procedimentos dentro do prazo devido, todo o grupo fica prejudicado;
- A formação dos grupos é de responsabilidade dos alunos, no entanto, solicitamos que sigam as
orientações passadas pelo tutor presencial sobre a melhor maneira para a formação dos mesmos.
- A produção textual deve ter no mínimo 5 e no máximo 8 laudas (páginas), incluindo: introdução,
desenvolvimento e conclusões, conforme demostrado a seguir:
Introdução: você deve apresentar um texto que contemple os objetivos da produção textual, bem
como os principais assuntos que serão discutidos ao longo do trabalho de maneira sucinta.
Desenvolvimento: será composto por um texto coeso, respondendo aos:
 Desafio 1
 Desafio 2
 Desafio 3
 Desafio 4
Considerações finais: você deve apresentar um texto que retome os objetivos da produção textual,
apresentando as principais reflexões desenvolvidas a partir da temática em estudo.
Referências: apresentar todas as referências utilizadas na elaboração da produção de acordo com
as normas da ABNT.
Anexos: apresentar os anexos, se houver.
OBS: As referências bibliográficas não serão contadas entre as laudas.
- A produção textual deve ser cadastrada em arquivo Word;
- A produção textual deverá obedecer às normas técnicas da ABNT.
- Acessem a “Biblioteca” disponível em seu ambiente virtual de aprendizagem, clicar em
“Normatização de Trabalhos Acadêmicos” e escolher o menu “Modelo”, utilizando como exemplo o
“Modelo do Trabalho de Conclusão de Curso”.
CRITÉRIOS AVALIATIVOS
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO – PTG
Enfermagem
Apresentamos os critérios avaliativos que nortearão a devolutiva escrita e o conceito a ser dado pelo
tutor a distância.
Critério Significado Valor/peso
Coerência,
clareza e coesão
O texto apresenta uma linguagem de fácil
compreensão, apresentando os argumentos de modo
claro e coeso.
20%
Aplicação dos
conteúdos
interdisciplinares
no texto
argumentativo
No texto escrito (com as justificativas e argumentações)
as ideias apresentam relação direta com a situação
descrita e explicitam conteúdos trabalhados em TODAS
as disciplinas do semestre.
30%
(10% por disciplina)
Riqueza de
argumentação
O texto tem relação direta com o tema, traduzem uma
reflexão crítica e contempla os pontos estabelecidos no
roteiro.
30%
Conclusão As considerações finais refletem, de fato, a resolução da
problemática pelo grupo sobre a SGA sem repetições ou
redundâncias.
10%
Normalização Respeito às normas da ABNT, respeito a escrita
ortográfica e estrutura solicitada.
10%
Um ótimo trabalho!
Equipe de professores

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...
A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...
A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...
HELENO FAVACHO
 
Câncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flex
Câncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flexCâncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flex
Câncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flex
HELENO FAVACHO
 
Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...
Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...
Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...
HELENO FAVACHO
 
Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...
Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...
Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...
HELENO FAVACHO
 
A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...
A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...
A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...
HELENO FAVACHO
 
Indústria baunilha & canela o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...
Indústria baunilha & canela   o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...Indústria baunilha & canela   o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...
Indústria baunilha & canela o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...
HELENO FAVACHO
 
O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...
O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...
O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...
ZairaLessa
 
Saudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regular
Saudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regularSaudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regular
Saudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regular
ZairaLessa
 
A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...
A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...
A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...
HELENO FAVACHO
 
Alimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdf
Alimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdfAlimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdf
Alimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdf
HELENO FAVACHO
 
O caso do restaurante alho & cebola processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola   processos gerenciais semestre 3º fl...O caso do restaurante alho & cebola   processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola processos gerenciais semestre 3º fl...
ZairaLessa
 
Rii portfolio
Rii   portfolioRii   portfolio
Rii portfolio
Andréia Cruz
 
O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...
ZairaLessa
 
O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...
O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...
O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...
ZairaLessa
 
O caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8º
O caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8ºO caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8º
O caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8º
HELENO FAVACHO
 
O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...
O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...
O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...
ZairaLessa
 
Enfermagem 6 e 7 (1)
Enfermagem 6 e 7 (1)Enfermagem 6 e 7 (1)
Enfermagem 6 e 7 (1)
Arleno
 
Plano de trabalho de estágio cursos de licenciatura
Plano de trabalho de estágio cursos de licenciaturaPlano de trabalho de estágio cursos de licenciatura
Plano de trabalho de estágio cursos de licenciatura
ZairaLessa
 

Mais procurados (18)

A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...
A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...
A hipertensão arterial sistêmica o paciente hipertenso e a atuação fisioterap...
 
Câncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flex
Câncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flexCâncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flex
Câncer patogênese e fatores associados – biomedicina semestre 4º reg e 3º flex
 
Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...
Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...
Alterações sistêmicas e sequelas no paciente acometido pelo covid 19 e sua re...
 
Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...
Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...
Contribuições de uma consultoria de recursos humanos em tempos de mudanças – ...
 
A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...
A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...
A contribuição do sistema de gestão ambiental para uma atuação responsável ge...
 
Indústria baunilha & canela o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...
Indústria baunilha & canela   o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...Indústria baunilha & canela   o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...
Indústria baunilha & canela o caso de uma indústria de bolos – tecnolog...
 
O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...
O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...
O planejamento de aulas de educação física para os anos finais do ensino fund...
 
Saudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regular
Saudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regularSaudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regular
Saudabilidade e bem estar - nutrição semestre 3º flex e 4º regular
 
A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...
A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...
A atuação da gestão escolar na promoção da aprendizagem dos estudantes educaç...
 
Alimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdf
Alimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdfAlimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdf
Alimentação funcional na escola - Nutrição Semestre 6º flex e 7º regular.pdf
 
O caso do restaurante alho & cebola processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola   processos gerenciais semestre 3º fl...O caso do restaurante alho & cebola   processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola processos gerenciais semestre 3º fl...
 
Rii portfolio
Rii   portfolioRii   portfolio
Rii portfolio
 
O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...
O caso do restaurante alho & cebola – processos gerenciais semestre 3º fl...
 
O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...
O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...
O emprego de novas tecnologias e a informatização da logística para ganho de ...
 
O caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8º
O caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8ºO caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8º
O caso da cervejaria artesanal puro vigor – administração 7º e 8º
 
O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...
O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...
O corpo humano em desenvovimento aspectos biológicos anatômicos e maturaciona...
 
Enfermagem 6 e 7 (1)
Enfermagem 6 e 7 (1)Enfermagem 6 e 7 (1)
Enfermagem 6 e 7 (1)
 
Plano de trabalho de estágio cursos de licenciatura
Plano de trabalho de estágio cursos de licenciaturaPlano de trabalho de estágio cursos de licenciatura
Plano de trabalho de estágio cursos de licenciatura
 

Semelhante a Assistência de enfermagem à saúde da mulher na atenção básica – enfermagem semestre 5º flex e 6º reg

Enfermagem 7 e 8
Enfermagem 7 e 8Enfermagem 7 e 8
Enfermagem 7 e 8
Arleno
 
Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...
Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...
Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...
HELENO FAVACHO
 
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.docx
NUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.docxNUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.docx
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.docx
HELENO FAVACHO
 
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.pdf
NUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.pdfNUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.pdf
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.pdf
HELENO FAVACHO
 
Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...
Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...
Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...
HELENO FAVACHO
 
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdfNUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
ArlenoFavacho2
 
Gtes rel final
Gtes rel finalGtes rel final
Gtes rel final
jsoeiro
 
Gtes rel final
Gtes rel finalGtes rel final
Gtes rel final
jsoeiro
 
Maria Helena Larcher Caliri
Maria Helena Larcher CaliriMaria Helena Larcher Caliri
Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5
Arleno
 
Enfermagem pediatrica.pdf
Enfermagem pediatrica.pdfEnfermagem pediatrica.pdf
Enfermagem pediatrica.pdf
GlendaRegoSoares1
 
Livro unico laura
Livro unico lauraLivro unico laura
Livro unico laura
andressaborges30
 
Puericultura em Angola
Puericultura em AngolaPuericultura em Angola
Impactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdf
Impactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdfImpactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdf
Impactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdf
HELENO FAVACHO
 
ENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ENFERMAGEM 7 E 8.pdfENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ArlenoFavacho2
 
Obesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdf
Obesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdfObesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdf
Obesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdf
HELENO FAVACHO
 
UTI.pdf
UTI.pdfUTI.pdf
UTI.pdf
ssuser62dafb2
 
RESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdf
RESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdfRESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdf
RESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdf
Marina Disney
 

Semelhante a Assistência de enfermagem à saúde da mulher na atenção básica – enfermagem semestre 5º flex e 6º reg (18)

Enfermagem 7 e 8
Enfermagem 7 e 8Enfermagem 7 e 8
Enfermagem 7 e 8
 
Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...
Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...
Enfermagem - Infecção de ferida cirúrgica por microrganismos resistentes e a ...
 
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.docx
NUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.docxNUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.docx
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.docx
 
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.pdf
NUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.pdfNUTRIÇÃO  Saúde coletiva e alimentação saudável.pdf
NUTRIÇÃO Saúde coletiva e alimentação saudável.pdf
 
Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...
Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...
Enfermagem - Lei respalda atuação do enfermeiro na Saúde Sexual e Reprodutiva...
 
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdfNUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
NUTRIÇÃO 7 E 8.pdf
 
Gtes rel final
Gtes rel finalGtes rel final
Gtes rel final
 
Gtes rel final
Gtes rel finalGtes rel final
Gtes rel final
 
Maria Helena Larcher Caliri
Maria Helena Larcher CaliriMaria Helena Larcher Caliri
Maria Helena Larcher Caliri
 
Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5
 
Enfermagem pediatrica.pdf
Enfermagem pediatrica.pdfEnfermagem pediatrica.pdf
Enfermagem pediatrica.pdf
 
Livro unico laura
Livro unico lauraLivro unico laura
Livro unico laura
 
Puericultura em Angola
Puericultura em AngolaPuericultura em Angola
Puericultura em Angola
 
Impactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdf
Impactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdfImpactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdf
Impactos das dietas da moda - NUTRIÇÃO 2º e 3º semestre.pdf
 
ENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ENFERMAGEM 7 E 8.pdfENFERMAGEM 7 E 8.pdf
ENFERMAGEM 7 E 8.pdf
 
Obesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdf
Obesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdfObesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdf
Obesidade na adolescência - Nutrição Semestre 4º flex e 5º regular.pdf
 
UTI.pdf
UTI.pdfUTI.pdf
UTI.pdf
 
RESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdf
RESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdfRESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdf
RESPOSTAS AVALIAÇÃO GERAL DA DISCIPLINA METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA.pdf
 

Mais de HELENO FAVACHO

PRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEM
PRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEMPRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEM
PRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEM
HELENO FAVACHO
 
Projeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdf
Projeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdfProjeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdf
Projeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina Bacharelado
PROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina BachareladoPROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina Bacharelado
PROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina Bacharelado
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIA
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIAPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIA
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIA
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURAPROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURA
HELENO FAVACHO
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADOPROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADO
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdf
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciatura
PROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciaturaPROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciatura
PROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciatura
HELENO FAVACHO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdf
HELENO FAVACHO
 

Mais de HELENO FAVACHO (20)

PRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEM
PRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEMPRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEM
PRÁTICAS PEDAGÓGICAS GESTÃO DA APRENDIZAGEM
 
Projeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdf
Projeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdfProjeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdf
Projeto_de_Extensao_-_PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_BIOMEDICINA.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_CRIMINOLOGIA.pdf
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina Bacharelado
PROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina BachareladoPROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina Bacharelado
PROJETO DE EXTENSÃO I - Biomedicina Bacharelado
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_FISIOTERAPIA.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_FINANCEIRA.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_HOSPITALAR.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_PUBLICA.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIA
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIAPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIA
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_LOGISTICA TECNOLOGIA
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_SEGURANCA_PUBLICA.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_-_MATEMATICA_2a_LICENCIATURA.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_PROCESSOS_GERENCIAIS.pdf
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURAPROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PEDAGOGIA LICENCIATURA
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADOPROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - NUTRIÇÃO BACHARELADO
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ANALISE_E_DESENVOLVIMENTO_DE_SISTEMAS.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_ADMINISTRACAO.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_DE_TURISMO.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_GESTAO_AMBIENTAL.pdf
 
PROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciatura
PROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciaturaPROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciatura
PROJETO_DE_EXTENSÃO MATEMÁTICA licenciatura
 
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdfPROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdf
PROJETO_DE_EXTENSAO_I_-_Engenharia_Mecanica.pdf
 

Último

Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
Falcão Brasil
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Falcão Brasil
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
 

Assistência de enfermagem à saúde da mulher na atenção básica – enfermagem semestre 5º flex e 6º reg

  • 1. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
  • 2. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 5º flex / 6º reg Disciplinas:  Bioética e Legislação em Enfermagem  Sistematização da Assistência de Enfermagem  Estratégia da Saúde da Família  Enfermagem na Saúde da Mulher Professores  Dayane A. Scaramal;  Franciely Midori Bueno de Freitas;  Angélica da Mata Rossi Competências:  Conhecer as questões éticas relacionadas à profissão de enfermagem, para atuar de forma coerente aos princípios bioéticos da profissão.  Conhecer e realizar o processo ensino-aprendizagem junto aos diversos grupos e faixas etárias com a qual atuará na vida profissional.  Conhecer e desenvolver temas relacionados à Educação em Saúde, bem como, promover estilos de vida saudáveis, conciliando as necessidades tanto dos seus clientes/pacientes quanto às de sua comunidade, atuando como agente de transformação social.  Conhecer e intervir no processo de saúde-doença, responsabilizando-se pela qualidade da assistência/cuidado de enfermagem em seus diferentes níveis de atenção à saúde, com ações de promoção, prevenção, proteção e reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da assistência.  Conhecer as Políticas que regem a Estratégia Saúde da Família (ESF), bem como sua estrutura organizacional e seus processos de trabalho, estabelecendo novas relações com o contexto social, reconhecendo a estrutura e as formas de organização social, suas transformações e expressões.  Conhecer a evolução histórica da Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE), suas teorias e as fases do processo de Enfermagem.  Conhecer e contextualizar a mulher na contemporaneidade, a partir da integração de diversas áreas do conhecimento, desenvolvendo o sentido ético, da cidadania e da qualidade de vida relativos às áreas de atuação profissional bem como a realização da assistência de enfermagem nos diferentes graus de complexidade. Habilidades: Ao concluir as etapas propostas neste desafio, você terá desenvolvido as seguintes competências e habilidades: TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
  • 3. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem  Possibilitar o desenvolvimento de trabalhos em grupo, promovendo a capacidade de adaptação, comunicação e integração do espírito de equipe.  Fornecer sólida formação humanística e visão global que habilite o acadêmico a compreender os meios social, político, cultural e econômico.  Promover formação teórico-prática possibilitando a vivência concreta nas organizações, estimulando uma postura investigativa e de análise crítico-reflexiva.  Formar profissionais com visão integral, capacidade de adaptação e flexibilidade, que atuem de forma interdisciplinar.  Capacitar para que os indivíduos possam tomar decisões complexas com ética e responsabilidade.  Permitir que os indivíduos consigam ampliar sua visão de forma competitiva, promovendo melhorias nas organizações. Objetivos da Aprendizagem: A produção textual é um procedimento metodológico de ensino aprendizagem que tem por objetivos: • Favorecer a aprendizagem. • Estimular a corresponsabilidade do aluno pelo aprendizado eficiente e eficaz. • Promover o estudo dirigido a distância. • Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado. • Oferecer diferentes ambientes de aprendizagem. • Auxiliar no desenvolvimento das competências requeridas pelo Catálogo Nacional de Cursos Superiores do Ministério da Educação. • Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas práticos relativos à profissão. • Direcionar o estudante para a busca do raciocínio crítico e a emancipação intelectual. Prezados alunos, Sejam bem-vindos a este semestre! A proposta de Produção Textual Interdisciplinar em Grupo (PTG) terá como temática “Assistência de enfermagem à saúde da mulher na atenção básica”. Escolhemos esta temática para TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
  • 4. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem possibilitar a aprendizagem interdisciplinar dos conteúdos desenvolvidos nas disciplinas deste semestre. Neste trabalho vocês desenvolverão um texto argumentativo que deve contemplar as indagações do roteiro de conteúdos sobre a situação geradora de aprendizagem (SGA) proposta. Para tanto, a seguir apresentamos as orientações: ORIENTAÇÕES DA PRODUÇÃO TEXTUAL 1. Formação dos grupos Todos os integrantes devem pertencer à mesma turma e curso. 2. Leitura e interpretação da SGA Todos os integrantes do grupo deverão ler atentamente a SGA descrita abaixo. A SGA é uma situação-problema hipotética criada com base na vivência real do profissional de enfermagem. Utilizem seus conhecimentos teóricos a partir das disciplinas desse semestre para interpretar a SGA. Em grupo, destaquem os pontos importantes para, posteriormente, produzir o texto. Situação Geradora de Aprendizagem (SGA) Você, enfermeiro (a) recém-formado(a), acaba de ser contrato (a) para trabalhar em uma Unidade Saúde da Família (USF) em um bairro periférico da sua cidade e será responsável pelo atendimento da população junto a sua equipe Saúde da Família (eSF). Uma das características importantes à serem destacadas na sua área de abrangência é a presença elevada de adolescentes grávidas e um alto índice de usuários diagnosticados com Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). Um dos seus primeiros desafios junto à comunidade está relacionado ao caso de uma paciente jovem M. G. S, de 18 anos, que acabou de iniciar sua primeira consulta pré-natal. Ela mantém um relacionamento estável há um ano e meio, trabalha como diarista, possui ensino fundamental incompleto, seu companheiro está desempregado há quatro meses, renda familiar de um salário-mínimo e residência em área de risco. As informações obstétricas que você coletou foram: G2 P0 C0 A1, aborto
  • 5. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem espontâneo com IG 8 semanas, de causa desconhecida, ocorrido há três meses. Gestação atual não planejada, DUM 29/05/2021, IG: 9 semanas, nega comorbidades ou antecedentes familiares de patologias, uso de medicamentos contínuos e vícios. Após realizar a testagem rápida para HIV foi constatado resultado reagente. A partir disso, você abordou a usuária quanto ao resultado do teste rápido, expondo a necessidade de tratamento do HIV (usuária e parceiro), assim como a relevância em realizar exames complementares para outras ISTs, além de abordar sobre medidas de prevenção. Após compreender sobre a relevância da situação, M. G. S, te confidenciou que seu marido não é seu único parceiro sexual e solicita sua ajuda para divulgar o resultado a ele. ROTEIRO DE CONTEÚDOS Após a leitura da situação-problema o desafio está lançado. Respondam os desafios propostos articulando-os em um relatório final. Para isso, busque soluções para os problemas apresentados, mas, lembre-se de que TODOS os desafios propostos devem ser respondidos fazendo articulações com a SGA. Logo, é fundamental apresentar poder argumentativo e boa fundamentação das justificativas. DESAFIO 1: A Política Nacional de Humanização apresenta o acolhimento, como uma de suas diretrizes, pontuando-o como uma postura prática nas ações de atenção e gestão das unidades de saúde, o que favorece a construção de uma relação de confiança e compromisso dos usuários com as equipes e os serviços. Considerando que o acolhimento deve estar presente nas práticas em saúde, incluindo na atenção básica, faça uma análise e explique sobre o acolhimento na atenção à gestante. DESAFIO 2:
  • 6. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem O acompanhamento pré-natal visa assegurar o desenvolvimento da gestação, permitindo o parto de um recém-nascido saudável, sem impacto para a saúde materna, inclusive abordando aspectos psicossociais e as atividades educativas e preventivas. Os profissionais médico e enfermeiro, atuantes na atenção básica são responsáveis por realizar o pré-natal de baixo risco, seguindo protocolos estabelecidos para a abordagem gestacional, como um roteiro para a solicitação de exames no pré- natal, de acordo com a idade gestacional. Entre esses exames, a solicitação do teste para HIV, deve ser oferecido na primeira consulta de pré-natal e no terceiro trimestre gestacional, porque as intervenções podem reduzir a transmissão materno-fetal. Considerando a situação-problema, responda as seguintes questões: 1. Qual a conduta do profissional de enfermagem que atua na atenção básica em relação a gestante que apresenta resultado positivo para HIV? 2. As taxas de transmissão vertical do HIV, sem qualquer intervenção durante a gestação, situam-se entre 25% e 30%. Deste percentual, 25% referem-se à transmissão intraútero e 75% à transmissão intraparto. Estudos mostraram que o uso de terapêutica antirretroviral, quando associada à cesárea eletiva, pode diminuir as taxas de transmissão vertical do HIV para níveis em torno de 2%. Dito isso, quais os fatores de risco para a transmissão vertical do HIV? DESAFIO 3: Refletir sobre os princípios bioéticos configura-se ponto de partida obrigatório quando diante de dilemas de ordem moral na relação profissional-paciente. É com base no princípio da autonomia que decorre a exigência do termo de consentimento livre e esclarecido (TCLE). Segundo este princípio, o enfermeiro deve respeitar a vontade dos pacientes, desde que estes estejam bem informados, para a sua tomada de decisão e plenamente capazes do ponto de vista psicológico. O princípio da beneficência requer do profissional o uso de toda a sua competência para o bem do paciente, minimizando os possíveis riscos e, como preconiza o princípio da não-maleficência, sem acarretar dano intencional. E, para completar, o quarto princípio bioético, o da justiça, requer imparcialidade na distribuição dos benefícios e serviços de saúde, pois os iguais devem ser tratados igualmente. Dentro desta ótica, é inaceitável a discriminação de pacientes por razões de ordem social, racial,
  • 7. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem religiosa ou de qualquer outra natureza, incluindo infecção pelo HIV. Com base nessas informações, quando a paciente pede ajuda para divulgar o resultado positivo para HIV ao seu marido, qual deve ser sua conduta enquanto enfermeiro (a)? Reflita sobre a postura ética diante desta situação, levando em consideração que o foco é o tratamento dos envolvidos e o cuidado referente à gestação. DESAFIO 4: Segundo os dados levantados nessa situação-problema, é necessário a realização da Sistematização da Assistência de Enfermagem para a paciente M. G. S. Dessa forma, implemente um Plano de Cuidados para essa gestante, levando em consideração as etapas do Processo de Enfermagem e quais condutas você enquanto enfermeiro (a) deverá ter no cuidado à gestante com HIV. A partir dos potenciais achados em seu exame físico e anamnese, cite três diagnósticos da NANDA-I e sugira pelo menos uma intervenção para cada um desses diagnósticos. SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIAS ALBUQUERQUE, L. M.; CUBAS, M. R. CIPESCANDO EM CURITIBA: Construção e Implementação da Nomenclatura de Diagnósticos e Intervenções de Enfermagem na Rede Básica de Saúde. Curitiba, 2005. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4390414/mod_resource/content/1/2005%20- %20livro%20-%20CIPESCANDO%20EM%20CURITIBA.pdf. Acesso em: 20 jul 2020. BRASIL. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEN nº564/2017. Aprova o novo Código de ética dos profissionais de enfermagem. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/wp- content/uploads/2017/12/ANEXORESOLU%C3%87%C3%83O-COFEN-N%C2%BA-564- 2017.pdf Acesso em: 20 jul. 2020. BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Atenção ao pré-natal de baixo risco [recurso eletrônico] / Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. – 1. ed. rev. – Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2013. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cadernos_atencao_basica_32_prenatal.pdf. Acesso em: 16 jul. 2021. _________. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Atenção Integral às Pessoas com Infecções Sexualmente Transmissíveis
  • 8. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem (IST)/Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. – Brasília: Ministério da Saúde, 2019. _________. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. PROTOCOLO CLÍNICO E DIRETRIZES TERAPÊUTICAS PARA PREVENÇÃO DA TRANSMISSÃO VERTICAL DE HIV, SÍFILIS E HEPATITES VIRAIS / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. – Brasília: Ministério da Saúde, 2018. _________. Ministério da Saúde. Política Nacional de atenção básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2012. Disponível em: http://189.28.128.100/dab/docs/publicacoes/geral/pnab.pdf.Acesso em: 21 jul. 2020. CLASSIFICAÇÃO INTERNACIONAL PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM (CIPE). Porto Alegre: Artmed, 2018. NORTH AMERICAN NURSING DIAGNOSIS ASSOCIATION - NANDA International. Diagnósticos de enfermagem da NANDA: definições e classificação 2018- 2020. Porto Alegre: Artmed; 2018. PINTO, S. N. Estratégia da Saúde da Família. Londrina: Editora e Distribuidora Educacional S.A., 2016. NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL A Produção Textual interdisciplinar em Grupo (PTG) deverá ser postada no ambiente virtual. Para isso: - Este trabalho deve ser realizado com participação de 2 a 7 integrantes em cada grupo. Atentem que todos os integrantes devem pertencer à mesma turma e curso. Ao formar o grupo, um aluno (líder) deverá ficar responsável para cadastrar os demais integrantes no Ambiente Virtual de Aprendizagem, somente após cadastrar o grupo, o trabalho deverá ser enviado, ou seja, apenas um aluno cadastra o grupo e envia o trabalho com o nome de todos os integrantes. Por isso, a capa do trabalho deverá conter os nomes de todos os alunos do grupo; - Ao definir quem serão os participantes do grupo, informe seu tutor de sala. Isto é importante para ele acompanhar e saber quem são os grupos que já estão formados. - Lembre-se que é sua responsabilidade acompanhar o cadastro do grupo pelo aluno responsável (líder), bem como, acompanhar a inserção da atividade;
  • 9. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem - Quando o aluno responsável pelo cadastro do grupo e pelo cadastro de atividade não realiza os procedimentos dentro do prazo devido, todo o grupo fica prejudicado; - A formação dos grupos é de responsabilidade dos alunos, no entanto, solicitamos que sigam as orientações passadas pelo tutor presencial sobre a melhor maneira para a formação dos mesmos. - A produção textual deve ter no mínimo 5 e no máximo 8 laudas (páginas), incluindo: introdução, desenvolvimento e conclusões, conforme demostrado a seguir: Introdução: você deve apresentar um texto que contemple os objetivos da produção textual, bem como os principais assuntos que serão discutidos ao longo do trabalho de maneira sucinta. Desenvolvimento: será composto por um texto coeso, respondendo aos:  Desafio 1  Desafio 2  Desafio 3  Desafio 4 Considerações finais: você deve apresentar um texto que retome os objetivos da produção textual, apresentando as principais reflexões desenvolvidas a partir da temática em estudo. Referências: apresentar todas as referências utilizadas na elaboração da produção de acordo com as normas da ABNT. Anexos: apresentar os anexos, se houver. OBS: As referências bibliográficas não serão contadas entre as laudas. - A produção textual deve ser cadastrada em arquivo Word; - A produção textual deverá obedecer às normas técnicas da ABNT. - Acessem a “Biblioteca” disponível em seu ambiente virtual de aprendizagem, clicar em “Normatização de Trabalhos Acadêmicos” e escolher o menu “Modelo”, utilizando como exemplo o “Modelo do Trabalho de Conclusão de Curso”. CRITÉRIOS AVALIATIVOS
  • 10. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO – PTG Enfermagem Apresentamos os critérios avaliativos que nortearão a devolutiva escrita e o conceito a ser dado pelo tutor a distância. Critério Significado Valor/peso Coerência, clareza e coesão O texto apresenta uma linguagem de fácil compreensão, apresentando os argumentos de modo claro e coeso. 20% Aplicação dos conteúdos interdisciplinares no texto argumentativo No texto escrito (com as justificativas e argumentações) as ideias apresentam relação direta com a situação descrita e explicitam conteúdos trabalhados em TODAS as disciplinas do semestre. 30% (10% por disciplina) Riqueza de argumentação O texto tem relação direta com o tema, traduzem uma reflexão crítica e contempla os pontos estabelecidos no roteiro. 30% Conclusão As considerações finais refletem, de fato, a resolução da problemática pelo grupo sobre a SGA sem repetições ou redundâncias. 10% Normalização Respeito às normas da ABNT, respeito a escrita ortográfica e estrutura solicitada. 10% Um ótimo trabalho! Equipe de professores