SlideShare uma empresa Scribd logo
Bárbara das Neves Linhares
Lucy Gomes Viana

 Analisar a dissolução matrimonial da população
idosa brasileira no período de 2002 a 2011
 Dados levantados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de
Geografia e Estatística)
 Estudo transversal, descritivo e de caráter
exploratório
Objetivo, Materiais e Métodos

 Transição demográfica
 Mudanças sociais - a dissolução de vínculos entre casais
está cada vez mais frequente
 A maioria dos estudos são feitos com adultos de meia
idade, porém a separação e divórcio podem ocorrer em
qualquer fase da vida
 Escassez de literatura sobre o assunto (idosos)
 Os baby boomers foram o primeiro cohort a se divorciar e
recasar em número crescente.
 Recasamentos têm mais probabilidade de terminar em
divórcio
 Separação vs. divórcio
Introdução

 Aumento do número de idosos que já se divorciaram em
uma época anterior
 Autonomia feminina
 Expectativa de vida
 Aceitação do divórcio
 Mudança cultural de que o casamento era para toda vida
 Ninho Vazio e aposentadoria
 Escolaridade
 O risco declina com a idade
Quais seriam as possíveis razões para o
divórcio crescer entre os idosos?

 A dissolução da conjugalidade pode ser catastrófica
(morte em vida)
 Se estendem por toda família
 O que acontece com os ex-casais que não têm filhos ou os
mesmos moram longe?
 Instituições
 Filhos resistentes ao recasamento
Consequências

Separação vs Divórcio
Gráfico 1 - Idosos brasileiros que solicitaram separação judicial ou divórcio, em
números absolutos, nos anos 2002 e 2011

Gráfico 7 - Idosos brasileiros que recorreram à dissolução conjugal
judicialmente, por natureza da ação, nos anos 2002 e 2011
Natureza da ação: Consensual vs
Não consensual

Gráfico 3 - Taxa de crescimento da população idosa brasileira e taxa
de idosos em dissoluções conjugais, no período 2002 a 2011
Taxa da população idosa vs Taxa de
dissoluções em idosos

Gráfico 9 - Fundamento das separações judiciais em idosos brasileiros,
nos anos 2002 e 2011
Fundamento da separação

 O número de divórcio dos idosos brasileiros
aumentou significativamente
 As causas desse rápido aumento ainda não são
conclusivas
 As consequências podem ser graves
 Planejamento governamental
Considerações Finais

Mais conteúdo relacionado

Destaque

A população brasileira
A população brasileiraA população brasileira
A população brasileira
Uilson Pereira da Silva
 
Aula 2 população
Aula 2   populaçãoAula 2   população
Aula 2 população
Péricles Penuel
 
Geografia brasil população
Geografia   brasil populaçãoGeografia   brasil população
Geografia brasil população
André Luiz Marques
 
População Mundial
População MundialPopulação Mundial
População Mundial
olatdbm
 
Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
Prof.Paulo/geografia
 
Slides população (1)
Slides população (1)Slides população (1)
Slides população (1)
terceirob
 
DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO
DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO
DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO
abarros
 
Imigração Japonesa - Brasil e Amazônia
Imigração Japonesa - Brasil e AmazôniaImigração Japonesa - Brasil e Amazônia
Imigração Japonesa - Brasil e Amazônia
Portal do Vestibulando
 
07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil
07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil
07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil
nikkeiuchinanchu
 
Composição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiroComposição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiro
Rodrigo Baglini
 
Expansão do território e migrações internas
Expansão do território e migrações internasExpansão do território e migrações internas
Expansão do território e migrações internas
Rodrigo Baglini
 
Brasil massas de ar e clima
Brasil massas de ar e climaBrasil massas de ar e clima
Brasil massas de ar e clima
Italo Alan
 
As conferências em defesa do meio ambiente
As conferências em defesa do meio ambienteAs conferências em defesa do meio ambiente
As conferências em defesa do meio ambiente
Wesley Torres
 
A Populacao Brasileira
A Populacao BrasileiraA Populacao Brasileira
A Populacao Brasileira
valdeniDinamizador
 
Power Point Da PopulaçãO Do Mundo
Power Point Da PopulaçãO Do MundoPower Point Da PopulaçãO Do Mundo
Power Point Da PopulaçãO Do Mundo
guest86db11b
 
Aula 3 - A questão ambiental
Aula 3 - A questão ambientalAula 3 - A questão ambiental
Aula 3 - A questão ambiental
Margarida MTG
 
População brasileira dinâmica e desenvolvimento humano
População brasileira dinâmica e desenvolvimento humanoPopulação brasileira dinâmica e desenvolvimento humano
População brasileira dinâmica e desenvolvimento humano
Polyana Gonçalves Oliveira Assis
 
Diversidade etnica
Diversidade etnicaDiversidade etnica
Diversidade etnica
Cristina de Souza
 
Relações étnico raciais
Relações étnico raciaisRelações étnico raciais
Relações étnico raciais
Soares Junior
 
Revolução Francesa
Revolução FrancesaRevolução Francesa
Revolução Francesa
Isabella Silva
 

Destaque (20)

A população brasileira
A população brasileiraA população brasileira
A população brasileira
 
Aula 2 população
Aula 2   populaçãoAula 2   população
Aula 2 população
 
Geografia brasil população
Geografia   brasil populaçãoGeografia   brasil população
Geografia brasil população
 
População Mundial
População MundialPopulação Mundial
População Mundial
 
Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
 
Slides população (1)
Slides população (1)Slides população (1)
Slides população (1)
 
DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO
DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO
DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO
 
Imigração Japonesa - Brasil e Amazônia
Imigração Japonesa - Brasil e AmazôniaImigração Japonesa - Brasil e Amazônia
Imigração Japonesa - Brasil e Amazônia
 
07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil
07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil
07 ImigraçãO Japonesa Para O Brasil
 
Composição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiroComposição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiro
 
Expansão do território e migrações internas
Expansão do território e migrações internasExpansão do território e migrações internas
Expansão do território e migrações internas
 
Brasil massas de ar e clima
Brasil massas de ar e climaBrasil massas de ar e clima
Brasil massas de ar e clima
 
As conferências em defesa do meio ambiente
As conferências em defesa do meio ambienteAs conferências em defesa do meio ambiente
As conferências em defesa do meio ambiente
 
A Populacao Brasileira
A Populacao BrasileiraA Populacao Brasileira
A Populacao Brasileira
 
Power Point Da PopulaçãO Do Mundo
Power Point Da PopulaçãO Do MundoPower Point Da PopulaçãO Do Mundo
Power Point Da PopulaçãO Do Mundo
 
Aula 3 - A questão ambiental
Aula 3 - A questão ambientalAula 3 - A questão ambiental
Aula 3 - A questão ambiental
 
População brasileira dinâmica e desenvolvimento humano
População brasileira dinâmica e desenvolvimento humanoPopulação brasileira dinâmica e desenvolvimento humano
População brasileira dinâmica e desenvolvimento humano
 
Diversidade etnica
Diversidade etnicaDiversidade etnica
Diversidade etnica
 
Relações étnico raciais
Relações étnico raciaisRelações étnico raciais
Relações étnico raciais
 
Revolução Francesa
Revolução FrancesaRevolução Francesa
Revolução Francesa
 

Semelhante a análise da dissolução conjugal na população idosa brasileira

Arranjo domiciliar de idosos no Brasil
Arranjo domiciliar de idosos no BrasilArranjo domiciliar de idosos no Brasil
Arranjo domiciliar de idosos no Brasil
Álvaro José Altamirano Montoya
 
Workshop: Divórcio e Conflito Interparental
Workshop: Divórcio e Conflito Interparental Workshop: Divórcio e Conflito Interparental
Workshop: Divórcio e Conflito Interparental
Judite Peixoto
 
relatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdf
relatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdfrelatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdf
relatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdf
Ana Maria Marques
 
Aaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnn
AaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnnAaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnn
Aaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnn
vanessa270433
 
Relações intergeracionais
Relações intergeracionaisRelações intergeracionais
Relações intergeracionais
Joana Santos
 
VT VILMAR.pdf
VT VILMAR.pdfVT VILMAR.pdf
VT VILMAR.pdf
RonaldLima31
 
Abandono de idosos
Abandono de idososAbandono de idosos
Abandono de idosos
Serginho Fernando
 
Abandono de idosos
Abandono de idososAbandono de idosos
Abandono de idosos
Serginho Fernando
 
Gravidez na adolescência aula
Gravidez na adolescência   aulaGravidez na adolescência   aula
Gravidez na adolescência aula
chirlei ferreira
 
Cartilha Divorcio Pais alienacao parental
Cartilha Divorcio Pais alienacao parentalCartilha Divorcio Pais alienacao parental
Cartilha Divorcio Pais alienacao parental
Cristiane Lara
 
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenisDiferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Van Der Häägen Brazil
 
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Luan Costa Souza
 
A população em movimento
A população em movimentoA população em movimento
A população em movimento
Léo Miranda
 
Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016
Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016
Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016
Idalina Leite
 
Envelhecimento
EnvelhecimentoEnvelhecimento
Envelhecimento
Rica Cane
 
visão geral- visão geral- V- visão geral
visão geral- visão geral- V- visão geralvisão geral- visão geral- V- visão geral
visão geral- visão geral- V- visão geral
AyrttonAnacleto3
 
Indicadores demograficos
Indicadores demograficosIndicadores demograficos
Indicadores demograficos
joanaanm
 
Fatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de Idade
Fatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de IdadeFatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de Idade
Fatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de Idade
Van Der Häägen Brazil
 
Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...
Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...
Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...
Claudio Henrique Ramos Sales
 
epidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.ppt
epidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.pptepidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.ppt
epidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.ppt
Centro Educacional Nilton Oliveira Santos -CENOS
 

Semelhante a análise da dissolução conjugal na população idosa brasileira (20)

Arranjo domiciliar de idosos no Brasil
Arranjo domiciliar de idosos no BrasilArranjo domiciliar de idosos no Brasil
Arranjo domiciliar de idosos no Brasil
 
Workshop: Divórcio e Conflito Interparental
Workshop: Divórcio e Conflito Interparental Workshop: Divórcio e Conflito Interparental
Workshop: Divórcio e Conflito Interparental
 
relatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdf
relatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdfrelatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdf
relatorio-primeira-infancia-primeiro-sao-jose-de-ribamar (1).pdf
 
Aaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnn
AaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnnAaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnn
Aaaaasssshjuccnkknvnuigbnmkkknnnnnnnbnnnnnn
 
Relações intergeracionais
Relações intergeracionaisRelações intergeracionais
Relações intergeracionais
 
VT VILMAR.pdf
VT VILMAR.pdfVT VILMAR.pdf
VT VILMAR.pdf
 
Abandono de idosos
Abandono de idososAbandono de idosos
Abandono de idosos
 
Abandono de idosos
Abandono de idososAbandono de idosos
Abandono de idosos
 
Gravidez na adolescência aula
Gravidez na adolescência   aulaGravidez na adolescência   aula
Gravidez na adolescência aula
 
Cartilha Divorcio Pais alienacao parental
Cartilha Divorcio Pais alienacao parentalCartilha Divorcio Pais alienacao parental
Cartilha Divorcio Pais alienacao parental
 
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenisDiferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
Diferenças étnicas no crescimento de crianças e infanto juvenis
 
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
 
A população em movimento
A população em movimentoA população em movimento
A população em movimento
 
Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016
Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016
Saldos naturais negativos- Estatísticas vitais 2016
 
Envelhecimento
EnvelhecimentoEnvelhecimento
Envelhecimento
 
visão geral- visão geral- V- visão geral
visão geral- visão geral- V- visão geralvisão geral- visão geral- V- visão geral
visão geral- visão geral- V- visão geral
 
Indicadores demograficos
Indicadores demograficosIndicadores demograficos
Indicadores demograficos
 
Fatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de Idade
Fatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de IdadeFatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de Idade
Fatores que Influenciam o Crescimento Infantil Somático até os 2 anos de Idade
 
Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...
Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...
Modulo 14 - Expectativa de vida e envelhecimento da população (Apostila Siste...
 
epidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.ppt
epidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.pptepidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.ppt
epidemiologiadoenvelhecimento-mudanasociais-090330092049-phpapp02.ppt
 

Último

Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
EdimaresSilvestre
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FredFringeFringeDola
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Pastor Robson Colaço
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 

Último (20)

Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 

análise da dissolução conjugal na população idosa brasileira

  • 1. Bárbara das Neves Linhares Lucy Gomes Viana
  • 2.   Analisar a dissolução matrimonial da população idosa brasileira no período de 2002 a 2011  Dados levantados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)  Estudo transversal, descritivo e de caráter exploratório Objetivo, Materiais e Métodos
  • 3.   Transição demográfica  Mudanças sociais - a dissolução de vínculos entre casais está cada vez mais frequente  A maioria dos estudos são feitos com adultos de meia idade, porém a separação e divórcio podem ocorrer em qualquer fase da vida  Escassez de literatura sobre o assunto (idosos)  Os baby boomers foram o primeiro cohort a se divorciar e recasar em número crescente.  Recasamentos têm mais probabilidade de terminar em divórcio  Separação vs. divórcio Introdução
  • 4.   Aumento do número de idosos que já se divorciaram em uma época anterior  Autonomia feminina  Expectativa de vida  Aceitação do divórcio  Mudança cultural de que o casamento era para toda vida  Ninho Vazio e aposentadoria  Escolaridade  O risco declina com a idade Quais seriam as possíveis razões para o divórcio crescer entre os idosos?
  • 5.   A dissolução da conjugalidade pode ser catastrófica (morte em vida)  Se estendem por toda família  O que acontece com os ex-casais que não têm filhos ou os mesmos moram longe?  Instituições  Filhos resistentes ao recasamento Consequências
  • 6.  Separação vs Divórcio Gráfico 1 - Idosos brasileiros que solicitaram separação judicial ou divórcio, em números absolutos, nos anos 2002 e 2011
  • 7.  Gráfico 7 - Idosos brasileiros que recorreram à dissolução conjugal judicialmente, por natureza da ação, nos anos 2002 e 2011 Natureza da ação: Consensual vs Não consensual
  • 8.  Gráfico 3 - Taxa de crescimento da população idosa brasileira e taxa de idosos em dissoluções conjugais, no período 2002 a 2011 Taxa da população idosa vs Taxa de dissoluções em idosos
  • 9.  Gráfico 9 - Fundamento das separações judiciais em idosos brasileiros, nos anos 2002 e 2011 Fundamento da separação
  • 10.   O número de divórcio dos idosos brasileiros aumentou significativamente  As causas desse rápido aumento ainda não são conclusivas  As consequências podem ser graves  Planejamento governamental Considerações Finais