SlideShare uma empresa Scribd logo
PROJETO DE LEI Nº 095 /2012.

Em, 31 de Julho de 2012.
DISPÕE SOBRE GESTÃO DE RECURSOS
DESTINADOS
À
SUBVENÇÃO
SOCIAL,
CONCEDIDO
PELO
PODER
PÚBLICO
MUNICIPAL DE CABO FRIO.

A CÂMARA MUNICIPAL DE CABO FRIO NO USO DE SUAS
ATRIBUIÇÕES LEGAIS,
R E S O L V E:
Art. 1º. A Assistência Social é Direito Social de Dever do Estado, garantidos
constitucionalmente e efetivados mediante políticas sociais, com características próprias
que assegurem à população de baixa renda o exercício da cidadania e dos direitos
fundamentais previstos nos artigos 5º, 6º e 7º, da Constituição Federal, no art. 4º, da
Constituição Estadual e, o artigo 1º, I, da Lei Orgânica Municipal.
Art. 2º. As verbas destinadas pelo Poder Executivo Municipal anualmente à
Subvenção Social obedecendo aos ditames da Lei 4.320/1964, em seus artigos 12, § 3º,
16,17 e 19 e ao disposto na Lei de Diretrizes Orçamentárias do Município.
Art. 3º. Como gerenciador das verbas de subvenção, o Poder Executivo Municipal
se obrigará ao atendimento dos seguintes quesitos:
I – estabelecimento de prioridade de aplicação dos recursos ouvido o Plenário do
Legislativo;
II – dar publicidade do montante subvencionado a cada entidade, bem como da finalidade
de aplicação dos recursos na data do repasse;
III – exigir, acompanhar e dar publicidade da prestação de contas anual das entidades
beneficiadas com verbas de Subvenção Social.
Art. 4º. Para efeito de habilitar-se à contemplação com verbas de Subvenção
Social, a entidade pleiteante deverá apresentar:
I – cópia autenticada do Registro do Estatuto em Cartório;
II – cópias da Ata da Eleição da última Diretoria, devidamente autenticada em cartório;
III – Comprovação de ser Entidade de Utilidade Pública Municipal;
IV – atestado de funcionamento regular, assinado pelo Delegado Regional de Polícia,
Promotor de Justiça, Juiz de Direito, Presidente da Câmara ou Prefeito Municipal;
V – projeto especificando o montante e a aplicação dos recursos pleiteados, sua finalidade
e estimativa do número de pessoas beneficiadas.
Art. 5º. A prestação de contas das entidades contempladas com Subvenções, a ser
apresentada à Comissão de representantes do Poder Executivo e do Poder Legislativo, a
ser criada paritariamente, de que trata a Lei de Diretrizes Orçamentárias deverá estar
acompanhada de:
I – extrato bancário com lançamento de recursos e sua aplicação;
II – notas fiscais e recibos com firma reconhecida, na forma da Lei;
III – comprovação dos gastos conforme projeto apresentado nos termos do inciso V, do
art. 4º.
Parágrafo único. As entidades que não tiverem suas contas aprovadas pela
Comissão prevista no art. 5º, ou que não prestarem contas, não poderão ser contempladas
com novas Subvenções e deverão ressarcir os cofres públicos dos valores recebidos.
Art. 6º. Não será concedida Subvenção à Entidade:
I – que não tenha prestado contas da aplicação da Subvenção recebida;
II – considerada sem condições de funcionamento pelo Executivo Municipal;
III – que não atenda qualquer dos requisitos definidos pelo Executivo Municipal.
Art. 7º. Qualquer cidadão, Partido Político, Associação ou Sindicato, é parte
legítima para denunciar irregularidades ou ilegalidades da aplicação dos recursos públicos
por entidade de direito privado.
§ 1º. A denúncia poderá ser formalizada aos seguintes órgãos:
a) Ministério Público;
b) Executivo Municipal;
c) Câmara Municipal.
§ 2º. Quando recebida à denúncia pelos Poderes Executivo ou Legislativo, estes
terão 30 (trinta) dias de prazo para formarem convicção e proporem penalidades aos
infratores na forma da Lei.
Art. 8º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as
disposições em contrário.
Sala das Sessões, 31 de Julho de 2012.
TAYLOR DA COSTA JASMIM JUNIOR
Vereador - Autor
JUSTIFICATIVA:
A Assistência Social é Direito Social e Dever do Estado, garantidos
constitucionalmente e efetivados mediante políticas sociais com características próprias,
que assegurem à população de baixa renda o exercício pleno da cidadania e dos direitos
fundamentais.
O nosso Projeto de Lei tem como objetivo regulamentar e garantir os padrões
éticos nas subvenções concedidas pela Prefeitura Municipal de Cabo Frio.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lei Orgânica de Gravataí
Lei Orgânica de GravataíLei Orgânica de Gravataí
Lei Orgânica de Gravataí
Dilamar Soares
 
Prot. 1509 15 mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15
Prot. 1509 15   mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15Prot. 1509 15   mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15
Prot. 1509 15 mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15
Claudio Figueiredo
 
Plc 004 2015 inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002
Plc 004 2015   inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002Plc 004 2015   inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002
Plc 004 2015 inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002
Claudio Figueiredo
 
Lei Orgânica Municipal de Palotina
Lei Orgânica Municipal de PalotinaLei Orgânica Municipal de Palotina
Lei Orgânica Municipal de Palotina
Camarapalotina
 
Código tributário municipal rb consolidado 09.2013
Código tributário municipal rb consolidado  09.2013Código tributário municipal rb consolidado  09.2013
Código tributário municipal rb consolidado 09.2013
Andrea Alcantara
 
Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990
Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990
Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990
carlsonsantana
 
Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...
Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...
Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...
drtaylorjr
 
Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15
Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15
Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15
Claudio Figueiredo
 
Prot. 2537 15 mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15
Prot. 2537 15   mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15Prot. 2537 15   mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15
Prot. 2537 15 mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15
Claudio Figueiredo
 
Prot. 2646 15 mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15
Prot. 2646 15   mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15Prot. 2646 15   mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15
Prot. 2646 15 mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15
Claudio Figueiredo
 
Consep conselho comunitário de segurança pública de mg
Consep   conselho comunitário de segurança pública de mgConsep   conselho comunitário de segurança pública de mg
Consep conselho comunitário de segurança pública de mg
Nercid Lima Reis
 
Lei Organica do Município de Açailândia 1990
Lei Organica do Município de Açailândia 1990Lei Organica do Município de Açailândia 1990
Lei Organica do Município de Açailândia 1990
Josinaldo Almeida Figueiredo Figueiredo
 
Conselho Municipal de Direitos do Idoso
Conselho Municipal de Direitos do IdosoConselho Municipal de Direitos do Idoso
Conselho Municipal de Direitos do Idoso
Antonio Rocha de Sousa
 
Lei organica
Lei organicaLei organica
Lei organica
watsonlopes
 
D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014
D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014
D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014
servidoresmesquita
 
Prot. 2375 17 veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17
Prot. 2375 17    veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17Prot. 2375 17    veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17
Prot. 2375 17 veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17
Claudio Figueiredo
 
Governanca publica 1ed
Governanca publica 1edGovernanca publica 1ed
Governanca publica 1ed
SERGIO DE MELLO QUEIROZ
 
Lei organica
Lei organicaLei organica
Lei organica
Rodrigo da Silva
 

Mais procurados (18)

Lei Orgânica de Gravataí
Lei Orgânica de GravataíLei Orgânica de Gravataí
Lei Orgânica de Gravataí
 
Prot. 1509 15 mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15
Prot. 1509 15   mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15Prot. 1509 15   mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15
Prot. 1509 15 mensagem-veto_015_2015 autógrafo 3399-15
 
Plc 004 2015 inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002
Plc 004 2015   inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002Plc 004 2015   inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002
Plc 004 2015 inclui o art. 72-a na lei complementar n.º 006-2002
 
Lei Orgânica Municipal de Palotina
Lei Orgânica Municipal de PalotinaLei Orgânica Municipal de Palotina
Lei Orgânica Municipal de Palotina
 
Código tributário municipal rb consolidado 09.2013
Código tributário municipal rb consolidado  09.2013Código tributário municipal rb consolidado  09.2013
Código tributário municipal rb consolidado 09.2013
 
Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990
Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990
Lei Orgânica do Município de Simão Dias de 1990
 
Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...
Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...
Pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recursos, su...
 
Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15
Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15
Prot. 2736 15 mensagem-veto_028_2015 autógrafo 3.446_15
 
Prot. 2537 15 mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15
Prot. 2537 15   mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15Prot. 2537 15   mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15
Prot. 2537 15 mensagem-veto_022_2015 autógrafo 3.431_15
 
Prot. 2646 15 mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15
Prot. 2646 15   mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15Prot. 2646 15   mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15
Prot. 2646 15 mensagem-veto_026_2015 autógrafo 3.436_15
 
Consep conselho comunitário de segurança pública de mg
Consep   conselho comunitário de segurança pública de mgConsep   conselho comunitário de segurança pública de mg
Consep conselho comunitário de segurança pública de mg
 
Lei Organica do Município de Açailândia 1990
Lei Organica do Município de Açailândia 1990Lei Organica do Município de Açailândia 1990
Lei Organica do Município de Açailândia 1990
 
Conselho Municipal de Direitos do Idoso
Conselho Municipal de Direitos do IdosoConselho Municipal de Direitos do Idoso
Conselho Municipal de Direitos do Idoso
 
Lei organica
Lei organicaLei organica
Lei organica
 
D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014
D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014
D.O. Mesquita/RJ - 29/10/2014
 
Prot. 2375 17 veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17
Prot. 2375 17    veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17Prot. 2375 17    veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17
Prot. 2375 17 veto 016 - integral ao autógrafo de lei nº 3637-17
 
Governanca publica 1ed
Governanca publica 1edGovernanca publica 1ed
Governanca publica 1ed
 
Lei organica
Lei organicaLei organica
Lei organica
 

Destaque

Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1
Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1
Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1
Tito Romeu Gomes de Sousa Maia Mendes
 
2012 requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas azevedo
2012   requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas  azevedo2012   requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas  azevedo
2012 requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas azevedo
drtaylorjr
 
2011 solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a pavimentaç...
2011   solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a  pavimentaç...2011   solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a  pavimentaç...
2011 solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a pavimentaç...
drtaylorjr
 
Pesquisa procafé resumo (4)
Pesquisa procafé resumo (4)Pesquisa procafé resumo (4)
Pesquisa procafé resumo (4)
Paulo André Colucci Kawasaki
 
2012 solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da tra...
2012   solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da  tra...2012   solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da  tra...
2012 solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da tra...
drtaylorjr
 
tecnologia en la medicina
tecnologia en la medicinatecnologia en la medicina
tecnologia en la medicina
Lu Quinche
 
2012 solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...
2012   solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...2012   solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...
2012 solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...
drtaylorjr
 
Exercicio obras 22
Exercicio obras 22Exercicio obras 22
Exercicio obras 22
ModernoMorais
 
2011 pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...
2011   pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...2011   pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...
2011 pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...
drtaylorjr
 
2012 pl fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha
2012 pl   fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha2012 pl   fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha
2012 pl fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha
drtaylorjr
 
Portada
PortadaPortada
Portada
juanks723
 
Chave de decisão paramétricos
Chave de decisão paramétricosChave de decisão paramétricos
Chave de decisão paramétricos
Carla Martins
 
Descrição final eletricidade em ação
Descrição final eletricidade em açãoDescrição final eletricidade em ação
Descrição final eletricidade em ação
glayconpataquini
 
DENTAL CARE GROUP
DENTAL CARE GROUPDENTAL CARE GROUP
DENTAL CARE GROUPZelman Lew
 
Ata cmdca nº 01 2014
Ata cmdca nº 01   2014Ata cmdca nº 01   2014
Ata cmdca nº 01 2014
Robson Candiani
 
2011 pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...
2011    pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...2011    pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...
2011 pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...
drtaylorjr
 
2012 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...
2012   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...2012   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...
2012 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...
drtaylorjr
 
Resenha - cap. 1 do livro Formação das Almas
Resenha - cap. 1 do livro Formação das AlmasResenha - cap. 1 do livro Formação das Almas
Resenha - cap. 1 do livro Formação das Almas
Larissa Thaís
 

Destaque (20)

Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1
Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1
Microsoft Word - Critérios de Avaliação por Níveis1
 
2012 requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas azevedo
2012   requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas  azevedo2012   requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas  azevedo
2012 requer outorga de moção de aplausos ao dr. demócrito jônatas azevedo
 
2011 solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a pavimentaç...
2011   solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a  pavimentaç...2011   solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a  pavimentaç...
2011 solicita ao exmº sr. prefeito municipal o manilhamento e a pavimentaç...
 
Pesquisa procafé resumo (4)
Pesquisa procafé resumo (4)Pesquisa procafé resumo (4)
Pesquisa procafé resumo (4)
 
En blanco (1)
En blanco (1)En blanco (1)
En blanco (1)
 
2012 solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da tra...
2012   solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da  tra...2012   solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da  tra...
2012 solicita ao exmo sr prefeito municipal a reforma do calçamento da tra...
 
tecnologia en la medicina
tecnologia en la medicinatecnologia en la medicina
tecnologia en la medicina
 
2012 solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...
2012   solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...2012   solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...
2012 solicita ao exmº senhor prefeito municipal a construção de escola de e...
 
Exercicio obras 22
Exercicio obras 22Exercicio obras 22
Exercicio obras 22
 
2011 pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...
2011   pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...2011   pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...
2011 pl dispõe sobre a adaptação de computadores para utilização por pessoa...
 
2012 pl fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha
2012 pl   fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha2012 pl   fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha
2012 pl fica instituido o “dia municipal da lei maria da penha
 
Portada
PortadaPortada
Portada
 
Chave de decisão paramétricos
Chave de decisão paramétricosChave de decisão paramétricos
Chave de decisão paramétricos
 
Descrição final eletricidade em ação
Descrição final eletricidade em açãoDescrição final eletricidade em ação
Descrição final eletricidade em ação
 
DENTAL CARE GROUP
DENTAL CARE GROUPDENTAL CARE GROUP
DENTAL CARE GROUP
 
Ata cmdca nº 01 2014
Ata cmdca nº 01   2014Ata cmdca nº 01   2014
Ata cmdca nº 01 2014
 
2011 pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...
2011    pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...2011    pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...
2011 pl cria o “dia municipal de conscientização da violência contra os id...
 
2012 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...
2012   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...2012   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...
2012 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a instalação de um psf - posto...
 
Resenha - cap. 1 do livro Formação das Almas
Resenha - cap. 1 do livro Formação das AlmasResenha - cap. 1 do livro Formação das Almas
Resenha - cap. 1 do livro Formação das Almas
 
Jogo dado dos fatos
Jogo dado dos fatosJogo dado dos fatos
Jogo dado dos fatos
 

Semelhante a 2012 pl dispõe sobre gestão de recursos destinados à subvenção social, concedido pelo poder público municipal de cabo frio

Proposta de Lei
Proposta de LeiProposta de Lei
Proposta de Lei
ACTEBA
 
Lei orgânica do Município de Jacundá
Lei orgânica do Município de JacundáLei orgânica do Município de Jacundá
Lei orgânica do Município de Jacundá
Herlan Ribeiro de Souza
 
2011 pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recu...
2011   pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de  recu...2011   pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de  recu...
2011 pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recu...
drtaylorjr
 
Lei orgânica do Município de Varginha
Lei orgânica do Município de VarginhaLei orgânica do Município de Varginha
Lei orgânica do Município de Varginha
Allan Nogueira
 
Aula 04 Dir. Constitucional - Federação Brasileira
Aula 04  Dir. Constitucional - Federação BrasileiraAula 04  Dir. Constitucional - Federação Brasileira
Aula 04 Dir. Constitucional - Federação Brasileira
Tércio De Santana
 
Lei organica do municipio do rj
Lei organica do municipio do rjLei organica do municipio do rj
Lei organica do municipio do rj
mari_saraiva
 
Lei Orgânica de São Pedro da Aldeia
Lei Orgânica de São Pedro da AldeiaLei Orgânica de São Pedro da Aldeia
Lei Orgânica de São Pedro da Aldeia
Zózimo Lisbôa
 
Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009
Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009
Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009
chrystianlima
 
Lei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigida
Lei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigidaLei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigida
Lei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigida
Camarapalotina
 
Romero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobby
Romero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobbyRomero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobby
Romero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobby
Portal NE10
 
Lei Orgânica de Itaboraí
Lei Orgânica de ItaboraíLei Orgânica de Itaboraí
Lei Orgânica de Itaboraí
Italo Malta
 
Lei organica niteroi atualizada em 2005
Lei organica  niteroi atualizada em 2005Lei organica  niteroi atualizada em 2005
Lei organica niteroi atualizada em 2005
A_dam
 
Lei organica de açailândia
Lei organica de açailândiaLei organica de açailândia
Lei organica de açailândia
visa343302010
 
AULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptx
AULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptxAULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptx
AULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptx
Jackeline Póvoas
 
LEI ORGANICA DE ASTORGA
LEI ORGANICA DE ASTORGALEI ORGANICA DE ASTORGA
LEI ORGANICA DE ASTORGA
Joao Carlos Passari
 
Lei 9.790 99 - lei que cria a oscip
Lei 9.790 99 - lei que cria a oscipLei 9.790 99 - lei que cria a oscip
Lei 9.790 99 - lei que cria a oscip
ABRASCIP
 
Prot. 0096 14 pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...
Prot. 0096 14   pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...Prot. 0096 14   pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...
Prot. 0096 14 pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...
ramonpeyroton
 
CMAS - Resolução 01 de 2016
CMAS - Resolução 01 de  2016CMAS - Resolução 01 de  2016
CMAS - Resolução 01 de 2016
TecnologiaPMC
 
Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)
Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)
Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)
Silvia Moral
 
Lei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscip
Lei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscipLei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscip
Lei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscip
gvirtual
 

Semelhante a 2012 pl dispõe sobre gestão de recursos destinados à subvenção social, concedido pelo poder público municipal de cabo frio (20)

Proposta de Lei
Proposta de LeiProposta de Lei
Proposta de Lei
 
Lei orgânica do Município de Jacundá
Lei orgânica do Município de JacundáLei orgânica do Município de Jacundá
Lei orgânica do Município de Jacundá
 
2011 pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recu...
2011   pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de  recu...2011   pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de  recu...
2011 pl dispõe sobre o recebimento por parte de entidades privadas de recu...
 
Lei orgânica do Município de Varginha
Lei orgânica do Município de VarginhaLei orgânica do Município de Varginha
Lei orgânica do Município de Varginha
 
Aula 04 Dir. Constitucional - Federação Brasileira
Aula 04  Dir. Constitucional - Federação BrasileiraAula 04  Dir. Constitucional - Federação Brasileira
Aula 04 Dir. Constitucional - Federação Brasileira
 
Lei organica do municipio do rj
Lei organica do municipio do rjLei organica do municipio do rj
Lei organica do municipio do rj
 
Lei Orgânica de São Pedro da Aldeia
Lei Orgânica de São Pedro da AldeiaLei Orgânica de São Pedro da Aldeia
Lei Orgânica de São Pedro da Aldeia
 
Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009
Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009
Código Tributário Municipal. Juazeiro BA. Sancionado em dezembro de 2009
 
Lei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigida
Lei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigidaLei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigida
Lei Orgânica Municipal de Palotina Atualizada e corrigida
 
Romero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobby
Romero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobbyRomero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobby
Romero Jucá apresenta PEC para regularizar prática do lobby
 
Lei Orgânica de Itaboraí
Lei Orgânica de ItaboraíLei Orgânica de Itaboraí
Lei Orgânica de Itaboraí
 
Lei organica niteroi atualizada em 2005
Lei organica  niteroi atualizada em 2005Lei organica  niteroi atualizada em 2005
Lei organica niteroi atualizada em 2005
 
Lei organica de açailândia
Lei organica de açailândiaLei organica de açailândia
Lei organica de açailândia
 
AULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptx
AULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptxAULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptx
AULA 02 - Direito Municipal Intervenção.pptx
 
LEI ORGANICA DE ASTORGA
LEI ORGANICA DE ASTORGALEI ORGANICA DE ASTORGA
LEI ORGANICA DE ASTORGA
 
Lei 9.790 99 - lei que cria a oscip
Lei 9.790 99 - lei que cria a oscipLei 9.790 99 - lei que cria a oscip
Lei 9.790 99 - lei que cria a oscip
 
Prot. 0096 14 pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...
Prot. 0096 14   pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...Prot. 0096 14   pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...
Prot. 0096 14 pl 003-2014 - institui a nova organização do conselho municip...
 
CMAS - Resolução 01 de 2016
CMAS - Resolução 01 de  2016CMAS - Resolução 01 de  2016
CMAS - Resolução 01 de 2016
 
Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)
Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)
Resolu ca o no 16- de 5 de maio de 2010 (1)
 
Lei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscip
Lei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscipLei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscip
Lei 9.790 de 23 de marco de 1999 oscip
 

Mais de drtaylorjr

2014 pl institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...
2014 pl   institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...2014 pl   institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...
2014 pl institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...
drtaylorjr
 
2014 pl passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...
2014 pl   passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...2014 pl   passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...
2014 pl passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...
drtaylorjr
 
2014 pl passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar
2014 pl   passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar2014 pl   passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar
2014 pl passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar
drtaylorjr
 
2014 pl passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...
2014 pl   passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...2014 pl   passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...
2014 pl passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...
drtaylorjr
 
2014 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de creche no bai...
2014   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de  creche no bai...2014   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de  creche no bai...
2014 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de creche no bai...
drtaylorjr
 
2014 pl passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...
2014 pl   passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...2014 pl   passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...
2014 pl passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...
drtaylorjr
 
2014 pl institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...
2014 pl   institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...2014 pl   institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...
2014 pl institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...
drtaylorjr
 
2014 pl disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...
2014 pl   disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...2014 pl   disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...
2014 pl disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...
drtaylorjr
 
2014 solicita ao exmo sr. prefeito municipal obras de calçamento e urba...
2014   solicita ao exmo sr.  prefeito    municipal obras de calçamento e urba...2014   solicita ao exmo sr.  prefeito    municipal obras de calçamento e urba...
2014 solicita ao exmo sr. prefeito municipal obras de calçamento e urba...
drtaylorjr
 
2012 pl institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...
2012 pl   institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...2012 pl   institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...
2012 pl institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...
drtaylorjr
 
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências
2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências
drtaylorjr
 
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...
2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...
drtaylorjr
 
2012 pl institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...
2012 pl   institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...2012 pl   institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...
2012 pl institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...
drtaylorjr
 
2012 pl fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...
2012 pl   fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...2012 pl   fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...
2012 pl fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...
drtaylorjr
 
2012 pl fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...
2012 pl   fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...2012 pl   fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...
2012 pl fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...
drtaylorjr
 
2012 pl dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...
2012 pl   dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...2012 pl   dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...
2012 pl dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...
drtaylorjr
 
2012 pl dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...
2012 pl   dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...2012 pl   dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...
2012 pl dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...
drtaylorjr
 
2012 pl dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...
2012 pl   dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...2012 pl   dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...
2012 pl dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...
drtaylorjr
 
2012 pl dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...
2012 pl   dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...2012 pl   dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...
2012 pl dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...
drtaylorjr
 
2012 pl dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...
2012 pl   dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...2012 pl   dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...
2012 pl dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...
drtaylorjr
 

Mais de drtaylorjr (20)

2014 pl institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...
2014 pl   institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...2014 pl   institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...
2014 pl institui a política municipal de incentivo as cidades compactas com...
 
2014 pl passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...
2014 pl   passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...2014 pl   passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...
2014 pl passa a denominar-se rua tucano a antiga rua projetada 003 no bairr...
 
2014 pl passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar
2014 pl   passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar2014 pl   passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar
2014 pl passa a denominar-se rua coleiro a antiga rua 07 no bairro vila dor ar
 
2014 pl passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...
2014 pl   passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...2014 pl   passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...
2014 pl passa a denominar-se rua das mangueiras a antiga travessa de junho ...
 
2014 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de creche no bai...
2014   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de  creche no bai...2014   solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de  creche no bai...
2014 solicita ao exmº sr. prefeito municipal a construção de creche no bai...
 
2014 pl passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...
2014 pl   passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...2014 pl   passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...
2014 pl passa a denominar-se rua atoba a antiga rua projetada no bairro vil...
 
2014 pl institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...
2014 pl   institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...2014 pl   institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...
2014 pl institue no âmbito do municipio de cabo frio, o dia municipal dos g...
 
2014 pl disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...
2014 pl   disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...2014 pl   disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...
2014 pl disciplina sobre o abrigo institucional para acolhimento de criança...
 
2014 solicita ao exmo sr. prefeito municipal obras de calçamento e urba...
2014   solicita ao exmo sr.  prefeito    municipal obras de calçamento e urba...2014   solicita ao exmo sr.  prefeito    municipal obras de calçamento e urba...
2014 solicita ao exmo sr. prefeito municipal obras de calçamento e urba...
 
2012 pl institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...
2012 pl   institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...2012 pl   institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...
2012 pl institui “a semana de conscientização sobre a importância do ácido ...
 
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências
2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e dá outras providências
 
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...
2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...2012 pl   institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...
2012 pl institue o programa de prevenção à epilepsia e assistencia integral...
 
2012 pl institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...
2012 pl   institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...2012 pl   institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...
2012 pl institue e inclue no calendário oficial do município o dia 25 de ju...
 
2012 pl fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...
2012 pl   fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...2012 pl   fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...
2012 pl fica instituido no municipio de cabo frio a “mostra de artes & cult...
 
2012 pl fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...
2012 pl   fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...2012 pl   fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...
2012 pl fica instituido a semana de conscientização do planejamento familia...
 
2012 pl dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...
2012 pl   dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...2012 pl   dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...
2012 pl dispõe sobre o acesso à informação de itinerários e horários das li...
 
2012 pl dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...
2012 pl   dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...2012 pl   dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...
2012 pl dispõe sobre medidas administrativas e penalidades impostas àqueles...
 
2012 pl dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...
2012 pl   dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...2012 pl   dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...
2012 pl dispõe sobre distribuição de kits de “teste de gravidez” pela rede ...
 
2012 pl dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...
2012 pl   dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...2012 pl   dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...
2012 pl dispõe sobre atendimento especial às mulheres e crianças vítimas de...
 
2012 pl dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...
2012 pl   dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...2012 pl   dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...
2012 pl dispõe sobre a instituição no municipio da “semana de orientação so...
 

2012 pl dispõe sobre gestão de recursos destinados à subvenção social, concedido pelo poder público municipal de cabo frio

  • 1. PROJETO DE LEI Nº 095 /2012. Em, 31 de Julho de 2012. DISPÕE SOBRE GESTÃO DE RECURSOS DESTINADOS À SUBVENÇÃO SOCIAL, CONCEDIDO PELO PODER PÚBLICO MUNICIPAL DE CABO FRIO. A CÂMARA MUNICIPAL DE CABO FRIO NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, R E S O L V E: Art. 1º. A Assistência Social é Direito Social de Dever do Estado, garantidos constitucionalmente e efetivados mediante políticas sociais, com características próprias que assegurem à população de baixa renda o exercício da cidadania e dos direitos fundamentais previstos nos artigos 5º, 6º e 7º, da Constituição Federal, no art. 4º, da Constituição Estadual e, o artigo 1º, I, da Lei Orgânica Municipal. Art. 2º. As verbas destinadas pelo Poder Executivo Municipal anualmente à Subvenção Social obedecendo aos ditames da Lei 4.320/1964, em seus artigos 12, § 3º, 16,17 e 19 e ao disposto na Lei de Diretrizes Orçamentárias do Município. Art. 3º. Como gerenciador das verbas de subvenção, o Poder Executivo Municipal se obrigará ao atendimento dos seguintes quesitos: I – estabelecimento de prioridade de aplicação dos recursos ouvido o Plenário do Legislativo; II – dar publicidade do montante subvencionado a cada entidade, bem como da finalidade de aplicação dos recursos na data do repasse; III – exigir, acompanhar e dar publicidade da prestação de contas anual das entidades beneficiadas com verbas de Subvenção Social. Art. 4º. Para efeito de habilitar-se à contemplação com verbas de Subvenção Social, a entidade pleiteante deverá apresentar: I – cópia autenticada do Registro do Estatuto em Cartório; II – cópias da Ata da Eleição da última Diretoria, devidamente autenticada em cartório; III – Comprovação de ser Entidade de Utilidade Pública Municipal; IV – atestado de funcionamento regular, assinado pelo Delegado Regional de Polícia, Promotor de Justiça, Juiz de Direito, Presidente da Câmara ou Prefeito Municipal; V – projeto especificando o montante e a aplicação dos recursos pleiteados, sua finalidade e estimativa do número de pessoas beneficiadas. Art. 5º. A prestação de contas das entidades contempladas com Subvenções, a ser apresentada à Comissão de representantes do Poder Executivo e do Poder Legislativo, a ser criada paritariamente, de que trata a Lei de Diretrizes Orçamentárias deverá estar acompanhada de: I – extrato bancário com lançamento de recursos e sua aplicação; II – notas fiscais e recibos com firma reconhecida, na forma da Lei;
  • 2. III – comprovação dos gastos conforme projeto apresentado nos termos do inciso V, do art. 4º. Parágrafo único. As entidades que não tiverem suas contas aprovadas pela Comissão prevista no art. 5º, ou que não prestarem contas, não poderão ser contempladas com novas Subvenções e deverão ressarcir os cofres públicos dos valores recebidos. Art. 6º. Não será concedida Subvenção à Entidade: I – que não tenha prestado contas da aplicação da Subvenção recebida; II – considerada sem condições de funcionamento pelo Executivo Municipal; III – que não atenda qualquer dos requisitos definidos pelo Executivo Municipal. Art. 7º. Qualquer cidadão, Partido Político, Associação ou Sindicato, é parte legítima para denunciar irregularidades ou ilegalidades da aplicação dos recursos públicos por entidade de direito privado. § 1º. A denúncia poderá ser formalizada aos seguintes órgãos: a) Ministério Público; b) Executivo Municipal; c) Câmara Municipal. § 2º. Quando recebida à denúncia pelos Poderes Executivo ou Legislativo, estes terão 30 (trinta) dias de prazo para formarem convicção e proporem penalidades aos infratores na forma da Lei. Art. 8º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Sala das Sessões, 31 de Julho de 2012. TAYLOR DA COSTA JASMIM JUNIOR Vereador - Autor JUSTIFICATIVA: A Assistência Social é Direito Social e Dever do Estado, garantidos constitucionalmente e efetivados mediante políticas sociais com características próprias, que assegurem à população de baixa renda o exercício pleno da cidadania e dos direitos fundamentais. O nosso Projeto de Lei tem como objetivo regulamentar e garantir os padrões éticos nas subvenções concedidas pela Prefeitura Municipal de Cabo Frio.