SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 20
O Cristão é um cidadão
como todos os outros:
desfruta dos mesmos
direitos e tem
os mesmos deveres.
E os impostos,
ele é obrigado a pagar?
As Leituras nos dão
uma resposta...
Na 1ª Leitura,
um rei pagão foi
"instrumentos de Deus"
para libertar
seu povo
da escravidão
da Babilônia.
(Is 45,1.4-6)
Ciro, Rei da Pérsia, foi um excelente comandante e político iluminado.
Conquistou todos os impérios do oriente, inclusive a Babilônia.
No ano 538, depois de conquistar a Babilônia,
permitiu os judeus voltarem à própria terra e
começarem a reconstruir o templo e a cidade de Jerusalém.
O profeta chama o rei pagão de "ungido do Senhor".
Ciro torna-se instrumento de Deus, mesmo sem o conhecer,
sem mesmo ser membro do povo da Aliança.
* O texto sugere que Deus é o verdadeiro
"Senhor da História"
e que é ele quem conduz a caminhada do seu Povo.
Deus pode se servir de qualquer pessoa
para realizar seus projetos.
Pode se servir
de dirigentes
até sem religião,
desde que sejam
competentes, honestos
e saibam promover
o bem-estar e a paz.
- O contrário também
pode acontecer:
Nem toda pessoa
"religiosa"
e bem intencionada
tem a necessária
competência
para uma função pública.
Na 2ª Leitura,
Paulo louva o Senhor,
porque a Comunidade
de Tessalônica
abraçou
com entusiasmo
o Evangelho,
e pela ação
do Espírito Santo,
deu frutos de fé,
de amor e
de esperança.
(1Tes 1,1-5b)
É a carta mais antiga
de São Paulo.
No Evangelho, Jesus responde a uma pergunta política. (Mt 22,34-40)
Discípulos dos fariseus e herodianos, favoráveis ao poder romano,
fazem uma pergunta capciosa:
"É permitido ou não pagar o TRIBUTO a César?"
- Se dissesse SIM: apareceria como colaborador dos romanos.
Se dissesse NÃO: seria denunciado subversivo às autoridades.
- Jesus percebe a armadilha. Pede uma moeda e pergunta:
"De quem é essa imagem?
"Dai pois a César
o que é de César..."
e acrescenta:
"...e a Deus
o que é de Deus"
+ "Dar a César
o que é de César e
a Deus o que é de Deus"
"Dar" significa aqui
"devolver" a cada um
o que lhe pertence.
Não deve dar a César
o que não lhe pertence:
a ADORAÇÃO,
devida unicamente a Deus
(não aos imperadores...).
Jesus não nega o pagamento do tributo imperial.
O amor a Deus não tira as obrigações para com a nação.
Mas questiona a pretensão de César de se nivelar a Deus
e exigir dos súbditos culto só devido a Deus.
A resposta reduzia César às suas devidas dimensões.
+ Um Perigo: Tirar o lugar de Deus.
- Uns reconhecem a autoridade do império,
por isso servem aos interesses dele, pagando o imposto;
- Outros querem reconhecer a autoridade de Deus,
mas deixam de lado o que é de Deus.
O dinheiro, o poder,
o êxito, a realização
profissional,
a ascensão social,
o clube de futebol…
podem tomar
o lugar de Deus
e passam a dirigir
e a condicionar
a vida de muitas
pessoas.
* Deus é, de fato,
nosso único
"Senhor",
a quem servimos?
+ Conclusões da resposta de Jesus:
- "Dar a César..." (a imagem de César)
O Cristão tem obrigações com a Sociedade em que vive.
Nenhum país funciona se a população não der a César
o que é de César... O cristão deve ser um bom cidadão.
É uma obrigação moral, além de civil, contribuir
para o bem comum com o pagamento de impostos justos.
- "Dar a Deus"
(o homem foi criado
à "imagem" de Deus)
Por isso, seus direitos e
sua dignidade devem ser
respeitados por todos.
Nós somos o "seu Povo",
que não pode ser vendido
a nenhum César.
Se tiramos de Deus
o que lhe pertence,
devemos "devolver".
Só Deus é o "Senhor"
de nossa vida...
- Dar à Comunidade cristã
como membro
vivo e atuante
Participar na Vida
e Ação Evangelizadora
e Missionária da Igreja...
A Igreja no Brasil nos pede
que todos devemos:
"EVANGELIZAR, no Brasil cada vez mais urbano, pelo anúncio
da Palavra de Deus, formando discípulos e discípulas
de Jesus Cristo, em comunidades eclesiais missionárias,
à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres,
cuidando da Casa Comum e testemunhando
o Reino de Deus rumo à Plenitude". (DGAE 2019-2023)
Colaborar pela sua manutenção, com o DÍZIMO...
A Bíblia fala e condena os que "sonegam" o tributo do templo...
Estamos, de fato, dando a César o que é de César
e a Deus o que é de Deus?
Não podemos "sonegar" o nosso tributo
nem a Deus, nem à Nação, nem à Comunidade...
Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa CS - 2
"Para o Dia Mundial das Missões
deste ano escolhi um tema
que se inspira na história dos
discípulos de Emaús, narrada
por Lucas no seu Evangelho:
«Corações ardentes,
pés ao caminho».
Aqueles dois discípulos estavam
confusos e desiludidos, mas o
encontro com Cristo na Palavra
e no Pão partido acendeu neles
o entusiasmo para pôr os pés
ao caminho rumo a Jerusalém
e anunciar que o Senhor tinha
verdadeiramente ressuscitado.
MENSAGEM DO PAPA PARA O DIA MUNDIAL
DAS MISSÕES 2023
1. Corações ardentes,
«quando nos explicava as Escrituras».
A Palavra de Deus ilumina e transforma
o coração na missão.
Portanto, deixemo-nos sempre acompanhar
pelo Senhor ressuscitado que nos explica
o sentido das Escrituras. Deixemos que Ele
faça arder o nosso coração, nos ilumine
e transforme, para podermos anunciar
ao mundo o seu mistério de salvação com a
força e a sabedoria que vêm do seu Espírito.
2. Olhos que «se abriram e O reconheceram»
ao partir o pão.
Jesus na Eucaristia é ápice e fonte da missão.
Que o nosso coração anele sempre
pela companhia de Jesus,
suspirando conforme o ardente pedido
dos dois de Emaús, sobretudo ao entardecer:
«Fica conosco, Senhor!» (Lc 24, 29).
3. Pés ao caminho, com a alegria
de proclamar Cristo Ressuscitado.
A eterna juventude duma Igreja sempre em saída.
Portanto saiamos também nós, iluminados pelo encontro
com o Ressuscitado e animados pelo seu Espírito.
Saiamos com corações ardentes, olhos abertos,
pés ao caminho, para fazer arder
outros corações com a Palavra de Deus,
abrir outros olhos para Jesus Eucaristia,
e convidar todos a caminharem juntos
pelo caminho da paz e da salvação
que Deus, em Cristo, deu à humanidade.
Santa Maria do Caminho, Mãe dos discípulos
missionários de Cristo e Rainha das missões,
rogai por nós! (Francisco)
Meditada por:
Pe. Antônio Geraldo Dalla
Costa CS
MEU DOMINGO
Com a Palavra de Deus
http://www.buscandonovasaguas.com
Ilustração: Nelso Geraldo
Ferronatto
Música: É o Dizimo, Senhor
Pe. José Freitas Campos
CD: Dízimo é partilha

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Cesar e Deus

16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho
pohlos
 
15. regeneração
15. regeneração15. regeneração
15. regeneração
pohlos
 
Desvendando o apocalipse laodicéia
Desvendando o apocalipse   laodicéiaDesvendando o apocalipse   laodicéia
Desvendando o apocalipse laodicéia
Diego Fortunatto
 
A igreja que deus deseja
A igreja que deus desejaA igreja que deus deseja
A igreja que deus deseja
Pedro Júnior
 
Lição 6 a igreja e a obra missionária
Lição 6 a igreja e a obra missionáriaLição 6 a igreja e a obra missionária
Lição 6 a igreja e a obra missionária
Adriana Cunha
 
A excelência de cristo jonathan edwards
A excelência de cristo   jonathan edwardsA excelência de cristo   jonathan edwards
A excelência de cristo jonathan edwards
soarescastrodf
 
A excelência de cristo jonathan edwards
A excelência de cristo   jonathan edwardsA excelência de cristo   jonathan edwards
A excelência de cristo jonathan edwards
soarescastrodf
 

Semelhante a Cesar e Deus (20)

A razão da existência do adventismo
A razão da existência do adventismoA razão da existência do adventismo
A razão da existência do adventismo
 
ESTUDO 2 DA SEMANA DA FAMILIA DE 2023 IASD
ESTUDO 2 DA SEMANA DA FAMILIA DE 2023 IASDESTUDO 2 DA SEMANA DA FAMILIA DE 2023 IASD
ESTUDO 2 DA SEMANA DA FAMILIA DE 2023 IASD
 
16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho
 
Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)
 
15. regeneração
15. regeneração15. regeneração
15. regeneração
 
A necessidade de termos uma vida santa
A necessidade de termos uma vida santaA necessidade de termos uma vida santa
A necessidade de termos uma vida santa
 
2016 3 TRI LIÇÃO 5 - PREDIÇÕES DE JUÍZO E GLÓRIA
2016 3 TRI LIÇÃO 5 - PREDIÇÕES DE JUÍZO E GLÓRIA2016 3 TRI LIÇÃO 5 - PREDIÇÕES DE JUÍZO E GLÓRIA
2016 3 TRI LIÇÃO 5 - PREDIÇÕES DE JUÍZO E GLÓRIA
 
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptxebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
 
Lição 09 - A necessidade de termos uma vida santa
Lição 09 - A necessidade de termos uma vida santaLição 09 - A necessidade de termos uma vida santa
Lição 09 - A necessidade de termos uma vida santa
 
Pré revisão 3
Pré revisão 3Pré revisão 3
Pré revisão 3
 
Lição 7-O evangelho no mundo acadêmico e político
Lição 7-O evangelho no mundo acadêmico e políticoLição 7-O evangelho no mundo acadêmico e político
Lição 7-O evangelho no mundo acadêmico e político
 
Desvendando o apocalipse laodicéia
Desvendando o apocalipse   laodicéiaDesvendando o apocalipse   laodicéia
Desvendando o apocalipse laodicéia
 
A igreja que deus deseja
A igreja que deus desejaA igreja que deus deseja
A igreja que deus deseja
 
Lição 6 a igreja e a obra missionária
Lição 6 a igreja e a obra missionáriaLição 6 a igreja e a obra missionária
Lição 6 a igreja e a obra missionária
 
modulo-i - intercessao e sacerdocio
modulo-i  - intercessao e sacerdociomodulo-i  - intercessao e sacerdocio
modulo-i - intercessao e sacerdocio
 
Deus quer sua cidade.pdf
Deus quer sua cidade.pdfDeus quer sua cidade.pdf
Deus quer sua cidade.pdf
 
A excelência de cristo jonathan edwards
A excelência de cristo   jonathan edwardsA excelência de cristo   jonathan edwards
A excelência de cristo jonathan edwards
 
A excelência de cristo jonathan edwards
A excelência de cristo   jonathan edwardsA excelência de cristo   jonathan edwards
A excelência de cristo jonathan edwards
 
Aula 7 O homem diante da salvação
Aula 7   O homem diante da salvaçãoAula 7   O homem diante da salvação
Aula 7 O homem diante da salvação
 
Almeja ser saudável - 2º domingo - noite
Almeja ser saudável - 2º domingo - noiteAlmeja ser saudável - 2º domingo - noite
Almeja ser saudável - 2º domingo - noite
 

Mais de pr_afsalbergaria

Tu és Pedro
Tu és PedroTu és Pedro
Tu és Pedro
pr_afsalbergaria
 
Pedro e Paulo
Pedro e PauloPedro e Paulo
Pedro e Paulo
pr_afsalbergaria
 
Ascensão
AscensãoAscensão
Ascensão
pr_afsalbergaria
 
Caminho, Verdade e Vida
Caminho, Verdade e VidaCaminho, Verdade e Vida
Caminho, Verdade e Vida
pr_afsalbergaria
 
A Comunidade
A ComunidadeA Comunidade
A Comunidade
pr_afsalbergaria
 

Mais de pr_afsalbergaria (20)

A Vinha do Senhor
A Vinha do SenhorA Vinha do Senhor
A Vinha do Senhor
 
O Caminho da Cruz
O Caminho da CruzO Caminho da Cruz
O Caminho da Cruz
 
Tu és Pedro
Tu és PedroTu és Pedro
Tu és Pedro
 
Coragem sou Eu
Coragem sou EuCoragem sou Eu
Coragem sou Eu
 
O meu avô
O meu avôO meu avô
O meu avô
 
Joio e Trigo
Joio e TrigoJoio e Trigo
Joio e Trigo
 
O Semeador
O SemeadorO Semeador
O Semeador
 
Sim Pai
Sim PaiSim Pai
Sim Pai
 
Pedro e Paulo
Pedro e PauloPedro e Paulo
Pedro e Paulo
 
O Medo
O MedoO Medo
O Medo
 
A Messe
A MesseA Messe
A Messe
 
Solenidade da Santíssima Trindade
Solenidade da Santíssima TrindadeSolenidade da Santíssima Trindade
Solenidade da Santíssima Trindade
 
Pentecostes
PentecostesPentecostes
Pentecostes
 
Ascensão
AscensãoAscensão
Ascensão
 
Caminho, Verdade e Vida
Caminho, Verdade e VidaCaminho, Verdade e Vida
Caminho, Verdade e Vida
 
Fica conosco
Fica conoscoFica conosco
Fica conosco
 
A Comunidade
A ComunidadeA Comunidade
A Comunidade
 
Ressuscitou
RessuscitouRessuscitou
Ressuscitou
 
Ramos
RamosRamos
Ramos
 
A Vida
A VidaA Vida
A Vida
 

Último

Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
StelaWilbert
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
MilyFonceca
 

Último (8)

Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdfpdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
pdfcoffee.com_ltt-se6sizea4-pdf-free.pdf
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 

Cesar e Deus

  • 1.
  • 2. O Cristão é um cidadão como todos os outros: desfruta dos mesmos direitos e tem os mesmos deveres. E os impostos, ele é obrigado a pagar? As Leituras nos dão uma resposta... Na 1ª Leitura, um rei pagão foi "instrumentos de Deus" para libertar seu povo da escravidão da Babilônia. (Is 45,1.4-6)
  • 3. Ciro, Rei da Pérsia, foi um excelente comandante e político iluminado. Conquistou todos os impérios do oriente, inclusive a Babilônia. No ano 538, depois de conquistar a Babilônia, permitiu os judeus voltarem à própria terra e começarem a reconstruir o templo e a cidade de Jerusalém. O profeta chama o rei pagão de "ungido do Senhor". Ciro torna-se instrumento de Deus, mesmo sem o conhecer, sem mesmo ser membro do povo da Aliança.
  • 4. * O texto sugere que Deus é o verdadeiro "Senhor da História" e que é ele quem conduz a caminhada do seu Povo. Deus pode se servir de qualquer pessoa para realizar seus projetos.
  • 5. Pode se servir de dirigentes até sem religião, desde que sejam competentes, honestos e saibam promover o bem-estar e a paz. - O contrário também pode acontecer: Nem toda pessoa "religiosa" e bem intencionada tem a necessária competência para uma função pública.
  • 6. Na 2ª Leitura, Paulo louva o Senhor, porque a Comunidade de Tessalônica abraçou com entusiasmo o Evangelho, e pela ação do Espírito Santo, deu frutos de fé, de amor e de esperança. (1Tes 1,1-5b) É a carta mais antiga de São Paulo.
  • 7. No Evangelho, Jesus responde a uma pergunta política. (Mt 22,34-40) Discípulos dos fariseus e herodianos, favoráveis ao poder romano, fazem uma pergunta capciosa: "É permitido ou não pagar o TRIBUTO a César?" - Se dissesse SIM: apareceria como colaborador dos romanos. Se dissesse NÃO: seria denunciado subversivo às autoridades. - Jesus percebe a armadilha. Pede uma moeda e pergunta:
  • 8. "De quem é essa imagem? "Dai pois a César o que é de César..." e acrescenta: "...e a Deus o que é de Deus" + "Dar a César o que é de César e a Deus o que é de Deus" "Dar" significa aqui "devolver" a cada um o que lhe pertence. Não deve dar a César o que não lhe pertence: a ADORAÇÃO, devida unicamente a Deus (não aos imperadores...).
  • 9. Jesus não nega o pagamento do tributo imperial. O amor a Deus não tira as obrigações para com a nação. Mas questiona a pretensão de César de se nivelar a Deus e exigir dos súbditos culto só devido a Deus. A resposta reduzia César às suas devidas dimensões.
  • 10. + Um Perigo: Tirar o lugar de Deus. - Uns reconhecem a autoridade do império, por isso servem aos interesses dele, pagando o imposto; - Outros querem reconhecer a autoridade de Deus, mas deixam de lado o que é de Deus.
  • 11. O dinheiro, o poder, o êxito, a realização profissional, a ascensão social, o clube de futebol… podem tomar o lugar de Deus e passam a dirigir e a condicionar a vida de muitas pessoas. * Deus é, de fato, nosso único "Senhor", a quem servimos?
  • 12. + Conclusões da resposta de Jesus: - "Dar a César..." (a imagem de César) O Cristão tem obrigações com a Sociedade em que vive. Nenhum país funciona se a população não der a César o que é de César... O cristão deve ser um bom cidadão. É uma obrigação moral, além de civil, contribuir para o bem comum com o pagamento de impostos justos.
  • 13. - "Dar a Deus" (o homem foi criado à "imagem" de Deus) Por isso, seus direitos e sua dignidade devem ser respeitados por todos. Nós somos o "seu Povo", que não pode ser vendido a nenhum César. Se tiramos de Deus o que lhe pertence, devemos "devolver". Só Deus é o "Senhor" de nossa vida...
  • 14. - Dar à Comunidade cristã como membro vivo e atuante Participar na Vida e Ação Evangelizadora e Missionária da Igreja... A Igreja no Brasil nos pede que todos devemos: "EVANGELIZAR, no Brasil cada vez mais urbano, pelo anúncio da Palavra de Deus, formando discípulos e discípulas de Jesus Cristo, em comunidades eclesiais missionárias, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, cuidando da Casa Comum e testemunhando o Reino de Deus rumo à Plenitude". (DGAE 2019-2023)
  • 15. Colaborar pela sua manutenção, com o DÍZIMO... A Bíblia fala e condena os que "sonegam" o tributo do templo... Estamos, de fato, dando a César o que é de César e a Deus o que é de Deus? Não podemos "sonegar" o nosso tributo nem a Deus, nem à Nação, nem à Comunidade... Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa CS - 2
  • 16. "Para o Dia Mundial das Missões deste ano escolhi um tema que se inspira na história dos discípulos de Emaús, narrada por Lucas no seu Evangelho: «Corações ardentes, pés ao caminho». Aqueles dois discípulos estavam confusos e desiludidos, mas o encontro com Cristo na Palavra e no Pão partido acendeu neles o entusiasmo para pôr os pés ao caminho rumo a Jerusalém e anunciar que o Senhor tinha verdadeiramente ressuscitado. MENSAGEM DO PAPA PARA O DIA MUNDIAL DAS MISSÕES 2023
  • 17. 1. Corações ardentes, «quando nos explicava as Escrituras». A Palavra de Deus ilumina e transforma o coração na missão. Portanto, deixemo-nos sempre acompanhar pelo Senhor ressuscitado que nos explica o sentido das Escrituras. Deixemos que Ele faça arder o nosso coração, nos ilumine e transforme, para podermos anunciar ao mundo o seu mistério de salvação com a força e a sabedoria que vêm do seu Espírito.
  • 18. 2. Olhos que «se abriram e O reconheceram» ao partir o pão. Jesus na Eucaristia é ápice e fonte da missão. Que o nosso coração anele sempre pela companhia de Jesus, suspirando conforme o ardente pedido dos dois de Emaús, sobretudo ao entardecer: «Fica conosco, Senhor!» (Lc 24, 29).
  • 19. 3. Pés ao caminho, com a alegria de proclamar Cristo Ressuscitado. A eterna juventude duma Igreja sempre em saída. Portanto saiamos também nós, iluminados pelo encontro com o Ressuscitado e animados pelo seu Espírito. Saiamos com corações ardentes, olhos abertos, pés ao caminho, para fazer arder outros corações com a Palavra de Deus, abrir outros olhos para Jesus Eucaristia, e convidar todos a caminharem juntos pelo caminho da paz e da salvação que Deus, em Cristo, deu à humanidade. Santa Maria do Caminho, Mãe dos discípulos missionários de Cristo e Rainha das missões, rogai por nós! (Francisco)
  • 20. Meditada por: Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa CS MEU DOMINGO Com a Palavra de Deus http://www.buscandonovasaguas.com Ilustração: Nelso Geraldo Ferronatto Música: É o Dizimo, Senhor Pe. José Freitas Campos CD: Dízimo é partilha