Criatividade, Iniciativa, Acabativa E Resultado

2.749 visualizações

Publicada em

Muitos tem idéias, muitos criam, mas poucos realizam a idéia que tem em suas mentes. São pessoas que tem iniciativa mas não tem acabativa...

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.749
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
60
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Criatividade, Iniciativa, Acabativa E Resultado

  1. 1. iniciativa, acabativa e resultado
  2. 2. Habilidades <ul><li>No fim do século passado concluiu se que o diploma, conhecimento técnico, experiência e habilidade operativa não resolviam muito a questão de chegar ao resultado e conseqüentemente ao sucesso. </li></ul><ul><li>“ Algo” seria necessário para propulsionar e alavancar as coisas para chegar no objetivo esperado. </li></ul><ul><li>Esse “algo” são as habilidades pessoais dos indivíduos e profissionais, tais como: coragem, criatividade, iniciativa, liderança, motivação,...que, aliado a formação acadêmica, experiência faz acontecer as coisas e atingir o resultado </li></ul>
  3. 3. Iniciativa <ul><li>Desde o século passado nenhuma habilidade foi tão incentivada como ter iniciativa nas coisas. </li></ul><ul><li>Eu pessoalmente sempre digo que: “Estou aqui neste mundo porque um dia papai e mamãe foram motivados e tiveram iniciativa...” </li></ul><ul><li>Ter iniciativa é o primeiro passo para exercer a criatividade </li></ul>
  4. 4. “ Acabativa” <ul><li>O telefone Foi criado pelo escocês Alexander Graham Bell (1847-1922), fez um aparelho que transforma o som em sinais elétricos. Esses sinais corriam por um fio até chegar à outra ponta, e viravam som outra vez.. </li></ul><ul><li>No aparelho de 1876 não dava para falar e ouvir ao mesmo tempo, foi Thomas Alva Edison que conseguiu inventar um aparelho que ouvisse – e falasse. Graham Bell teve iniciativa de criar. Mas Thomas Alva Edison teve a acabativa de acabar a invenção de Graham Bell... </li></ul><ul><li>Pergunta: </li></ul><ul><li>Para uma empresa, quem é mais importante: o que começou ou o que acabou o serviço para torná-lo comercial? </li></ul>
  5. 5. Da criatividade indesejada para o resultado <ul><li>Ter iniciativa e dar uma idéia inatingível numa hora imprópria, torna se uma criatividade indesejada. </li></ul><ul><li>Pois, da idéia inicial (criada com iniciativa) até o resultado final ou objetivo existe uma distancia a ser percorrida. </li></ul><ul><li>Essa distância é percorrida com empreendedorismo, motivação, perseverança, coragem, força interior, ajuda de amigos, investimento financeiro, ...,..., que chamamos de acabativa. </li></ul>
  6. 6. A verdadeira criatividade <ul><li>A criatividade é tudo que mudamos ou transformamos para melhorar ou beneficiar alguém sem prejuízo de outros. </li></ul><ul><li>Para que a sua criatividade seja sentida, é necessário que aquilo que achamos que tenha sido uma boa idéia ou criatividade, tenha dado resultado. </li></ul><ul><li>Resultado de uma criatividade é tudo aquilo que mudou realmente, ou que se tornou palpável seja em produtos ou benefícios. </li></ul>
  7. 7. Resultados <ul><li>Criar é a essência da existência humana na sociedade, é para ela que estudamos da infância até o profissionalismo, é da criatividade do indivíduo que gozamos de benefícios como o automóvel, os remédios, todos os confortos que conseguimos até o dia de hoje. </li></ul><ul><li>Sem criatividade e desenvolvimento o ser humano estaria parado no tempo das cavernas e idade das pedras. </li></ul><ul><li>Ao ter uma idéia criativa devemos nos esforçar para que essa idéia chegue a se concretizar num resultado, para que ela seja chamada de criatividade... </li></ul>
  8. 8. “ Se nada tivéssemos feito, nada teríamos, porém graças a um dom divino, ou como queiram os cientistas, graças ao gene da inteligência estamos sempre exercendo a criatividade, e reforço que; enquanto ser humano é assim que devemos proceder.” <ul><li>Jorge Eiti Okazaki, </li></ul><ul><li>30 anos de atividades no desenvolvimento de novos produtos em multinacionais. Consultor de empresas desde 2003 </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul>

×