Treinamento protocolo interact

2.647 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.647
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Treinamento protocolo interact

  1. 1. O Diretor de ProtocoloJoão Frederico LiviCRA/PR 21.250Diretor de Protocolo D-4640, anoRotário 2012/2013DIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  2. 2.  Sócio fundador do Rotaract Club de Marechal Cândido Rondon (1987– presidente 1989/1990); Ex-integrante do Rotary Club de Palotina (2003/2004 – responsávelpela carta mensal do EGD Pedro Celso dos Santos); Membro do Rotary Club de Marechal Cândido Rondon Beira-Lago, hádesde 1994; Protocolo do clube em várias gestões e integrante de diversascomissões, bem como, presidente do Clube; EGA do D-4640 e membro de várias comissões a níves distrital; Conselheiro do Interact Club de Marechal Cândido Rondon Beira-Lago; Bacharel em Administração; Pós-graduado em Marketing e Vendas; Curso de protocolo civil em 1991; Autor do blog: joaoflivi.blogspot.com.br.DIRETOR DE PROTOCOLO
  3. 3. O AUDITÓRIO VAZIOwww.joaoflivi.blogspot.com
  4. 4. Um palestrante entrou num auditório para proferiruma palestra e, com surpresa, deu com o auditóriovazio. Só havia um homem sentado na primeira fila.Desconcertado, o palestrante perguntou ao homemse devia ou não dar a palestra só para ele. O homemrespondeu:- Sou um homem simples, não entendo dessascoisas. Mas se eu entrasse num galinheiro eencontrasse apenas uma galinha para alimentar, eualimentaria essa única galinha.O AUDITÓRIO VAZIOwww.joaoflivi.blogspot.com
  5. 5. O palestrante entendeu a mensagem e deu a palestrainteira, conforme havia preparado. Quandoterminou, perguntou ao homem:- Então, gostou da palestra?O homem respondeu:- Como eu lhe disse, sou um homem simples, nãoentendo dessas coisas... Mas se eu entrasse numgalinheiro e só tivesse uma única galinha, eu nãodaria o saco de milho inteiro para ela.O AUDITÓRIO VAZIOwww.joaoflivi.blogspot.com
  6. 6. O protocolo é aquele que dá vida para a reuniãoDeve saber o momento certo de improvisarÉ o que faz acontecerNunca será o destaque da reuniãoO PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  7. 7.  O Rotary International prevê estatutos padronizadospara os clubes. E recomenda o regimento interno paraque linhas mestras sejam obedecidas; Dentro deste contexto está o cargo de diretor deprotocolo (Reg. Interno previsto para os clubes, Art.I, Seção 2), mas suas atribuições não são detalhadasnesta norma interna. Mas todos sabem do resultadode uma boa ou má atuação; A denominação é de Diretor de Protocolo e nãosimplesmente Protocolo. Protocolo é o cargo ou opróprio ato, não a pessoa.O DIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  8. 8. Mesa da presidência (mesa de trabalho);Panóplia (porta bandeiras);Tribuna (átrio);Companheiros (fulano, doutor etc);O QUE ODIRETOR DE PROTOCOLOPRECISA SABERwww.joaoflivi.blogspot.com
  9. 9.  Informar companheiros visitantes, pais, irmãos; Informar nome de outros visitantes; Informar datas comemorativas dos companheiros(aniversários, admissão no clube); Informar de conquistas de companheiros; Informar datas comemorativas da semana; Informar de eventos que aconteçam na região; Informar número de companheiros presentes.O QUE ODIRETOR DE PROTOCOLOPRECISA SABERwww.joaoflivi.blogspot.com
  10. 10.  O Diretor de Protocolo é o coordenador de toda equalquer atividade rotária, devendo trabalhar emestreita colaboração com quem a preside; Pode ser no clube ou além do clube. No clube atravésdas reuniões ordinárias e festivas; fora do clube, emeventos distritais (EDI, GIDS, Almoço deÁrea, assembléia, etc); A missão do diretor de Protocolo tem início napreparação da reunião;ATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  11. 11.  Chegar ao local da reunião com bastanteantecedência; Verificar lugares, som, panóplia, símbolosrotários, tribuna etc; Providenciar preparativos para o orador(painéis, projetores etc, conforme o caso);ATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  12. 12.  Providenciar, com a ajuda das comissões decompanheirismo e de programa, a recepção dosconvidados, com particular deferência para comaqueles que se destinarem à Mesa da Presidência; Encaminhar visitantes ao tesoureiro e secretáriopara preencher o cartão de recuperação epagamento de despesas, se existentes;ATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  13. 13.  Colaborar com o presidente na composição da Mesaque dirigirá a reunião, atendo-se às disposições docerimonial oficial do país, do protocolo rotário e dasboas normas sociais; Informar-se, com segura antecipação, se a presença deconvidados e companheiros destinados à Mesa daPresidência foi devidamente confirmada; Repartir tarefas com o vice-diretor de protocolo;ATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  14. 14.  Pôr-se minuciosamente a par de cada item doprograma a ser desenvolvido na reunião, de modo aencontrar-se capacitado a intervir com totaldesembaraço no momento certo, ou de prestarimediata e eficiente colaboração ao presidente, ou aqualquer pessoa que haja de participar da execução doprograma; Acomodar convidados à mesa da presidência ou juntoaos demais companheiros;ATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  15. 15.  Evitar que companheiros se sentem sempre no mesmolugar e com as mesmas pessoas; Indicar ao presidente que tudo está em ordem, parainiciar-se a reunião; Anunciar a constituição da Mesa, apresentando seuscomponentes ao plenário;www.joaoflivi.blogspot.comATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLO
  16. 16.  Cuidar do conforto e da segurança dos convidados ecompanheiros, provendo o que for de mister, desdenúmero e disposição de mesas e cadeiras, asseio dorecinto, arejamento e ventilação, cardápio, serviço degarçon e atendentes de toda a natureza, manutençãode silêncio, e organização de serviços de portaria e depoliciamento, se necessários; Não voltar à tribuna para anunciar chegada deretardatários (exceto por razão especial - o orador, porex.);www.joaoflivi.blogspot.comATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLO
  17. 17.  Supervisionar, em consonância com o secretário, aredação e a expedição dos convites paracompanheiros e convidados que deverão ocupar lugarna Mesa da Presidência.www.joaoflivi.blogspot.comATRIBUIÇÕES DODIRETOR DE PROTOCOLO
  18. 18.  Preparar a reunião com antecedência, confirmando aspresenças; Escolher o cardápio e supervisionar a decoração emesas, quando de festivas; Verificar o funcionamento da parte elétrica eventilação;FUNÇÕES ERESPONSABILIDADESDIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  19. 19.  Fazer a formação da mesa diretora, observando ospreceitos de RI e as normas oficiais; Postar a tribuna a esquerda da mesa diretiva, com luzadequada; Orientar a colocação das bandeiras; Colocar o sino e o martelo;www.joaoflivi.blogspot.comFUNÇÕES ERESPONSABILIDADESDIRETOR DE PROTOCOLO
  20. 20.  Recepcionar e anunciar o nome correto do visitantes; Acolher os visitantes atrasados, indicando umcompanheiro para recepcioná-los; Providenciar materiais necessários para opalestrante, como água, microfone, som etc; Controlar o tempo do palestrante e avisardiscretamente do término do tempo.www.joaoflivi.blogspot.comFUNÇÕES ERESPONSABILIDADESDIRETOR DE PROTOCOLO
  21. 21.  Discrição no vestir-se; Não é animador de festinhas nem vedete de circoTribuna (átrio); Demorar-se ao microfone/tribuna o menos possível; Utilizar-se do microfone/tribuna o menor número devezes;CUIDADOS NECESSÁRIOS PARAO DIRETOR DE PROTOCOLOwww.joaoflivi.blogspot.com
  22. 22.  Evitar o relato de casos cômicos e pitorescos, ou dizer“gracinhas”; Dar o seu “recado” em linguagem correta e sóbria; Limitar-se à apresentação da Mesa e uma ou outracomunicação indispensável; Não alongar-se em apresentação dos componentes damesa, seus feitos ou suas vidas.www.joaoflivi.blogspot.comCUIDADOS NECESSÁRIOS PARAO DIRETOR DE PROTOCOLO
  23. 23.  Colaborar estreitamente com as comissões queforem apresentar algo na reunião; Não usar apelidos para identificar companheiros(use o nome, o prenome ou ambos); Não usar apelidos para identificar visitantes.O QUE O DIRETOR DE PROTOCOLO PRECISA SABERwww.joaoflivi.blogspot.com
  24. 24.  “Contar com uma personalidadesimpática, decorrente de um sadio entusiasmo ede um natural desembaraço; ser sóbrio em seusatos e palavras; enérgico e delicado; ter atençãopronta e ação rápida; dicção clara e um regulardomínio do vernáculo.” Companheiro Levindo Lopes, EP Rotary Club de São Paulo Oestewww.joaoflivi.blogspot.comO QUE O DIRETOR DE PROTOCOLO PRECISA SABER
  25. 25.  O Diretor de Protocolo é o que trabalha de formadiscreta, mas, que faz a o encontro rotário acontecerem clima de harmonia e companheirismo. “É mais fácil induzir os homens à prestação deserviços do que inebriá-los com palavrasempolgantes”. Paul Harriswww.joaoflivi.blogspot.comO QUE O DIRETOR DE PROTOCOLO PRECISA SABER
  26. 26.  Elegância não é somente regra protocolar, é questãode educação; Não esquecer de homenagear os companheiros (tenhaum deles na mesa da presidência) ou os visitantes dedestaque (rotarianos ou não); Estimular a Comissão de Companheirismo no sentidode evitar a formação de grupos e de promover aintegração dos visitantes e companheiros do clube;PROCEDIMENTOS PARA ASREUNIÕES ORDINÁRIASwww.joaoflivi.blogspot.com
  27. 27.  Apresentar as pessoas pelo nome e indicar aclassificação, profissão ou outros dadospessoais; Se perceber algum erro, corrija-o, comnaturalidade.www.joaoflivi.blogspot.comPROCEDIMENTOS PARA ASREUNIÕES ORDINÁRIAS
  28. 28.  Em se tratando de festivas normais, as cautelasdevem ser menores, mas não podem serdesprezadas, desde a formação da mesa dapresidência, até a organização do local e recepçãode convidados e visitantes; Mostrar aos convidados o funcionamento eobjetivos de Interact;www.joaoflivi.blogspot.comPROCEDIMENTOS PARA ASREUNIÕES ORDINÁRIAS
  29. 29.  Os pais e irmãos são convidados, assim como todo equalquer rotariano de outros clubes ou visitantes nãorotarianos; devem receber todas as atenções; Após a transmissão somente os presidente trocam delugar.www.joaoflivi.blogspot.comPROCEDIMENTOS PARA ASREUNIÕES FESTIVAS
  30. 30.  A reunião inicia com a abertura tradicional e aapresentação protocolar; Uma curta mensagem de instrução rotária é sempredesejável; É dispensável o expediente da secretaria; É importante a programação de atividades decompanheirismo;DESENVOLVIMENTO DEUMA REUNIÃO FESTIVAwww.joaoflivi.blogspot.com
  31. 31.  Se a festiva for especial ou específica em razão dealgum fato ou acontecimento, o orador deverácentrar-se neste fato ou acontecimento. Casocontrário, é até recomendável não produzirpalestras, que podem se tornar enfadonhas para osvisitantes. A Reunião Festiva deve ser “light”; Antes do encerramento, é importante aapresentação dos dados estatísticos.www.joaoflivi.blogspot.comDESENVOLVIMENTO DEUMA REUNIÃO FESTIVA
  32. 32.  Evite colocar poucas pessoas em local muito grande.Surgirá uma sensação de uma reunião excessivamenteformal; Evite colocar muitas pessoas em local muito pequeno.As pessoas ficarão ansiosas, impacientes e sufocadas.Desejarão retirar-se do encontro; Retire todos os objetos dispensáveis antes dasreuniões, dando ao local uma impressão de ambientelimpo (cadeiras, mesas, móveis e outros que não serãousados);www.joaoflivi.blogspot.comDESENVOLVIMENTO DEUMA REUNIÃO FESTIVA
  33. 33.  Não enfeite demasiadamente a mesa para que adecoração não se transforme em incômodo edesconfortável trambolho; Cuidado para não acomodar número excessivode pessoas na mesma mesa, gerandodesconforto;www.joaoflivi.blogspot.comDESENVOLVIMENTO DEUMA REUNIÃO FESTIVA
  34. 34.  Não há necessidades das exigências formais dasreuniões festivas. Mas, é preciso ter o cuidadopara não cometer a indelicadeza de mal colocarum convidado de alta hierarquia num cantoesquecido da Mesa, tendo, em lugarpreferencial, figuras inteiramente apagadas.COMPOSIÇÃO DA MESADA PRESIDÊNCIAwww.joaoflivi.blogspot.com
  35. 35.  O Presidente José de Tal, demais integrantesda Mesa da Presidência; Minhas Senhoras,Senhores Convidados, Companheiras,Companheiros: é com elevada honra e muitoprazer que passamos a anunciar a composiçãoda Mesa que presidirá os trabalhos destareunião, e que está assim constituída:www.joaoflivi.blogspot.comCOMPOSIÇÃO DA MESADA PRESIDÊNCIA
  36. 36.  Ao centro (ou no lugar n° 1), o comp. JoãoAlberto do Sei Lá (nome por inteiro de todos oscomponentes), nosso presidente, que tem, ao seulado direito, a Maria das FalasPerfeitas, convidado de honra e homenageado dodia (ou da noite); A seguir, o companheiro (ordem dos que estão namesa). Aos integrantes da mesa da presidênciasolicitamos a saudação com uma calorosa salva depalmas.www.joaoflivi.blogspot.comCOMPOSIÇÃO DA MESADA PRESIDÊNCIA
  37. 37.  Presidente do Clube ; Presidente de Clube; Ex-Presidente; Presidente-Eleito; Vice-Presidente; Secretário; Tesoureiro;ORDEM DE PRECEDÊNCIA E LUGARNA MESA DA PRESIDÊNCIAwww.joaoflivi.blogspot.com
  38. 38.  Diretores sem Pasta(na ordem dos Serviços decada um); Diretores do Protocolo; Presidentes de Comissão ou Subcomissão, naordem dos Serviços, e, dentro deles, na seqüênciaem que são mencionados no Regimento Interno.www.joaoflivi.blogspot.comORDEM DE PRECEDÊNCIA E LUGARNA MESA DA PRESIDÊNCIA
  39. 39.  Havendo vários governadores, todos devem serconvidados à Mesa; Havendo vários ex-governadores, todos devem serconvidados à Mesa; Se impossível, e em circunstâncias normais, oex-governador mais antigo (tenha a ordem deantiguidade), representará, na Mesa, os demais de outrosDistritos; Havendo vários presidentes, a precedência é ditada pelaantiguidade dos clubes a que presidem (os Guias Distritaise as Cartas Mensais publicam as datas de sua fundação).www.joaoflivi.blogspot.comORDEM DE PRECEDÊNCIA E LUGARNA MESA DA PRESIDÊNCIA
  40. 40.  1 – Presidente de Clube 2 – Prefeito Municipal 3 – Governador do distrito 4 - EGD 6 – Presidente da ASR 7 – Presidente do Rotaract 8 – Presidente do Rotary Kids.MODELO PARA COMPOSIÇÃO DAMESA DA PRESIDÊNCIAwww.joaoflivi.blogspot.com
  41. 41.  Representantes não serão chamados para a mesa dapresidência ou o convidado vai ao jantar oualmoço, ou não vai, porque o convite é semprepessoal. Se, no entanto, o convidado mandar umrepresentante, este não deve ocupar lugar na mesa dapresidência, exceto se representar o homenageado daocasião. Cônjuges de autoridades não é necessários ir à mesa Presidente da Câmara, Juízes de Direito, Cleroetc, nominar e constar eles numa mesa auxiliar.EXEMPLO DE ORDEM PROTOCOLARMAIS COMUM EM REUNIÕES FESTIVASwww.joaoflivi.blogspot.com
  42. 42. ORDEM DE PRECEDÊNCIA ELUGAR NA MESA PRINCIPAL4 2 1 3 5www.joaoflivi.blogspot.com
  43. 43. ORDEM DE PRECEDÊNCIA ELUGAR NA MESA PRINCIPAL8 6 4 2 1 3 5 7 9www.joaoflivi.blogspot.com
  44. 44. 7 5 3 1 2 4 6 8www.joaoflivi.blogspot.comORDEM DE PRECEDÊNCIA ELUGAR NA MESA PRINCIPAL
  45. 45.  A reunião de trabalho com o governador dodistrito deve ser prestigiada pela maioria dosintegrantes do clube e não existe um trabalhoprotocolar necessário para a mesma.VISITADO GOVERNADOR OU RDIwww.joaoflivi.blogspot.com
  46. 46.  A reunião de trabalho com o RepresentanteDistrital de Interact deve igualmente serprestigiada pela maioria dos integrantes do clube. Deve-se obedecer a regra de reunião festiva.VISITADO GOVERNADOR OU RDIwww.joaoflivi.blogspot.com
  47. 47.  Ocupará sempre, em todas as reuniões, lugar deextremo destaque; Se atrás da mesa, estará em posição mais elevadaque ela, tendo a tribuna a sua esquerda; A Bandeira Nacional ocupará o centro, destacada ebem à vista. Estará ladeada, à direita, pela Bandeirado Estado do Paraná, e, à esquerda, pela Bandeira doMunicípio, seguindo para o lado oposto com aBandeira do seu Rotary Club e do outro lado abandeira do Interact Club. As demais bandeiras seguem a ordem deprecedência.A PANÓPLIA, AS BANDEIRASOU PAVILHÕESwww.joaoflivi.blogspot.com
  48. 48.  Exiba, na panóplia, no mínimo as bandeiras daspátrias dos companheiros do clube e de visitante ouconvidado ilustre; Obedeça a ordem de antiguidade rotária doscompanheiros, ou em ordem alfabética das nações;www.joaoflivi.blogspot.comA PANÓPLIA, AS BANDEIRASOU PAVILHÕES
  49. 49.  A Bandeira do Brasil: No centro, entre bandeiras de número ímpar; Imediatamente à direita da bandeira que estivermais próxima do centro, se o número for par; Distendida e sem mastro, com a estrela solitária naparte superior e sem que haja obstáculo entre ela equem a vê.www.joaoflivi.blogspot.comA PANÓPLIA, AS BANDEIRASOU PAVILHÕES
  50. 50.  Hasteando-se várias bandeiras, a Bandeira do Brasilserá a primeira a chegar ao topo e a última a descer; A Bandeira poderá ser hasteada a qualquer hora dodia ou da noite ; Durante a noite, haverá de ser abundantementeiluminada; Distendida e sem mastro, com a estrela solitária naparte superior e sem que haja obstáculo entre ela equem a vê.www.joaoflivi.blogspot.comA PANÓPLIA, AS BANDEIRASOU PAVILHÕES
  51. 51. www.joaoflivi.blogspot.comA PANÓPLIA, AS BANDEIRASOU PAVILHÕES
  52. 52. A PANÓPLIA, AS BANDEIRASOU PAVILHÕES
  53. 53.  Se for apenas tocado, será executada só a primeiraparte. Se for cantado, serão executadas as duas partes; O Hino Nacional deve ser ouvido de pé, em atitude demáximo respeito, em silêncio (se não forcantado), estando os civis do sexo masculinodescobertos (sem chapéus ou similares) e os militaresem continência;www.joaoflivi.blogspot.comO HINO NACIONAL
  54. 54.  As mãos podem ser mantidas respeitosamente em qualquerposição. Antigamente a mão direita era conservada sobre ocoração, mas modernamente isso não é mais prescrito; Se houver execução de Hino Estrangeiro, o Hino Nacional serásempre executado depois, como sinal de homenagem e respeitoao outro País (Lei 5700/71, art. 24, § 4o.); O Hino Nacional pode ser aplaudido ao final da execução.O HINO NACIONALwww.joaoflivi.blogspot.com
  55. 55.  Não podem ser usados indiscriminadamente ; A roda dentada ou denteada foi realizado porMontagne Bear, e criado no Rotary Club deChicago, em 1905, mas com algumas alterações, aatual é de 1920; Seis raios, vinte e quatro dentes, um rasgo dechaveta, um dente sobre o eixo de cada braço etrês dentes entre as linhas centrais do braço; A roda inteira é dourada, com quatro espaçosrebaixados em azul real. Os dizeres “Rotary” e“International” são em dourado.OS SÍMBOLOS ROTÁRIOSwww.joaoflivi.blogspot.com
  56. 56.  O distintivo e o símbolo são de uso exclusivo derotarianos e Rotary Clubs; É permitido o seu uso em papéis, documentos ecartas de Rotary Clubs e de Rotary International; Permite-se o seu uso, ainda, em bandeiras oficiaisde Rotary, crachás, flâmulas, decorações deconvenções, marcos rotários, tabuletas indicativasde estrada, atos oficiais dos clubes e comodistintivos de lapela de rotarianos e seus cônjuges;www.joaoflivi.blogspot.comO USO DODISTINTIVO ROTÁRIO
  57. 57.  Embora sem autorização expressa, permite-se o uso deadesivos em veículos exclusivamente de rotarianos, eem prêmios, brindes e troféus concedidos pelos clubes; Não é permitido o uso: em cartas ou cartõescomerciais, como meio de identificar mercadorias, ouem atividade comercial; Não é permitido o uso do emblema combinado comoutros distintivos ou logotipos de qualquer natureza; Não é permitido o uso por organizações não integrantesdo Rotary International (como clubes desligados ou nãoadmitidos).O USO DODISTINTIVO ROTÁRIOwww.joaoflivi.blogspot.com
  58. 58. O nome Interact surgiu da aglutinação dosradicais das palavras “InternationalAction” (inter+act), ou “AçãoInternacional!”.O USO DODISTINTIVO INTERACTwww.joaoflivi.blogspot.com
  59. 59.  As quatro argolas no centrodo símbolo representam osquatro principais objetivosdo clube, que são:O USO DODISTINTIVO INTERACTwww.joaoflivi.blogspot.com1 - Formação de companheirismo, a base (argola debaixo);
  60. 60.  As quatro argolas nocentro do símbolorepresentam os quatroprincipais objetivos doclube, que são:O USO DODISTINTIVO INTERACTwww.joaoflivi.blogspot.com2 - Prestação de serviços à comunidade, o fogo(argola de cima);
  61. 61.  As quatro argolas nocentro do símbolorepresentam os quatroprincipais objetivos doclube, que são:O USO DODISTINTIVO INTERACTwww.joaoflivi.blogspot.com3 - formação profissional(argola lateral esquerda);
  62. 62.  As quatro argolas nocentro do símbolorepresentam os quatroprincipais objetivos doclube, que são:O USO DODISTINTIVO INTERACTwww.joaoflivi.blogspot.com4 - E desenvolvimento daqualidade de liderança (argolalateral direita).
  63. 63. MODELO DE BANDEIRA
  64. 64. MODELO DE BANDEIRAMARECHAL CÂNDIDO RONDON BEIRA LAGO - PRDISTRITO 4640www.joaoflivi.blogspot.com
  65. 65.  É o momento que precisa ser o mais marcantena vida rotária do companheiro. Dar-se-á a posse numa reunião festiva, compresença de familiares. Escolher algum interactiano mais antigo para daras boas vinda.POSSE DE NOVOSCOMPANHEIROSwww.joaoflivi.blogspot.com
  66. 66. FIM João Frederico Livi CRA/PR 21.210 Vendas – Propaganda e Publicidade Rotary Club de Marechal Cândido RondonBeira Lago E-mail: joaolivi@gmail.com Skype: joaolivi@hotmail.comwww.joaoflivi.blogspot.com

×