m ia dos campi   Si m                   o   no                        pli                Aut                              ...
1A Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica está vivenciando o maior nível de expansão de suahistór...
2
3
4Nasceu em Juazeiro‐BA, em 09 de janeiro de 1960,filho de Artidonio Brasileiro de Araújo e de RomelitaMaria Padilha de Ara...
5                                                             Criação de dois cursos superiores, a licenciatura          ...
6   Aquisição de equipamentos específicos para o        Implantação de Projeto de Coleta Seletiva dos    curso de licenc...
7    Aquisição de novo parque tecnológico para todos os laboratórios de Informática;    Estímulo à realização de eventos...
8{                                                        ....................    Propostas                               ...
9     Viabilizar planejamento para participação de        discentes e docentes em eventos científicos        como congre...
10 Planejar o desenvolvimento institucional com                     ações de ensino, pesquisa, extensão e inovação  mecan...
11   Viabilizar e estruturar as fazendas dos campi            Concluir obras pendentes nos campi e equipá‐    Floresta, ...
12       Estimular a prática de esportes, artes, música,       Estabelecer critérios para servidores que irão        cul...
13       Promover ações efetivas de prevenção de            doenças do trabalho;        Implementar uma Comissão Permane...
14       Implantar Sistema PIT/RIT e Plano de Disciplina      Incentivar e viabilizar projetos e parcerias que        el...
Diretrizes Gerais e Propostas Defendidas
Diretrizes Gerais e Propostas Defendidas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Diretrizes Gerais e Propostas Defendidas

473 visualizações

Publicada em

Portfólio da Campanha de Artidonio Araújo Filho, candidato a Reitor do IF Sertão - PE.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
473
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
78
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diretrizes Gerais e Propostas Defendidas

  1. 1. m ia dos campi Si m o no pli Aut cid ade nto QuPlanejame alificaçãoção Assi ipa stê rtic nc Pa ia de Int eg r ilida ação Sustentab
  2. 2. 1A Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica está vivenciando o maior nível de expansão de suahistória. De 1909 a 2002, foram construídas 140 escolas técnicas no país. Entre 2003 e 2010, o Ministério da Educaçãoentregou à população as 214 previstas no plano de expansão da rede federal de educação profissional. Atualmente,são 354 unidades e mais de 400 mil vagas em todo o país. Com outras 208 novas escolas previstas para serementregues até o final de 2014 serão 562 unidades.Conforme o estatuto do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano, o IF Sertão – PEfoi criado mediante transformação do Centro Federal de Educação Tecnológica de Petrolina nos termos da Lei nº.11.892 de 29 de dezembro de 2008 publicada no Diário Oficial da União de 30 de dezembro de 2008constitui‐se emautarquia Federal, vinculada ao Ministério da Educação, detentora de autonomia administrativa, patrimonial,financeira, didático‐pedagógica e disciplinar, tendo por finalidade e características:
  3. 3. 2
  4. 4. 3
  5. 5. 4Nasceu em Juazeiro‐BA, em 09 de janeiro de 1960,filho de Artidonio Brasileiro de Araújo e de RomelitaMaria Padilha de Araújo. Viveu intensamente ainfância em Petrolina, e em 1976, aos dezesseis anos,foi para Recife‐PE, onde cursou e concluiu o ensinomédio no Colégio Ezuda, e ingressou em 1979 na UFPEno curso de Engenharia Civil. Retornou para Petrolinaem 1983, e em 1985 casou‐se com Márcia Cristina comquem tem três filhos.Em 1983, trabalhou na CODEVASF, no período de 1983a 1985 na GLEBA CONSTRUÇÔES e de 1985 a 1988 na IGCONSTRUTORA, e em sociedade fundou a CEFALCONSTRUÇÔES, da qual é sócio quotista.Foi presidente da Associação de Engenheiros,Arquitetos Agrônomos e Técnicos do Vale do SãoFrancisco, inspetor do CREA‐PE. Nesses dois mandatoseletivos foi escolhido pelos inspetores dos municípiosque têm a representação do CREA‐PE, como o líderonde os representou junto à presidência do CREA‐PE. Ésócio fundador do Rotary Club Petrolina, foiSuperintendente da Autarquia do Vale do SãoFrancisco – AEVSF, mantenedora da Faculdade deCiências Aplicadas e Sociais de Petrolina e sempreatuante na construção civil, onde foi responsável pelaconstrução de vários prédios, casas e obras industriaisem Petrolina e cidades circunvizinhas.Em 1995 foi aprovado em concurso público para ocargo de professor de construção civil para a ESCOLATECNICA FEDERAL DE PERNAMBUCO ‐ UNEDPETROLINA.
  6. 6. 5  Criação de dois cursos superiores, a licenciatura em computação em 2010 e a licenciatura em música em 2011;  Reestruturação da biblioteca, com a melhoria do acervo bibliográfico, de planejamento para e m p ré st i m o a t ravé s d o S i ste m a d e Administração Pergamum;  Viabilização de participação de docentes, administrativos e discentes em eventos científicos no país, bem como internacionais, para divulgação dos resultados das pesquisas realizadas;  Viabilização de capacitações para os servidores;  Aquisição de TVs de 52 para as salas de aulas, oportunizando o uso de metodologias alternativas e aulas mais interativas, participativas e dinâmicas; Fortalecimento do ensino com a viabilização de  Aquisição de netbooks para todos os docentes, realização de visitas técnicas, locais, regionais e permitindo o uso da Tecnologia Educacional nacionais; como meio para o fortalecimento do processo Fortalecimento das práticas e competições de ensino‐aprendizagem; esportivas internas e externas em ambiente e  Climatização das salas de aula e laboratórios; com uso de material adequado;  Aquisição de mobiliários para as salas de aulas Estímulo para a organização dos discentes como birôs, e carteiras ergonômicas; através de eleição para líderes de salas nas  Aquisição de mobiliários e equipamentos para diversas modalidades de ensino, para os os setores administrativos; Centros acadêmicos, e grêmio estudantil;  Construção de dois novos blocos para salas de Estímulo para a participação dos discentes em aula e laboratórios para atender a nova Olimpíadas nacionais, estaduais, e locais como demanda; a OBMEP, a OPEQ, a OBF, do conhecimento, de  Instalação de rampas visando melhor inglês, dentre outras; acessibilidade; Reconhecimentos junto ao MEC dos cursos  Aquisição de materiais e equipamentos para os superiores: licenciatura em química, em física e laboratórios das áreas específicas: química, tecnologia em alimentos; física, alimentos, informática, eletrotécnica, edificações, de acordo com os projetos apresentados;
  7. 7. 6 Aquisição de equipamentos específicos para o  Implantação de Projeto de Coleta Seletiva dos curso de licenciatura em música; resíduos gerados no Campus Petrolina; Viabilização do Ensino à Distância com a  Implantação de Projeto de Eficiência Energética estruturação de espaço físico, aquisição de minimizando os gastos com energia elétrica; materiais e equipamentos específicos, de  Implantação dos projetos de bandas musicais; pessoal, estabelecimento de convênios, dentre  Implantação de comissão com a comunidade outros, o que possibilitará que em 2013 o IF docente para o desenvolvimento do projeto de SERTÃO‐PE possa estar atendendo a essa Cultura Afro e Indígena, intra e demanda dessa modalidade de ensino; interinstitucional; Disponibilidade de acesso à internet wireless  Fortalecimento das ações ligadas a Orquestra para a comunidade em geral; Opus 68; Melhoria no acesso a internet com a aquisição  Viabilização do desenvolvimento de programas de novos e modernos servidores, governamentais tais como: PIBID, computadores, e fibra óptica; PRODOCÊNCIA, Mulheres Mil, Segundo Tempo Implantação de Programa de Cultura Global e PELC; Culture e Language – GCL e criação de  Viabilização de Espaço de Convivência Laboratório de Língua (Global English); Discente; Implantação nova Subestação dePro reitoria de Aquisição de em parceria com a Energia para o  Implantação através do Programa Segundo Campus; Pesquisa, inovação e pós‐graduação do Núcleo Tempo de: Viabilização e ImplantaçãoNIT;Campus Petrolina de Inovação Tecnológica – no o Espaço para Atividades de JUDÔ; Reestruturação do setorTOEFL (Test of English do Exame Internacional odontológico, com a o Reforma do Campo de Futebol; aquisição de equipamentos, materiais para as a Foreign Language) o primeiro teste para o Implantação de Painel Eletrônico no procedimentos, dentre outros; do interior do Proficiência de língua inglesa Ginásio de Esportes; Nordeste; Fortalecimentos das atividades extensivas o Aquisição de equipamentos para Aquisição parcerias com o estado, município, e através de de novo parque tecnológico para atividades físicas dos servidores. comunidade em geralde Informática; todos os laboratórios tais como:  Estímulo à captação de recursos junto aos Estímulo à realização de eventos que  oferta de cursos de Formação Inicial e órgãos de fomento como CAPES, CNPq, BNB, fortalecem a formação da comunidade, tais Continuada‐FIC; Ministério do Esporte, dentre outros; como: oSemanad e ca p a c i ta çã o p a ra a  fe r ta Nacional de Ciência e  Viabilização de Espaço de Convivência Tecnologia, Semana externa como PROEJA comunidade de Física, Semana de Discente; Química, Semana do Meio Ambiente, FIC;  Aquisição de nova Subestação de Energia para Eletroinfo, Mostra ginásticaMostra Hispânica,  oferta de PIBID, rítmica, judô, e o Campus; Simpósio de Química do Vale do São Francisco, esportes diversos;  Viabilização e Implantação no Campus FENET, dentre outros.  desenvolvimento do projeto e‐ Petrolina do Exame Internacional TOEFL (Test comunidade; of English as a Foreign Language) o primeiro  Programa de Esporte e Lazer da Cidade teste para Proficiência de língua inglesa do ‐ PELC interior do Nordeste;
  8. 8. 7 Aquisição de novo parque tecnológico para todos os laboratórios de Informática; Estímulo à realização de eventos que fortalecem a formação da comunidade, tais como: Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, Semana de Física, Semana de Química, Semana do Meio Ambiente, Eletroinfo, Mostra PIBID, Mostra Hispânica, Simpósio de Química do Vale do São Francisco, FENET, dentre outros. Organização Acadêmica
  9. 9. 8{ .................... Propostas  Adquirir equipamentos para o desenvolvimento das atividades didáticas e  Reestruturar os Projetos dos Cursos, pedagógicas, tais como: data shows, TVs, buscando flexibilizar a matriz curricular, netbooks, softwares, dentre outros; promover a interdisciplinaridade e fortalecer  Implementar de forma efetiva no IF SERTÃO‐ a relação teoria/prática do conhecimento de PE a modalidade de Ensino a Distância (EAD) forma equilibrada que atenda efetivamente através de programas como E‐TEC, parceria ao aluno; com IFPR, Pro funcionário, Capacitações;  Incluir e implementar no currículo escolar  Instituir Comissões Permanentes para o temas como diversidade étnico‐racial processo seletivo de ingresso aos cursos conforme previsto pela LDB, e educação técnicos; ambiental;  Desenvolver uma política de ampliação de  Estruturar 20% da matriz curricular de cursos vagas nos cursos técnicos e de graduação técnicos e superiores na modalidade EAD; presencial e a distância;  Ampliar o quadro de servidores docentes e  Criar Laboratório de Áudio e Vídeo na Reitoria administrativos, considerando a real para produção de material didático que será necessidade de cada campus, como por usado no ensino presencial e à distância; exemplo, laboratoristas, intérprete de libras,  Fortalecer/implementar meios instrumentais dentre outros; e pedagógicos para minimizar/sanar a evasão  Viabilizar suporte tecnológico a gestão do escolar; ensino através do trabalho docente  Viabilizar a política do governo federal para adquirindo equipamentos de apoio ofertar aos alunos um tablet, bem como, pedagógico como kits tecnológicos contendo infraestrutura para acesso a internet; netbook ou tablet, pendrive, extensão, e  Promover parcerias com instituições de demais acessórios para cada professor; ensino da região e fortalecer as já existentes;  Equipar as bibliotecas com acer vo  Fortalecer a política de assistência estudantil. bibliográfico em quantidade suficiente para  Fortalecer laços com os Conselhos Regionais atender a comunidade interna e externa; Profissionais, objetivando buscar parcerias  Criar/Ampliar/estruturar espaços de ampliando o acesso dos discentes no mundo aprendizagem tais como: salas de aula, de trabalho; bibliotecas, laboratórios de línguas, de  Fortalecer a relação entre o IF SERTÃO‐PE e ciências da natureza, ciências humanas, e de empresas para intercâmbio e troca de áreas específicas de acordo com a realidade experiência; de cada campus;  Estimular e Ampliar as visitas técnicas  Investir na Tecnologia da Informação e fortalecendo o processo de ensino e Comunicação – TICs; aprendizagem;
  10. 10. 9  Viabilizar planejamento para participação de discentes e docentes em eventos científicos como congresso, jornada, fórum, para divulgação dos resultados das pesquisas realizadas no IF SERTÃO‐PE.{ Propostas  Estabelecer um calendário permanente de visitas do reitor e pró‐reitores aos campi para acompanhar as ações desenvolvidas, bem como, ouvir e coletar informações que visam melhorar o funcionamento da gestão;  Promover a autonomia administrativa, patrimonial, financeira, didático pedagógico e disciplinar dos campi, como preconiza a lei de criação dos Institutos Federais (Lei 11.892 de 29 de dezembro de 2008);  Promover o planejamento financeiro e orçamentário com construção coletiva com representações dos segmentos docente, discente e administrativo;  Promover a normatização do funcionamento do IF SERTÃO‐PE em termos financeiros, processos licitatórios, administrativo, pedagógico, ensino, pesquisa e extensão, mantendo um fórum para discussão entre os setores de todos os campi com o objetivo de padronizar procedimentos e ações;  Ampliar e efetivar o Planejamento Institucional de forma estratégica;  Instituir política de divulgação das ações administrativas de forma clara e transparente para a comunidade pelo web site institucional;
  11. 11. 10 Planejar o desenvolvimento institucional com ações de ensino, pesquisa, extensão e inovação mecanismos estatísticos, metas, objetivos e junto à comunidade interna e externa; ações claras em curto, médio e longo prazo;  Instituir política para manter arquivos em Garantir no orçamento verbas específicas para todos os campi e reitoria com padrão de manutenção dos campi e reitoria; organização, controle, rastreabilidade e guarda Instituir uma auditoria interna com ações em equipamentos seguros; preventivas com rotinas e procedimentos  Fortalecer as comissões internas de avaliação; consolidados e com prazos definidos  Estabelecer meios para fortalecer as ações de agilizando os processos licitatórios; comissões como a CPA e, CPPD; Contratar servidor administrador, economista,  Promover avaliação anual dos gestores de contador e advogado para gerir e apoiar as forma ampla pela comunidade no intuito de ações da auditoria interna e comunidade em direcionar tomada de decisões quanto à geral; equipe de trabalho; Reformular o organograma institucional, e dos  Criar mecanismos para avaliação das campi, com o objetivo de fortalecer a atividades de ensino, pesquisa e extensão do IF operacionalização nos campi enquanto a SERTÃO – PE; reitoria apoiará de forma tática e estratégica;  Criar centro de formação de servidores em Estabelecer política de funções gratificadas em todos os campi através de tecnologia EAD e organograma considerando o número de itinerantes; alunos matriculados, pesquisa, extensão e  Ampliar o processo de capacitação dos programas de governo em execução nos servidores com especializações, mestrados e campi; doutorados. Promover eleições para coordenadores de curso com função gratificada; Instituir a mobilidade dos servidores entre os campi normatizando em edital as remoções internas e redistribuições; Promover por meio de consulta pública um { Macro Planejamento do IF SERTÃO–PE até o Propostas ano de 2022, objetivando construir uma visão estratégica de Planejamento em longo prazo  Construir a sede da reitoria, após submeter o focando um horizonte temporal para os projeto e maquete para conhecimento, análise próximos dez anos, o que permitirá o e opinião da comunidade em geral; direcionamento de ações e preparação do IF  Construir os campi de Santa Maria da Boa Vista SERTÃO‐ PE para o desafio de seus novos e Serra Talhada, informando a comunidade gestores; sobre o andamento das obras; E sta b e l e c e r u m p l a n o e f i c i e n te d e  Contratar empresa responsável para comunicação através das coordenações de elaboração de projetos e fiscalização de obras, comunicação nos campi e reitoria para fluir as mantendo somente um servidor para fiscalizar cada contrato;
  12. 12. 11 Viabilizar e estruturar as fazendas dos campi  Concluir obras pendentes nos campi e equipá‐ Floresta, Salgueiro e Ouricuri; los conforme suas necessidades; Estruturar as fazendas dos novos campi Santa  Implantar em todos os campi uma estrutura Maria da Boa Vista e Serra talhada para que mínima necessária para setores financeiro, funcionem desde a implantação dos campi; administrativo, licitações, compras, registro Criar e ampliar o Núcleo de Inovação escolar, recursos gráficos, gestão de pessoas, Tecnológica‐NIT, com atenção especial a biblioteca, tecnologia da informação, incubadora de novas empresas nascidas no IF pedagógico, de apoio ao ensino, de apoio ao SERTÃO‐PE; aluno, NAPNE, Mulheres Mil, e demais de Implantar política para ao adquirir novos bens acordo com a sua especificidade para o de capital, contratar empresa responsável por funcionamento eficiente do campus; sua manutenção;  Implantar projeto de comunicação visual e Buscar recursos para viabilizar os projetos já sinalização em todos os campi e reitoria; existentes de construção de biblioteca,  Promover acessibilidade nos campi e reitoria auditório, piscina semiolímpica e novo ginásio através de rampas, banheiros adaptados, de esportes no Campus Petrolina com telefones públicos e portas conforme ABNT progressiva ampliação para os demais campi; NBR 9050. Buscar recursos junto ao governo federal e emendas parlamentares para construir em todos os campi, gabinetes individuais para docentes; Construir ou reestruturar nos campi, ambiente { de convivência do servidor, equipado com Propostas micro‐ondas, frízer, sofá, gelágua, salapara repouso, mesa de refeição, TV e armários;  Viabilizar a instituição de lideranças estudantis Implantar ou ampliar sistema de câmeras de em todos os campi responsáveis por conduzir segurança e rede no muro divisório para problemas e propostas de soluções à reitoria. dificultar ação de vândalos;  Incentivar e viabilizar projetos para construção Implantar política gradual de substituição dos e estruturação de espaços de convivência projetores multimídia por TVs de no mínimo discente com locais de estudo ao ar livre, bem 52” polegadas, diminuindo os custos de como restritos e espaço para manifestações manutenção e ampliando a vida útil desses culturais; equipamentos;  Contratar seguro de vida para todos os alunos Implantar o sistema de catracas eletrônicas nos assegurando o atendimento a urgências e campi que ainda não dispõem para controle e emergências; segurança no acesso a instituição;  Buscar recursos para viabilizar a implantação Renovar a frota de veículos com mais de oito de Restaurante Universitário de forma anos de uso por veículos que emitam menos progressiva nos campi; poluentes;
  13. 13. 12  Estimular a prática de esportes, artes, música,  Estabelecer critérios para servidores que irão cultura de forma planejada e coordenada; assumir Função Gratificada‐ FG e Cargo de  Viabilizar a criação de um calendário cultural e Direção‐CD; esportivo planejado no calendário escolar;  Fortalecer o Setor de Gestão de Pessoas no  Viabilizar a realização dos jogos intercampi e sentido de orientar, auxiliar, esclarecer os participação nos Jogos dos Institutos Federais direitos e deveres dos servidores, agindo com (Regional e Federal); eficiência e eficácia;  Buscar ampliar o orçamento para assistência  Estabelecer critérios para servidores que irão estudantil junto ao Governo Federal e SETEC. assumir Função Gratificada‐ FG e Cargo de  Ampliar o Grêmio Estudantil de forma atuante Direção‐CD; e participativa nos campi;  Estimular uma Procuradoria Federal com  Fortalecer e implantar refeitórios para o maior atenção, garantia, preservação e fornecimento da Merenda Escolar; atendimento dos direitos de todos (união e  Valorizar a saúde do discente com ações servidores); preventivas através do setor de saúde com os  Valorizar a saúde do servidor com ações profissionais médicos, psicólogos, assistentes preventivas por parte de quadro de médicos, sociais, dentistas, nutricionistas, professores psicólogos, assistentes sociais, dentistas, de educação física, enfermeiros; nutricionistas, professores de educação física,  Promover campanhas de combate ao uso de enfermeiros e profissionais que visam o bem drogas; estar das pessoas;  Ampliação dos Diretórios e Centros  Promover atividades saudáveis dentro dos Acadêmicos nos campi; campi e reitoria com exercícios laborais,  Criação do Manual de Sobrevivência do aluno alimentação saudável com apoio nutricional e do IF Sertão – PE, um documento de referência médico para o controle do peso, taxas de rápida sobre como e onde você conseguirá colesterol e demais necessidades do servidor; obter o que precisa;  Fortalecer, implementar atividades esportivas,  Instituição de forma sistemática de políticas de e culturais para servidores; diálogo entre gestão e discentes.  Registrar na vigilância sanitária os setores de saúde do IF SERTÃO‐PE para programar coleta{  especializada do lixo e medicamentos vencidos; Contratar servidor técnico e/ou tecnólogo em segurança no trabalho para implementar e Propostas fazer cumprir as normas de segurança na instituição;  Fortalecer o Setor de Gestão de Pessoas no  Contratar servidor fisioterapeuta sentido de orientar, auxiliar, esclarecer os desenvolvimento de atividades de direitos e deveres dos servidores, agindo com planejamento e atendimento fisioterápico e eficiência e eficácia; ergonométrico;  Implantar o SIASS ‐ Serviço Integrado de Assistência a Saúde do Servidor nos campi e reitoria.
  14. 14. 13  Promover ações efetivas de prevenção de  doenças do trabalho; Implementar uma Comissão Permanente de Pessoal Técnico Administrativo; {  Definir estrutura do DGP mais ampla e adequada, com definição de tarefas e funções Propostas específicas;  Criação de Banco de Talentos de Servidores  Concluir o Projeto Político Pedagógico do IF oportunizando assim, àqueles que desejem SERTÃO‐PE, com participação efetiva da evidenciarem competências e habilidades em comunidade; circunstâncias distintas. A partir deste banco  Atualizar documentos que regem o IF SERTÃO‐ pode‐se ancorar de maneira eficaz as situações PE, tais como: Organização Didática, que tangem às funções administrativas e Regimento Docente, dentre outros; gerenciais.  Elaborar documentos indispensáveis para o funcionamento institucional tais como: regimento interno, manual do servidor,{  manual do discente; Implantar comissão em todos os campi, responsável por viabilizar onde for o caso aulas de uma hora para melhor organizar o Propostas calendário escolar;  Buscar normatizar rotinas e procedimentos  Incentivar e viabilizar projetos para eficiência para otimizar as ações de ensino, pesquisa e energética nos campi; extensão de forma conjunta e multicampi.  Incentivar e viabilizar projetos para reutilização de água e implementação de biodigestores nas fazendas;  Viabilizar nos ambientes institucionais sistema inteligente de eficiência energética e de segurança associados com a implantação de { cartão magnético nas portas;  Fortalecer a coleta seletiva e a educação Propostas ambiental em todos os campi e reitoria;  Estabelecer parcerias com as prefeituras  Ampliar o acesso à internet e implantar municipais onde estão situados os campi para intranet para todos os campi e reitoria; coleta seletiva de lixo;  Buscar viabilidade orçamentaria e financeira  Estimular o desenvolvimento de projetos na para compra de telas interativas para salas de área de educação ambiental envolvendo a aulas; comunidade interna e externa.
  15. 15. 14  Implantar Sistema PIT/RIT e Plano de Disciplina  Incentivar e viabilizar projetos e parcerias que eletrônico de forma a automatizar o implementem a diversidade étnico‐racial e planejamento acadêmico (ensino, pesquisa e educação ambiental; extensão) de cada professor em todos os  Estabelecer diálogo permanente através de campi; ouvidoria com a comunidade, buscando  Implantar o SIGA EDU para tornar mais planejar e implementar ações conjuntas. eficiente a gestão escolar do IF SERTÃO‐PE;  Implantar sistema de web‐conferência para reuniões e demais atividades intercampi minimizando deslocamentos e custos.  Implementar decisões na área de TI, tomadas em parceria com reitoria e setores de representativos nos campi;  Priorizar a área de Tecnologia da Informação com a disponibilização de recursos específicos para o alcance de seus objetivos;  Implantar projeto de cabeamento estruturado para redes de informação e comunicação de forma progressiva nos campi;  Automatizar os processos operacionais da DGP como: Avaliação de desempenho, marcação de férias, coleta e armazenamento de dados pessoais.{ Propostas  Apoiar a fundação do IF SERTÃO–PE com o objetivo de atrair projetos e promover a participação efetiva de alunos e servidores;  Incentivar e viabilizar projetos que estabeleçam relações institucionais de cooperação educacional entre o IF Sertão – PE e outros países;

×