Apresentação gastrite

357 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
357
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação gastrite

  1. 1. Gastrite
  2. 2. INTRODUÇÃOA gastrite é uma doença inflamatória que acomete a camada detecido mais superficial que reveste o estômago, chamada demucosa gástrica. Esta inflamação é uma resposta do organismoquando ocorre uma agressão à sua integridade.
  3. 3. CAUSASA gastrite pode ter como causa inúmeros fatores: Helicobacter pylori: esta bactéria tem a capacidade de viverdentro da camada do muco protetor do estômago. Sua prevalênciaé extremamente alta e a transmissão pode ser oral-oral ou fecal-oral. A transmissão não é feita pela bactéria em si, mas pelassubstâncias por ela produzidas, que agridem a mucosa, podendolevar a gastrite e úlcera péptica, além de aumentar o risco dedesenvolvimento de câncer de estômago; Aspirina (bem como outros anti-inflamatórios não esteroidais):podem levar á gastrite quando usada por longo período; Álcool: pode levar a inflamação e lesão da mucosa gástrica,principalmente quando utilizado em excesso.
  4. 4. CAUSASOutras formas menos comuns são gastrites linfocítica eeosinofílica, gastrite granulomatosa isolada e gastrite associadaa outras doenças, como sarcoidose e doença de Crohn. Agastrite também pode ocorrer em pacientes internados porlongo tempo em unidades de tratamento intensivo e nosgrandes queimados.
  5. 5. SINTOMASA gastrite pode ser completamente assintomática, principalmentenos casos crônicos. Na fase aguda, os sintomas são maisevidentes e se caracterizam por:Desconforto na região abdominal, podendo ser dor ouqueimação, que melhora com a ingestão de alimentos;Náuseas e vômitos, geralmente acompanhados dedesconforto;Saciedade precoce, com perda do apetite;Se a gastrite levar à formação de úlceras gástricashemorrágicas, pode haver a eliminação de sanguedigerido nas fezes (ficam escuras) ou nos vômitos.
  6. 6. DIAGNÓSTICO• O médico suspeita de gastrite quando o paciente relata apresença dos sintomas listados anteriormente. Faz-se,então, umainvestigação dos hábitos alimentares do paciente, do uso demedicamentos, do consumo de bebidas alcoólicas e se há outrasdoenças diagnosticadas. A partir daí, se a suspeita for alta, podem-se solicitar alguns exames laboratoriais específicos.• A confirmação diagnóstica da gastrite é feita pela endoscopiadigestiva alta, quando o médico visualiza a membrana gástricalesada e colhe fragmentos (biópsia) para exame citológico.
  7. 7. TRATAMENTO• Procurar um médico aos primeiros sinais da doença éfundamental para a indicação do melhor tratamento para cadacaso.• Somente o especialista poderá orientar o paciente em relaçãoaos procedimentos adequados e ao uso de remédios.
  8. 8. • O tratamento deve ser feito com medicamentosespecíficos, conhecidos como bloqueadores da secreção ácida doestômago.• Além disso, é fundamental orientar o paciente quanto ànecessidade de seguir uma dieta adequada, pobre em gorduras ecafeína, entre outros. A ingestão de álcool não é permitida.• No caso de gastrite aguda causada pelo uso de aspirina e/ou anti-inflamatórios, sua suspensão é essencial.TRATAMENTO
  9. 9. PREVENÇÃO• Medidas de prevenção eficazes incluem:• A higiene individual, a melhoria das condições sanitárias e daágua de consumo doméstico fazem decrescer significativamente onúmero de vítimas das infecções alimentares.Evitar o abuso debebidas alcoólicas efumo.Moderar o uso desubstâncias quecontenhamcafeína,seguindoa tolerânciaindividual.Evitar o uso demedicaçãoirritativa, comoaspirina e anti-inflamatórios nãohormonais.
  10. 10. Procure sempre o seu médico.Fontes:www.ache.com.br/.../Gastroenterologia-Gastrite.aspxwww.pancreas.com.br/pancreas_web_010.htmwww.sitemedico.com.br/sm/materias/index.php?...Editora médica: Dra. Anna Gabriela Fuks (615039-RJ)Jornalista responsável: Roberto Maggessi (31.250 RJ)

×