SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 26
Baixar para ler offline
COMUNICAÇÃO VISUAL
              O CARTAZ
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                               O CARTAZ

•   O cartaz (também chamado poster) é
    um meio publicitário de grande eficácia,
    se for bem concebido.
•   Reúne texto e imagem procurando ser
    um meio de comunicar mensagens
    apelativas e informativas.
•   É executado normalmente em papel,
    afixado de forma que seja visível em
    locais públicos.
•   A sua função principal é a de divulgar
    informação visualmente, mas também
    tem sido apreciada a sua função
    estética.
•   Além da sua importância como meio de
    publicidade e de informação visual, o
    cartaz possui um valor histórico como
    meio de divulgação em importantes
    movimentos de carácter político ou
    artístico.
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                                             O CARTAZ
- Os primeiros cartazes datam do séc. XV. O seu objectivo era divulgar decisões
tomadas pelo governo.
- No séc. XVIII a sua utilização já era mais frequente. Anunciavam produtos comerciais
e industriais.
- Com a impressão, o cartaz generaliza-se (séc. XIX em França).
- No séc. XX, com a fotografia o cartaz adquiriu as características actuais.




       Séc. XVIII                   Séc. XIX-XX                       1907
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                                TIPOS DE CARTAZES
•   CARTAZES DE RUA                             •   CARTAZES DE INTERIORES
    - têm a finalidade de atrair a atenção de       - destinam-se a pequenos grupos. Estes
    quem passa e a mensagem               que       podem ser lidos com mais atenção e
    transmite deve conseguir ser captada            podem conter mais informação.
    por muitas pessoas ao mesmo tempo.
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                               O CARTAZ - FUNÇÕES
O cartaz é constituído por texto, imagem e cor e pode ser usado com diferentes funções:
                                                      FUNÇÃO APELATIVA
    FUNÇÃO INFORMATIVA                      Esta função é mais usada na publicidade, para
   A função deste cartaz é informar.        convencer o público a consumir determinado
                                            produto ou sensibilizá-lo para determinadas
                                            campanhas de solidariedade ou prevenção .
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                                                             O CARTAZ
Na realização de um cartaz é necessário ter em atenção o público a que se destina.
Um cartaz destinado a um público infantil, tem de ser diferente daquele cujo objectivo é um público adulto.




Um cartaz deve atrair a atenção do observador e transmitir a sua mensagem de forma eficaz.
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                                 O CARTAZ - EXECUÇÃO
                                                   Fazer um estudo prévio de:
                                                   •   Que tipo de imagem transmite a melhor ideia?
                                                   •   Que tipo de letras pretendes usar?
                                                   •   Como organizar da melhor forma os elementos
Antes do projecto:                                     de texto, imagem e cor?
•   Escolher o tema ou assunto a tratar;           •   Escolhe a técnica adequada, guache, colagem,
•   Decidir o conteúdo da mensagem principal           aguarela, etc.
    do cartaz;
•   A quem se destina a mensagem?
•   Onde vai ser colocado? (exterior, interior?)
•   Formato e dimensões.
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                         ELEMENTOS DE UM CARTAZ
•   Texto – deve ser curto, sugestivo, de fácil memorização e compreensão. Nos cartazes de
    interior o texto pode ser um pouco maior.
•   Imagem – o desenho, pintura ou colagem, tem de transmitir a ideia correcta daquilo que se
    quer dizer.
•   Cor – A cor permite realçar ou atenuar as formas.
•   Composição ou organização do espaço – é essencial para uma leitura clara e fácil da
    mensagem
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                   O CARTAZ – texto publicitário
O texto do cartaz
•   O texto deve ser curto e legível para potenciar em poucas palavras a imagem do
    produto.


Geralmente, o texto publicitário é constituído por:
•   marca: nome do produto ou serviço; deve ser pequeno, fácil de pronunciar e fácil
    de memorizar;

•   slogan: frase identificativa do produto ou serviço; deve ser breve, afirmativa;

•   comentário: texto motivador do interesse; tem de ser curto, persuasivo, justificar
    o desejo de possuir o que imagem mostra;

•   o comentário pode também exercer a sua função se for capaz de fixar esse
    interesse pela originalidade da mensagem que transmite, evitando, acima de tudo,
    cansar o leitor e não o deixando pensar muito.
COMUNICAÇÃO VISUAL
      O CARTAZ – texto publicitário
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                              O CARTAZ – texto do cartaz

•   A letra pode variar em relação à FORMA, TAMANHO, ESPESSURA E COR.
•   O espaço entre as letras de uma mesma letra é regular (é o mesmo).
•   Letras maiúsculas têm todas o mesmo tamanho.
•   As letras de um cartaz podem ser recortadas (revistas, jornais, etc).
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                  O CARTAZ – texto do cartaz

ANTES DE COMEÇAR A DESENHAR AS LETRAS DEVES ESCOLHER:
   - Quais as frases que devem ficar em destaque;
   - Tipo de letra mais adequada;
   - Estudo adequado do espaço necessário para escrever a frase (tendo em conta o
   tamanho, espessura e espaço entre letra e linhas).
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                                           O CARTAZ - Imagem
A imagem adquire particular importância no cartaz, pois é geralmente o seu elemento
      fundamental de comunicação.
• A imagem entra apenas por alguns instantes no nosso campo visual e deve, por isso,
      exprimir muito directa e sinteticamente a mensagem.
• A sua escolha deve obedecer a algumas regras de comunicação:
 - a imagem deve ser simples e directa;
 - não há necessidade de usar muitas cores; um grande número de cores torna a imagem
      confusa e, portanto, pouco legível.
COMUNICAÇÃO VISUAL
                                             O CARTAZ – COMPOSIÇÃO

  A forma de um cartaz é geralmente rectangular e disposto na vertical




• Existem dois centros:
  P – centro geométrico
  O - Centro óptico

P é o centro do cartaz;
O é para onde converge o
   olhar do observador
   (ponto importante).
Veja muitos animais no nosso hotel
Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos
Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos
Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos
Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - MídiaIntrodução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
Introdução à Publicidade e Propaganda - Aula 05 - Mídia
 
Cartaz
CartazCartaz
Cartaz
 
Aula 05 linguagem visual
Aula 05   linguagem visualAula 05   linguagem visual
Aula 05 linguagem visual
 
Cartaz
CartazCartaz
Cartaz
 
Redação Publicitária - Associação de ideias na publicidade: criatividade
Redação Publicitária - Associação de ideias na publicidade: criatividadeRedação Publicitária - Associação de ideias na publicidade: criatividade
Redação Publicitária - Associação de ideias na publicidade: criatividade
 
Comunicação visual
Comunicação visualComunicação visual
Comunicação visual
 
TEXTURAS ed. visual
TEXTURAS   ed. visualTEXTURAS   ed. visual
TEXTURAS ed. visual
 
Genero Textual Cartaz
Genero Textual CartazGenero Textual Cartaz
Genero Textual Cartaz
 
Construindo um cartaz
Construindo um cartazConstruindo um cartaz
Construindo um cartaz
 
Texturas
TexturasTexturas
Texturas
 
Estudo do Cartaz - 2019
Estudo do Cartaz  - 2019Estudo do Cartaz  - 2019
Estudo do Cartaz - 2019
 
Comunicacao Visual
Comunicacao VisualComunicacao Visual
Comunicacao Visual
 
Anúncio publicitário (exercícios)
Anúncio publicitário (exercícios)Anúncio publicitário (exercícios)
Anúncio publicitário (exercícios)
 
O que é identidade visual
O que é identidade visualO que é identidade visual
O que é identidade visual
 
Briefing
BriefingBriefing
Briefing
 
Cartaz
CartazCartaz
Cartaz
 
Como fazer-um-cartaz-1232140868392261-1
Como fazer-um-cartaz-1232140868392261-1Como fazer-um-cartaz-1232140868392261-1
Como fazer-um-cartaz-1232140868392261-1
 
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADEETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
 
Aula 2 composição visual
Aula  2 composição visualAula  2 composição visual
Aula 2 composição visual
 
Introdução ao Briefing
Introdução ao BriefingIntrodução ao Briefing
Introdução ao Briefing
 

Destaque (11)

Conjunções (Linking Words)
Conjunções (Linking Words)Conjunções (Linking Words)
Conjunções (Linking Words)
 
Gênero textual Resenha
Gênero textual ResenhaGênero textual Resenha
Gênero textual Resenha
 
Vários tipos de cartazes
Vários tipos de cartazesVários tipos de cartazes
Vários tipos de cartazes
 
Resenha crítica
Resenha crítica Resenha crítica
Resenha crítica
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textual
 
Orações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiaisOrações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiais
 
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTAAULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
 
Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerencia
 
Funções sintáticas da frase
Funções sintáticas da fraseFunções sintáticas da frase
Funções sintáticas da frase
 
Funções sintáticas e modificadores
Funções sintáticas e modificadoresFunções sintáticas e modificadores
Funções sintáticas e modificadores
 
Oracoes subordinadas
Oracoes subordinadasOracoes subordinadas
Oracoes subordinadas
 

Semelhante a Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos

Como elaborar um cartaz?
Como elaborar um cartaz?Como elaborar um cartaz?
Como elaborar um cartaz?sandy
 
Estudo do cartaz
Estudo do cartazEstudo do cartaz
Estudo do cartazRui F
 
Design Estratégico e Comunicação
Design Estratégico e ComunicaçãoDesign Estratégico e Comunicação
Design Estratégico e ComunicaçãoGustavo Fischer
 
Como elaborar um cartaz v1
Como elaborar um cartaz v1Como elaborar um cartaz v1
Como elaborar um cartaz v1António Sérgio
 
A sociedade do som e da imagem
A sociedade do som e da imagemA sociedade do som e da imagem
A sociedade do som e da imagemguest4df4925
 
Projeto planfleto
Projeto planfletoProjeto planfleto
Projeto planfletoJaiza Nobre
 
Mutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara Peixoto
Mutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara PeixotoMutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara Peixoto
Mutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara PeixotoMayara Peixoto
 
3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto
3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto
3º elaboração de_novo_cartaz_fantasportoLeonor Tomás
 
ApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO PublicidadeApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO PublicidadeMARIA NOGUE
 

Semelhante a Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos (20)

Ppt cartaz
Ppt cartazPpt cartaz
Ppt cartaz
 
Cartaz
CartazCartaz
Cartaz
 
Como elaborar um cartaz?
Como elaborar um cartaz?Como elaborar um cartaz?
Como elaborar um cartaz?
 
Estudo do cartaz
Estudo do cartazEstudo do cartaz
Estudo do cartaz
 
O cartaz
O cartazO cartaz
O cartaz
 
O cartaz
O cartazO cartaz
O cartaz
 
Design Estratégico e Comunicação
Design Estratégico e ComunicaçãoDesign Estratégico e Comunicação
Design Estratégico e Comunicação
 
ANÚNCIO PUBLICITÁRIO.pptx
ANÚNCIO PUBLICITÁRIO.pptxANÚNCIO PUBLICITÁRIO.pptx
ANÚNCIO PUBLICITÁRIO.pptx
 
AD PROPAGANDA.pptx
AD PROPAGANDA.pptxAD PROPAGANDA.pptx
AD PROPAGANDA.pptx
 
Como elaborar um cartaz v1
Como elaborar um cartaz v1Como elaborar um cartaz v1
Como elaborar um cartaz v1
 
O cartaz grupo4
O cartaz grupo4O cartaz grupo4
O cartaz grupo4
 
A sociedade do som e da imagem
A sociedade do som e da imagemA sociedade do som e da imagem
A sociedade do som e da imagem
 
P mt5
P mt5P mt5
P mt5
 
cartaz.ppt
cartaz.pptcartaz.ppt
cartaz.ppt
 
Jornal e revista
Jornal e revistaJornal e revista
Jornal e revista
 
Meios vantagens e desvantagens 01
Meios   vantagens e desvantagens 01Meios   vantagens e desvantagens 01
Meios vantagens e desvantagens 01
 
Projeto planfleto
Projeto planfletoProjeto planfleto
Projeto planfleto
 
Mutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara Peixoto
Mutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara PeixotoMutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara Peixoto
Mutirao da Diocese - Palestra de Comunicacao Visual - by Mayara Peixoto
 
3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto
3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto
3º elaboração de_novo_cartaz_fantasporto
 
ApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO PublicidadeApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO Publicidade
 

Mais de Ricardo Gouveia

Mais de Ricardo Gouveia (10)

Geometria1
Geometria1Geometria1
Geometria1
 
Poster concurso joeiras_2011
Poster concurso joeiras_2011Poster concurso joeiras_2011
Poster concurso joeiras_2011
 
Regulamento joeiras ilheu[2012]
Regulamento joeiras ilheu[2012]Regulamento joeiras ilheu[2012]
Regulamento joeiras ilheu[2012]
 
Poster concurso joeiras_2011
Poster concurso joeiras_2011Poster concurso joeiras_2011
Poster concurso joeiras_2011
 
A cor
A corA cor
A cor
 
Reajustamento educ visual[1]
Reajustamento educ visual[1]Reajustamento educ visual[1]
Reajustamento educ visual[1]
 
Articulação do manual com as competências específicas e o ajust
Articulação do manual com as competências específicas e o ajustArticulação do manual com as competências específicas e o ajust
Articulação do manual com as competências específicas e o ajust
 
A cor
A corA cor
A cor
 
A cor
A corA cor
A cor
 
A cor
A corA cor
A cor
 

Último

A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...DominiqueFaria2
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSdjgsantos1981
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 

Último (20)

A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 

Cartaz sobre comunicação visual e seus elementos

  • 2. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ • O cartaz (também chamado poster) é um meio publicitário de grande eficácia, se for bem concebido. • Reúne texto e imagem procurando ser um meio de comunicar mensagens apelativas e informativas. • É executado normalmente em papel, afixado de forma que seja visível em locais públicos. • A sua função principal é a de divulgar informação visualmente, mas também tem sido apreciada a sua função estética. • Além da sua importância como meio de publicidade e de informação visual, o cartaz possui um valor histórico como meio de divulgação em importantes movimentos de carácter político ou artístico.
  • 3. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ - Os primeiros cartazes datam do séc. XV. O seu objectivo era divulgar decisões tomadas pelo governo. - No séc. XVIII a sua utilização já era mais frequente. Anunciavam produtos comerciais e industriais. - Com a impressão, o cartaz generaliza-se (séc. XIX em França). - No séc. XX, com a fotografia o cartaz adquiriu as características actuais. Séc. XVIII Séc. XIX-XX 1907
  • 4. COMUNICAÇÃO VISUAL TIPOS DE CARTAZES • CARTAZES DE RUA • CARTAZES DE INTERIORES - têm a finalidade de atrair a atenção de - destinam-se a pequenos grupos. Estes quem passa e a mensagem que podem ser lidos com mais atenção e transmite deve conseguir ser captada podem conter mais informação. por muitas pessoas ao mesmo tempo.
  • 5. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ - FUNÇÕES O cartaz é constituído por texto, imagem e cor e pode ser usado com diferentes funções: FUNÇÃO APELATIVA FUNÇÃO INFORMATIVA Esta função é mais usada na publicidade, para A função deste cartaz é informar. convencer o público a consumir determinado produto ou sensibilizá-lo para determinadas campanhas de solidariedade ou prevenção .
  • 6.
  • 7. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ Na realização de um cartaz é necessário ter em atenção o público a que se destina. Um cartaz destinado a um público infantil, tem de ser diferente daquele cujo objectivo é um público adulto. Um cartaz deve atrair a atenção do observador e transmitir a sua mensagem de forma eficaz.
  • 8. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ - EXECUÇÃO Fazer um estudo prévio de: • Que tipo de imagem transmite a melhor ideia? • Que tipo de letras pretendes usar? • Como organizar da melhor forma os elementos Antes do projecto: de texto, imagem e cor? • Escolher o tema ou assunto a tratar; • Escolhe a técnica adequada, guache, colagem, • Decidir o conteúdo da mensagem principal aguarela, etc. do cartaz; • A quem se destina a mensagem? • Onde vai ser colocado? (exterior, interior?) • Formato e dimensões.
  • 9. COMUNICAÇÃO VISUAL ELEMENTOS DE UM CARTAZ • Texto – deve ser curto, sugestivo, de fácil memorização e compreensão. Nos cartazes de interior o texto pode ser um pouco maior. • Imagem – o desenho, pintura ou colagem, tem de transmitir a ideia correcta daquilo que se quer dizer. • Cor – A cor permite realçar ou atenuar as formas. • Composição ou organização do espaço – é essencial para uma leitura clara e fácil da mensagem
  • 10. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ – texto publicitário O texto do cartaz • O texto deve ser curto e legível para potenciar em poucas palavras a imagem do produto. Geralmente, o texto publicitário é constituído por: • marca: nome do produto ou serviço; deve ser pequeno, fácil de pronunciar e fácil de memorizar; • slogan: frase identificativa do produto ou serviço; deve ser breve, afirmativa; • comentário: texto motivador do interesse; tem de ser curto, persuasivo, justificar o desejo de possuir o que imagem mostra; • o comentário pode também exercer a sua função se for capaz de fixar esse interesse pela originalidade da mensagem que transmite, evitando, acima de tudo, cansar o leitor e não o deixando pensar muito.
  • 11. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ – texto publicitário
  • 12. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ – texto do cartaz • A letra pode variar em relação à FORMA, TAMANHO, ESPESSURA E COR. • O espaço entre as letras de uma mesma letra é regular (é o mesmo). • Letras maiúsculas têm todas o mesmo tamanho. • As letras de um cartaz podem ser recortadas (revistas, jornais, etc).
  • 13. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ – texto do cartaz ANTES DE COMEÇAR A DESENHAR AS LETRAS DEVES ESCOLHER: - Quais as frases que devem ficar em destaque; - Tipo de letra mais adequada; - Estudo adequado do espaço necessário para escrever a frase (tendo em conta o tamanho, espessura e espaço entre letra e linhas).
  • 14. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ - Imagem A imagem adquire particular importância no cartaz, pois é geralmente o seu elemento fundamental de comunicação. • A imagem entra apenas por alguns instantes no nosso campo visual e deve, por isso, exprimir muito directa e sinteticamente a mensagem. • A sua escolha deve obedecer a algumas regras de comunicação: - a imagem deve ser simples e directa; - não há necessidade de usar muitas cores; um grande número de cores torna a imagem confusa e, portanto, pouco legível.
  • 15. COMUNICAÇÃO VISUAL O CARTAZ – COMPOSIÇÃO A forma de um cartaz é geralmente rectangular e disposto na vertical • Existem dois centros: P – centro geométrico O - Centro óptico P é o centro do cartaz; O é para onde converge o olhar do observador (ponto importante).
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22. Veja muitos animais no nosso hotel