O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Fontes de Informação Bibliográficas na Área
de Saúde: conteúdo, funcionalidade e
recuperação da informação
Prof. Marcelo B...
Introdução
Fontes
de
Informação
Introdução
Fonte de Informação
“É qualquer recurso que responda uma
demanda por parte dos usuários, incluindo
produtos e s...
Objetivos
• Geral:
Identificar e analisar as fontes de
informação bibliográficas para pesquisa na
área de saúde.
Objetivos
• Específicos:
– Identificar o processo de recuperação da informação em
fontes de informação bibliográficas de a...
Material e Métodos
Identificação das Fontes de Informação
Caracterização das Fontes de Informação
Recuperação da informaçã...
Material e Métodos
Síndrome da Imunodeficiência
adquirida
SIDA
Acquired Immunodeficiency
Syndrome
AIDS
Período de 30 anos
...
Material e Métodos
Recuperação da
Informação
Funcionalidades do
Sistema
Conteúdo do Sistema
COMENTÁRIOS
33 questões 22 que...
Material e Métodos
2013 a 2014
Escala de Osgood
de Diferenciação Semântica
(Osgood, Suci, Tannenbaun, 1957)
• Para avaliaç...
Resultados
Identificação
Diferenças conceituais
Caracterização
Recuperação da
informação
Resultados
Tabela 1- Número de Fontes de Informação pesquisadas pelos
bibliotecários e usuários
* número de fontes de info...
Resultados
Figura 1 - Categorias profissionais que responderam as cinco
fontes de informação
Tabela 2 - Número total de respostas na faixa de 7 a 9 de satisfação referente às
Fontes de Informação pesquisadas pelos b...
Não possui análise de citação
PUBMED/MEDLINE
Resultados
Pontos Fortes Pontos Fracos
Disponibiliza citações que antecedem a...
Não possui histórico de pesquisas
LILACS
Resultados
Pontos Fortes Pontos Fracos
Disponibiliza artigos antes de serem
index...
SCIELO
Resultados
Pontos Fortes Pontos Fracos
Todos as publicações possuem acesso aberto
ao texto completo
Possui análise ...
SCOPUS
Resultados
Pontos Fortes Pontos Fracos
Faz análise de citação por diversos campos de
busca
Não possui acesso a Voca...
WEB OF SCIENCE
Resultados
Pontos Fortes Pontos Fracos
Não possui acesso a Vocabulário Controlado
Faz análise de citação po...
Considerações Gerais
• A Scopus, atualmente, é a fonte com maior
quantidade de citações e a Web of Science tornou-se
a seg...
Considerações Gerais
• Os critérios de seleção de periódicos são muito
semelhantes.
• A avaliação dos periódicos da Web of...
OBRIGADO!
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidade e recuperação da informação

80 visualizações

Publicada em

Pôster apresentado no CRICS10, no eixo temático de Gestão da Informação

Publicada em: Saúde
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidade e recuperação da informação

  1. 1. Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidade e recuperação da informação Prof. Marcelo Barbosa Doutorando em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo Profa. Dra. Maria de Fátima Costa Pires Orientadora e Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo
  2. 2. Introdução Fontes de Informação
  3. 3. Introdução Fonte de Informação “É qualquer recurso que responda uma demanda por parte dos usuários, incluindo produtos e serviços de informação, pessoas ou rede de pessoas, programas de computador” (Pellizzon et al., 2003).
  4. 4. Objetivos • Geral: Identificar e analisar as fontes de informação bibliográficas para pesquisa na área de saúde.
  5. 5. Objetivos • Específicos: – Identificar o processo de recuperação da informação em fontes de informação bibliográficas de acesso livre e controlado. – Identificar pontos fortes e fracos das fontes de informação bibliográficas de acesso livre e controlado – Avaliar o grau de satisfação da recuperação da informação nas fontes de informação bibliográficas de acesso livre e controlado, por bibliotecários e usuários.
  6. 6. Material e Métodos Identificação das Fontes de Informação Caracterização das Fontes de Informação Recuperação da informação nas Fontes de Informação Pontos fortes e fracos das fontes de informação
  7. 7. Material e Métodos Síndrome da Imunodeficiência adquirida SIDA Acquired Immunodeficiency Syndrome AIDS Período de 30 anos (1984 – 2014) Acesso Livre Acesso Controlado PubMed/ MEDLINE LILACS SciELO Scopus Web of Science
  8. 8. Material e Métodos Recuperação da Informação Funcionalidades do Sistema Conteúdo do Sistema COMENTÁRIOS 33 questões 22 questões
  9. 9. Material e Métodos 2013 a 2014 Escala de Osgood de Diferenciação Semântica (Osgood, Suci, Tannenbaun, 1957) • Para avaliação utilizou-se os valores: – de 0 a 3 para insatisfeito – de 4 a 6 indiferente e – de 7 a 9 satisfeito
  10. 10. Resultados Identificação Diferenças conceituais Caracterização Recuperação da informação
  11. 11. Resultados Tabela 1- Número de Fontes de Informação pesquisadas pelos bibliotecários e usuários * número de fontes de informação ** número de fontes de informação respondidas Fontes de Informação Total de participantes 1* 2 3 4 5 Número de participantes que não responderam Bibliotecários 1** 0 1 0 8 5 15 Usuários 6 1 4 2 7 13 33 Total 15 48
  12. 12. Resultados Figura 1 - Categorias profissionais que responderam as cinco fontes de informação
  13. 13. Tabela 2 - Número total de respostas na faixa de 7 a 9 de satisfação referente às Fontes de Informação pesquisadas pelos bibliotecários e usuários, segundo o Conteúdo do Sistema, Funcionalidades do Sistema e Recuperação da Informação *B – Bibliotecários ** U – Usuários ***Número total de respostas dadas na faixa de 7 a 9 de satisfação Resultados Fontes de Informação Lilacs PubMed Scielo Scopus Web of Science B* U** B U B U B U B U N*** N N N N N N N N N Conteúdo do Sistema 62 26 57 30 56 16 69 35 61 33 Funcionalidades do Sistema 57 32 60 27 63 26 76 41 64 35 Recuperação da Informação 65 37 78 44 67 32 88 51 75 53 TOTAL 184 95 195 101 186 74 233 127 200 121
  14. 14. Não possui análise de citação PUBMED/MEDLINE Resultados Pontos Fortes Pontos Fracos Disponibiliza citações que antecedem a publicação Possui histórico de pesquisa editável Possui acesso ao Vocabulário Controlado MeSH Há inconsistências nos resultados de busca classificados por relevância
  15. 15. Não possui histórico de pesquisas LILACS Resultados Pontos Fortes Pontos Fracos Disponibiliza artigos antes de serem indexados (Lilacs Express) Possui acesso a Vocabulário Controlado DeCS Há duplicidade de registros Filtro de Data de Publicação desordenado Possui acesso aberto a grande parte das publicações
  16. 16. SCIELO Resultados Pontos Fortes Pontos Fracos Todos as publicações possuem acesso aberto ao texto completo Possui análise de citações Citações são indexadas por Palavras-chave Não possui histórico de pesquisas Não faz ordenação de resultados
  17. 17. SCOPUS Resultados Pontos Fortes Pontos Fracos Faz análise de citação por diversos campos de busca Não possui acesso a Vocabulário Controlado Possui acesso ao texto completo de parte das citações e histórico de pesquisa editável Possui o maior número de citações
  18. 18. WEB OF SCIENCE Resultados Pontos Fortes Pontos Fracos Não possui acesso a Vocabulário Controlado Faz análise de citação por diversos campos de busca Possui histórico de pesquisa editável Possui 2º maior número de citações
  19. 19. Considerações Gerais • A Scopus, atualmente, é a fonte com maior quantidade de citações e a Web of Science tornou-se a segunda maior. • PubMed/MEDLINE e LILACS possuem acesso a MeSH e DeCS. • Web of Science, Scopus e SciELO apresentam ferramentas de análise de citações.
  20. 20. Considerações Gerais • Os critérios de seleção de periódicos são muito semelhantes. • A avaliação dos periódicos da Web of Science é contínua e das outras fontes é fixa. • Bibliotecários e Usuários apresentaram satisfações divergentes entre a LILACS e a SciELO. • Scopus considerada a melhor fonte seguida da Web of Science, PubMed/MEDLINE, LILACS e SciELO.
  21. 21. OBRIGADO!

×